P. 1
Pesquisa Datafolha - sobre usuários de planos de saúde

Pesquisa Datafolha - sobre usuários de planos de saúde

|Views: 268|Likes:
Publicado portaciana5782

More info:

Published by: taciana5782 on Aug 17, 2012
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

07/26/2013

pdf

text

original

Avaliação dos p planos de saúde

Estado de São Paulo

Objetivo

‹nº›

Conhecer a opin nião dos médicos do Estado de S Paulo sobre a São Pa lo atuação dos plan ou seguros de nos sa aúde. aúde

Metodologia
Técnica
Pesquisa quantitativa com abordagem telefônica dos entrevistados mediante quantitativa, m entrevistados, aplicação de questionário estruturado com cerca de 15 minutos de duração. A seleção dos respondentes foi aleatória, com base em cadastro de médicos fornecido pelo Conselho Federal de Medicina. A checagem foi simultânea e também po osterior à coleta de dados e cobriu cerca de 30% do material de cada pesquisador.

‹nº›

Universo U i
Médicos do Estado de São Paulo, cada astrados no Conselho Federal de Medicina, credenciados ou conveniados a no mínim 3 planos ou seguros saúde ( t l d i d i d í imo l úd (atualmente t e/ou nos últimos 5 anos).

Metodologia
Amostra
Foram realizadas 403 entrevistas finais no Estado de São Paulo, sendo 200 na capital o Paulo e 203 no interior (cidades do interior + outras cidades da região metropolitana). Para
composição do total do Estado houve ponderaçã com base na participação de cada segmento ão (40% capital 60% interior) capital, interior). A margem de erro máxima, para mais ou para menos, considerando um nível de confiança de a 95%, 95% é de 5 pontos percentuais para o tota da amostra e 7 pontos percentuais para os al segmentos capital e interior.

‹nº›

Data do campo
O campo foi realizado entre os dias 23 de ju unho e 18 de agosto de 2010 2010.

Ranking de planos g p
Para identificar as marcas líderes do ranking em cada uma das categorias estudadas, g foram realizados testes estatísticos (Teste Z, diferença de proporções), com nível de confiança de 95%.

‹nº›

Perfil da amostra

Perfil da amostra
(Em %)
Total SP. Capital Interior+ outras cidades da RM

‹nº›

Sexo S
Maioria dos médicos que atende planos ou seguros M
62 58 65 38 43 35

saúde no Estado de São Paulo é do sexo masculino. s masculino A média de idade é de 46 anos.
que na capital. it l Vale notar que no in nterior do estado os médicos são ligeiramente mais velhos

Masculino M li

Feminino F i i

Idade
Média:

46

44

47

Maior M i presença de profissionais mulheres, na capital.
De 24 a 34 anos De 35 a 44 anos

22

27 18

28 29 28

36 32 40 14 12 15

De 45 a 59 anos

De 60 anos ou mais

Base: Total Estado de São Paulo (vide metodologia) Sexo e idade

‹nº›

Avaliação dos planos ou seguros saúde

Avaliação dos planos ou seguros saú úde
(Estimulada e única, em %) Escala de 0 a 10
Total SP. Capital Interior+ outras cidades da RM

‹nº›

Avaliação geral dos planos ou seguro s saúde no BRASIL

Média: M

4,7 4 7 - Tota SP al SP. 4,6 - Capi ital 4,8 - Inter rior+ outras cidades da RM

27 2 5 3 6
8

31 24 14 12 15 12 10 12 6 6 6
2

11 9 13

19 19 18

1
10

1
9

3 3 2
1

4 6 3
0

7

6

5

4

3

Em uma escala de zero a dez, o médico paulista atribui nota 4,7 para os planos ou seg guros saúde no Brasil.

Base: Total Estado de São Paulo (vide metodologia)

Avaliação dos planos ou seguros saú úde
(Estimulada e única, em %) Escala de 0 a 10
Total SP. Capital Interior+ outras cidades da RM

‹nº›

Avaliação dos p ç planos ou seguros saúde que trabalha ou trabalhou nos g eq últimos 5 anos
Média: 5,1 - Total SP.

