Aproveite milhões de e-books, audiolivros, revistas e muito mais, com uma avaliação gratuita

Apenas $11.99 por mês após o período de teste gratuito. Cancele quando quiser.

Cálculo I
Cálculo I
Cálculo I
E-book677 páginas3 horas

Cálculo I

Nota: 0 de 5 estrelas

()

Ler a amostra

Sobre este e-book

Com a evolução dos cursos superiores que buscam formar um profissional multifuncional e capaz de atender a demanda por profissionais qualificados no mundo do trabalho, muitas graduações têm, na formação básica do profissional a disciplina Matemática Aplicada e/ou Cálculo, o que propicia um conhecimento adicional que irá apoiar o futuro formado no desenvolvimento de suas habilidades e capacidades. Em cursos da área das engenharias, uma das disciplinas que se estendem ao longo dos semestres é o CÁLCULO I, II, III, ... Assim, o autor tomou o cuidado de expor nesta obra os assuntos de modo claro e simples, voltados para o CÁLCULO I e suas aplicações, facilitando o estudo e o aprendizado. Os fundamentos, suas propriedades, a metodologia e as aplicações, são apresentadas de maneira clara e simples, reforçadas com exercícios. facilitando o aprendizado da teoria e suas aplicações. Na solução de muitos exercícios exemplos também mostra o uso de ferramentas de software para cálculo matemático e de gráficos, motivando o acadêmico a utilizar estas facilidades.
IdiomaPortuguês
Data de lançamento16 de jan. de 2016
Cálculo I
Ler a amostra

Relacionado a Cálculo I

Ebooks relacionados

Artigos relacionados

Categorias relacionadas

Avaliações de Cálculo I

Nota: 0 de 5 estrelas
0 notas

0 avaliação0 avaliação

O que você achou?

Toque para dar uma nota

A avaliação deve ter pelo menos 10 palavras

    Pré-visualização do livro

    Cálculo I - Orlando Frizanco

    Cálculo I – Fundamentos e Aplicações

    Orlando Frizanco

    CÁLCULO I

    – FUNDAMENTOS E APLICAÇÕES -

    Volume I

    Curitiba

    Orlando Frizanco

    2016

    - i -

    Orlando Frizanco

    Cálculo I – Fundamentos e Aplicações

    Direitos reservados ao Autor.

    © Copyright 2016 do Autor.

    Trechos desta publicação podem ser reproduzidos, desde que citada a fonte. A

    reprodução completa não poderá ser efetuada de qualquer modo ou por qualquer

    meio, seja eletrônico, mecânico, de fotocópia, de gravação, ou outros, sem prévia

    autorização por escrito do Autor.

    Dados internacionais de catalogação-na-publicação (CIP).

    Frizanco, Orlando.

    Cálculo I : Fundamentos e Aplicações - Volume I. 1ª

    Edição / Orlando Frizanco. - Curitiba/PR: O. Frizanco,

    2016.

    321 p.: il.: 21cm.

    ISBN: 978-85-60934-05-8

    1 – Matemática. 2 - Matemática Aplicada. 3 – Cálculo. 4

    – Limites. 5 - Matrizes e Determinantes. 6 - Sistemas

    Lineares. 7 – Derivadas. 8 – Integral.

    I. Título.

    CDD (21a ed.) 510.

    IMPRESSO NO BRASIL / PRINTED IN BRAZIL

    Endereço do Autor : Orlando Frizanco

    Rua da Capitania, 44

    Bairro Guabirotuba, CEP 81.520-590

    Curitiba – Paraná - Brasil

    e-mail: orlandofrizanco@ig.com.br

    Fone: (0xx41) 3296-7631

    - ii -

    Orlando Frizanco

    Cálculo I – Fundamentos e Aplicações

    Esta obra teve

    INCENTIVO E APOIO CIENTÍFICO, CULTURAL E TÉCNICO

    da

    ESCOLA TECNOLÓGICA DE CURITIBA LTDA.

    Mantenedora da

    - iii -

    Orlando Frizanco

    Cálculo I – Fundamentos e Aplicações

    O livro da natureza foi escrito exclusivamente com figuras e

    símbolos matemáticos. (Galileu)

    - iv -

    Orlando Frizanco

    Cálculo I – Fundamentos e Aplicações

    Agradecimentos

    À todos aqueles que, direta ou indiretamente,

    apoiaram e incentivaram a elaboração dessa obra.

