Você está na página 1de 1

CORA��O DE M�E

Por: William Vicente Borges

Cora��o de M�e � assim: Grand�o!


Cabe todos que a ele se achegar.
� um mar que n�o se enche,
est� sempre pronto a amparar.

Cora��o de M�e � assim: Dedica��o!


Nunca cansa de abra�ar.
� um c�u cheio de estrelas,
nasceu para nos iluminar.

Cora��o de M�e � assim: Paix�o!


Consome-se em amar.
� um rio cheio de vida
que nunca pensa em desanimar.

Cora��o de M�e � assim: Perd�o!


Pelos filhos morre, se precisar.
� uma fonte inesgot�vel de afeto,
que nunca deixa de jorrar.