P. 1
Patchview PV4E User Manual V6!15!01-2010-Furukawa - PORT

Patchview PV4E User Manual V6!15!01-2010-Furukawa - PORT

|Views: 174|Likes:
Publicado porulissesmoragas

More info:

Published by: ulissesmoragas on Dec 18, 2012
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

12/18/2012

pdf

text

original

Manual do Usuário do PatchView for the Enterprise (PV4E

)
Versão 6.0 Publicado em setembro de 2009

.

i

PV4E User Manual – V6.0

Índice
Seção Página

CAPÍTULO 1: INTRODUÇÃO ................................................................................... 1
Descrição do Produto ........................................................................................................................................... 1 Principais Novos Recursos ................................................................................................................................... 2 Benefícios Chave ................................................................................................................................................ 4

CAPÍTULO 2: VISÃO GERAL DO PV4E................................................................... 8
Sistema PatchView ............................................................................................................................................... 8 Recursos do PatchView ...................................................................................................................................... 9 Sistema de gerenciamento a partir da internet .................................................................................................... 9 Gerenciamento de Ativos ................................................................................................................................. 10 Módulo de Ordem de Serviço ........................................................................................................................... 10 O Módulo de Descoberta .................................................................................................................................. 10 Hardware Relacionado ao PV4E ....................................................................................................................... 11 PVMax Master .................................................................................................................................................. 11 Extensor PVMax............................................................................................................................................... 11 Extensor PVMax Master................................................................................................................................... 11 Scanner PVMax ................................................................................................................................................ 12 Scanner Local PVMax ...................................................................................................................................... 12 Controle de Indicador PVMax .......................................................................................................................... 12 Splitter PVMax ................................................................................................................................................. 12 O Sistema de Scanner PVMax .......................................................................................................................... 12 Painéis de Conexões SMART .......................................................................................................................... 13 Mesa de Controle .............................................................................................................................................. 13 Instalações ........................................................................................................................................................... 14 Interação Hardware/Software ........................................................................................................................... 14 Usando o Sistema ................................................................................................................................................ 15

CAPÍTULO 3: INICIANDO ....................................................................................... 18
Executando o PV4E ............................................................................................................................................ 18 Iniciando uma sessão no PV4E......................................................................................................................... 18 Encerrando a sessão do PV4E .......................................................................................................................... 20 Interface Gráfica do Usuário do PV4E ............................................................................................................. 20 Sobre a GUI ...................................................................................................................................................... 22 Árvore de Inventário ......................................................................................................................................... 22 A Barra de Menu .............................................................................................................................................. 22 Botões de Navegação .................................................................................................................................... 22 Ajuda ............................................................................................................................................................ 23 Indicadores de Alerta/Aviso ......................................................................................................................... 24 Botões Atualizar e Sair ................................................................................................................................. 24 A Barra de Ferramentas .................................................................................................................................... 25 Menus de Atalho ............................................................................................................................................... 25 Mensagens Pop-Up ............................................................................................................................................. 25 Selecionando Eventos para Aparecerem como Pop-Ups .................................................................................. 25

ii

PV4E User Manual – V6.0

Exemplo de Pop-Up.......................................................................................................................................... 27 Selecionando o Ambiente de Hardware ............................................................................................................ 27 Buscando Equipamentos .................................................................................................................................... 28 Problemas Relacionados à GUI ......................................................................................................................... 31 Apresentação do Bastidor (Ordem de Contagem em "U") ............................................................................... 31 Suporte Aperfeiçoado da Ordem de Contagem U ............................................................................................ 31 Ícones de Editar Links ...................................................................................................................................... 32 HW Conectado – Visualização da Aba Padrão................................................................................................. 32 Busca ................................................................................................................................................................ 32 Relatórios de OS ............................................................................................................................................... 33 Relatórios de Tarefas de OS ............................................................................................................................. 33 Relatório de Ordem de Serviço ......................................................................................................................... 34

CAPÍTULO 4: O CATÁLOGO ................................................................................. 36
Visão Geral do Catálogo .................................................................................................................................... 36 Janela do Catálogo.............................................................................................................................................. 36 Itens do Catálogo ................................................................................................................................................ 37 Tipo de Item...................................................................................................................................................... 38 Tipo Funcional .................................................................................................................................................. 39 Classe ................................................................................................................................................................ 41 Item ................................................................................................................................................................... 41 Adicionando, Editando e Excluindo Classes .................................................................................................... 41 Adicionando uma Classe .................................................................................................................................. 41 Editando uma Classe ........................................................................................................................................ 43 Excluindo uma Classe....................................................................................................................................... 44 Adicionando, Editando e Excluindo Itens ........................................................................................................ 45 Adicionando um Item ....................................................................................................................................... 45 Editando um Item ............................................................................................................................................. 48 Excluindo um Item ........................................................................................................................................... 49 Adicionando Itens Específicos ao Catálogo ..................................................................................................... 50 Adicionando um Distribuidor ao Catálogo ................................................................................................... 50 Adicionando Cabo (Cabo de Conexão/Horizontal e Vertical) ao Catálogo .................................................. 51 Adicionando um Cabo de Tronco ao Catálogo ............................................................................................. 53 Adicionando um Percurso ao Catálogo ........................................................................................................ 55 Aba Dimensões: ............................................................................................................................................ 57 Adicionando um Conector ao Catálogo ........................................................................................................ 57 Adicionando Equipamentos de Bastidores ao Catálogo ............................................................................... 59 Adicionando Software ao Catálogo .............................................................................................................. 60 Adicionando um Adaptador ao Catálogo ...................................................................................................... 61 Adicionando Equipamentos Terminais ao Catálogo ......................................................................................... 62 Adicionando um Telefone IP ao Catálogo .................................................................................................... 62 Adicionando um Dispositivo KVM ao Catálogo .......................................................................................... 65 Adicionando uma Impressora ao Catálogo ................................................................................................... 67 Adicionando uma Estação ao Catálogo ........................................................................................................ 69 Adicionando um Telefone ao Catálogo ........................................................................................................ 71 Adicionando Equipamentos de Rede ao Catálogo ............................................................................................ 73 Adicionando Comutadores ao Catálogo ....................................................................................................... 74 Adicionando um PBX ao Catálogo ............................................................................................................... 75 Adicionando um Roteador ao Catálogo ........................................................................................................ 78 Adicionando um Hub ao Catálogo................................................................................................................ 80 Adicionando Equipamentos PVMax ao Catálogo ............................................................................................ 83

iii

PV4E User Manual – V6.0

Master ........................................................................................................................................................... 83 Extensor ........................................................................................................................................................ 83 Extensor Master ............................................................................................................................................ 83 Scanner ......................................................................................................................................................... 83 Scanner Local ............................................................................................................................................... 84 Controles PVMax ......................................................................................................................................... 84 Mesa de Controle .......................................................................................................................................... 84 Adicionando Hardware de Conexão ao Catálogo ............................................................................................. 84 Adicionando um Ponto de Rede ao Catálogo ............................................................................................... 84 Adicionando um Painel ao Catálogo ............................................................................................................ 86 Adicionando um Painel ao Catálogo ............................................................................................................ 88 Adicionando Equipamentos de Data Center ao Catálogo ................................................................................. 88 Adicionando um Controle Ambiental ao Catálogo ....................................................................................... 89 Usando Ícones ..................................................................................................................................................... 90 Atribuindo Ícones a um Item de Catálogo ou Classe ........................................................................................ 91

CAPÍTULO 5 - DEFININDO PROJETOS................................................................. 94
Definindo Projetos - Visão Geral....................................................................................................................... 94 Planejando o Projeto .......................................................................................................................................... 96 Hardware PV (Versão Anterior) ....................................................................................................................... 97 Janela Local ........................................................................................................................................................ 97 Definindo a Árvore Local................................................................................................................................... 98 Nomeando Locais e Itens na Árvore Local ....................................................................................................... 99 Recurso de Nomeação Automática ................................................................................................................... 99 A Janela Nomeação Automática ................................................................................................................. 100 Tipos de Local ................................................................................................................................................... 107 Adicionando, Editando e Excluindo um Local ............................................................................................... 108 Adicionando um Local de Primeiro Nível .................................................................................................. 109 Adicionando um Local sob um Nível Pai ................................................................................................... 110 Editando um Local...................................................................................................................................... 112 Excluindo um Local.................................................................................................................................... 113 Adicionando uma Empresa na Árvore Local .............................................................................................. 114 Adicionando Países à Árvore de Local ....................................................................................................... 115 Adicionando Cidades à Árvore de Local .................................................................................................... 115 Adicionando Edifícios à Árvore de Local .................................................................................................. 116 Adicionando Andares à Árvore de Local.................................................................................................... 117 Adicionando Salas à Árvore de Local ........................................................................................................ 118 Adicionando Cubículos à Árvore de Local................................................................................................. 119 Adicionando Mesas à Árvore de Local....................................................................................................... 120 Árvore de Local Expandida ........................................................................................................................ 122 Atribuindo Itens a um Local ............................................................................................................................ 122 Adicionando, Editando, Movendo e Excluindo Itens no Local ...................................................................... 123 Adicionando Itens ao Local ........................................................................................................................ 124 Editando Itens no Local .............................................................................................................................. 125 Movendo Editando Itens no Local .............................................................................................................. 125 Excluindo Itens do Local ............................................................................................................................ 127 Adicionando Equipamentos de Bastidores a um Local .................................................................................. 128 Adicionando um Bastidor a um Local ........................................................................................................ 128 Adicionando um Organizador de Cabos ao Local ...................................................................................... 130 Adicionando uma Prateleira a um Local ..................................................................................................... 132 Adicionando um Espaçador a um Local ..................................................................................................... 134

iv

PV4E User Manual – V6.0

Definindo o Conteúdo de Bastidores .......................................................................................................... 136 Visualizando um Bastidor........................................................................................................................... 136 Movendo Itens dentro de um Bastidor ........................................................................................................ 137 Adicionando Equipamentos do PatchView a um Local.................................................................................. 139 Adicionando um Master a um Local........................................................................................................... 139 Adicionando um Extensor ao Local............................................................................................................ 141 Adicionando um Extensor Master a um Local ........................................................................................... 142 Adicionando um Scanner/Mini Scanner PVMax a um Local ..................................................................... 143 Adicionando um Scanner Local ...................................................................................................................... 144 Detectando um Master/Scanner Local na Topologia ...................................................................................... 145 Atribuindo ....................................................................................................................................................... 146 Selecionando uma Janela de Busca ................................................................................................................ 147 Adicionando Controles de Indicador e de Segurança do PVMax ................................................................ 148 Controle de Segurança PVMax ...................................................................................................................... 148 Dispositivos Suportados ............................................................................................................................. 148 Geral ........................................................................................................................................................... 148 Controle de Indicador PVMax ........................................................................................................................ 148 Catálogo ...................................................................................................................................................... 149 Adicionando e Editando Controles PVMax .................................................................................................... 149 Funcionalidade do Controle de Segurança PVMax ........................................................................................ 154 Reconhecimento Automático ...................................................................................................................... 154 Visualizar (fantasma) .................................................................................................................................. 154 Inserindo um Fantasma (adicionando-o ao inventário)................................................................................... 155 Atribuir, Substituir e Remover um Controle de Segurança ............................................................................ 155 Busca .............................................................................................................................................................. 156 Adicionando um Controle de Segurança ao Inventário .................................................................................. 158 Editar um Controle Indicador Existente ......................................................................................................... 159 Visualizar Inventário .................................................................................................................................. 166 Duplicar e Salvar como Novo ..................................................................................................................... 169 Eventos ........................................................................................................................................................... 169 Atribuindo um Indicador de Bastidores a um Bastidor................................................................................... 170 Download Remoto de Software (RSD - Remote Software Download) .......................................................... 171 Adicionando uma Mesa de Controle ao Local ............................................................................................ 171 Adicionando Hardware de Conexão ao Local ................................................................................................ 172 Adicionando Pontos de Rede ao Local ....................................................................................................... 172 Adicionando Painéis de Conexão ao Local ................................................................................................ 173 Adicionando Infraestrutura de Telecomunicações ........................................................................................ 174 Adicionando um Cabo (Cabo Horizontal e Vertical/Cabo de Conexão) ........................................................ 174 Aba Geral........................................................................................................................................................ 175 Aba Extremidades........................................................................................................................................... 176 Aba Caminhos ................................................................................................................................................ 176 Aba Observações ............................................................................................................................................ 177 Adicionando um Cabo Tronco/Cabo Multipar .............................................................................................. 177 Adicionando um Percurso ................................................................................................................................ 178 Aba Geral........................................................................................................................................................ 178 Aba Dimensões ............................................................................................................................................... 179 Aba Cabos ...................................................................................................................................................... 180 Aba Pontos de Ramificação ............................................................................................................................ 180 Aba Observações ............................................................................................................................................ 181 Adicionando um Cabo a um Percurso ............................................................................................................ 182 Medidas ............................................................................................................................................................. 183 Interconexão ...................................................................................................................................................... 184

v

PV4E User Manual – V6.0

Detectando Painel Interconexão ..................................................................................................................... 185 Atribuindo Painel de Interconexão ................................................................................................................. 185 Conectando o Comutador ao Painel de Interconexão ..................................................................................... 185 Acoplando um Comutador a um Painel de Interconexão................................................................................ 185 Regras ......................................................................................................................................................... 185 O Comutador e a Interconexão acoplados agora são apresentados como uma unidade, composta da carcaça do comutador e a porta frontal do Painel de Interconexão. ............................................................. 188 Desacoplando um Comutador de um Painel de Interconexão ........................................................................ 188 Editar Link ...................................................................................................................................................... 189 Visualização de Link ...................................................................................................................................... 190 Eventos de Porta Conectada/Desconectada e Notificações de Correio........................................................... 190 Visualizações de Painel de Interconexão ........................................................................................................ 190 Visualização do Comutador ........................................................................................................................ 190 Árvore de Local e Buscas ........................................................................................................................... 191 Adicionando Equipamento de Rede ............................................................................................................... 193 Driver Padrão do Comutador ...................................................................................................................... 193 Definindo Novos Comutadores .................................................................................................................. 193 Detectando um Comutador Automaticamente ............................................................................................ 193 Atribuição de Portas ................................................................................................................................... 198 Adicionando e Realizando Varredura Manualmente em um Comutador ................................................... 200 Adicionando um Roteador a um Local ....................................................................................................... 206 Adicionando PBX ou Hub ao Local ........................................................................................................... 206 Adicionando Equipamento Terminal .............................................................................................................. 207 Adicionando Equipamentos Terminais a um Local .................................................................................... 208 Sem Local .......................................................................................................................................................... 210 Adicionando Itens a Sem Local ...................................................................................................................... 210 Topologia ........................................................................................................................................................... 210 Detectando Novo Hardware na Topologia PVMax ........................................................................................ 211 Adicionando, Atualizando e Removendo Equipamentos na Topologia PVMax ............................................ 217 Usuários ............................................................................................................................................................. 219 Adding, Editing, Moving and Deleting Users ................................................................................................ 220 Adicionando um Grupo de Usuários .......................................................................................................... 220 Adicionando um Departamento .................................................................................................................. 221 Adicionando um Usuário ............................................................................................................................ 221 Recurso de Importação/Exportação................................................................................................................ 222 Visão Geral do Recurso .................................................................................................................................. 222 Escopo ............................................................................................................................................................ 223 Permissões ...................................................................................................................................................... 223 Exportar para um Arquivo de Exportação .................................................................................................... 224 Fluxo de Trabalho e Interface do Usuário ...................................................................................................... 224 Comportamento do Processo .......................................................................................................................... 225 Importar de um Arquivo de Exportação ........................................................................................................ 226 Fluxo de Trabalho e Interface do Usuário ...................................................................................................... 226 Comportamento do Processo .......................................................................................................................... 228 Testes de Validade do Arquivo EXP .............................................................................................................. 228 Verificação de Versão................................................................................................................................. 228 Edição Manual do Arquivo .exp ................................................................................................................. 228 Teste de Validade de Linha de Item do Catálogo ....................................................................................... 228 Geral ........................................................................................................................................................... 228 Lidando com Erros ..................................................................................................................................... 229 Relatório de Conflitos ..................................................................................................................................... 229 Importar de Arquivo CSV ............................................................................................................................... 229 Fluxo de Trabalho e Interface do Usuário ...................................................................................................... 229

vi

PV4E User Manual – V6.0

Estrutura do Arquivo CSV .............................................................................................................................. 230 Geral ........................................................................................................................................................... 230 Estrutura do Registro de Local ................................................................................................................... 230 Estrutura de Registros de Hardware de Conexão........................................................................................ 231 Estrutura de Registros de Equipamentos de Bastidores .............................................................................. 231 Estrutura de Registros de Equipamentos de Rede ...................................................................................... 232 Estrutura de Registros de Módulos de Equipamentos de Rede................................................................... 232 Estrutura de Registros de Informações de Links ........................................................................................ 233 Testes de Validade do Arquivo CSV .............................................................................................................. 233 Geral ........................................................................................................................................................... 233 Itens Pai-Filho Válidos ............................................................................................................................... 234 Teste de Validade do Registro de Local ..................................................................................................... 235 Teste de Validade de Registro de Hardware de Conexão ........................................................................... 235 Teste de Validade de registro de Equipamento de Bastidor ....................................................................... 235 Teste de Validade de registro de Equipamento de Rede ............................................................................. 235 Teste de Validade de registro de Módulo de Equipamento de Rede .......................................................... 236 Teste de Validade de Registro de Informação de Link ............................................................................... 236 Lidando com Erros ..................................................................................................................................... 236 Relatório de Conflitos ..................................................................................................................................... 236 Arquivo de Registro.......................................................................................................................................... 236 Possíveis Conflitos para Tipos de Arquivos Importados ................................................................................ 237 Novos Eventos ................................................................................................................................................... 239 Eventos de Exportação ................................................................................................................................... 239 Evento Processo de Exportação Iniciado .................................................................................................... 240 Evento Informações Estatísticas da Exportação ......................................................................................... 241 Evento Processo de Exportação Concluído ................................................................................................ 242 Evento Processo de Exportação Concluído com Conflitos ......................................................................... 242 Eventos de Importação ................................................................................................................................... 242 Resultados de Testes de Cabos ........................................................................................................................ 243 Geral ............................................................................................................................................................... 243 Visão Geral ..................................................................................................................................................... 243 Exemplo de Uso.............................................................................................................................................. 243 Associação da Árvore de Local ...................................................................................................................... 244 Armazenamento de Resultados de Testes de Cabos ...................................................................................... 244 Painéis e Pontos .............................................................................................................................................. 245 Comutadores ................................................................................................................................................... 245 Utilitário de Estruturação de Árvore .............................................................................................................. 246 Uso...................................................................................................................................................................... 246 Definir Caminho Raiz para Armazenamento de Resultados dos Testes de Cabos ......................................... 246 Visualizando os Resultados de Teste de Cabo da Porta.................................................................................. 248 Exibir Resultados do Teste de Cabo de Porta ................................................................................................. 250 Ordem de Busca de Resultados de Teste de Cabo de Link de Porta............................................................... 250 Ordem de Busca de Resultados de Teste de Cabo de Canal de Porta ............................................................. 251 Exibir Resultados do Teste de Cabo de Porta ................................................................................................. 251 Caminho de Armazenamento de Resultados de Testes de Cabos ................................................................... 252

CAPÍTULO 6: CRIANDO E EDITANDO LINKS .................................................... 253
Visão Geral dos Links ...................................................................................................................................... 253 Editar Link ...................................................................................................................................................... 255 Adicionando Cabos a uma Planilha aberta ..................................................................................................... 255 Visualizar Links .............................................................................................................................................. 255 Percurso .......................................................................................................................................................... 255

vii

PV4E User Manual – V6.0

Cabos .............................................................................................................................................................. 256 Links Monitorados do PatchView ................................................................................................................... 257 Trabalhando on-line ........................................................................................................................................ 258 Secure Links Overview .................................................................................................................................... 260 Indicador de Status do Link ............................................................................................................................ 260 Planilha Editar Link ......................................................................................................................................... 261 Abrindo Editar Link de Local ou da Árvore de Topologia ............................................................................. 261 Abra Editar Link do menu suspenso ........................................................................................................... 261 Abra Editar Link na Aba Portas .................................................................................................................. 262 Abrindo Editar Link usando o Botão Editar Link ........................................................................................... 263 Redimensionando a Planilha Editar Link ....................................................................................................... 264 Adicionando Itens ou Portas a uma planilha aberta ........................................................................................ 264 Movendo Portas pela Planilha ........................................................................................................................ 266 Arrastando e soltando portas selecionadas dentro da planilha .................................................................... 266 Recortando/copiando e colando as portas selecionadas dentro da planilha ................................................ 267 Posicionamento Automático ou Manual de Links .......................................................................................... 268 Usando o Recurso de Posicionamento Automático .................................................................................... 268 Posicionando o(s) link(s) manualmente ...................................................................................................... 269 Símbolos de Status do Link ............................................................................................................................ 270 Barra de Ferramentas Editar Link ................................................................................................................... 271 Criando e Editando Links ................................................................................................................................ 272 Criando um Link ............................................................................................................................................. 273 Links Seguros ................................................................................................................................................. 274 Visualizando o Status de Portas de Links Seguros ..................................................................................... 277 Rompimento de Links Seguros ................................................................................................................... 277 Rompendo um Link ........................................................................................................................................ 278 Cancelando um Link Dinâmico. ..................................................................................................................... 279 Clearing the Link Edit Worksheet .............................................................................................................. 280 Visualizar Itens, Painéis, Portas e Links ......................................................................................................... 281 Indicadores de Status de Porta ........................................................................................................................ 281 Visualizar Link do Local ou da Topologia ..................................................................................................... 281 Visualizar Link a partir de um Painel ............................................................................................................. 282 Visualizando Informações sobre um Item no Link ..................................................................................... 283 Links Completos ............................................................................................................................................... 284 Links Divididos ................................................................................................................................................. 285 Links KVM........................................................................................................................................................ 286

CAPÍTULO 7: APROVISIONAMENTO AUTOMATIZADO .................................... 287
Geral .................................................................................................................................................................. 287 Recursos............................................................................................................................................................. 287 Definição do Espaço de Trabalho ................................................................................................................... 288 Definições de Serviços ................................................................................................................................... 289 Definições de Zona de Conectividade ............................................................................................................ 289 Regras de Aprovisionamento ........................................................................................................................... 289 Regras de Filtragem ........................................................................................................................................ 289 Regras de Classificação .................................................................................................................................. 290 Regras de Geração de Operação ..................................................................................................................... 291

viii

PV4E User Manual – V6.0

Regras Definidas pelo Usuário ....................................................................................................................... 292 Ordens de Serviço e Tarefas ............................................................................................................................ 292 Módulo de aprovisionamento - Orientação geral........................................................................................... 292 Aba Localização ............................................................................................................................................. 292 Árvore Local ................................................................................................................................................... 293 Seleções Múltiplas .......................................................................................................................................... 294 Visualização Simples/Visualização Dupla na Árvore de Local da Ordem de Serviço ................................... 294 Visualização Simples .................................................................................................................................. 294 Visualização Dupla ..................................................................................................................................... 296 Trabalhando com a Ferramenta de Aprovisionamento ................................................................................ 296 Definindo Serviços ......................................................................................................................................... 296 Definindo Serviços para Itens de Catálogo ..................................................................................................... 298 Definindo Serviços para Itens de Inventário ................................................................................................... 300 Zonas de Conectividade ................................................................................................................................... 301 Adicionando uma Nova Zona de Conectividade ............................................................................................ 301 Excluindo um Grupo ...................................................................................................................................... 304 Executando uma Solicitação de Aprovisionamento no Ambiente de Interconexão .................................... 305 Configurando Tarefas Off-line ........................................................................................................................ 306 Executando Solicitação de Aprovisionamento ............................................................................................... 309 Solicitação de Movimentação ......................................................................................................................... 309 Modificando uma Ordem de Serviço .............................................................................................................. 314 Adicionar Solicitação ........................................................................................................................................ 317 Adicionando Itens Simples ou Vários Itens a um Local ............................................................................. 317 Funcionalidade de Alterações .......................................................................................................................... 324 Funcionalidade de Troca .................................................................................................................................. 326 Função de Remoção .......................................................................................................................................... 328 Recursos Reservados ...................................................................................................................................... 331 Mensagens de Erro ........................................................................................................................................... 333 Tabela de Mensagens de Erro ......................................................................................................................... 334

CAPÍTULO 8: ORDEM DE SERVIÇO E GERENCIAMENTO DE LINKS............. 335
Visão Geral de Ordem de Serviço ................................................................................................................... 335 A Janela Ordem de Serviço ............................................................................................................................. 336 Abrindo a Janela Ordem de Serviço ............................................................................................................... 336 Filtrando as Ordens de Serviço ....................................................................................................................... 337 Ordens de Serviço Listadas em ID ou Engenheiro ......................................................................................... 337 A Ordem de Serviço ......................................................................................................................................... 338 Criando uma Nova Ordem de Serviço ............................................................................................................ 339 Editando uma Ordem de Serviço .................................................................................................................... 340 Excluindo uma Ordem de Serviço .................................................................................................................. 341 Tarefas ............................................................................................................................................................... 342 Criando uma Nova Tarefa .............................................................................................................................. 342

ix

PV4E User Manual – V6.0

Adicionando uma Tarefa de Link/Interrupção de Link a uma Ordem de Serviço .......................................... 343 Trabalhando na Planilha Links ....................................................................................................................... 344 Reservando Dispositivos para Tarefas de Links ............................................................................................. 346 Incluindo Tarefas Adicionais na Ordem de Serviço ....................................................................................... 347 Editando uma Tarefa....................................................................................................................................... 349 Visualizando um Link..................................................................................................................................... 350 Cancelando e/ou Excluindo uma Tarefa ......................................................................................................... 353 Executando uma Ordem de Serviço ................................................................................................................ 353 Alterando o Status de uma Tarefa de Link ..................................................................................................... 355 A Mesa de Controle ........................................................................................................................................ 356 Fechando uma Ordem de Serviço ................................................................................................................... 359 Eventos Programados/Não-Programados PVMAX ....................................................................................... 360 Links Não-Programados ................................................................................................................................. 361 Links de Ordens de Serviço Programadas ...................................................................................................... 361 Programado Editar Link Aplicar Links........................................................................................................... 362

CAPÍTULO 9: MÓDULO DE DESCOBERTA (P-LET) .......................................... 363
Visão Geral do Módulo de Descoberta ........................................................................................................... 363 Mapeador LAN ................................................................................................................................................. 363 Configurações do Mapeador LAN .................................................................................................................. 365 Varredura Manual do Mapeador LAN............................................................................................................ 368 Agendador do Mapeador LAN ....................................................................................................................... 369 Varredura Agendada do Mapeador LAN ........................................................................................................ 372 Topologia ........................................................................................................................................................... 372 Visualizando as Sub-redes .............................................................................................................................. 372 A Topologia .................................................................................................................................................... 372 Adicionando uma Sub-rede Manualmente...................................................................................................... 373 Realizando a Varredura Manualmente em Sub-redes Selecionadas ............................................................... 375 Adicionando/Removendo Sub-redes Selecionadas da varredura .................................................................... 376 Interrupções de Comutação ............................................................................................................................. 376 Inserindo Comutadores no Inventário Usando o Mapeador LAN .................................................................. 379 Detecção Automática ........................................................................................................................................ 382 Servidor LAN .................................................................................................................................................... 384 Agendador do Servidor LAN .......................................................................................................................... 384 Executar o Servidor LAN ............................................................................................................................... 386 Resultados do Servidor LAN .......................................................................................................................... 387 Autorização de Dispositivo............................................................................................................................... 387 Autorizar/Desautorizar Editor MAC .............................................................................................................. 387 Mudando uma Configuração de Zona de Segurança ...................................................................................... 391 Eventos............................................................................................................................................................... 391 Novo Dispositivo Autorizado ......................................................................................................................... 392 O Dispositivo Autorizado para o Dispositivo Existente ............................................................................. 392 Dispositivo Não-Autorizado Detectado ...................................................................................................... 392 A Lista de Não-Autorizados no Servidor LAN .......................................................................................... 393 Indicações da GUI ...................................................................................................................................... 393 Inclusão/Exclusão de Equipamentos Terminais ......................................................................................... 393 Detecção/Exclusão de Comutador/Gerenciador de Chamadas ................................................................... 394 Varredura de Roteador................................................................................................................................ 394 Dispositivos Virtuais .................................................................................................................................. 394

x

...................... 413 Exemplo .............................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................. 427 xi ..............................0 Módulo de Dispositivo Inativo .............................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................. 421 Módulos de Passagem ............................................................................................ 403 Definindo o Gerenciador de Chamadas ........................................................................................................................................................................................... 406 Exclusão Automática de um Ponto de Acesso .......... 408 Alterando o Status de uma Porta de Comutador ............................................................................................................................................................................................................ 395 Definindo Limites de Tempo ........................................ 421 Termos .................................................................................................................................................................................................................................................................................................... 404 Suporte a Hub/WAP ............................................................... 409 Alteração gerada pelo Módulo de Descoberta ............... 425 Configurando a Disposição dos Compartimentos no Chassis................................. 424 Configurações Gerais do Chassis .................................................................................................................................................................................... 417 Consolidação de Máquina Virtual ......................................................................................................................................... 394 Mudança de Status de Dispositivo ...................................................... 406 Pontos de Acesso .................................................................................................................................................... 396 Eventos..................................................................................................................................................................................................................................................................................................................... 426 Definindo o Número de Módulos de Conectividade e Módulos de Gerenciamento .................... 409 Alteração Gerada pelo Usuário ...................................................................................................... 407 Como Visualizar Links passando por um Ponto de Acesso ................................................................................................................................................. 409 Alterações de Status de Porta de Comutador ........................................................................ 417 Como Funciona.................................................................................................................. 406 Descoberta Automática de Hub e WAP (Pontos de Acesso) ............................................................................................................................ 407 Visualizando o Status de uma Porta de Comutador .......... 400 Telefonia IP ...................... 413 Modo Manual ........................................................... 413 Exemplo .......................................................................................................................................................................................................................................................................... 403 Descoberta Aperfeiçoada de Telefones IP .......................................... 398 Dispositivos não-gerenciados ..................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................... 412 Exemplo ............................................................................................................................................................................................................................ 398 Dispositivos Desativados ...............................................................................................................PV4E User Manual – V6............. 413 Discrepâncias ................................. 421 Adicionando um Item à Classe de Passagem........ 414 Suporte Automático a Servidor Virtual............................... 406 Inserção Automática de um Ponto de Acesso ..... 410 Suporte para a Consolidação de Servidor Multi NIC .................. 412 Modo Automático ...................................................................... 421 Definindo um Chassis no Catálogo ...................................................................................................................................................................................................................... 395 Ativando o Módulo de Dispositivo Inativo ... 403 O Gerenciador de Chamadas ........................ 412 Classificação ............................... 418 Máquina Virtual Não-Consolidada ...................................................................................... 412 Prefixo/Sufixo ......................... 398 Módulo de Utilização ............................................................................................................................................................................... 396 Definindo Limites de Tempo ....................... 419 CAPÍTULO 10 – SERVIDORES BLADE .................................................................................................................................................................................................. 404 Marcando uma Sub-rede como uma Sub-rede de Telefone IP ..

