Você está na página 1de 17

Condeixa

A Reportagem

Disciplina de Português

Introdução

O presente trabalho pretende dar a conhecer um pouco da história do Concelho de Condeixa-a-Nova:

-Ao nível dos seus monumentos; - Dos seus símbolos; - Das suas figuras ilustres; -Da sua gastronomia.

A História de Condeixa

A história de Condeixa começa a partir do século II a.C., com a emergência da cidade luso-romana de Conímbriga. Os vestígios dessa presença romana, podem ainda hoje ser admirados nas ruínas e no Museu

Monográfico de Conímbriga.

A existência do lugar de Condeixa-a-Nova

surge atestada por

documentação datada do século XII, na sequência das ações de

repovoamento territorial da região de Coimbra levadas a cabo pelo Mosteiro de Santa Cruz.

Contudo só

em

meados

do

século

XIX,

Condeixa-a-Nova

alcançaria importância administrativa por intermédio da rainha D. Maria II que, em 1838, a eleva a concelho e, por fim, à categoria de vila em 1845.

A História de Condeixa

Condeixa, foi uma das mais martirizadas terras, aquando das Invasões

Napoleónicas. Foram os exércitos de Napoleão, sobretudo os comandados pelo general Massena, os responsáveis pelo incêndio e destruição de mais de 40 edifícios incluindo a igreja Matriz, no ano de 1811.

Chegaram aos nossos dias alguns palácios:

Palácio dos Almeidas
Palácio dos
Almeidas
A História de Condeixa Condeixa, foi uma das mais martirizadas terras, aquando das Invasões Napoleónicas. Foram
A História de Condeixa Condeixa, foi uma das mais martirizadas terras, aquando das Invasões Napoleónicas. Foram
A História de Condeixa Condeixa, foi uma das mais martirizadas terras, aquando das Invasões Napoleónicas. Foram
A História de Condeixa Condeixa, foi uma das mais martirizadas terras, aquando das Invasões Napoleónicas. Foram

A História de Condeixa

Ao longo da sua história, Condeixa recebeu a visita de diversos membros da realeza como príncipe alemão Lichnowsky que condensou numa só imagem a beleza paisagística do Concelho: "Condeixa é um cesto de flores“. Esta apreciação do príncipe viria a converter o cesto de flores em emblema heráldico e, posteriormente, em brasão da vila.

A História de Condeixa Ao longo da sua história, Condeixa recebeu a visita de diversos membros

SIGNIFICADO DO BRASÃO DE CONDEIXA

O azul significa zelo, lealdade e caridade. A faixa é de prata, metal que significa humildade e riqueza. O vermelho do açafate representa força, vida, energia e atividade. As flores, representam as belezas naturais da região e a grande quantidade de flores que existe por toda a parte. As palmas, representam os sacrifícios, que a Vila sofreu com a invasão francesa. As espigas representam a riqueza agrícola da região. A romã, representa a abundância de frutos.

As figuras ilustres de Condeixa

Dr. João Antunes – “Padre-Boi”:

O perfil da personalidade mais carismática da historia de Condeixa traça-se entre a figura extraordinária da grande cabeleira e a alegria contagiante, a gargalhada sempre pronta e a sua elevada riqueza cultural como pároco de Condeixa-a-Nova. A alcunha de “Padre – Boi “ com que ficou popularizado , provem do seu físico avantajado, do seu grande

apetite que deram origem a episódios engraçados que terá mesmo motivado a simpatia e a aproximação do rei D. Carlos , aquando da sua visita a Condeixa.

As figuras ilustres de Condeixa Dr. João Antunes – “Padre - Boi”: O perfil da personalidade

As figuras ilustres de

Condeixa

Fernando Namora:

Fernando Gonçalves Namora (1919-1989) nasce em Condeixa, no seio de uma família de comerciantes e camponeses; aqui vive até aos dez anos de idade, no contato direto com os ofícios, as dificuldades e angústias das populações do meio rural. Estuda Medicina em Coimbra, concluindo o curso em 1942. Abre consultório em Condeixa. Romancista, ensaísta, poeta, pintor, médico, nas páginas de Fernando Namora, enquadradas pela época conturbada em que viveu, se refletem todas estas experiências pessoais vividas em Condeixa.

