Curta este título agora mesmo, além de milhões de outros, com um período de avaliação gratuita

Apenas $9.99/mês após o período de testes. Cancele quando quiser.

Coaching Ontológico

Coaching Ontológico

Ler amostra

Coaching Ontológico

avaliações:
3.5/5 (3 avaliações)
Comprimento:
224 página
2 horas
Editora:
Lançado em:
Jan 26, 2017
ISBN:
9781507171387
Formato:
Livro

Descrição

O Coaching ontológico é um paradigma diferente, um contexto distinto para que os objetivos sejam atingidos, seja no âmbito pessoal ou num trabalho em equipa. O Coach ontológico não diz aos formandos aquilo que devem fazer, não pressiona, não aconselha, nem recomenda, simplesmente explora, faz perguntas, apresenta interpretações genéricas, além disso, desafia com respeito os seus modelos mentais para desenvolver uma nova perspetiva que permita a descoberta de novas ações e possibilidades; e acompanha o desenvolvimento de ações que permitam o acesso aos resultados pretendidos.

Editora:
Lançado em:
Jan 26, 2017
ISBN:
9781507171387
Formato:
Livro

Sobre o autor

Miguel D’Addario is Italian, Molise, Colletorto. Born in Buenos Aires. Bachelor's degree in journalism, Master in education Social, Master in sociology and doctorate in communication Social by the University Complutense of Madrid. It has developed its experience in various fields of teaching, from vocational training to the level of University, both in Latin America and Europe. In addition is engineer industrial (UNC), technical superior in equipment industrial, maintenance and management. Educational technicians for all levels have published one hundred books, mostly. His books are in different learning centers and libraries in the world, as for example the University San Pablo of Peru, University Santo Domingo Dominican Republic, Ecuador University of San Gregorio, Universitat de València, Spain’s national library, National library of Argentina, University of Texas, Complutense University of Madrid, University of Toronto, Canada; University of Deusto, University of Illinois, University of Kansas, Libraries of the community of Madrid, Castilla y León, Andalucía, and País Vasco, British National Library, Harvard University, library of the Congress of the United States. PhD and essayist, has received awards and mentions of associations of writers, cultural centers, universities, and related sites. Equally as speaker, lecturer and researcher, in universities, centers educational, public and private. Author of book art: poetry, story and stories. Author of educational books, various levels and topics. Author of books of philosophy, ontology and metaphysics. Author of books of self-help and Coaching. His books are distributed in the five continents, are regular consultation in libraries in the world, and are registered in the catalogues, ISBNs and international bibliographic databases. They are translated into multiple languages and they can be found in the international bookstores, both on paper and in electronic version. ----------------------------------------- Miguel D’Addario es Italiano, Molise, Colletorto y nació en Buenos Aires. Licenciado en Periodismo, Máster en Educación Social, Máster en Sociología y Doctorado en Comunicación Social por la Universidad Complutense de Madrid. Ha desarrollado su experiencia en diversos campos de la docencia, desde la Formación Profesional hasta el nivel Universitario, tanto en Iberoamérica como en Europa. Además es ingeniero industrial (UNC), Técnico superior en equipos industriales, mantenimiento y gestión. Ha publicado una centena de libros, en su mayoría técnicos educativos para todos los niveles. Sus libros se encuentran en diferentes centros de estudios y bibliotecas del mundo, como por ejemplo la Universidad San Pablo de Perú, Universidad de Santo Domingo la República Dominicana, Universidad de San Gregorio de Ecuador, Universitat de Valencia, Biblioteca Nacional de España, Biblioteca Nacional de Argentina, Universidad de Texas, Universidad Complutense de Madrid, Universidad de Toronto, Canadá, Universidad de Deusto, Universidad de Illinois, Universidad de Kansas, Bibliotecas de la Comunidad de Madrid, Castilla y león, Andalucía, y País Vasco, Biblioteca Nacional Británica, Universidad de Harvard, Biblioteca del Congreso de los Estados Unidos. PhD y ensayista, ha recibido premios y menciones de Asociaciones de escritores, Centros Culturales, Universidades, y sedes afines. Igualmente como Ponente, Conferenciante e Investigador, en Universidades, Centros educacionales, públicos y privados. Autor de libros artísticos: Poesía, Cuento y Relatos. Autor de libros educativos, de variados niveles y temarios. Autor de libros de filosofía, ontología y metafísica. Autor de libros de Autoayuda y Coaching. Sus libros están distribuidos en los cinco Continentes, son de consulta asidua en Bibliotecas del mundo, y se encuentran inscritos en los catálogos, ISBNs y bases bibliográficas Internacionales. Son traducidos a múltiples idiomas y pueden encontrarse en los bookstores internacionales, tanto en formato papel como en versión electrónica.


