Encontre seu próximo livro favorito

Torne'se membro hoje e leia gratuitamente por 30 dias.
Yoga Sutras: O Livro dos Milênios

Yoga Sutras: O Livro dos Milênios

Ler amostra

Yoga Sutras: O Livro dos Milênios

Comprimento:
100 página
1 hora
Editora:
Lançado em:
Dec 18, 2015
ISBN:
9788568629529
Formato:
Livro

Descrição

O Yoga Sutras foi escrito em sânscrito e data provavel- mente do século IV a.C. Trata-se de uma das obras losó cas mais importantes da humanidade, um compêndio impres- sionante sobre a mente, uma síntese sobre o Yoga. O Yoga é a união entre mente, corpo e espírito. Sutra é uma forma literária representada por frases sintéticas de cunho moral e losó co. Esta obra é um conjunto de 196 sutras, apresentado em quatro partes (Pãda): Livro I - Samadhi Pãda, que apresenta de forma magis- tral o conjunto total do Yoga em 51 sutras. Livro II - Sãdhana Pãda, que reúne 55 sutras que apre- sentam de forma clara o caminho (Sãdhana) a ser seguido para atingir Samadhi, a percepção do íntimo. Livro III - Vibhutti Pãda, que traz 56 sutras que apresen- tam a glória dos poderes da mente e a forma de atingi-los. Livro IV - Kaivalya Pãda, que presenta, em 34 sutras, a sutras libertação do ser que está no nosso íntimo. José Duclerc apresenta os comentários dos Sutras sepa- rados em livros, tendo em vista a grandeza dos ensinamentos neles contidos. Este procedimento facultará ao leitor a percepção apropriada e, em sequência, de cada parte do Yoga Sutras. Leia e compreenderá.
Editora:
Lançado em:
Dec 18, 2015
ISBN:
9788568629529
Formato:
Livro

Sobre o autor


Relacionado a Yoga Sutras

Livros relacionados

Amostra do Livro

Yoga Sutras - José Duclerec

JDMS

José Duclerc Moretti Santana

YOGA SUTRAS

DE PATAñJALI

O LIVRO DOS MILÊNIOS

Livro II

Sadhana Pãda

Plataforma Bookstart:

Bernardo Obadia

Vítor Arteiro

Editor-chefe:

Bruno Castro

Revisão:

Marlene Guimaraes

Obra financiada pelo Bookstart, plataforma de financiamento coletivo focada no mercado editorial.

www.bookstart.com.br

Dados Internacionais de Catalogação na Publicação (CIP)

D837y Duclerc, José, 1948- Yoga Sutras: Livro 2/ José Duclerc

Rio de Janeiro, RJ: Bookstart, 2015.

120pp. : 14 x 21 cm

isbn 978-85-68629-52-9

1. Filosofia antiga, medieval e oriental. I. Título.

CDD: 180

Table of Contents

Dedicatória

PREFÁCIO

Introdução

Livro II - SÃDHANA Pãda

Livro III- VIBHUTI Pãda

Notas do autor

Referências Bibliográficas

Glossário

Dedicatória 

Dedico este livro à Sandra, mulher amada dos sonhos que surgiu fulgurante em minha vida!

Aos meus queridos filhos e netos que, em seus caminhos, descortinam o horizonte, e a quem pretendo entregar uma imagem de vida com ética, respeito, alegria e amor!

Aos meus amigos e a todos os leitores, para que possam ir além das minhas palavras e percebam o esplendor desta magnífica obra.

Que assim seja!

PREFÁCIO

Thiago Leão

Não posso começar sem dedicar essas humildes palavras aos pés de meu avô e guru professor, Jose Hermógenes. Pessoa a quem todos nós, do yoga no Brasil, agradecemos muito, pois sua presença de humilde serenidade e Luz firmou em nosso meio um Yoga de qualidade, com bons professores, bons livros e especialmente com o exemplo de dedicação e carinho a todos que com ele conviveram e vivenciaram o Yoga. Enfim, o prefácio deste livro não ficaria completo sem uma homenagem a Jay Guru Hermógenes.

