L'OFFICIEL BRASIL

Eterno rebelde

Logo na primeira coleção, Jean Paul Gaultier ganhou o apelido de “enfant terrible”, que fazia jus à atitude e às peças exibidas, repletas de combinações inesperadas e extremamente bem-feitas. Era 1977 e a atmosfera da época, totalmente disruptiva na moda, na música e no comportamento dos jovens. Inclusivo desde sempre, suas passarelas abriram espaço para a diversidade de belezas e idades, o apoio ao feminismo e

Você está lendo uma amostra, registre-se para ler mais.

Interesses relacionados

Mais de L'OFFICIEL BRASIL

L'OFFICIEL BRASILLeitura de 5 mins
Uma Questão De RESPEITO
Com muito orgulho, Patrícia Viera sempre destaca que é uma estilista “chão de fábrica”, do tipo que sempre dá um jeito de transformar uma indicação técnica de “não dá para fazer” por “vamos achar a solução”, independentemente do tamanho do desafio. F
L'OFFICIEL BRASILLeitura de 3 mins
Criando HISTÓRIA
Carla Pern P ambuco completa 30 anos de ccarreira na n gastronomia em 2022. Além da cozinha, a chef também encabeçou projetos como apresentadora de TV, escritora e empresária. Em um bate-papo com a L’Officiel Brasil, a alma do restaurante Carlota con
L'OFFICIEL BRASILLeitura de 3 mins
Retiro URBANO
Marcela Caio, empresária e fundadora da Theodora Home, fez a migração da carreira (das finanças para o design) depois de entender que o universo da decoração a motivava. Após dez anos atuando com a sua plataforma digital, carinhosamente chamada de TH