Relacionado a Coaching Ontológico

Livros relacionados

Amostra do Livro

Coaching Ontológico - Miguel D'Addario

bibliográficas

Coaching

ontológico

(Transformação e desenvolvimento de si próprio)

Miguel D’Addario

Ph.D.

Tradução

Ana Lúcia Dias

––––––––

Terça edición

2017

CE

Contenido

Biografia do Autor

Prólogo do Editor

Coaching ontológico

Objetivos

Relações humanas

Premissas

Tipos de Coaching

Razões para recorrer ao Coaching

Coaching ontológico no trabalho e nas empresas

Como e para quê utilizar o Coaching ontológico

Por quem deve ser utilizado o Coaching ontológico?

Áreas para utilizar o Coaching ontológico:

Transformação pessoal

O que é que o Coaching não é?

Técnicas e formação

O trabalho de um Coach pode ser dividido em três partes:

Com o Coaching podemos conseguir o seguinte:

Ontologia da linguagem

Genealogia ontológica

Justificações

Exercícios

Valores e caraterísticas pessoais

Realização do exercício

Os dez valores mais importantes para mim

Os cinco valores mais importantes

Crise económica ou crise existencial

Autoestima

Função do Coaching

Porque é que o Coaching é hoje tão importante?

Filosofia ontológica

Exercícios

Simples para ativar o cérebro

Facetas do Coaching

Etapas e procedimentos do Coaching Ontológico.

Excertos

Perguntas poderosas:

O Coaching ontológico para o desenvolvimento pessoal e profissional

Duas formas de ouvir:

A aprendizagem

Níveis de incompetência

Tipos de aprendizagem

Inimigos da aprendizagem

Aliados da aprendizagem

O observador

Aquilo que eu sou e aquilo que tu és

O que é que distingue os observadores?

Tipos de observadores

Falência

A escuta

A abertura

A boa escuta

Afirmações e declarações

Atos linguísticos

Afirmações

Afirmações Verdadeiras

Afirmações Falsas

Declarações

Declaraciones de negação:

Declarações de aceitação:

Declarações de desconhecimento

Declarações de gratidão:

Declarações de perdão:

Declarações de amor:

Emoções e estados de espírito

As emoções

Estados de espírito

O que é a PNL?

Onde é que tem origem?

Quem foi o criador da PNL?

Importância da PNL nas negociações

Caraterísticas da PNL

Utilização da PNL numa empresa

PNL

Para que serve a PNL?

Exercícios

Programação neurolinguística

Sentado na Sala de Cinema

Recuar no Filme

Recomendações

Inteligência emocional

Caraterísticas da inteligência emocional

Medição da inteligência emocional e o QI

Os seis pilares da inteligência emocional para o seu desenvolvimento:

Assertividade

Comportamento assertivo

Qualidades de uma pessoa assertiva

Como ser assertivo

Respeito

Audácia

Liderança

Comportamento agressivo

Comportamento passivo

Comportamento assertivo

Exercícios

De reflexão

Exercícios

Direitos assertivos

Exercer os Direitos

Aprender Técnicas para dizer NÃO

Técnica do disco partido (ou riscado)

Como é que a pode aplicar?

Técnica do Banco de Névoa

Pergunta Assertiva

Exercícios Finais

Competências sociais

Exemplo da importância das competências sociais:

Processo de socialização das competências sociais

Porque é que as pessoas não são competentes socialmente?

Como é que podemos ser mais competentes?

O olhar

A distância interpessoal

A postura

Cruzar os braços

Assertividade

Vamos ver um exemplo daquilo que estamos a dizer:

A empatia

Diferenças e semelhanças: assertividade e empatia

A assertividade e a empatia enquanto competências para melhorar as relações

Se pelo contrário tiver poucas competências sociais:

Exercícios

Para melhorar a empatia

Comunicação verbal

O diálogo

Mentoring

O processo de Mentoring

Caraterísticas do Processo de Mentoring

O Mentor

Compreender o estado emocional do Mentorizado

Vantagens do Mentoring (Para a organização)

Vantagens do Mentoring (Para o indivíduo)

Exercícios

Perguntas poderosas

Reatividade e proatividade

Automotivar-se

Chaves para a motivação:

Consciência de si próprio, Autocrença e Autoeficácia

Consciência de si próprio

Promover a nossa autoeficácia.

