Aproveite milhões de e-books, audiolivros, revistas e muito mais, com uma avaliação gratuita

Apenas $11.99 por mês após o período de teste gratuito. Cancele quando quiser.

Autocoaching e emagrecimento: construindo o padrão magro e saudável
Autocoaching e emagrecimento: construindo o padrão magro e saudável
Autocoaching e emagrecimento: construindo o padrão magro e saudável
E-book221 páginas2 horas

Autocoaching e emagrecimento: construindo o padrão magro e saudável

Nota: 5 de 5 estrelas

5/5

()

Ler a amostra

Sobre este e-book

O livro 'Autocoaching e emagrecimento', de André Percia, destina-se a auxiliar seus leitores a emagrecerem através de um trabalho interno de ordem mental. O livro busca complementar, mas sem a pretensão de substituir, as intervenções necessárias de tratamentos médicos e/ou psicológicos necessários. Não se busca um compromisso de que o leitor irá emagrecer, mas entregar ao participante
do programa de autocoaching ferramentas de grande poder para transformar sua vida. Cada pessoa deverá encontrar uma forma de fazer o programa funcionar, com regularidade e disciplina, construindo inconsciente e profundamente um padrão magro e saudável. O engajamento que o programa exige deve ser pleno, o que significa ler, entender e fazer os exercícios conforme orientado em cada caso, pois só assim será possível modificar os padrões de pensamento, até mesmo no nível consciente, possibilitando uma transformação profunda e duradoura.
IdiomaPortuguês
Data de lançamento1 de out. de 2016
ISBN9788556620477
Autocoaching e emagrecimento: construindo o padrão magro e saudável
Ler a amostra

Leia mais títulos de André Percia

Relacionado a Autocoaching e emagrecimento

Ebooks relacionados

Categorias relacionadas

Avaliações de Autocoaching e emagrecimento

Nota: 5 de 5 estrelas
5/5

2 avaliações0 avaliação

O que você achou?

Toque para dar uma nota

A avaliação deve ter pelo menos 10 palavras

    Pré-visualização do livro

    Autocoaching e emagrecimento - André Percia

    Créditos

    © Jaguatirica, 2016

    Nenhuma parte desta obra poderá ser reproduzida

    ou armazenada, por quaisquer meios, sem a autorização prévia e por escrito da editora e do autor.

    editora Paula Cajaty

    projeto gráfico 54

    d

    esign

    revisão Helder Novaes

    Dados Internacionais de Catalogação na Publicação

    Sindicato Nacional dos Editores de Livros,

    rj

    P483a

    Percia, André

    Autocoaching e emagrecimento: construindo o padrão magro e saudável / André Percia. - 1. ed. -

    Rio de Janeiro : Jaguatirica, 2016.

    178 p. : il. ; 23 cm.

    isbn

    978-85-5662-046-0

    1. Psicologia. 2. Dieta. 3. Emagrecimento.

    I. Título.

    16-36322

    CDD

    : 155

    CDU

    : 159.92

    19/09/2016 22/09/2016

    Editora Jaguatirica

    rua da Quitanda, 86, 2º andar, Centro

    20091-902 Rio de Janeiro

    rj

    tel. [21] 4141-5145, [21] 3747-1887

    jaguatiricadigital@gmail.com

    editorajaguatirica.com.br

    Sumário

    Introdução

    Coaching e autocoaching aplicados ao emagrecimento

    Capítulo 1

    Lembrando de esquecer do padrão gordo

    Construir um padrão magro e saudável

    Ampliando a percepção do desafio de emagrecer

    Capítulo 2

    É possível mudar!

    Como formamos padrões negativos e limitantes?

    Capítulo 3

    A zona de conforto

    A zona de conforto e referências pessoais autoimpostas

    Workshop inspirado no trabalho de Moss

    Capítulo 4

    Alinhando–se para mudar!

    Mapeamento dos níveis neurológicos

    Alinhamento dos níveis neurológicos para o emagrecimento

    Capítulo 5

    Aprendendo a construir recursos e a vencer desafios

    Capítulo 6

    Integrando as sombras

    Capítulo 7

    Ampliando suas escolhas para emagrecer!

