Você está na página 1de 2

Dom Quixote

A7M D7M A E/A A D7M A E/A A D7M A7M

Muito prazer, meu nome otrio


D7M

Vindo de outros tempos mas sempre no horrio


A7M

Peixe fora dgua,


D7M

borboletas no aqurio
A7M

Muito prazer, meu nome otrio


D7M

Na ponta dos cascos e fora do preo


A7M A7M A7M D7M A7M D7M D7M

Puro sangue puxando carroa

Um prazer cada vez mais raro


D7M

Aerodinmica num tanque de guerra


A7M

Vaidades que a terra


D7M

um dia h de comer
A7M

s de espadas fora do baralho


D7M

Grandes negcios, pequeno empresrio


A7M

Muito prazer
D7M

me chamam de otrio
Bm A7M F#m C#7 D

Por amor s causas per-didas Tudo bem...at pode ser Que os drages sejam
F#m/E A7M(9) F#m Bm F#m D F#m F#m/E D C#7 F#m/E E D7M D

moinhos de ven-to Tudo bem...seja o que for Seja por amor s causas perdi-das Por amor s causas per-didas

Bm A

Bm

E C#7

Tudo bem...at pode ser


F#m

Que os drages sejam


F#m/E A F#m D C#7

moinhos de ven-to Muito prazer ao seu dispor Se for por amor


F#m/E Bm A7M D7M A7M D7M A7M D E D7M A7M D7M

s causas perdi-das Por amor s causas per-didas