Aproveite milhões de eBooks, audiolivros, revistas e muito mais

Apenas $11.99 por mês após o período de teste gratuito. Cancele quando quiser.

Alzheimer e Demência - Soluções Naturais - Aprenda a proteger seu cérebro em 7 passos

Alzheimer e Demência - Soluções Naturais - Aprenda a proteger seu cérebro em 7 passos

Ler a amostra

Alzheimer e Demência - Soluções Naturais - Aprenda a proteger seu cérebro em 7 passos

notas:
5/5 (13 notas)
Duração:
287 páginas
3 horas
Lançados:
25 de jan. de 2022
ISBN:
9798201119409
Formato:
Livro

Descrição

Descobriu recentemente que um dos seus pais sofre de Alzheimer e não sabe o que fazer?
Quer compreender mais sobre a doença de Alzheimer e a demência?
Quer envelhecer de forma ideal e prevenir a doença de Alzheimer e a demência?
Ler mais.....

Está prestes a aprender tudo o que precisa de saber para cuidar devidamente de um amigo ou pessoa amada diagnosticada com Alzheimer ou demência, num formato fácil de compreender. Este livro foi escrito para ajudar todos aqueles que lutam para obter uma melhor compreensão da doença de Alzheimer ou demência e para aqueles que cuidam de um amigo ou pessoa amada diagnosticada com Alzheimer ou demência. Escrevi este livro para ajudar todos aqueles que estão pessoalmente a lutar para cuidar de um amigo ou familiar diagnosticado com Alzheimer ou demência e para aqueles que esperam obter uma compreensão mais profunda da Alzheimer e demência. Para aqueles que têm um amigo ou familiar diagnosticado com Alzheimer ou demência, os meus pensamentos estão convosco. Um amigo ou familiar atencioso e compassivo é muito necessário neste momento para aqueles a quem é diagnosticada Alzheimer ou demência. Podem já não ter a faculdade de lhe agradecer pessoalmente pela sua preocupação, conforto e cuidado, mas a sua compaixão é certamente sentida por aqueles que sofrem de Alzheimer e demência. Este livro dar-lhe-á uma melhor compreensão do que está para vir, e ao compreender melhor poderá também aprender como prevenir e/ou atrasar o aparecimento desta terrível doença. 

 

Neste livro aprenderá a..:

  • Compreender a doença de Alzheimer e a demência 
  • O conhecimento da doença é essencial para o ajudar a enfrentar a doença. Portanto, não espere e BAIXE a sua cópia hoje!
  • Fases da doença de Alzheimer e Demência
  • Os vários tipos e graus da doença
  • Como compreender antecipadamente os sintomas destas doenças
  • Cuidar de pacientes com Alzheimer ou demência
  • Como prevenir e retardar a doença de Alzheimer e a Demência 
  • E muito, muito mais!

O conhecimento da doença é essencial para o ajudar a enfrentar a doença. Portanto, não espere e BAIXE a sua cópia hoje! 

Lançados:
25 de jan. de 2022
ISBN:
9798201119409
Formato:
Livro

Sobre o autor


Relacionado a Alzheimer e Demência - Soluções Naturais - Aprenda a proteger seu cérebro em 7 passos

Livros relacionados

Artigos relacionados

Categorias relacionadas

Amostra do livro

Alzheimer e Demência - Soluções Naturais - Aprenda a proteger seu cérebro em 7 passos - Sofia K. Mildred

Responsabilidade Limitada - Isenção de Responsabilidade

––––––––

Observe que o conteúdo deste livro é baseado na experiência pessoal e em várias fontes de informação e é apenas para uso informativo e pessoal.

Observe que as informações contidas neste documento são apenas para fins educacionais e de entretenimento e nenhuma garantia de qualquer tipo é declarada ou implícita.

O conteúdo deste livro é apenas para fins informativos e destina-se a ajudar os leitores a identificar os sintomas e condições que podem estar enfrentando.

Suas circunstâncias particulares podem não ser adequadas para o exemplo ilustrado neste livro; na verdade, eles provavelmente não vão.

Você deve usar as informações contidas neste livro por sua conta e risco. O leitor é responsável por suas próprias ações.

As informações aqui fornecidas são declaradas verdadeiras e consistentes, pois qualquer responsabilidade, por descuido ou não, de qualquer uso ou abuso das políticas, processos ou indicações nelas contidas é de responsabilidade única e absoluta do leitor destinatário.

Ao ler este livro, o leitor aceita que em nenhuma circunstância o autor é responsável por quaisquer consequências, diretas ou indiretas, que sejam incorridas como resultado do uso das informações contidas neste documento, incluindo, mas não se limitando a, erros, omissões ou imprecisões.

