Aproveite milhões de eBooks, audiolivros, revistas e muito mais

Apenas $11.99 por mês após o período de teste gratuito. Cancele quando quiser.

Perder Peso Em Uma Semana

Perder Peso Em Uma Semana

Ler a amostra

Perder Peso Em Uma Semana

Duração:
74 páginas
34 minutos
Lançados:
4 de nov. de 2018
ISBN:
9781386294948
Formato:
Livro

Descrição

- Com os exercícios neste livro pode emagrecer desde o primeiro dia.
- 5 quilos por semana sem esforço.
- Nas primeiras sessões irá desaparecer a gordura da barriga, algo incómodo já que é como levar uma mochila na barriga.
- O corpo está desenhado para se mover de forma harmónica e se o mover dessa maneira irá conseguir um corpo perfeito.
- Com as calculadores online que lhe permitem calcular a frequência natural de oscilação das diferentes partes do seu corpo, introduzindo as variáveis do seu próprio corpo, como massa, longitude, etc e que lhe dão a frequência de forma automática.
- Diferentes exercícios como nadar ou pedalar.
- Ao nadar o nosso corpo pode-se assemelhar a uma tábua, e há que movê-lo de determinada forma na água, para que entre em ressonância com o nosso próprio impulso.
- Ao pedalar numa bicicleta estátiva, as nossas pernas são pêndulos físicos que há que mover em harmonia com o seu próprio peso, longitude e raio.
- Os nossos braços podem ser usados como molas de constante elástica muito grande, quase indeformáveis para fortalecer a parte superior do nosso corpo.

Extrato do capítulo 2:

A perda de peso começa-se a sentir desde o primeiro dia e não é necessário demasiado esforço, entre cinco a dez minutos por dia é suficiente.
Antes de avançar quero dizer que caso se sinta mal com algum dos exercícios descritos neste livro, pare de o fazer e consulte um médico, eu só trato de pôr ao serviço do exercício físico as ferramentas físicas que conhecemos.
Faz uns dois anos que tive esta ideia, como se caísse do céu, e é que o corpo humano se pode assemelhar a uma tábua, o exemplo é um pouco macabro, mas quando uma pessoa se mete num caixão vemos que também não sobra muito espaço.
Um caixão tem uma frequência natural de flutuação como é o caso de um barco que só depende dos seus lados.
Os gregos já sabiam que quando mergulhamos um corpo este experimenta uma força para cima igual ao peso da água desalojada (princípio de Arquimedes), a outra força que atua sobre o corpo do nadador flutuante é o próprio peso do nadador.
Não vou demonstrar como se chega à fórmula da frequência natural de um corpo mergulhado dependente do seu nível de flutuação, apesar de qualquer estudante do segundo ano de física deveria poder deduzi-la tendo em consideração a densidade do líquido, mas para um corpo de forma quadrada a fórmula é T=2*∏*(√h/√g), sendo h a média ponderada das tuas próprias áreas e g a constante da gravidade 9,81 m/s₂₂ na superfície terrestre.
Se fizer uma média ponderada da área de um corpo humano, vai obter uns 14 cm (mais largo nas coxas, mais fino nos tornozelos e mais largo no estomago).
Medindo esta variável do seu corpo, já podemos medir o tempo que devemos demorar a dar uma braçada completa, no meu caso T=2*3,14*(√0,14/√9,81) =0,84 segundos 
Este é o tempo que devo demorar a dar uma braçada completa (desde que começamos a dar a braçada, mergulhamos e voltamos a subir para estar na mesma posição), desta forma conseguimos que a força que fazemos para produzir este movimento entre em ressonância com a frequência natural do nosso pr&oacut

Lançados:
4 de nov. de 2018
ISBN:
9781386294948
Formato:
Livro

Sobre o autor

Autor de novelas y libros científicos


Relacionado a Perder Peso Em Uma Semana

Livros relacionados

Categorias relacionadas

Amostra do livro

Perder Peso Em Uma Semana - Pedro Hugo García Peláez

(SEGUNDA EDIÇÃO)

Publicado por PEDRO HUGO GARCÍA PELÁEZ

Copyright 2014 Pedro Hugo García Peláez

––––––––

Para a minha mãe, com todo o carinho, onde quer que ela esteja.

ÍNDICE

––––––––

1. A DOUTRINA DO TALMUDE - páginas 8-9

2. EFEITOS DA RESSONÂNCIA AO NADAR - páginas 10-14

3. EFEITOS DA RESSONÂNCIA NAS PERNAS - páginas 14-22 

4. O PESCOÇO E A CABEÇA - páginas 22-26

5. A LÍNGUA - páginas 26-33

6. BRAÇOS - páginas 33-36

7. OS BRAÇOS COMO UMA MOLA - páginas 36-41

8. TODO O CORPO COMO UM PÊNDULO - páginas 42-43

9. OS DEDOS DA MÃO - páginas 44-46

Prólogo:

––––––––

Eu tenho uma máxima:

«O que não se pode medir não serve para muito».

O que vou descrever neste livro não é uma descoberta científica, é simplesmente a aplicação da mecânica clássica aos movimentos dos braços, das pernas, etc.

A mecânica clássica é a mecânica de Newton e é a mecânica dos grandes corpos, não vamos entrar em considerações relativistas ou de mecânica quântica de nenhum tipo.

Basicamente, vou dar a você as ferramentas necessárias para que saiba os tempos nos quais deve mover diferentes partes do nosso corpo para entrar em ressonância com a frequência natural de diferentes partes do nosso corpo.

Para uma pessoa que não compreenda o fenômeno da ressonância há que ter alguma fé no que vou contar, mas vou tentar dar alguns exemplos para que compreenda este fenômeno.

Tecnicamente, entramos em ressonância com um oscilador físico, como um balanço ou os nossos próprios braços, quando existe outra força impulsionadora cuja frequência é praticamente igual a frequência natural do oscilador físico e se demonstra que a amplitude tende para o infinito quando ambas as frequências são praticamente iguais.

Para dar alguns exemplos, se uma pessoa empurrasse uma criança num balanço (ignorando a fricção das cordas do balanço) e essa força tivesse a mesma frequência que a frequência natural do balanço, se poderia considerar que, tal como um pêndulo, chegaria um momento em que a força impulsionadora se imporia e, no final, a criança sairia disparada, a amplitude do movimento do balanço seria enormemente ampliada (esperamos que ninguém teste a teoria).

Estas precauções também se usam no exército, já que quando um batalhão passa por uma ponte é normal que se mude o ritmo, já que a força das passadas em uníssono poderia entrar em ressonância com a estrutura da ponte, fazendo com que esta caísse, ou o já clássico exemplo da soprano que emite uma nota continuada com a mesma frequência da vibração de um copo que faz com que ele se quebre.

Podemos ver que não precisamos de uma força muito grande, tal como no caso da soprano, mas uma vez que entramos em ressonância com a frequência natural de outro oscilador a amplitude resultante tende para o infinito.

Vemos que a palavra-chave é «ressonância» e vou dar a você as ferramentas necessárias para que encontre o tempo em que deve mover

Você chegou ao final dessa amostra. Cadastre-se para ler mais!
Página 1 de 1

Análises

O que as pessoas acham de Perder Peso Em Uma Semana

0
0 notas / 0 Análises
O que você achou?
Nota: 0 de 5 estrelas

Avaliações do leitor