Aproveite milhões de eBooks, audiolivros, revistas e muito mais

Apenas $11.99 por mês após o período de teste gratuito. Cancele quando quiser.

Astrologia e Numerologia - Manual completo para principiantes - Aprenda a conhecer-se a si mesmo e aos outros através das Artes Antigas de Observação do Trânsito Planetário e da Numerologia

Astrologia e Numerologia - Manual completo para principiantes - Aprenda a conhecer-se a si mesmo e aos outros através das Artes Antigas de Observação do Trânsito Planetário e da Numerologia

Ler a amostra

Astrologia e Numerologia - Manual completo para principiantes - Aprenda a conhecer-se a si mesmo e aos outros através das Artes Antigas de Observação do Trânsito Planetário e da Numerologia

Duração:
227 páginas
2 horas
Editora:
Lançados:
10 de mai. de 2022
ISBN:
9798201209483
Formato:
Livro

Descrição

Estás a lutar para reconhecer quem realmente és e o que te motiva?

Já te perguntaste porque é que certas coisas te parecem acontecer?

Quer saber todos os segredos das Forças do Céu?

Veio ao lugar certo!.....

Saiba como a astrologia e a numerologia podem ser usadas para encontrar sentido, felicidade e reconhecer as mensagens secretas na sua vida.

Ao longo da história, os números e os planetas desempenharam um papel fundamental. Ajudaram-nos a revelar o nosso futuro e com quem ou com o que nos conectamos melhor. Estão por todo o lado à nossa volta... mesmo que não nos apercebamos.

Este livro partilha os segredos, anteriormente conhecidos apenas por profissionais, que contêm as chaves do seu futuro... mesmo que esteja apenas curioso ou cético.

Astrologia: Desvendar os segredos da sua vida e conhecer o seu destino através das estrelas

Numerologia: Descubra o significado por trás dos números da sua vida e dos seus segredos para o sucesso, riqueza, relacionamentos, sorte e felicidade.

Os conceitos-chave discutidos neste pacote de livros incluem:

  • Avarias detalhadas de cada horóscopo e sinal do zodíaco
  • Saiba o que os planetas significam sobre as suas finanças e trabalho
  • Evite influências negativas que o distraiam do seu propósito de vida
  • A história da numerologia e como começar com a numerologia
  • Melhor navegar na jornada da sua vida para um sucesso exequível e sustentável
  • Porque a sua data de nascimento revela os seus talentos naturais
  • E muito, muito mais...

A astrologia e a numerologia contêm as respostas a muitas das perguntas da vida, mas só tu tens o poder de agir sobre elas.

Não espere mais um minuto, descubra as oportunidades de uma vida vivida em sintonia com os seus números e o seu signo do zodíaco, Este é o livro para si!

Editora:
Lançados:
10 de mai. de 2022
ISBN:
9798201209483
Formato:
Livro

Sobre o autor

Amelia was born in Madrid 32 years ago. She graduated with honors in Modern Literature at the University of Madrid. Since childhood she had a passion for writing and magical practices.  When it comes to knowledge and writings on Wicca and Witches, her name is one of the most recognized. Despite being very young , She has several years of experience in the practice of Wicca and also has a great knowledge in her field . There are several books he has written on the subject. His books are a complete compilation on Wicca and help the reader to discard all the wrong beliefs and myths about the practice of Wicca. His books can help the reader strengthen his or her belief in the religion and can also help change his or her viewpoint on this particular religion. This is not something that can be learned just by reading books and looking up facts and figures on the internet, but requires a complete mastery of Wicca and how it is practiced or how it should be implemented for everyday use.  Because of his work and experience, he makes things easy and convenient for students, beginners and all those who need it. He is always clear about what he wants to learn, practice and what he wants others to learn and know. His books are very helpful in all aspects.