Este livro não pretende ser um substituto para o aconselhamento médico adequado e não deve ser invocado desta forma. Consulte sempre um médico ou profissional de saúde qualificado. O autor e o editor se isentam de qualquer responsabilidade por qualquer doença resultante da não consulta a um médico.

Resumo

Aviso de direitos autorais

Responsabilidade Limitada - Isenção de Responsabilidade

Resumo

Introdução

Capítulo 1

O que é normal, o que não é?

Quando se preocupar

Você não volta?

Capítulo 2

O cérebro importa

Os lobos e suas funções

doença de Alzheimer

Demência frontotemporal

Demência com corpos de Lewy

Demencia vascular

Sintomas de demência

Obtenha um diagnóstico

Novos testes de diagnóstico

Capítulo 3

A progressão do Alzheimer

A importância do hipocampo

Causas do Alzheimer

Um caminho diferente

Alzheimer de início precoce

A grande questão

Capítulo 4

Era

Gênero

Estrogênio, menopausa e demência

Etnia

Genes

Epigenética: ativação e desativação de genes

Ferimentos na cabeça

Diabetes tipo 2

A conexão com o açúcar

Doença cardiovascular

Perda de audição

Gengivite

Inibidores da bomba de prótons (IBPs)

Medicamentos de venda livre

Estilo de vida

Toxoplasmose

Prevenção da toxoplasmose

Quando parece demência, mas não é

capítulo 5

Inibidores da Acetilcolinesterase

Antagonistas do receptor NMDA

O poder dos dois

Drogas velhas, novo propósito

Novos tratamentos

Abre o caminho para o tratamento holístico

Onde a auto-ajuda intervém

Capítulo 6

A dieta mediterrânea

A dieta MENTE

Evite comer carne

1. Coma carboidratos não refinados

2. Coma proteína em todas as refeições

3. Coma menos açúcar adicionado

Açúcar no sangue e envelhecimento

4. Coma pouco e com frequência

A ligação entre insulina e Alzheimer

5. Coma mais gorduras saudáveis

As gorduras produzem cetonas

6. Evite gorduras não saudáveis

7. Reduza a cafeína

Todas as cores do chá

Como evitar a abstinência de cafeína

8. Aumente os antioxidantes

9. Obtenha algumas bactérias benéficas

10. Aprenda a jejuar

11. Entenda o glúten

Capítulo 7

Pense antes de beber

Açúcar e Alzheimer

Limpe seus armários na primavera

Pare de adicionar açúcar a bebidas e alimentos

Leia os rótulos enquanto faz compras

Use sua escala

Não pule o café da manhã

Coma pouco e com frequência

Evite dietas extremas

Cuidado com a cafeína

Esteja ciente do álcool

Adicione proteína aos carboidratos amiláceos

Seja gentil consigo mesmo

Seja esperto sobre alternativas

Capítulo 8

Gorduras essenciais ômega 3

Tipos de óleo de peixe ômega 3

Vitaminas do grupo B

L-arginina

Acetil-L-carnitina

ácido alfa-lipóico

Fosfatidilcolina

Fosfatidilserina

Zinco

Vitamina D

Antioxidantes

Serrapeptase

Futebol americano

Probióticos

Suplementos de cogumelos

Ervas e especiarias

Como escolher um bom suplemento alimentar

Capítulo 9

Quanto exercício é suficiente?

Capítulo 10

Tipos de estresse

Meditação e consciência

Conexões com o sono

As melhores dicas para uma boa noite de sono

As melhores dicas para uma boa noite de sono

Capítulo 11

Alimente seu fígado

Evite metais pesados

Fumar e álcool

Capítulo 12

Jogos eletrônicos para o cérebro

Fale uma segunda língua

Uso de música

Exercícios diários

Capítulo 13

Exames de sangue para detectar Alzheimer

Testes para metais pesados

Teste para deficiências e desequilíbrios nutricionais

A importância dos exames nutricionais

Teste para níveis de homocisteína

Teste de açúcar no sangue e resistência à insulina

Análise digestiva das fezes

Teste de glúten

Teste de estresse adrenal com melatonina

Testes genéticos para o bem-estar geral

Perfil de proteção cerebral

Conclusão

Começar!

