Guias Viaje Mais

CIDADE ALTA

PELOURINHO

Comece a viagem por Salvador caminhando sem pressa pela atração número um da cidade: o Pelourinho. Subir e descer suas ladeiras estreitas, com casinhas coloridas e calçamento pé-de-moleque (conhecido na região como cabeça-de-negro), já é, por si só, um programaço – tão obrigatório quanto se aventurar pelos acarajés, abarás, moquecas e outros sabores fortes que só a Bahia tem.

Declarado Patrimônio Cultural da Humanidade pela Unesco, o Pelô – como é carinhosamente chamado – reúne mais de 800 casarões restaurados dos séculos 17 e 18, onde hoje funcionam ateliês, lojas, centros culturais, museus, bares, restaurantes e pousadas.

SUBIR E DESCER AS LADEIRAS DO PELÔ, COM SUAS CASAS COLORIDAS E CALÇAMENTO PÉ-DE-MOLEQUE, JÁ É, POR SI SÓ, UM PROGRAMÃO

Muitos turistas circulam por ali de dia em busca de artesanato, roupas e antiguidades. Também é lá que a força dos orixás e o batuque dos tambores africanos pulsam mais forte. Num canto,

Você está lendo uma amostra, registre-se para ler mais.

Mais de Guias Viaje Mais

Guias Viaje MaisLeitura de 1 mins
Tulum
Não bastasse a praia de areia branquinha, Tulum ostenta um diferencial que a torna um dos destinos mais visitados do México: em nenhum outro lugar do país tem-se o privilégio de vislumbrar ruínas de templos milenares bem de frente para o mar, formand
Guias Viaje MaisLeitura de 1 mins
Santiago
Espremida entre os Andes e a Cordilheira da Costa, Santiago esbanja simpatia e modernidade. Entre os bairros boêmios estão Bellavista e Lastarria, fartos em cafés, barzinhos, lojas e hotéis. É na capital, aliás, que ficam os restaurantes mais sofisti
Guias Viaje MaisLeitura de 1 mins
Vinicunca
Durante muitos anos, as montanhas coloridas de Vinicunca, também conhecidas como Montanhas do ArcoÍrise, foram mantidas em segredo pelo povo Pampachiri. Para os nativos, o morro é sagrado e guarda pedras com poder de cura. Mas esse impressionante cen