Você está na página 1de 1

Dai-me, Senhor meu Deus, o que Vos resta; Aquilo que ningum Vos pede.

No Vos peo o repouso nem a tranqilidade, Nem da alma nem do corpo. No Vos peo a riqueza nem o xito nem a sade; Tantos Vos pedem isso, meu Deus, Que j no Vos deve sobrar para dar. Dai-me, Senhor, o que Vos resta, Dai-me aquilo que todos recusam. Quero a insegurana e a inquietao, Quero a luta e a tormenta. Dai-me isso, meu Deus, definitivamente; Dai-me a certeza de que essa ser a minha parte para sempre, Porque nem sempre terei a coragem de Vo-la pedir. Dai-me, Senhor, o que Vos resta, Dai-me aquilo que os outros no querem; Mas dai-me, tambm, a coragem E a fora e a f.