Aproveite milhões de eBooks, audiolivros, revistas e muito mais

Apenas $11.99 por mês após o período de teste gratuito. Cancele quando quiser.

Mente Pobre Mente Rica

Mente Pobre Mente Rica

Ler a amostra

Mente Pobre Mente Rica

notas:
5/5 (3 notas)
Duração:
185 páginas
2 horas
Editora:
Lançados:
29 de out. de 2019
ISBN:
9781393071501
Formato:
Livro

Descrição

Neste guia descobrirá a verdadeira razão como é que uma mente pobre pensa e as crenças agarradas a ela, e a diferença como uma mente rica pensa. E o que pode fazer para alterar a sua forma de pensar, se deseja ser milionário.

Todos acreditamos em crenças que nos são ensinadas desde pequenos e acreditamos nelas, porque acreditamos nos nossos pais, se eles dizem que é assim, é porque é verdade.

Saiba que o relacionamento com o dinheiro e riqueza é diferente para uma mente rica e uma mente pobre.

Chamo a este guia mente pobre, mente rica por causa da diferença de mentalidades entre classes sociais. Explico também porque é que cada tipo de mentalidade tende a agir da forma como age, saiba mais em cada capítulo.

Descubra aqui quais são as principais razões porque é que a classe média tem uma mentalidade pobre relativamente ao dinheiro, e como pensa a classe milionária sobre o dinheiro e como isso acaba por influenciar ganhar ainda mais dinheiro.

Se entender as diferenças neste guia, existe uma grande probabilidade de conseguir a vir um milionário.

Editora:
Lançados:
29 de out. de 2019
ISBN:
9781393071501
Formato:
Livro

Sobre o autor


Relacionado a Mente Pobre Mente Rica

Livros relacionados

Artigos relacionados

Amostra do livro

Mente Pobre Mente Rica - M. F. COOPER

M. F. Cooper

INDICE

Introdução

Capitulo 1

Capitulo 2

Capitulo 3

Capitulo 4

Capitulo 5

Capitulo 6

Capitulo 7

Capitulo 8

Capitulo 9

Capitulo 10

Conclusão

Introdução

Neste guia descobrirá a verdadeira razão como é que uma mente pobre pensa e as crenças agarradas a ela, e a diferença como uma mente rica pensa. E o que pode fazer para alterar a sua forma de pensar, se deseja ser milionário.

Todos acreditamos em crenças que nos são ensinadas desde pequenos e acreditamos nelas, porque acreditamos nos nossos pais, se eles dizem que é assim, é porque é verdade.

Saiba que o relacionamento com o dinheiro e riqueza é diferente para uma mente rica e uma mente pobre.

Chamo a este guia mente pobre, mente rica por causa da diferença de mentalidades entre classes sociais. Explico também porque é que cada tipo de mentalidade tende a agir da forma como age, saiba mais em cada capítulo.

Descubra aqui quais são as principais razões porque é que a classe média tem uma mentalidade pobre relativamente ao dinheiro, e como pensa a classe milionária sobre o dinheiro e como isso acaba por influenciar ganhar ainda mais dinheiro.

Se entender as diferenças neste guia, existe uma grande probabilidade de conseguir a vir um milionário.

Capítulo 1

Diferença #1

A classe média acredita que as pessoas ricas são mais inteligentes...

Classe Milionária acredita que as pessoas ricas são mais experientes...

