Comece a ler

Educação nas Prisões

Notas:
665 páginas8 horas

Resumo

Prisão: lugar de castigo ou de preparo para reconviver com a sociedade? A tradição histórica é a da penitenciária, isto é, lugar de penitenciar-se, sofrer pelos pecados. Esta visão insuficiente esquece que as penas são finitas e um dia o preso voltará à sociedade. Como? Para delinquir ou viver uma vida nova? Em vez de ações educativas, atividades culturais e formação profissional, instala-se a ociosidade no Brasil e em muitos outros países. Este livro é um desafio ao clima de ócio: escrito por muitas mãos do Brasil, Argentina e Portugal, de várias especialidades, apresenta experiências concretas e reflexões sobre as prisões. Mostra que a mudança é possível, inclusive para grupos mais vulneráveis entre os vulneráveis, como as mulheres. A obra se destina à sociedade em geral, a educadores, operadores do Direito, àqueles que trabalham com os internos. Eles podem, apesar dos muitos pesares, acender a luz da esperança e a sociedade espera a sua esperança.

Leia no app do Scribd

Baixe o app gratuito do Scribd para ler a qualquer hora, em qualquer lugar.