Encontre seu próximo livro favorito

Torne'se membro hoje e leia gratuitamente por 30 dias.
Tao Te Ching

Tao Te Ching

Ler amostra

Tao Te Ching

Comprimento:
87 página
56 minutos
Editora:
Lançado em:
Mar 1, 2015
Formato:
Livro

Descrição

Tao Te Ching, Dao de Jing ou Tao-te king , comumente traduzido como O Livro do Caminho e da Virtude, é uma das mais conhecidas e importantes obras da literatura da China. Foi escrito entre 350 e 250 a.C. Sua autoria é, tradicionalmente, atribuída a Lao Tzi, porém a maioria dos estudiosos atuais acredita que Lao Tzi nunca existiu e que a obra é, na verdade, uma reunião de provérbios pertencentes a uma tradição oral coletiva versando sobre o tao. A obra inspirou o surgimento de diversas religiões e filosofias, em especial o taoismo e o budismo chan.
Editora:
Lançado em:
Mar 1, 2015
Formato:
Livro

Sobre o autor

Dr. Yang, Jwing-Ming started his Gongfu training at the age of 15 under the Shaolin White Crane Master Cheng, Gin Gsao. Dr. Yang became an expert in the White Crane style of Chinese martial arts. With the same master he also studied Qin Na, Tui Na and Dian Xue massages, and herbal treatment. At the age of 16, Dr. Yang began the study of Taijiquan under Master Kao, Tao. Dr. Yang's tai chi can be traced back to the Yang family through Master Kao's teacher Yue, Huanzhi, an indoor disciple of Yang, Chengfu. After learning from Master Kao, Dr. Yang continued his study and research of Taijiquan. Dr. Yang has mastered the Taiji barehand sequence, pushing hands, the two-man fighting sequence, Taiji sword, Taiji saber, and Taiji Qigong. Dr. Yang has been involved in Chinese Gongfu since 1961. During this time, he has spent 13 years learning Shaolin White Crane, Shaolin Long Fist, and Taijiquan. Dr. Yang has more than thirty years of instructional experience.


Relacionado a Tao Te Ching

Livros relacionados

Amostra do Livro

Tao Te Ching - Lao Tzu

deslumbramento.

Capítulo 2

Sob o céu:

Quando reconhecemos o que faz o belo ser belo

Surge o feio!

Quando reconhecemos o que faz o bom ser bom

Surge o mal!

Por isto:

O ser e o não-ser

Surgem mutuamente

O fácil e o difícil

Complementam-se

O longo e o curto

Condizem

O alto e o baixo

Convivem entre si

O som e a voz

Casam-se

O antes e o depois

Seguem-se.

Por isto:

O homem santo cumpre suas ações sem agir

Pratica o ensino sem falar

E as dez-mil-coisas agem sem serem impedidas.

Ele cria e nada possui

Atua e não guarda coisa alguma

Realizada a obra ele não se apega

E justamente por não se apegar

Ela não se esvai.

Capítulo 3

Se não privilegiamos os bons, o povo não compete

Se não valorizamos os bens custosos, o povo não rouba

Se não exibimos coisas desejáveis, o coração do povo não erra.

Por isso o governo do homem santo:

Esvazia os corações e sacia as entranhas

Enfraquece as vontades e revigora os ossos

Nunca deixa o povo ter conhecimento e desejos

Para o douto não ousar agir.

Agindo o não-agir então não há desgoverno.

Capítulo 4

O Tao é um vaso vazio cujo uso nunca transborda

Abismo!

Parece o ancestral das dez-mil-coisas

Abranda o cume

Desfaz o emaranhado

Modera o brilho

Une o pó.

Profundo!

Parece existir

Eu não sei de quem é filho

Parece ser o anterior ao Ancestral.

Capítulo 5

O céu e a terra não têm amor humano

Consideram as dez-mil-coisas como cães de palha.

O homem santo não possui amor humano

Considera as dez-mil-coisas como cães de palha.

O espaço entre o céu e a terra é como um fole!

Esvazia sem contrair-se, ao soprar-se mais sons produz.

Mas muitas palavras e números o esgotam

Melhor guardar o que está no íntimo.

Capítulo 6

O espírito do vale não morre

Ele é a mulher misteriosa.

A porta do feminino místico

É a raiz do céu e da terra.

Initerrupta

Você chegou ao final desta amostra. Inscreva-se para ler mais!
Página 1 de 1

Análises

O que as pessoas pensam sobre Tao Te Ching

0
0 avaliações / 0 Análises
O que você acha?
Classificação: 0 de 5 estrelas

Avaliações de leitores