............................................................................................................................................................................................................................................................................................... 441 Formato do Arquivo de Dados Importado ................................................................................................................................................................................................................................................................................................. 455 Função Não-Administrativa................................ 462 xii ...............................PV4E User Manual – V6.............................. 447 Adicionando um Novo Grupo ........................................................................................................................................................................................................................................... 455 Configurando o Servidor de E-mail ..................................... 450 Atribuindo um Usuário a um Grupo ....................................................................................... 433 Preenchendo Automaticamente o Gabinete com Blades Usando o Módulo de Descoberta ..................................................... 429 Adicionando Adaptadores ao Chassis. 451 Alterando uma Senha de Usuário ........................................................................................................................................................................................................................................................................................................ 455 Notificação de Evento ................................................................................................................................................... 453 Função de Administrador ........................................................................................................................................................................................................................................ 455 Atribuindo Notificação de Evento .................. 447 A Janela Permissões ......................................................... 454 Restrição de Senha......................................... 434 Definindo Links e Visualizando Links para Blades ................................................ 436 CAPÍTULO 12: IMPORTANDO DADOS DE PBX ........... 431 Adicionando um Chassis Blade e Servidores Blade ao Inventário .................................. 452 Excluindo um Grupo ou Usuário ................................................................................................................................................................................................0 Adicionando Módulos a um Chassis ........................... 441 Preparações para Importação ............................................................................................ 448 Editando um Grupo .......................................................................................................................................................... 453 Permissões .......................................................................................................... 457 Atribuindo Notificação de Evento por Usuário ...................................................................... 446 Definindo Permissões ..................................................................................................................................................... 445 Configurações de Sistema do PV4E – Visão Geral .......................................................................................................................................................... 445 Agendador de Links Seguros ............................. 460 Filtro de Mensagens.......... 434 CAPÍTULO 11: SEGURANÇA............................................................................................................................................................................................................................................. 450 Adicionando/Editando um Novo Usuário ...... 443 CAPÍTULO 13: CONFIGURAÇÕES DE SISTEMA DO PV4E ........................... 457 Atribuindo Notificação de Evento por Evento .............. 436 Localizador de dispositivo ......... 454 Expiração da Senha ................................................................................................................................ 441 Exemplo de Arquivo de Dados ........................... 427 Ligando Compartimentos a Módulos de Conectividade ..................................................................................................................................................... 431 Adicionando um Blade a um Gabinete ..................................... 431 Adicionando um Chassis Blade ......... 443 Importando Dados de PBX ................................................................................................................................................................... 459 Configurando Filtros de Notificação de Evento ....................................................................................................................................................................... 446 Definindo o Agendador de Links Seguros ......................................................................................................................................... 453 Configurações de Senha .....................................................................................................................................................................................................................................................................

.........PV4E User Manual – V6........................................................................................................................................................................... 476 Mover Local de Bastidor ......................... 473 Nível de Usuário Individual........................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................... 473 Configurando a Permissão de Acesso a Locais .............................................................................................................................................................................. 483 APÊNDICE A: BACK-UP E RESTAURAÇÃO DO BANCO DE DADOS DO PV4E ................................................ 471 Fazendo o download do software................................................................................. 469 Upgrade de Software .................................................................................................................................................................................. 463 Adicionando e Excluindo Imagens ............................................................................................................................................................................................................................................................................................................... .............. 471 Permissão de Acesso a Locais ................................................................................ 465 Adicionando e Excluindo Tipos de Tarefa de Ordem de Serviço ....................................................................................................................................................................................... 473 Nível de Grupo ................................................................................................................................ 498 xiii ....................... 473 Geral .............................................................. 475 Caixa de Verificação Árvore de Local .................................................................................. 479 Integração com o Active Directory.............................................................................................. 467 ID de Ordem de Serviço ...................................... 475 Validando Permissões de Acesso de Usuários........................................................................... 477 Criar um Novo Bastidor/Local ............. 473 A Aba Acesso ....................................................................................................................................................... 466 Adicionando e Excluindo Serviço .... 496 APÊNDICE B: GLOSSÁRIO . 465 Adicionando e Excluindo Tipo de Categoria de Local ............................................................................................ 491 Solução de Problemas ......................................................................... 470 Configurando o Upgrade do Software ........... 486 Restaurando o Banco de Dados do SQL para as Versões 2005 e 2008............................................................................................................ 474 Permissão de Acesso .......................................................................... 478 Importar um Local .................................... 478 CAPÍTULO 14: INFORMAÇÕES GERAIS DO PV4E ................................................................................................. 475 Editar Link ....................... 495 Interrompendo o Servidor SQL .. 495 Reiniciando o Servidor SQL ................................................................................................................................................................................................................................................ 479 Informações do Sistema ........................... 484 Interrupção do Serviço PV4E ....................................................................................................... 482 Status do Sistema ................................................................................... 484 Executando o Back-up das versões 2005 e 2008 do Banco de Dados SQL .......................... 463 Adicionando e Excluindo Ícones ......................................................................................................................................................0 Tabelas do Sistema .............................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................................

.....................................ABA ADICIONAR/EDITAR PORTAS DO TELEFONE DO CATÁLOGO .............................................. 30 FIGURA 15 ..................................................CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR CABO DO CATÁLOGO ........................................................................ABA EXTREMIDADES ....................CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR EQUIPAMENTO DE BASTIDOR DO CATÁLOGO ..................ABA ADAPTADORES DA CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR TELEFONE IP DO CATÁLOGO .............ÁREA DE PROPRIEDADES DO PATCHVIEW ........................................................CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR TELEFONE IP DO CATÁLOGO ..................... 33 FIGURA 20 ................................................................................................................................................ E AJUDA ......................................0 FIGURA 1 .....RELATÓRIO DE TAREFAS DE ORDENS DE SERVIÇO ..........................ABA EXTREMIDADES ................................................ 64 FIGURA 44 ....................................... 78 FIGURA 58 ............... 65 FIGURA 45 .........CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR ADAPTADOR DO CATÁLOGO ..............................................EXEMPLO DE UM ITEM LISTADO EM UMA CLASSE ................................... 53 FIGURA 36 ................CONFIGURAÇÃO DE RELATÓRIO DE ORDENS DE SERVIÇO. 19 FIGURA 5 ......... 35 FIGURA 24 ... 55 FIGURA 38 ..........................................EXEMPLO DE UMA TELA ADICIONAR/EDITAR ITEM DO CATÁLOGO.... 19 FIGURA 4 – INTERNET EXPLORER – MENSAGEM DE AVISO DE SEGURANÇA ........................... 70 FIGURA 50 ......................................... 51 FIGUAE 34 ................................................................EXEMPLO MOSTRANDO O ITEM EM UMA CLASSE DIFERENTE ......... 76 FIGURA 56 ........................................................................................................................................... 47 FIGURA 29 ....................CAIXA DE DIÁLOGO DE BUSCA DE ITEM ........... 79 xiv ............................ ................................................................................................................................CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR CABO DO CATÁLOGO.....................................CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR TELEFONE DO CATÁLOGO ..................................... 15 FIGURA 3 ............................................... BOTÃO ADICIONAR ..........ADICIONANDO UMA CLASSE................................................ 59 FIGURA 40 ................................................................................CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR ESTAÇÃO DO CATÁLOGO ....... 66 FIGURA 46 ..................................EXEMPLO DE UM ITEM LISTADO EM UMA CLASSE ESPECÍFICA ............................... 50 FIGURA 32 ............. 73 FIGURA 53 .CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR CLASSE................................... 52 FIGURA 35 ............................................................................... 23 FIGURA 9 ... 23 FIGURA 8 – AJUDA – CAIXA DIÁLOGO DA PÁGINA DA WEB ............... 43 FIGURA 27 ........................... 31 FIGURA 18 ................................................POP-UP – JANELA FILTRO DE MSG............................... 34 FIGURA 22 .................................................PV4E User Manual – V6..................................CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR CABO DO CATÁLOGO .CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR COMUTADOR DO CATÁLOGO ................................................................JANELA DE ENTRADA DO PV4E ... 42 FIGURA 26 ............................EXIBIÇÃO DO CAMPO DE EDIÇÃO DA CAIXA................... 54 FIGURA 37 .........................EXEMPLO DE UM LINK COMPLETO ............................................................ 51 FIGURA 33 ..... 35 FIGURA 23 ....................INTERFACE GRÁFICA DO USUÁRIO DO PV4E .....................................................CAIXA DE DIÁLOGO EDITAR CONFIGURAÇÕES DO PATCHVIEW ........................................................................................... 8 FIGURA 2 ................................ 69 FIGURA 49 ....ABA ADICIONAR/EDITAR PORTAS DO COMUTADOR DO CATÁLOGO .............SELEÇÃO DA FERRAMENTA DE BUSCA ........CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR IMPRESSORA DO CATÁLOGO.................... 28 FIGURA 13 ...........ABA ADAPTADORES DA CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR ESTAÇÃO DO CATÁLOGO.............EXEMPLO DE ITENS DE CATÁLOGO NA ÁRVORE .................................................................................................................................... 48 FIGURA 31 ...............................EXEMPLO DE POP-UP...ADICIONANDO UM ENDEREÇO ....................................USANDO OS BOTÕES ADICIONAR ....................CAIXA DE DIÁLOGO DE CONFIGURAÇÃO DE RELATÓRIOS DE TAREFAS DE ORDENS DE SERVIÇO............... (EDITANDO) ......... 20 FIGURA 6 ............... 46 FIGURA 28 ................................................................................CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR DISPOSITIVO KVM DO CATÁLOGO..............................................CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR CABO DO CATÁLOGO .................... 21 FIGURA 7 ................. 71 FIGURA 51 ........... 67 FIGURA 47 ............................................................................... 63 FIGURA 43 .................................................... 58 FIGURA 39 ......................................................... 32 FIGURA 19 .. 34 FIGURA 21 ... 28 FIGURA 14 ..................... CONFIGURAÇÕES....................................... 31 FIGURA 17 .............................................. 26 FIGURA 10 ........................................................................................................................ 38 FIGURA 25 ........CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR ROTEADOR DO CATÁLOGO .....................................JANELA DE RESULTADOS DA BUSCA .......... 68 FIGURA 48 ...................................................................................INTERCONEXÃO PV4E/PATCHVIEW ...........RELATÓRIO DE OS ...................................... 27 FIGURA 12 ..................ADICIONANDO UMA CLASSE...................................................................... 77 FIGURA 57 ............................ 74 FIGURA 54 .................................... 48 FIGURA 30 .............................................................................ABA ADICIONAR/EDITAR CAMPOS ADICIONAIS DO PBX DO CATÁLOGO .................................. 75 FIGURA 55 ...................................................ABA ADICIONAR/EDITAR PORTAS DO PBX DO CATÁLOGO ...................VISUALIZAÇÃO DO LINK PARA PORTA ESPECÍFICA ... 30 FIGURA 16 .......................ABA SOFTWARE DA CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR CATÁLOGO DA ESTAÇÃO ..... 60 FIGURA 41 .............................................................................................ABA ADAPTADORES DA CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR IMPRESSORA DO CATÁLOGO ......................... 72 FIGURA 52 ........................................ 26 FIGURA 11 ...................MENUS SUSPENSOS FERRAMENTAS...........POP-UP – JANELA FILTRO DE MSG.........TELA DE ABERTURA DO PV4E ......................... 61 FIGURA 42 ....................................................ABA ADAPTADORES DA CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR DISPOSITIVO KVM DO CATÁLOGO ......CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR PBX DO CATÁLOGO .......CAIXA DE DIÁLOGO DE BUSCA GLOBAL ........................................................................

......................0 FIGURA 59 ................................................. 145 xv ....................................... 134 FIGURA 109 ...................................................JANELA DE ADICIONAR UM LOCAL SOB UM NÍVEL PAI .....................CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR COMUTADOR DO CATÁLOGO ....JANELA DE ADICIONAR UMA SALA .............MODELO 2 ........................................................JANELA DO MENU SUSPENSO ADICIONAR LOCAL ........................................ 103 FIGURA 77 – CAIXA DE DIÁLOGO NOMEAÇÃO AUTOMÁTICA ..........MOVENDO ITENS ......... 92 FIGURA 70 ................ADICIONANDO UM MASTER A UM LOCAL ............................JANELA DE ADICIONAR UMA CIDADE ........................................................... 109 FIGURA 83 .................. 117 FIGURA 90 ................................................MODELO 2 .........................CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR PAINEL DO CATÁLOGO ......................................JANELA DE SIMULAÇÃO DA NOMEAÇÃO AUTOMÁTICA ................................. 142 FIGURA 116 ......JANELA DE ADICIONAR UM EDIFÍCIO .........................................MODELO 2 ............................................................. 133 FIGURA 107 ...................................................CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR SCANNER PVMAX DO INVENTÁRIO ....................................................................................................................................... 80 FIGURA 60 .............................................ABA ADICIONAR/EDITAR PORTAS DO HUB DO CATÁLOGO .................................... 107 FIGURA 82 ......................................................................................................... 129 FIGURA 103 ...MODELO 1 ...................................................................... 112 FIGURA 86 .........................CAIXA DE DIÁLOGO NOMEAÇÃO AUTOMÁTICA .................... 128 FIGURA 102 ................................ 87 FIGURA 65 ............................. 124 FIGURA 98 ........ 144 FIGURA 118 .......................................... 93 FIGURA 71 ......... 118 FIGURA 93 ........ 121 FIGURA 96 .................JANELA DE CONTEÚDO DO BASTIDOR ..... 88 FIGURA 66 ...............CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR LOCAL ............................................................................ 90 FIGURA 68 ..CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR LOCAL ...JANELA DE ADICIONAR UMA MESA .............................................ABA ADICIONAR/EDITAR PORTAS DO HUB DO CATÁLOGO ..JANELA DE ADICIONAR UM CUBÍCULO . 126 FIGURA 101 ...................JANELA DE ADICIONAR EQUIPAMENTOS DE BASTIDORES DO LOCAL ............ 91 FIGURA 69 ............... 131 FIGURA 105 ..........................................................................................................................CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR EXTENSOR DO INVENTÁRIO ............ 120 FIGURA 95 ........................................................................................................................................................CAIXA DE DIÁLOGO DA ÁRVORE DE LOCAL ............................. 106 FIGURA 80 – CAIXA DE DIÁLOGO NOMEAÇÃO AUTOMÁTICA ............................. 116 FIGURA 89 ....... 134 FIGURA 108 .......................................CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR DO INVENTÁRIO .....CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR BASTIDOR DO INVENTÁRIO............................. 105 FIGURA 79 – CAIXA DE DIÁLOGO NOMEAÇÃO AUTOMÁTICA .......................................................................... 98 FIGURA 72 ................... 111 FIGURA 85 .................. 126 FIGURA 100 ............. 86 FIGURA 64 ................................................................BOTÃO DE NOMEAÇÃO AUTOMÁTICA NA JANELA PAINEL ................... 143 FIGURA 117 ............................................................EXEMPLO DE UM DESENHO EM CAD DE UM ANDAR NA JANELA EDIFÍCIO ..... 141 FIGURA 115 ...................................... 115 FIGURA 88 ............. 125 FIGURA 99 .CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR PONTO DE REDE DO CATÁLOGO ...................................... 132 FIGURA 106 ............JANELA DE EDIÇÃO DE UM LOCAL..............................ABA TOPOLOGIA DO PV4E................ADICIONANDO UM EXTENSOR A UM LOCAL ............................. 100 FIGURA 73 ................................................ 104 FIGURA 78 – CAIXA DE DIÁLOGO NOMEAÇÃO AUTOMÁTICA .........................................PV4E User Manual – V6....................... 122 FIGURA 97 ................................ 138 FIGURA 112 ............................. 102 FIGURA 75 ..............................................ABA ADICIONAR/EDITAR PORTAS DO PAINEL DO CATÁLOGO .. 81 FIGURA 61 .JANELA DE ADICIONAR UM PAÍS............................................................................... 85 FIGURA 63 ..........................JANELA DE ADICIONAR EQUIPAMENTOS DE BASTIDORES DO LOCAL ....... 118 FIGURA 92 .............................ABA ADICIONAR/EDITAR PORTAS DO ROTEADOR DO CATÁLOGO .................................EXEMPLO DA JANELA LISTA DE EQUIPAMENTOS DO PATCHVIEW ........................ 114 FIGURA 87 .................................................. 140 FIGURA 114 ........ 137 FIGURA 111 ............................CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR ESPAÇADOR DO INVENTÁRIO .................. 101 FIGURA 74 .....................JANELA DE ADICIONAR ANDARES .......................................... 89 FIGURA 67 ......................................... 107 FIGURA 81 .........CAIXA DE DIÁLOGO DA ÁRVORE DE LOCAL ................................................................................................................. 119 FIGURA 94 ............................CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR DO INVENTÁRIO ......ABA ADICIONAR/EDITAR PORTAS DO CONTROLE AMBIENTAL DO CATÁLOGO ...........................................................................................................................JANELA DE ADICIONAR UMA EMPRESA ................................CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR HUB DO CATÁLOGO..................BASTIDOR ............. 140 FIGURA 113 ............................................................................................................................................ 110 FIGURA 84 .JANELA DE ADICIONAR EQUIPAMENTOS DE BASTIDORES.....................................ADICIONAR EQUIPAMENTOS DE BASTIDORES DO LOCAL........................................ 81 FIGURA 62 ..............................................CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR ORGANIZADOR DE CABOS DO INVENTÁRIO .CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR PONTO DE REDE DO CATÁLOGO ......................ADICIONANDO CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR MASTER DO INVENTÁRIO ....................................................................................................................................ÁRVORE DE LOCAL EXPANDIDA ............ 117 FIGURA 91 ............... 136 FIGURA 110 ................................................................................................................NOVO ÍCONE ADICIONADO ..........................................................CAIXA DE DIÁLOGO DE LISTA DE ÍCONES ............... 130 FIGURA 104 .....................................................................CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR LOCAL ............................. 102 FIGURA 76 – CAIXA DE DIÁLOGO NOMEAÇÃO AUTOMÁTICA DA ÁRVORE LOCAL ............................CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR PRATELEIRA DO INVENTÁRIO ..........................................................A JANELA DO MENU SUSPENSO DE LOCAL ...........TELA MANUTENÇÃO COM A ÁRVORE LOCAL ...............................................

..............TOPOLOGIA PVMAX OFFLINE ..................................................................CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR DO INVENTÁRIO ....... 197 FIGURA 154 ...................................................................... 201 FIGURA 156 – CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR COMUTADOR DO INVENTÁRIO ......................................................................................................................................................................... 194 FIGURA 149 ......................... 187 FIGURA 140 TELA DE EDIÇÃO DE PROPRIEDADES DO COMUTADOR ................. 153 FIGURA 123 TELA ADICIONAR/EDITAR BASTIDOR DO INVENTÁRIO ...............................................................................................0 FIGURA 119 .........................CAIXA DE MENSAGEM DETECÇÃO DE COMUTADOR..........................PV4E User Manual – V6............... 211 FIGURA 163 ........................................................ 167 FIGURA 136 ............................ 207 FIGURA 159 ....................................... 173 FIGURA 139 TELA DE VISUALIZAÇÃO DE PROPRIEDADES DO COMUTADOR .....DETECÇÃO AUTOMÁTICA DE MASTER PVMAX .CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR DO INVENTÁRIO ................................................... 151 FIGURA 121 TELA ADICIONAR/EDITAR BASTIDOR DO INVENTÁRIO (CONTROLE DE INDICADOR) ......ABA ATIVADOR ............ 163 FIGURA 132 .............................................................................. 210 FIGURA 162 ...........................................................ÁREA DE INFORMAÇÃO .......................................................................................... 160 FIGURA 126 TELA DE MANUTENÇÃO VISUALIZAÇÃO DO SISTEMA – ABA LOCAL............................................CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR PBX/HUB DO INVENTÁRIO ..... 204 FIGURA 157 ..................... 152 FIGURA 122 TELA ADICIONAR/EDITAR BASTIDOR DO INVENTÁRIO (CONTROLE DE SEGURANÇA) ............... 195 FIGURA 152 .................................CAIXA DE DIÁLOGO USUÁRIO ............................... 160 FIGURA 127 TELA DE MANUTENÇÃO VISUALIZAÇÃO DO SISTEMA – ABA LOCAL....................................... 212 xvi .....................JANELA TOPOLOGIA ......................TELA ADICIONAR/EDITAR CONTROLE PVMAX DO INVENTÁRIO .................................................................................................................................................... 154 FIGURA 124 ABA GERAL .................. 161 FIGURA 128 TELA ADICIONAR/EDITAR CONTROLE PVMAX DO INVENTÁRIO .JANELA EDITAR ATRIBUIÇÃO DE PORTA (COMUTADOR LAB) .... 166 FIGURA 135 ................................................CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR MESA DE CONTROLE DO INVENTÁRIO ....................................................................................................CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR ROTEADOR DO INVENTÁRIO .... 165 FIGURA 134 ABA OBSERVAÇÃOES ............................... 206 FIGURA 158 ........................................................................ 191 FIGURA 145 VISUALIZAÇÃO DO BASTIDOR ................................. 190 FIGURA 144 VISUALIZAÇÃO DO PAINEL ...........................................CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR PONTO DE REDE DO INVENTÁRIO ...........................TELA DE DETALHES DO EVENTO ..CAIXA DETECÇÃO DE COMUTADOR (ABA GERAL)........... 162 FIGURA 131 TELA ATRIBUIR BASTIDOR A INDICADOR DE BASTIDORES ......................................................................................... 171 FIGURA 137 .................................. 196 FIGURA 153 ............................ 194 FIGURA 150 ................................................. 161 FIGURA 129 TELA ADICIONAR/EDITAR CONTROLE PVMAX DO INVENTÁRIO ................ 195 FIGURA 151 .............................. 191 FIGURA 146 JANELA DE BUSCAR POR DO PAINEL ..................................................................................TELA DE MANUTENÇÃO DO PV4E ..................................................................................ABA ATIVADOR . 192 FIGURA 148 ........................................... 146 FIGURA 120 TELA ADICIONAR/EDITAR BASTIDOR DO INVENTÁRIO ..................................................................................................................... 154 FIGURA 125 TELA DE MANUTENÇÃO VISUALIZAÇÃO DO SISTEMA – ABA LOCAL.....................................JANELA DE MANUTENÇÃO DO PV4E (ABA LOCAL) .................................... 187 FIGURA 141 TELA DE VISUALIZAÇÃO DE PROPRIEDADES DO COMUTADOR ........................................................................ 192 FIGURA 147 JANELA DE BUSCAR POR COMUTADOR.............................. 199 FIGURA 155 – CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR COMUTADOR DO INVENTÁRIO ................................................. 163 FIGURA 133 ABA E/S ................................................................................ 209 FIGURA 161 ...................... 208 FIGURA 160 .... 162 FIGURA 130 TELA ATRIBUIR BASTIDOR A INDICADOR DE BASTIDORES ................................................................................................ÁREA DE INFORMAÇÃO ....... 189 FIGURA 143 EXIBIR COMUTADOR .................................TELA ADICIONAR/EDITAR CONTROLE PVMAX DO INVENTÁRIO .................................................................................TELA ADICIONAR/EDITAR CONTROLE PVMAX DO INVENTÁRIO .... 172 FIGURA 138 CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR PAINEL DO INVENTÁRIO ................................................................. ....................NOVO MÓDULO DE INVENTÁRIO ............................................................................................... 188 FIGURA 142 EDITAR LINK .............

........................................ 249 FIGURA 190 ........................ 221 FIGURA 171 ..................................................................................JANELA IMPORTAR .........PLANILHA EDITAR LINK EM BRANCO ...................................... 245 FIGURA 184 .............................. 216 FIGURA 168 ..................................JANELA EXPORTAR ............................. 247 FIGURA 188 ........................................................ 222 FIGURA 172 ................................................. 220 FIGURA 170 .......................................................................................JANELA DE DETALHES ESTATÍSTICOS DO EVENTO DE EXPORTAÇÃO ..............IMPORTAR DE ARQUIVO –MENU FERAMENTAS ........................... 223 FIGURA 173 .............................................CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR USUÁRIO . 242 FIGURA 182 ............. 248 FIGURA 189 ...............................................RESULTADOS DE TESTES DE CABOS – ÁRVORE DE COMUTADORES .................................. 215 FIGURA 167 ....ABA PORTAS ...... 227 FIGURA 179 .............PV4E User Manual – V6...........................EXEMPLO DE UMA JANELA DE LINK COMPLETO ...... 253 FIGURA 192 ....CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR DEPARTAMENTO ................... 213 FIGURA 165 ...................................................................................CAMINHO DE ORIGEM DE TESTE DE CABOS ........................................................................................................................................................................................................... 217 FIGURA 169 CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR GRUPO ...........................EXPORTAR PARA ARQUIVO –MENU FERAMENTAS .............RESULTADOS DE TESTES DE CABOS – ABA CONFIGURAÇÕES............. 263 FIGURA 197 ...PLANILHA EDITAR LINK .... 262 FIGURA 195 .PLANILHA EDITAR LINK COM PORTAS..........................................................INSERINDO UM ITEM EM UMA PLANILHA ABERTA .........INSERINDO UMA PORTA EM UMA PLANILHA ABERTA . 259 FIGURA 194 ...................................... 224 FIGURA 174 ............................... 266 FIGURA 199 ......................................................................................................................................................JANELA ESCOLHER ARQUIVO .................0 FIGURA 164 .................................................JANELA DE DETALHES DO EVENTO DE EXPORTAÇÃO ............................................................................. 267 xvii ............. 226 FIGURA 178 ......................................... 224 FIGURA 175 .....................................................CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR NOVOS PAINÉIS PVMAX ......................JANELA PERMISSÕES ...................................................................... 249 FIGURA 191 ...............ADICIONAR NOVOS PAINÉIS PVMAX ............................................... 241 FIGURA 181 .....VISUALIZAR LINK.................................CAIXA DE DIÁLOGO DETECÇÃO AUTOMÁTICA DE MASTER PVMAX ........ 265 FIGURA 198 ...........TRABALHANDO ON-LINE COM O PVMAX .....................................................................................................................................................................................JANELA DE DETALHES DO EVENTO PROCESSO DE EXPORTAÇÃO CONCLUÍDO .................................................................................. 247 FIGURA 187 ...................................................................................................RESULTADOS DE TESTES DE CABOS – ÁRVORE DE DIRETÓRIOS ....................................................................................................................................................................................EXEMPLO DE PAINÉIS RECÉM-DETECTADOS ...........................MOVENDO PORTAS EM UMA JANELA DA PLANILHA ...................................................................... 258 FIGURA 193 .........................INTERROMPER EXPORTAÇÃO – MENU FERRAMENTAS........................................................... 213 FIGURA 166 ..............................................UTILITÁRIO DE ESTRUTURAÇÃO DE ÁRVORE .......RESULTADOS DE TESTES DE CABOS – ÁRVORE DE PONTOS. 245 FIGURA 185 . 246 FIGURA 186 .....PVMAX TOPOLOGY ONLINE ....WORKING ON LINE WITH PVMAX ... 263 FIGURA 196 .................................................................................................................................................................................... 226 FIGURA 177 . 244 FIGURA 183 ........................EDITAR RESULTADOS DO TESTE DE CABOS (CAMINHO) ...... 240 FIGURA 180 ................. 225 FIGURA 176 .........................................

............................................................................. 314 FIGURA 242 .............................TELA DE ORDEM DE SERVIÇO – TELA GERAL ......................... 320 FIGURA 251 .............................................................................ADICIONAR A LOCAL .....TELA PARA SELEÇÃO DE ZONA DE CONECTIVIDADE A PARTIR DO MENU CONFIGURAÇÕES .............................................................. 286 FIGURA 217 ..............TELA MODIFICAR ORDEM DE SERVIÇO .......... 316 FIGURA 245 ................................................................................. 283 FIGURA 213 .................TELA VISUALIZAR INVENTÁRIO .........................TELA MODIFICAR ORDEM DE SERVIÇO .............................................TELA MODIFICAR ORDEM DE SERVIÇO ........................................................ 268 FIGURA 201 .............................TELA ADICIONAR/EDITAR ITENS DO INVENTÁRIO ...........TELA ADICIONAR AO LOCAL ............. 282 FIGURA 212 ............... 311 FIGURA 238 .... 302 FIGURA 232 .............................................. 321 FIGURA 252 ADICIONAR A LOCAL ............................................................ 313 FIGURA 240 . 328 xviii ...................................................................................... 301 FIGURA 231 .......................................................... 295 FIGURA 223 TELA DE VISUALIZAÇÃO DUPLA..........................0 FIGURA 200 ........TELA DE LINK ALTERNATIVO .....................................TELA DE LINK RECOMENDADO....................... 305 FIGURA 235 .................... 322 FIGURA 254 – INICIA UMA TELA DE ALTERAR SOLICITAÇÃO ...........................................................VISUALIZAR LINK.................................. 285 FIGURA 215 ........................................................................................................................ 284 FIGURA 214 ............................................................. 299 FIGURA 228 TELA ADICIONAR/EDITAR ITENS DE CATÁLOGO ..................TELA ADICIONAR AO LOCAL ............ 327 FIGURA 259 .. 300 FIGURA 230 ........................................ 317 FIGURA 247 ...................................................LINK SEGURO DESMARCADO ..................... 319 FIGURA 250 ..................................LINK DIVIDIDO ..................................... 276 FIGURA 204 .............................................................................................................PV4E User Manual – V6.. 316 FIGURA 246 .... 277 FIGURA 208 ........... 312 FIGURA 239 .............. 273 FIGURA 202 ..................... 277 FIGURA 207 ... 319 FIGURA 249 .....................JANELA VISUALIZAR – LINK DIVIDIDO ...................TELA ADICIONAR PAINÉIS ..................................................................................................... 286 FIGURA 219 ................................................................................................................................................................................................. 325 FIGURA 256 TELA DA LISTA ALTERAR OPERAÇÃO DE SERVIÇO ...........LINK SEGURO DESCONECTADO ......................... 303 FIGURA 233 ......................... 285 FIGURA 216 ........................................ 298 FIGURA 227 ............................................................ 280 FIGURA 211 .................................................................JANELA EDITAR LINK ......................................... 313 FIGURA 241 ................................................... 318 FIGURA 248 .JANELA DE CANCELAMENTO DE UM LINK ..................TELA ADICIONAR GRUPO .TELA ADICIONAR AO LOCAL ...............................................................................TELA MOVER EQUIPAMENTO ............................................................................................ 289 FIGURA 220 TELA DE ORDEM DE SERVIÇO – ABA LOCAL .......................................TELA ADICIONAR OU EDITAR ITENS DE CATÁLOGO .........CRIANDO UM LINK DINÂMICO ..................................... 296 FIGURA 224 TELA DE TABELAS DO SISTEMA .....................................................COPIANDO PORTAS EM UMA PLANILHA ............. 326 FIGURA 257 – TELA INICIAR SOLICITAÇÃO DE TROCA .............................................................TELA TROCAR LISTA DE OPERAÇÃO .................TELA DE ALTERAR SERVIÇO .......................VISUALIZAÇÃO DE PAINEL MOSTRANDO O LOCAL DE LINKS SEGUROS ROMPIDOS ...............................................................................TELA PRINCIPAL DO PV4E ................................................................ 293 FIGURA 221 TELA DE VISUALIZAÇÃO SIMPLES ..................... 327 FIGURA 258 ........................................................................ABA OPERAÇÕES ...ABA ADICIONAR EQUIPAMENTO ........................................................................................ 294 FIGURA 222 ESTAÇÃO PADRÃO ................................................................................................................. 286 FIGURA 218 ............................................................. 324 FIGURA 255 .......................................................................................................................................................................VISUALIZAÇÃO DE PAINEL MOSTRANDO LINKS SEGUROS .........TELA MOVER EQUIPAMENTO ..............JANELA EDITAR LINK – LINK KVM ..................................................................................................MENSAGEM DE AVISO .....................................CAMINHO DE LINK COM ÍCONES DE LINK SEGURO ........................................................................................................................................................................................... 299 FIGURA 229.......................................................................TELA MODIFICAR ORDEM DE SERVIÇO ................................................................CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR ITEM DO INVENTÁRIO ....LINK COMPLETO.................... 278 FIGURA 210 ....................... 276 FIGURA 205 ..TELA MODIFICAR ORDEM DE SERVIÇO ...................................................................JANELA DE MARCAR UM LINK SEGURO PARCIAL ...................................................................................................................................................................................................................................................................ABA SELEÇÃO DE BASTIDOR .......................................................................JANELA EDITAR GRUPO ........................................................... 277 FIGURA 206 ......TELA DE CONFIRMAR AÇÃO DE EXCLUSÃO............................ 276 FIGURA 203 .................................................................................................................... 297 FIGURA 225 TELA DE ADICIONAR UM SERVIÇO .TELA DE LISTA DE VLAN ...............JANELA VISUALIZAR LINK – LINK KVM .......... 310 FIGURA 236 .. 304 FIGURA 234 ............................................JANELA VISUALIZAR LINK A PARTIR DE UM PAINEL ................................................................................... 315 FIGURA 244 ...............................................................ENTRADA DO REGISTRADO MOSTRANDO MENSAGEM DE AVISO .................................................................................. 278 FIGURA 209 ................................................................. 297 FIGURA 226 TELA DE ADICIONAR SERVIÇO .......................TENTATIVA DE ROMPER LINK SEGURO ........ADICIONAR EQUIPAMENTO ..............................................................................REGISTRO DE EVENTO ...............................TELA DE OPERAÇÕES ................................................. 310 FIGURA 237 ........................................................................................................ 315 FIGURA 243 ............MARQUE UM LINK SEGURO TOTAL .......................TELA DE NOVA VLAN ................ 321 FIGURA 253 ......................................................................................................................................