Ainda hoje, lembro-me do aluno – e agora amigo – Duclerc, um empresário de sucesso, praticando com empenho no salão das sete janelas da Academia Hermógenes, ainda na Rua Uruguaiana 118, cobertura, vinte e sete anos atrás, quando iniciou sua jornada ao estudo e prática do Yoga e que até hoje empreende esse desafio de se manter no Caminho.

O Yoga é um percurso longo, mas suave, de percepção do que já somos, ou poderemos vir a ser, divinos e perfeitos, mas para isso é necessário a disciplina e a observância do Sãdhana como caminho de vida.

É, portanto, um percurso de prática e dedicação ao auto estudo e autoconhecimento de nosso próprio íntimo.

Assim, o intérprete desta obra tem o mérito de nos apresentar o esplendor da percepção Purusha, de forma simples e ao mesmo tempo completa.

Neste segundo Livro do Yoga Sutras, o sábio Patanjali nos apresenta justamente esse Sãdhana Pãda, ou seja, o caminho a seguir, que sem dúvida, junto com a Bhagavad Gita, é um dos textos principais dessa escola filosófica (Darshana) chamada yoga.

Os Yoga Sutras foram codificados pelo sábio Patanjali, mas vejam bem, ele não criou o yoga, mas teve um papel fundamental sistematizando-o, possibilitando que milhares de praticantes pudessem seguir essa fantástica trilha. Não só seguir, mas também aperfeiçoá-la, pois a vida é um crescente que atravessa gerações, e o yoga é isso, evolução do Ser humano!

Paradoxalmente, a Humanidade está atravessando uma enorme crise. Acredito muito que grande parte desse momento está justamente na falta da prática de valores que, juntos, vamos ver aqui neste livro.

Patanjali descreve e apresenta aqui, neste capítulo dos Yogas Sutras, o famoso Asthanga Yoga (Yoga das oito partes), também conhecido como Raja Yoga (yoga real). Apesar de parecer que são etapas que devemos concluir ou dominar totalmente uma para depois aprender a outra, não é bem assim. Na verdade, todas se relacionam e apresentam uma sincronia de percurso interdependente entre si. Como membros de um grande corpo de conhecimento e percepção, um depende do outro para o bom funcionamento do todo que é o Humano. Nós mesmos!

Namasté!

Introdução

No entanto, ao lê-la pela primeira vez, não pude perceber a profundidade de seu conteúdo. Causou-me curiosidade e surpresa, mas confesso que não pude de pronto perceber a totalidade de sua expressão. Acho que ainda hoje me surpreendo com o esplendor das reflexões que os Sutras causam no meu íntimo.

Creio que assim deve ter sido com todos aqueles que dedicaram atenção as suas preciosas linhas, e não foram poucos no decorrer dos milênios!

Esta obra foi escrita originalmente em sânscrito e assim permanece e permanecerá pelos idos do tempo. Seu autor foi o grande filósofo indiano chamado Patañjali, que viveu no século VI a.C. Nesse trabalho, Patañjali pretendia compilar a síntese da ciência do Yoga, que na ocasião era transmitida apenas de mestre para aluno, através de uma profunda interação prática e perceptiva.

Na verdade, muitos escritos sobre o Yoga já existiam, mas estavam espaçados em partes diversas do mundo, ao longo dos séculos e milênios. Se Patañjali pretendia transcrever uma síntese, ele conseguiu. E como!

Existe uma divergência entre os historiadores com relação à data da existência de Patañjali. Em função disso, não há um consenso sobre quando foram escritas as suas obras literárias. Alguns autores mencionam outras datas, como por exemplo, o século IV d.C.

Eu prefiro considerar aqui a data anterior à Era Cristã, por ter sido uma época aquinhoada com muitas mentes privilegiadas, que surgiram em diferentes regiões do mundo, como: Gautma Buda no século VI a.C. na Índia, Confúcio no século VI a.C. na China, Sócrates Platão e Aristóteles, entre os séculos IV e V a.C. na Grécia e muitos outros homens iluminados que podem

Você chegou ao final desta amostra. Inscreva-se para ler mais!
Página 1 de 1

Análises

O que as pessoas pensam sobre Yoga Sutras

0
0 avaliações / 0 Análises
O que você acha?
Classificação: 0 de 5 estrelas

Avaliações de leitores