Aproveite milhões de eBooks, audiolivros, revistas e muito mais

Apenas $11.99 por mês após o período de teste gratuito. Cancele quando quiser.

Rottweiler cães que marcaram época

Rottweiler cães que marcaram época

Ler a amostra

Rottweiler cães que marcaram época

Duração:
142 páginas
2 horas
Editora:
Lançados:
12 de out. de 2013
ISBN:
9781301285785
Formato:
Livro

Descrição

Este é um livro sobre a raça Rottweiler que difere de muitos já publicados. O assunto principal abordado neste livro abrange a descrição de mais de 140 cães que marcaram a história da raça como Ives Eulenspiegel, Noris vom Gruntenblick, Dingo vom Schwaiger Wappen, Balou vom Silberblick, Arko v. d. Wherter stadt, Gringo, Imperator e muitos outros.

Editora:
Lançados:
12 de out. de 2013
ISBN:
9781301285785
Formato:
Livro

Sobre o autor

I am 42 years old, I am from Fortaleza - CE - Brazil and I live in Santa Catarina. I am an electrical professor and my hobby is to breed and training Rottweilers. I like to write about the breed I love.


Relacionado a Rottweiler cães que marcaram época

Livros relacionados

Amostra do livro

Rottweiler cães que marcaram época - Luis Marques

Chapter 01

A origem do Rottweiler

Existem muitas teorias acerca da origem da raça Rottweiler. Dentre tantas, a mais difundida versa sobre a existência de um cão robusto que acompanhava as legiões Romanas por volta do ano 74 depois de Cristo. Esse cão já demonstrava, na época, grande aptidão para o trabalho, tanto de guarda quanto de pastoreio, realizando tais funções com extrema dedicação. A guarda dos mantimentos e o pastoreio do gado que acompanhava as legiões eram tarefas muito importantes para a época. Muito tempo depois, esses cães surgiram em uma cidade conhecida como Arae Flaviae. Posteriormente, após escavações, através das quais foram encontradas telhas artesanais vermelhas, a cidade se tornaria conhecida pelo nome de Rottweil (Das Rote Wil em alemão). O comércio, muito próspero na época, propiciou um intenso trânsito de comerciantes. Nesse momento histórico a raça ainda não era conhecida pelo nome que possui hoje. Eram denominados os cães de açougueiros. Esse cão despertou bastante interesse devido às suas qualidades inatas para o trabalho e passou então a ser comercializado. Relata-se que os rendimentos oriundos da atividade mercantil eram guardados em pequenas maletas que eram atreladas às coleiras desses cães. Alguns proprietários, que considero ser os primeiros criadores da raça Rottweiler, passaram a cruzar esses cães, selecionando os melhores exemplares para a reprodução. Com o tempo, o cão de açougueiro de Rottweil passou a ser chamado simplesmente de Rottweiler. Em 1901 foi fundado o Leonberger club e pela primeira vez o Rottweiler foi tratado de acordo com a cultura cinófila, na forma de um padrão oficial para a raça. Um detalhe interessante é que os primeiros rottweileres não possuíam a cabeça tão pesada como os Rottweilers atuais. Por volta do ano de 1910 sua nobreza e aptidão para o trabalho fizeram com que a raça fosse então reconhecida como um cão de polícia. Em 1921, mais precisamente no dia 14 de Agosto, foi fundado o Clube Geral Alemão do Rottweiler, em Alemão, Algemeiner Deutscher Rottweiler Klub, ou ADRK. Desde então, até os dias atuais, este clube, sediado na Alemanha, comanda tudo o que diz respeito ao Rottweiler, incluindo o padrão oficial para a raça. Muitos cães fazem parte da história da raça Rottweiler. Dentre eles, pilares sobre os quais foi erguido o Rottweiler moderno como: Argo vom morepos, Lord von der teck, Arco vom Torfwerk, Hackel vom Kohlerwald, Duuck Von der Nedermolen, Ives Eulenspiegel e muitos outros.

Chapter 02

O padrão resumido, comentado e ilustrado

O padrão oficial para a raça Rottweiler, de acordo com A Federação Internacional de Cinofilia, FCI, sediada na Bélgica, data de 19 de Junho de 2000. Apresento aqui neste capítulo os pontos que julgo mais importantes para o iniciante, de tal forma que seja possível começar a entender o que se espera de um exemplar da raça Rottweiler.

