P. 1
Instrumentos_de_Avaliação_Geriátrica

Instrumentos_de_Avaliação_Geriátrica

4.5

|Views: 29.121|Likes:
Publicado porgulitt

More info:

Published by: gulitt on Oct 30, 2012
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

06/19/2014

pdf

text

original

Barroso (2008) desenvolveu um estudo de adaptação para Português da UCLA. De

acordo com o autor, esta escala mostra-se válida, quer na avaliação da solidão, quer na

discriminação entre solidão e outros construtos relacionados. Refere ainda que no estudo

de Lins (1998) são considerados quatro factores fortemente correlacionados e um factor

geral, que o instrumento revelou ainda óptima confiabilidade ao factor geral e limitações

quanto à precisão dos outros factores.

A adaptação portuguesa da Escala de Solidão da UCLA, de acordo com (Barroso,

2008), engloba um total de dezoito itens, avaliados numa escala de escolha múltipla de

quatro pontos, cada um com o seu valor, indo desde “nunca” (1); raramente (2); “algumas

vezes” (3) até “muitas vezes” (4). Os inquiridos seleccionam a opção que melhor reflicta

os seus sentimentos. A pontuação final é obtida através da soma dos 18 itens (inversão dos

negativoos). O score final da escala situa-se entre os 18 e os 72 pontos. Quanto mais

elevado o score final, maior o nível de solidão. Na Escala a solidão é encarada enquanto

estado psicológico e apreendida de modo unidimensional.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->