Aproveite milhões de eBooks, audiolivros, revistas e muito mais

Apenas $11.99 por mês após o período de teste gratuito. Cancele quando quiser.

Jogos Geográficos na Sala de Aula

Jogos Geográficos na Sala de Aula

Ler a amostra

Jogos Geográficos na Sala de Aula

notas:
3/5 (2 notas)
Duração:
231 páginas
2 horas
Lançados:
12 de jun. de 2018
ISBN:
9788547313159
Formato:
Livro

Descrição

Este livro foi escrito com o objetivo de apresentar uma proposta de Jogos Geográficos para professores da Educação Básica, licenciandos e interessados na temática. Dentro dele você encontrará sequências didáticas que foram pensadas e desenvolvidas alinhadas ao currículo escolar de Geografia, abordando diversos temas como o ensino de noções e conceitos necessários para o pensamento espacial e para a compreensão de mapas. A obra propõe, ainda, diversas situações de aprendizagem que vão desde a simples identificação e localização de lugares vistos de cima até situações que exigem estratégias espaciais mais complexas, como se deslocar em um espaço orientado por um mapa na busca de um tesouro. A proposta de jogos foi pensada para ser aplicada para alunos do ensino fundamental, mas pode também ser adaptada para outros espaços de aprendizagem, como centros de educação ambiental, estudos do meio, ou ainda, como hobby para os apaixonados por mapas. A partir das descrições detalhadas da criação de cada jogo você poderá adaptá-lo com alternativas personalizadas. Convidamos a todos os interessados em utilizar ou construir jogos geográficos à leitura deste livro.
Lançados:
12 de jun. de 2018
ISBN:
9788547313159
Formato:
Livro

Sobre o autor


Relacionado a Jogos Geográficos na Sala de Aula

Livros relacionados

Artigos relacionados

Amostra do livro

Jogos Geográficos na Sala de Aula - Thiara Vichiato Breda

Editora Appris Ltda.

1ª Edição - Copyright© 2018 dos autores

Direitos de Edição Reservados à Editora Appris Ltda.

Nenhuma parte desta obra poderá ser utilizada indevidamente, sem estar de acordo com a Lei nº 9.610/98.

Se incorreções forem encontradas, serão de exclusiva responsabilidade de seus organizadores.

Foi feito o Depósito Legal na Fundação Biblioteca Nacional, de acordo com as Leis nºs 10.994, de 14/12/2004 e 12.192, de 14/01/2010.

COMITÊ CIENTÍFICO DA COLEÇÃO EDUCAÇÃO, TECNOLOGIAS E TRANSDISCIPLINARIDADE

Dedico este livro ao meu avô (in memoriam),

por tudo o que ele representa em minha vida.

Lewis Carroll - Entrando na toca do coelho

agradecimentos

Este trabalho com jogos está em andamento há quase uma década. Durante esse pequeno espaço-tempo da minha trajetória, muitas crianças e adultos inspiraram-me e colaboraram tanto para a minha formação pessoal e profissional, como para a escrita deste livro. Seria impossível agradecer a cada uma dessas pessoas; mas, mesmo assim, agradeço a algumas delas:

À amiga e orientadora de iniciação científica, professora Andréa Zacharias, pela confiança e incentivo desde a elaboração do primeiro jogo.

Ao professor e amigo Alfonso de La Vega, pelas oportunidades e por aceitar carinhosamente escrever o prefácio deste livro.

Ao professor Jefferson Picanço, pela orientação que tornou possível a conclusão do mestrado.

Aos companheiros do Ateliê de Pesquisas e Práticas em Ensino de Geografia (Apegeo), pelos diálogos compartilhados. Em especial, ao professor Rafael Straforini, por sua sensibilidade como líder do grupo.

À todas as professoras e aos professores de escolas nas quais trabalhei e, em especial, às professoras da rede municipal de ensino de Campinas, que não só construíram novos jogos, mas também compartilharam comigo suas histórias, sonhos e seus saberesfazeres. Foi com elas que aprendi a ser professora-formadora.

À minha família que, embora distante, não mediu esforços para me apoiar nesta caminhada.

Ao Douglas Domiciano, pelo auxílio na arte gráfica. Sua colaboração deu graça aos jogos.

À Capes, pela concessão da bolsa de mestrado, apoio fundamental para que a pesquisa fosse realizada com exclusividade.

À Fapesp, pelo apoio financeiro com concessão da bolsa na graduação, no doutorado e no estágio de pesquisa no exterior, além do custeio da confecção das coleções Jogos Geográficos e Jogos Geográficos na escola.

À Secretaria Municipal de Educação de Ourinhos e à EMEF Jandira Lacerda Zanoni, pela confiança em mim depositada, especialmente à coordenadora Fabíola Pompéia.

Às minhas primeiras turmas de alunos da EMEF Jandira Lacerda Zanoni (turma 601 e 604 de 2010), que me fizeram crescer como docente e permitiram que eu desfrutasse do prazer de ensinar.

Ao Tadeu, pela companhia e apoio incondicional e as muitas xícaras de chá.

Às amigas e companheiras de profissão Viviane, Helena, Ana Paula e Anniele, pelas inúmeras conversas que inspiraram muitas ideias e reflexões que vão além da vida acadêmica.

À amiga Andrea, pelas ideias e sugestões dos nomes dos jogos e pela escuta sempre atenta.