A inteligência humana é um dos assuntos mais incompreendidos. Anos atrás, os acadêmicos mais brilhantes concordaram que a inteligência poderia ser identificada e medida em um quociente, razão pela qual muitos de nós realizamos testes de QI na escola. O que esses testes realmente medem é a capacidade de uma pessoa de memorizar e recuperar informações, a maioria das quais agora pode ser encontrada em segundos na internet. O cérebro humano é muito mais complexo do que qualquer teste escrito pode medir. A inteligência é o produto de talentos e habilidades lógicos, emocionais e espirituais difíceis de quantificar. A pergunta que deveríamos fazer não é; Quão inteligente você é?, Mas em vez disso; Como você é inteligente? Algumas pessoas são boas em memorizar fatos e números, o que as ajuda a se destacar na sala de aula. Outros possuem talento físico, o que os torna bons atletas. E alguns têm uma capacidade natural de se conectar com os outros em um nível emocional e espiritual, o que os ajuda a criar e manter relacionamentos saudáveis. Depois, há um segmento da sociedade que tem talento para ganhar dinheiro. Algumas dessas pessoas nasceram com um dom natural, mas a maioria aprendeu essa habilidade seguindo o exemplo de outra pessoa rica e modelando suas crenças, filosofias e comportamentos. Eles são mais experientes em dinheiro porque seguem um plano de ação, não porque são mais inteligentes. Todo mundo é inteligente de alguma forma. O segredo para ficar rico é entrar na mente de pessoas que já são ricas e descobrir como e o que pensam e acreditam sobre dinheiro. A única pessoa que pode ensiná-lo a pensar como um milionário é um milionário. Se a chave para a criação de riqueza fosse notas excelentes na escola, todos os graduados em suma todos seriam ricos. Acumular dinheiro tem mais a ver com o conhecimento de rua inteligente do que sua capacidade de memorizar informações e se destacar nos exames. Ficar bem informado sobre como ganhar e investir dinheiro terá mais impacto no seu patrimônio líquido do que qualquer outra coisa.

––––––––

Diferença #2

A classe média vê o dinheiro como controlador...

A classe Milionária vê o dinheiro como libertador...

A maioria de nós vê o dinheiro como algo que controla nossas vidas e determina o que podemos e o que não podemos fazer. Somos aconselhados por orientadores e professores bem-intencionados, ainda que mal informados, a seguir assuntos em que nos destacamos e que têm maior potencial de lucro. Muitos são instruídos na faculdade a estudar negócios, porque é aí que está o dinheiro. Todo esse conselho da classe média nos ajuda a desenvolver a crença de que o dinheiro controla todos os aspetos de nossas vidas e devemos nos render a ele. O dinheiro é visto pela classe média como o grande opressor. Essa é a crença mais difundida e limitadora sobre o dinheiro. A classe milionária vê o dinheiro como escravo, não como mestre. Essas pessoas estão no controle do dinheiro e se recusam a permitir que ele dite suas escolhas. Os grandes vêm o dinheiro como uma ferramenta de libertação. É algo a acumular para conforto e oportunidade, não algo a temer ou adorar. É por isso que pessoas de classe milionária buscam negócios, carreiras e paixões que amam, e não apenas aqueles em que se destacam. Essas pessoas estão operando a partir de uma consciência enraizada no amor e na abundância, que determina que elas sempre se movem em direção ao que desejam, em vez de se afastarem do que não querem. Os ricos tornaram-se ricos por pensar de maneira diferente da que muitos de nós fomos ensinados, e suas ações são o efeito dessa causa. A boa notícia é que todos podemos aprender a pensar dessa maneira, para que todos possamos ser ricos. Se você está se perguntando por que nunca ouviu isso antes, aqui está a realidade objetiva: poucas pessoas sabem disso. A boa notícia é agora! A única variável que resta na equação é; O que você vai fazer sobre isso?

Diferença #3

A classe média acredita em trabalhar por dinheiro...

A classe Milionária acredita em trabalhar pela satisfação...