    - v -

    Orlando Frizanco

    Cálculo I – Fundamentos e Aplicações

    SUMÁRIO

    Apresentação ...................................................................... 11

    INTRODUÇÃO ..................................................................... 13

    CONCEITOS HISTÓRICOS DO CÁLCULO ......................... 15

    REVISÃO PRÉ-CÁLCULO ................................................... 23

    1 OPERAÇÕES ALGÉBRICAS COM NÚMEROS DECIMAIS

    ....................................................................................... 24

    1.1 ADIÇÃO .......................................................................... 24

    1.2 SUBTRAÇÃO .................................................................. 25

    1.3 MULTIPLICAÇÃO ........................................................... 26

    1.4 DIVISÃO ......................................................................... 27

    1.5 VALOR ABSOLUTO OU MÓDULO ................................. 28

    1.6 OPERAÇÕES ALGÉBRICAS .......................................... 29

    1.6.1 Soma e Subtração Algébrica ........................................ 30

    1.6.2 Multiplicação e Divisão Algébrica ................................. 30

    1.6.3 Expressões Numéricas ................................................ 31

    1.7 DECOMPOSIÇÃO DE UM NÚMERO EM UM PRODUTO

    DE FATORES PRIMOS ................................................. 33

    1.7.1 Mínimo Múltiplo Comum (m.m.c) .................................. 34

    1.7.2 Máximo Divisor Comum (m.d.c.) .................................. 36

    2 POTENCIAÇÃO ................................................................ 38

    3 RADICAIS ......................................................................... 46

    4 RAZÕES E PROPORÇÕES .............................................. 53

    4.1 PROPRIEDADE FUNDAMENTAL DAS PROPORÇÕES 53

    4.2 GRANDEZAS DIRETAMENTE PROPORCIONAIS ......... 54

    4.3 GRANDEZAS INVERSAMENTE PROPORCIONAIS ...... 55

    - vi -

    Orlando Frizanco

    Cálculo I – Fundamentos e Aplicações

    5 REGRA DE TRÊS SIMPLES ............................................. 58

    6 REGRA DE TRÊS COMPOSTA ........................................ 63

    7 JUROS .............................................................................. 69

    7.1 JUROS SIMPLES ........................................................... 69

    7.2 JUROS COMPOSTOS .................................................... 73

    8 EXPRESSÕES ALGÉBRICAS ........................................... 80

    8.1 EQUAÇÕES ALGÉBRICAS ............................................ 80

    8.2 OPERAÇÕES ALGÉBRICAS .......................................... 80

    8.2.1 Soma algébrica ............................................................ 80

    8.2.2 Multiplicação algébrica ................................................. 81

    8.2.3 Divisão Algébrica ......................................................... 81

    8.2.4 Produtos Notáveis ........................................................ 82

    8.2.5 Fatoração Algébrica ..................................................... 86

    CÁLCULO – OBJETOS FUNDAMENTAIS .......................... 88

    9 FUNÇÕES ......................................................................... 89

    9.1 FUNÇÕES DE MAIS DE UMA VARIÁVEL ...................... 90

    9.2 REPRESENTAÇÃO DE FUNÇÕES ................................ 92

    9.3 EQUAÇÕES DO 1º GRAU .............................................. 93

    9.3.1 Resolução de Equação do 1º Grau com uma incógnita 94

    9.3.2 Resolução de Problemas do 1º Grau ........................... 98

    9.3.3 Sistemas de Equação do 1º Grau com duas incógnitas ...

    ..................................................................................... 101

    9.3.4 Resolução de Problemas com Sistemas de Equações do

    9.4 EQUAÇÕES DO 2º GRAU ........................................... 111

    9.4.1 Solução de Equações de 2º Grau Incompleta ............ 111

    9.4.2 Solução de Equações de 2º Grau Completa .............. 113

    9.4.3 Resolução de Problemas com Equações do 2º Grau . 116

    - vii -

    Orlando Frizanco

    Cálculo I – Fundamentos e Aplicações

    10 LOGARITMOS ............................................................... 121

    10.1 LOGARITMO COMO EXPOENTE .............................. 121

    10.2 PROPRIEDADES OPERATÓRIAS DOS LOGARITMOS ..

    ..................................................................................... 123