Relacionado a Astrologia e Numerologia - Manual completo para principiantes - Aprenda a conhecer-se a si mesmo e aos outros através das Artes Antigas de Observação do Trânsito Planetário e da Numerologia

Leia mais de Amelia Teije

Livros relacionados

Artigos relacionados

Amostra do livro

Astrologia e Numerologia - Manual completo para principiantes - Aprenda a conhecer-se a si mesmo e aos outros através das Artes Antigas de Observação do Trânsito Planetário e da Numerologia - Amelia Teije

Responsabilidade Limitada - Isenção de Responsabilidade

Observe que o conteúdo deste livro é baseado na experiência pessoal e em várias fontes de informação e é apenas para uso pessoal.

Observe que as informações neste documento são apenas para fins educacionais e de entretenimento e nenhuma garantia de qualquer tipo é dada ou implícita.

Os leitores reconhecem que o autor não está envolvido em fornecer aconselhamento médico, dietético, nutricional ou ocupacional ou treinamento físico.

Nada neste livro pretende substituir o bom senso, a consulta médica ou o conselho profissional e destina-se apenas a informar.

Você deve usar as informações deste livro por sua conta e risco. O leitor é responsável por suas próprias ações.

As informações fornecidas neste livro são declaradas verdadeiras e consistentes, no sentido de que qualquer responsabilidade, em termos de atenção ou não, pelo uso ou abuso das políticas, processos ou instruções nele contidas é de responsabilidade única e absoluta do destinatário . leitor.

Ao ler este livro, o leitor aceita que em nenhum caso o autor é responsável por qualquer perda, direta ou indireta, sofrida como resultado do uso das informações contidas neste documento, incluindo, mas não se limitando a, erros, omissões ou imprecisões.

Conteúdo

introdução

Capítulo 1 O Começo da Astrologia

Capítulo 2 Astrologia e planetas

Capítulo 3 Entendendo os signos do zodíaco

Capítulo 4 Horóscopo

Capítulo 5 Mapa de nascimento

Capítulo 6 O Ascendente

Capítulo 7 Astrologia para Relacionamentos (Amigos, Amantes, Família, Colegas - Compatibilidade do Signo Solar, Compatibilidade do Signo Ascendente)

Capítulo 8 Fundamentos do Tarô

Capítulo 9 O que é Numerologia?

Capítulo 10 O que é Wicca - Magia, Ferramentas, Exercícios e Técnicas Mágicas

Capítulo 11 Astrologia vs. Astronomia - qual é a diferença?

Capítulo 12 Os Fundamentos da Astrologia

Capítulo 13 O que é o Chakra?

Escolhendo 14 Escolhendo suas velas

Capítulo 15 Combinações de horóscopo: por que isso importa?

Capítulo 16 Kundalini em ascensão

Capítulo 17 Eclipse

Capítulo 18 Tarô e Astrologia Ocidental

Capítulo 19 Crenças Wiccas

Capítulo 20 Crescimento Pessoal e Auto-Estima

Capítulo 21 Abertura do Centro de Numerologia

Capítulo 22 Números de sorte e azar

Capítulo 23 Como abraçar seu presente

Capítulo 24 Cartas de tarô e sua associação com assuntos específicos

Capítulo 25 Ferramentas Wiccas

Capítulo 26 Lua Wicca

Capítulo 27 Os elementos

Capítulo 28 Começando com a Meditação

Capítulo 29 Previsões

Capítulo 30 Divisões Geográficas da Casa e da Casa dos Quatro Elementais - Também chamada de Trindade

Conclusão

Image00002.jpg

Introdução

O zodíaco, a astrologia e outras práticas da divindade estão por toda parte, mas até que ponto esses horóscopos estão realmente ligados às práticas originais? Historicamente, essas práticas da Divindade ajudaram as pessoas a tomar decisões sobre agricultura, amor e guerra. Hoje em dia, horóscopos e afins são tratados principalmente como biscoitos da sorte - divertidos, fofos, mas principalmente não apreciados. A verdade é que essas práticas têm raízes profundas em nossa história como sociedade. Além dessa história, eles também têm valores e crenças muito mais complicados do que apenas o nível superficial que vemos na mídia. Para dar a você, leitor, algum pano de fundo, aqui está uma história rápida e completa de cada ramo da divindade.