As figuras ilustres de Condeixa Fernando Namora: Fernando Gonçalves Namora (1919-1989) nasce em Condeixa, no seio

As figuras ilustres de Condeixa

Dr. Simão da Cunha

Natural de Condeixa , Simão da Cunha d’Eça Azevedo (1831 1919) cursou Medicina naUniversidade de Coimbra e cedo lhe foram reconhecidos os seus créditos como médico;o apego à terra e as lides políticas tê-lo-ão conduzido à presidência da Câmara Municipal ,

durante o período de 1866-1868. Notabilizou-se

pela acção social

desenvolvida em prol da vila . Legou a sua biblioteca pessoal

(aproximadamente dois mil volumes),à autarquia, afim de que se consttuísse uma biblioteca Municipal .

As figuras ilustres de Condeixa Dr. Simão da Cunha Natural de Condeixa , Simão da Cunha

Os Monumentos de

Conímbriga

Condeixa

Conímbriga localizava-se na via que ia de Olisipo ( atual Lisboa ) a Bracara Augusta ( atual Braga ).Foi ocupada pelos romanos.

Conímbriga é uma das raras cidades romanas que conserva a cintura de muralhas , de planta aproximadamente triangular . O tramo Norte Sul das muralhas divide a cidade em duas zonas. Particularmente notável pela planta e pela riqueza dos mosaicos que a pavimentam ,é a grande villa urbana com peristilo central ,a Norte da via .Em trabalhos junto à muralha Sul foi descoberto um grande edifício cuja finalidade seriam termas públicas, com as suas divisões características.

Os Monumentos de Conímbriga Condeixa Conímbriga localizava-se na via que ia de Olisipo ( atual Lisboa

Os Monumentos de

Condeixa

Igreja Matriz de Condeixa

A Igreja de Santa Cristina , em Condeixa a-nova , é um monumento peculiar. Erguida no século XVI por determinação de D.Manuel, aquando da sua passagem pela vila. Esta obra veio substituir uma velha igreja existente no local.

Os Monumentos de Condeixa Igreja Matriz de Condeixa A Igreja de Santa Cristina , em Condeixa

Os Monumentos de

Condeixa

Alcabideque e o seu Castellum

Proveniente do árabe "al" e do latim "caput aquae", que significa captação de água, a povoação de Alcabideque possui um importante monumento da época romana. Situado a cerca de 3 Km de Conímbriga o Castellum de Alcabideque é uma pequena torre de construção romana que servia essencialmente para captar e elevar a água para o seu posterior transporte, através de um aqueduto, até à cidade de Conímbriga.

Os Monumentos de Condeixa Alcabideque e o seu Castellum Proveniente do árabe "al" e do latim

Gastronomia

Prato mais caraterístico é o cabrito assado no forno de lenha acompanhado com batatas assadas e grelos cozidos.

Gastronomia Prato mais caraterístico é o cabrito assado no forno de lenha acompanhado com batatas assadas

Nas freguesias do concelho este prato cede lugar à chanfana de cabra acompanhada de batata cozida.

Gastronomia Prato mais caraterístico é o cabrito assado no forno de lenha acompanhado com batatas assadas

Gastronomia

Nas pastagens do concelho onde se criam cabras e ovelhas abunda a erva de Santa Maria que confere ao leite um sabor inconfundível e aos produtos dele derivados como o licor de leite e o queijo do rabaçal um travo caraterístico.

Gastronomia Nas pastagens do concelho onde se criam cabras e ovelhas abunda a erva de Santa
Gastronomia Nas pastagens do concelho onde se criam cabras e ovelhas abunda a erva de Santa

Produzem-se ainda outros produtos de referência como o vinho, o mel, o azeite e os frutos secos com destaque para a noz.

Gastronomia Nas pastagens do concelho onde se criam cabras e ovelhas abunda a erva de Santa
Gastronomia Nas pastagens do concelho onde se criam cabras e ovelhas abunda a erva de Santa

Gastronomia

Ao nível da doçaria a escarpiada confecionada no forno à base da massa de pão, açúcar amarelo, azeite, canela. Estes pães seriam usados nos velórios como alimento das carpideiras (pessoas contratadas para chorar nos velórios e enterros ).

Gastronomia Ao nível da doçaria a escarpiada confecionada no forno à base da massa de pão,

As

suas

origens

podem

estar

ligadas

à

presença

dos

romanos

em

Condeixa, que faziam também papas com farinha e folhas de couve.

Se pensarmos nestas papas podemos chegar às papas laberças, também tradicionais.

Gastronomia Ao nível da doçaria a escarpiada confecionada no forno à base da massa de pão,

Conclusão

Com este trabalho …

Fiquei a conhecer a riqueza cultural e histórica do meu concelho;

Passei a valorizar os seus

monumentos e tradições…

Trabalho Realizado Por

Erica Wallberg nº6

Inês Silva nº8

João Pires nº12

Interesses relacionados