    10.3 APLICAÇÕES DE LOGARITMOS ............................... 130

    11 MATRIZES E DETERMINANTES .................................. 136

    11.1 MATRIZES – CONCEITOS BÁSICOS ........................ 136

    11.2 MATRIZES EQUIVALENTES ...................................... 140

    11.3 TIPOS DE MATRIZES ................................................ 140

    11.4 OPERAÇÕES COM MATRIZES ................................. 145

    11.4.1 Adição ...................................................................... 145

    11.4.2 Multiplicação por escalar .......................................... 148

    11.5 MULTIPLICAÇÃO DE MATRIZES .............................. 150

    11.5.1 Propriedades do Produto de Matrizes ..................... 151

    11.6 MATRIZ TRANSPOSTA.............................................. 152

    11.6.1 Propriedades da Matriz Transposta ......................... 152

    12 DETERMINANTES E SISTEMAS DE EQUAÇÕES

    LINEARES ................................................................... 156

    12.1 DETERMINANTES ..................................................... 156

    12.2 CÁLCULO DO DETERMINANTE ................................ 156

    13 SISTEMAS DE EQUAÇÕES LINEARES ....................... 162

    14 LIMITES ......................................................................... 171

    14.1 LIMITE DE UMA SEQUÊNCIA .................................... 171

    14.2 LIMITES LATERAIS .................................................... 173

    14.3 LIMITES INDETERMINADOS ..................................... 175

    14.4 LIMITES DE FUNÇÕES QUANDO X SE APROXIMA DO

    INFINITO ................................................................... 179

    - viii -

    Orlando Frizanco

    Cálculo I – Fundamentos e Aplicações

    14.5 OPERAÇÕES FUNDAMENTAIS SOBRE LIMITES .... 180

    14.6 IGUALDADES SIMBÓLICAS NAS OPERAÇÕES COM

    LIMITES ..................................................................... 181

    14.7 LIMITES E CONTINUIDADE ....................................... 185

    14.8 APLICAÇÕES DE LIMITES ........................................ 188

    15 DERIVADAS .................................................................. 190

    15.1 DERIVADA DE UMA FUNÇÃO NUM PONTO ............ 191

    15.2 DERIVADA DE FUNÇÕES SIMPLES ........................ 201

    15.3 DERIVADA DE OPERAÇÕES COM FUNÇÕES ........ 203

    15.3.1 Derivada da Soma de Funções ................................ 204

    15.3.2 Derivada do Inverso de uma Função ........................ 205

    15.3.3 Derivada do Produto de Duas Funções .................... 206

    15.3.4 Derivada do Quociente de Duas Funções ................ 208

    15.3.5 Derivada da Potência de uma Função ..................... 210

    15.3.6 Derivada da Raiz de uma Função ............................ 211

    15.4 REGRA DE L'HÔSPITAL ............................................ 214

    15.5 DERIVADAS DE ORDEM SUPERIOR ........................ 217

    15.6 APLICAÇÕES DE DERIVADAS .................................. 219

    15.6.1 Taxa de variação num ponto da função ................... 219

    15.6.2 Cálculo de Máximos e Mínimos de Funções ............ 226

    16 TEOREMA DO VALOR MÉDIO .................................... 234

    17 CÁLCULO INTEGRAL ................................................. 246

    17.1 PARA QUE SERVE O CÁLCULO INTEGRAL E

    DIFERENCIAL ........................................................... 247

    17.2 SIMBOLOGIA DO CÁLCULO INTEGRAL ................... 247

    17.3 DEFINIÇÃO DE INTEGRAL INDEFINIDA ................... 248

    17.3.1 Integrais Imediatas ................................................... 249

    - ix -

    Orlando Frizanco

    Cálculo I – Fundamentos e Aplicações

    17.3.2 Integrais Imediatas (funções) ................................... 254

    17.4 INTEGRAIS DEFINIDAS EM UM INTERVALO ........... 257

    17.4.1 Cálculo de uma Integral Definida em um Intervalo ... 258

    17.4.2 Cálculo de Áreas e Volumes usando Integral Definida ...

    ..................................................................................... 260

    17.5 TÉCNICAS DE INTEGRAÇÃO .................................... 266

    17.5.1 Integração por Substituição de Variáveis ................. 266

    17.5.1 Integração por Partes ............................................... 271

    17.5.2 Integração por Substituição Trigonométrica ............. 280

    17.6 INTEGRAL - APLICAÇÕES ........................................ 290

    17.7 INTEGRAL – VOLUMES DE SÓLIDOS DE

    REVOLUÇÃO. ........................................................... 298

    17.8 INTEGRAIS MÚLTIPLAS ............................................ 303

    17.8.1 Definição de Integral Múltipla ................................... 304

    FINALIZANDO ................................................................... 310

    BIBLIOGRAFIA CONSULTADA ........................................ 311

    - x -

    Orlando Frizanco

    Cálculo I – Fundamentos e Aplicações

    Apresentação

    Esse livro é uma edição expandida da obra

    Matemática Básica Aplicada à Cursos de Graduação, do

    mesmo autor, reforçando os conteúdos do cálculo

    diferencial e integral, de forma a expandir o uso para

    cursos da área das ciências exatas.

