P. 1
Incompetência istmo cervical

Incompetência istmo cervical

|Views: 755|Likes:
Publicado porElizabeth Sena

More info:

Published by: Elizabeth Sena on Jul 28, 2012
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PPTX, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

01/24/2014

pdf

text

original

INCOMPETÊNCIA ISTMO CERVICAL

ASMC

1

Incompetência istmo cervical 2 .

Incompetência istmo cervical 3 .

Incompetência istmo cervical 4 .

Incompetência istmo cervical Mulheres com aborto recorrente Incompetência Cervical Demais patologias 23% 77% 5 .

ou é necessário ocorrer o aborto suspeitar da IIC? 6 .Incompetência istmo cervical  É possível detectar a IIC logo no início.

Incompetência istmo cervical  Qual exames é o mais eficiente para confirmação do diagnóstico?  Por que estes exames não são solicitados antes da paciente engravidar?  Por que mesmo depois de diversos abortos espontâneos após o 1º trimestre de gestação muitos médicos não suspeitam de IIC? 7 .

Incompetência istmo cervical  Existe o desconhecimento desta anomalia uterina por muitos médicos?  Em média. antes de ser detectada a patologia?  O que é ciclagem uterina? 8 . quantas gestações as mulheres portadoras de IIC perdem.

Incompetência istmo cervical  A ciclagem é indicada somente para mulheres portadoras de incompetência istmo cervical?  Qual o melhor período para se fazer a ciclagem uterina em uma gestante portadora de IIC?  Quais as melhores condições para se realizar a circlagem? 9 .

Incompetência istmo cervical  Qual a diferença entre circlagem simples e circlagem dupla?  É possível fazer circlagem antes de a paciente engravidar? Por quê?  Para uma paciente não portadora de IIC. qual seria a medida do colo uterino nas seguintes semanas de gestação: 10 .

Qual o percentual de mulheres que mesmo circladas tem que fazer repouso absoluto para conseguir levar a gestação a termo? 11 . sendo necessário fazer repouso absoluto.Incompetência istmo cervical  Existem diferentes graus da IIC? Existem exames para detectar o grau da musculatura uterina?  Por que muitas gestantes fazem circlagem e levam vida normal até o final da gestação enquanto outras têm que fazer repouso absoluto?  Na maioria dos casos a circlagem uterina por si só não basta.

Incompetência istmo cervical  Quais os fios utilizados para a realização da circlagem?  Existe algum fio que não seja apropriado ou que exista maior probabilidade do organismo rejeitar o material e causar infecção ou qualquer outro tipo de danos?  Quando a circlagem transabdominal? Ela é mais segura do que a circlagem via vaginal? 12 .

Incompetência istmo cervical  Quais as anestesias utilizadas para realização da circlagem?  Existem casos de mulheres que fizeram circlagem de emergência com até 27 semanas de gestação. Até quantas semanas pode-se realizar a circlagem?  Toda mulher que possui o colo incompetente tem que colocar os óvulos de progesterona via vaginal? Para que eles servem? A partir de quantas semanas de gestação eles deverão ser utilizados? 13 .

Incompetência istmo cervical  Existem substâncias que são utilizadas para paralisarem o músculo. já se cogitou a utilização desta substância no útero de pacientes portadoras de IIC?  Existem estudos em relação à criação de algum medicamento capaz de aumentar a musculatura uterina a fim de evitar abortos espontâneos tardios para as mulheres portadoras de IIC?  Quem tem IIC pode usar o DIU? 14 .

podemos dizer que em pleno século XXI pouco a obstetrícia avançou e que nenhum esforço para se fazer uma nova descoberta foi feito até então?  Por que a IIC não é propagada sendo que a cada dia que passa aumenta o número de mulheres portadoras desta anomalia? 15 .Incompetência istmo cervical  Se considerarmos que em 1957. McDonald descreveu a técnica da circlagem por via vaginal para as mulheres portadoras da IIC e até hoje não houve nenhum avanço no sentindo de estudarem outras formas de se corrigir esta anomalia.

Incompetência istmo cervical 16 .

 Observar e registrar o sangramento vaginal.  Apoio verbal e emocional.  Verificar os SSVV a cada 4 horas.  Manter a paciente em repouso.  Observação constante.  Administrar medicação prescrita  Encaminhar e orientar a paciente quanto aos exames complementares 17 .Cuidados de enfermagem  Acolher e orientar.

18 . que pode ser imediata.  Explicar a necessidade de aguardar pelo menos de 3 a 6 meses antes de tentar engravidar.Cuidados de enfermagem  Informar sobre a recuperação da fertilidade.  Orientar a paciente quanto a importância de um acompanhamento médico antes de engravidar novamente.

 Fornecer nomes de grupos de apoio local para casais que experimentaram uma perda no inicio da gestação.  Instruir e incentivar os cuidados pirenéias após cada micção e evacuação para evitar a contaminação 19 .Cuidados de enfermagem  Orientar o casal sobre os métodos de contracepção.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->