Aproveite milhões de eBooks, audiolivros, revistas e muito mais

Apenas $11.99 por mês após o período de teste gratuito. Cancele quando quiser.

Educação Infantil - Um Guia para Educadores e Pais

Educação Infantil - Um Guia para Educadores e Pais

Ler a amostra

Educação Infantil - Um Guia para Educadores e Pais

Duração:
197 páginas
2 horas
Lançados:
24 de set. de 2018
ISBN:
9788547311384
Formato:
Livro

Descrição

Este livro é fruto de uma longa experiência dos autores, que elaboraram os temas dos capítulos aqui apresentados com base nas necessidades percebidas no cotidiano dos espaços de educação infantil. Tais temas, além de relevantes, suscitam reflexões e discussão, seja no ambiente familiar de casa, seja em espaços formais de cursos de capacitação ou treinamento de educadores, bem como no dia a dia das creches e escolas de educação infantil.

O livro foi escrito em linguagem simples, não acadêmica, tornando a leitura muito mais 'palatável', contudo permanecendo fiel às bases científicas. Portanto, as informações comunicadas em todos os capítulos não têm como base as "impressões pessoais" dos autores, mas são fruto dos seus conhecimentos empíricos e teóricos aliados à prática realizada em contextos da educação infantil, particularmente de creches.

Os temas foram agrupados em três partes. A Parte I é dedicada a apresentar um panorama a respeito do ambiente de creche/educação infantil e dos papéis desempenhados pelos atores envolvidos, particularmente dos educadores e da família, com destaque para os cuidados básicos a serem dispensados aos bebês e às crianças pequenas, não só no ambiente escolar, mas também no familiar. O objetivo principal dessa parte é suscitar reflexões sobre temas básicos e essenciais para a promoção do desenvolvimento infantil. A Parte II aborda temas relacionados ao desenvolvimento do bebê/criança pequena, visando a fornecer subsídios sobre as formas de promover o desenvolvimento infantil. Já na Parte III, o leitor encontrará uma série de 'boletins informativos' elaborados com o intuito de esclarecer aos pais aspectos do desenvolvimento infantil. São informações básicas comunicadas de forma breve, mas que podem ser extremamente úteis, facilitando as relações entre educadores e pais.
Lançados:
24 de set. de 2018
ISBN:
9788547311384
Formato:
Livro

Sobre o autor


Relacionado a Educação Infantil - Um Guia para Educadores e Pais

Livros relacionados

Artigos relacionados

Amostra do livro

Educação Infantil - Um Guia para Educadores e Pais - Lígia Ebner Melchiori

Editora Appris Ltda.

1ª Edição - Copyright© 2018 do autor

Direitos de Edição Reservados à Editora Appris Ltda.

Nenhuma parte desta obra poderá ser utilizada indevidamente, sem estar de acordo com a Lei nº 9.610/98.

Se incorreções forem encontradas, serão de exclusiva responsabilidade de seus organizadores.

Foi feito o Depósito Legal na Fundação Biblioteca Nacional, de acordo com as Leis nºs 10.994, de 14/12/2004 e 12.192, de 14/01/2010.

COMITÊ CIENTÍFICO DA COLEÇÃO EDUCAÇÃO, TECNOLOGIAS E TRANSDISCIPLINARIDADE

AGRADECIMENTOS

Este livro foi escrito a várias mãos. Ele é fruto de mais de uma década de trabalho desenvolvido na educação infantil. Houve intenso envolvimento dos alunos de Psicologia da Unesp de Bauru, aos quais agradeço imensamente pela dedicação e o interesse em contribuírem para o desenvolvimento de bebês e crianças pequenas em toda a sua potencialidade. Eles atuaram em diferentes frentes, trabalhando diretamente com as crianças nas escolas, com as educadoras, com os pais e também com as diretoras das escolas municipais de educação infantil, contribuindo com um olhar mais específico e ao mesmo tempo mais abrangente, uma vez que atuaram em diferentes contextos e ambientes. O entusiasmo com que executavam suas ações foi extremamente gratificante para mim. Ajudei-os a atuarem como psicólogos educacionais, contribuindo com a formação de cada um deles, orientando e acompanhando o trabalho que desenvolviam com as crianças e como agentes de formação junto às educadoras e aos pais, semanalmente. Cada texto aqui apresentado foi fruto de discussão conjunta, de intensa reflexão e revisão teórica. Aprendi muito com a convivência com eles e com o trabalho que desenvolveram, obrigada!