    Foi escrito para complementar o ensino e o

    aprendizado dos fundamentos e aplicações nos

    conteúdos da disciplina de CÁLCULO I, para auxiliar no

    entendimento do assunto.

    Com a evolução dos cursos superiores que

    buscam formar um profissional multifuncional e capaz de

    atender a demanda por profissionais qualificados no

    mundo do trabalho, muitas graduações têm, na formação

    básica do profissional a disciplina Matemática Aplicada

    e/ou Cálculo, ou disciplinas afins, para propiciar um

    conhecimento que irá apoiar o futuro formado no

    desenvolvimento de suas habilidades e capacidades.

    Acompanhando

    esta

    evolução,

    renomados

    autores e professores têm escrito livros específicos para

    facilitar o ensino da matemática em cursos da área de

    ciências humanas, ciências sociais aplicadas e,

    principalmente aos voltados para as áreas de

    tecnologias, engenharias, e informática.

    O ensino da matemática, assim como o de outras

    disciplinas que envolvem cálculos, tem causado

    preocupação em muitos acadêmicos, principalmente aos

    que estudam em áreas de outras ciências.

    Em cursos da área de engenharias, uma das

    disciplinas que se estendem ao longo dos semestres é o

    CÁLCULO I, II, III, ... Assim, o autor tomou o cuidado de

    expôr nesta obra os assuntos de modo claro e simples,

    voltados para o CÁLCULO I e suas aplicações, de modo

    - 11 -

    Orlando Frizanco

    Cálculo I – Fundamentos e Aplicações

    a facilitar o estudo e o aprendizado.

    Para

    preparar

    profissionais

    capacitados

    à

    desempenhar bem as atividades que envolvam o cálculo

    é preciso ensinar os conceitos e suas propriedades, a

    metodologia e as aplicações, ou seja, simplificando, é

    preciso conhecer a teoria e a prática.

    Conhecer fundamentos de informática, para uso

    de ferramentas básicas, tais como planilhas eletrônicas e

    ferramentas de cálculo matemático e de gráficos é

    importante, ainda mais na área das engenharias. Nesta

    linha, o autor procurou apresentar as soluções dos

    exercícios, tanto na forma convencional, quanto

    utilizando softwares específicos e convenientes à cada

    situação problema, pois o acesso à internet permite

    explorar e disponibilizar materais e ferramentas de apoio

    gratuítas ou pagas, representando um diferencial

    importante

    para

    fortalecer

    o

    conhecimento

    do

    profissional.

    O autor.

    - 12 -

    Orlando Frizanco

    Cálculo I – Fundamentos e Aplicações

    INTRODUÇÃO

    Tendo por objetivo desenvolver um livro que

    apoie e facilite o ensino da matemática aplicada, mais

    especificamente ao CÁLCULO I nas áreas das

    engenharias, o conteúdo foi organizado de modo que

    possibilite ao estudante conhecer e adquirir habilidades

    fundamentais, que facilitem o entendimento e a aplicação

    dos conceitos do cálculo, tanto nas disciplinas afins do

    curso, quanto em sua vida profissional.

    O programa da obra está proposto para

    disciplinas inseridas nos períodos / semestres iniciais

    dos cursos de graduação (notadamente as engenharias)

    e foi programado de modo a apresentar a teoria com a

    simbologia simples e mais conhecida, seguida de

    exercícios

    resolvidos,

    que

    são

    desenvolvidos

    inicialmente de modo manual e, posteriormente, alguns

    deles, com o uso de programas de software específicos

    para cálculos matemáticos em computador. Em seguida

    são propostos exercícios similares aos resolvidos, para

    que o aluno pratique o que foi ensinado. Alguns

    exercícios são mais desafiadores para que sejam

    aprofundos os conceitos abordados.

