Curta este título agora mesmo, além de milhões de outros, com um período de avaliação gratuita

Grátis por 30 dias, depois $9.99/mês. Cancele quando quiser.

Astrologia preditiva. Estudo dos acontecimentos

Astrologia preditiva. Estudo dos acontecimentos

Ler amostra

Astrologia preditiva. Estudo dos acontecimentos

avaliações:
5/5 (1 avaliação)
Comprimento:
134 páginas
1 hora
Lançado em:
Apr 11, 2019
ISBN:
9788832586497
Formato:
Livro

Descrição

Prova sinossiTexto de astrologia prática de fácil compreensão para o leitor que conhece os fundamentos da astrologia.
Os eventos são analisados com a ajuda-interpretação do mapa astral, trânsitos, revolução solar e lunar, as direções e as estrelas fixas.
As dezesseis regras de um gráfico com potencial nefasto, coincidências astrais e algumas teorias originais de Antares Stanislas estão incluídas no texto.
* Página: 181; segunda edição.
Antares Stanislas  Nascido em 19 de maio de 1973, em Roma,
é astrólogo, adivinho e pesquisador há mais de 20 anos. É conhecido por suas inúmeras atividades e artigos on-line, mas principalmente por suas publicações sobre Tarô e suas previsões que logo se confirmaram. A data dessas previsões pode ser comprovada pelas datas das publicações no Facebook e vídeos no YouTube. Site: Astroamore2000.altervista.org
Lançado em:
Apr 11, 2019
ISBN:
9788832586497
Formato:
Livro

Sobre o autor


Relacionado a Astrologia preditiva. Estudo dos acontecimentos

Livros relacionados

Amostra do Livro

Astrologia preditiva. Estudo dos acontecimentos - Antares Stanislas

Antares Stanislas

Astrologia preditiva.

Estudo dos acontecimentos

Mapa astral - Trânsitos – Revoluções,

Interpretações e previsões astrológicas

© Direitos autorais

Título do livro: Astrologia preditiva. Estudo dos acontecimentos

Autor: Giampiero Tirelli com pseudômino Antares Stanislas

© 2016, Giampiero Tirelli

TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. A reprodução, mesmo parcial, por qualquer meio, está proibida sem a prévia autorização e por escrito do autor.

Introdução

Quem me lê e me segue está acostumado com textos muito práticos, com exemplos reais e confirmados. Por um lado, analiso e interpreto o leitor de consultas ou casos, a partir do meu ponto de vista, ou seja, subjetivo e, por outro lado, lhes darei a conhecer as minhas novas hipóteses e teorias que surgem da experiência. Neste texto vou tentar unir estas duas faces da mesma moeda. Vamos analisar alguns casos com os métodos clássicos da astrologia e sempre que possível, vamos utilizar o mesmo caso para demostrar que algumas das minhas novas hipóteses não carecem de lógica astrológica.

O leitor que conhece os fundamentos da astrologia ou os mais experientes, sem dúvida terão a oportunidade de ler e analisar meu método de interpretação do mapa astral, trânsitos e revoluções. Os principiantes nesta área aprenderão outros modos de interpretar – os astros – enquanto que os peritos contarão com ótimos códigos de reflexão para aprofundar algumas das minhas suposições e métodos de interpretação. Escrever longos tratados de astrologia ou cartomancia não me interessa, considerando que há escritores talentosos que gastaram muita tinta para explicar os trânsitos planetários individuais, quais são os aspectos, o que fazem e assim sucessivamente. Devo dizer que estes autores, em sua maioria, fizeram um excelente trabalho e não sei, humildemente, fazê-lo melhor ou pelo menos gostaria de acrescentar mais um livro aos muitos que foram escritos. Pensei em fazer uma introdução diferente e original para o leitor.

Conhecer o conceito e o significado dos seguintes pontos: os aspectos, os planetas e as casas astrológicas, sendo um requisito prévio para a leitura e compreensão desta área. Mesmo quando o leitor, amante deste tema, conte com pouco conhecimento, pode se divertir com a leitura já que não apenas explico os acontecimentos do ponto de vista astrológico, mas também contarei as histórias associadas como um bom filme que irá mantê-los atentos aos fatos.