Agradeço também à Pró-Reitoria de Graduação da Unesp, que proporcionou condições para que este trabalho fosse realizado, mediante à concessão de bolsas para alguns alunos e recursos financeiros que ajudaram no desenvolvimento do trabalho nas creches.

Alguns docentes da Unesp e ex-alunos que por aqui passaram, hoje professores de graduação e de pós-graduação em diferentes universidades do País, também foram convidados a contribuir com capítulos específicos para enriquecer este livro. A todos, o meu sincero agradecimento.

Em especial, quero também agradecer aos bebês, às crianças, aos pais, às educadoras e às diretoras das escolas municipais de educação infantil, bem como aos responsáveis pela educação infantil da Secretaria Municipal de Educação de Bauru. Aprendemos muito com vocês e esperamos que este livro possa realmente facilitar a tarefa de educação infantil, tanto nas escolas quanto em suas residências.

Com carinho,

Lígia Ebner Melchiori

Promova o desenvolvimento e o aprendizado sadio de cada criança. Se perdermos as oportunidades iniciais de promover o desenvolvimento saudável, a reparação pode ser mais difícil e custosa, bem como menos efetiva, apesar do conhecimento, dos métodos e dos ambientes atualmente disponíveis.

(SHORE, 2000, p. 15-16)

PREFÁCIO

Educação infantil: um guia para educadores e pais surgiu do desejo imenso da organizadora, professora Lígia Ebner Melchiori, de ajudar não somente os educadores, particularmente de creches, mas também os pais das crianças que, muitas vezes, sentem-se ‘culpados’ por deixarem seus filhos o dia todo nas ‘mãos de um estranho’ – os educadores. O livro é fruto de uma longa experiência dos autores, que elaboraram os temas dos capítulos aqui apresentados com base nas necessidades percebidas no cotidiano dos espaços de educação infantil. Tais temas, além de relevantes, suscitam reflexões e discussão, seja no ambiente familiar de casa, seja em espaços formais de cursos de capacitação ou treinamento de educadores, bem como no dia a dia das creches e escolas de educação infantil.

O livro foi escrito em linguagem simples, não acadêmica, tornando a leitura muito mais palatável, contudo permanecendo fiel às bases científicas. Portanto, as informações comunicadas em todos os capítulos não têm como base as impressões pessoais dos autores, mas são fruto dos seus conhecimentos empíricos e teóricos, aliados à prática realizada em contextos da educação infantil, particularmente de creches.

Os temas foram agrupados em três partes. A Parte I é dedicada a apresentar um panorama a respeito do ambiente de creche/educação infantil e dos papéis desempenhados pelos atores envolvidos, particularmente dos educadores e da família, com destaque para os cuidados básicos a serem dispensados aos bebês e crianças pequenas, não só no ambiente escolar, mas também no familiar. O objetivo principal dessa parte é suscitar reflexões sobre temas básicos e essenciais para a promoção do desenvolvimento infantil. A Parte II aborda temas relacionados ao desenvolvimento do bebê/criança pequena, visando a fornecer subsídios sobre as formas de promover o desenvolvimento infantil. Já na Parte III, o leitor encontrará uma série de boletins informativos elaborados com o intuito de esclarecer os pais sobre aspectos do desenvolvimento infantil. São informações básicas comunicadas de forma breve, mas que podem ser extremamente úteis, facilitando as relações entre educadores e pais.

A Parte I, dedicada às reflexões teóricas e práticas com vistas a clarear as dualidades e inconsistências a respeito da definição dos papéis atuais no âmbito da educação infantil, e também gerar novos e criativos papéis que sejam compatíveis às funções dos educadores, no futuro, é composta por 10 temas. O primeiro deles destaca a história da creche por meio de apontamentos relevantes do passado recente ao presente, enfatizando a necessidade de conciliação entre os papéis de lidador e de estimulador e mediador do processo educativo exercido pela creche. Essa conciliação é, sem dúvida, a ponte para o estabelecimento de novos papéis, no futuro.

