Você está na página 1de 1

A psicose e sua relao com a loucura da mulher Cssia G Gindro

Fazendo um percurso pelas duas clnicas de Lacan, principalmente no que concerne psicose, Vera Lcia V. Santana vai buscar as articulaes que tornam possvel sustentar, nos diversos momentos da psicanlise a questo da mulher em sua relao com a psicose. Ao abordar A mulher como um continente obscuro, Freud revela que para a psicanlise tratar do feminino no foi tarefa fcil. Avanando nesta questo, Lacan conclui em seu ensino: as mulheres so loucas, localizando assim a posio de gozo excessivo das mulheres, especialmente quando se encontram envolvidas em uma paixo amorosa, uma louca paixo. Para ele, o amor das mulheres louco, enigmtico, porque o amor toma nelas a forma erotomanaca. Com o conceito lacaniano de foracluso generalizada, e com o uso da expresso todo mundo louco, esta articulao entre a loucura da mulher com a psicose evidencia contornos mais claros, j que a sensibilidade da mulher ao chamado do amor leva-a ao paroxismo de um sentimento muito similar ao da loucura, e lhe possibilita acesso posio feminina. com a loucura da mulher, sua paixo desenfreada e o gozo que ela experimenta que temos um elo de aproximao com a psicose, ainda que nesta ltima se apresente um quadro mais embaraoso de funcionamento.
REFERNCIA SANTANA, Vera Lcia Veiga. A Psicose e sua relao com a loucura da mulher. In. Opo Lacaniana online ano 1 numero 2 julho 2010 ISSN 2177-2673