Passo 1: mude sua dieta

Passo 2: Complemente sua alimentação

Etapa 3: Exercício

Passo 4: gerencie o estresse (e o sono)

Passo 5: Limpe o ambiente

Passo 6: treine seu cérebro

Passo 7: adote os testes

Referências

ÍNDICE

Introdução

Três coisas acontecem à medida que você envelhece. A primeira é que sua memória desaparece - e não consigo me lembrar das outras duas.Aquela famosa piada de Norman Wisdom agrada a todos nós, mas não é motivo de riso quando a perda de memória começa a se tornar realidade. Poderia, nos preocupamos, ser o primeiro sinal de Alzheimer ou demência? Confesso que não foi um livro fácil de escrever. Ao fazer isso, percebi que a doença de Alzheimer ou demência afetou a maioria de nós (inclusive eu) de alguma forma; e é um processo doloroso. Muitos de vocês que estão lendo este livro estarão preocupados com parentes que já podem estar apresentando sintomas; ou, talvez, já tenham sido diagnosticados. Outros de vocês podem saber que têm um forte histórico familiar de demência e Alzheimer e que precisam começar a pensar nas mudanças que podem fazer em sua vida para reduzir suas chances de desenvolver a doença por conta própria.

Há uma luz no fim do túnel. Embora o mundo médico não tenha tido muito sucesso no tratamento da demência e da doença de Alzheimer, as intervenções nutricionais e de estilo de vida foram, mas você provavelmente não ouviu falar disso! Infelizmente, ao contrário do desenvolvimento e venda de uma droga - uma cura mágica - patenteada por uma empresa farmacêutica, não há dinheiro para fazer alguém mudar sua dieta.

Como resultado, informações que poderiam ajudar tantas pessoas são enterradas. E, como essa informação não é notícia, as pessoas que realmente precisam dela - os doentes e seus cuidadores e todos aqueles que estão potencialmente doentes - não sabem o que podemos fazer para ajudar a nós mesmos ou aos que nos rodeiam. para nós.

Escrevi este livro para compartilhar com vocês todas as pesquisas científicas mais recentes que mostram o que podemos fazer para nos ajudar de maneira prática a prevenir ou reverter o declínio da função cognitiva causado pela demência e pela doença de Alzheimer.

Para qualquer problema de saúde, o tratamento eficaz começa com a compreensão da causa. Se você sofre de SII, períodos irregulares, SOP, demência ou Alzheimer, prevenir ou tratar os gatilhos subjacentes é mais eficaz do que apenas esconder os sintomas.

Para ajudar a desvendar o que poderia desencadear o mau funcionamento cognitivo, começo o livro explicando a diferença entre demência e Alzheimer, já que os dois termos são frequentemente usados ​​de forma intercambiável, mas não são a mesma coisa. Observei quantas pessoas têm Alzheimer e as teorias por trás de suas causas. Nós vamos perguntar; Alzheimer é um problema genético? A história familiar nos predispõe a isso? E, se sim, podemos fazer algo a respeito? Veremos o que a pesquisa revela sobre como as escolhas nutricionais podem afetar a demência e a doença de Alzheimer. Vitaminas e minerais específicos ajudam a retardar ou reverter a progressão do declínio da memória? Veremos se realmente faz diferença se usarmos jogos para estimular a atividade cerebral ou se esse é apenas o modelo de vendas dos desenvolvedores de aplicativos. E o exercício? Sabemos que é importante para a saúde física, mas o que as pesquisas mostram quando se trata do efeito do exercício em nosso bem-estar mental?

Embora escrever este livro tenha tocado um nervo pessoal (meu pai e minha sogra desenvolveram Alzheimer e eu vi em primeira mão os efeitos não apenas neles, mas em todos que tiveram que cuidar dele), minha pesquisa mostrou o quanto já sabem e como as mudanças simples e práticas no estilo de vida podem ser úteis, não apenas para ajudar a prevenir doenças, mas também para retardar o declínio para aqueles que já as têm.

Espero que você ache as informações do livro tão interessantes quanto eu achei ao coletá-las; e espero que possa fazer a diferença para você e sua família.

PRIMEIRA PARTE

ENTENDENDO A DEMÊNCIA

Capítulo 1

Entendendo sua memória

Você já deve ter ouvido falar que sua mente pode ser pensada como um arquivo cheio de pastas individuais, cada uma com uma memória armazenada para mantê-la segura até que você precise. Mas, é claro, a maneira como sua memória funciona é realmente muito mais complexa do que isso.

Para começar, sua memória não está apenas em um lugar específico em seu cérebro, é um processo no nível cerebral, com diferentes áreas do seu cérebro trabalhando juntas para formar o que chamamos de memória. Por exemplo, andar de bicicleta envolve a memória de como usar a bicicleta, que fica armazenada em uma área do cérebro, juntamente com a memória do caminho a ser percorrido, que fica armazenada em outra. De outra área, sua memória precisa apontar as regras da estrada, enquanto, de outra área, você se lembrará daquele sentimento de ansiedade quando um veículo se aproxima perigosamente de você.