Autocrença

Proatividade

Círculo de preocupação; Círculo de influência

Pensar de forma proativa

Metas

Depois de amanhã

Mandala

Clarificação de valores

Valores:

Enfrentar os obstáculos

Um método para a resolução de problemas

Tempestades de ideias individuais

A técnica baseia-se em:

Os nove pontos

Redes, relações, sinergias

Networking. Fazer e fidelizar contactos para empreender

O triângulo de ouro do Networking

E para que serve o Networking

Finalmente, pense nisto em relação às suas redes:

O plano de ação

Agora é só colocar em prática

O plano é composto pelos seguintes pontos:

Solução dos nove pontos

Exercícios ontológicos

Perguntas ativas

A Roda da vida ontológica

Relatos ontológicos

O fato que salvou o peixe

O pequeno peixe

O falcão

Imortal

As três redes

O carro vazio

O camelo atado

Conclusões

Aplicações

Referências bibliográficas

Biografia do Autor

Miguel D’Addario é Licenciado em Jornalismo, Mestrado em Educação Social, Mestrado em Sociologia e Doutorado em Comunicação Social pela Universidade Complutense de Madrid; desenvolveu a sua experiência em vários campos do ensino, desde a Formação Profissional até ao nível Universitário, tanto na América Latina como na Europa.

PhD e ensaísta recebeu prémios e menções de Associações de escritores, Centros Culturais, Universidades, e sedes afins. Também como Orador, Conferencista e Investigador, em Universidades, Centros educativos, públicos e privados.

Autor de livros sobre arte: Poesia, Contos e Relatos.

Autor de uma quantidade substancial de livros sobre educação, de vários níveis e temas.

Os seus livros estão espalhados pelos cinco Continentes, são de consulta assídua em Bibliotecas a nível mundial, e estão inscritos nos catálogos, ISBNs e bases bibliográficas Internacionais.

Livros publicados do Autor:

Coaching pessoal (Autocoaching)

ISBN: 9781291263039

Manual de Oratória (Técnicas e exercícios).

ISBN: 9781291664577

Pedagogia universitária (Do reflexo condicionado ao pensamento científico).

ISBN: 9781312579637

––––––––

Para comunicar com o Autor:

migueldaddario@yahoo.it

Página de livros do Autor:

http://migueldaddariobooks.blogspot.com.es/

Se eu tivesse uma hora para resolver um problema e a minha vida dependesse dessa solução, utilizava os primeiros 55 minutos para determinar a pergunta adequada, já que, depois de saber a pergunta adequada, poderia resolver o problema em menos de cinco minutos.

Albert Einstein

Prólogo do Editor

O Coaching baseia-se fundamentalmente no método de Sócrates, na maiêutica, que afirma que os indivíduos têm a resposta dentro de si e que a aprendizagem é um processo de descoberta. O Coaching, como estilo de formação no desporto, surgiu em meados dos anos 70, através de Timothy Gallwey, treinador desportivo e professor de ténis na Universidade de Harvard, Gallwey assegurava que o adversário mais duro de um tenista estava sempre do seu lado da rede. Anos depois, nos anos 80, surgiu o Coaching executivo e pessoal pela mão de Thomas Leonard (1955-2003), que trabalhou durante 20 anos em parceria com mais de mil especialistas em desenvolvimento pessoal a nível mundial, para a criação e definição do Coaching, ao entender a vida e o trabalho como desportos através dos quais podemos alcançar os objetivos a que nos propomos, se tivermos a formação certa. O Coaching é um sistema de comunicação positivo e eficaz que ensina a perguntar, ouvir, responder, consciencializar-se e definir um plano de ação com novas e melhores expectativas. O Coach ontológico não diz às pessoas o que têm de fazer, não pressiona, não aconselha nem recomenda, simplesmente explora, faz perguntas, apresenta interpretações generalizadas, desafia com respeito os modelos mentais para desenvolver uma nova perspetiva que permita descobrir novas ações e possibilidades; e acompanhar na conceção de ações que facilitem o acesso aos resultados pretendidos. O processo de Coaching é um diálogo no qual se desenrola uma pesquisa conjunta para descobrir a posição ocupada pela pessoa no discurso, entendendo a sua história passada e a situação atual, com o objetivo de identificar os seus bloqueios e ajudar a resolvê-los, a localizar o tipo de diálogos (internos e externos) estabelecidos, os seus efeitos positivos e negativos e como melhorá-los para atingir os objetivos pretendidos, para isso, o coach deve saber observar e ouvir com atenção. O processo de escuta é fundamental no Coaching ontológico e o coach deve trabalhar três domínios: A linguagem, a emoção e corporalidade; o processo do Coach faz com que o Coachee se responsabilize pelos seus atos e desenvolva a consciência de que a sua situação de vida depende das suas criações mentais e ações; desta forma, ocorre um processo de maturação da emoção que permite assumir um compromisso para alterar a sua situação e tomar decisões eficazes para rentabilizar os recursos e conquistas. Esta ferramenta ajuda as pessoas a obterem a inteligência emocional através do reconhecimento dos sentimentos no momento em que aparecem, para que ao senti-los, consigam perceber porque é que reagem dessa forma e sentem que conseguem controlá-los. O Coaching Ontológico é uma dinâmica de transformação através da qual as pessoas e organizações reveem, desenvolvem e potencializam as suas formas de estar no mundo. É apresentado como um diálogo que dá origem a uma nova cultura e não como uma técnica inserida na cultura. O Coaching Ontológico é um processo fundamentalmente libertador de sofrimento e crenças. Conecta-nos aos nossos recursos e à capacidade de intervir, conseguindo um maior bem-estar e eficácia para atingir os resultados necessários. No processo de Coaching Ontológico, o crescimento ocorre no domínio do Ser, através de uma aprendizagem transformacional que questiona com respeito as formas tradicionais de perceber e interpretar, onde indivíduos e equipas quebram padrões comportamentais e comportamentos habituais. O Coaching Ontológico desenvolve a atitude e a competência para gerar novas ideias, para criar novas possibilidades para descobrir novos significados, para inventar novos caminhos, para encontrar novas ligações, seja em termos individuais ou sociais. É poder libertar o seguro e conhecido, para iniciar uma viagem à região do ainda não explorado, para tentar desenhar um futuro acordo com as nossas preocupações. O Coach Ontológico é um facilitador de processos de aprendizagem, questiona, com respeito, a forma como as pessoas veem as duas realidades e situações para permitir a alteração de estratégias e torná-las mais eficazes para obter os resultados pretendidos. Para obter uma maior eficácia e bem-estar é preciso questionar as formas antigas de pensamento, para aprender a praticar um novo jogo, a aumentar a capacidade de ver e pensar, a criar novas possibilidades de ação, e obter resultados que, antes da intervenção do Coaching ontológico não teriam sido possíveis. Tanto as ações como os efeitos dependem do tipo de observador que somos. Através da aprendizagem podemos obter novos resultados através de novas ações.