Aparência geral

De acordo com o padrão oficial, o Rottweiler é um cão médio para grande, nem leve e nem grosseiro, formando um conjunto compacto capaz de exprimir potência e agilidade ao mesmo tempo. Portanto, a meu ver, essa seria a chave para se iniciar a análise de um Rottweiler: a busca por um conjunto compacto. Essa busca começa com o criador e termina com a análilse do Juiz, onde ambos buscam por uma estrutura proporcional e harmônica, dentro do padrão, com poucas faltas, capaz de proporcionar tal impressão. Cães leves, tanto em ossatura quanto em musculutarua são passíveis de serem severamente penalizados. Machos com características femeninas ou fêmeas com características masculinas caracterizam uma desqualificação.

O temperamento

Neste ponto o padrão é bem claro quando afirma que o Rottweiler deve possuir boa índole, amável com crianças, muito dedicado, obediente, dócil e ávido por trabalho. Ainda deve ser autoconfiante, corajoso e firme. Portanto, devem ser consideradas faltas distorções a essa diretriz. O padrão oficial determina ainda que comportamentos ansiosos, tímidos, covardes, excessivamente desconfiados e exemplares nervosos devem receber punição máxima: a desqualificação. Ao ser desqualificado o exemplar não deve ser utilizado para reprodução, evitando que tais características sejam transmitidas aos seus descendentes.

A cor do pêlo e as marcações

Já fui perguntado se o meu Rottweiler é do tipo preto. Em outra ocasião me perguntaram se todos os filhotes que nasceram na ninhada eram pretos, ou ainda, se alguns nasceram brancos. Muitas pessoas leigas desconhecem que o Rottweiler deve ser predominantemente preto com marcações bem definidas em castanho. As marcações em castanho encontram-se sobre os olhos, na face, no focinho, na garganta, no peito, nas pernas e sob a raiz da cauda. Um Rottweiler com marcação pobre pode ser penalizado, por ser considerada uma falta. Se houver ausência das marcações preta e castanho o Rottweiler deve ser desclassificado. A presença de manchas brancas também caracteriza uma desqualificação. Ainda sobre o pêlo, este é composto por pêlo e subpêlo. Se o pêlo for longo ou curto o exemplar pode ser penalizado. Porém, se o mesmo for nitidamente longo ou ondulado, o exemplar é passível de desqualificação.

A cabeça, os olhos, as orelhas e os lábios

A cabeça deve ser de comprimento médio, larga entre as orelhas, com um Stop bem definido. A pele da cabeça deve ser bem ajustada. Se o cão estiver em alerta, a pela da testa pode ficar ligeiramente enrugada. A pele da cabeça enrugada catacteriza uma falta. A arcada zigomática deve ser bem desenvolvida. Os lábios pretos com gengivas preferencialmente escuras, com comissura labial fechada. Os olhos de tamanho médio, amendoados, preferencialmente marrom escuro, mas sempre escuros e as pálpebras bem ajustadas. Olho claro é considerado uma falta grave e olho amarelo é considerado falta desqualificante. As orelhas devem possuir tamanho médio, formato triangular e de inserção alta. Se as orelhas forem de inserção muito baixa, voltadas para trás ou mal portadas, constituem uma falta, devendo o juiz penalizar o exemplar por estar se afastando do padrão oficial para a raça. O pescoço deve ser forte, moderadamente longo, musculoso e com ausência de pele solta.

O Peito, o dorso, a garupa e os membros

O peito do Rottweiler deve ser espaçoso, largo e profundo. O antepeito deve ser bem desenvolvido e as costelas bem arqueadas. O dorso deve ser reto, forte e firme. Tal retidão e firmeza aumentam a eficiência no movimento de translação. Idealmente, pensando apenas na eficiência durante o deslocamento, seria desejável que a coluna fosse completamente rígida. Entretanto, devido à necessidade em desempenhar outras funções, como, por exemplo, cavar e se enroscar, a coluna possui vértebras que permitem certa flexibilidade. Portanto, durante a movimentação, deseja-se um dorso firme, mas que permita o deslocamento lateral. Uma coluna com boa conformação e uma musculatura adequada resulta em um dorso reto e firme. A garupa não pode ser muito curta ou muito plana ou muito caída ou ainda muito longa. Os anteriores, vistos de frente, devem ser retos e moderadamente afastados. Os posteriores, vistos por trás, são retos e moderadamente afastados. A coxa deve fazer um ângulo obtuso com a garupa e com a perna, assim como a perna deve fazer um ângulo obtuso com o jarrete.