..........................ADICIONANDO OUTRA TAREFA À ORDEM DE SERVIÇO .......................................................................................................VISUALIZANDO UM LINK ................................ALTERANDO O STATUS DE UM LINK .......ABA GERAL ............. 346 FIGURA 279 ...................................................................................0 FIGURA 260 ......... 356 FIGURA 290 ..........................................................AGENDADOR DAS INTERRUPÇÕES DE COMUTAÇÃO – INTERRUPÇÕES DE COMUTAÇÃO ...........................................................................................................................................................................DEFININDO CONFIGURAÇÕES SNMP .................... 340 FIGURA 274 ...............................................................................................ERRO...................................................................... 333 FIGURA 269 ..............................................ADICIONANDO UMA SUB-REDE MANUALMENTE .......... 348 FIGURA 282 ...............TELA DO MAPEADOR LAN ................DICAS DE FERRAMENTA DO MAPEADOR LAN ............................................TELA ORDEM DE SERVIÇO....................................................... 331 FIGURA 265 .....................................................................CAIXA EXIBIR BASTIDOR ..... 344 FIGURA 277 ...............................................................................................CANCELANDO UMA TAREFA ...................................................................................................................................ATIVANDO A VARREDURA AUTOMÁTICA ............... 374 FIGURA 307 ............................EDITANDO UMA ORDEM DE SERVIÇO .....................................................ABRINDO O MAPEADOR LAN ..... 369 FIGURA 302 ...................................................EDITAR CONFIGURAÇÕES DE INTERRUPÇÃO DE COMUTAÇÃO ..DEFININDO CONFIGURAÇÕES DO MAPEADOR LAN........... 368 FIGURA 300 ... 347 FIGURA 280 ........................ 375 FIGURA 308 – SELECIONAR SUB-REDES PARA VARREDURA MANUAL .............................. 371 FIGURA 305 .......................................... 350 FIGURA 284 ...PV4E User Manual – V6................................ORDEM DE SERVIÇO FECHADA ......................... 353 FIGURA 286 ....................................................... 360 FIGURA 294 ...... 355 FIGURA 288 ..DEFININDO CONFIGURAÇÕES DO MAPEADOR LAN.................................................................... 331 FIGURA 266 ............CONFIGURANDO O AGENDADOR DO SERVIDOR LAN ..........CONFIGURANDO O AGENDADOR DO MAPEADOR LAN ................................................................................ 386 FIGURA 317 .......JANELA ORDEM DE SERVIÇO .......................... 373 FIGURA 306 ................... 384 FIGURA 315 .....................................................CAIXA DE DIÁLOGO EDITAR AGENDADOR .................................................................... 338 FIGURA 272 .............. 364 FIGURA 297 ..................................................................................................................................TELA DE APROVISIONAMENTO .......................................................TELA ORDEM DE SERVIÇO................................................................................................................................................................................ 337 FIGURA 270 ........................................................................ 344 FIGURA 278 SELECIONANDO DISPOSITIVOS NA PLANILHA DE LINKS ..........TELA ADICIONAR EQUIPAMENTO À SOLICITAÇÃO ......... 343 FIGURA 276 .................................................................................. 348 FIGURA 281 .................................TELA ADICIONAR EQUIPAMENTO À SOLICITAÇÃO .. 359 FIGURA 293 ................................................ABA ROTEADORES ........CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR TAREFA DE ORDEM DE SERVIÇO ......................................REPETIR UMA VEZ ...................................................................................... 355 FIGURA 289 ..................................................TOPOLOGIA ..........................................................................ALTERANDO O STATUS DE UM LINK ...............ADICIONANDO OUTRA TAREFA À ORDEM DE SERVIÇO ..TELA REMOVER EQUIPAMENTO .... 388 FIGURA 319 EDITAR AUTORIZAÇÃO MAC ........................................................... 389 xix ....................... 384 FIGURA 314 .................................................................................................FECHANDO UMA ORDEM DE SERVIÇO ................................................CRIANDO UMA NOVA ORDEM DE SERVIÇO ....................................................................................................................................................................................................................CAIXA DE DIÁLOGO DETECÇÃO AUTOMÁTICA ......... 339 FIGURA 273 .......................... 383 FIGURA 313 ..... 368 FIGURA 301 ...............ATIVANDO O SERVIDOR LAN................................................................................................................................... 377 FIGURA 310 ..................... 332 FIGURA 268 ............................. 370 FIGURA 303 ............................... 349 FIGURA 283 EDITANDO UMA TAREFA .......................... 358 FIGURA 292 .......................................... 330 FIGURA 263 ...............................................................TELA REMOVER EQUIPAMENTO ................................SELECIONANDO A DETECÇÃO AUTOMÁTICA ..................................................................................STATUS DA TAREFA ATUALIZADO....................................................................MESA DE CONTROLE ...........................CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR TAREFA DE ORDEM DE SERVIÇO ....... 358 FIGURA 291 .......BUSCA ..................PAINEL .... 337 FIGURA 271 .... 353 FIGURA 287 .............DETECÇÃO AUTOMÁTICA .......................ADICIONANDO UMA SUB-REDE MANUALMENTE .................................................................. 341 FIGURA 275 ADICIONANDO UMA TAREFA DE LINK/INTERRUPÇÃO DE LINK A UMA ORDEM DE SERVIÇO ....CAIXA DE DIÁLOGO EDITAR AGENDADOR ............. 366 FIGURA 299 .....................................TELA DE ORDEM DE SERVIÇO – INICIAR SOLICITAÇÃO DE REMOÇÃO . 329 FIGURA 261 ........ 376 FIGURA 309 ................................................................................ 379 FIGURA 312 ................................. 385 FIGURA 316 ............ 360 FIGURA 295 ...................................ADICIONANDO UMA TAREFA DE LINK/INTERRUPÇÃO DE LINK A UMA ORDEM DE SERVIÇO .CONFIGURANDO O AGENDADOR DO SERVIDOR LAN ................................................................................................................... 378 FIGURA 311 ....... 330 FIGURA 264 .............................. 371 FIGURA 304 ............................................ÁRVORE DE ENGENHEIRO ............ 362 FIGURA 296 ........ADICIONANDO OUTRA TAREFA À ORDEM DE SERVIÇO ......................................................................................................................................................................................................MENU ORDEM DE SERVIÇO .. 329 FIGURA 262 ...................................................PROPRIEDADES DE CONFIGURAÇÕES DE COMUTADORES ....................................................................CAIXA DE DIÁLOGO ADICIONAR/EDITAR TAREFA DE ORDEM DE SERVIÇO ....................................... 351 FIGURA 285 SELECIONANDO TODAS AS TAREFAS .................NOVA ORDEM DE SERVIÇO CRIADA ............................................... 365 FIGURA 298 ......... 387 FIGURA 318 EDITAR AUTORIZAÇÃO MAC ........................................................ 332 FIGURA 267 ...............................

.........................................ADICIONANDO E EXCLUINDO ÍCONES ...........0 FIGURA 320 EDITAR AUTORIZAÇÃO MAC ........................LOCALIZAR EQUIPAMENTO TERMINAL ....................................................................................................................................................JANELA DE CONFIGURAÇÃO DE FTP PARA DOWNLOAD DE SOFTWARE PARA DISPOSITIVOS PVMAX.......................................................................................... 451 FIGURA 337 ATRIBUINDO UM USUÁRIO A UM GRUPO .. 401 FIGURA 325 ......................................................................... 482 FIGURA 368 – JANELA DE STATUS DO SISTEMA .. 452 FIGURA 338 ALTERANDO UMA SENHA DE USUÁRIO .CAIXA DE DIÁLOGO UPGRADE DE SOFTWARE ............................................................................. 472 FIGURA 358 ...................... 476 FIGURA 363 ........................................................................................................................................ 481 FIGURA 367 – INFORMAÇÕES DO SISTEMA > STATUS DO SISTEMA ............................... 460 FIGURA 20 – JANELA ADICIONAR/EDITAR FILTRO .................................................................................................TELA DO PV4E– CONFIGURAÇÕES – ABA ACESSO – APENAS VISUALIZAÇÃO..................................................................................................................................... 466 FIGURA 353 ADICIONANDO E EXCLUINDO TIPO DE CATEGORIA DE LOCAL....................................................................................................................................... 400 FIGURA 324 ....PV4E User Manual – V6........... 487 FIGURA 374 – CAMINHO TASKS > BACKUP DATABASE............................................ 468 FIGURA 355 ............CAIXA DE DIÁLOGO IMPORTAR ...............................................................................................ADICIONANDO E EXCLUINDO TIPOS DE TAREFA DE ORDEM DE SERVIÇO ........... 463 FIGURA 350 .......................................................... 440 FIGURA 332 ................ 489 FIGURA 377 – BACKUP DATABASE PV4E – ABA OPTIONS ...........CAMINHO DO MENU DO SQL SERVER MANAGEMENT STUDIO.......................................... 489 FIGURA 378 – STATUS DO PROGRESSO ............................................................................ 486 FIGURA 372 – CAIXA DE DIÁLOGO CONECTAR A SERVIDOR DO SQL SERVER........................................................................... 490 xx ....................................JANELA ADICIONAR USUÁRIOS ..................BUSCA .................................................VISUALIZANDO PORTAS E DISPOSITIVOS NÃO-UTILIZADOS ........................................................................................................ 458 FIGURA 344 ............................... 477 FIGURA 365 – ADICIONAR/EDITAR USUÁRIO DE SEGURANÇA ......... 464 FIGURA 351 .......... 488 FIGURA 376 – CAIXA DE DIÁLOGO SELECT BACKUP DESTINATION.....................VISUALIZANDO DISPOSITIVOS NÃO-GERENCIADOS ................................................................. 447 FIGURA 334 ADICIONANDO UM NOVO GRUPO ...................... 403 FIGURA 327 DEFININDO O GERENCIADOR DE CHAMADAS ........................................................ 473 FIGURA 359 .. 469 FIGURA 356 ......CAIXA DE DIÁLOGO EDITAR CONFIGURAÇÕES DE NOTIFICAÇÃO ................................................ 450 FIGURA 336 ADICIONANDO UM NOVO USUÁRIO ..................................................................... 461 FIGURA 348 .......................................JANELA ADICIONAR/EDITAR FILTRO – ABA DISPOSITIVOS . 487 FIGURA 375 – BACKUP DATBASE – PV4E – ABA GENERAL ................................................................................................................................ .... 475 FIGURA 361 EDITAR LINK – ÁRVORE DE LOCAL..................CAIXA DE DIÁLOGO PERMISSÕES ................ 439 FIGURA 331 LOCALIZADOR DE DISPOSITIVO ...............................................................JANELA DE BUSCA DE UTILIZAÇÃO ................................ 471 FIGURA 357 ....................– JANELA ADICIONAR EVENTOS .................. 437 FIGURA 329 CAIXA DE MENSAGEM DETALHES DO EVENTO .....JANELA DE BUSCA DE DISPOSITIVOS NÃO-GERENCIADOS ................................... 467 FIGURA 354 .........................................................................................................TELA DE MANUTENÇÃO – ÁRVORE DE LOCAL............................... 477 FIGURA 364 ........................................................................................................................................................................................... 453 FIGURA 339 ......MENSAGEM DE ERRO ............................................................ 399 FIGURA 323 .................................................................JANELA DE EVENTOS ......ID DE ORDEM DE SERVIÇO ................................................................................................ 483 FIGURA 369 – MENSAGEM DE CONFIRMAÇÃO DO CONTROLE DO SERVIDOR PV4E................................................................................................................... 459 FIGURA 346 .......FILTRO DE MENSAGENS..................................................................................................................................TELA DO PV4E– CONFIGURAÇÕES – ABA ACESSO ................................................................................................................................................. 486 FIGURA 373 – JANELA DE SUMÁRIO DO MICROSOFT SQL SERVER MANAGEMENT STUDIO ..........................................................................ADICIONANDO E EXCLUINDO ÍCONES ..... 481 FIGURA 366 – MENSAGEM DE ERRO DE DIRETÓRIO INVÁLIDO ................... 462 FIGURA 349 ................................................................ 438 FIGURA 330 PROPRIEDADES DA ESTAÇÃO EXIBINDO O BOTÃO LOCALIZAR................EDITAR LINK.............................................JANELA ADICIONAR/EDITAR NOTIFICAÇÃO A EVENTO .............................. 456 FIGURA 341 ............................................................................................................................................... 390 FIGURA 321 .................. 454 FIGURA 340 JANELA DE CONFIGURAÇÃO DE E-MAIL ..................................................... 404 FIGURA 328 ............................................ 484 FIGURA 370 – CAIXA DE DIÁLOGO INTERROMPER OUTROS SERVIÇOS ......................................LISTA DE SERVIÇOS .................................................................................................................................... 474 FIGURA 360 ....................................................................................................... 449 FIGURA 335 ADICIONANDO UM NOVO GRUPO ................................................................................................... 456 FIGURA 342 .......................... 476 FIGURA 362 ............................................................................................ 399 FIGURA 322 ............................................................................................................................................................TELA DO PV4E– CONFIGURAÇÕES – ABA PERMISSÕES ................................................................................ 485 FIGURA 371 ........................ 444 FIGURA 333 EDITAR OPÇÕES DO AGENDADOR DE LINKS SEGUROS .....JANELA ADICIONAR/EDITAR NOTIFICAÇÃO A USUÁRIO ................... 402 FIGURA 326 ...................................... 457 FIGURA 343 .....................REMOVENDO PORTAS E DISPOSITIVOS NÃO-UTILIZADOS................................... 464 FIGURA 352 .. 458 FIGURA 345 ...............LISTA DE DISPOSITIVOS NÃO-GERENCIADOS .............................................................................................................................

............................... 492 FIGURA 382 – BANCO DE DADOS DE BACKUP DO PV4E – DO DISPOSITIVO .................................................................... 490 FIGURA 380 – CAMINHO TASKS > RESTORE > DATABASE ...............................................................................................................................................................................PV4E User Manual – V6............................ 496 FIGURA 392 – BARRA DE PROGRESSO SERVICE CONTROL .......................................CAMINHO DO MENU DO SQL SERVER MANAGEMENT STUDIO.................................................................................. 495 FIGURA 390 ....................................................................................................... 495 FIGURA 389 ....................................... 497 xxi ............................................................................................................................. 496 FIGURA 394 – MENSAGEM DE CONFIRMAÇÃO ..................................0 FIGURA 379 – MENSAGEM DE CONFIRMAÇÃO ..........................PV4E RESTORE DATABASE .....................MENSAGEM DE CONFIRMAÇÃO .... 492 FIGURA 383 – CAIXA DE DIÁLOGO SPECIFY BACKUP.............................. 493 FIGURA 384 ....................................................................................................... 496 FIGURA 391 – MENSAGEM DE CONFIRMAÇÃO ....................................................................................... 493 FIGURA 385 – CAIXA DE DIÁLOGO RESTORE DATABASE – PV4E........................................................................................................................................................... 494 FIGURA 387 – MENSAGEM DE CONFIRMAÇÃO ................................................................................................................................CAMINHO DE MENU DO SQL SERVER MANAGEMENT STUDIO ..................... 491 FIGURA 381 – CAIXA DE DIÁLOGO CONNECT TO SERVER ............................ 496 FIGURA 393 ......................................................................................... 494 FIGURA 386 – JANELA DE PROGRESSO ...................... 495 FIGURA 388 – MENSAGEM DE FALHA ................

impressoras. além de auxiliar na simplificação de suas atividades de planejamento. usando uma Interface da Web. Ele também proporciona à Infraestrutura e ao gestor de TI controle total dos ativos de rede. etc. incluindo uma visualização combinada dos subsistemas de cabeamento horizontal e vertical. segurança. A combinação de imagens gráficas e informações em tempo real 1 . incluindo aprovisionamento. bem como capacidades avançadas de detecção e alerta para permitir ao usuário o controle total sobre o ambiente. etc). O software acelera e simplifica drasticamente as tarefas diárias de aprovisionamento. consulte o Manual de Instalação do Enterprise Solutions. Todos os componentes da camada física são partes do banco de dados. proporciona acesso fácil a todas as informações. Ele explica como estruturar o seu banco de dados de rede e operar o sistema de forma a gerenciar e manter de forma efetiva a camada física de sua rede. Hubs. através dos Componentes Físicos de Conectividade (painéis de conexões e cabos). implementação e operacionalização de redes. O sistema fornece atualizações em tempo real ao banco de dados. por meio das quais a rede inteira pode ser monitorada e mantida. em tempo real e baseado no local da conectividade e dos dispositivos em rede.0 Capítulo 1: Introdução O Manual do Usuário do PatchView for the EnterpriseTM (PV4E) oferece informações completas sobre a operação e a manutenção do sistema. O sistema exclusivo do PV4E rastreia a conectividade de rede a partir dos Equipamentos Terminais (Servidores.). capaz de automatizar e simplificar o planejamento e o gerenciamento diário de redes e seus equipamentos ativos e passivos associados. PBXs. documentação e muito mais. Para informações sobre instalação e requisitos mínimos. Esta solução proporciona informações de conectividade de ponta-a-ponta em tempo real. gestão de ativos. O PV4E é um aplicativo executado a partir da internet sobre um banco de dados relacional SQL. manutenção. O software. PCs. O PV4E foi comprovado por meio de implementações bem-sucedidas ao redor do mundo e é uma solução abrangente para controle automatizado. O aplicativo abrange todos os aspectos das operações. Descrição do Produto O PV4E é um Sistema de Gerenciamento Inteligente de Camada Física (IPLMS) abrangente e eficiente. O PV4E proporciona documentação completamente precisa e abrangente de todos os componentes da infraestrutura de rede. manutenção e segurança. até os Equipamentos de Rede (comutadores LAN. incluindo a capacidade de monitorar e manter sistema a partir de qualquer local remoto. telefones.PV4E User Manual – V6. O administrador da rede recebe visibilidade de rede em tempo real com relação à camada física. bem como uma camada de integração que oferece uma interface aberta bidirecional para qualquer rede/sistema de gerenciamento de operações. telefones IP.

incluindo troca e remoção. Adições. Função O suporte aperfeiçoado ao HSRP permite associar roteadores múltiplos com a mesma sub-rede. o PV4E também oferece suporte a operações de aprovisionamento expandidas. > Este recurso não funciona em máquinas virtuais. O PV4E.Moves.PV4E User Manual – V6. Mudanças (MACs . Além disso. e deverá ser executado por um profissional nesses serviços. Scanners) e a tecnologia SMART Patch Panel gerenciarão de maneira eficiente a sua infraestrutura e reduzirão de forma substancial os seus custos de propriedade de rede. Essas decisões são feitas a partir da manutenção diária da infraestrutura. Adds. Varredura de sub-rede: > Simples > Selecionada > Ativar/desativar sub-redes selecionadas Suporte a HSRP Varredura por sub-redes simples e múltiplas.0 auxilia o administrador a tomar decisões sobre Movimentações.0 Novo Recurso Módulo de Descoberta (P-LET) Suporte a SNMP Recurso de estações inativas > Suporte a SNMP versões 1. Changes). Extensores Master.6. > A função de remoção de estação inativa define um status de dispositivo de acordo com o seu tempo de atividade e remove dispositivos inativos de seu local anterior. Principais Novos Recursos Os seguintes novos recursos foram adicionados ao PV4E V. Uma nova barra de progresso da porcentagem de varredura da sub-rede exibe o status do progresso. Extensores. Uma opção foi adicionada ao menu de contexto que permite a ativação ou desativação de uma varredura de sub-rede. A detecção de diversos telefones IP e até um único PC conectará os telefones IP em um Resolução do tipo de dispositivo de acordo com o prefixo MAC A dica de ferramenta para o Módulo de Descoberta foi alterada Um contador foi adicionado às subredes na árvore de topologia de sub-redes Dispositivos sem gerenciamento conectam uma série de telefones IP 2 . 2c e 3. solução de problemas de rede e procedimentos de documentação. Este aperfeiçoamento exige mudanças em configurações que não são expostas na GUI. A árvore de topologia agora mostra o número de itens por sub-rede. O banco de dados da rede é atualizado de forma consistente para refletir os MACs dos dispositivos de rede. juntamente com os componentes do PVMax (Masters.

3 . Módulo CAD Visualização CAD expandida A Visualização CAD foi alterada e agora é uma janela flutuante com um espaço de apresentação ampliado (pode ser aberto em visualização de tela cheia). A posição é mantida até você voltar.0 Novo Recurso em um efeito de encadeamento. Gerenciamento da Infraestrutura de Telecomunicações Cabos por condutor Suporte a vários cabos O PV4E agora calcula a quantidade de cabos por condutor. A nova dica de ferramenta exibe a cadeia inteira quando a caixa de combinação é pequena demais para conter todas as informações. Autenticação Integração com o Active Directory A autenticação de usuário do PV4E é realizada em comparação com o active directory da empresa ou o banco de dados local do PV4E. a detecção de mais que um único PC transformará a conexão em um hub. Nós de árvores de locais podem ser excluídos sem excluir primeiro seus sub-locais. O suporte a estações virtuais exige que a estação seja conectada a um comutador diretamente e não através de um hub ou de uma porta de acesso sem fio. cabos multipares e cabos multifibras. Novo suporte a cabos troncos.PV4E User Manual – V6. GUI – Nova aparência e nova sensação A posição da árvore é mantida ao alternar entre módulos do PV4E Uma nova dica de ferramenta foi adicionada em todas as caixas de combinação Itens selecionados de menus foram mudados O nó da árvore não será recolhido caso você navegue para outra tela. A porta padrão é a 25. Ferramentas para Configurações Zonas de Conectividade de Ferramentas para Configurações Autorização de Dispositivo de Ferramentas para Configurações Informações do Sistema de Ferramentas para Ajuda Consulte o Manual do Usuário/Aplicativo Modificação da janela Visualizar Link Locais da árvore de navegação Porta SMTP O tamanho da janela Visualizar Link pode ser mudado (incluindo visão total). garantindo que não haja mais de uma estação em uma porta de comutação Estações virtuais Função encadeamento. A porta SMTP agora pode ser editada.

Permite excluir uma porta ao executar uma solicitação de aprovisionamento. Portas com Tipo sem Serviço não serão consideradas durante o processo de aprovisionamento.0 Novo Recurso Servidores Blade Descoberta de Servidores Blade Função O sistema identifica/consolida e posiciona Blades automaticamente no chassis. Suporte a módulos pass-through Aprovisionamento O aprovisionamento tem suporte a servidores Blade Um tipo Sem Serviço foi adicionado Oferece suporte ao aprovisionamento de servidores Blade em gabinetes.PV4E User Manual – V6. O Aprovisionamento Automatizado oferece 4 . 50 pares Chassis IBM BladeCenter E Chassis IBM BladeCenter H Chassis IBM BladeCenter S Gabinete HP C3000 Gabinete HP C7000 Benefícios Chave Aprovisionamento – Totalmente Automatizado Permite que você atribua recursos e serviços do sistema em um ambiente totalmente automatizado e. além disso. melhora de forma significativa o processo de planejamento e aprovisionamento para data centers e ambientes de trabalho. 25 pares Cabo multipar. Uma opção para remover portas específicas ao executar uma solução de Adição foi adicionada: Hardware O PV4E V6 inclui agora suporte a novos itens de hardware: Painel Smart LC 8-8 Smart LC 144 Smart LC 96 SMART CLASSix RJ-RJ UTP 24 SMART CLASSix RJ-RJ STP 24 Local Master 8 Local Master 12 Local Master 24 Cabo multipar. Suporte a Blades com configuração passthrough. Disponível apenas para Blades com módulos de conectividade do tipo pass-through.

os LEDs em seu painel de conexões acenderão para uma conexão e piscarão para uma desconexão. Segurança Aperfeiçoada Notifica sobre qualquer conexão de cabo. ou mudança de usuário em tempo real. desconexão. incluindo: PCs. Uma vez que uma Ordem de Serviço tenha sido atribuída. Avisa sobre uma combinação errada entre a atividade solicitada e o status real por meio de atividades de varredura contínuas Mapeamento da rede preciso e em tempo real Interrupções de comutação oferecem indicações em tempo real da conexão (link up) ou desconexão (link down) de equipamentos terminais - Ordens de Serviço Programadas Permite criar e atribuir Ordens de Serviço a técnicos. Solicitações de Mudança e Adição também podem ser executadas por portas específicas. telefones IP. Tarefas definidas pelo usuário podem ser adicionadas à Ordem de Serviço automática Módulo de Descoberta A lista a seguir destaca alguns dos recursos do Módulo de Descoberta: Atribuição Automática de Ativos O software do Módulo de Descoberta descobre automaticamente os dispositivos da rede. com a precisão da sala e do cubículo exatos. Com o uso de um PDA (dispositivo portátil). permitindo evitar atividades não-autorizadas Aplicativo a partir da internet Permite acessar dados gerenciais a partir de locais remotos Oferece gerenciamento remoto completo das instalações 5 . o técnico é orientado até o local exato.0 suporte a operações de Mudança. armazena e exibe informações detalhadas e intermedia operações de gerenciamento e aprovisionamento automatizado (Ver acima. garantindo visibilidade completa e abrangente e automaticamente atualiza novos locais quando ocorrem mudanças. Gera uma visão arquitetônica completa da configuração geográfica de cada ativo em sua rede inteira. cubículo e mesa em seu empreendimento. O SitePro orienta os usuários através de suas tarefas específicas. com detalhe de cada sala. comutadores e outros equipamentos e atribui seus locais. Proporciona automaticamente informações completas sobre o esquema de links em formato gráfico. Ordens de Serviço Programadas com dispositivo portátil) Módulo CAD (consulte o Manual do CAD) Apresenta uma representação visual dos locais do PV4E e itens de inventário em mapas 2-D. Alteração. salão.PV4E User Manual – V6. Adição. impressoras. Troca e Remoção. O banco de dados é atualizado automaticamente ao concluir a tarefa SitePro O software SitePro é instalado em um dispositivo portátil (PDA) e fornece ao técnico informações detalhadas sobre tarefas que devem ser executadas na sala de comunicações ou no data center ou em praticamente qualquer outra parte das instalações em tempo real.

Permissões de Acesso a Locais Oferece aos grupos de usuários do PV4E e também a usuários individuais. 6 . As informações também contém dados para testes de cabos elétricos em cada porta Capacidade de Importação/Exportação Permite importar e exportar dados off-line de e para o banco de dados do PV4E Suporte a Interconexão O PV4E oferece suporte a painéis de interconexão e os gerencia da mesma forma que faria com qualquer painel de conexão cruzada. vários níveis de direitos de acesso para editar links. consolidando e posicionando os Blades no chassis.0 Resumo de Erros Proporciona o status real da rede em qualquer momento Resume informações em uma visualização em tabela. e proporciona a capacidade de documentar a topologia de cabeamento para percursos e cabeamentos horizontais e também percursos e cabeamento de backbone Suporte a Servidores Blade O PV4E tem suporte a Servidores Blade.PV4E User Manual – V6. Infraestrutura de Telecomunicações Permite documentar e gerenciar os cabos e percursos de sua infraestrutura de telecomunicações. identificando. autorize novos endereços antes da detecção pelo Módulo de Descoberta e receba alertas de novos endereços MAC detectados pelo Módulo de Descoberta Gerenciamento de Incidentes Gerenciamento de erros aprimorado para alertas em tempo real que também contém ferramentas efetivas de solução de problemas Integração com o Active Directory A autenticação de usuário do PV4E é realizada em comparação com o active directory da empresa ou o banco de dados local do PV4E. permitindo relatórios em tempo real de qualquer mudança ou discrepância de configuração Resultados de Testes de Cabos Fornece informações de conectividade com relação a links entre portas para o consumidor. Mensagens Pop-Up Permite selecionar os eventos que você deseja ver como mensagens popup. Autorização de Dispositivo Aperfeiçoa a funcionalidade de suporte à segurança do sistema. O módulo de autorização de MAC permite que o usuário aprove endereços MAC existentes e não-autorizados.

