Curta este título agora mesmo, além de milhões de outros, com um período de avaliação gratuita

Grátis por 30 dias, depois $9.99/mês. Cancele quando quiser.

A Arte Do Ministério: Um Manual para um Ministério Prático

A Arte Do Ministério: Um Manual para um Ministério Prático

Ler amostra

A Arte Do Ministério: Um Manual para um Ministério Prático

avaliações:
5/5 (1 avaliação)
Comprimento:
212 página
2 horas
Lançado em:
Jul 27, 2016
ISBN:
9781613954164
Formato:
Livro

Descrição

Desenvolver uma arte é desenvolver uma capacidade ou uma habilidade. A Bíblia afirma que vem favor aos homens de habilidade. A obra do ministério exige grande habilidade. Este novo livro, « A Arte do Ministério "é um recurso muito necessário para todos.

Lançado em:
Jul 27, 2016
ISBN:
9781613954164
Formato:
Livro

Sobre o autor

Bishop Dag Heward-Mills is a medical doctor by profession and the founder of the United Denominations Originating from the Lighthouse Group of Churches (UD-OLGC). The UD-OLGC comprises over three thousand churches pastored by seasoned ministers, groomed and trained in-house. Bishop Dag Heward-Mills oversees this charismatic group of denominations, which operates in over 90 different countries in Africa, Asia, Europe, the Caribbean, Australia, and North and South America. With a ministry spanning over thirty years, Dag Heward-Mills has authored several books with bestsellers including ‘The Art of Leadership’, ‘Loyalty and Disloyalty’, and ‘The Mega Church’. He is considered to be the largest publishing author in Africa, having had his books translated into over 50 languages with more than 20 million copies in print.


Relacionado a A Arte Do Ministério

Livros relacionados

Amostra do Livro

A Arte Do Ministério - Dag Heward-Mills

Ministério

CAPÍTULO 1

Os Dons e a Vocação de Deus São Distribuídos Sem Arrependimento

O primeiro chamado

Veio a palavra do SENHOR a Jonas, filho de Amitai, dizen­ do: Dispõe­te, vai à grande cidade de Nínive e clama contra ela, porque a sua malícia subiu até mim.

Jonas 1.1,2

O segundo chamado

Veio a palavra do SENHOR, segunda vez, a Jonas, dizendo: Dispõe­te, vai à grande cidade de Nínive e proclama contra ela a mensagem que eu te digo.

Jonas 3.1,2

Deus é um Deus de misericórdia! Ele dará a você uma segunda chance para obedecê-lo. Jonas é um exemplo de alguém que teve uma segunda chance para ouvir e obedecer. Agumas vezes, nós temos apenas uma chance.

O Deus da Segunda Chance

Talvez, Deus tenha sempre desejado você para trabalhar na igreja e é para isso que ele criou você. Talvez você esteja fugindo do chamado de Deus. Mas Deus está falando para você novamente. Deus falou duas vezes para Jonas. Entre a primeira e a segunda chamada, Jonas teve muitas experiências.

Ele experimentou os transtornos da vida e da prisão na barriga da baleia. Possivelmente, depois de várias e duras experiências, você esteja pronto para escutar a Deus.

Talvez, ao pegar este livro, Deus esteja lhe dando uma segunda chance para trabalhar em sua casa. É tempo para se juntar ao exército para a última batalha!

Sem mudança no chamado

Você irá perceber que o primeiro chamado e o segundo chama­do são idênticos. Tanto no primeiro quanto no segundo chamado, Jonas foi enviado para a mesma cidade (Nínive) com exatamente a mesma mensagem. Os dons e chamados de Deus são sem arrependimento (romanos 11.29).

Deus não muda seus pensamentos com o passar do tempo. Mesmo que você tenha experimentado a dor e os transtornos na barriga da baleia, ele pode usar você. Dez anos podem ter se passado desde o primeiro chamado de Deus para você. Não é muito tarde para obedecer a ele.

Estou feliz de servir o Deus que nunca muda Sua mente.

Tornando-se pescadores de homens

Aceitar o chamado de Deus é aceitar tornar-se algo que você não é. Jesus ofereceu a Pedro ser alguém que ele não era – um pescador de homens!