Coaching ontológico

A ontologia tem origem filosófica e é denominada de teoria do SER, vem do grego, do verbo ser, estar, estar, ciência, estudo, teoria. O coaching ontológico aborda a reflexão que pode ser feita pelo indivíduo sobre si próprio, através da linguagem e por intermédio da alteração da sua forma de observar a realidade. Ao tomar consciência desta, começa a descobrir a origem das suas condutas, tendo liberdade para alterar aquelas que não funcionarem por aquelas que poderem dar maior estabilidade e poder pessoal. Com esta situação, é ampliado o leque de possibilidades de ação para obter resultados brilhantes e fora do comum. Ao criar uma consciência dos padrões comportamentais que manipula na sua vida e que é a origem desses, o indivíduo chega a um novo conhecimento da forma como se encontra estruturado.

O que permite o acesso a uma nova possibilidade que proporciona uma sensação de leveza, tranquilidade, paz e harmonia.

Objetivos

• Desenvolver o conhecimento de si próprio.

• Abrir o leque percetual de possibilidades.

• Identificar padrões comportamentais.

• Elevar o nível de comunicação.

• Aprender a resolver conflitos com rapidez.

• Criar equipas.

• Criar compromissos.

• Criar um ambiente harmonioso.

• Gerar sentimento de comunidade.

Um Coach é um indivíduo que pode orientá-lo, guiá-lo ou até ajudá-lo a atingir um objetivo a que se tenha proposto. Deverá considerar que é imprescindível a vontade do indivíduo, porque se não quiser mudar e tentar enganar-se com mentiras, é melhor não tentar porque não vale a pena. A origem de todos os problemas vem de si próprio, das emoções, pensamentos e atitudes obscuras que são geradas a partir dos conceitos, crenças e emoções automáticas e impostas ao longo da vida do indivíduo. Por isso, o desenvolvimento dessa escuridão é escalonado e vai cobrir a sua vida de trevas, fracassos, medos, vícios, paranoias, beligerâncias, obsessões e até a própria imagem do indivíduo se transforma até criar um ritual duro, sério, rígido, sem espontaneidade, quase violento. Até poderia dizer que se sofresse um ferimento, o sangue derramado seria escuro devido ao interior repleto de escuridão. Não existe outro caminho senão alterar as estruturas mentais, criar novas redes de neurónios, gerar novas emoções, procurar fazer aquilo que gosta e modificar o ambiente. Toda a

Você chegou ao final desta amostra. Inscreva-se para ler mais!
Página 1 de 1

Análises

O que as pessoas pensam sobre Coaching Ontológico

3.7
3 avaliações / 0 Análises
O que você acha?
Classificação: 0 de 5 estrelas

Avaliações de leitores