7 . links quebrados. SDK Projetado para possibilitar que consumidores e integradores utilizem o PV4E e implementem suas capacidades de aprovisionamento completamente automatizadas ao longo de suas redes.PV4E User Manual – V6. e links arbitrários executados em campo Recurso de estações inativas Aumenta a precisão de suas informações de rede eliminando automaticamente os dispositivos que não estejam mais conectados à sua rede SiteBuilder (consulte o Manual do SiteBuilder) Um utilitário baseado em Excel que oferece uma maneira alternativa de fazer o upload de grandes quantidades de informações relacionadas ao banco de dados do PV4E Dashboard (consulte o Manual do Dashboard) Proporciona visibilidade orientada a funções e baseada em políticas do status da infraestrutura de rede. como: informações sobre uso de ativos. e patches nãoautorizados exigem sua atenção. o Dashboard permite que você aprofunde-se imediatamente nos detalhes relevantes antes de agir. Quando itens específicos. entre links planejados que são executados através de OS/Editar Link.0 Eventos Programados/Não-Programados PVMAX Este recurso foi desenvolvido para permitir que o PV4E diferencie eventos PVMAX.

ela é chamada de conexão estática ou off-line. relata todas as mudanças de conectividade no PV4E. Conexão Dinâmica Uma conexão dinâmica refere-se a uma conexão móvel. e oriente o administrador do sistema no planejamento e na implementação de mudanças da fiação.PV4E User Manual – V6. Sistema PatchView O PV4E é um sistema de gerenciamento da camada física da rede. segure a tecla Alt e tecla de seta à esquerda em seu teclado. em que a parte dianteira do bastidor de fiação é um emaranhado caótico de cabos de ligação. Essas conexões são dinâmicas ou estáticas. Como ela raramente é mudada. facilita o gerenciamento dos cabos. Figura 1 . Conexão Estática Uma conexão estática é aquele que normalmente é fixa e conectada à parte traseira do equipamento ou dispositivo.0 Capítulo 2: Visão Geral do PV4E Este capítulo apresenta uma visão geral do PV4E. Observação: Este manual do usuário contém links e referências em sua integridade. O Módulo de Descoberta detecta os dispositivos automaticamente enquanto o PV4E monitora o status dos links dinâmicos ou on-line entre os Painéis de Conexões em tempo real.Exemplo de um Link Completo 8 . Use a tecla Ctrl e aponte com o mouse para visualizar as referências – para voltar à posição anterior. O PV4E também proporciona documentação completamente precisa e abrangente de todos os componentes da infraestrutura de rede. Um link completo é definido como aquele criado entre a estação e o comutador com uma série de conexões. mesmo em centrais de comunicações carregadas. Ele oferece informações em tempo real sobre o status das conexões entre usuários e equipamentos no bastidor de fiação. juntamente com o PV4E. O PatchView. bem como capacidades avançadas de detecção e alerta para permitir ao usuário o controle total sobre o ambiente.

os LEDs nos painéis de conexões orientam o usuário ao longo da tarefa. incluindo a capacidade de monitorar e manter o sistema a partir de um local remoto. Quando a pessoa executando a tarefa nas instalações está pronta. O administrador da rede recebe visibilidade de rede em tempo real com relação à camada física.PV4E User Manual – V6. O sistema é acessado através de um navegador da Internet e proporciona acesso fácil a todas as informações. Interrupções em tempo real relatam qualquer mudança de configuração e discrepância A maioria das mudanças de fiação são feitas como resultado de mudanças em conexões de cabos de conexões no painel de conexões.0 Recursos do PatchView Verifica conexões de cabos de ligação Fornece informações de conectividade de todas as portas. Não é necessário rastrear manualmente fios e conexões. a única instalação necessária é na parte do servidor. Como o PV4E é executado a partir da internet. O sistema PVMax é composto pelos seguintes componentes: Masters PVMax Extensores PVMax Extensores PVMax Master Scanner PVMax Scanner Local PVMax Controle de Segurança PVMax Controle de Indicador PVMax Splitters PVMax Painéis de Conexões SMART Cabos de Conexão SMART Sistema de gerenciamento a partir da internet O PV4E é um sistema de gerenciamento de camada física de última geração e a partir da internet. incluindo uma visualização combinada dos subsistemas de cabeamento horizontal e vertical. Reconfiguração do Bastidor de Fiação Uma tarefa de link é definida no PV4E e enviada aos scanners através do agente SNMP. por meio das quais a rede inteira pode ser monitorada e mantida. Este recurso proporciona informações de ponta-a-ponta em tempo real. 9 . O PatchView usa interrupções SNMP para relatar imediatamente qualquer mudança de fiação para o PV4E.

PV4E User Manual – V6.0

Gerenciamento de Ativos
O PV4E utiliza um catálogo abrangente, bem-estruturado para documentar e gerenciar todos os aspectos de inventário de rede. Os perfis de cada componente de rede, como Estações, Componentes do PatchView e Equipamentos LAN estão disponíveis. Informações detalhadas, como informações de Distribuidores, Tipos de Itens, Tipos Funcionais e Itens, podem ser incluídas. O local exato de cada dispositivo terminal pode ser definido. O PV4E é instalado com uma lista abrangente de Tipos de Itens, Tipos Funcionais, Grupos e Itens necessários para estruturar seu banco de dados.

Módulo de Ordem de Serviço
O Módulo de Ordem de Serviço do PV4E proporciona um sistema abrangente e amigável para simplificar o processo de Ordens de Serviço. Os planejadores criam Ordens de Serviço, que são em seguida divididas em tarefas individuais. Cada tarefa é atribuída a um técnico e é determinada uma data de conclusão para a tarefa. Os técnicos assumem posse e executem suas tarefas atribuídas. Uma vez que as tarefas sejam concluídas, o banco de dados é atualizado automaticamente, eliminando a necessidade de entrada de dados manualmente. Do início até a conclusão de uma Ordem de Serviço, é possível monitorar o seu status ou o status de uma tarefa atribuída.

O Módulo de Descoberta
O PV4E inclui o Módulo de Descoberta Aperfeiçoado. Esta é uma inovadora função de rede de auto-descoberta, combinada com um sistema de rastreamento de conectividade e ativos. Uma vez que a estação para o link de conexão é dinâmica, o Módulo de Descoberta simplifica o rastreamento de sua conectividade e de seus ativos de rede, reduzindo, assim, consideravelmente os custos de manutenção e garantindo 100% de precisão para suas conexões. O Módulo de Descoberta descobre todos os dispositivos ativos na rede e mapeia-os com seus locais e informações de links. Durante o processo de descoberta, são recolhidas informações sobre a Estação, incluindo endereço IP, endereço MAC, Nome do Host e tipo do Serviço. Em seguida, todas estas informações são inseridas automaticamente no banco de dados e ficam disponíveis para o administrador da rede em uma representação gráfica. O Módulo de Descoberta oferece os seguintes recursos adicionais ao sistema: Descoberta de Equipamentos de Rede Todos os Equipamentos da Rede são descobertos automaticamente, não importa onde estejam fisicamente localizados na empresa. O PV4E identifica cada Estação e a cria automaticamente no Banco de Dados, bem como os links relacionados para cada Estação.

10

PV4E User Manual – V6.0

Ativos por Local A localização do Equipamento Terminal é atribuída automaticamente. Se, por exemplo, um telefone IP for movido de uma sala para outra, o Módulo de Descoberta atualizará o sistema automaticamente quanto ao novo local. Módulo de Utilização O Módulo de Descoberta varre as portas de todos os Comutadores na rede. Ele recolhe informações sobre a atividade em cada porta de comutação. O sistema identifica a última data e hora em que a Estação esteve ativa. As informações são exibidas em forma de um relatório ou de uma tela dedicada, e são valiosas para o administrador de TI para o gerenciamento de portas não-usadas nos Comutadores.

Hardware Relacionado ao PV4E
O seguinte é uma breve explicação do hardware usado juntamente com o sistema PV4E. Para detalhes completos, consulte o Manual do Usuário do Hardware PVMax.

PVMax Master
O Master inclui o agente SNMP. Ele recolhe, salva e transmite os dados de conectividade obtidos dos scanners. Ele consolida os dados e atualiza a estação de gerenciamento do PV4E sobre mudanças de conectividade relatadas pelos scanners sob seu controle. O Master é conectado aos scanners localizados no mesmo edifício e também a scanners localizados em outros edifícios. O Master pode monitorar até 8 instalações. Cada porta do Master é considerada como uma instalação separada. O Master também pode ser conectado a Extensores, os quais são conectados aos Scanners.

Extensor PVMax
Os extensores aumentam as capacidades do Master. Os Scanners PVMax são conectados aos Extensores, os quais são conectados ao Master. Isso permite que o Master conecte-se a diversos Scanners PVMax em várias instalações. É possível conectar até 8 Scanners PVMax a cada Extensor e os Extensores podem ser conectados a outros Extensores em um método cumulativo. Isso aumenta a quantidade de Scanners PVMAx conectados ao Master.

Extensor PVMax Master
O Extensor Master é uma combinação do Master com o Extensor. Ele é usado quando existe apenas uma instalação no empreendimento. Como o Extensor, o Extensor Master aumenta as capacidades de varredura. Ao contrário do Master, apenas uma única instalação pode ser definida ao usar um Extensor Master. Um Extensor Master não pode ser conectado a um Master.

11

PV4E User Manual – V6.0

Scanner PVMax
Os Scanners PVMax estão localizados em bastidores de fiação em diversas instalações. Os Painéis de Conexões são conectados aos Scanners PVMax, os quais são conectados aos Extensores, ou diretamente ao Master. Cada Scanner PVMax pode monitorar até 24 Painéis de Conexões.

Scanner Local PVMax
O Scanner Local PVMax é um dispositivo independente que gerencia a camada física da rede. Ele é conectado diretamente à rede e é capaz de monitorar até 6 painéis. Os Scanners Locais fazem varredura e processamento das informações de conectividade física dos painéis e enviam essas informações pela rede ao servidor do PV4E. O Scanner Local também controla e gerencia o algoritmo de varredura.

Controle de Indicador PVMax
O Controle Indicador PVMax é usado apenas para ativar os Indicadores dos Bastidores. O Controle de Indicador oferece suporte a até 8 Indicadores de Bastidores.

Splitter PVMax
Os splitters aumentam as capacidades do scanner ao permitir que um Scanner PVMax seja conectado a até o dobro de portas. Dois Painéis de Conexões Inteligentes, cada um deles com 24 ou 48 portas, são conectados a esses Splitters, os quais são conectados ao Scanner PVMax. Como resultado, cada Scanner PVMax pode ser conectado a 24 Painéis de Conexões Inteligentes. Os Splitters são usados apenas com Painéis de Conexões Inteligentes já existentes. 24 dos novos Painéis de Conexões Inteligentes podem ser acoplados diretamente a um Scanner sem o uso de Splitters.

O Sistema de Scanner PVMax
No sistema de scanner modular, o Master monitora uma instalação que contenha um grande número de portas. Os Extensores e Scanners PVMax são empilhados na instalação e fornecem informações ao Master. O sistema oferece suporte a instalações espalhadas (centros de comunicação) no mesmo edifício, ou em diferentes edifícios no campus. Apenas um Master é necessário para agrupar e salvar os dados de conectividade recolhidos de todos os Scanners PVMax. Através de Extensores cumulativos, uma quantidade ilimitada de Scanners PVMax pode ser conectada a um Master em uma instalação. Cada Scanner PVMax funciona como uma estação retransmissora para dados de conectividade de até 2410 Painéis de Conexões. Cada Painel de Conexões pode conter 26, 24, 32 ou 48 portas. Uma quantidade ilimitada de Masters pode ser gerenciada pelo PV4E.

12

PV4E User Manual – V6.0

Por exemplo, o Master pode ser conectado a um Extensor, o qual é, por sua vez, conectado a 8 Extensores. Cada um desses 8 Extensores é conectado a outros 8 Extensores. Cada nível final de Extensores é conectado a 8 Scanners, cada um dos quais monitora até 24 painéis de conexão. Com esta configuração, o Master Scanner em uma instalação monitora 12.288 painéis de conexões. O PatchView relata as conexões com detalhe de cada porta do painel de conexões. Quando ocorre um defeito no sistema, o PatchView identifica rapidamente o roteamento físico do link entre o ponto de rede de trabalho do usuário e o bastidor de fiação correspondente localizado na instalação.

Painéis de Conexões SMART
Existem mais de cem modelos de painéis de conexões inteligente para comunicações de dados adequados a praticamente qualquer sistema de fiação e aplicação. Os painéis de conexões proporcionam um ambiente de interconexão compacto dentro de uma LAN. Um flat cable especial conecta cada painel de conexão com um scanner PatchView. Os scanners recolhem informações de conexões e as relatam através da LAN. Os painéis possuem uma ampla gama de conformidade normativa, como: Categoria 6A, Categoria 6 e Desempenho de Categoria 6 para pares trançados de cobre revestidos e sem revestimento SC, ST, LC e MT-RJ para fibras óticas LEDs nos painéis de conexões indicam o que o técnico deve fazer. Quando os LEDs piscam, isso indica que os Cabos de Conexão devem ser desconectados. Depois de todos os cabos de conexão terem sido desconectados, os LEDs são acesos em sequência, indicando, assim, quais portas devem ser conectadas. Caso um cabo de conexão seja conectado à porta errada, o sistema dará o alerta e indicará que o cabo de conexão deve ser removido. Ao fim do procedimento, o PatchView indica que a tarefa foi concluída.

Mesa de Controle
A mesa de controle é conectada a um scanner e permite ao técnico executar as mudanças de fiação efetivas na instalação para ativar o processo de mudança de link físico. O técnico pode ativar uma varredura automática de LED a partir da mesa de controle. A varredura automática de LED faz com que os LEDs das portas sejam acesos na sequência em que estão conectados. A varredura de LED é usada para verificar se todas as conexões de cabos do scanner para os painéis estão funcionando e conectadas na ordem correta. Caso os LEDs acendam fora da sequência, significa que as portas estão conectadas de forma incorreta. Existe uma mesa de controle por instalação. Quando uma tarefa de link é enviada a um scanner, o LED Reconfiguration (Rec.) On/Pending na mesa de controle começa a piscar, indicando que há uma tarefa de link aguardando para ser implementada (quando a mesa de controle está conectada). O

13

PV4E User Manual – V6.0

técnico pode, então, ativar o processo de mudança de link a partir da mesa de controle. Os LEDs nos painéis de conexão são ligados para orientar o técnico ao longo do processo. Três opções, estão disponíveis para a Mesa de Controle: Enabled, Disabled e Bypass. Com as opções Enabled e Bypass, é possível executar varreduras ou navegar manualmente nas portas do painel de conexões pressionando o botão Manual Scan na mesa de controle. A tabela a seguir descreve a função de cada opção: Configuração Enabled A Mesa de Controle fica: Ativada, e as tarefas de links não são indicadas nos painéis de conexão até que o técnico pressione o botão Reconfig On na mesa de controle. Desativada Tarefas de links e ignoradas recebidas pelos scanners são indicadas imediatamente pelos LEDs nos painéis.

Disabled Bypass

Instalações
O sistema é gerenciado com base em instalações. Uma instalação é normalmente uma única sala de comunicações ou um data center. Os scanners, juntamente com os painéis de conexões que eles monitoram, são instalados em bastidores de fiação localizados na sala de comunicações de cada instalação. A quantidade de instalações que podem ser gerenciadas por um servidor é praticamente ilimitada. Instalações remotas podem ser conectadas ao banco de dados centralizado usando Masters adicionais em cada uma das instalações remotas. Uma instalação é uma área de conexão. Pode haver muitas áreas de conexão/instalações em uma Sala de Comunicação. Cada instalação é conectada a uma porta no Master. Cada Master PVMax pode possuir até oito instalações. O Extensor Master possui apenas uma instalação.

Interação Hardware/Software
O software PV4E habilita o gerenciamento eficiente e efetivo dos equipamentos de rede através de varreduras e relatórios da configuração da fiação do Painel de Conexão. Como o PV4E é executado a partir da internet, o sistema pode ser gerenciado a partir de qualquer estação na rede, inclusive a partir de um local remoto. Os Painéis de Conexões são acoplados aos Scanners, os quais estão localizados nos bastidores de fiação em vários locais. Esses locais podem ser andares diferentes de um mesmo edifício ou outros edifícios, seja na mesma área (ex.: um campus) ou em outras áreas (ex.: diferentes cidades). O Master é conectado aos Scanners. A rede da empresa (LAN ou WAN) é usada para

14

PV4E User Manual – V6.0

conectar Masters em outros edifícios para criar um sistema gerenciado. Os Painéis de Conexões proporcionam um ambiente compacto de cabeamento para conectividade dentro da LAN. Os painéis de conexões inteligentes são equipados com indicadores LED sobre cada porta, os quais podem ser usados para identificar e monitorar facilmente qualquer porta. Cada Painel de Conexão é conectado por um flat cable a um scanner do PatchView. Os scanners são conectados aos painéis de conexão instalados na instalação. Qualquer mudança de conectividade nos painéis é recolhida pelos Scanners e as informações de conectividade são relatadas ao Master. O Master relata as informações usando protocolo SNMP padrão sobre a LAN para o Servidor que executa o software PV4E.

Figura 2 - Interconexão PV4E/PatchView

Usando o Sistema
Esta seção mostra uma visão geral de como o sistema é usado e quais passos normalmente precisam ser dados. O uso do PV4E segue este roteiro geral: Definir a infraestrutura Este primeiro estágio envolve a instalação dos elementos do PVMax, incluindo componentes como painéis, masters e extensores. Subsequentemente, é necessário fazer todas as conexões físicas com o sistema PVMax. Consulte o Manual do Usuário do PVMax. Após concluir a preparação da instalação, instale o banco de dados SQL e o software PV4E. Executar o PV4E e Configurar o Sistema Estruturar o banco de dados. Inicie adicionando itens de catálogo conforme necessário; vide Capítulo 4: O Catálogo. Na janela de manutenção, mapeie a sua rede física, definindo os locais de seu inventário: países, cidades, edifícios, andares, salas e cubículos. Em seguida, alimente os seus locais, atribuindo os ativos em cada local. A

15

PV4E User Manual – V6.0

função de nomeação automática é uma ferramenta importante que ajuda a estruturar os ativos, permitindo a identificação sequencial de ativos como módulos e portas. A infraestrutura para entrada inclui todos os elementos entre pontos de rede e painéis de conexão, e depois entre painéis de conexão e portas de comutação com nomes e locais. Isso inclui as salas (onde os pontos de rede estão localizados), bastidores, painéis e comutadores. Estruturar Sua Topologia de Rede Uma vez que os ativos tenham sido populados no repositório PV4E, é necessário definir a conectividade inicial. Todo o seu trabalho é registrado e pode ser consultado para uso futuro. A execução de uma Ordem de Serviço ativa os LEDs nos painéis de conexão para mostrar ao técnico em campo exatamente quais portas devem ser conectadas ou desconectadas. Uma mesa de controle conectada a um scanner permite ao técnico executar as mudanças efetivas na instalação para ativar o processo de mudança de link físico. Neste ponto, a conectividade entre pontos de rede e portas de comutação deve ser definida. Preparar para Executar o Módulo de Descoberta e perceber a Rede Completa O Módulo de Descoberta é um sistema de rastreamento de rede que descobre e reconhece mudanças de conectividade na rede e informa o usuário quanto a alterações. A fim de executar o Módulo de Descoberta, é necessário primeiro definir as configurações do Mapeador LAN. O Mapeador LAN é um Módulo de Descoberta que descobre todos os dispositivos ativos na rede e em suas sub-redes. Após definir as configurações apropriadas do Mapeador LAN e do Servidor LAN, é necessário certificar-se de que as configurações de interrupção de comutação de software estejam habilitadas em todos os comutadores de rede e nas configurações do PV4E (Capítulo 9: ). Executar o Módulo de Descoberta O Módulo de Descoberta descobre e mapeia os diferentes dispositivos que encontra em seus locais físicos reais e atualiza o inventário do PV4E de forma correspondente. Ele oferece uma descrição completa da conectividade de ponta-a-ponta de todos os dispositivos na rede. Após o Módulo de Descoberta concluir sua execução inicial, verifique os resultados conferindo o registro de eventos e procurando Dispositivos Não-Gerenciados. Esses dispositivos são uma lista de dispositivos encontrados que não puderam ser atribuídos por diversos motivos. Também procure cada ocorrência de "No Location" na lista, que indica que um dispositivo pode ter sido desconectado ou desligado. Finalizar a Configuração do Sistema É possível definir várias configurações do sistema (Capítulo 13: Configurações do Sistema PV4E, na página 432). Entre elas estão permissões, notificações de eventos, filtragem de mensagens, tabelas do sistema (adicionar e excluir ícones, adicionar e excluir tipos de tarefas de Ordem de Serviço, adicionar e excluir tipos de categorias de locais), nomes de ID de Ordem de Serviço e outras opções. Parabéns! Você concluiu o trabalho inicial necessário para configurar o PV4E e definir a conectividade do seu sistema. Manutenção do Sistema Após o sistema PV4E ser definido inicialmente, quaisquer mudanças e modificações serão parte da manutenção regular do sistema. A manutenção regular é feita principalmente através das Ordens de Serviço

16

PV4E User Manual – V6.0

(Capítulo 8: Ordem de Serviço e Gerenciamento de Links, na página 327), por meio das quais são feitas quaisquer movimentações, adições ou alterações (MACs) em itens da rede. A mudança é implementada como uma Ordem de Serviço que atualiza automaticamente o sistema quando concluída. Tarefas adicionais de manutenção incluem medidas de segurança (Capítulo 10: Segurança, na página 306), atualização dos dados do PBX (Capítulo 12: Importando Dados de PBX, na página 341), procedimentos para executar e recuperar backup, definir e manter links seguros, gerar relatórios e monitorar o Registro de Eventos.

17

PV4E User Manual – V6.0

Capítulo 3: Iniciando
Consulte o Guia de Instalação Furukawa Enterprise Solutions para especificações e exigências do sistema para o PV4E. O manual contém: Exigências de Sistema para o PV4E Exigências Mínimas para o PV4E Exigências para o Servidor de Implementação do PV4E Exigências do Cliente do PV4E Configurações do Servidor SQL Configurações Remotas do SQL Instalando o PV4E No Guia de Instalação Furukawa Enterprise Solutions também estão presentes os pré-requisitos e exigências, juntamente com todas as outras informações essenciais necessárias para instalar os seguintes módulos:: Pacote de Driver Expandido (relevante apenas para consumidores que tenham comprado o pacote de driver expandido). CAD Dashboard PV360 SitePro Informações sobre back up e restauração do banco de dados do PV4E podem ser encontradas no Apêndice A no fim deste documento. Ele contém as seguintes informações importantes: Back-up e restauração do banco de dados do PV4E Interrupção do serviço PV4E Realização de back up do banco de dados Reinicialização do servidor Restauração do banco de dados do PV4E Interrupção do servidor e restauração do banco de dados

Executando o PV4E
Quando o PV4E é instalado com sucesso, é possível iniciar uma sessão no aplicativo através do seu navegador.

Iniciando uma sessão no PV4E
Para iniciar sessão/abrir o PV4E 1. Abra o Navegador da Internet e digite o caminho na janela de Endereço. Caso esteja trabalhando no computador onde o servidor do PV4E está instalado, digite: http://nome do computador local/pv4e Caso esteja trabalhando em um cliente, digite: http://nome do host/PV4E 2. Pressione Enter, a janela de entrada do PV4E aparecerá.

18

PV4E User Manual – V6.0

Figura 3 - Janela de entrada do PV4E 3. Digite seu Nome de Usuário e sua Senha. As configurações padrão estão abaixo e fazem diferenciação entre maiúsculas e minúsculas. Recomendamos fortemente que essas configurações sejam mudadas assim que possível: Nome do Usuário = Administrator Senha = [em branco] 4. Clique no botão Login. Ao iniciar o PV4E pela primeira vez, aparece uma mensagem.

Figura 4 – Internet Explorer – Mensagem de Aviso de Segurança 5. Clique em Instalar para prosseguir. O PatchView for the Enterprise é aberto.

19

uma vez que ela aparece apenas após um item ser adicionado ou definido dentro do banco de dados.Tela de Abertura do PV4E O padrão está definido para abrir a janela Manutenção. Quando esta janela é aberta pela primeira vez após a instalação. uma vez que é onde ocorre a maior parte da atividade do PV4E.0 Figura 5 . Encerrando a sessão do PV4E > Para encerrar a sessão/sair do PV4E Clique no ícone de saída e confirme clicando no botão OK. ou. não há uma área de informações. projetada para permitir que a operação do software ocorra com o máximo de eficiência e efetividade. Interface Gráfica do Usuário do PV4E O PV4E possui uma GUI interativa de fácil uso.PV4E User Manual – V6. Clique no ícone X localizado no canto superior direito da tela. 20 .

0 Figura 6 .PV4E User Manual – V6.Interface Gráfica do Usuário do PV4E 21 .

Diferentes opções de abas estão disponíveis dependendo do módulo que está sendo acessado no momento. Ao clicar nos links/títulos Manutenção. botões de alerta/indicador e botões de seleção Atualizar e Sair. localizada na parte esquerda da tela. Clicando em qualquer objeto na árvore em qualquer nível. Os menus suspensos ficam ativos ao clicar no título do menu. Botões de Navegação As fontes do painel de navegação ficam vermelhas quando ativas e brancas quando inativas. Clique no ícone do sinal de menos (-) para fechar os níveis inferiores. Ordem de Serviço ou Relatórios. Ela foi projetada para possibilitar a fácil navegação pelos diferentes níveis. 2. Selecione um item e clique nele com o botão direito do mouse para chegar ao meu específico daquele objeto. Topologia e Usuários. ex. excluir e visualizar itens do banco banco de dados a partir da árvore do inventário usando comandos ou atalhos dos menus. Os títulos Ferramentas. 4. editar. e contém os botões de navegação para os diferentes módulos. abre sua tela de Propriedades do Item. Dê um clique duplo em um objeto na árvore ou clique no ícone do sinal de mais (+). A opção Editar está disponível nesta seção. As Informações sobre os Dados estão localizadas na parte direita da tela. com as respectivas informações. Essa área é dividida em duas seções: Seção de Informações Contém os dados do item selecionado na Visualização do Sistema. É possível adicionar. Configurações.PV4E User Manual – V6. Seção de Registro de Eventos Este registro grava todos os eventos que ocorrem no aplicativo. o usuário pode visualizar e acessar a árvore do módulo selecionado. A Barra de Menu A barra de Menu está localizada abaixo da barra de título do aplicativo. chega-se diretamente aos seus respectivos módulos. > Para circular entre as árvores 1. Os menus suspensos são: 22 . Isso é mostrado pelo triângulo branco em cada botão. Relatórios e ajuda possuem menus suspensos. ou selecionar outras abas.0 Sobre a GUI A GUI é dividida em duas áreas principais: A área de Visualização do Sistema. Nesta seção. Cada Tipo Funcional e Item possui o seu ícone distinto para facilitar o reconhecimento. Árvore de Inventário A árvore de inventário proporciona uma representação gráfica da hierarquia do banco de dados. 3.

e Ajuda As opções nos menus suspensos para Ferramentas e Configurações são descritas em detalhe em suas respectivas seções.PV4E User Manual – V6. A caixa de Diálogo da página da web contém informações sobre a versão que você usa.Menus suspensos Ferramentas. Ajuda A Ajuda proporciona informações sobre o PV4E e ajuda on-line. Configurações. Figura 8 – Ajuda – Caixa Diálogo da página da web 23 .0 Figura 7 .

uma dica de ferramenta aparece e exibe o endereço IP e a sub-rede para aquele item e também mostra o status do progresso. Ele muda para vermelho quando ocorrem eventos e volta ao verde apenas quando esses eventos são visualizados no Registro de Eventos ou ao reiniciar o aplicativo. Botões Atualizar e Sair O botão atualizar recarrega a GUI com as mudanças feitas a quaisquer itens no banco de dados. quando clicado. Observação: O indicador de Alarme fica verde ao iniciar uma sessão no sistema. abaixo dos botões de navegação. apresenta uma caixa de opções. Clique em OK para sair/encerrar a sessão ou em Cancelar. A tabela abaixo define seus significados. Botão PV Cor Verde Vermelho PVMax Verde Vermelho P-LET Cinza Azul Amarelo LED Significado Sistema on-line Sistema off-line Sistema on-line Sistema off-line Inativo Mapeamento de LAN Ativo Dispositivo não-gerenciado Verde Alarme Verde Vermelho Observação: Servidor de LAN Ativo Não foram adicionados novos eventos Novos eventos foram adicionados Ao passar o mouse por cima de um indicador LED P-LET. 24 .0 Indicadores de Alerta/Aviso Existem quatro botões indicadores de alerta/aviso localizados na barra de menu. O botão Sair.PV4E User Manual – V6.

Menus de Atalho Em vez de usar a barra de menu para ativar um comando. Para habilitar os pop-ups. Os menus de atalho sensíveis ao contexto oferecem acesso fácil e rápido à suas funções mais frequentemente usadas. Filtro de Msg. é necessário estar em uma sessão ativa do aplicativo PV4E. which contains labels for frequently used menu commands. é aberta: 25 . Selecionando Eventos para Aparecerem como Pop-Ups Na tela principal do PV4E. selecione Configurações > Filtro de Msg. Mensagens Pop-Up Um recurso de mensagem pop-up foi adicionado no PV4E V5. é possível selecionar um item e clicar nele com o botão direito para ativar um menu de atalho.0 para todos os eventos.0 A Barra de Ferramentas A toolbar.PV4E User Manual – V6. The function of each label and its submenu is discussed in the appropriate chapters of the user guide. permitindo que você os visualize conforme eles ocorrem. como: Adicionar. Editar. The toolbars vary according to the active module. A janela a seguir. com a barra de ferramentas Manutenção ativa. Excluir e Pesquisar. is located at the bottom of the screen. O aplicativo é aberto no módulo de Manutenção.

0 Figura 9 . (Editando) Para selecionar eventos. Clique na caixa dos eventos que deseja que apareçam como uma mensagem pop-up. será aberta. Clique em Aplicar e OK.Pop-up – Janela Filtro de Msg. clique em Editar. Desça usando a barra de rolagem da tela para visualizar todos os eventos. os campos de eventos Pop Up ficam vazios. Figura 10 . Filtro de Msg. A seguinte tela. 26 .Pop-up – Janela Filtro de Msg. Como padrão.PV4E User Manual – V6.

você deve selecionar a opção apropriada.Exemplo de Pop-Up Caso uma mensagem pop-up seja exibida antes de uma mensagem pop-up anterior ser fechada. > Para selecionar um ambiente de hardware 1. ambas aparecerão na tela juntas. selecione Elementos do PatchView. Selecionando o Ambiente de Hardware Com base no ambiente de hardware que você usa.0 Exemplo de Pop-Up Figura 11 .PV4E User Manual – V6. A partir do menu Configurações. A área de propriedades do PatchView é aberta. 27 . Para fechar a mensagem pop-up clique em Fechar. Clique em Fechar Tudo para fechar todos os pop-ups abertos.

A opção padrão é PVMax Habilitado. comutadores.Caixa de diálogo Editar Configurações do PatchView 3. Buscando Equipamentos O sistema PV4E inclui uma poderosa ferramenta de busca para encontrar quaisquer itens de banco de dados. 4. Clique em OK.PV4E User Manual – V6. Os resultados da 28 . A caixa de diálogo Editar Configurações do PatchView é aberta. Selecione a opção necessária. O PV4E agora exibe somente a função selecionada. Figura 13 .Área de Propriedades do PatchView 2. hardware de conexão e usuários.0 Figura 12 . como estações. Clique em Editar.

Esta busca é flexível. dependendo do item de banco de dados especificado na busca. endereço IP ou local. acelerando o processo de solução de problemas de manutenção ou segurança. A busca permite que o Administrador do Sistema encontre rapidamente ativos em grandes redes. no sentido que não é necessário saber o tipo do item. As instruções gerais de busca. Busca global Permite buscar qualquer equipamento.PV4E User Manual – V6.0 busca exibem o local exato dos itens buscados. abaixo. Ele também permite que o dispositivo seja verificado ou editado. Existem dois tipos principais de buscas: Tipo de item específico Para esta busca será necessário selecionar o tipo de item a ser buscado. são seguidas por um exemplo. 29 . Existem diferentes opções de busca.

