Você está na página 1de 2

9 dicas para ser aprovado na dinâmica de grupo

1. Se joga Participar. Essa é palavra de ordem. Contribua e se envolva nas atividades propostas. "Mostre quem você é, como suas habilidades podem contribuir com o desenvolvimento da empresa", diz ela. Demonstre também que você está ali porque realmente deseja conquistar a vaga. 2. Não é quantidade, mas qualidade Seja tagarela ou tímido, não importa. O que vale nessa hora é falar com qualidade. "Não adianta tentar se expor muito ou ficar mudo, o recrutador leva em consideração se o que está sendo falado é algo relevante. Antes de dizer alguma coisa, pense se aquela informação agregará valor de alguma maneira para a dinâmica de grupo", diz ela. 3. Estudando a empresa Mostrar que você conhece a empresa revela o tamanho do seu interesse em trabalhar lá e pode ajudar a conquistar pontos positivos na seleção. "É importante buscar informações sobre o mercado de atuação, porte e nacionalidade da companhia. Com isso, o candidato tem mais chances de se destacar positivamente na dinâmica porque, na maioria das vezes, o case a as atividades propostas têm a ver com os negócios da corporação." 4. Experiências de vida Não é só quem tem boas experiências profissionais que se destaca na dinâmica. Quem nunca trabalhou pode falar de vivências pessoais e contar quais aprendizados teve ao passar por uma ocasião. "Fale sobre quando teve que mudar de cidade, quando teve que coordenar um grupo de estudos ou quando preparou uma festa surpresa para o seu irmão. O recrutador quer saber como você lida com algumas situações e como tira proveito delas para analisar suas habilidades comportamentais", diz Fernanda. 5. Mentira tem perna curta Em hipótese alguma minta no processo seletivo. Na maioria dos casos o headhunter percebe que o candidato está tentando parecer o que não é, e mesmo que a mentira passe despercebida o profissional não conseguirá mantê-la por muito tempo. "É preferível não ser contratado por não ter um perfil compatível com o da empresa do que ser contratado e ter uma trajetória curta na companhia", afirma. 6. Falando corretamente Gírias, palavrões e erros gramaticais podem colocar tudo a perder. Segundo Fernanda, falar de maneira rebuscada também não pega bem. "O modo como o profissional se comunica impacta na avaliação do recrutador, por isso, o objetivo do candidato deve ser passar a mensagem de maneira clara e direta." 7. Aparência conta

o candidato não perde pontos apenas por demonstrar esse sentimento." 9. 8. eles acabam não se doando integralmente. "Pesquise no site da empresa ou até mesmo pergunte para o recrutador como as pessoas que trabalham na empresa se vestem para ter em mente o que você vai usar no dia. mostrar suas habilidades nas atividades e concorrer de igual para igual na disputa pela vaga.Só ter atitude não vai garantir sua aprovação no processo seletivo. No caso de piercings e tatuagens também é válido aproveitar o momento para questionar se é permitido o uso na companhia. não conseguem completar o raciocínio das frases e até mesmo apresentam cacoetes como fazer caretas. afirma Fernanda. "Algumas pessoas deixam o emocional falar mais forte e acabam disparando a falar. Xô. "Não ligue se o outro candidato já morou lá fora. Roupa e acessórios também estão sendo avaliados durante a dinâmica. No entanto. já teve excelentes experiências profissionais ou fala quatro idiomas. E por pensarem que não são tão bons quanto outros profissionais. Você precisa acreditar no seu potencial. concorrência Para a consultora. piscar os olhos repetidamente ou balançar as pernas". é preciso controlar a apreensão para não deixar a oportunidade escapar. alguns candidatos acabam indo mal na etapa porque avaliam os demais concorrentes. . Tudo sob controle Como é normal ficar nervoso na hora da dinâmica e quase impossível disfarçar.