    Dentre os programas de computador utilizados,

    para mostrar exemplos de exercícios resolvidos ao longo

    do livro, citam-se o SCILAB®, o GEOGEBRA®, o

    CALCULUS SOLVED® e outros. Todos estes programas

    são gratuitos e podem ser obtidos na Internet. Existem

    versões gratuitas e bem documentadas para ambiente

    Windows®, Mac® e Linux® e outros.

    Existem milhares de programas para cálculos

    matemáticos disponíveis gratuitamente na Internet. O

    professor e os acadêmicos podem escolher e utilizar

    aqueles que mais forem de seu agrado.

    - 13 -

    Orlando Frizanco

    Cálculo I – Fundamentos e Aplicações

    É importante que o acadêmico aprenda a fazer

    os cálculos e gráficos, usando lápis, borracha, régua,

    papel e calculadora, para melhor entender os conceitos

    do que está aprendendo. Desta maneira, fica muito mais

    fácil compreender como os programas informatizados

    procedem para efetuar os cálculos.

    O profissional sempre poderá ter à disposição

    ferramentas de software para fazer os cálculos

    matemáticos, porém é importante que conheça os

    conceitos teóricos e práticos para fazer a melhor escolha

    e o melhor uso dos comandos de cada programa.

    Neste volume I, que aborda temas referentes ao

    CÁLCULO I, os assuntos são apresentados em uma

    sequência, a mais natural possível onde o conhecimento

    vai sendo sedimentado de modo gradativo.

    Desta maneira, busca-se mostrar um caminho no

    qual o acadêmico poderá prosseguir de modo mais

    confortável no aperfeiçoamento dos conhecimentos, sem

    deixar de aprofundar-se com outras referências da área.

    A obra apresenta um material que serve como

    introdução aos conceitos do cálculo matemático,

    adequando-se às necessidades dos alunos de cursos de

    graduação superior.

    Os tópicos abordados fazem parte de um grupo

    de conhecimentos matemáticos necessários para que o

    acadêmico cresça no curso que está fazendo.

    As

    definições

    teóricas

    e

    práticas

    são

    apresentadas de modo claro e objetivo, seguido de

    exemplos e exercícios para fixação.

    É preciso sempre lembrar que a matemática,

    segundo os maiores e renomados autores, se aprende

    fazendo exercícios e não apenas lendo e observando

    como se faz.

    - 14 -

    Orlando Frizanco

    Cálculo I – Fundamentos e Aplicações

    CONCEITOS HISTÓRICOS DO CÁLCULO

    O estudo do cálculo trata de variação e de

    movimento, e de quantidades que tendem a outras

    quantidades. Sobre isto pode facilitar expor uma visão

    geral do assunto antes iniciar o estudo mais

    aprofundado.

    O conceito de limites é fundamental para o

    cálculo, pois possibilitaram resolver diversos problemas e

    deram origem às derivadas, diferenciais e integrais.

    Cálculo de áreas

    Na Grécia antiga usava-se um método para

    calcular áreas de polígonos, usando a somatória de

    áreas de triângulos, como mostrado a seguir.

    A área total é dada por:

    Área Área Área Área Área Área Área

    1

    2

    3

    4

    5

    6

    No caso de curvas, como um círculo, por

    exemplo, o cálculo da área era feito calculando a área do

    poligono de n lados inscrito. Como mostra a figura,

    - 15 -

    Orlando Frizanco

    Cálculo I – Fundamentos e Aplicações

    quanto maior o número de lados do polígono inscrito, a

    área do mesmo se aproxima mais da área do círculo.

    Ou seja, quando o número n de lados do

    polígono inscrito no círculo se aproxima do infinito, a

    área do poligono se aproxima mais da área do círculo.

    Área _ círculo Li (

    m Área _ do _ polígon _

    o de _ n _ lado )

    s

    n

    A área do círculo é o limite da área dos poligonos

    inscritos e pode ser escrito assim:

    A  lim A

    n

    n

    Para calcular a área em uma região sob uma

    curva e o eixo dos x, como a mostrada na figura a seguir,

    pode-se usar a ideia de somar as áreas de retangulos

    construidos abaixo da curva e, quanto maior a

    quantidade de retângulos (retangulos mais estreitos),

    mais a área se aproxima da área real sob a curva.

    - 16 -

    Orlando Frizanco

    Cálculo I – Fundamentos e Aplicações

    Esta técnica de cálculo para áreas também

    possibilita o cálculo de volumes, sólidos de revolução, o

    comprimento de um arco, a força da água sobre uma

    represa, trabalho para bombear áqua, etc.