A classe média vê dando maus conselhos sobre a relação ocupação / dinheiro há séculos. A filosofia deles é passar a maior parte de suas horas de vigília trabalhando com o único objetivo de sobrevivência econômica, enquanto agradece a oportunidade. Com exceção dos momentos em que essa era a melhor sociedade que a sociedade tinha a oferecer, não é apenas uma péssima estratégia para acumular riqueza, mas também um roteiro rodável para a vida em geral. Em todas as economias de livre mercado, esse modo de pensar agride o espírito humano. Os ricos sempre souberam que trabalhar com o único objetivo de ganhar dinheiro é a pior estratégia para gerar riqueza. Os grandes passam por um extenso processo introspectivo de busca da alma para descobrir o que gostam de fazer e combiná-lo com seus talentos e habilidades únicos. Essas pessoas parecem estar trabalhando duro, mas a verdade é que não estão trabalhando! Eles estão fazendo algo de graça porque adoram. Meu falecido parceiro de negócios, o grande Bill Gove, era conhecido em todo o mundo como o pai da indústria profissional de falar em público. Uma das maiores sabedorias que ouvi dele em estágios em todo o mundo foi a seguinte: Quando você está fazendo algo que gosta de fazer, a única recompensa que precisa é a experiência de fazê-lo. O maravilhoso paradoxo disso a sabedoria é quando você está fazendo algo que ama e é muito bom nisso, o mundo ficará feliz em enriquecer. Em vez de procurar trabalho com o maior potencial de lucro, concentre-se no trabalho com o maior potencial de realização. Depois de encontrá-lo, invista tanto coração e alma em seu trabalho que você se tornará uma das pessoas mais competentes em seu campo. Você será recompensado com riquezas incomuns. A causa raiz na abordagem da classe média e dos ricos é o nível de consciência de que cada uma opera; a classe média por medo e escassez, e a classe milionária por amor e abundância. Essa diferença de consciência leva um grupo a buscar a sobrevivência e o outro a manifestar sonhos. A única questão que realmente importa é; em que grupo você está?

Diferença #4

Classe média acredita em escassez financeira...

Classe Milionária acredita em abundância financeira...

Quando crianças, todos ouvimos o ditado, dinheiro não cresce em árvores. Isso programa as pessoas a acreditar que ganhar dinheiro é difícil e há uma quantidade limitada.

Os ricos entendem sua relação com o dinheiro como uma abundância ilimitada, baseada em trocas justas.

Figurativamente falando, o dinheiro cresce nas árvores; e as árvores são ideias. Enquanto o homem andar na terra, ele terá problemas que precisam ser resolvidos por ideias criativas. E quanto mais problemas o homem resolve, mais rico, ele se torna. Assim, enquanto a pessoa comum está operando com a crença defeituosa de que o dinheiro é escasso e difícil de ganhar, os ricos estão operando com a crença de que o dinheiro é abundante e ganhar é tão fácil quanto resolver um problema através de um pensamento criativo e persistente. É por isso que o pensamento de classe milionária é a habilidade mais valiosa que você pode adquirir. A classe média é condicionada de uma geração para a outra para acumular seu dinheiro e rezar para que elas não se esgotem antes de morrerem. Essa estratégia de jogar para não perder garante uma vida de medo e escassez. Os ricos vêm isso como absurdo, se não completamente estúpido. Mas para um pensador baseado no medo cujas principais prioridades são segurança, proteção e conforto, faz todo o sentido. Essa estratégia oferece poucas esperanças de adquirir patrimônio líquido substancial, e poucos percebem que cavaram sua própria sepultura financeira anos antes, quando compraram uma série de crenças da classe média que as limitariam para sempre. A classe média pensa que ficar rico é principalmente externo, enquanto a classe milionária sabe que é um jogo interno. Poucas pessoas ficam ricas operando com uma consciência baseada no medo e na escassez. Quem raramente gosta, porque sempre tem medo de perder o que tem. O pensamento baseado no medo se liga a tudo o que entra em sua mente. A boa notícia é que o amor e o pensamento baseado na abundância fazem a mesma coisa, então o truque é se programar para acreditar na infinita abundância de dinheiro. Isso é apoiado e comprovado pela filosofia que afirma se o dinheiro flui para ideias que resolvem problemas e

Você chegou ao final dessa amostra. para ler mais!
Página 1 de 1

Análises

O que as pessoas acham de Mente Pobre Mente Rica

5.0
3 notas / 1 Análises
O que você achou?
Nota: 0 de 5 estrelas

Avaliações do leitor

  • (5/5)
    Maravilhosa abordagem sobre crenças e mentalidade de abundância. Recomendo a leitura