    Resolvendo conflitos no tetralema com PNL da terceira geração (exercício inspirado nas técnicas de Robert Dilts e de Stephen Guilligan).

    Capítulo 8

    Dissipando a hesitação sobre estruturar o padrão magro e saudável

    Capítulo 9

    Navegação para o sucesso

    A intenção positiva do padrão gordo

    Capítulo 10

    Construindo metas para o emagrecimento e a forma ideal

    Capítulo 11

    A estratégia das pessoas naturalmente esbeltas

    Capítulo 12

    Técnicas que ajudam a construir o padrão magro e saudável − técnica do Dr. Ronald Ruden para sentir-se bem (inspirado em Paul McKenna)

    Modificando a fome (inspirado em Paul Mckenna)

    Destruindo compulsões

    Swish – modificando a compulsão de comer

    Algumas variações no swish as quais você pode experimentar: Swish visual – tipo tamanho/brilho

    Swish visual – tipo distância/cor

    Capítulo 13

    Ressignificando como me sinto por dentro criando uma âncora para experimentar calma e tranquilidade

    Ressignificando a autoestima

    Capítulo 14

    Gerando o comportamento magro e saudável

    Pistas de Acesso – Movimentos Oculares

    Capítulo 15

    Alavancando a vontade de fazer o que deseja

    Capítulo 16

    Assumindo o controle do estado atual e desejado (inspirado em Richard Bandler)

    Capítulo 17

    Engenharia mental em ação (inspirado em Richard Bandler)

    Capítulo 18

    Criando memórias – gerando experiências mentais impactantes (inspirado em Richard Bandler)

    Capítulo 19

    Novos modelos mentais e comportamentos para sua mudança

    Mudando modelos mentais

    Capítulo 20

    Fases da mudança (inspirado no trabalho de James Proshaska)

    Criando e ensaiando novos comportamentos

    Perguntas para consolidar a mudança para o padrão magro

    Capítulo 21

    Emagrecimento e linhas de tempo

    Capítulo 22

    O poder da intenção além do tempo

    Capítulo 23

    Fechamento do processo e consolidação das mudanças

    Referências bibliográficas

    Introdução

    Coaching e autocoaching aplicados ao emagrecimento

    Para Cox, Bachkiriva e Cutterbuck, coaching poderia ser visto como um processo de desenvolvimento humano o qual envolve uma interação focalizada e estruturada com uso apropriado de ferramentas estratégias e técnicas para promover mudanças desejáveis e sustentáveis para o benefício de coachees (clientes) e potencialmente para stakeholders.

    Coaching tem suas raízes intelectuais em uma variedade de disciplinas, como a psicologia social, teoria da aprendizagem, teorias sobre o desenvolvimento humano e organizacional, filosofia existencial e fenomenológica e muitas outras.

    Consultando o Dicionário Online de Etimologia, descobrimos que coach deriva de uma cidade chamada Kocs, no norte da Hungria, onde foram concebidas as carruagens levadas por cavalos. O renomado desenvolvedor da

    PNL

    e do Coaching, Robert Dilts, vai adiante na metáfora de carruagem e diz que as pessoas são transportadas de um lugar para o outro num container que as protege e guarda. Ele também acha que o coach (profissional) deve criar um container seguro (processo, condições) para o coaching funcionar da melhor maneira. Por isso, coach é uma palavra para designar carruagens que serviam para levar as pessoas de um lugar para o outro.

    Coach é também a palavra que se popularizou no universo dos esportes para o treinador de um atleta ou equipe esportiva. Ambas as descrições acabam funcionando bem como analogias para o processo de Coaching. O significado de coach como um instrutor, ou treinador, data aproximadamente dos anos de 1830 e era uma gíria na Universidade de Oxford na Inglaterra para designer o tutor que carregava o estudante para um exame e, mais tarde, começou a ser aplicado na melhoria do desempenho dos atletas.

    O coach detém conhecimento que possibilita o mapeamento de padrões pessoais, além de recursos e ferramentas capazes de promover o desenvolvimento de competências consistentes com a demanda do mercado, ou que estejam sendo requeridas por organizações ou cargos, funções, tarefas ou projetos específicos.