    Determinação da tangente em um ponto da curva

    Considerando o problema de determinar a reta

    tangente t a uma curva com equação y = f (x), em um

    dado ponto P.

    Sabendo que a tangente é a reta que toca a

    curva em P e é lógico que P é um ponto sobre a reta

    tangente. Para encontrar a equação de t, é preciso

    conhecer a inclinação m da tangente.

    - 17 -

    Orlando Frizanco

    Cálculo I – Fundamentos e Aplicações

    y

    t

    y= f(x)

    P

    0

    x

    O problema é que, para calcular a inclinação, é

    necessário conhecer dois pontos, mas sobre t, há

    apenas o ponto P. Assim, uma alternativa é determinar

    primeiro uma aproximação para m, tomando sobre a

    curva um ponto próximo Q e calculando a inclinação mPQ

    da reta secante PQ, mostrada na figura a seguir.

    y

    Q (x, f(x))

    f(x) - f(a)

    P (a, f(a))

    x - a

    0

    a

    x

    x

    Considerando que a tangente no triangulo

    retângulo é igual ao cateto oposto sobre o cateto

    adjacente e isto é a inclinação da tangente, tem-se:

    f ( x)  f ( a

    m

    )

    x a

    - 18 -

    Orlando Frizanco

    Cálculo I – Fundamentos e Aplicações

    Quando o ponto Q se move na curva em direção

    a P, a reta secante se aproxima da tangente como sua

    posição limite. Isto significa que a inclinação que a

    inclinação mPQ da reta secante fica cada vez mais

    próxima da inclinação m da reta tangente. Então:

    m  lim m

    PQ

    QP

    Verifica-se que, quando Q tende a P, x tende a

    a, assim pode-se escrever que:

    f ( x)  f ( a)

    m  lim

    xa

    x a

    Este problema da tangente deu origem à parte

    do cálculo denominado Cálculo Diferencial.

    Aplicação no Cálculo na Velocidade

    Supondo que, verificando o movimento de um

    carro, em uma estrada reta e medindo a distância

    percorrida a cada 3 segundos, em metros, obtém-se a

    tabela a seguir.

    t=tempo em segundos

    0

    3

    6

    9

    12

    15

    d=distância em metros

    0

    10

    25

    60

    100

    150

    Para encontrar a velocidade após 9 segundos,

    por exemplo, calcula-se a velocidade média no intervalo

    de tempo 6 ≤ t ≤ 15, logo:

    distância _ percorrida

    velocidade _ média

    tempo _ decorrido

    - 19 -

    Orlando Frizanco

    Cálculo I – Fundamentos e Aplicações

    150  60

    velocidad _

    e média

    15  6

    90

    velocidade _ média

    m

    0

    ,

    9

    / s

    9

    Da mesma forma, a velocidade média no

    intervalo de tempo 6 ≤ t ≤ 9 será:

    60  25

    35

    velocidad _

    e média

    67

    ,

    11

    9  6

    3

    Considerando que a velocidade no instante t = 6

    segundos, não é muito diferente da velocidade média

    durante um pequeno intervalo de tempo que começa em

    t = 6 segundos. Então para intervalos de 0,2 segundos

    pode-se ter uma tabela como a mostrada a seguir.

    t=tempo em segundos

    6,0

    6,2

    6,4

    6,6

    6,8

    7,0

    d=distância em metros

    25,00

    26,5

    28.2

    30,0

    32,2

    34,8

    Calculando a velocidade média no intervalo de

    tempo [6, 7], em cada 0,2 segundos, vem:

    8

    ,

    34 

    0

    ,

    25

    8

    ,

    9

    velocidade _ média

    m

    80

    ,

    9

    / s

    7  6

    1

    4

    ,

    32 

    0

    ,

    25

    4

    ,

    7

    velocidade _ média

    m

    25

    ,

    9

    / s

    8

    ,

    6  0

    ,

    6

    8

    ,

    0

    0

    ,

    30 

    0

    ,

    25

    0

    ,

    5

    velocidade _ média

    m

    33

    ,

    8

    / s

    6

    ,

    6  6

    6

    ,

    0

    2

    ,

    28 

    0

    ,

    25

    2

    ,

    3

    velocidade _ média

    m

    00

    Está gostando da amostra?
    Página 1 de 1