Entrar no ministério não é fazer uma grande contribuição para o reino de Deus. Não depende de você e nada pode ser destruído por sua negligência no ministério. Todos nós somos descartáveis e dispensáveis.

Porque nada podemos contra a verdade, senão em favor da própria verdade.

2Coríntios 13.8

A escritura nos ensina que nunca podemos fazer nada contra a verdade da Palavra de Deus. Nossos grandes erros não impedirão a verdade do evangelho. A grande negligência do nosso chamado não poderá mudar o curso do exército triunfante de Deus. É nosso privilégio ser chamado para o trabalho. É uma honra para nós estarmos envolvidos. É tempo de parar de pensar que você irá fazer alguma coisa incomum para Deus.

Estar no ministério é uma humilde experiência na qual você, na verdade, aprenderá sobre Deus e receberá misericórdia. Jesus disse a seus discípulos para segui-lo e ele poderia transformá-los em alguma coisa. No ministério em tempo integral, você poderá ser moldado num vaso que Deus pode usar.

Disse­lhes Jesus: Vinde após mim, e eu vos farei pescadores de homens.

Marcos 1.17

No ministério de tempo integral, você será transformado pela renovação da sua mente e pelas numerosas experiências humildes que esperam por você. O ministério de tempo integral é verdadeiramente o começo de uma jornada que o leva para mais perto de Deus. Isto o transforma e faz de você uma pessoa humilde. A verdadeira natureza desse trabalho desprezado e a interação com outros cristãos no ministério certamente o quebrantarão e farão de você uma pessoa melhor! Também, a interação com desconhecidos que não entendem o que é ministério de tempo integral o levará a uma maior profundidade com Deus.

O Que o Ministério de Tempo Integral Não É

Estar no ministério de tempo integral acontece quando Jesus faz que você seja um pescador de homens. Ser remunerado pelo ministério necessariamente não faz de você um ministro de tempo integral.

Mudar sua fonte de salário do banco para a igreja não significa que você esteja no ministério integral. Ministério de tempo integral é um todo que inclui os passos nos quais você seguirá o senhor integralmente. Segui-lo significa muitas coisas, inclusive os pontos listados a seguir.

Ministério de tempo integral não é simples como mudar de trabalho. É uma existência de compromisso. Isso tomará conta de todo o seu ser e você será transformado pelo poder de Deus.

Ministério de tempo integral não é nenhum destes relacionados:

• Ministério de tempo integral não é uma opção conveniente de trabalho.

• Ministério de tempo integral não é uma opção mais fácil de trabalho.

• Ministério de tempo integral não é um plano de aposentadoria para a velhice.

• Ministério de tempo integral não é um acordo para trabalhadores remanejados.

• Ministério de tempo integral não é um refúgio para mães de crianças pequenas.

• Ministério de tempo integral não é um desejo do último minuto antes da morte para pessoas que passaram os seus melhores anos fazendo outras coisas.

• Ministério de tempo integral não é uma camuflagem para um plano de negócios.

Algumas pessoas querem usar o ministério de tempo integral para asse­gurar um salário regular, embora façam seus negócios de outro lado. Negócios são negócios e ministério é ministério!

• Ministério de tempo integral não é para pessoas que estão entre um trabalho e outro.

• Ministério de tempo integral não é um trampolim para homens com ambições seculares.

• Ministério de tempo integral não é um esquema para o alívio da pobreza. algumas vezes, financeiramente, é melhor trabalhar no ministério.

• Ministério de tempo integral não é o mesmo que transferir sua profissão do mundo secular para a igreja. O fato de você ser um contador no mundo não significa que você deva ser um contador na igreja.

• Ministério de tempo integral não é apenas sobre mudar a fonte do seu salário.

• Ministério de tempo integral não são trabalho de férias. Ministério de tempo integral não é apenas uma ocupação para estudantes em férias.

Ilusões Sobre o Ministério de Tempo Integral

Há algumas ilusões atualmente que aborrecem pessoas em diferentes circunstâncias. Pessoas no ministério em tempo integral não são poupadas da sua quota de delírios. Algumas das ilusões que afligem o ministério de tempo integral são:

1. Porque sou um ministro de tempo integral, eu sou especial.

2. Porque sou um ministro de tempo integral, eu terei que ter um bom salário.

3. Porque sou um ministro de tempo integral, eu tenho alcançado até o mais alto nível espiritual e não há mais níveis espirituais para eu alcançar.

