Aproveite milhões de e-books, audiolivros, revistas e muito mais, com uma avaliação gratuita

Apenas $11.99 por mês após o período de teste gratuito. Cancele quando quiser.

Aqueles que deixam você
Aqueles que deixam você
Aqueles que deixam você
E-book181 páginas2 horas

Aqueles que deixam você

Nota: 3 de 5 estrelas

3/5

()

Ler a amostra

Sobre este e-book

As pessoas que deixam você podem destruí-lo. Nada pode descrever o sentimento de depressão, confusão e ansiedade que desce quando as pessoas se afastam de você. Este livro foi escrito para ajudá-lo a lutar contra a destruição que é desencadeada quando alguém deixar você. Não se deixe enganar. Ser abandonado ou ser relegado não é exclusivo para você e o seu ministério. Muitos outros sofreram as mesmas coisas. Satanás foi o primeiro rebelde e inspirou todas as rebeliões desde então.

Com este livro em sua mão, você vai se levantar e lutar contra o espírito de deslealdade que é liberado por “aqueles que deixam você».

IdiomaPortuguês
Data de lançamento21 de jun. de 2018
ISBN9781613952429
Aqueles que deixam você
Ler a amostra
Autor

Dag Heward-Mills

Bishop Dag Heward-Mills is a medical doctor by profession and the founder of the United Denominations Originating from the Lighthouse Group of Churches (UD-OLGC). The UD-OLGC comprises over three thousand churches pastored by seasoned ministers, groomed and trained in-house. Bishop Dag Heward-Mills oversees this charismatic group of denominations, which operates in over 90 different countries in Africa, Asia, Europe, the Caribbean, Australia, and North and South America. With a ministry spanning over thirty years, Dag Heward-Mills has authored several books with bestsellers including ‘The Art of Leadership’, ‘Loyalty and Disloyalty’, and ‘The Mega Church’. He is considered to be the largest publishing author in Africa, having had his books translated into over 50 languages with more than 20 million copies in print.

Leia mais títulos de Dag Heward Mills

Relacionado a Aqueles que deixam você

Ebooks relacionados

Avaliações de Aqueles que deixam você

Nota: 3 de 5 estrelas
3/5

2 avaliações0 avaliação

O que você achou?

Toque para dar uma nota

A avaliação deve ter pelo menos 10 palavras

    Pré-visualização do livro

    Aqueles que deixam você - Dag Heward-Mills

    Quinze razões por que Deus permite que as pessoas deixem você

    HÁ MUITAS RAZÕES POR QUE Deus permitirá que as pessoas deixem você e até mesmo o machuquem.

    1. O Senhor pode permitir que as pessoas o deixem para corrigir um erro na fundação do seu ministério. 

    No início do ministério, estamos quase sempre cheios do medo de fracassar. Esse medo de fracassar nos faz agarrar qualquer ajuda que cruza o nosso caminho. No processo de obter ajuda, muitos ministros se aliam a pessoas erradas. 

    Abraão foi um bom exemplo disso. Deus havia lhe dito para se separar de sua família e partir para uma jornada longa e mística a uma terra prometida elusiva.

    Em vez de se separar da família conforme Deus lhe dissera, Abraão foi adiante com alguns membros da família, e Ló era ilustre entre eles. 

    Ora, o SENHOR disse a Abrão: Sai-te da tua terra, DA TUA PARENTELA e da casa de teu pai, para a terra que eu te mostrarei. 

    Gênesis 12.1 

    Subiu, pois, Abrão do Egito para o lado do sul, ele e sua mulher, e tudo o que tinha, E COM ELE LÓ. 

    Gênesis 13.1 

    Todos os problemas que Abraão teve em sua jornada podem derivar da presença de Ló em sua vida. Observe os problemas que Abraão teve por ter Ló com ele. 

    1. Abraão teve problemas de conflito e confusão por causa de Ló. No fim, Abraão teve de se separar de seus parentes por causa de Ló (Gn 13.7,8). 

    2. Abraão lutou uma guerra que nunca teria lutado por causa de Ló. Abraão teve de resgatar Ló do rei Quedorlaomer (Gn 14.1-16). 

    3. Abraão intercedeu especialmente por causa de Ló. Abraão teve de salvar seu sobrinho da destruição que sobrevinha a Sodoma e Gomorra (Gn 18.23-33). 

    É isso que eu chamo de erro na fundação do ministério. É um erro que você comete no início de seu ministério, e geralmente é cometido por causa do medo. 

    Estes erros podem fazer que a pessoa errada fique presa como um albatroz a tudo que você fizer. 

    Às vezes, as pessoas até se casam com a pessoa errada quando estão entrando no ministério. 

    Deus pode remover da terra a pessoa errada com quem você se casou, para que você fique livre do albatroz em volta de seu pescoço. Se Deus não remover essa pessoa da sua vida, você terá de executar todo o seu ministério com o albatroz em volta do pescoço. 