O maxilar, o focinho e os dentes

De acordo com o padrão oficial o maxilar deve ser forte e largo, com 42 dentes ao total, sendo que os incisivos devem apresentar mordedura em tesoura. A falta de um incisivo, ou de um canino, ou de um pré-molar ou de um molar, ou ainda se a mordida estiver prognata ou retorgnata caracteriza a desqualificação do exemplar. O focinho não deve ser nem curto nem alongado ao compará-lo proporcionalmente ao crânio. Essa questão relativa ao comprimento do focinho causa muita discussão. Uns defendem o focinho mais curto por ser mais bonito enquanto outros o focinho mais longo por facilitar a respiração quando o cão morde a manga durante o trabalho de proteção. A minha opinião é que o padrão oficial permite a subjetividade quando não estabelece limites numéricos para a proporção entre o focinho e o crânio. A cana nasal deve ser reta, larga na raiz, diminuindo moderadamente em direção à trufa. A trufa deve ser bem desenvolvida, sempre preta, mais para larga do que para redonda.

A movimentação

A movimentação do Rottweiler deve ser harmoniosa, permanente, cheia de energia e com um bom ritmo. Ele é um trotador. Durante o movimento o dorso permanece firme e relativamente estável.

A cauda

A última versão para o padrão oficial contém uma descrição para a cauda do Rottweiler, indicando que esta deve ser mantida íntegra. A cauda do Rottweiler, em condições naturais deve ser horizontal, como um prolongamento da linha superior. Em repouso pode ser caída. Possui duas funções muito importantes que são ajudar no equilíbrio quando o cão salta, além de direcionar o movimento na água, atuando como leme durante a natação. Se a cauda possuir inserção muito alta ou muito baixa o exemplar pode ser penalizada. Se a mesma estiver quebrada ou com forte desvio lateral é passível de desqualificação.

O talhe e o peso do Rottweiler

A altura e o peso variam de acordo com sexo do animal. Para o Rottweiler macho a altura pode varias entre 61 e 68 centímetros, medidos da cernelha do cão ao chão. A altura para uma fêmea adulta pode variar entre 56 e 63 centímetros nas mesmas condições de medição. Com relação ao peso, para os machos, este deve ser de aproximadamente 50kg. Já para as fêmeas, por possuírem constituição físicas menores, o peso deve ser de aproximadamente 42kg.

Chapter 03

Siglas, abreviaturas e nomes mais utilizados

Muitas siglas e abreviaturas são utilizadas dentro do meio cinófilo que regulamenta a raça Rottweiler. É importante compreender as abreviaturas para entender a descrição de um exemplar da raça. Teste seus conhecimentos e tente entender a descrição abaixo para um dos grandes nomes da raça Rottweiler.

INT CH, VDH CH, Mambo von der Crossener Ranch, BH, ZTP, SCHH/VPG III, IPO III, FH II, AD

Caso você não tenha compreendido a descrição acima, ao fim deste capítulo será possível entender exatamente o que significa cada abreviatura.

A criação do Rottweiler pretende um bom cão em termos de estrutura e com forte aptidão para o trabalho. Sabe-se que não se trata de tarefa fácil, uma vez que corrigir um lado muitas vezes implica em prejudicar o outro. Iniciando pelas provas de beleza, que analisam o cão do ponto de vista da sua estrutura, encontram-se muitas vezes siglas como: KS, WS, BS, ES, JBS, JKS, VDH. Mas o que significa cada uma dessas siglas? A sigla KS é a forma abreviada para klubsieger, que é uma palavra do idioma alemão. A tradução para klubsieger é campeão do clube, no caso, do clube ADRK. É o título mais importante para um cão da raça Rottweiler. O campeonato do clube ADRK é muito disputado, pois neste é possível encontrar os melhores Rottweileres do planeta. A sigla JKS é a abreviatura de jugendklubsieger, ou seja, campeão

Você chegou ao final dessa amostra. Cadastre-se para ler mais!
Página 1 de 1

Análises

O que as pessoas acham de Rottweiler cães que marcaram época

0
0 notas / 0 Análises
O que você achou?
Nota: 0 de 5 estrelas

Avaliações do leitor