Cada elemento de uma memória - incluindo imagens, sons, palavras, cheiros, sensações físicas e emoções - é armazenado na mesma parte do cérebro que originalmente criou esse fragmento (o córtex visual, o córtex motor, a área que controla a linguagem e etc.). ). Quando uma memória é recuperada, os padrões neurais que foram gerados durante a codificação original são reativados. Aumentando a complexidade, seu cérebro codifica e armazena memórias de curto e longo prazo de maneiras diferentes e em partes separadas do cérebro.

Então, em vez de pensar nas memórias como arquivos individuais em um armário, talvez seja melhor pensar nelas como fios separados em uma rede complexa e interconectada. Cada fio de memória cruza e cruza outras memórias para criar uma rede arredondada de memória inteira. Ou você pode preferir pensar em sua memória como um quebra-cabeça, com muitas peças pequenas que precisam ser conectadas antes que uma memória individual possa ser formada. Quando pensamos na memória dessa maneira, é fácil ver como, mesmo quando uma parte do cérebro está danificada, algumas memórias – ou fragmentos de memórias – permanecem.

Este livro investiga o que acontece de errado com o cérebro quando uma pessoa desenvolve demência e Alzheimer e o que podemos fazer para proteger nossa função de memória quando isso acontece. A boa notícia é que nem todos os problemas de memória são motivo de preocupação.

Obrigado pelas lembranças

As diferentes coisas que você lembra - eventos, fatos ou habilidades - são todas armazenadas e recuperadas por diferentes tipos de memória trabalhando em conjunto.

Memória declarativaé o que você usa quando se lembra de um lugar, um nome ou um evento.

Memória de procedimentoenvolve aqueles hábitos aprendidos que você conhece e usa há anos, como amarrar os cadarços ou andar de bicicleta.

Memória episódicaé específico para você e lembra coisas específicas que você fez, como quem você conheceu, o que você disse e o que você fez em um determinado dia.

Memória semânticaé o seu conhecimento geral do mundo ao seu redor. Por exemplo, você sabe que as bolotas crescem em carvalhos.

O que é normal, o que não é?

Provavelmente, você já teve a experiência comum de vagar por uma sala de propósito, apenas para parar abruptamente porque de repente não consegue se lembrar por que foi lá. Você também pode ter esquecido o nome da celebridade no centro de uma história que está tentando contar. Ou você pode perder suas chaves, esquecer compromissos únicos ou, às vezes, voltar das lojas sem uma ou duas coisas pelas quais foi. Você pode ler uma passagem em um livro e perceber que não entendeu uma palavra...

Quando essas coisas acontecem em seus vinte anos, você pode brincar sobre elas, mas, com a idade, os lapsos de memória não são motivo de riso. Se eles parecem ocorrer com mais frequência do que antes, você pode estar preocupado que possam ser os primeiros sinais de demência ou Alzheimer, condições graves que envolvem memória continuamente deteriorada. Você também pode estar preocupado por um bom motivo; a idade é o fator de risco número um para demência e Alzheimer. Não é que envelhecer cause demência e Alzheimer, mas que, com a idade, essas condições se tornam mais prováveis. De acordo com dados fornecidos pela Age UK em 2014, das cerca de 850.000 pessoas que vivem com demência no Reino Unido, 773.502 tinham 65 anos ou mais.

A demência e a doença de Alzheimer são o foco deste livro, e é importante assegurar-se desde o início de que o esquecimento nem sempre é um sinal. Além disso, embora seja provável que nos tornemos mais esquecidos à medida que envelhecemos, na maioria dos casos, o mero esquecimento não será o início do tipo de declínio mental característico da demência.

Sim, é provável que sua memória funcione mal com a idade; e, sim, erros menores provavelmente se tornarão mais perceptíveis. No entanto, isso geralmente ocorre devido a mudanças normais na estrutura e função do cérebro envelhecido, que (como todas as outras partes do seu corpo) está sujeito ao declínio físico normal - como encolhimento, desaceleração e rigidez - associado ao avanço dos anos. .