5,0 - Capital 5,1 - Interior+ outra cidades da RM as

18 17 19 1
10

26 25 26 16 17 15 13 13 12 9 9 9 5 5 4
2

1 1 1
9

8 6 9
8 7

2 3 2
1

4 4 4
0

6

5

4

3

Considerando apenas os planos com os quais tem ou teve algum s relacionamento nos últimos 5 anos, a avaliação é similar à média atribuída p g média de 5,1 em escala de zero a dez. aos planos de modo geral: nota m
Base: Total Estado de São Paulo (vide metodologia) e P7 – De um modo geral, que nota de zero a dez o(a) Dr(a) dá para os planos ou seguros saúde considerando apenas os planos ou seguros saúde que o(a) Dr(a) trabalha ou já

‹nº›

Avaliação da interfe ferência dos planos na autonomi do médico ia

Avaliação da interferência dos planos de saúde na autonomia do médico s
(Estimulada e única, em %)
Total SP. Capital Interior+ outras cidades da RM

‹nº›

Percepção sobre a interferência dos planos ou seguros saúde na autonomia P ã b i t f ê i d l úd t i técnica do médico

Interferência dos planos d saúde de

93%

95%

92%

37 38 37 15 14 17

33 31 3

29 10 11 10 7 5 8

Todos interferem

Maioria interfere

Boa part interfere São raros os que te interferem

Nenhum interfere

Cerca de nove em cada dez médicos de eclaram que há interferência dos planos ou seguros saúde, na autonomia técnic do médico. ca 52% afirmam que esta prática é comum a todos ou maioria dos planos. s

Base: Total Estado de São Paulo (vide metodologia) a) P15 – De um modo geral, na sua opinião, pensando no número total de planos com os quais o(a Dr(a) trabalha ou já trabalhou nos últimos 5 anos, qual das seguintes frases o(a) Dr(a)

Avaliação da interferência dos planos de saúde na autonomia do médico s
(Estimulada e única, em %) Escala de 0 a 10
Total SP. Capital Interior+ outras cidades da RM

‹nº›

Grau de interferência dos planos ou seg p g guros saúde na autonomia técnica do médico
Média:

6,0 - Total SP. 6,3 - Capital 5,7 - Interior+ outras cidades d RM da

19 21 17 8 8 8
10

17 15 18

4 5 4
9 8 7

11

16 9

20 1 21 19 6 6 7
5 4

4 4 4
3

4 3 4
2

2 1 2
1

6

2
0

8

6

Muita interferência

Nenhuma interferência

Em uma escala de zero a dez, o méd dico atribui nota 6,0 para o grau de interferência dos planos de saúde. Nota ligeiramente maior é dada p g pelos médicos que atuam na capital.
Base: Total Estado de São Paulo (vide metodologia) anos, que nota de 0 a 10 o(a) Dr(a) atribui para a interferência dos planos de saúde na P16 – Considerando os planos de saúde que o(a) Dr(a) trabalha ou já trabalhou nos últimos 5 a

Avaliação da interferência dos planos de saúde na autonomia do médico s
(Estimulada, em %)
‹nº›

Interferência dos planos ou seguros sa aúde na autonomia técnica do médico, por tipo de serviço
Sim, recebem int terferência:
(múltipla a)

Glosa de procedimentos ou medidas terapêuticas Número de exames ou procedimentos Atos diagnósticos e terapêuticos At di ó ti t ê ti mediante designação de auditores Restrições a doenças pré-existentes

Interferência que mais afeta a autonomia (ú i ) (única) Total SP 79 32 81 78

77 77 77 71 74 69 71 70 71 56 59 54 47 48 46 46 55

21

Para cerca de três em cada dez médicos, glosar procedimento ou medidas terapêuticas é o tipo de interferência que mais afeta a autonomia médica.

18

5

Tempo de internação de pacientes Prescrição de medicamentos de alto custo Período de internação pré-operatório

7

3

1
Total SP. Capital Interior+ outras cidades da RM

40 0 5 5 5

13

NENHUMA

Base: Total Estado de São Paulo (vide metodologia) o(a) P17 – Pelo que o(a) Dr(a) sabe, de um modo geral, os planos ou seguros saúde com os quais o Dr(a) trabalha ou já trabalhou nos últimos 5 anos interferem ou não na

‹nº›

Ran nking de avaliação dos planos de saúde

Ranking de avaliação dos planos de saúde
‹nº›

Contextu ualizando:

Com o objetivo de medir a percepção sobre a atuação dos planos de saúde, os profissionais médicos responderam perguntas sobre vários asp t pectos.
• Todas as respostas para as pe gu ta desta etapa foram espontâneas, ou odas espostas pa a pergunta as o a espo tâ eas seja, não foram apresentadas opções d resposta ao entrevistado. de • E cada uma destas perguntas, o profi i Em d d t t ofissional médico apontava até t ê l édi t té três

planos, hierarquizando as respostas em primeiro, segundo e terceiro lugar.
• As respostas sempre foram relacionad aos planos ou seguros saúde que o das

profissional médico trabalha ou trabalhou nos últimos 5 anos.