Caso esteja realizando uma busca Global.Seleção da Ferramenta de Busca Uma caixa de diálogo de busca aparece.0 > Para buscar um tipo de item específico 1. Por exemplo. Na parte inferior do módulo de Manutenção. selecionando as opções das listas suspensas ou digitando os dados. Figura 15 .PV4E User Manual – V6. clique no botão Buscar Por e selecione a classe do item a ser buscado. Isso permite aumentar a amplitude de uma busca usando o símbolo ‘*’ Digite o caractere curinga no campo Nome.Caixa de diálogo de Busca de Item 3. 2. 30 . selecione HW Conectado > Painel. selecionando a Classe como Cobre e o Nome de Catálogo como SMART GIGA 24 UTP. selecione um ou mais campos para os critérios de busca. Observação: Há suporte para um recurso de caractere curinga para executar uma busca global. Figura 14 . Não é possível buscar usuários em uma busca global. Por exemplo. Caso esteja buscando um item específico. digite os dados em um ou mais dos campos para os critérios de busca ou navegue em busca de um Local. As opções da janela de busca variam dependendo do tipo de item sendo buscado.

Atualmente. clicando no botão Critérios e alterando os detalhes da busca. É possível clicar nos resultados que aparecem na cor azul para exibir as propriedades na seção de propriedades de um dispositivo ou usuário específicos. Este recurso oferece suporte à configuração dos métodos de medição tanto de cima para baixo quanto de baixo para cima. quando aplicável. Suporte Aperfeiçoado da Ordem de Contagem U A fim de habilitar maior flexibilidade na definição da ordem de contagem. Alterar a ordem em U de um bastidor ocupado deixará os dispositivos no mesmo local físico. mas a denominação da posição "U" será mudada. Problemas Relacionados à GUI Apresentação do Bastidor (Ordem de Contagem em "U") Um novo recurso foi adicionado para configurar o método de medição da posição "U" do bastidor. Figura 17 .0 Figura 16 . um bastidor 45U com ordem de cima para baixo e um dispositivo localizado em sua posição mais alta (1U). A seguinte janela de resultados da Busca é aberta: O número total de registros encontrados aparece no canto inferior esquerdo.Caixa de diálogo de Busca Global 4. o PV4E mede a posição "U" do bastidor de cima para baixo. Por exemplo. clicar no botão de resultados apresenta os resultados anteriores da busca.Janela de Resultados da Busca Diferentes opções estão disponíveis na janela de propriedades. A qualquer momento é possível mudar as especificações de busca. enquanto um item de rede possui um botão Ping disponível. Por exemplo. dependendo dos itens sendo exibidos. A ordem pode ser definida no catálogo como padrão ou no inventário (caso surja a necessidade de sobrescrever a ordem padrão). a maioria dos itens possui um botão Editar disponível.PV4E User Manual – V6. Clique em Buscar Agora para iniciar a busca. Mudar a ordem em U 31 . cada bastidor será associado a sua própria ordem de contagem. Consequentemente.

em que o valor padrão da caixa de verificação será desmarcado. "Incluir Nome da Porta". mas ele passará a ser chamado 45U. Ícones de Editar Links Esta atualização apresenta um novo aperfeiçoamento para exibir ícones editados pelo usuário no módulo Editar Link. em vez da aba Geral. apresentando o nome da porta. Esta opção é implementada para as seguintes opções de busca: Pontos de Rede Painéis Comutadores PBX A opção de Busca dos elementos acima possui uma caixa de verificação adicional. Ativar a Visualização do Link a partir de uma porta específica mostra apenas o link daquela porta específica. Os ícones carregados pelo usuário serão exibidos. permitindo ao usuário buscar um nome de porta específico.PV4E User Manual – V6.0 manterá o dispositivo na posição mais elevada. um campo extra será adicionado à tabela. um campo de edição da caixa será exibido. A busca adiante ou para trás. Figura 18 . Busca O módulo de Busca foi expandido para executar uma opção expandida que apresenta e busca portas para os respectivos itens usando um caractere curinga. junto à porta. Uma vez que esta opção seja marcada. 32 . HW Conectado – Visualização da Aba Padrão Ao selecionar um item de HW conectado (painel ou ponto de rede) a visualização de Propriedades é aberta na aba de Portas. é suportada.Visualização do Link para Porta Específica No caso da caixa de verificação estar marcada.

O relatório de tarefas de OS foi modificado para ser exibido em layout de paisagem e as tarefas são apresentadas em layout em tabela (e não como uma tarefa por página). seguidas pelas tarefas que não foram enviadas ao scanner. etc. todas as tarefas pendentes estão no começo. As tarefas serão organizadas na seguinte ordem: Tarefas de relatórios (conectar/desconectar) serão organizadas na ordem em que forem executadas pelo scanner.Exibição do Campo de Edição da Caixa Todas as opções comuns de tabela (como redimensionar colunas. 33 .PV4E User Manual – V6. com relação à hora em que o relatório é gerado (no PVMAX. O campo "Ordem de Organização" foi renomeado para "Ordem de Organização das Tarefas" e uma opção de "Executar Varredura" foi adicionada a ele. Todas as tarefas que não são de links são organizadas na ordem inserida pelo usuário. Uma caixa de verificação foi adicionada à primeira coluna de cada tarefa.) estarão disponíveis.0 Figura 19 . classificar. Relatórios de OS Observação: Os relatórios do PV4E (não do report center) não são mais um recurso suportado pelo PV4E Relatórios de Tarefas de OS A atualização do PV4E inclui um aprimoramento ao módulo relatórios de tarefas de OS.

Uma caixa de verificação foi adicionada à primeira coluna de cada tarefa.Relatório de Tarefas de Ordens de Serviço Relatório de Ordem de Serviço O relatório foi modificado para aparecer em layout de paisagem e as tarefas são apresentadas em layout em tabela.Caixa de diálogo de Configuração de Relatórios de Tarefas de Ordens de Serviço Figura 21 . 34 .PV4E User Manual – V6. O campo "Ordem de Organização" foi renomeado para "Ordem de Organização de OS" Uma opção "Ordem de Organização de Tarefa" também foi adicionada aos critérios com as mesmas opções do Relatório de Tarefas de OS.0 Figura 20 .

0 Figura 22 .Configuração de Relatório de Ordens de Serviço Figura 23 .PV4E User Manual – V6.Relatório de OS 35 .

Novos Itens podem ser adicionados ao Catálogo a qualquer momento e os itens podem ser editados e excluídos. Definir as classes e os itens no Catálogo costuma ser uma operação a ser executada uma única vez. Eles são definidos e armazenados no banco de dados do Projeto e são a representação lógica de seu empreendimento inteiro. A hierarquia da Árvore do Catálogo é predefinida em Tipo de Item. O Catálogo contém uma lista detalhada de todos os componentes disponíveis que serão atribuídos a um Local específico no empreendimento. Os dados são mudados para refletir as informações do item selecionado na árvore.PV4E User Manual – V6. 36 . O Catálogo do PV4E está localizado no Módulo de Configurações do PV4E do aplicativo.0 Capítulo 4: O Catálogo Visão Geral do Catálogo O PV4E é projetado especificamente para gerenciar o seu empreendimento. Essa rede é composta por Componentes de Hardware. São elas: Árvore do Catálogo Está localizada na lateral esquerda da tela e todos os itens podem ser acessados por ela. Definir novos itens de catálogo é a primeira tarefa exigida para configurar um projeto. o PV4E instala uma abrangente lista pré-definida de itens necessários para conduzir um empreendimento. Software e Conexão. Tipos de Itens. Área de Dados Está localizada na parte superior direita da tela. Classes e Itens são definidos no Catálogo. que fica no modo "Sempre no topo". Durante o processo de instalação. Visualização de Eventos A visualização de eventos padrão do aplicativo. Classe e Item. Tipo Funcional. Janela do Catálogo A janela do Catálogo é dividida em três áreas. Tipos Funcionais. que é um sistema complexo de redes e entidades relacionadas.

O Tipo do Item é o primeiro nível da árvore. A ordem dos próximos quatro níveis é Tipo Funcional.PV4E User Manual – V6. Itens do Catálogo Os Itens no Catálogo foram divididos em quatro categorias diferentes.0 > Para abrir a Janela do Catálogo Selecione e clique em Catálogo no menu suspenso Configurações. Classe e. A janela do Catálogo é aberta. O PV4E pré-definiu os os Catálogos Tipos de Itens e Itens Funcionais. Item. 37 . Estes são instalados automaticamente no banco de dados durante a instalação do sistema. por fim.

0 Figura 24 . apenas. e é o primeiro nível da hierarquia da árvore do Catálogo. O usuário insere Classes ou Itens diretamente sob Distribuidores e Bastidores. O Catálogo é dividido nos seguintes Tipos de Item: Tipo de Item Distribuidor Infraestrutura de Telecomunicação Conector Equipamento de Bastidor Software Adaptador Equipamento Terminal Equipamento de Rede Equipamento do PatchView Hardware de Conexão 38 .PV4E User Manual – V6.Exemplo de Itens de Catálogo na Árvore Tipo de Item Tipo de Item é a classificação de acordo com a qual os itens do Catálogo são ordenados. O Catálogo é dividido em Tipos de Item padrão. Não é possível adicionar Tipos de Item adicionais à lista.

Tipos Funcionais Adicionais não podem ser incluídos. Tipo de Item Distribuidor Infraestrutura de Telecomunicação Horizontal e Vertical Cabo de Conexão Percurso Cabo Tronco Conector Cobre Fibra Equipamento de Bastidor Gabinete Organizador de Cabo Gabinete Prateleira Espaçador Software Aplicativo Sistema Operacional Adaptador NIC Modem KVM SCSI Tipo Funcional 39 . Dispositivo KVM.0 Tipo de Item Equipamento do Data Center Tipo Funcional Cada tipo de Item no Catálogo é subdividido em Tipos Funcionais. Estação e Telefone. Por exemplo. Impressora. com exceção de Distribuidores e Bastidores. o PatchView for the Enterprise foi sub-dividido no Tipo de Item ‘Equipamento Terminal’ nos seguintes Tipos Funcionais: Telefone IP. Os Tipos Funcionais são pré-definidos e instalados com o PV4E.PV4E User Manual – V6. Tanto Classes quanto Itens podem ser listados em um Tipo Funcional.

PV4E User Manual – V6.0 Tipo de Item Tipo Funcional Monitor Equipamento Terminal Telefone IP Dispositivo KVM Impressora Estação Telefone Equipamento de Rede Comutadores PBX Roteador Hub Equipamento do PatchView (PV) Mesa de Controle do PV Scanner Master Scanner Satélite Controle de Segurança Equipamento do PatchView (PVMax) Extensor Scanner Local Master Extensor Master Controle PVMAx Mesa de controle PVMax Scanner PVMax Hardware de Conexão Ponto de Rede Painel Passagem Equipamento do Data Center Controle Ambiental 40 .

Um Item é o produto real. os itens podem ser listados sob uma classe específica na Árvore do Catálogo.PV4E User Manual – V6. Uma Classe é adicionada e nomeada pelo usuário a fim de categorizar itens para fácil referência.0 Classe Classes podem ser adicionadas à árvore do Catálogo diretamente sob o Tipo de Item. Adicionando. 2. Para Adicionar uma Classe 1. Editando e Excluindo Classes A seção a seguir explica com detalhes como Adicionar. ou sob Tipos Funcionais. Itens adicionais podem ser incluídos e todos os itens podem ser editados ou excluídos como e quando necessário. que é usado em sua rede. - 41 . A caixa de diálogo Adicionar Classe pode ser acessada da seguinte maneira: Clique com o botão direito do mouse sobre o Item na árvore do Catálogo e selecione a função Adicionar Classe no menu suspenso. Editar e Excluir Classes no Catálogo. Uma Classe é adicionada e nomeada pelo usuário a fim de categorizar itens para fácil referência. As classes para certos Tipos de Itens e Itens Funcionais são instaladas no banco de dados durante o processo de instalação. Cada item específico pode ser organizado de acordo com sua classe apropriada. bem como editar ou excluir classes como e quando necessário. É possível incluir classes adicionais. Itens podem ser alocados a classes específicas. Item O PV4E possui todos os itens pré-definidos que são necessários para estruturar o seu projeto ou a Rede do seu Empreendimento. seja software ou hardware. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Classe será aberta. Selecione o Tipo de Item ao qual deseja adicionar uma Classe. como no caso de Distribuidores e Bastidores. Adicionando uma Classe As classes podem ser adicionadas à árvore do Catálogo. Em seguida.

PV4E User Manual – V6. uma vez que ela será usada como um critério de Organização. Para atribuir um novo ícone.Caixa de diálogo Adicionar/Editar Classe 3. Adicione a Descrição (Opcional). 4. Selecione a aba Observações para adicionar uma observação a respeito da classe (Opcional) 6. 42 . Dica: Mantenha a descrição curta e relevante. Digite o nome da classe. consulte Atribuindo Ícones a um Item do Catálogo ou Classe. 5.0 Figura 25 .

. Selecione uma das opções abaixo para prosseguir: Botão Aplicar Para. Salva a entrada e fecha a caixa de diálogo Reset Cancelar OK Editando uma Classe É possível editar uma classe a qualquer momento. 43 .Adicionando uma Classe 7. e fecha a caixa de diálogo. serão exibidas informações na Área de Dados. A caixa de diálogo permanece aberta. Salva as novas informações.0 Figura 26 . Redefine a caixa de diálogo para suas configurações anteriores Cancela a entrada. se Aplicar não tiver sido selecionada anteriormente. Três opções de Abas estão disponíveis: Geral – Uma breve descrição da Classe Conteúdo .Contém as observações escritas anteriormente sobre esta classe (opcional) Observação: A aba Conteúdo aparecerá apenas se houver itens listados nesta classe.PV4E User Manual – V6. Quando uma Classe for selecionada na árvore do Catálogo..Oferece uma lista dos Itens listados sob esta classe Observações .

O comando Excluir pode ser acessado de duas maneiras: 1. Clicar com o botão direito do mouse sobre a Classe na árvore do Catálogo e selecione a função Excluir no menu suspenso. A Classe selecionada será excluída da árvore do Catálogo e do banco de dados Para excluir uma seleção múltipla de Classes 1. Ou: Clicar no botão Ação na Barra de Ferramentas do Catálogo e Editar. 3. Na árvore do Catálogo. Clique com o botão direito do mouse sobre a seleção e selecione a função Excluir no menu suspenso. Ou: 2. localize e selecione a Classe que deseja excluir. 2. 2. Observação: Ao excluir uma classe. Clicar no botão Excluir na Barra de Ferramentas do Catálogo. certifique-se de que não haja itens listados nessa classe. 2. Uma mensagem é exibida. Excluindo uma Classe Classes podem ser excluídas do Catálogo. segure a tecla <Ctrl> e selecione as Classes individuais. Uma caixa de diálogo será aberta. Clicar no botão Excluir na Barra de Ferramentas do Catálogo.0 Para Editar uma Classe 1. O comando Excluir pode ser acessado de duas maneiras: 1. Ou: Clicar no botão Editar na Área de Informações dos Dados. clique sobre o nome da classe que gostaria de editar. segure a tecla <Alt> e selecione a lista. Para Excluir uma Classe 1. Para uma lista consecutiva. Na árvore do Catálogo. 44 . A caixa de diálogo Editar Classe pode ser acessada de três maneiras: Clicar com o botão direito sobre a Classe selecionada na árvore e selecionar Editar no menu suspenso. Editar a classe e clicar no botão OK para salvar e sair da caixa de diálogo. localize e selecione a primeira Classe que deseja excluir. Ou: 2. solicitando a confirmação da exclusão.PV4E User Manual – V6. As informações aparecerão na Área de Dados. movaos para outra classe ou exclua-os do banco de dados antes de tentar excluir a classe. 3. Na árvore do Catálogo. solicitando a confirmação da exclusão. Uma mensagem é exibida. Clicar nos botões OK ou Cancelar para prosseguir. Para uma lista não-consecutiva. Caso haja quaisquer itens listados na classe.

Os campos de informações para Itens específicos são variáveis e podem incluir etapas adicionais. é importante adicioná-los em uma ordem lógica. Clicar com o botão direito do mouse no Tipo de Item. Clicar nos botões OK ou Cancelar para prosseguir. Um Item pode ser adicionado a uma Classe existente. A Furukawa recomenda que os itens sejam adicionados à Árvore do Catálogo de acordo com essa ordem. Adicionando um Item Ao adicionar itens ao Catálogo. Classe ou Tipo Funcional selecionado e selecionar a função Adicionar Item no menu suspenso Ou: 2. Editar e Excluir Itens no Catálogo. eles estarão disponíveis em uma lista suspensa para uso em todos os itens do catálogo. O procedimento para adicionar um item ao Catálogo é basicamente o mesmo para todos os Itens. 2. Uma lista abrangente de Itens é instalada automaticamente no banco de dados durante a instalação do sistema. defina o Distribuidor ou fornecedor antes de definir o Conector. Selecione o Tipo de Item. Primeiramente.0 3. ao adicionar um Conector ao Catálogo.PV4E User Manual – V6. se você adicionar uma quantidade de Distribuidores. será necessário especificar o Distribuidor ou fornecedor do Conector. Classe ou Tipo Funcional ao qual deseja adicionar um Item. 45 . A caixa de diálogo Adicionar Item pode ser acessada de duas maneiras: 1. Clicar no botão Ação na Barra de Ferramentas do Catálogo e Selecionar Adicionar Classe Observação: A primeira opção será usada para descrever todos os processos de Adicionar neste capítulo de tópico. As Classes selecionadas serão excluídas da árvore do Catálogo e do banco de dados Adicionando. Editando e Excluindo Itens Itens podem ser adicionados ao Catálogo a qualquer momento. desde que não sejam referidos por um item de inventário em um Local específico. Ambas as opções abrirão a caixa de diálogo Adicionar/Editar Classe. ou um Item existente pode ser atribuído a uma Classe diferente. Para Adicionar um Item 1. Informações adicionadas ao primeiro item ficarão disponíveis em listas suspensas para itens posteriores. Por exemplo. Observação: Os Tipos de Itens do Catálogo são dispostos em ordem lógica. Por exemplo. A seção a seguir explica com detalhes como Adicionar. Esses Itens podem ser editados ou excluídos.

a Classe em que deseja adicionar um Item. 2.Exemplo de uma Tela Adicionar/Editar Item do Catálogo 3. 46 . Selecione. 1. Digite as informações relevantes para o item selecionado nas várias abas. Clique com o botão direito do mouse sobre a Classe selecionada e selecione a função Adicionar Item no menu suspenso.PV4E User Manual – V6.0 Figura 27 . Consulte Editar Itens para obter informações sobre as diferentes abas. Selecione OK ou outra das opções para prosseguir: Para Adicionar um Item a uma Classe Os Itens podem ser adicionados diretamente a uma Classe especificada na árvore do Catálogo. na árvore do Catálogo. 4.

0 3. clicando no botão Adicionar e preenchendo as informações necessárias para a nova classe. Selecione OK ou outra das opções para prosseguir: Para Adicionar um Item Existente a uma Classe É possível mudar a classe em que um item é listado. Neste exemplo. Selecione o Item específico na árvore do Catálogo. o Item "Fabricante Internacional de Comutadores" será movido da Classe "Equipamento Ativo" para "Fornecedores Abrangentes da Empresa" 1. Caso a classe específica não tenha sido definida. Clique no botão OK para retornar à janela Adicionar/Editar. Digite as informações relevantes para o novo item. 47 . isso pode ser feito agora.Adicionando uma Classe. Selecione a classe na qual deseja que o item seja listado clicando no botão e selecione uma classe da lista suspensa. 5.PV4E User Manual – V6. Botão Adicionar 4. Figura 28 .

Exemplo mostrando o Item em uma Classe diferente Editando um Item Um Item pode ser editado a qualquer momento. Figura 30 .PV4E User Manual – V6.Exemplo de um Item listado em uma Classe Específica 2. As informações aparecerão na Área de Dados. dependendo do Item selecionado. Caso a classe específica não tenha sido definida. isso pode ser feito agora. Na árvore do Catálogo. Selecione a Classe em que deseja que o Item seja listado clicando no botão e selecione uma classe da lista suspensa. Clique com o botão direito do mouse sobre o Item selecionado e selecione a função Editar no menu suspenso. clique sobre o Item que gostaria de editar. As abas disponíveis na caixa de diálogo irão variar. 3. Quando um Item for selecionado na árvore do Catálogo. clicando no botão Adicionar e preenchendo as informações necessárias para a nova classe. Clique no botão OK para sair desta caixa de diálogo. Para Editar um Item 1. A caixa de diálogo Editar Item pode ser acessada de três maneiras: 48 . 4. serão exibidas informações na Área de Dados. 2. Clique no botão OK para retornar à janela Adicionar/Editar.0 Figura 29 .

Clique com o botão direito do mouse sobre o Item na árvore do Catálogo e selecione a função Excluir no menu suspenso. segure a tecla <Alt> e selecione outro item na lista. Clique com o botão direito do mouse sobre a seleção e selecione a função Excluir no menu suspenso. > Para Excluir um Item 1. 2.0 1. Excluindo um Item Um Item pode ser excluído apenas se não for referido no inventário. Para uma lista consecutiva. Clicar no botão Excluir na Barra de Ferramentas do Catálogo. O Item selecionado será excluído da árvore do Catálogo e do banco de dados. Todos os itens entre esses dois serão selecionados. 4. Ou: 2. segure a tecla <Ctrl> e selecione os Itens individuais. 3. 2. Ou: 2. Edite as informações. O comando Excluir pode ser acessado de duas maneiras: 1. Clicar nos botões OK ou Cancelar para prosseguir. Ou: 2. O comando Excluir pode ser acessado de duas maneiras: 1. Ou: 3. Esta função permite a criação de um novo item usando todas as informações existentes de um Item existente e mudando apenas um dos parâmetros. > Para excluir uma seleção múltipla de Itens 1. Uma mensagem é exibida. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Classe será aberta. Clicar no botão Editar na Área de Informações dos Dados. 3. localize e selecione o primeiro Item que deseja excluir.PV4E User Manual – V6. 49 . Uma mensagem é exibida. Os Itens selecionados serão excluídos da árvore do Catálogo e do banco de dados. Clique no botão Salvar Como Novo para salvar a informação como um novo item. Na árvore do Catálogo. solicitando a confirmação da exclusão. Clicar com o botão direito sobre o Item selecionado na árvore e selecionar Editar no menu suspenso. Na árvore do Catálogo. Clicar no botão Excluir na Barra de Ferramentas do Catálogo. Clicar no botão Ação na Barra de Ferramentas do Catálogo e Editar. solicitando a confirmação da exclusão. 5. localize e selecione o Item que deseja excluir. Clicar nos botões OK ou Cancelar para prosseguir. Para uma lista não-consecutiva.

Digite a URL.PV4E User Manual – V6. clique no botão Adicionar na parte inferior (Opcional). Digite o nome do distribuidor.0 Adicionando Itens Específicos ao Catálogo Esta seção especifica como inserir novos itens de catálogo no catálogo. > Para Adicionar um Distribuidor 1.Usando os Botões Adicionar 5. clique com o botão direito do mouse sobre o Tipo de Item Distribuidor e em seguida selecione Adicionar Item no menu suspenso. Para inserir um Endereço para este item. 2. 4. Preencha o(s) endereço(s) da seguinte forma: 50 . Figura 31 . Na árvore do Catálogo. A seção apresenta itens representativos por tipo Adicionando um Distribuidor ao Catálogo Um Distribuidor é qualquer fonte da qual sejam comprados os Equipamentos de Hardware e Software usados em sua rede. 6. 3. Selecione uma Classe (opcional) se tiver sido anteriormente definida clicando no botão e selecionando uma classe na lista suspensa. Uma classe pode ser adicionada ao clicar no botão Adicionar e preenchendo as informações necessárias. se necessário.

10.PV4E User Manual – V6. clique na linha do endereço que deseja remover. Adicione as informações relevantes. Clique no botão Remover. > Para Adicionar um Item de Infraestrutura de Telecomunicações 1. consulte Atribuindo Ícones a um Item do Catálogo ou Classe. Para adicionar outro endereço para este Item. 2. clique com o botão direito do mouse no Tipo Funcional Cabo. Clique na aba Contato para adicionar mais informações a este Distribuidor (Opcional).Exemplo de um Item listado em uma Classe Adicionando Cabo (Cabo de Conexão/Horizontal e Vertical) ao Catálogo Os cabos são usados para conectar todos os componentes da rede. Selecione OK/Aplicar para finalizar o procedimento. Figura 33 . Clique em Adicionar Item no menu suspenso. 9. Para remover um endereço.Adicionando um Endereço 7. 51 . 8. clique no botão Adicionar. O indicador move-se para a linha do endereço ativo.0 Figura 32 . Na árvore do Catálogo. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Cabo do Catálogo será aberta. Para atribuir um novo ícone. 11. O indicador move-se para a linha do endereço ativo.

0 Figuae 34 . 4. 52 .PV4E User Manual – V6.Caixa de diálogo Adicionar/Editar Cabo do Catálogo 3. Digite as informações relevantes. Selecione a aba Extremidades para digitar as informações do Conector.

Selecione OK ou outra das opções para prosseguir: Adicionando um Cabo de Tronco ao Catálogo Os troncos são cabos agrupados. clique com o botão direito do mouse no Tipo Funcional Cabo Tronco.Aba Extremidades 5. clique com o botão direito do mouse no Tipo Funcional Cabo Tronco.0 Figura 35 . Na árvore do Catálogo. Consulte Atribuindo Ícones a um Item de Catálogo ou Classe. > Para adicionar um Cabo Tronco 1. Atribua um Ícone. 6. 53 .PV4E User Manual – V6. 2. Na árvore do Catálogo.

PV4E User Manual – V6. Selecione a aba Cabos para digitar as informações do feixe de cabos.0 Figura 36 .Caixa de diálogo Adicionar/Editar Cabo do Catálogo 3. Digite as informações relevantes. 54 . 4.

7. Para remover uma porta. Clique no botão Remover. O indicador move-se para a linha ativa. Clique com o botão direito do mouse em Percursos e selecione Adicionar Item no menu de contexto. Digite o nome e selecione uma das opções disponíveis nas janelas Classe e Catálogo clicando no botão .0 Figura 37 . clique na linha de informação relevante.PV4E User Manual – V6. A tela a seguir será aberta na aba Geral: 55 . Selecione OK ou outra das opções para prosseguir: Adicionando um Percurso ao Catálogo 1.Aba Extremidades 5. 6. Clique no botão Adicionar para inserir mais portas se necessário. 8.

PV4E User Manual – V6. Digite os seguintes detalhes Nome: Digite o nome Tipo Funcional: O percurso é inserido por padrão Classe: Use o menu suspenso para mudar a classe para conduíte ou pista. 2. Clique em Adicionar para adicionar um novo tipo de percurso Descrição Texto livre.0 Observação: Os campos de capacidade Máxima e Recomendada devem ser preenchidos a fim de adicionar um cabo a um percurso. Digite a descrição do percurso. Tipo de Material: Selecione entre plástico ou metal no menu suspenso 56 .

PV4E User Manual – V6. O Tipo de Item do Conector é dividido em dois Tipos Funcionais: Cobre Fibra Ótica 57 . Adicionando um Conector ao Catálogo Os conectores são adicionados ao Catálogo e em seguida são usados ao definir as portas para os seguintes tipos de Itens: Adaptadores Cabos Hardware de Conexão Equipamento Terminal Equipamentos Ativos. largura e comprimento do cabo. Aba Dimensões: Adicione altura.0 Capacidade Máxima A quantidade máxima de percursos que podem ser colocados em um percurso Recomendado Quantidade sugerida de percursos (definido pelo usuário) Nome do Distribuidor Selecione no menu suspenso. Clique em Adicionar para adicionar um novo Distribuidor.

Selecione entre N/A.0 Observação: O tipo cobre/fibra é usado para validar a conexão do link físico. clicando no botão de seleção. Macho ou Fêmea para o Tipo. 5. Caso seja relevante.: fibra não será conectada com cobre. Consulte Atribuindo Ícones a um Item de Catálogo ou Classe. Selecione OK ou outra das opções para prosseguir. 58 . clique com o botão direito do mouse sobre um Tipo Funcional de Conector. > Para adicionar um Conector 1. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Conector do Catálogo será aberta. Na árvore do Catálogo. Figura 38 . Digite as informações relevantes. Atribua um Ícone.: Cobre ou Fibra Ótica.PV4E User Manual – V6. digite a quantidade correta de contatos para Conectores. 7. ex.Caixa de diálogo Adicionar/Editar Cabo do Catálogo 3. Clique em Adicionar Item no menu suspenso. ex. 6. 2. 4.

Figura 39 . conheça a medição "U" de cada item. O Equipamento de Bastidor é dividido em cinco Tipos Funcionais: Gabinete Organizador de Cabo Gabinete Prateleira Espaçador Observação: Antes de adicionar equipamentos de bastidores ao Catálogo. Na árvore do Catálogo. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Equipamento de Bastidor do Catálogo será aberta. > Para adicionar Equipamentos de Bastidores 1.Caixa de diálogo Adicionar/Editar Equipamento de Bastidor do Catálogo 59 . bem como os equipamentos instalados neles. Clique em Adicionar Item no menu que aparecerá ao clicar com o botão direito. 2.PV4E User Manual – V6. clique com o botão direito do mouse no Tipo Funcional Equipamento de Bastidor. Equipamentos de bastidores incluem os bastidores/gabinetes propriamente ditos.0 Adicionando Equipamentos de Bastidores ao Catálogo Um bastidor é uma estrutura onde são abrigados equipamentos que gerenciam seu empreendimento.

Na árvore do Catálogo. ex. Atribua um Ícone. Consulte Atribuindo Ícones a um Item de Catálogo ou. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Software do Catálogo será aberta. 2. Adicionando Software ao Catálogo O software definido no Catálogo pode ser atribuído a qualquer Estação no Catálogo. 5. Clique em Adicionar Item no menu suspenso. Aplicativo SO > Para adicionar Software 1.0 3. O Tipo de Item do Software é dividido em dois Tipos Funcionais. Selecione OK ou outra das opções para prosseguir. especificamente o tamanho (U) do equipamento.: Aplicativo ou SO. Figura 40 .PV4E User Manual – V6. clique com o botão direito do mouse sobre um Tipo Funcional de Software. Digite as informações relevantes. 4.Caixa de diálogo Adicionar/Editar Cabo do Catálogo 60 .

Adicionando um Adaptador ao Catálogo Os adaptadores definidos no Catálogo podem ser atribuídos a qualquer Estação no Catálogo. Clique em Adicionar Item no menu suspenso. Os Adaptadores NIC possibilitam que as Estações se conectem à rede. consulte Atribuindo Ícones a um Item do Catálogo ou Classe. 2. Figura 41 . 4. Na árvore do Catálogo.PV4E User Manual – V6. Os adaptadores foram divididos em cinco Tipos Funcionais: NIC Modem KVM SCSI Monitor > Para adicionar um Adaptador 1. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Adaptador do Catálogo será aberta. Digite as informações relevantes.0 3. Para atribuir um novo ícone. Selecione OK ou outra das opções para prosseguir.Caixa de diálogo Adicionar/Editar Adaptador do Catálogo 61 . clique com o botão direito do mouse no Tipo Funcional Adaptador. 5.