Desde o início do pensamento e da consciência humanos, uma parte da existência humana conectou toda a vida. É uma parte da vida cotidiana que todos os seres humanos experimentaram: passado, presente e futuro. Despertou admiração e espanto em todas as gerações e em todas as culturas e pessoas. Este é, naturalmente, o céu. O céu noturno tem sido tema de muitas canções de amor, ou de uma história incrível, e geralmente é uma experiência mágica. O céu acima de nós tem sido usado por séculos como um instrumento científico, um mapa de navegação e (talvez o mais importante) uma fonte de pensamento emocional e espiritual. É por causa desse fenômeno incrível que chamamos de céu que agora temos a astrologia moderna. No entanto, como chegamos aqui? Para entender isso completamente,

As primeiras observações do céu noturno começaram com a antiga Mesopotâmia. As primeiras civilizações da Mesopotâmia viram os primeiros nomes de nossas constelações mais importantes e as cinco estrelas errantes. Quando adicionados ao sol e à lua, eles formam os sete planetas originais. É dentro dessa civilização primitiva que encontramos os primeiros babilônios que iniciaram a mesma ciência conhecida como astronomia (não confundir com astrologia). É através dos estudos desses povos antigos que são produzidos os primeiros estudos do Zodíaco. O Zodíaco era originalmente uma distinção semelhante a um mapa do céu noturno: subdividia as diferentes constelações para ajudar a julgar a época do ano com base na posição de algumas estrelas errantes dentro de cada constelação. Não só isso era muito útil do ponto de vista científico, mas as diferentes porções do céu também estavam relacionadas a diferentes divindades; portanto, dando-lhes diferentes traços de personalidade. Esta é a origem dos 12 signos do zodíaco como os conhecemos hoje.

A origem das cartas de Tarô modernas remonta muito mais longe do que a pessoa comum pode imaginar. A origem real desses baralhos místicos é amplamente debatida entre os historiadores, mas uma das crenças mais comuns é que eles apareceram pela primeira vez no século XIV na Turquia. Naquela época, eles eram provavelmente conhecidos como cartas de baralho mamelucos, mas mais tarde receberam seu nome moderno de um jogo italiano conhecido como Tarrochi Appropriati, que mais tarde foi encurtado para o termo moderno Tarocchi.

A história da numerologia é longa e difundida: quase todas as civilizações que participam da formulação da matemática conectam alguma forma de significado aos números. Vamos nos concentrar nas três formas mais comuns de numerologia: Cabalá, Caldéia e Pitágoras. A numerologia da Cabalá se origina do misticismo hebraico com uma conexão com o alfabeto hebraico original. Esta forma de numerologia é geralmente usada para interpretar nomes. O alfabeto hebraico original, com 22 letras, dá mais significado ao baralho de 22 trunfos do Tarot. A numerologia caldéia está mais intimamente relacionada à astrologia devido à sua origem na antiga Mesopotâmia, que sabemos ser a origem final da astrologia moderna. Dentro da numerologia caldéia, Acredita-se que cada número tenha sua própria vibração e é atribuído um nível de energia de um a oito com base em sua energia. O último e mais usado sistema de numerologia é a numerologia pitagórica, desenvolvida pelo matemático grego Pitágoras. Neste sistema de numerologia, as letras do alfabeto grego são numeradas com base na posição. Este sistema também usa um sistema de vibração, mas, ao contrário do sistema numerológico caldeu, o sistema pitagórico usa os números de um a nove e 11 a 22. alfabeto grego são numerados de acordo com a posição. Este sistema também usa um sistema de vibração, mas, ao contrário do sistema numerológico caldeu, o sistema pitagórico usa os números de um a nove e 11 a 22. alfabeto grego são numerados de acordo com a posição. Este sistema também usa um sistema de vibração, mas, ao contrário do sistema numerológico caldeu, o sistema pitagórico usa os números de um a nove e 11 a 22.