Mas como quantificar o declínio normal na função da memória versus o que pode ser um sinal de algo mais sinistro? Embora muitas vezes alarmante, o seguinte é considerado normal. Eles podem se tornar mais pronunciados com a idade, mas geralmente não são considerados indicativos de demência, a menos que sejam extremos e persistentes.

transitoriedade

Esta é a tendência de esquecer os fatos logo após aprendê-los, ou informações ou eventos ao longo do tempo. Mesmo que você se preocupe quando isso acontecer, especialmente se você não estiver acostumado a fazer isso antes, geralmente não é o sinal de fraqueza de memória que você pode imaginar. Na verdade, se você pensa em sua mente como uma casa cheia dessas teias de memória, ela ocasionalmente precisa de uma limpeza de primavera para mantê-la fresca e abrir espaço para novas teias de aranha se formarem. Também é improvável que as memórias de que você mais precisa - e usa com mais frequência - sejam as que você perderá. As informações não essenciais, portanto, são eliminadas.

Distração

Isso é o que acontece quando você não se concentra no que está fazendo, porque sua mente está ocupada com algo que você deu maior prioridade. Então, você pode esquecer onde colocou sua caneta ou óculos porque estava se concentrando em outra coisa quando os colocou de lado. As coisas que você faz todos os dias, como parte de uma rotina, podem sofrer mesmo quando você está distraído. Por exemplo, você pode tomar um remédio todos os dias no mesmo ponto de sua rotina matinal para que tomá-lo se torne uma segunda natureza. Como resultado, você pode muito bem estar pensando em outra coisa quando toma aquela pílula. Mais tarde, quando você se concentrar no fato de que teve que tomar o remédio, pode não se lembrar disso.

Existem muitas razões pelas quais podemos nos distrair em primeiro lugar, é claro: estar sobrecarregado ou geralmente muito ocupado, tentando fazer malabarismos com as necessidades de uma família e / ou trabalho, ou sentindo-se estressado com algo em particular que está acontecendo. em sua vida, todos eles são causas de distração. Se algum desses cenários se aplicar a você, tente fazer um balanço e pensar em maneiras de reduzir a atividade e/ou o estresse em sua vida para trazer de volta algum foco (ver pp. 132–140).

Síndrome da ponta da língua

Esteja você tentando acompanhar o Desafio Universitário ou Inútil, você pode ter 100% de certeza da resposta para essa pergunta de um milhão de dólares, mas parece que não consegue encontrar as palavras certas. Embora possa ser extremamente frustrante, não há nada para se preocupar. Os especialistas em memória chamam ter algo na ponta da língua de trava e ocorre quando uma memória concorrente e muito semelhante se abre de forma tão intrusiva que você é impedido de localizar a memória real que está procurando. O bloqueio é mais provável de ocorrer quando você está cansado e especialmente quando está tentando lembrar nomes próprios. Tão comum que a maioria dos idiomas o reconhece, o fenômeno é causado por um ' interrupção do processo normal pelo qual o cérebro traduz pensamentos de conceitos abstratos em palavras com as quais associa os sons apropriados. Parece complicado, mas na verdade é um processo que normalmente funciona de forma suave e fácil. Ainda não entendemos completamente por que o processo de recuperação das informações corretas é interrompido, mas a palavra que está faltando provavelmente retornará a você se alguém lhe der uma pista ou se você a encontrar. Percorrer o alfabeto pode fornecer apenas o gatilho que você precisa para encaixar a palavra na mente. Ainda não entendemos completamente por que o processo de recuperação das informações corretas é interrompido, mas a palavra que está faltando provavelmente retornará a você se alguém lhe der uma pista ou se você a encontrar. Percorrer o alfabeto pode fornecer apenas o gatilho que você precisa para encaixar a palavra na mente. Ainda não entendemos completamente por que o processo de recuperação das informações corretas é interrompido, mas a palavra que está faltando provavelmente retornará a você se alguém lhe der uma pista ou se você a encontrar. Percorrer o alfabeto pode fornecer apenas o gatilho que você precisa para encaixar a palavra na mente.

Atribuição incorreta

Outro tipo de apagão que se torna mais comum com a idade, a atribuição incorreta refere-se a lembrar de algo com precisão, mas apenas parcialmente. Por exemplo, você pode ter o que pensa ser um lembrete claro como cristal de um evento específico, mas, na realidade, deturpar a hora, o local ou a pessoa envolvida. Ou você pode criar o que você acha que é seu pensamento original - quando na verdade vem de algo que você leu ou ouviu

Você chegou ao final dessa amostra. para ler mais!
Página 1 de 1

Análises

O que as pessoas acham de Alzheimer e Demência - Soluções Naturais - Aprenda a proteger seu cérebro em 7 passos

4.9
13 notas / 0 Análises
O que você achou?
Nota: 0 de 5 estrelas

Avaliações do leitor