O Equipamento Terminal é dividido em cinco Tipos Funcionais: Elas são: Telefone IP Dispositivo KVM Impressora Estação Telefone Telefone IP.0 3.PV4E User Manual – V6. Adicionando um Telefone IP ao Catálogo Telefones IP são telefones com recursos completos que proporcionam comunicação de voz sobre uma rede IP (Internet Protocol). 62 . A caixa de diálogo Adicionar/Editar Telefone IP do Catálogo será aberta. Impressoras e Estações são todos ligados aos comutadores pelos pontos de rede. Para atribuir um novo ícone. 2. Os Dispositivos KVM são conectados às Estações e precisam ser listados individualmente se for necessário um registro deles. 5. > Para adicionar um Telefone IP 1. Clique em Adicionar Item no menu suspenso. 4. Digite as informações relevantes. Os telefones são conectados aos PBXs. é necessário definir todos os Equipamentos Terminais no empreendimento. Na árvore do Catálogo. consulte Atribuindo Ícones a um Item do Catálogo ou Classe. Eles serão rastreados automaticamente pelo Módulo P-LET se links completos tiverem sido definidos. que atualmente não podem ser acessados pelo P-LET e portanto devem ser listados individualmente se for necessário um registro deles. Adicionando Equipamentos Terminais ao Catálogo A fim de garantir um sistema de gerenciamento de ponta a ponta. Selecione OK ou outra das opções para prosseguir. clique com o botão direito do mouse em Telefone IP. Somente será necessário definir o Telefone IP no catálogo se o P-LET não for usado. Apenas será necessário definir esses elementos individualmente se o seu sistema não estiver usando o Módulo de Descoberta.

0 Figura 42 . Atribua um Ícone. Digite as informações relevantes. 5.Caixa de diálogo Adicionar/Editar Telefone IP do Catálogo 3. Consulte Atribuindo Ícones a um Item de Catálogo ou Classe. 63 . Clique na aba Adaptadores (Opcional). 4.PV4E User Manual – V6.

7. Selecione uma das opções disponíveis nas janelas Tipo Funcional e Nome. Clique no botão Adicionar para inserir informações do adaptador. Para remover informações deste espaço. clique na linha de informação relevante. Selecione OK ou outra das opções para prosseguir. clicando no botão . 10. Para remover informações deste espaço. Selecione uma das opções disponíveis nas janelas Tipo Funcional e Nome. clicando no botão . Clique no botão Remover. se necessário. 64 . O indicador move-se para a linha ativa. 11. 14. Clique no botão Remover. 12. 9. Clique no botão Adicionar para inserir informações do software. Digite uma descrição. 8.0 Figura 43 . 13. Clique na aba Software (Opcional).PV4E User Manual – V6.Aba Adaptadores da Caixa de diálogo Adicionar/Editar Telefone IP do Catálogo 6. clique na linha de informação relevante. O indicador move-se para a linha ativa.

em Equipamento Terminal. Atribua um Ícone.Caixa de diálogo Adicionar/Editar Dispositivo KVM do Catálogo 3. Digite as informações relevantes. Na árvore do Catálogo. 65 .0 Adicionando um Dispositivo KVM ao Catálogo Um dispositivo KVM permite a conexão entre uma estação e um monitor. 5. Clique na aba Adaptadores (Opcional). Figura 44 .PV4E User Manual – V6. 2. Consulte Atribuindo Ícones a um Item de Catálogo ou Classe. 4. > Para adicionar um dispositivo KVM 1. clique com o botão direito do mouse em um dispositivo KVM. mesmo que a estação e o monitor estejam em locais diferentes. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Dispositivo KVM do Catálogo será aberta. Clique em Adicionar Item no menu que aparecerá ao clicar com o botão direito.

10. 9. 15. Select one of the options available in the Name window by clicking on the button. Para remover informações deste espaço.Aba Adaptadores da Caixa de diálogo Adicionar/Editar Dispositivo KVM do Catálogo 6.PV4E User Manual – V6. clique na linha de informação relevante. 14. Clique no botão Adicionar para inserir informações do adaptador.0 Figura 45 . Para remover informações deste espaço. Clique no botão Remover. Selecione um adaptador KVM na janela Tipo Funcional. 66 . O indicador move-se para a linha ativa. Selecione OK ou outra das opções para prosseguir. Digite uma descrição. 8. 11. 13. clicando no botão . 7. 12. Clique no botão Adicionar para inserir informações do software. Clique na aba Software (Opcional). Clique no botão Remover. se necessário. O indicador move-se para a linha ativa. clique na linha de informação relevante. Selecione uma das opções disponíveis nas janelas Tipo Funcional e Nome. clicando no botão .

> Para adicionar uma Impressora 1. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Impressora do Catálogo será aberta. ela será detectada automaticamente pelo P-LET. 5. 2. 67 . Clique na aba Adaptadores (Opcional). Somente será necessário definir a impressora no catálogo se o P-LET não for usado. Digite as informações relevantes.0 Adicionando uma Impressora ao Catálogo As impressoras que fazem parte da rede precisam ser definidas. Clique em Adicionar Item no menu suspenso. Atribua um Ícone. clique com o botão direito do mouse em Impressora. Consulte Atribuindo Ícones a um Item de Catálogo ou Classe. Na árvore do Catálogo. 4.PV4E User Manual – V6.Caixa de diálogo Adicionar/Editar Impressora do Catálogo 3. Figura 46 . Caso a impressora possua um endereço IP.

Para remover informações deste espaço. (Opcional) 7. 9. Digite uma descrição. clique na linha de informação relevante. Clique na aba Software. clicando no botão . Para remover informações deste espaço. 15.PV4E User Manual – V6. Selecione uma das opções disponíveis nas janelas Tipo Funcional e Nome. (Opcional). Clique no botão Remover. se necessário. clicando no botão .0 Figura 47 . 12.Aba Adaptadores da Caixa de diálogo Adicionar/Editar Impressora do Catálogo 6. se necessário. Selecione OK ou outra das opções para prosseguir. 13. O indicador move-se para a linha ativa. Clique no botão Remover. 10. Selecione uma das opções disponíveis nas janelas Tipo Funcional e Nome. 68 . 14. O indicador move-se para a linha ativa. 11. Clique no botão Adicionar para inserir informações do adaptador. Clique no botão Adicionar para inserir o software instalado na Impressora. Digite uma descrição. clique na linha de informação relevante. 8.

Clique em Adicionar Item no menu suspenso. Observação: Caso o P-LET esteja sendo usado. em Equipamento Terminal. clique com o botão direito do mouse em Estação.Caixa de diálogo Adicionar/Editar Estação do Catálogo 69 . Na árvore do Catálogo. todas as Estações da rede são localizadas automaticamente. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Estação do Catálogo será aberta. > Para adicionar uma Estação 1. Dica: Ao selecionar Adaptadores e Software para uma Estação. eles não aparecerão em suas respectivas listas para seleção. As Estações localizadas são incluídas no banco de dados. certifique-se de que os itens relevantes já tenham sido adicionados ao Catálogo. uma vez que ela será descoberta automaticamente pelo P-LET. não há necessidade de definir uma Estação no Catálogo. Em caso negativo. 2.PV4E User Manual – V6. Quando o PV4E executa o Módulo P-LET. Figura 48 .0 Adicionando uma Estação ao Catálogo Uma Estação refere-se a qualquer computador ou outro Equipamento de desktop usado na rede como estação de trabalho.

Clique na aba Adaptadores (Opcional). 4. Clique na aba Software (Opcional). 9. Digite uma descrição. Clique no botão Adicionar para inserir informações do adaptador.Aba Adaptadores da Caixa de diálogo Adicionar/Editar Estação do Catálogo 5. Selecione uma das opções disponíveis nas janelas Tipo Funcional e Nome. 8. clique na linha de informação relevante. clicando no botão . Atribua um Ícone. Figura 49 .PV4E User Manual – V6. Consulte Atribuindo Ícones a um Item de Catálogo ou Classe. O indicador move-se para a linha ativa. Para remover informações deste espaço. 7. 6. se necessário.0 3. Clique no botão Remover. 70 .

11. 2. O indicador move-se para a linha ativa. 15. Na árvore do Catálogo. Clique em Adicionar Item no menu suspenso. se necessário. se necessário. 13. 14. Selecione OK ou outra das opções para prosseguir.PV4E User Manual – V6.Aba Software da Caixa de diálogo Adicionar/Editar Catálogo da Estação 10.0 Figura 50 . Adicionando um Telefone ao Catálogo > Para adicionar um Telefone 1. em Equipamento Terminal. Para remover informações deste espaço. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Telefone do Catálogo será aberta. clique com o botão direito do mouse em Telefone. Clique no botão Remover. 12. 71 . Digite uma descrição. 3. clique na linha de informação relevante. Selecione uma das opções disponíveis nas janelas Tipo Funcional e Nome. clicando no botão . Digite uma descrição. Clique no botão Adicionar para inserir o software instalado na Estação.

PV4E User Manual – V6. 5.Caixa de diálogo Adicionar/Editar Telefone do Catálogo 4. 6. 72 . Consulte Atribuindo Ícones a um Item de Catálogo ou Classe. Digite as informações relevantes. Clique no botão Adicionar para inserir as informações necessárias. Atribua um Ícone.0 Figura 51 .

O indicador move-se para a linha ativa. Adicionando Equipamentos de Rede ao Catálogo A fim de garantir um sistema de gerenciamento de ponta a ponta. Digite o nome e selecione uma das opções disponíveis na janela Conector clicando no botão .0 Figura 52 . Selecione OK ou outra das opções para prosseguir.PV4E User Manual – V6.Aba Adicionar/Editar Portas do Telefone do Catálogo 7. Clique no botão Adicionar para inserir mais portas se necessário. Clique no botão Remover.0 no Tipo Funcional Comutadores. é necessário definir todos os Equipamentos de Rede no empreendimento. Para remover uma porta. Elas são: Comutadores PBXs Roteadores Hubs Os dispositivos foram pré-definidos pelo sistema PV4E Versão 6. 10. Os Equipamentos de Rede estão divididos em 4 Itens Funcionais. clique na linha de informação relevante. 73 . 9. Esses dispositivos são mais comumente usados pelo PV4E e portanto é desnecessário adicionar outros dispositivos. 8.

2.: sem suporte a SNMP). Clique em Adicionar Item no menu suspenso. Comutadores adicionais podem ser incluídos no banco de dados. o comutador pode ser definido no catálogo manualmente. Todos esses comutadores são compatíveis com o sistema PV4E e podem ser detectados pelo P-LET.PV4E User Manual – V6. Os comutadores podem ser compostos de um chassis e módulos. em Equipamento de Rede. > Para adicionar Comutadores ao Catálogo 1. clique com o botão direito do mouse em Tipo Funcional .ou em uma das Classes definidas para Comutadores. Figura 53 .Caixa de diálogo Adicionar/Editar Comutador do Catálogo 74 . No caso de comutadores não-gerenciados (ex.Comutador .0 Adicionando Comutadores ao Catálogo Uma lista abrangente de comutadores foi incluída no banco de dados. ele criará automaticamente os chassis e módulos no Catálogo. usando o endereço IP do Comutador. ao detectar um comutador suportado através da aba Manutenção. ou serem dispositivos independentes. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Comutador do Catálogo será aberta. Além disso. Na árvore do Catálogo.

Aba Adicionar/Editar Portas do Comutador do Catálogo 6. 7. Clique no botão Adicionar para inserir mais portas se necessário.0 3. 8. 9. Consulte Atribuindo Ícones a um Item de Catálogo ou Classe. Adicionando um PBX ao Catálogo O PV4E contém o módulo PBX que permite aos usuários mapear as informações de portas PBX com os dispositivos telefônicos associados. Figura 54 . Ao importar dados do PBX existente. Clique no botão Adicionar para inserir as informações necessárias. Digite o nome e selecione uma das opções disponíveis na janela Conector clicando no botão . 5. clique na linha de informação relevante. Embora o PV4E já possua alguns 75 . Para remover uma porta. pode haver campos adicionais no arquivo de descarga do PBX que você deseje importar para o PV4E. O indicador move-se para a linha ativa. Atribua um Ícone.PV4E User Manual – V6. 4. Selecione OK ou outra das opções para prosseguir. Clique no botão Remover. Digite as informações relevantes.

é possível obter informações básicas de conectividade como um dispositivo offline. A caixa de diálogo Adicionar/Editar PBX do Catálogo será aberta. 76 .Caixa de diálogo Adicionar/Editar PBX do Catálogo 4.0 parâmetros padrão. clique com o botão direito do mouse em PBX. Clique na aba Portas para inserir as Portas para o Comutador. Atribua um Ícone. Caso você não esteja licenciado para usar o módulo PBX. 5. em Equipamento de Rede. Consulte Atribuindo Ícones a um Item de Catálogo ou Classe. Digite as informações relevantes. você pode desejar incluir parâmetros adicionais conforme necessário.PV4E User Manual – V6. 6. 2. Figura 55 . Clique em Adicionar Item no menu suspenso. A aba Portas é aberta mostrando as informações das Portas. 3. > Para adicionar um PBX 1. Na árvore do Catálogo.

ISDN ou Outro) e selecione uma das opções disponíveis na janela Conector. Clique no botão Remover. 77 . selecione o tipo de serviço (POTS. Clique na aba Campos Adicionais para permitir a importação de campos adicionais para o PBX selecionado.PV4E User Manual – V6.0 Figura 56 . Digite a ID da porta. Para remover uma porta. 8. clicando no botão .Aba Adicionar/Editar Portas do PBX do Catálogo 7. O indicador move-se para a linha ativa. Clique no botão Adicionar para inserir mais portas se necessário. clique na linha de informação relevante. A aba Campos Adicionais é aberta exibindo as informações necessárias. 9. 10.

Clique no botão Adicionar para inserir mais portas se necessário. > Adicionando um Roteador ao Catálogo 1. em Equipamento de Rede. 14. Digite o Nome do Campo e o Valor Padrão para o campo. 13. Um valor padrão é inserido no banco de dados do PV4E quando não há valor para uma porta de comutador na descarga do PBX. clique na linha de informação relevante. O valor padrão é opcional.Aba Adicionar/Editar Campos Adicionais do PBX do Catálogo 11. clique com o botão direito do mouse em Roteador. uma vez que eles não são definidos automaticamente pelo P-LET. Selecione OK ou outra das opções para prosseguir. Na árvore do Catálogo. incluindo pontos de presença da Internet. 12. O indicador move-se para a linha ativa.0 Figura 57 . Quando nenhum valor é especificado. 15.PV4E User Manual – V6. Roteadores devem ser definidos no Catálogo. Um roteador costuma ser incluído como parte de um comutador de rede. Clique no botão Remover. Clique no botão Adicionar. o valor para aquela porta do comutador é deixado em branco. Para remover uma porta. caso exista. Adicionando um Roteador ao Catálogo Um roteador é localizado em qualquer gateway (onde uma rede encontra outra). 78 .

4. Figura 58 . Atribua um Ícone. 5. Clique em Adicionar Item no menu suspenso.PV4E User Manual – V6.0 2. Consulte Atribuindo Ícones a um Item de Catálogo ou Classe.Caixa de diálogo Adicionar/Editar Roteador do Catálogo 3. Digite as informações relevantes. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Roteador do Catálogo será aberta. Clique na aba Portas para inserir as Portas para o Roteador 79 .

8. em Equipamento de Rede.0 Figura 59 . Clique no botão Remover. Na árvore do Catálogo. clique com o botão direito do mouse em Hub.Aba Adicionar/Editar Portas do Roteador do Catálogo 6. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Hub do Catálogo será aberta.PV4E User Manual – V6. O indicador move-se para a linha ativa. Adicionando um Hub ao Catálogo > Para adicionar um Hub ao Catálogo 1. 2. Selecione OK ou outra das opções para prosseguir. clique na linha de informação relevante. Clique no botão Adicionar para inserir mais portas se necessário. 80 . Clique em Adicionar Item no menu suspenso. 7. Digite o nome e selecione uma das opções disponíveis na janela Conector clicando no botão . 9. Para remover uma porta.

Clique na aba Portas para inserir as Portas para o Hub. Atribua um Ícone.Caixa de diálogo Adicionar/Editar Hub do Catálogo 3.0 Figura 60 .PV4E User Manual – V6. 4. 5. Consulte Atribuindo Ícones a um Item de Catálogo ou Classe. Digite as informações relevantes.Aba Adicionar/Editar Portas do Hub do Catálogo 81 . Figura 61 .

0 6. Digite o nome e selecione uma das opções disponíveis na janela Conector clicando no botão . clique na linha de informação relevante. O move-se para a linha ativa. 7. 82 . Para remover uma porta. 8. indicador 9. Clique no botão Adicionar para inserir mais portas se necessário. Clique no botão Remover.PV4E User Manual – V6. Selecione OK ou outra das opções para prosseguir.

Extensores cumulativos a partir das Portas DOWN LINK do Master possibilitam isto. O Equipamento PVMax necessários para operar o Sistema PatchView da Furukawa consiste nos seguintes componentes: Masters Extensores Extensores Master Scanners Scanner Local Controle PVMax.PV4E User Manual – V6. Ele inclui todas as capacidades e os recursos do Master PVMax e do Extensor PVMax. O Master controla todos os Scanners PVMax subjacentes. O Master está sempre no topo da hierarquia e tem a capacidade de visualizar o sistema inteiro. incluindo Controle de Indicador Controle de Segurança Mesa de Controle Master O Master do PVMax gerencia a camada física da rede. Scanner Os Scanners PVMax são conectados aos Painéis de Conexões SMART com os Cabos de Acoplamento de Scanners. Extensor Master O Extensor Master do PVMax é uma combinação entre o Master PVMax e o Extensor PVMax.0 Adicionando Equipamentos PVMax ao Catálogo Observação: Uma vez que estes componentes são essenciais para administrar seu Empreendimento. Os Scanners PVMax monitoram todas as portas desses painéis. gerenciando o algoritmo de varredura. 83 . eles são incluídos no banco de dados durante o processo de instalação. Extensor O Extensor PVMax é usado para expandir as capacidades do Master. Cada Porta DOWN LINK de um Master é conectada ao Extensor Nível 1 de uma instalação.

painéis de conexões e módulos de conectividade. Uma lista abrangente de pontos de rede foi incluída no banco de dados. Os Scanners Locais fazem varredura e processamento das informações de conectividade física dos painéis e enviam essas informações pela rede ao servidor do PV4E. Ele é usado unicamente para ativar os Indicadores de Bastidores. etc. interruptores de portas e ventiladores podem ser conectados fisicamente ao sistema PatchView usando o Controle de Segurança PVMax.PV4E User Manual – V6. Ele é conectado diretamente à rede e é capaz de monitorar até 144 portas (até 6 painéis). o técnico é orientado através do processo de conexão e desconexão dos cabos para completar os links definidos no sistema. 84 . Sensores de temperatura. Mesa de Controle A Mesa de Controle PVMax é conectada a um Scanner PVMax através da Porta da Mesa de Controle. Adicionando um Ponto de Rede ao Catálogo Um Ponto de Rede é um dispositivo de conexão na área de trabalho. inundações. Controle de Indicador O Controle de Indicador PVMax é um sub-conjunto do Controle de Segurança PVMax e funciona de maneira independente quando conectado a um Master. e dispositivos remotos. Adicionando Hardware de Conexão ao Catálogo O hardware de conexão refere-se a itens como pontos de comunicação. Controles PVMax Controle de Segurança O Controle de Segurança PVMax habilita o controle de vários sensores e dispositivos controlados remotamente da Estação de Gerenciamento do PatchView. umidade. Extensor ou Extensor Master PVMax. Com o uso da Mesa de Controle. como indicadores de bastidores. Uma lista abrangente de Hardware de Conexão é incluída no banco de dados e itens adicionais podem ser incluídos no Catálogo.0 Scanner Local O Scanner Local PVMax é um dispositivo independente que gerencia a camada física da rede. Eles podem ser de cobre ou fibra ótica. travas de portas.

Clique em Adicionar Item no menu suspenso.PV4E User Manual – V6. Clique na aba Portas para definir as Portas dianteiras e traseiras do Ponto de Rede.Caixa de diálogo Adicionar/Editar Ponto de Rede do Catálogo 3. > Para adicionar um Ponto de Rede ao Catálogo 1. Na árvore do Catálogo. 85 . 5. 4. Atribua um Ícone. Figura 62 . A caixa de diálogo Adicionar/Editar Ponto de Rede do Catálogo será aberta. clique com o botão direito do mouse em Ponto de Rede. 2.0 Pontos de rede adicionais podem ser incluídos no banco de dados. Consulte Atribuindo Ícones a um Item de Catálogo ou Classe. Digite as informações relevantes.

Todos esses painéis são compatíveis com o sistema PV4E. Painéis adicionais podem ser adicionados ao banco de dados. embora possam não ser suportados pelo PatchView. clique com o botão direito do mouse em Painel. 9. Para remover uma porta. 10. 8. Na árvore do Catálogo. Adicionando um Painel ao Catálogo Uma lista abrangente de painéis foi incluída no banco de dados. > Para adicionar um Painel ao Catálogo 1.Aba Adicionar/Editar Portas do Hub do Catálogo 6. Selecione OK ou outra das opções para prosseguir.PV4E User Manual – V6. 7. O indicador move-se para a linha ativa. Clique no botão Adicionar para inserir mais portas se necessário. Clique no botão Remover. 86 . clique na linha de informação relevante. 2.0 Figura 63 . A caixa de diálogo Adicionar/Editar Painel do Catálogo será aberta. Digite o nome para as portas dianteira e traseira. Clique em Adicionar Item no menu suspenso. Digite o nome e selecione uma das opções disponíveis na janela Conector clicando no botão .

Para atribuir um novo ícone. 87 . 4.0 Figura 64 . consulte Atribuindo Ícones a um Item do Catálogo. Clique na aba Portas para definir as Portas dianteiras e traseiras do Dispositivo de Rede Específico. Digite as informações relevantes. 5.PV4E User Manual – V6.Caixa de diálogo Adicionar/Editar Painel do Catálogo 3. Observação: As portas para itens de Hardware de Conexão são incluídas no banco de dados e aparecem automaticamente para um item selecionado.

controles.Aba Adicionar/Editar Portas do Painel do Catálogo 6. etc. 9. Digite o nome e selecione uma das opções disponíveis na janela Conector clicando no botão .0 Figura 65 . Adicionando Equipamentos de Data Center ao Catálogo Equipamentos de data center são itens como sensores ambientais. Para remover uma porta. Selecione OK ou outra das opções para prosseguir: Adicionando um Painel ao Catálogo Consulte o Capítulo 10 . Uma lista básica de Equipamentos de Data Center é incluída no banco de dados e itens adicionais podem ser incluídos no Catálogo. clique na linha de informação relevante.Servidores Blade. O indicador move-se para a linha ativa. 7.PV4E User Manual – V6. o Controle Ambiental. Clique no botão Remover. Clique no botão Adicionar para inserir mais portas se necessário. Esse tipo atualmente possui um único tipo funcional. 8. 88 .

2. Consulte Atribuindo Ícones a um Item de Catálogo ou Classe. Digite as informações relevantes. Atribua um Ícone. Clique na aba Portas para inserir as Portas para o controle ambiental. Figura 66 . clique com o botão direito do mouse em Controle Ambiental. 89 . > Para adicionar um Controle Ambiental ao Catálogo 1.0 Adicionando um Controle Ambiental ao Catálogo Um Controle Ambiental é um hub que agrega informações de diversos sensores ambientais. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Ponto de Rede do Catálogo será aberta. Controles Ambientais adicionais podem ser incluídos no banco de dados.PV4E User Manual – V6. 5. 4. Clique em Adicionar Item no menu suspenso. Na árvore do Catálogo.Caixa de diálogo Adicionar/Editar Ponto de Rede do Catálogo 3.

Clique no botão Remover. Esses ícones não podem ser excluídos do banco de dados. 12. Para remover uma porta. Ao criar classes para um tipo de Item. 11. classe ou item de Inventário. 13. O indicador move-se para a linha ativa.PV4E User Manual – V6. clique na linha de informação relevante.gif adicionais para usar como ícones. É possível mudar os ícones padrão para cada tipo de Item. ele também herda o ícone padrão. Clique no botão Adicionar para inserir mais portas se necessário.0 Figura 67 . Digite o nome e selecione uma das opções disponíveis na janela Conector clicando no botão . 90 . Ao adicionar um item ao Catálogo.Aba Adicionar/Editar Portas do Controle ambiental do Catálogo 10. essas classes possuem o ícone atribuído. Selecione OK ou outra das opções para prosseguir Usando Ícones O PV4E atribui um ícone padrão a cada tipo de Item de Catálogo a fim de facilitar a identificação de itens. O PV4E permite a importação de arquivos *.

2. um módulo foi adicionado ao Tipo de Item Comutadores no catálogo. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Comutador do Catálogo será aberta. Clique em Editar Função no menu suspenso.Caixa de diálogo Adicionar/Editar Comutador do Catálogo 3. O sistema alocou o Ícone de Comutador. 91 . A caixa de diálogo Lista de Ícones é aberta. clique com o botão direito do mouse sobre a classe ou o ícone selecionado. 1. que precisa ser mudado.PV4E User Manual – V6. Figura 68 . Na árvore do Catálogo. Dê um clique duplo no ícone.0 Atribuindo Ícones a um Item de Catálogo ou Classe > Para atribuir ou mudar um ícone Neste exemplo.

PV4E User Manual – V6. O indicador move-se para o ícone selecionado. Na Lista de Ícones.0 Figura 69 . Clique no botão OK para retornar à janela Adicionar/Editar.Caixa de diálogo de Lista de Ícones 4. localize e selecione o ícone desejado. 5. 92 .

Novo Ícone Adicionado 6. 93 .PV4E User Manual – V6. Clique no botão OK para sair desta caixa de diálogo.0 Figura 70 .

é necessário definir uma rede de locais. que é um sistema complexo de redes. grupos e usuários/proprietários individuais em seu Empreendimento As Árvores Local. que representa todos os departamentos. que representa a estrutura hierárquica da ordem lógica dos Equipamentos de Rede em um empreendimento. A Árvore Usuários. e como referir-se aos Itens que foram definidos no Catálogo. Eles são definidos e armazenados no banco de dados do Projeto. Qualquer estrutura de local que seja adequada para as necessidades de seu projeto pode ser definida. Por exemplo. Definir o local físico é a primeira etapa na Definição de um Projeto. das salas. Vocês ocupam dois andares do edifício #1 e três andares do edifício #2.0 Capítulo 5 . etc. Esta seção orienta o usuário pelos processos de definição dos locais e atribuição dos Itens necessários para definir um projeto. que é dividido em três seções: A Árvore Local. Isso é feito na Árvore Local.Visão Geral O PV4E é projetado especificamente para gerenciar o seu empreendimento. e não há um limite para a quantidade de níveis. Essa rede é composta por Componentes de Hardware. Da mesma forma que os componentes da rede são definidos no Catálogo. dos andares. Topologia e Usuário são encontradas no Módulo de Manutenção do PV4E. Software e Conexão.PV4E User Manual – V6. 94 .Definindo Projetos Definindo Projetos . do item mais geral ao mais específico. que representa a estrutura hierárquica da localização física do empreendimento e todos os ativos nos locais A Árvore Topologia. É possível definir a hierarquia de local da seguinte forma: Nome da Empresa: Cidade: Nova Iorque Edifício #1 Andar 1 Andar 2 Edifício #2 Andar 1 Andar 2 Andar 3 É possível continuar a definir níveis inferiores para salas individuais. você aprenderá como defini ar o local físico real do edifício. Os locais definidos aparecem na árvore de Local. Locais são definidos em ordem hierárquica. Nesta seção. suponha que sua empresa esteja localizada em dois edifícios separados em Nova Iorque.

PV4E User Manual – V6. Uma opção está disponível para alocar Equipamentos Terminais ao Usuário ao adicionar itens ao Local. Itens e classes podem ser adicionados. até que sejam alocados a um local específico. editados ou excluídos diretamente das Árvores Local e Topologia sem a necessidade de entrar novamente no Catálogo. Itens Específicos podem ser definidos e armazenados na pasta Sem Local da Árvore Local. Independente do tamanho do projeto. Ela define como o Hardware de Conexão é conectado ao PatchView e aos Equipamentos de Rede. Um projeto pode ser um campus abrangendo diversos edifícios ou pode estender-se por países. andar e salas de cada andar. os Itens de Rede que foram definidos no Catálogo podem ser referidos e atribuídos a um Local específico na Árvore Local. Esta seção define a hierarquia lógica dos Equipamentos de Rede. Diferentes tipos de instalações são definidos. 95 . Equipamentos e Usuários Específicos.0 Uma vez que os locais físicos tenham sido definidos. esse ícone exclusivo usa seu item do Catálogo como referência. Todos os Usuários do sistema são definidos na Árvore Usuário. Será necessário especificar cada edifício. cada local e sub-local deve ser definido para que o PV4E funcione de forma eficiente. Desta forma. um múltiplo do mesmo item de rede pode ser alocado a locais específicos. Não há limites para a quantidade de locais que podem ser definidos. A segunda etapa na Definição de um Projeto é posicionar os Itens de Rede na Árvore Topologia de acordo com sua ordem lógica na Sala de Comunicações e nos bastidores individuais. Dica: Um recurso de Busca está disponível para ajudar a encontrar Itens. Deve-se notar que quando um ícone é alocado a um local.

CAD Lista dos números das salas Quantidade de pontos em cada sala Salas de comunicação e seus conteúdos: bastidores. v2c ou v3) habilitado para a descoberta do P-LET. Uma vez que a Árvore Local é organizada de forma lógica. roteadores) Tipos de Comutadores Endereços IP dos Comutadores Nome de comunidade da Leitura dos Comutadores Tipos de Roteadores Endereço IP do gateway/roteador padrão Nome de comunidade da Leitura dos Roteadores Parâmetros do servidor DNS Parâmetros do servidor WINS Observação: Os Comutadores e Roteadores devem ter SNMP (v1. Definindo a Topologia da rede usando as informações que foram digitadas na Árvore Local. é essencial que todas as informações relevantes estejam disponíveis. A fim de concluir essa seção. serão necessários mapas da instalação ou desenhos similares do layout dos edifícios e andares.PV4E User Manual – V6. 96 . O servidor PV4E deve ser incluído na lista de Acesso para todos os comutadores e roteadores varridos pelo P-LET. Segue abaixo uma lista dos itens e informações exigidos: Mapa da instalação Um mapa da instalação dos edifícios e andares ex. Informações da Rede serão necessárias. O Capítulo Definindo Projetos é dividido em três seções: Definindo e nomeando os Locais dentro da árvore Local. Itens podem ser atribuídos diretamente na árvore Topologia se for necessário. Segue uma lista abrangente. certas informações são necessárias. painéis de conexão e equipamentos Informações da Rede Desenho esquemático da topologia de rede ativa (comutadores. A fim de concluir essa seção.0 Planejando o Projeto A fim de definir um projeto de forma precisa. Atribuindo Itens que foram definidos no Catálogo ao seus locais específicos.