    Certa pessoa que era parte de meu ministério logo no início já não é mais parte do que eu faço. Talvez eu trouxesse algumas dessas pessoas comigo porque temia que não pudesse obter sucesso sem elas. A presença delas me dava a garantia de que eu seria bem-sucedido. 

    Deus, em Sua misericórdia, fez algumas delas me deixar. Embora eu sentisse falta de algumas delas, reconheci que Deus permitiu que elas fossem porque foi um erro, em primeiro lugar, leválas comigo na nova visão de construir a igreja. 

    2. O Senhor pode permitir que as pessoas o deixem para humilhá-lo. 

    E te lembrarás de todo o caminho, pelo qual o SENHOR teu Deus te guiou no deserto estes quarenta anos, PARA TE HUMILHAR, e te provar, para saber o que estava no teu coração, se guardarias os seus mandamentos, ou não.

    Deuteronômio 8.2 

    As pessoas desertarem, abandonarem ou demitirem-se de sua organização é uma experiência humilhante. Toda partida deixa um gosto amargo em sua boca. Toda vez que alguém parte bruscamente, deixa para trás um rastro de perguntas não respondidas. A incerteza criada pelas pessoas que vão é inquietante e verdadeiramente humilhante. 

    Após plantar igrejas por muitos anos, fui abençoado de ter centenas de pastores, filhos e filhas leais. Também fui abençoado de ter alguns de meus parentes como pastores na igreja. 

    Contudo, certo dia, alguns de meus parentes me abandonaram no ministério e fizeram exatamente o oposto do que eu estivera ensinando. Foi um grande constrangimento para mim, visto que os membros de minha família se tornaram o foco da rebelião e deslealdade na igreja. Agora eu tenho de combater a própria família. Muitas vezes ocorreu-me de que eu conseguira induzir a lealdade em tantas pessoas, mas não pude fazer isso em minha família.

    Senti que Deus estava me humilhando por meio desse processo. Ele queria mostrar-me que não é por força nem por poder, nem por ensinamentos, nem princípios, mas somente por Sua graça. Talvez tenha algumas pessoas deixando você. Deixe Deus operar Sua obra espiritual de humilhá-lo para o Seu serviço. 

    3. O Senhor pode permitir que as pessoas o deixem porque você tem permitido que seus membros sejam ignorantes, não os ensinando acerca de lealdade e deslealdade.

    E de Jerusalém foram com Absalão duzentos homens convidados, porém IAM NA SUA SIMPLICIDADE, porque nada sabiam daquele negócio.

    2 Samuel 15.11 

    O diabo se alimenta da ignorância das pessoas. O engano sempre se multiplica quando as pessoas não são expostas à verdade da Palavra. Absalão conseguiu conduzir duzentos homens que foram na simplicidade de suas mentes. Essa simplicidade de mente é o que chamamos também de ignorância. 

    Os princípios de lealdade e deslealdade, paternidade e lembrança geralmente não são ensinados nas igrejas. Não é de se admirar que os membros da igreja se tornem presas fáceis para os demônios do engano que se alimentam de sua ignorância.

    Talvez você tenha permitido que a ignorância a respeito destes assuntos se espalhe descontroladamente em sua congregação. Satanás aproveitou-se de sua ignorância e causou estragos no meio de vocês. 

    Sim, sua congregação pode ser abençoada com mensagens de prosperidade, casamento e cura, mas nenhum desses assuntos protege adequadamente sua congregação dos demônios da deslealdade e traição.

    Certo dia, um pastor perguntou-me por que eu estava ensinan-do sobre lealdade e deslealdade. Ele advertiu zombando: Lealdade não é algo que é ensinado. É algo que você merece

    E continuou: Pelo seu bom caráter, você merece a lealdade espontânea das pessoas a sua volta.

    Logo depois disso, ele foi afligido pela amarga experiência da traição dos próprios associados de sua igreja. Ele não podia acreditar no que estava lhe acontecendo. Após esta experiência, seu desprezo aos meus livros e meus ensinamentos converteu-se em admiração. Ele tornou-se fã do assunto da lealdade e começou a divulgar os meus livros. Você pode nunca conhecer a importância de ensinar até que experimente os efeitos da ignorância.

    4. O Senhor pode permitir que as pessoas o deixem porque você desprezou o seu amigo ministro quando a igreja dele se dividiu.

    ... O que se alegra da calamidade não ficará impune.

    Provérbios 17.5 

    Geralmente, nós desprezamos as pessoas quando elas se envolvem em problemas. Como os amigos de Jó, nós parecemos saber os motivos de todas as coisas ruins que acontecem às pessoas. Nós desprezamos as pessoas que estão com problemas porque achamos que elas próprias os causaram. Essa atitude pode abrir a porta para Satanás entrar em nossas vidas e ministérios. 

    Certo dia, eu me reuni com três pastores de uma igreja bemsucedida. A equipe formidável era formada por dois associados fortes e um pastor sênior. Com a ajuda de seus dois associados, o pastor sênior construíra com sucesso uma das maiores igrejas na cidade. Todos pareciam estar se associando à igreja deles. A nova igreja deles estava arrebentando pelas costuras e eles tinham múltiplos cultos com multidões superabundantes sentadas do lado de fora. Eufóricos com a exuberância de seus sucessos recentes, eles começaram a defender teorias do tipo por que uma igreja irmã do outro lado da cidade não estava crescendo. 