Alguns destes acontecimentos exigiram da minha parte pesquisa histórica, que foi difícil em certos casos, mas com frequência um astrólogo para estudar uma celebridade (ou menos) deve fazer um estudo sobre sua personalidade e sua carreira, etc.

Com frequência, li na web e em alguns livros, as interpretações astrológicas forçadas de acontecimentos posteriores. Minha intenção não é forçar para demonstrar os acontecimentos. Há colegas que dão à sétima casa o significado de acidentes ou dores enquanto que eu simplesmente atribuo o significado da burocracia, leis, sócios, os ataques e tudo que a maioria dos astrólogos atribui ao significado da casa astrológica.

Caso contrário, todas as vezes acabaremos acidentalmente explicando um acidente se o Sol, um stellium, o ascendente ou Marte está presente em revolução ou em trânsito em todas casas astrológicas. Muito fácil. Não gosto de forçar interpretações. Lembro como muitos colegas têm escrito sobre assassinos e outros temas natalícios, inventando interpretações absurdas, forçadas; para mais adiante, meses depois, descobrir que o assassino era outra pessoa.

Para dar um simples exemplo simplificado, se tenho que analisar uma mudança de casa, então vou ter um método astrológico que me diz sobre a quarta casa. É um exemplo, mas direi que não vou interpretar o sétimo setor como problemas burocráticos que são inerentes ao setor apenas para demostrar que os trânsitos ou revoluções funcionam. Mas se a sétima casa está vinculada ao significado da carta por revolução ou trânsito então é possível, mas tente compreender o que eu quis dizer com forçar a interpretação.

Também consegui acrescentar acontecimentos, mas a ideia não me estimula nem me gratifica.

Premissas para uma leitura bem-sucedida

Cada astrólogo interpreta os astros de acordo com a escola ou os autores que segue ou lê seus textos. Aconselho ler a maior quantidade de autores que puder; aprender sobre tudo nunca é demais. Faça consultoria, nossas experiências depois serão a nossa arte, levando-nos a personalização dos métodos, que depois se transformam, com satisfação, em nossa filosofia de interpretação.

Sigo autores como Barbault, Ciro Discípulo, Volguine, Antares, Erik Van Slooten e Morpurgo. Quem compra estes textos, que não é para todo mundo, apenas para principiantes e profissionais, com certeza terá lido os autores mencionados, compreendendo meus comentários e explicações que darei nas análises dos eventos.

Também contribuo com minhas interpretações, com isto não digo que seguir os autores signifique copiar até a medula seus métodos e maneiras de interpretação, mas é definitivamente uma premissa necessária que pode ajudar a compreender algumas das minhas interpretações dos eventos. Porque iremos falar muito de planetas, signos, casas e aspectos, eu gostaria de fazer um breve resumo com seus significados, a fim de evitar fazer menção permanente, cada vez que analiso um evento específico ou menciono as casas envolvidas.

CASAS E CAMPO DE EXPERIÊNCIA

Primeira casa:

Ser e agir. Autonomia.

Isto indica a maneira mais efetiva de expressar a individualidade e como ela é dirigida para o exterior. Como somos percebidos a partir do exterior.

Segunda casa:

É a segurança em termos materiais.

Bens materiais: dinheiro, propriedade, bens. Potencial da personalidade. Nossa imagem.

Terceira casa:

Aprendizagem e comunicação.

A inteligência concreta, os meios de comunicação. O círculo que o rodeia: irmãos, parentes, amigos próximos. Escritos. As viagens curtas.

Quarta casa:

As raízes do ser.

O interior, a família, os pais. A casa e o ambiente familiar. A sensação de segurança. O refúgio, o final da vida, a segunda parte da vida.

Quinta casa:

O ser criativo.

Criação, recriação e procriação (amores, entretenimento e esporte, jogos, crianças, etc.)

Sexta casa:

Adaptação e disciplina

Na vida cotidiana (saúde, emprego), como o crescimento ou a derrota (a consciência, o sofrimento, a doença, a dependência).

Sétima casa:

Ser e agir sobre outros

A maneira de se relacionar. As relações em geral

Você chegou ao final desta amostra. Inscreva-se para ler mais!
Página 1 de 1

Análises

O que as pessoas pensam sobre Astrologia preditiva. Estudo dos acontecimentos

5.0
1 avaliações / 0 Análises
O que você acha?
Classificação: 0 de 5 estrelas

Avaliações de leitores