Seção de propriedades de itens Os dados são mudados para refletir as informações do item selecionado na árvore. Itens Adicionais Quaisquer itens adicionais exigidos pela Organização no banco de dados que não estejam incluídos nas configurações padrão Informações do PatchView Locais de todos os Masters PVMax. salas de comunicações. também poderá ser necessário: Conectividade de todos os scanners Satélite ao scanner Master. bastidores e escadas nos bastidores Conectividade de todos os scanners PVMax com os Extensores e todos os Extensores com os Masters Hardware PV (Versão Anterior) Caso possua hardware de versão mais antiga ou PV. detalhando andares. Extensores e Extensores Master. 97 . Elas são: Árvore Local Todos os Locais e Itens que foram alocados a um local podem ser acessados através desta árvore.PV4E User Manual – V6.0 Lista de conectividade Lista de conexões das portas do painel de conexão para as portas dos pontos Lista de conexões das portas do painel de conexão para as portas dos comutadores Lista de conexões de telefones para portas dos pontos Lista de quaisquer outros dispositivos que não possuam uma placa de interface de rede e sua conectividade com a infraestrutura Convenções de nomes As convenções de nomes da Organização para todas as entidades. Scanners PVMax. A tela Local é dividida em três janelas. começando com Campus até as portas dos pontos Observação: As convenções dos nomes devem ser o mais curtas possível com as informações exigidas. IP de todos os scanners Master Nome da Comunidade Número de série de todos os Scanners Satélites Janela Local Local é parte do Módulo de Manutenção do PV4E. detalhando o backbone Interno e as conexões de barramento Local Conectividade de todos os painéis de conexão aos números dos conectores dos Scanners Master e Satélites.

selecione e clique em Manutenção na Barra do Menu Superior. Sem Local Sem Local é usado para armazenar uma lista de Itens que estão no inventário do banco de dados mas ainda não foram atribuídos a um local específico. A tela Manutenção com a Árvore Local será aberta.Tela Manutenção com a Árvore Local Definindo a Árvore Local A Árvore Local é dividida em duas seções/pastas. Figura 71 . Elas são: Local Locais (edifícios.PV4E User Manual – V6. Os Itens em seguida são atribuídos a um local físico específico. etc. Para abrir a árvore local a partir de outro módulo. A seção a seguir o orientará pelo processo de definir a árvore local como se fosse para uma empresa. O padrão do sistema do PV4E é abrir o Módulo de Manutenção com a Árvore Local visível imediatamente ao iniciar a sessão. salas.) são definidos. 98 . > Para abrir a Janela Local 1.0 Seção de Registro de Eventos Esta visualização lista todas as atividades que ocorrem na Rede.

0 Os exemplos usados baseiam-se em um empreendimento de exemplo. Observação: Itens e Classes que não tenham sido definidos no Catálogo podem ser adicionados ao Catálogo diretamente a partir da árvore Local.PV4E User Manual – V6. Nomeando Locais e Itens na Árvore Local Todos os Locais e Itens adicionados ou atribuídos a um Local específico devem ter um nome ou ID exclusivo. O método para nomear unidades únicas é o mesmo usado nos Itens do Catálogo. Esses recursos são usados da seguinte forma: Botão Nomeação Automática Duplicar Para. uma mesa tripla. Nomeia automaticamente novos Locais múltiplos em uma sequência pré-definida.. na página 105.. é possível instruir o PatchView for the 99 . Caso o empreendimento seja um Data Center. O campo de ID do local individual permite um máximo de 50 caracteres. O primeiro andar do edifício A será definido detalhadamente. uma mesa simples. uma sala com 10 mesas e uma sala de comunicações. Duplica Locais existente. com cinco andares cada. Observação: O número máximo de caracteres permitidos no nome do caminho é 255. será necessário definir o nome de cada empresa no primeiro nível da árvore hierárquica. contudo. Os locais podem ser Nomeados Automaticamente ou Locais ou Itens Duplicados podem ser criados. Exemplos detalhados podem ser vistos em Adicionando um Local de Primeiro Nível. Ele contém uma recepção. Até 1000 entradas podem ser definidas em um único procedimento de Nomeação Automática. caso você possua 10 painéis de conexão. um mapa similar do layout dos edifícios e do andar será o suficiente. Cada caixa de diálogo Adicionar/Editar possui um botão Adicionar próximo dos campos Classe e Nome do Catálogo. Essa é a some cumulativa dos nomes de ID do local e do sub-local. Recurso de Nomeação Automática Quando é necessário adicionar muitos Locais e Itens semelhantes na árvore Local. que gerencia redes para diversas outras empresas. Por exemplo. Um CAD deste andar será usado. Eles podem ser adicionados ou atribuídos em unidades únicas ou múltiplas. O ID é limitado a 50 caracteres alfanuméricos. usando o recurso de Nomeação Automática. localizado em dois edifícios. é possível usar a Nomeação Automática para criar e nomear automaticamente os itens em uma sequência prédefinida.

. A Janela Nomeação Automática A janela Nomeação Automática pode ser acessada quando um Local ou Item é adicionado ou editado. PP2..0 Enterprise a nomear cada painel de conexão seqüencialmente com PP1.Botão de Nomeação Automática na Janela Painel 2.PV4E User Manual – V6. > Para abrir a Janela de Nomeação Automática 1. Clique no botão Nomeação Automática. O limite de 50 caracteres alfanuméricos aplica-se ao total de letras/números nos três campos. 100 . PP10. A caixa de diálogo Nomeação Automática será aberta. Observação: A caixa de diálogo de Nomeação Automática possui três campos de texto. Figura 72 . Abra uma caixa de diálogo Adicionar/Editar na Árvore Local ou na Árvore Topologia.

Neste exemplo.) No segundo campo Texto.PV4E User Manual – V6. o campo é mantido como um. um espaço será inserido entre a palavra S Scanner e número no estágio final da Nomeação Automática. No campo Etapa. No campo Nº de itens. pressione a barra de espaço uma vez. pressione a barra de espaço para deixar um espaço entre o último caractere do campo de texto anterior e a palavra Painel. Selecione e Clique no botão Teste. ex. que é 01. digite o número do PVMax. Existe uma segunda opção que pode ser usada. digite o número do PVMax. preencha o terceiro campo de Texto.Caixa de diálogo Nomeação Automática O exemplo a seguir é baseado na Nomeação Automática de 64 painéis conectados a um Scanner PVMax. Clique no botão e selecione o Tipo 'para' no rótulo real exigido. Dessa forma. No campo De. No campo Nº de itens. que é 01.0 Figura 73 . ex: 05. digite 64. 101 . digite 1. Escreva a palavra Painel seguida por um espaço. deixe o incremento padrão como 1 ou mude para o incremento desejado usando os botões para cima e para baixo. No campo Etapa. No campo De. No primeiro campo Texto digite o Scanner PVMax. Dica: Após digitar Scanner PVMax. Caso necessário. deixe o incremento padrão como 1 ou mude para o incremento desejado usando os botões .: S Scanner 01. (Não aplicável neste exemplo. Neste exemplo. o campo é mantido como um.

0 O sistema gera uma simulação da Nomeação Automática que foi formatada. Figura 75 . Figura 74 . Selecione o botão OK ou uma das outras opções para continuar.Caixa de diálogo Adicionar/Editar Local Adicione a Descrição (opcional). Para sair desta caixa de diálogo sem quaisquer alterações. ou no botão Limpar se a lista estiver incorreta.PV4E User Manual – V6.Janela de Simulação da Nomeação Automática Selecione e clique no botão Aplicar para aplicar a Nomeação Automática de diversos andares. A caixa de diálogo de Nomeação Automática será fechada e retornará à caixa de diálogo Adicionar/Editar local. 102 . clique no botão Close.

sem modificar nomes de portas. Permaneça na árvore local. clique com o botão direito do mouse em um painel e selecione Duplicar no menu de contexto: Figura 76 – Caixa de diálogo Nomeação Automática da árvore Local A tela Nomeação Automática. a seguir. por padrão: 103 . Modelo 2 .0 Clique no botão Atualizar após a mensagem 'Lote Concluído com Sucesso' aparecer no Registro de Eventos. 1.duplica as entidades da forma que estão.PV4E User Manual – V6. é aberta na aba Modelo 1. mas oferece a opção de renomear as portas.Básico Usado para criar novos itens . > Modelo 1 .os nomes de portas mantém os valores padrão. Exemplos de Nomeação Automática Existem duas opções de modelos disponíveis ao usar a função de Nomeação Automática: Modelo 1 .duplica as entidades.

Este valor é dinâmico. No campo Nº de itens. Observe os campos de Texto são estáticos. os valores gerados serão 'A'. a cadeia resultante será: 5 x 10 x 5 = 250. e o campo número de itens criados for 5. 109). O propósito deste campo é definir como o valor definido no campo De será aumentado. a seguinte fórmula será exibida no campo Prévisualização. o que significa que os nomes gerados terão valores diferentes No campo Etapa. use os botões . Painel . insira o número de itens usando os botões Veja o exemplo a seguir: . 'C'.Nº de Itens 5 Linha – De B – Etapa 1 – Nº de Itens 10 A cadeia resultante é baseada nos números inseridos no campo Número de itens a criar. O exemplo a seguir é baseado no exemplo acima (ver fig. ‘A’ foi usado no exemplo acima. clique em Aplicar. o que significa que o texto digitado aparecerá em todos os nomes gerados. Por exemplo. se o valor definido no campo De for 'A' e a etapa estiver definida para 2. No campo Texto. Após clicar em Testar.modelo 2 2. etc. 5.Etapa 3 . A tela Pré-visualização exibe as informações. Se a terceira linha for preenchida.PV4E User Manual – V6. Para mudar. o incremento padrão é 1. O resto dos campos são dinâmicos e mudarão de acordo com os critérios definidos No campo De digite o valor inicial. 5 x 10 = 50. digite o nome do painel. Por exemplo.0 Figura 77 – Caixa de diálogo Nomeação Automática . Em seguida. O número no primeiro campo é multiplicado pelo número no segundo campo e assim por diante.De A . Clique em Testar para verificar os resultados. 'E'. 104 . 4. 3.

PV4E User Manual – V6.0 Figura 78 – Caixa de diálogo Nomeação Automática .modelo 1 105 .

No campo Texto. clique em Aplicar. 2. selecione uma porta e clique nela com o botão direito do mouse. No campo De. A seguinte tela Nomeação Automática será atualizada: 106 . A seguinte tela de Nomeação Automática será aberta: Figura 79 – Caixa de diálogo Nomeação Automática . 108). Na árvore local. 5.. digite o número do painel. bem como renomear portas.PV4E User Manual – V6. Em seguida. O Modelo 2 possui um formato específico e é usado apenas para criar painéis de acordo com o número de portas. Clique em Exemplo para visualizar um modelo preenchido. digite o nome 4.modelo 2 3.0 Modelo 2 1. Clique em Testar para verificar os resultados. Selecione Duplicar no menu de contexto (vide fig.

0 Figura 80 – Caixa de diálogo Nomeação Automática . Por exemplo. por exemplo. um edifício pode ser inserido diretamente em País.PV4E User Manual – V6. seria possível usar.A Janela do Menu Suspenso de Local A seguir estão os Tipos de Local padrão e seus Ícones. Adicionar Outro é usado para um Tipo de Local que não esteja listado como uma opção. deve-se notar que qualquer Tipo de Local pode ser selecionado e inserido em um Local Pai específico.modelo 2 Tipos de Local Os Tipos de Local no menu suspenso estão na ordem da estrutura hierárquica recomendada. O exemplo neste Manual do Usuário usa Outro como o local de primeiro nível. Porém. Figura 81 . Uma vez que é possível usar qualquer Tipo de Local em qualquer nível da árvore Hierárquica. o tipo Outro como o nome da Empresa. 107 .

Portanto. No caso de locais múltiplos serem adicionados à árvore local. se você definir "edifício 1" e desejar adicionar locais de andares. um recurso de Nomeação Automática está disponível. Isso possibilita a fácil adição de outros pais na Árvore Local. Esses Locais podem ser excluídos. Editando e Excluindo um Local Um Local pode ser adicionado na Árvore de Local e editado a qualquer momento. desde que não haja outros Locais listados neles nessa árvore e nenhum Item tenha sido colocado neles. Por exemplo. ela torna-se o local pai e todos os outros locais listados nela são parte deste ramo da árvore. Este processo deve ser repetido para todos os níveis da forma que a Árvore Local for definida. você deverá clicar com o botão direito do mouse em "edifício 1" e então clicar em Novo para adicionar um andar em "edifício 1".PV4E User Manual – V6. ao adicionar um local à árvore. Ao adicionar o local de primeiro nível à árvore. Adicionando. 108 . como o nível "Local Pai". é aconselhável que o nível pai tenha o nome da empresa. a nova entrada aparece em um nível hierárquico abaixo do nível selecionado. Como padrão. O nível selecionado aparece na caixa de diálogo Adicionar/Editar Local.0 Tipo de Item País Icone Cidade Edifício Andar Sala Cubículo Outro Observação: Tipos de Locais Adicionais podem ser incluídos.

A caixa de diálogo Adicionar/Editar Local será aberta. Caso haja mais de um item atribuído à condição relevante.PV4E User Manual – V6. Clique com o botão direito do mouse no Local selecionado na árvore Local. O menu suspenso Adicionar Local aparecerá em ambas opções. Figura 82 . clique com o botão direito do mouse sobre o local para visualizar todos os itens localizados nele.Janela do Menu Suspenso Adicionar Local 4. As seções a seguir explicam em detalhes como Adicionar. A caixa de diálogo Adicionar Local pode ser acessada de duas maneiras: 2. Adicionando um Local de Primeiro Nível > Para Adicionar um Local de Primeiro Nível 1. Selecione e clique no Tipo de Local que gostaria de definir. Todos os Itens atribuídos a um Local podem ser acessados a partir da Árvore Local. Ou: 3. Editar e Excluir Locais para o 1º nível e níveis posteriores da Árvore Local. bem como adicionar novos itens e editar os existentes a partir da Árvore Local.0 O procedimento para adicionar um Local à Árvore Local é basicamente o mesmo para todos os Itens do segundo nível para baixo. É possível visualizar as propriedades de cada Item. Selecione a pasta Local na Árvore Local. Clique no botão de Ação na parte inferior da tela. 109 .

3. Para atribuir um novo ícone. 110 . uma vez que ela será usada como um critério de Organização. 6.Caixa de diálogo Adicionar/Editar Local 5. Consulte Recurso de Nomeação Automática. Adicione a Descrição (opcional). As opções disponíveis no menu suspenso são diferentes. Dica: Mantenha a descrição curta e relevante. Selecione OK ou um dos botões para prosseguir. Adicionando um Local sob um Nível Pai Esses Locais são adicionados à Árvore Local do segundo nível para baixo. Selecione a pasta Tipo de Local na Árvore Local. 7. Clique no Tipo de Local que gostaria de definir.0 Figura 83 . 2. Selecione Adicionar Local e Tipo. Para usar o recurso de Nomeação Automática. consulte Usando Ícones. Um menu suspenso aparecerá. Clique com o botão direito do mouse no Tipo de Local selecionado.PV4E User Manual – V6. Digite o nome do Local. > Para Adicionar um Local sob um Nível Pai 1.

7.0 Observação: O Local Pai exibirá agora o nome do pai. 8. Digite o nome do Local.PV4E User Manual – V6. 111 .Janela de Adicionar um Local sob um Nível Pai 4. Adicione a Descrição (opcional). Figura 84 . 5. consulte a seção Atribuindo Novos Ícones. Para atribuir um novo ícone. Consulte Recurso de Nomeação Automática. 6. Para usar o recurso de Nomeação Automática. Selecione OK ou um dos botões para prosseguir.

Na árvore Local. Ou: 2. A caixa de diálogo Adicionar/Editar será aberta. 112 . 2. 3. Figura 85 . Clicar no botão Ação na Barra de Ferramentas do Local e Editar Ou: 3. > Para Editar um Local 1. Clicar no botão Editar na Área de Informações dos Dados. As informações aparecerão na Área de Dados. Edite o Local. Duas opções de Abas estão disponíveis: Geral – Uma breve descrição do Local Conteúdo . Quando um Local for selecionado na árvore Local.Oferece uma lista dos Itens listados sob este Local Observação: A aba Conteúdo aparecerá apenas se houver itens listados neste Local. serão exibidas informações na Área de Dados. clique sobre o nome do Local que gostaria de editar.Janela de Edição de um Local A caixa de diálogo Editar Local pode ser acessada de três maneiras: 1. Selecione OK ou um dos botões para prosseguir. Clicar com o botão direito sobre o Local selecionado na árvore e selecionar Editar no menu suspenso.0 Editando um Local É possível editar um Local a qualquer momento. Para usar o recurso de Nomeação Automática.PV4E User Manual – V6. Esta lista não pode ser editada. Consulte Recurso de Nomeação Automática.

certifique-se que não haja Itens ou outros Locais definidos naquele Local específico. 1. Na árvore Local. > Para excluir uma seleção múltipla de Locais A exclusão de Múltiplos Locais ou Itens pode ser feita apenas se eles estiverem no mesmo ramo da árvore hierárquica. Clique com o botão direito do mouse sobre o Local na árvore Local e selecione a função Excluir no menu suspenso. Observação: Ao excluir um Local. Clicar nos botões OK ou Cancelar para prosseguir. > Para Excluir um Local 1. Clicar no botão Excluir na Barra de Ferramentas do Catálogo. localize e selecione o Local que deseja excluir. 113 . O comando Excluir pode ser acessado de duas maneiras: 1. O comando Excluir pode ser acessado de duas maneiras: 1. mova-os ou exclua-os antes de tentar excluir o Local específico. 3. Ou: 2. localize e selecione o primeiro Local que deseja excluir em uma lista. A tecla <Ctrl> é usada quando os locais/itens a serem excluídos não estão diretamente um depois do outro. Clicar nos botões OK ou Cancelar para prosseguir. Clicar no botão Excluir na Barra de Ferramentas do Catálogo. solicitando a confirmação da exclusão. usando as teclas <Alt> ou <Ctrl>. Caso haja. As Classes selecionadas serão excluídas da árvore de Local e do banco de dados. Uma seleção de itens a serem excluídos pode ser feita de duas maneiras. 2.0 Excluindo um Local Locais podem ser excluídos da Árvore Local. Clique com o botão direito do mouse sobre a seleção e selecione a função Excluir no menu suspenso. O Local selecionado será excluído da árvore de Local e do banco de dados. Na árvore Local. A tecla <Alt> é usada quando os locais/itens a serem excluídos estão em uma lista consecutiva. Segure as teclas<Alt> ou <Ctrl> de seu teclado e faça a seleção. 2.PV4E User Manual – V6. Ou: 2. Uma mensagem é exibida. solicitando a confirmação da exclusão. Uma mensagem é exibida.

> Para adicionar uma Empresa 1. Selecione Outro como o Tipo de Local.Janela de Adicionar uma Empresa Observação: O campo Local Pai estará vazio. Figura 86 . Adicione a Descrição (opcional). 114 . 4. 5. Ele não pode ser editado. 3. Clique em OK para prosseguir. uma vez que este é um local de primeiro nível. O menu suspenso Adicionar Local aparecerá.0 Adicionando uma Empresa na Árvore Local É possível adicionar tantas empresas quanto necessário para gerenciar seu empreendimento.PV4E User Manual – V6. Digite o nome da Empresa. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Local será aberta. uma vez que não é possível adicionar a esse ramo específico da árvore em um estágio posterior. 2. uma vez que não há uma categoria de empresa. Dica: É aconselhável começar com o Nome da Empresa como o primeiro nível da árvore hierárquica mesmo que a empresa não seja um data center. Selecione e clique com o botão direito do mouse na pasta Local na Árvore Local.

Selecione e clique com o botão direito do mouse no nome da Empresa na Árvore de Local. Adicione a Descrição (opcional). Adicionando Cidades à Árvore de Local Uma ou várias cidades podem ser adicionadas à árvore de local. Selecione e clique em Cidade.Janela de Adicionar um País 6. 3.PV4E User Manual – V6. 6. Figura 87 . Um menu suspenso aparecerá. Digite o nome do País. 5. Clique em OK para prosseguir. 4. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Local será aberta. 2. Um menu suspenso aparecerá. > Para adicionar um País 1. Selecione e clique com o botão direito do mouse no País na Árvore de Local. Mova o cursor sobre o comando Adicionar Local e um segundo menu será exibido. > Para adicionar uma Cidade 1. 115 . países múltiplos podem ser adicionados à Árvore de Local. 2. Selecione e clique em País. Mova o cursor sobre o comando Adicionar Local e um segundo menu será exibido.0 Adicionando Países à Árvore de Local Uma vez que o PV4E pode ser gerenciado a partir de locais remotos.

Adicionando Edifícios à Árvore de Local Alguns empreendimentos são operados em um campus em que há muitos edifícios conectados. 4. Este exemplo usa apenas um edifício. Mova o cursor sobre o comando Adicionar Local e um segundo menu será exibido. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Local será aberta. Digite o nome do Local. Adicione a Descrição (opcional). 4. 3.PV4E User Manual – V6. Adicione a Descrição (opcional). Digite o nome do edifício. mas é possível adicionar tantos edifícios quanto necessário. Um menu suspenso aparecerá. Clique em OK para prosseguir. Figura 88 . > Para adicionar um Edifício 1. Selecione e clique em Edifício. 2. 116 . 3. Selecione e clique com o botão direito do mouse na Cidade na Árvore de Local.0 A caixa de diálogo Adicionar/Editar Local será aberta.Janela de Adicionar uma Cidade 5.

o Recurso de Nomeação Automática será usado para nomear cinco andares. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Local será aberta.0 Figura 89 . Selecione e clique em Andar. > Para adicionar Andares 1.Janela de Adicionar um Edifício 5. 2. S Selecione e clique com o botão direito do mouse no Edifício na Árvore de Local. Neste exemplo.PV4E User Manual – V6. Mova o cursor sobre o comando Adicionar Local e um segundo menu será exibido. Figura 90 .Janela de Adicionar Andares 117 . Clique em OK para prosseguir. Adicionando Andares à Árvore de Local Vários andares podem ser adicionados à Árvore de Local. Um menu suspenso aparecerá.

A caixa de diálogo de Nomeação Automática será fechada e retornará à caixa de diálogo Adicionar/Editar local.Exemplo de um Desenho em CAD de um andar na Janela Edifício Adicionando Salas à Árvore de Local Cinco Salas serão adicionadas ao Andar 01. Consulte Recurso de Nomeação Automática. Figura 92 .PV4E User Manual – V6. 4. 6. 3.0 Como o edifício tem cinco andares. Selecione e clique o botão Aplicar para aplicar a Nomeação Automática de vários andares. o recurso de Nomeação Automática será usado. 4. 118 . Selecione o botão OK ou uma das outras opções para continuar. Figura 91 . Adicione a Descrição (opcional).Caixa de diálogo Adicionar/Editar Local 5. Cada sala será nomeada individualmente de acordo com este exemplo de um desenho em CAD. Um mapa similar de um layout pode ser usado. Clique no botão de Nomeação Automática e proceda de acordo com as instruções.

Digite o nome da sala. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Local será aberta. Selecione e clique em Cubículo. > Para adicionar uma Sala 1. 2.0 O que quer que seja usado. 4. Selecione e clique com o botão direito do mouse na sala desejada na Árvore de Local. é o Andar 01. Selecione e clique com o botão direito do mouse no andar desejado na Árvore de Local. Um menu suspenso aparecerá. Digite o nome do Cubículo. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Local será aberta. 119 . Repita o processo até todas as cinco salas estarem nomeadas. Um menu suspenso aparecerá.PV4E User Manual – V6. Neste exemplo. 3. Adicione a Descrição (opcional). Selecione e clique em Sala. Clique em OK para prosseguir. Mova o cursor sobre o comando Adicionar Local e um segundo menu será exibido. se desejado Adicionando Cubículos à Árvore de Local > Para adicionar um Cubículo 1. Adicione a Descrição (opcional).Janela de Adicionar uma Sala 5. é aconselhável tê-lo disponível antes de iniciar o planejamento do andar na Árvore do Local. Observação: O recurso de Nomeação Automática pode ser usado para nomear as salas. 3. 6. Mova o cursor sobre o comando Adicionar Local e um segundo menu será exibido. 4. Figura 93 . 2.

2. Selecione e clique em Outro. Adicione a Descrição (opcional). Clique em OK para prosseguir. 5. Mova o cursor sobre o comando Adicionar Local e um segundo menu será exibido. 3.0 Figura 94 . 4. Digite o nome da Mesa. Mude o Ícone para o Ícone da Mesa.PV4E User Manual – V6. se desejado Adicionando Mesas à Árvore de Local > Para adicionar uma Mesa 1. (Não há um Tipo de Local específico definido para mesa) A caixa de diálogo Adicionar/Editar Local será aberta. Repita o processo até todas as cinco salas estarem nomeadas. Consulte Atribuindo Ícones a um Item de Catálogo ou 120 . Selecione e clique com o botão direito do mouse no Cubículo na Árvore de Local. 2. Um menu suspenso aparecerá. Observação: O recurso de Nomeação Automática pode ser usado para nomear os cubículos.Janela de Adicionar um Cubículo 1.

Observação: O recurso de Nomeação Automática pode ser usado para nomear as mesas. Clique em OK para prosseguir.0 Figura 95 . 7.Janela de Adicionar uma Mesa 6. Repita o processo até todas as mesas estarem nomeadas.PV4E User Manual – V6. se desejado. 121 .

Isso é feito na Árvore Local. Cada item que é atribuído a um local receberá um nome ou ID exclusivo. O PV4E permite que o usuário nomeie os itens de várias maneiras. dando a cada um deles um nome/ID exclusivo. A Árvore Local é dividida em dois ramos/seções: Local Em Local. Quando um Item é excluído da árvore de Local.0 Árvore de Local Expandida A Árvore de Local expandida para mostrar sua estrutura hierárquica. ele é usado como um modelo para os itens de inventário definidos na árvore de local. Através da Árvore de Local. Essas são as informações que são consultadas cada vez que um item é atribuído a um local.Árvore de Local Expandida Atribuindo Itens a um Local Todos os Itens devem ser definidos no Catálogo do PV4E antes de serem definidos como inventário na árvore de local. É no Catálogo que definições gerais e informações essenciais de um item de catálogo específico são armazenadas. Os Itens devem ser atribuídos a um local. Sem Local O ramo/seção Sem Local pode ser usado para atribuir Itens que sejam parte do inventário ou estoque da empresa. o item do catálogo no qual ele foi baseado não é excluído do Banco de Dados do Catálogo. os Itens são atribuídos diretamente ao seu local específico. Figura 96 . Consulte Recurso de Nomeação Automática. É possível excluir um item 122 . é possível atribuir Itens existentes que tenham sido definidos no Catálogo. O recurso de Nomeação Automática permite nomear até 1000 itens por vez.PV4E User Manual – V6. Esses itens podem ser atribuídos a um Local específico em qualquer estágio.

A caixa de diálogo que será acessada é a mesma que é usada para adicionar ou editar Itens no Catálogo. Novos Itens de Catálogo podem ser adicionados diretamente através da árvore de Local.0 que tenha sido atribuído a um Local. é aconselhável que as informações de onde os Pontos (de rede e telefonia) estão situados estejam disponíveis. porém. Informações adicionais sobre as salas de comunicações que contém Bastidores. Adicionando. ou no modo de edição. 123 . Os Itens podem ser movidos de um local para outro usando o método de arrastar e soltar diretamente na Árvore de Local. Painéis de Conexões e equipamentos serão necessárias. o Item real não será excluído do Catálogo. Movendo e Excluindo Itens no Local Antes de prosseguir com esta seção.PV4E User Manual – V6. é sugerido que ela seja posicionada no topo da árvore. Dica: Como a Sala de Comunicações é usada com mais frequência. Observação: É possível atribuir um local a qualquer Item. exceto Cabos e Usuários. mudando o Local. Scanners. Editando.

Mude o local (opcional). Digite o nome exclusivo do Item.0 Figura 97 .PV4E User Manual – V6.Exemplo da Janela Lista de Equipamentos do PatchView Adicionando Itens ao Local > Para adicionar um Item a um Local 1. 2. Selecione o Nome de Catálogo clicando no botão . 124 . 3. se necessário. Observação: O nome exclusivo pode aparecer em locais diferentes. Ou adicione uma nova classe clicando no botão Adicionar. Clique em OK para prosseguir. 4. Selecione e clique com o botão direito do mouse em Local na Árvore de Local onde o Item deve ser atribuído. Clique no Tipo Funcional exigido. Preencha os detalhes e clique no botão OK para retornar à caixa de diálogo Adicionar/Editar do Inventário. 6. 5. Um menu suspenso aparecerá. 7. 8. Selecione a Classe clicando no botão (opcional). Isto abrirá a caixa de diálogo Adicionar/Editar Classe. A caixa de diálogo Adicionar/Editar do Inventário do Item será aberta. Ele é definido como exclusivo de acordo com seu local pai. Consulte Para mudar o Local de um Item. Ou adicione um novo item. Preencha as informações das outras abas. clicando no botão Adicionar (opcional).

Ou: 3. Existem dois métodos disponíveis para isto. As informações aparecerão na Área de Dados.0 Editando Itens no Local > Para editar um Item no Local 1. 5. A caixa de diálogo Adicionar/Editar será aberta. 2. Selecione uma das opções abaixo para prosseguir. Na árvore do Local. Ou: 2. Na árvore Local. Clicar no botão Ação na Barra de Ferramentas do Local e Editar. incluindo um Bastidor e todo o seu conteúdo a qualquer momento.PV4E User Manual – V6. Movendo Editando Itens no Local É possível mover um item. 125 . consulte Recurso de Nomeação Automática. A caixa de diálogo Editar Item do Inventário pode ser acessada de três maneiras: 1. Figura 98 .Movendo Itens 2. Clique e arraste o item para o novo local. Clicar com o botão direito sobre o Item selecionado na árvore e selecionar Editar no menu suspenso. clique sobre o nome do Item que gostaria de editar. Elas são: Arrastar e Soltar Mudar Local > Para mover um Item usando o método de Arrastar e Soltar 1. Para usar o recurso de Nomeação Automática. 6. 4. Clicar no botão Editar na Área de Informações dos Dados. Edit o Item. selecione o Item que deseja mover e posicione o cursor sobre o ícone.

se aplicável. 4. Clique no botão OK. > Para mudar o Local de um Item 1.Caixa de diálogo Adicionar/Editar do Inventário 2. Solte o mouse e o item será atribuído ao novo local.0 3. Figura 100 . Expanda a árvore e selecione o novo local. Movendo Itens dentro de um Bastidor 5.Caixa de Diálogo da Árvore de Local 3. Figura 99 . 126 . Para mudar o local.PV4E User Manual – V6. A caixa de diálogo Adicionar/Editar do Inventário do Item será aberta. Selecione o Item e escolha o modo Editar. Uma caixa de diálogo com a Árvore de Local será aberta. Selecione o Nº do Slot dentro do Bastidor. clique no botão .

Um novo item pode então ser alocado àquele slot. Ao excluir um Item da Árvore de Local. se necessário. ele é excluído do inventário. mas não do Catálogo. 127 . Observação: Quando um Item é excluído de um Bastidor. mova-os ou exclua-os antes de tentar excluir o Item específico. certifique-se de que não haja Itens ou Outros Itens definidos naquele Item específico. > Para Excluir um Item Consulte Excluindo um Local. > Para excluir uma seleção múltipla de Itens Consulte Para excluir uma seleção múltipla de Itens. ex: Bastidor. Esse Item pode então ser referido em um estágio posterior. Observação: Ao excluir um Item. o slot que o item ocupava permanece vazio.0 Excluindo Itens do Local Itens podem ser excluídos da Árvore Local.PV4E User Manual – V6. Casa haja.