À editora Appris pelo convite à publicação, possibilitando revisitar antigas ideias já quase engavetadas.

A você, leitora ou leitor, que ainda que não te conheça, esteve presente no meu pensamento durante a tradução do texto acadêmico para esse livro.

Prefácio

Este livro tem a personalidade de sua autora, Thiara. Simplicidade na estrutura, clareza na exposição, generosidade na transmissão do conhecimento geográfico e gratidão para com quem compartilha a criação de seus jogos. O livro é original porque consiste em uma proposta educativa que aborda noções espaciais por meio de materiais cartográficos lúdicos. A proposta prática inclui as diretrizes didáticas necessárias para a construção dos jogos e sua utilização em sala de aula. Além disso, esses jogos geográficos são propostas de aprendizagem para desenvolver habilidades do pensamento espacial, trabalhando a cartografia como uma estratégia de ensino, e não como um conteúdo em si. E, finalmente, a autora transforma a colaboração do professor na chave educacional imersa na formação inicial e continua dos professores.

A estrutura do trabalho é clara e focada para o propósito da criação de jogos. No primeiro capítulo é estabelecido o quadro teórico que fornece significado as variadas conceituações de jogos. No segundo capítulo é apontado algumas reflexões da alfabetização na perspectiva do letramento cartográfico. Já no terceiro capítulo ela brinda-nos com os detalhes das etapas para a construção dos jogos geográficos. E, no quarto capítulo, algumas abordagens didáticas são sugeridas para aplicar os jogos na sala de aula.

A escrita do livro mostra uma clareza, em que a autora expõe a narrativa de sua longa carreira pessoal e profissional. Em seu itinerário profissional identifica a necessidade de encontrar situações lúdicas em sala de aula para motivar os estudantes. Ela encontrou as primeiras possibilidades educacionais de jogos na cartografia, fazendo um jogo de simulação de tabuleiro mediante uma abordagem didática em um parque urbano.

Em suas pesquisas, explorou as possibilidades da narrativa a partir de suas experiências pessoais e profissionais. Essas narrativas levaram Thiara, uma exploradora valente, a reencontrar lugares amados, situações memoráveis e pessoas sensíveis. A exploração envolve sempre seus riscos e suas descobertas, suas situações inesperadas e seus choques. No entanto, a coragem que autora demostrou revela que sempre teve forças para enfrentar situações novas.

A generosidade de Thiara é explicitada na segunda parte do livro, em que ela compartilha detalhadamente os planejamentos e roteiros da construção dos jogos de seu blog. Nessa parte do livro, ela extrapola a ação do jogar para etapas anteriores como planejar, preparar e produzir o próprio jogo pedagógico, descrevendo os objetivos, os materiais utilizados e os conteúdos integrados. Além disso, a chave para o seu desenvolvimento profissional e acadêmico reside no reconhecimento dos professores. Com eles, e a partir das necessidades educacionais deles, a autora construiu os jogos aqui presente.

Neste livro, os jogos são apresentados como uma aposta didática na educação geográfica, pois eles estão ligados aos espaços representados como ruas, parques e a própria cidade das crianças. Aqui, os objetivos específicos são propostos para dois tipos de jogos, alguns feitos por imagens e outros por simulação. O fundamento didático do jogo envolve a abordagem educacional que é vivenciada na terceira seção do livro.

Em suma, a obra sugere possibilidades de abordagens didáticas com a construção dos jogos. O contributo substancial deste trabalho consiste em envolver professores no desenvolvimento de materiais de essência lúdica, sem perder o valor do conhecimento, e onde os conceitos abstratos referentes ao pensamento espacial e as noções cartográficas possam ser explorados de diferentes maneiras.

Alfonso García de la Vega

Dr. de Geografía

Universidad Autónoma de Madrid (Espanha)

Facultad de Formación de Profesorado y Educación

SUMÁRIO

Iniciando nossa conversa...

PARTE i

Reflexões Teórico-Práticas

Capítulo 1

JOGO: um breve referencial teórico

1.1 | O jogo no processo de ensino e aprendizagem da Geografia 

Capítulo 2

Alfabetização na perspectiva do letramento cartográfico

2.1 | Construção do pensamento espacial: do espaço percebido ao

espaço representado 

2.2 | Jogando com a cidade: o lugar como estratégia didática 

PARTE II

Planejando E Criando Jogos Geográficos

Capítulo 3

Jogos geográficos: como construir? 

3.1 | Introdução aos jogos de imagens 

3.1.1 | Planejando jogos de imagens 

3.1.2 | Construindo jogos de imagens 

3.2 | Introdução aos jogos de simulação 

3.2.1 | Planejando jogos de simulação 

3.2.2 | Construindo jogos de simulação 

PARTE IIi

Jogando – Alguns Relatos De Caminhos Metodológico

Capítulo 4

Sequências didáticas com a utilização dos jogos

4.1 | Sequência didática com jogos de imagens 

4.1.1 | Ideias para trabalhar conteúdos específicos 

4.2 | Sequências didáticas com Jogos de

Você chegou ao final dessa amostra. Cadastre-se para ler mais!
Página 1 de 1

Análises

O que as pessoas acham de Jogos Geográficos na Sala de Aula

3.0
2 notas / 0 Análises
O que você achou?
Nota: 0 de 5 estrelas

Avaliações do leitor