4. Porque sou um ministro de tempo integral, eu sou melhor que os ministros leigos.

5. Porque sou um ministro de tempo integral, eu viajarei para países estrangeiros.

6. Porque sou um ministro de tempo integral, eu terei uma casa grande.

7. Porque sou um ministro de tempo integral, eu terei um carro.

8. Porque sou um ministro de tempo integral, eu serei rico.

9. Porque sou um ministro de tempo integral, eu me tornei espiritual.

10. Porque sou um ministro de tempo integral, eu terei um casamento melhor e uma vida familiar melhor.

11. Porque sou um ministro de tempo integral, eu terei mais tempo para orar, adorar e estudar a Palavra.

12. Porque sou um ministro de tempo integral, Deus está muito satisfeito comigo.

13. Porque sou um ministro de tempo integral, eu estou andando em amor.

14. Porque sou um ministro de tempo integral, meu julgamento será fácil.

15. Porque sou um ministro de tempo integral, eu sou ungido e protegido.

16. Porque sou um ministro de tempo integral, meus filhos serão bemsucedidos na vida.

17. Porque sou um ministro de tempo integral, eu irei ao céu de qualquer forma.

18. Porque sou um ministro de tempo integral, eu sou leal.

Nenhum dos itens listados acima é necessariamente verdadeiro. Podem ser verdade, mas muitos deles podem não ser verdadeiros em seu caso. E são coisas que definitivamente não acontecem automaticamente. Você deve buscar a Deus no ministério de tempo integral para que seus planos sejam feitos.

CAPÍTULO 2

A Diferença Entre o Trabalho Secular e o Trabalho do Ministério

Há Uma Diferença

Porém serão seus servos; para que conheçam a diferença da minha servidão e da servidão dos reinos da terra.

2Crônicas 12.8

Quando reboão se rebelou contra Deus, o profeta mandou uma mensagem desanimadora. Ele disse que lhe mostraria a diferença entre trabalhar para Deus e trabalhar para as nações do mundo.

Há uma diferença entre trabalhar para Deus e trabalhar para o mundo. Acumular riquezas neste mundo decaído não pode ser comparado ao grande chamado de Deus.

Construir uma cidade eterna com alicerce real é o mais alto privilégio para o homem mortal. Muitos homens passam suas vidas construindo coisas temporárias que não têm futuro. O homem comum é simplesmente um construtor de castelos de areia temporários.

Quem é Faraó?

Faraó é um tipo de satanás. egito é um tipo de mundo e israel é um tipo de povo de Deus. Faraó afligiu o povo de Deus com trabalho escravo e o fez construir cidades de tesouros. Isto claramente representa o trabalho secular de hoje.

A maior parte do tempo usado no mundo secular é passado na construção de cidades deste mundo. Quando estivermos mortos e formos embora, nós teremos apenas acrescentado mais prédios bonitos na linha do horizonte das cidades do mundo.

O trabalho deste mundo é feito com muito rigor, muita tensão e muito suor. Nós somos forçados a trabalhar cada vez mais duro, sem perceber que estamos na verdade construindo cidades de tesouros deste mundo. As cidades de Nova iorque, Paris, londres, acra, lagos e Nairóbi, foram construídas com o suor de seres humanos que trabalharam duro.

Esses seres humanos estão mortos e foram embora, mas os tesouros das cidades permanecem. As suas vidas de trabalho podem ser somadas como uma contribuição ao desenvolvimento dos tesouros das cidades do mundo. Imagine você, satanás disse a Jesus quando lhe mostrou as nações deste mundo:

Dar­te­ei toda esta autoridade e a glória destes reinos, porque ela me foi entregue, e a dou a quem eu quiser.

Lucas 4.6

Isto nos mostra que é na verdade satanás quem exerce po­der sobre as cidades do mundo. O diabo é o Deus deste mundo (2Co 4.6). É satanás quem deu aos filhos dos homens muito trabalho duro e os direcionou a construir as cidades deste mundo.

Os cristãos simplesmente se juntam ao exército de construtores e contribuem com sua cota para construir essas cidades de tesouro.

