Comece a ler

Café

Notas:
17 páginas13 minutos

Resumo

Clara fala de café, da vida e da morte. Patriarcalismo, vida submetida. Cultura e submissão. O café que serve ao invisível.
Ela conta os fragmentos de sentimentos que se tornam explicações, ensinamentos e desavenças consigo mesma.
Amar e morrer. Viver para amar ou cuidar de abandonar a tristeza e viver o sorriso. A alegria estampada.
Conversa com o boneco, move-se com a música, dança e conta para os presentes quanto só se torna independente e é capaz de expressar o seu mundo interno.
Café é assim, uma peça que a personagem causa a si mesma na busca de liberdade.

Leia no app do Scribd

Baixe o app gratuito do Scribd para ler a qualquer hora, em qualquer lugar.