Você está na página 1de 3

Exerccios Resolvidos de Trigonometria 1 - (UNI-RIO) Os lados de um tringulo so 3, 4 e 6.

O cosseno do maior ngulo interno desse tringulo vale: a) 11 / 24 b) - 11 / 24 c) 3 / 8 d) - 3 / 8 e) - 3 / 10 Soluo: Sabemos que num tringulo, ao maior lado ope-se o maior ngulo. Logo, o maior ngulo ser aquele oposto ao lado de medida 6. Teremos ento, aplicando a lei dos cossenos: 62 = 32 + 42 - 2 . 3 . 4 . cos 36 - 9 - 16 = - 24 . cos cos = - 11 / 24 e, portanto, a alternativa correta a letra B. Lembrete: TC - Teorema dos cossenos: Em todo tringulo, o quadrado de um lado igual soma dos quadrados dos outros dois, menos o dobro do produto desses lados pelo cosseno do angulo que eles formam. 2 - (UNESP) Se x e y so dois arcos complementares, ento podemos afirmar que A = (cosx - cosy)2 + (senx + seny)2 igual a: a) 0 b) 1/2 c) 3/2 d) 1 e) 2 Soluo: Desenvolvendo os quadrados, vem: A = cos2 x - 2 . cosx . cosy + cos2 y + sen2 x + 2 . senx . seny + sen2 y Organizando convenientemente a expresso, vem: A = (cos2 x + sen2 x) + (sen2 y + cos2 y) - 2 . cosx . cosy + 2 . senx . seny A = 1 + 1 - 2 . cosx . cosy + 2 . senx . seny A = 2 - 2 . cosx . cosy + 2 . senx . seny Como os arcos so complementares, isto significa que x + y = 90 y = 90 x. Substituindo, vem:

A = 2 - 2 . cosx . cos(90 - x) + 2 . senx . sen(90 - x) Mas, cos(90 - x) = senx e sen(90 - x) = cosx, pois sabemos que o seno de um arco igual ao cosseno do seu complemento e o cosseno de um arco igual ao seno do seu complemento. Logo, substituindo, fica: A = 2 - 2 . cosx . senx + 2 . senx . cosx A = 2 + (2senxcosx - 2senxcosx) = 2 + 0 = 2 , e portanto a alternativa correta a letra E. 3 - Calcule sen 2x sabendo-se que tg x + cotg x = 3. Soluo: Escrevendo a tgx e cotgx em funo de senx e cosx , vem:

Da, vem: 1 = 3 . senx . cosx senx . cosx = 1 / 3. Ora, sabemos que sen 2x = 2 . senx . cosx e portanto senx . cosx = (sen 2x) / 2 , que substituindo vem: (sen 2x) / 2 = 1 / 3 e, portanto, sen 2x = 2 / 3. Resposta: 2 / 3 4 - (ITA - 96) Seja [0, /2], tal que sen + cos = m . Ento, o valor de

: a) 2(m2 - 1) / m(4 - m2) b) 2(m2 + 1) / m(4 + m2) c) 2(m2 - 1) / m(3 - m2) d) 2(m2 - 1) / m(3 + m2) e) 2(m2 + 1) / (3 - m2) Soluo: Quadrando ambos os membros da expresso dada, vem: (sen + cos )2 = m2 . Desenvolvendo, fica: sen2 + 2 . sen . cos + cos2 = m2 Simplificando, vem: 1 + 2 . sen . cos = m2 1 + sen 2 = m2 e, portanto,

sen 2 = m2 - 1 Seguindo o mesmo raciocnio, vamos elevar ambos os membros da expresso dada ao cubo: Lembrete: (a + b)3 = a3 + b3 + 3(a +b) . ab Logo: (sen + cos )3 = m3 . Desenvolvendo, vem: sen3 + cos3 + 3 (sen + cos ) (sen . cos ) = m3 Lembrando que sen + cos = m e sen . cos = sen 2 / 2, e substituindo, fica: sen3 + cos3 = m3 - 3 (m) . (m2 - 1) / 2 Substituindo esses valores encontrados na expresso dada, teremos ento:

E portanto, a alternativa correta a letra C. Paulo Marques - Feira de Santana - BA, nos idos de outubro 1997, com reviso em 30/09/06.
http://www.paulomarques.com.br/arq4-10.htm