    Para David Clutterbuck, o profissional de coaching atua como um estimulador externo que desperta o potencial interno de outras pessoas, usando uma combinação de paciência, insight, perseverança e interesse (às vezes chamado de carisma) para ajudar os receptores de coaching (Coachees ou clientes) a acessarem seus recursos internos e externos e, com isso, melhorar seu desempenho.

    A presente obra poderia ser incluída na categoria de autocoaching pois é um processo orientado desenhado com base no coaching, para ser usado por clientes finais, ou seja, aqueles que necessitam dos resultados da construção de um padrão magro e saudável em suas vidas. Completamente voltado para a prática, com muito menos ênfase na teoria, o objetivo aqui é colocar nas mãos do usuário um manual para gerar resultados.

    Tal como quando você compra um carro ou um aparelho de som, você recebe instruções de como operar o equipamento, e não das questões elétricas e mecânicas deste. Não obstante, profissionais formados em coaching e programação neurolinguística, e especialmente coaching com

    pnl

    , facilmente reconhecerão padrões dessas disciplinas, e poderão trabalhar com seus clientes com base nas técnicas e abordagens aqui apresentadas.

    Profissionais que trabalham com emagrecimento em geral, sejam nutrólogos, nutricionistas, medicos, psicólogos, personal trainers e preparadores físicos, entre outros, encontrarão ferramentas complementares para seus clientes ou podem sugerir esta obra como complemento a seus programas, pois ela fornece meios específicos e objetivos para trabalhar a dimensão psicológica e motivacional do processo de emagrecer, o que falta em muitos casos. O cliente sabe e compreende que tem em mãos um bom programa de exercícios e alimentação, mas apenas saber não faz com que eles se motivem a construir uma mudança, muito menos uma mudança sustentável. A

    PNL

    e suas ferramentas podem ajudar a mudar a forma como pensamos e mantemos o padrão gordo acionando poderosos processos internos os quais favorecem mudanças!

    A Programação Neurolinguística ou

    PNL

    foi criada na Califórnia (

    EUA

    ) no início dos anos 1970 sob forte influência do Movimento do Potencial Humano, e é uma metodologia que estuda a forma como as pessoas pensam e se comunicam, resultando no desenvolvimento de habilidades e competências, podendo ser usada, aprendida e aplicada por qualquer pessoa. Apesar disso, a

    PNL

    é também uma Psicologia com publicações acadêmicas sobre o tema.

    Como Richard Bandler, um dos criadores, diz: A Programação Neurolinguística é um processo educacional sobre como usar melhor o nosso cérebro.

    Bandler e Grinder modelaram a estrutura da excelência de vários terapeutas que obtinham resultados excelentes como Fritz Perls, Milton Erickson e Virginia Satir, seguidos de outros, assim como processos de cura, mudança e superação diversos, que resultaram em famosos padrões na

    PNL

    como a cura rápida de fobias, entre outros.

    O objetivo da metodologia é melhorar a qualidade de vida das pessoas, através de técnicas diversas as quais ampliam as escolhas, tanto no âmbito pessoal e familiar, quanto no ambiente profissional, ressignificando problemas e enfrentando adversidades.

    Em muito menos tempo do que em terapias tradicionais, pessoas podem reestruturar suas questões internas de forma profunda e efetiva.

    Hoje temos pouco tempo para mudar e se adaptar às adversidades e o coaching, a hipnoterapia e a neurolinguística, quando bem aplicados, podem fazer em menos de dez sessões o que tratamentos tradicionais faziam em 11 anos, como nos casos de depressão, por exemplo.

    NEURO

    refere-se ao sistema nervoso e como este processa informações e codifica-as como memórias em nosso corpo e neurologia. Refere-se a experiências na forma em que foram imputadas, processadas e ordenadas pelos nossos mecanismos e processos neurológicos.

    LINGUÍSTICA

    indica que o processo neural da mente vem codificado, ordenado e com significado através da linguagem, sistemas de comunicação e vários sistemas simbólicos (gramática, matemática, música, ícones).

    PROGRAMAÇÃO

    refere-se tanto à sequência problemática que gera estados limitantes quanto ao que se faz para consertar e otimizar a vida das pessoas.

    Hoje a

    PNL

    é

    Está gostando da amostra?
    Página 1 de 1