Kundalini Rising é certamente uma das quatro divindades menos conhecidas, mas tem ideais e origens muito poderosas. A verdadeira origem da ideia de Kundalini não é clara em um contexto histórico: não se entende muito sobre quem primeiro teorizou sobre Kundalini e como o despertar dentro de uma pessoa pode afetá-la. O que foi encontrado, no entanto, é o registro escrito de vários textos védicos e tântricos que descrevem a Kundalini. O mais antigo conhecido atualmente é um documento de um homem chamado Adi Sankaracharya, que viveu entre os séculos VII e VIII dC e aqui relatou seu testemunho: "Tendo preenchido o caminho dos Nadis com a chuva de néctar que flui dos pés de lótus,

Claramente, podemos ver a partir disso que o contexto histórico dessas práticas por si só é muito mais do que imaginamos que sejam. Neste texto, você aprenderá em profundidade a prática e o significado por trás de cada uma dessas formas de Divindade. Ao longo do caminho, você encontrará informações que podem ajudá-lo a navegar em sua vida, entendendo essas práticas. As informações consideradas nas práticas podem ajudá-lo a entender por que você se sente como você, por que outras pessoas podem se comportar de determinada maneira em relação a você e como responder em determinadas situações para produzir o impacto mais positivo para você como indivíduo.

Capítulo 1: O Começo

Image00003.jpg

de astrologia

A astrologia baseava-se na noção de que existe uma relação entre a posição dos planetas e a natureza da pessoa que nasceu ao mesmo tempo. O fundamento dessa ideia é a ideia fundamental de que o Universo e todos os seus componentes não estão separados, mas intrinsecamente ligados em um único todo. O que acontece em um macrocosmo muito grande, ou em uma Terra, também acontece em um microcosmo muito pequeno ou em um ser humano simultâneo.

Não é tanto que os planetas agora afetem o indivíduo, como as pessoas geralmente acreditam na astrologia, embora o Sol e a Lua certamente o façam. Portanto, a posição dos planetas e a essência dos indivíduos são reflexo e manifestação da mesma força universal que atua sobre eles. Assim, quando o processo for conhecido, o que a posição dos planetas pode ver também nos dirá algo sobre a existência da pessoa Nascimento ao mesmo tempo. Uma analogia simples é como contamos o tempo usando relógios. Podemos ler a hora em um relógio e saber muito sobre o que vai acontecer no mundo naquele momento sem ter que prestar atenção nisso.

A arte completa da astrologia tem vários componentes essenciais. Isso leva tempo e lugar para um evento que normalmente é o nascimento de uma pessoa. Quando este evento ocorre, a Astrologia considera então a posição dos planetas no céu, os signos, casas e aspectos (ou conexões) entre os planetas.

A primeira parte da astrologia são os planetas. Ao todo, dez corpos planetários são comumente aceitos, com alguns novos ainda sendo discutidos pelos astrólogos. Mercúrio, Sol, Marte, Vênus, Saturno, Júpiter, Netuno, Urano e Plutão. Eles estão todos aqui. A Terra também é parte essencial da astrologia porque serve para desenhar esse signo e as casas sobre as quais falaremos.

Em todo pensamento astrológico, não há coincidência ou pura aleatoriedade dos planetas, mas existe o propósito e a importância subjacentes do Universo. Cada corpo celeste reflete uma energia particular no mundo, alguns dos quais a chamariam de poder angélico. Isso é apoiado por muitos anos de observação, literatura, mitologia e até palavras comuns em nossa língua.