Planos ou seguros saúde que mais in nterferem
Total SP. Capital Interior+ outras cidades da RM

‹nº› onomia técnica do médico: glosa procedimentos e medidas terapêuticas (Espontânea e múltipla, em %)Entre os que declaram interferência na auto

Mais GLOSAM PROCEDIMENTOS E MEDI IDAS TERAPÊUTICAS
Total (1º + 2º + 3º lugares)

Líderes
24 14 6 13 1412 12 21 6 9 13 4 9 11 7 8 4 11 7 12 6 9 5 1 9 5 10 2 14 1215 10 12 9

Amil

Sul América Saúde S úd

Medial

Cassi InterméBanco do dica Brasil B il

Bradesco Unimed S. Saúde J. R. P.

Santa Casa

Cabesp

Unimed Todos são Não sabe Paulistana iguais

Citações até 5% no total

Base: Entrevistados que trabalham/ trabalharam com planos que interferem na autonomia do médico: 315 entrevistas

Planos ou seguros saúde que mais in nterferem
‹nº› (Espontânea e múltipla, em %) Entre os que declaram haver interferência na autonomia técnica do médico: número de exames e procedimentos
Total SP. Capital Interior+ outras cidades da RM

No NÚMERO DE EXAMES E PROCEDIM MENTOS
Total (1º + 2º + 3º lugares)

Líderes
22 12 6 11 19 5 10 11 10 8 9 8 7 12 11 3 16 16 16 5 5 6 5 8 4 1 5 Cabesp 4 7 2 Golden Cross 4 7 2 15 7

7

10 2

6

10

Amil

Medial Intermédica Sul Unimed S. Cassi - Unimed Bradesco Santa d Saúde Casa América J. R. P. Banco do Paulistana Saúde Brasil

Porto Todos são Não Seguro iguais sabe

Citações até 4% no total

Base: Entrevistados que trabalham/ trabalharam com planos que interferem na autonomia do médico: 307 entrevistas

Planos ou seguros saúde que mais in nterferem
(Espontânea e múltipla, em %) Entre os que declaram haver interferência na autonomia técnica do médico: atos diagnósticos e terapêuticos
Total SP. Capital Interior+ outras cidades da RM

‹nº›

Nos ATOS DIAGNÓSTICOS E TERAPÊUT TICOS mediante a designação de auditores
Total
(1º + 2º + 3º lugares)

Líderes
22 11 19 11 22 26 16 131512

4

4

1114 8

7 9 6

7 8 6

6 2 10

6

11

5

10 2

4

8

4 8 2
Porto Seguro

4

7

Amil

Medial

Sul Bradesco Intermé- Cassi - Unim S. Unimed med R. América Saúde dica Banco do J. R P. Paulistana Saúde Brasil

Santa Casa

IAMSPE Todos são Não sabe iguais

Citações até 4% no total

Base: Entrevistados que trabalham/ trabalharam com planos que interferem na autonomia do mé édico: 288 entrevistas P25 – Qual é o plano ou seguro saúde que mais interfere na autonomia do médico em relação a atos diagnósticos e terapêuticos mediante designação de auditores? E em segundo lugar?

Planos ou seguros saúde que mais in nterferem
(Espontânea e múltipla, em %) Entre os que declaram haver interferência na autonomia técnica do médico: tempo de internação
Total SP. Capital Interior+ outras cidades da RM

‹nº›

No TEMPO DE INTERNAÇÃO Ç
Total (1º+ 2º+ 3º lugares)

Líderes
26 12 2
Amil

10

16 6

10

15 3

9

16 4 7 8 7 6

11

3

6

10

6

10

5 9 1

5 1 8

15 1217

21 2220

Sul América Saúde

Cassi Banco do Brasil

Medial

Bradesco Intermé- Unimed S. Saúde dica J. R. P. J R P

Santa Casa

Unimed Cabesp Paulistana

Todos são Não sabe iguais

Citações até 5% no total

Base: Entrevistados que trabalham/ trabalharam com planos que interferem na autonomia do médic : 224 entrevistas