Entrementes, se levantou novo rei sobre o Egito, que não conhecera a José. Ele disse ao seu povo: Eis que o povo dos filhos de Israel é mais numeroso e mais forte do que nós. Eia, usemos de astúcia para com ele, para que não se mul­ tiplique, e seja o caso que, vindo guerra, ele se ajunte com os nossos inimigos, peleje contra nós e saia da terra. E os egípcios puseram sobre eles feitores de obras, para os afli­ girem com suas cargas. E os israelitas edificaram a Faraó as cida­des­celeiros, Pitom e Ramessés. Mas, quanto mais os afligiam, tanto mais se multiplicavam e tanto mais se espalhavam; de maneira que se inquietavam por causa dos filhos de Israel; então, os egípcios, com tirania, faziam servir os filhos de Israel.

Êxodo 1.8­13

Assim como Faraó controlou o egito, satanás controla o mundo e suas cidades. É por isso que o caos e a confusão do mundo estão constantemente aumentando para o seu apogeu.

Quando você trabalha nas instituições financeiras, bancos ou outras organizações seculares do mundo, você pode ser comparado aos israelitas trabalhando para o Faraó; há muito rigor, muita tensão e muito suor na construção de castelos de areia.

Moisés solicitou que o povo de israel fosse libertado para poder servir ao senhor. Qualquer um que deseje ir para o ministério integral encontra nele mesmo um desejo de sair do sistema do mundo. ministério de tempo integral é serviço para o senhor. É igual a sair do egito e ir para o deserto sacrificar ao senhor e construir para ele um tabernáculo!

Deus deseja que seu povo passe o tempo construindo para ele um tabernáculo e louvando-O.

É claro, fugir do sistema do mundo não vai ser fácil. Não foi fácil para moisés e os filhos de israel deixar o egito. E foi somente com um esforço determinado que o povo de Deus finalmente escapou de Faraó.

Querido amigo, não será fácil para você escapar do trabalho secular. Se acontecer, será com muita determinação e esforço.

Quatro Estágios Para Escapar

de Faraó

Pois sucedeu que, ENDURECENDO­SE FARAÓ PARA NÃO NOS DEIXAR SAIR [...].

Êxodo 13.15

Faraó não estava satisfeito em deixar os filhos de israel irem em liberdade. Há quatro estágios que todo cristão deve passar para se lançar no ministério de tempo integral. Você deve reconhecer cada uma das situações quando você deparar com elas.

Estágio 1: Faraó não quer que você deixe o emprego dele.

Respondeu Faraó: Quem é o SENHOR para que lhe ouça eu a voz e deixe ir a Israel? Não conheço o SENHOR, NEM TAMPOUCO DEIXAREI IR A ISRAEL.

Êxodo 5.2

Faraó quer que você trabalhe para ele até morrer. Ele quer que você sue e trabalhe duro até morrer. Satanás sabe que muitas pessoas nunca alcançarão a idade de aposentadoria. Ele as ilude a trabalhar em direção a uma aposentadoria imaginária, que nunca se materializará.

Estágio 2: Faraó deixará você servir ao Senhor, mas ele quer que você permaneça com ele.

Chamou Faraó a Moisés e a Arão e disse: Ide, oferecei sacri­ fícios ao vosso Deus NESTA TERRA.

Êxodo 8.25

Neste estágio, Faraó exerce alguma pressão. Ele concorda que vo­cê deve servir ao senhor, mas quer que você permaneça no egito. Você de­ve continuar a construir as pirâmides de Faraó. Esta forma de serviço é educadamente chamada de ministério leigo. Servindo a Deus, mas bem preso ao sistema do mundo para ganhar dinheiro!

Faraó prescreverá quando você pode ir para a igreja e quando não poderá. Uma vez que você está em sua terra, você pertence a ele e ele decide tudo o que fazer. Ele decide quando você acorda e quando você vai para a cama.

Você chegou ao final desta amostra. Inscreva-se para ler mais!
Página 1 de 1

Análises

O que as pessoas pensam sobre A Arte Do Ministério

5.0
1 avaliações / 0 Análises
O que você acha?
Classificação: 0 de 5 estrelas

Avaliações de leitores