O segundo tema trata da importância de um planejamento intencional e consciente das ações a serem implementadas na creche e nas escolas de educação infantil, diferenciando esses de outros espaços de aprendizagem do cotidiano das crianças. Em seguida, é aprofundada a distinção entre os papéis do berçário/creche, como de assistência e cuidados, e da educação infantil, propiciada pela LDB de 1996, quando a creche passou a ser incluída como parte da educação infantil, desvinculando-se teoricamente de sua função apenas assistencialista que vigorava até então. As reflexões sobre o tema nos permitem traçar novas maneiras de pensar a dualidade cuidado-educação, úteis para esclarecer os referidos papéis e a prática no cotidiano de berçários e creches.

A importância da linguagem empregada pelos educadores, fundamental para o desenvolvimento saudável dos bebês sob sua responsabilidade, particularmente da constituição de sua subjetividade e da imagem simbólica do corpo da criança, é também destaque neste livro. Ênfase é dada à adequação de se utilizar palavras imbuídas de afeto, significado e sentido para os bebês. Não menos importante é o tema da interação social na creche, particularmente da mediação do educador para o desenvolvimento de habilidades de relação interpessoal que o bebê utilizará no seu curso de vida. Enfatiza-se a própria interação entre bebês e crianças pequenas no ambiente de creche.

Uma das questões que têm impacto direto nas interações no ambiente de educação infantil, e mesmo no ambiente familiar, é sobre o quanto as variáveis biológicas e ambientais podem influenciar o desenvolvimento da criança, tanto positiva como negativamente. Crianças retraídas e expansivas são objeto de reflexões no que concerne às reações provocadas no ambiente. Destaque é dado ao fato de que família e escola constituem ambientes complementares para a promoção do desenvolvimento das crianças. Dentre as variáveis ambientais que ajudam a promover o desenvolvimento infantil, ênfase é dada ao quanto as brincadeiras são necessárias para ajudar, inicialmente, na formação do cérebro dos bebês e, subsequentemente, no desenvolvimento emocional, cognitivo e social, respeitando-se as especificidades de cada etapa do desenvolvimento. As brincadeiras constituem excelentes oportunidades para explorar e aprender sobre o mundo; e é por meio delas que a criança organiza a sua realidade, aprende a lidar com suas capacidades e limitações, contribuindo assim para a constituição da inteligência e do equilíbrio emocional.

Os três últimos temas da Parte I são dedicados a suscitar reflexões sobre Família e escola: uma relação possível?, Higienização simples das mãos na creche e pré-escola: por que, quando e como? e Importância da boa higiene e hábitos alimentares para os bebês. Sem sombra de dúvida, precisamos estar atentos à qualidade dos dois ambientes fundamentais para o processo de desenvolvimento desde a mais tenra idade: a família e a escola. A interação saudável e regular entre ambos bem como a troca de experiências e informações trazem benefícios para todos os envolvidos, mas sobretudo para a criança, que tem o seu desenvolvimento potencializado. No contexto das relações entre escola e família, é primordial a busca por possíveis soluções para incidentes que prejudicam a relação entre eles. Sem dúvida, a parceria entre a família e a escola, particularmente nas figuras do educador e dos pais, possibilita planejar e implementar medidas preventivas e interventivas às necessidades das crianças. Mas, o desenvolvimento infantil não depende somente de interações sociais de boa qualidade. É importante também lançar um olhar para a higienização dos ambientes escolar e familiar, particularmente das mãos. A higienização das mãos previne doenças, reduzindo a probabilidade de

Você chegou ao final dessa amostra. Cadastre-se para ler mais!
Página 1 de 1

Análises

O que as pessoas acham de Educação Infantil - Um Guia para Educadores e Pais

0
0 notas / 0 Análises
O que você achou?
Nota: 0 de 5 estrelas

Avaliações do leitor