    Eles falaram com deboche acerca do pastor daquela igreja: As pessoas só saem de uma igreja quando esta tem um líder ruim. É por causa dessa liderança ruim que as pessoas deixaram seus ministérios e se juntaram a nós

    Naquela época, eu nem sequer sabia que as pessoas estavam deixando a outra igreja e se juntando à igreja deles. Eu estava ouvindo pela primeira vez que a outra igreja tinha um líder ruim. Não era difícil sentir um tom de deboche e zombaria quando as pessoas falavam da igreja e seu líder ruim

    Sim, eu não duvido que as pessoas possam ter deixado o ministério por causa de sua má liderança. Porém, você deve ter cuidado com o modo que chega a seus juízos e conclusões. 

    Alguns anos mais tarde, aqueles três líderes experimentaram uma nova fase em seu ministério. Cada nova fase pode causar uma mu-dança no saldo de poder.

    Nesta nova fase, os dois associados deixaram o pastor sênior, lançando sobre ele insultos e acusações. A mesma coisa pela qual eles haviam desprezado o outro pastor acontecera a eles, mas de um modo mais grave.

    Quando fiquei sabendo dessa crise, a primeira coisa que me ocorreu foi o que eles haviam dito da igreja irmã e seu pastor: As pessoas só lhe deixam quando você é um líder ruim. O pastor sênior deles era um mau líder agora? Não necessariamente. Há muitas razões por que as pessoas deixam você. Procure não zombar de ninguém quando esta pessoa estiver com problema. 

    Em meu país, há um provérbio que diz: Quando vir a barba de seu amigo queimando, não ria dele. Não pergunte como é que ele pôde deixar a barba pegar fogo. Apenas vá e pegue um pouco de água e deixe-a do seu lado para o caso de sua barba também pegar fogo. A Bíblia usa as seguintes palavras: ... O que se alegra da calamidade não ficará impune (Pv 17.5). 

    5. O Senhor pode permitir que as pessoas o deixem porque seu destino não as inclui. 

    Filhinhos, é já a última hora; e, como ouvistes que vem o anticristo, também agora muitos se têm feito anticristos, por onde conhecemos que é já a última hora. SAÍRAM DE NÓS, MAS NÃO ERAM DE NÓS; porque, se fossem de nós, ficariam conosco; mas isto é para que se manifestasse que não são todos de nós.

    1 João 2.18,19 

    Nem todos são chamados para fazer parte de sua equipe. Com nossa mente natural, nós escolhemos pessoas que achamos que deveriam estar conosco. Porém, Deus já decidiu acerca das pessoas que são parte de seu destino.

    Ao longo dos anos, tive a triste experiência de ter de abrir mão de pessoas que eu pensei que estariam comigo para sempre.

    Eu também tive a agradável surpresa de encontrar seus substitutos. Honestamente, eu não teria escolhido muitas das pessoas que estão comigo hoje.

    Contudo, Deus as chamou para ajudar a lutar no ministério. Não se debata quando pessoas forem tiradas de você. 

    Às vezes, está em seu destino eterno que elas sejam substituídas por outras pessoas. 

    6. O Senhor pode permitir que as pessoas o deixem a fim de que você entenda como nosso Pai celestial se sente quando Seus filhos O deixam. 

    E disse: Um certo homem tinha dois filhos; E o mais moço deles disse ao pai: Pai, dá-me a parte dos bens que me pertence. E ele repartiu por eles a fazenda. E, poucos dias depois, o filho mais novo, ajuntando tudo, partiu para uma terra longínqua, e ali desperdiçou os seus bens, vivendo dissolutamente. 

    Lucas 15.11-13 

    Tornar-se um pai inclui cuidar de todos os tipos de crianças. Às vezes, Deus permitirá que você passe por algumas coisas para que amadureça como pai.Você não se torna um pai porque é velho. Você se torna um pai porque tem filhos. Você se torna pai porque pode cuidar de diferentes tipos de filhos e dos problemas que eles apresentam.

    Lembre-se de pessoas como Jacó que teve tantos filhos. Cada filho foi uma experiência diferente. Alguns filhos o deixam abruptamente, como fez o filho pródigo. Isso é algo que Deus experimenta porque Ele é o Pai de todos nós. 

    Em seu caminho para se tornar um pai, é provável que você tenha a experiência de as pessoas o deixarem. 

    Caminhar em amor e maturidade em direção às pessoas que o deixam de repente, o abandonam dolorosamente e até se voltam contra você, é parte do processo de se tornar um pai.

    Esta é a razão por que Deus permitiria algumas pessoas deixarem você – para que você possa se tornar um verdadeiro pai. 

    7. O Senhor pode

    Está gostando da amostra?
    Página 1 de 1