Planos ou seguros saúde que mais in nterferem
(Espontânea e múltipla, em %) Entre os que declaram haver interferência na autonomia técnica do médico: período pré-operatório
Total SP. Capital Interior+ outras cidades da RM

‹nº›

No PERÍODO de internação PRÉ-OPERAT TÓRIO
Total (1º + 2º + 3º lugares). 31% acham que TODOS os planos interferem no período de internação s pré-operatório, com a mesma intensidade. m

31 3427 16 8
Amil

25 2624

2

8

15 1 7

12 2

5

10

5

9

4 3 6

4

8

4 8

3 5 2

3

5

Cassi Banco do Brasil

Medial

Cabesp

Unimed S. Bradesco Santa Casa Golden Sul América Unimed Todos são Não sabe Cross Saúde Araraquara iguais J. R. P. Saúde / Univida
Citações até 3% no total

Base: Entrevistados que trabalham/ trabalharam com planos que interferem na autonomia do médico: 190 entrevistas do P20 – Na opinião do(a) Dr(a) qual é o plano ou seguro saúde que mais interfere na autonomia d médico em relação ao período de internação pré-operatório? E em segundo lugar?

Avaliação dos planos ou seguros saú úde
(Espontânea e múltipla, em %)

Total de médicos
Total SP. Capital

‹nº›

Interior+ outras cidades da RM

Paga o PIOR HONORÁRIO
Total (1º+ 2º+ 3º lugares) Medial e Intermédica são percebidos como os planos que pagam o pior honorá ário médico médico.

Líderes Líd
20 10

14

12 15 9
Intermédica

9

14

6

8

13 2

8

13

5

10 2

5 1

8

5 1

8

8 7 8
Todos são iguais

14 16 12

Medial

Amil

Cassi Banco do Brasil

Santa Casa

Unimed Paulistana

Cabesp

Iamspe

Não sabe

Citações até 5% no total

Base: Total Estado de São Paulo (vide metodologia)

Avaliação dos planos ou seguros saú úde
(Espontânea e múltipla, em %)

Total de médicos
Total SP. Capital

‹nº›

Mais apresenta procedimentos BUROC CRÁTICOS
Total (1º+ 2º+ 3º lugares)

Interior+ outras cidades da RM

Quando o assunto é burocracia nota-se pulverização dos resultados. Três em cada dez médicos paulistas declaram que TODOS os planos ou seguro saúde são burocráticos.

Líderes
32 2933 9 12 7
Sul América Saúde

8 4 12
Cassi Banco do Brasil

17 8 2
Amil

7

11

7 11 4
Medial

6 7 6
Bradesco Saúde

6 9 5
InterméIntermé dica

6 2 8
Cabesp

4

9

2

4

7

9 11 7

Santa Casa

Unimed Unimed S. Todos são Não sabe S Paulistana J. R. P. iguais

Citações até 4% no total

Base: Total Estado de São Paulo (vide metodologia) é, P29 – Qual é o plano ou seguro saúde que mais apresentam procedimentos burocráticos, isto é exige maior número de documentos do médico como guias de internação, guias para

Avaliação dos planos ou seguros saú úde
(Espontânea e múltipla, em %)

Total de médicos
Total SP. Capital

‹nº›

Interior+ outras cidades da RM

PIOR plano ou seguro saúde
Total (1º+ 2º+ 3º lugares) Há um empate entre quatro ma arcas no ranking dos piores planos ou seguros saúde. Medial, Int termédica, Amil e Cassi são os mais votados, com cerca de 10% cada. m Líderes
20 12 7 12 14 10 16 7 14 3 6 11 7 13

10

10

10

6 8 5
Sul S Am mérica Sa aúde

5 5 5
Bradesco Saúde

5 3 6
Cabesp

5

11 2

11 9 11
Não sabe

Medial

Intermédica

Amil

Cassi - Santa Casa Banco do Brasil

Unimed Todos são Paulistana iguais

Citações até 5% no total

Base: Total Estado de São Paulo (vide metodologia) uais o(a) Dr(a) trabalha ou já trabalhou nos últimos 5 anos, possam ter, qual o(a) Dr(a) P30 – Pensando em todas as qualidades e defeitos que os planos ou seguros saúde com os qu

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->