AERO Magazine

ENTRE CRISES

Desde 1997, acompanho de perto o desempenho do mercado de helicópteros utilizados em missões de negócios no Brasil. Há cerca de duas décadas e meia, o país vivia um verdadeiro boom nas vendas de aeronaves com asas rotativas novas, por influência de dois fatores que se complementavam perfeitamente.

PLANO REAL

Criado em 1º de julho de 1994, o Plano Real tinha entre seus principais objetivos favorecer tanto a estabilização da inflação como a indexação do dólar à nova moeda brasileira. Ou seja, entre 1994 e 1999, um real valia exatamente um dólar – na verdade, em outubro de 1994, o dólar chegou a custar cerca de 0,82 real. Portanto, um helicóptero de um milhão de dólares, grosso modo, custava um milhão de reais – não era preciso saber sequer tabuada para fazer a conversão. Era fácil e

Você está lendo uma amostra, registre-se para ler mais.

Mais de AERO Magazine

AERO MagazineLeitura de 5 mins
Os Evtol Têm Futuro?
A nova geração de veículos urbanos com múltiplos motores elétricos, que vem ganhando bastante notoriedade no mercado, suscita mais incertezas do que a indústria gostaria de admitir. A tecnologia não é nova, remonta ao século 20. Trata-se de um concei
AERO MagazineLeitura de 4 mins
Daher Nos Eua
A francesa Daher marcou a expansão de sua presença industrial nos Estados Unidos ao concluir a aquisição da Triumph, empresa especializada na montagem de aeroestruturas metálicas e materiais compostos e localizada em Stuart, Flórida. Com a conclusão
AERO MagazineLeitura de 6 mins
Quem Voa O Que No Brasil
A pandemia teve um impacto significativo na aviação de negócios. No Brasil, a frota de aeronaves utilizadas para transporte privado e fretamentos vem crescendo desde o início da crise sanitária, sem a perspectiva de arrefecimento dessa demanda no cur