Por exemplo, Marte é frequentemente conhecido como um deus da guerra, energia e batalha. As pessoas invocariam esse Deus para inspirar vitória para elas. A cor vermelha do mundo representa poder, sexualidade e inspiração. Derivamos termos como marcial, dos quais a guerra, a disciplina e a ordem militar foram ligadas. Mercúrio era, por outro lado, conhecido como comunicador e trapaceiro na mitologia romana, porque podia se mover muito mais rápido do que qualquer outra pessoa. Ele é frequentemente retratado em pé com asas. Mercúrio era o enviado dos deuses. Mercúrio é o planeta mais rápido do nosso Universo a orbitar o Sol. O metal é usado para dizer a temperatura porque se ajusta muito rapidamente e de forma receptiva. É também aqui que podemos mudar o significado da palavra mercurial. Também é chamado de Quicksilver, o que reforça a ideia de ritmo e transição. Júpiter deu origem aos termos de Jovial. É um planeta enorme com muitas órbitas lunares, assim como um rei ou rainha com muitos súditos. Na mitologia, sempre foi considerado uma força vasta, inspiradora, otimista e afortunada. Na realidade, a Terra foi salva várias vezes por meteoros, atraídos por Júpiter e absorvidos em sua superfície.

Entendemos as diferentes ideias de todos os planetas, mas como isso nos afeta, indivíduos? O Universo é um todo e não separado, como dissemos, portanto, como os planetas incorporam tais forças energéticas, o indivíduo também possui essas forças em sua natureza. Alguns de nós, como Júpiter, são maiores do que a vida e inspiradores, outros como Mercúrio, muitos grandes atletas e guerreiros, ou mesmo déspotas, conforme incorporado na teoria marciana.

De acordo com a astrologia, foi aqui que nasceram os planetas do Zodíaco. Isso nos leva à segunda área da astrologia: os signos.

Os planetas estão viajando ao longo de um caminho fixo com as estrelas no fundo do céu noturno, pois as estrelas estão mais distantes do que os planetas. Esses aglomerados de estrelas ao longo do caminho dos planetas contêm doze conjuntos de estrelas igualmente grandes conhecidas como signos do zodíaco. Desde o final de março, Touro, os signos são Áries, Mercúrio, Gêmeos, Virgem, Leão, Escorpião, Libra, Capricórnio, Sagitário, Sol e Aquário. Embora não correspondam exatamente às constelações nomeadas no céu. O Zodíaco é o fundo ou tela para ver os planetas. Por exemplo, no momento do nascimento de alguém, Marte poderia estar na constelação de Áries. Isso significa essencialmente que o fundo das estrelas atrás de Marte, do ponto de vista da Terra, seria o de Áries, parte do Zodíaco. Parecido, cada planeta teria um fundo estrelado quando alguém nascesse e cada planeta poderia estar em qualquer um dos doze signos do zodíaco. A astrologia convencional inclui apenas a constelação em que o Sol se encontra quando você nasce. Ou seja, ela é leonina significaria que o Sol está posicionado em frente à constelação de Leão no momento de seu nascimento, embora não tenhamos aconselhado a ver!

Sobre o que são os signos do zodíaco? As constelações zodiacais são como um filtro que colore e influencia as energias representadas por um planeta e se expressam de alguma forma assim como os planetas representam várias forças.

Por exemplo, Áries é o primeiro signo do zodíaco. Está relacionado à primavera e ao renascimento após o longo inverno adormecido. A nova vida é vista em todos os lugares, o otimismo após o período sombrio ainda existe. Áries fala de novos começos com calor vívido e livre e é o primeiro dos signos de chama. Ele fala muito sobre inocência e infância e um pouco de ingenuidade como o primeiro signo do zodíaco. É o início de uma aventura. É transmitido principalmente através da prática. Mas se olharmos para o câncer, é uma mensagem completamente diferente. Este é um signo de água para a família, o passado, o lar e a família de enfermagem, e se expressa principalmente em sentimentos e emoções. Agora, se pegarmos o planeta Marte, sobre o qual falamos anteriormente, quando os planetas são descritos, esta é a força do energia ou vontade pessoal

Você chegou ao final dessa amostra. para ler mais!
Página 1 de 1

Análises

O que as pessoas acham de Astrologia e Numerologia - Manual completo para principiantes - Aprenda a conhecer-se a si mesmo e aos outros através das Artes Antigas de Observação do Trânsito Planetário e da Numerologia

0
0 notas / 0 Análises
O que você achou?
Nota: 0 de 5 estrelas

Avaliações do leitor