Figura 101 . Clique em Bastidor.0 Adicionando Equipamentos de Bastidores a um Local Esta seção explica como adicionar equipamentos de bastidores a um local. 3. 128 .Janela de Adicionar Equipamentos de Bastidores 2. a Sala de Comunicação na Árvore de Local onde o Bastidor está atribuído. Um menu é exibido. Por exemplo. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Bastidor do Inventário será aberta. Uma lista suspensa é exibida. Selecione Adicionar Equipamentos de Bastidores.PV4E User Manual – V6. Adicionando um Bastidor a um Local > Para adicionar um Bastidor a um Local 1. Clique com o botão direito do mouse no Local.

No campo Nome.0 Figura 102 . Digite as informações exigidas para o único item. Nomeia automaticamente novos Bastidores múltiplos SEM SEUS CONTEÚDOS em uma sequência pré-definida. usando suas definições e o conteúdo. 2.Caixa de diálogo Adicionar/Editar Bastidor do Inventário 1. Duplica Bastidores existentes. em seguida clique no botão OK. Nomeação Automática Duplicar Salvar como Novo 129 . usando suas definições mas SEM SEUS CONTEÚDOS. digite o nome do bastidor. Selecione o Nome de Catálogo do bastidor clicando no botão próximo ao campo Nome de Catálogo e selecionando o bastidor na lista disponível. se especificado. ou adicione um novo item clicando no botão Adicionar. BOTÃO OK PARA… Adicionar um único item. Duplica Bastidores existentes. A tabela a seguir explica o método para nomear os Bastidores. usando o recurso de Nomeação Automática.PV4E User Manual – V6.

4. Figura 103 . ou adicione um novo item clicando no botão Adicionar. 130 . Clique em Organizador de Cabos. Selecione a Classe clicando no botão selecionando a classe na lista disponível.PV4E User Manual – V6. 4. Clique em OK para prosseguir. de acordo com a definição no Catálogo. 2. Clique com o botão direito do mouse no Bastidor selecionado. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Organizador de Cabos do Inventário será aberta.. Uma lista suspensa é exibida. Uma lista suspensa é exibida. Adicionando um Organizador de Cabos ao Local > Para Adicionar um Organizador de Cabos ao Local 1. Selecione o Bastidor na Árvore de Local onde o Organizador de Cabos deve ser atribuído. próximo ao campo Classe e 3. Selecione Adicionar Equipamentos de Bastidores.0 O tamanho do bastidor é adicionado ao sistema.Janela de Adicionar Equipamentos de Bastidores do Local 3.

PV4E User Manual – V6. de acordo com o que foi definido no Catálogo. ou adicione um novo 6. Mude o local (opcional). Consulte Para mudar o Local de um Item. O Tamanho do Organizador de Cabos será adicionado pelo sistema. clicando no botão Adicionar.0 Figura 104 . 7. clicando no botão item. caso contrário. Selecione o Nome do Catálogo. 8. Clique em OK para prosseguir.Caixa de diálogo Adicionar/Editar Organizador de Cabos do Inventário 5. Selecione a Classe. Digite o nome do Organizador de Cabos. o Organizador de Cabos não será aceito. Deve haver espaço suficiente no Bastidor para o Organizador de Cabos. clicando no botão clicando no botão Adicionar. ou adicione uma nova classe. 9. . 131 . .

2.. Uma lista suspensa é exibida. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Prateleira do Inventário será aberta. Selecione Adicionar Equipamentos de Bastidores. Digite o nome da Prateleira. Clique com o botão direito do mouse no Bastidor selecionado.0 Adicionando uma Prateleira a um Local > Para Adicionar uma Prateleira a um Local 1. Uma lista suspensa é exibida.Janela de Adicionar Equipamentos de Bastidores do Local 3. 132 . 4.PV4E User Manual – V6. Selecione o Bastidor na Árvore de Local onde a Prateleira deve ser atribuída. Figura 105 .

Caixa de diálogo Adicionar/Editar Prateleira do Inventário 5. Deve haver espaço suficiente no Bastidor para a Prateleira. de acordo com o que foi definido no Catálogo. 9. clicando no botão item. caso contrário. 8. . clicando no botão Adicionar.0 Figura 106 . 7. ou adicione uma nova classe. Selecione o Nome do Catálogo. Digite o nome da Prateleira. ou adicione um novo 6. O Tamanho da Prateleira será adicionado pelo sistema. Mude o local (opcional). Consulte Para mudar o Local de um Item. . Clique em OK para prosseguir. Selecione a Classe. clicando no botão clicando no botão Adicionar. 133 .PV4E User Manual – V6. a Prateleira não será aceita.

0 Adicionando um Espaçador a um Local > Para Adicionar um Espaçador a um Local 1. clicando no botão Adicionar. de acordo com o 134 . Selecione Adicionar Equipamentos de Bastidores. 4. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Espaçador do Inventário será aberta.PV4E User Manual – V6.Adicionar Equipamentos de Bastidores do Local 3. Digite o nome do Espaçador.. . Uma lista suspensa é exibida. Uma lista suspensa é exibida. ou adicione um novo 6. Clique com o botão direito do mouse no Bastidor selecionado. Figura 107 . Selecione o Nome do Catálogo.Caixa de diálogo Adicionar/Editar Espaçador do Inventário 5. Clique em Espaçador. Figura 108 . O Tamanho do Espaçador será adicionado pelo sistema. Selecione o Bastidor na Árvore de Local onde o Espaçador deve ser atribuído. clicando no botão item. 2.

8. ou adicione uma nova classe. . 7. o Espaçador não será aceito. 9. Deve haver espaço suficiente no Bastidor para o Espaçador.0 que foi definido no Catálogo.PV4E User Manual – V6. 135 . Selecione a Classe. Mude o local (opcional). Clique em OK para prosseguir. Consulte Para mudar o Local de um Item. clicando no botão clicando no botão Adicionar. caso contrário.

136 . exibindo o conteúdo do bastidor. Selecione Exibir Bastidor. Um bastidor pode conter qualquer combinação de painéis de conexões da família de painéis de conexões Smart.0 Definindo o Conteúdo de Bastidores É possível definir o conteúdo dos bastidores.Bastidor Visualizando um Bastidor Ao visualizar itens em um Bastidor na árvore local. equipamentos de rede ou scanner e estações. O diagrama a seguir será aberto. > Para visualizar um bastidor 1. Selecione e clique com o botão direito do mouse no bastidor. sua posição real no slot não é exibida. 2. Figura 109 . é necessário Visualizar o Bastidor. A fim de ver seu local exato dentro do Bastidor.PV4E User Manual – V6.

dê um clique duplo no painel que deseja ampliar.PV4E User Manual – V6. ele poderá ser movido para qualquer slot vazio no Bastidor Existem dois métodos para mover itens dentro do bastidor. A caixa de diálogo Adicionar/Editar do Inventário do Item será aberta. Uma caixa de diálogo com a Árvore de Local será aberta.0 3. Para mudar o local.Janela de Conteúdo do Bastidor Movendo Itens dentro de um Bastidor Caso um Item tenha sido colocado no slot incorreto ao ser alocado a um bastidor específico. Elas são: Arrastar e soltar os itens na janela Exibir Bastidor Usar a caixa de diálogo Adicionar/Editar do Inventário. 2. > Para mover um Item em um Bastidor 1. 137 . Figura 110 . No desenho do Bastidor. clique no botão . Selecione o Item no Bastidor e escolha o modo Editar.

Visualize o Bastidor para ver a nova posição do Item.0 Figura 111 . Clique no botão OK. Caso esse não e selecione outro slot. seja o slot exigido.Caixa de Diálogo da Árvore de Local 3. clique no botão 4. O próximo slot disponível será exibido na janela Nº do Slot.PV4E User Manual – V6. O Item terá mudado sua localização na árvore. 138 . Continue a mudar a posição dos Itens no Bastidor até que eles estejam corretamente localizados.

PV4E User Manual – V6. Selecione o Bastidor na Árvore de Local onde o Master deve ser atribuído. nem os itens existentes podem ser editados ou excluídos no Catálogo. Dica: É recomendado inserir os Scanners e os Painéis em sua ordem correta no Bastidor desde o início. Nomes exclusivos podem ser mudados. eles são incluídos no banco de dados do Catálogo durante o processo de instalação. 139 .0 Adicionando Equipamentos do PatchView a um Local O Equipamento PVMax necessários para operar o Sistema PatchView da Furukawa consiste nos seguintes componentes: TIPO Master ÍCONE Extensor Extensor Master Scanner Controle de Indicador Controle de Segurança Mesa de Controle Uma vez que estes componentes são essenciais para administrar seu Empreendimento. Consulte a Lista de Equipamentos do PatchView quanto à ordem dos equipamentos. Uma lista suspensa é exibida. Equipamentos Adicionais do PatchView não podem ser adicionados à lista. Contudo. Clique com o botão direito do mouse no Bastidor selecionado. Adicionando um Master a um Local > Para Adicionar um Master a um Local 1. 2. é possível mudar a posição dos scanners/painéis no Bastidor de acordo com os slots usando o recurso de local.

5. O Recurso de Nomeação Automática pode ser usado. Selecione o Nome de Catálogo clicando no botão.Adicionando Caixa de diálogo Adicionar/Editar Master do Inventário 4.0 Figura 112 . 6. Selecione a Classe clicando no botão (opcional). Selecione Adicionar Equipamento do PatchView e clique em Master.PV4E User Manual – V6. 140 . 7. Consulte Recurso de Nomeação Automática. Mude o local (opcional). Figura 113 . Digite o nome do Master.Adicionando um Master a um Local 3. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Master do Inventário será aberta. Consulte Para mudar o Local de um Item.

se ele for conhecido. Digite o endereço IP.Adicionando um Extensor a um Local 3.0 8. Figura 114 . Os Painéis são adicionados automaticamente quando são atribuídos ao scanner. 2. Adicionando um Extensor ao Local > Para adicionar um Extensor a um Local 1. Uma lista suspensa é exibida. 1. Selecione Adicionar Equipamento do PatchView e clique em Extensor. Observação: As Portas serão preenchidas pelo sistema.PV4E User Manual – V6. Clique em OK para prosseguir. Selecione o Bastidor na Árvore de Local onde o Extensor deve ser atribuído. É aconselhável manter as Configurações padrão. 141 . A caixa de diálogo Adicionar/Editar Extensor do Inventário será aberta. O endereço MAC será detectado automaticamente quando o sistema detectar o Master no modo on-line. Clique com o botão direito do mouse no Bastidor selecionado.

3. Uma lista suspensa é exibida. 7. Digite o nome do Extensor. Digite o Nº de Série. Consulte Para mudar o Local de um Item. Selecione Adicionar Equipamento do PatchView e clique em Extensor Master.Caixa de diálogo Adicionar/Editar do Inventário 4. O Recurso de Nomeação Automática pode ser usado. Adicionando um Extensor Master a um Local > Para Adicionar um Extensor Master a um Local 1. Clique com o botão direito do mouse no Bastidor selecionado. 5. Selecione o Nome de Catálogo clicando no botão. Selecione o Bastidor na Árvore de Local onde o Extensor Master deve ser atribuído. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Extensor Master do Inventário será aberta. Selecione a Classe clicando no botão (opcional). Clique em OK para prosseguir. Observação: Os campos Tipo e Tamanho (U) serão preenchidos automaticamente quando o Nome do Catálogo for selecionado. 9.PV4E User Manual – V6.0 Figura 115 . Mude o local (opcional). 6. 2. Consulte Recurso de Nomeação Automática. 142 . 8.

se ele for conhecido. Clique com o botão direito do mouse no Bastidor selecionado. 7. 3. Digite o Nº de Série. Consulte Recurso de Nomeação Automática. Selecione o Nome de Catálogo clicando no botão. 2. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Scanner PVMax do Inventário será aberta. Selecione Adicionar Equipamento do PatchView e clique em Master. O Recurso de Nomeação Automática pode ser usado. Clique em OK para prosseguir. Mude o local (opcional). Digite o nome do Extensor Master. Observação: Os campos Tipo e Tamanho (U) serão preenchidos automaticamente quando o Nome do Catálogo for selecionado. Selecione o Bastidor na Árvore de Local onde o Scanner PVMax deve ser atribuído. Uma lista suspensa é exibida.Caixa de diálogo Adicionar/Editar Extensor do Inventário 4. Consulte Para mudar o Local de um Item.0 Figura 116 . Digite o endereço IP. 6. 10. Adicionando um Scanner/Mini Scanner PVMax a um Local > Para adicionar um Scanner PVMax a um Local 1. Selecione a Classe clicando no botão (opcional). 143 . 9. 8. 5. 4.PV4E User Manual – V6.

Digite o nome do Scanner PVMax. Digite o Nº de Série. A essência da funcionalidade do Master e do Scanner permanece a mesma e não exige grandes mudanças. 7. Consulte Recurso de Nomeação Automática. Observação: Os campos Tipo e Tamanho (U) serão preenchidos automaticamente quando o Nome do Catálogo for selecionado. Adicionando um Scanner Local O Scanner Local é um único dispositivo PV4E que funciona como um Master PV4E e um Scanner PV4E combinados em uma única unidade. O Recurso de Nomeação Automática pode ser usado. 144 . 11. O Scanner Local PVMax é um dispositivo independente que gerencia a camada física da rede. 8. Os Painéis serão adicionados automaticamente quando forem atribuídos ao scanner na Topologia.0 Figura 117 . Clique em OK para prosseguir.PV4E User Manual – V6. Selecione o Nome de Catálogo clicando no botão.Caixa de diálogo Adicionar/Editar Scanner PVMax do Inventário 5. 6. Selecione a Classe clicando no botão (opcional). Mude o local (opcional). Consulte Para mudar o Local de um Item. O Scanner Local é reconhecido pelo sistema PV4E e então é apresentado na Interface do Usuário como uma unidade integrada. de forma similar à unidade Master-Extensor. 10. Ele é conectado diretamente à rede e é capaz de monitorar até 144 portas (até 6 painéis). 9.

Detectando um Master/Scanner Local na Topologia Para detectar um Master/Scanner Local na topologia.Aba Topologia do PV4E 3. 2. o servidor o reconhece imediatamente interpretando um bit do MIB do Master e conclui que o único Scanner conectado a ele é na verdade uma parte de uma única unidade composta pelo Master e o Scanner. clique na aba Topologia. Quando o Master é parte de um Scanner Local. Informações sobre o Master e o Scanner como parte de um único Scanner Local são registradas no banco de dados do PV4E. Clique com o botão direito do mouse em TopologiaPVMax > Detectar Master. de forma que os dispositivos possam ser descritos apropriadamente na Interface do Usuário e manipulados apropriadamente pelo servidor do PVMax. faça o seguinte: 1.PV4E User Manual – V6.0 O servidor do PV4E comunica-se com o Master PV4E através de Ethernet 100BaseT padrão. A seguinte janela Detecção Automática de Master PVMax é aberta: 145 . Na tela Manutenção. Figura 118 .

Detecção Automática de Master PVMax 4. A seguinte mensagem aparecerá: 5. Atribuindo Para inserir o scanner Local como um item no inventário. execute as seguintes etapas: 1. Clique em no topo da tela do PV4E. Selecione o nome do Fantasma que deseja atribuir ao inventário. Coloque o mouse sobre o item fantasma e clique com o botão direito. A janela Adicionar Novo(s) Scanner(s) Local/is do PVMax é aberta 3. Selecione Inserir Scanner(s) Local/is a partir do menu contexto. 6. 146 .PV4E User Manual – V6. O Scanner aparece nas árvores física e lógica como um fantasma com um ponto de interrogação na tela Topologia. Clique em Detectar. 2. 7. Digite o endereço IP do Scanner Local.0 Figura 119 . Clique em OK.

Selecione o local na árvore de local e clique em OK. O Scanner foi adicionado ao inventário. Insira o Nome. Clique em no rodapé da tela do PV4E. Selecione o item que deseja buscar. O seguinte menu de contexto será aberto: 2. Selecionando uma Janela de Busca Para executar uma busca.0 Nome de Catálogo: Clique na seta do menu suspenso e selecione Scanner Local. 5. 4. A seguinte tela será aberta: 3. 147 .PV4E User Manual – V6. Observação: O formulário de busca não inclui o critério de nome das Instalações. Local: Clique em para mudar o local. Nome de Catálogo e Número de Série e clique em Buscar Agora. faça o seguinte: 1. Local.

travas de portas. Sensor – O Controle de Segurança PVMax possui a capacidade de receber uma indicação do dispositivo conforme seu circuito é aberto u fechado. o circuito elétrico é fechado e reconhecido pelo controle. As portas suportam uma carga de até 3 amp cada. O Indicador de Bastidores pode ser conectado e controlado a partir dessas portas.PV4E User Manual – V6. O Controle de Segurança do PVMax possui uma matriz de LED integrada que oferece uma indicação em tempo real da atividade das portas. Essas portas enviam eventos para o sistema de gestão se um circuito for aberto ou fechado.essas portas são usadas como interruptor elétrico capazes de abrir/fechar um circuito. a temperatura excede um limite. 148 . Dispositivos Suportados Porta – O Controle de Segurança PVMax tem a capacidade de enviar um comando para abrir ou fechar uma porta e possui a capacidade de receber um indicador da porta conforme o circuito da porta é aberto ou fechado. Dispositivo Ativo – O Controle de Segurança PVMax tem a capacidade de enviar um comando para abrir ou fechar o circuito do dispositivo. inundações. Um Controle de Segurança do PVMax suporta até 32 dispositivos externos e sensores conforme descritos abaixo: 8 portas de contato secas . e dispositivos remotos. Controle de Indicador PVMax O Controle de Indicador PVMax é um sub-conjunto do Controle de Segurança PVMax e funciona de maneira independente quando conectado a um Master. 16 portas E/S . Extensor ou Extensor Master PVMax. O Controle de Segurança do PVMax tem 1U de altura. Sensores diferentes podem ser conectados a essas portas. por exemplo. interruptores de portas e ventiladores podem ser conectados fisicamente ao sistema PatchView usando o Controle de Segurança PVMax. O Controle de Indicador oferece suporte a até 8 Indicadores de Bastidores.Portas digitais com suporte para entrada e saída. quando. assim como o resto do sistema PVMax.0 Adicionando Controles de Indicador e de Segurança do PVMax Controle de Segurança PVMax O Controle de Segurança PVMax habilita o controle de vários sensores e dispositivos controlados remotamente da Estação de Gerenciamento do PatchView. umidade. usa comunicação segura para evitar acesso não-autorizado. O limite de uma porta de saída é de 12 volts a 60 m Amp. Geral O Controle de Segurança do PVMax. Ele é usado unicamente para ativar os Indicadores de Bastidores. Sensores de temperatura. etc.Essas portas ativam qualquer dispositivo que atendam às especificações. como indicadores de bastidores. 8 portas de saída .

149 . Selecione Adicionar Equipamento do PatchView > Controle do PVMax. > Adicionar Para inserir um novo Controle PVMax no inventário: 1. Clique com o botão direito do mouse em um local específico da árvore de Local ou clique com o botão direito do mouse em Sem Local.0 Catálogo Os seguintes tipos funcionais de Controles foram adicionados à árvore de Equipamentos do PatchView: Controle de Indicador PVMax Controle de Segurança PVMax Adicionando e Editando Controles PVMax A seguinte seção explica como adicionar um Controle PVMax ao inventário e também como editar um Controle PVMax.PV4E User Manual – V6.

PV4E User Manual – V6. A seguinte tela Adicionar/Editar do Inventário é aberta: 150 .0 O botão Ação também pode ser usado: 2.

A tela Controle de Segurança do PVMax consiste em cinco. Uma vez que o Controle seja selecionado no Nome do Catálogo. 4. O Controle PVMax foi adicionado. No campo Nome do Catálogo.PV4E User Manual – V6. selecione a opção Controle de Indicador do PVMax ou Controle de Segurança do PVMax e clique em OK. Digite o nome do novo Controle no campo Nome. a tela relevante e as abas associadas aparecem. 151 .0 Figura 120 Tela Adicionar/Editar Bastidor do Inventário 3. Observação: A tela do Controle de Indicador do PVMax consiste em três abas.

0 Figura 121 Tela Adicionar/Editar Bastidor do Inventário (Controle de Indicador) 152 .PV4E User Manual – V6.

2. Após quaisquer modificações terem sido feitas. selecione e clique com o botão direito do mouse sobre o Controle de Indicador/Segurança. A partir do menu de contexto.0 Figura 122 Tela Adicionar/Editar Bastidor do Inventário (Controle de Segurança) > Editar Para editar um Controle Indicador ou de Segurança PVMax: 1. clique em OK. selecione Editar. A seguinte tela Adicionar/Editar Controle PVMax do Inventário é aberta: Os campos Nome e Local podem ser editados. 153 .PV4E User Manual – V6. A partir da árvore de Local.

Área de Informação Funcionalidade do Controle de Segurança PVMax Reconhecimento Automático O Servidor do PV4E é responsável por reconhecer automaticamente os dispositivos PVMax. Figura 124 Aba Geral . O nome inicial do dispositivo é seu número de série exclusivo exibido na aba Topologia. As informações foram atualizadas na Área de Informações. ele reconhecerá automaticamente o Controle de Segurança do PVMax e o inserirá na Topologia do PVMax como um fantasma. Visualizar (fantasma) O fantasma do Controle de Segurança possui apenas uma aba em suas propriedades de dados na GUI.PV4E User Manual – V6.0 Figura 123 Tela Adicionar/Editar Bastidor do Inventário 3. 154 . Durante esta fase.

Segure a tecla Ctrl e selecione com o mouse. 2. Clique com o botão direito do mouse no fantasma do Controle de Segurança do PVMax na Árvore Topologia da Visualização do Sistema. A partir do menu de contexto. A tela Atribuído será aberta:. A tela Adicionar Novo será aberta. Especifique o nome do inventário no campo Inventário. Observação: O status das portas é salvo dentro do inventário. 3. 6. Para selecionar vários que não sejam sucessivos. segure a tecla Alt e selecione com o mouse. Atribuir. Especifique o local no campo local. Selecione a opção Atribuir Controle de Segurança PVMax Existente. 7. 2. Especifique o nome no campo Nome do Catálogo no menu suspenso. Caso o usuário relate um inventário que contenha mudanças dos valores padrão. 5. Para realizar a seleção múltipla de um grupo. > Para Atribuir um Fantasma do Controle de Segurança do PVMax: 1. Clique em Aplicar e OK. 4. Selecione o Controle de Segurança a ser atribuído. Observação: O botão de Renomeação Automática é usado para criar dois ou mais dispositivos de Controle de Segurança. O status 155 . essas mudanças também serão aplicadas ao fantasma. Clique com o botão direito do mouse em um fantasma do Controle de Segurança do PVMax na Árvore Topologia do menu de contexto do ramo físico. Clique em OK O Controle de Segurança foi adicionado ao inventário. 6.0 Inserindo um Fantasma (adicionando-o ao inventário) A inserção de um fantasma do Controle de Segurança do PVMax é igual à de qualquer outro dispositivo PVMax: > Para inserir um Fantasma do Controle de Segurança do PVMax: 1. 5. 4. selecione Inserir Controle de Segurança do PVMax. O Controle de Segurança está agora relacionado ao Controle de Segurança criado anteriormente no inventário. Substituir e Remover um Controle de Segurança > Atribuir um Controle de Segurança do PVMax Existente A atribuição de um fantasma do Controle de Segurança do PVMax é igual à de qualquer outro dispositivo PVMax: A função de seleção múltipla pode ser usada para atribuir ou inserir um Controle de Segurança.PV4E User Manual – V6.

Ele não o exclui do Inventário. Selecione Remover no menu de contexto. 2. Esta opção é adicionada ao menu Buscar Por no ramo Equipament do PatchView no item Controle do PVMax. Selecionar OK remove a atribuição do Controle de Segurança na topologia do PVMax a partir do Inventário e muda o seu status para um fantasma. O Controle de Segurança do PVMax possui campos de critérios adicionais além dos campos gerais que aparecem para cada busca de Equipamento do PatchView. Clique com o botão direito do mouse em um Controle de Segurança do PVMax na Árvore Topologia da Visualização do Sistema. O novo Controle de Segurança substituirá o antigo na Topologia do PVMax e o colocará como um fantasma que precisa ser atribuído ao Controle de Segurança no inventário. O Servidor do PVMax envia um comando ao Controle de Segurança do PVMax para voltar aos seus valores padrão de fábrica. Não há necessidade de mudar os comandos e as configurações E/S. A substituição de um Controle de Segurança do PVMax é igual à de qualquer outro dispositivo PVMax: Para Substituir um Controle de Segurança do PVMax: 1. Após a função de Substituição ter sido executada. Os campos adicionais são: Dispositivo Local do dispositivo 156 . 3. Remover A remoção de um Controle de Segurança do PVMax atribuído é igual à de qualquer outro dispositivo PVMax: > Para Remover um Controle de Segurança do PVMax: Clique com o botão direito do mouse em um Controle de Segurança do PVMax que seja relacionado a um inventário na Árvore Topologia do menu de contexto do ramo físico. Busca A função de Busca pode ser usada para buscar um Controle de Segurança PVMax. Selecione Substituir no menu de contexto.PV4E User Manual – V6. fazendo o download do arquivo de configuração e enviando pulsos programados. configurando as portas em ON ou OFF.0 do inventário é mais predominante no sistema que o status que o status online. A tela Substituir Dispositivo será aberta: A função Substituir de um Controle de Segurança PVMax é igual a substituir um Extensor PVMax. atualizando a máscara de portas E/S. ou seja. uma vez que elas pertencem ao inventário. o Servidor do PVMax sincroniza o Controle de Segurança com o banco de dados.

PV4E User Manual – V6.0 Caixa de verificação de Incluir sub-local para o local do dispositivo Caixa de verificação de Incluir portas Os resultados das colunas de Busca dependem da caixa Incluir Portas estar marcada. 157 .

Clique com o botão direito do mouse em um local específico da árvore de Local ou clique com o botão direito do mouse no campo Sem Local. Selecione Controle PVMax.PV4E User Manual – V6. O botão Ação pode ser usado como uma alternativa ao clique com o botão direito. 3. Selecione Adicionar Equipamento do PatchView no menu de contexto. 2.0 Caixa Incluir Portas desmarcada A seguinte tela é exibida: Caixa Incluir Portas marcada A seguinte tela é exibida: Adicionando um Controle de Segurança ao Inventário > Adicionar Para Adicionar um novo Controle de Segurança do PVMax: 1. Veja a tela a seguir: 158 .

159 . Ativador e E/S também podem ser vistas. Editar um Controle Indicador Existente 1.0 4. 5. Selecione Controle de Segurança do PVMax no menu de contexto Nome do Catálogo. Selecione o Controle de Segurança no inventário e clique em Editar. Clique em OK.PV4E User Manual – V6. As abas Indicador de Bastidores.

Clique em Ação para visualizar o menu de contexto: 160 . Clique com o botão direito do mouse no Controle de Segurança escolhido na árvore de Local para visualizar o menu de contexto.PV4E User Manual – V6. Figura 126 Tela de Manutenção Visualização do Sistema – Aba Local 2.0 Figura 125 Tela de Manutenção Visualização do Sistema – Aba Local > Opções alternativas: 1.

A tela Adicionar/Editar Controle de Segurança PVMax é aberta: 4.PV4E User Manual – V6.0 Figura 127 Tela de Manutenção Visualização do Sistema – Aba Local 3. A tela Adicionar/Editar Controle de Segurança PVMax contém cinco abas: Aba geral As seguintes abas na tela Adicionar/Editar do Inventário podem ser editadas: Figura 128 Tela Adicionar/Editar Controle PVMax do Inventário 161 .

0 Aba Indicador de Bastidores (Portas de Comando A) Figura 129 Tela Adicionar/Editar Controle PVMax do Inventário 1. A seguinte tela. Figura 130 Tela Atribuir Bastidor a Indicador de Bastidores 2.PV4E User Manual – V6. 162 . clique em Atribuir. Atribuir Bastidor a Indicador de Bastidores será aberta. Para atribuir um bastidor a um Indicador de Bastidores. Clique em Buscar Agora para visualizar todos os bastidores disponíveis para atribuição.

PV4E User Manual – V6.Tela Adicionar/Editar Controle PVMax do Inventário Colunas A tabela a seguir lista os nomes de colunas e as funções na Aba Ativador. 4. da tela Adicionar/Editar Controle PVMax do Inventário: 163 .0 Figura 131 Tela Atribuir Bastidor a Indicador de Bastidores 3. O bastidor atribuído exibe o nome e o local do bastidor na aba Indicador de Bastidores. Clique em Remover para remover a associação dos Bastidores ao Indicador de Bastidores selecionado. Clique em OK para salvar a seleção. acima.Aba Ativador . Aba Ativador (Portas de Comando B) Figura 132 . Selecione o Bastidor e clique em Atribuir. 5.

PV4E User Manual – V6. Local do dispositivo. o padrão é "Ativador #n". É um campo definido pelo usuário que representa o status OFF O status pode ser: On/Off/Pulso ou On/Off ou Pulso Porta Aplicação Local Status On Status Off Tipo de Comando Tempo de Espera Tempo do Pulso Evento Tempo de espera do pulso em formato hh:mm:ss Definido pelo usuário no formato de hora hh:mm:ss para determinar a duração do pulso.0 Coluna Função Índice padrão de portas Um nome para a porta definido pelo usuário. Aba E/S 164 . O padrão é marcado.Marque-a para que os eventos sejam exibidos no registro de eventos. É um campo definido pelo usuário que representa o status ON Status do dispositivo. Caixa de verificação . Status do dispositivo. O botão Limpar Local limpa o local de dispositivo das portas selecionadas.

PV4E User Manual – V6.Tela Adicionar/Editar Controle PVMax do Inventário Colunas A tabela a seguir lista os nomes de colunas e as funções na Aba E/S. O botão Definir Local define o local do dispositivo O botão Definir Local define o local do dispositivo Status do dispositivo. Status do dispositivo. O status padrão é 'Off'.0 Figura 133 Aba E/S . O status padrão é 'On'. acima.Marque-a para que os eventos sejam exibidos no registro de eventos. o padrão é "E/S #n". O padrão é marcado. Caixa de verificação . da tela Adicionar/Editar Controle PVMax do Inventário: Coluna Porta Aplicação Função Índice padrão de portas Um nome para a porta definido pelo usuário. Local Definir Status On Status Off Evento 165 .

PV4E User Manual – V6. 166 . A área de Informações no lado direito da tela exibe as propriedades. As seguintes abas também podem ser encontradas na área de Informações: Geral Geral Exibe informações gerais a respeito de um Controle de Segurança.0 Aba Observações Figura 134 Aba Observações . A Visualização permite que você controle os comandos e visualize seus status.Tela Adicionar/Editar Controle PVMax do Inventário Visualizar Inventário Selecionar um Controle de Segurança do PVMax no Inventário exibe suas propriedades.

acima.Área de Informação . Ativador Figura 135 . da tela Adicionar/Editar Controle PVMax do Inventário: Coluna Porta Aplicação Função Índice padrão de portas Um nome para a porta definido pelo 167 .0 Indicador de Bastidores Exibe o nome e o local do bastidor ao qual o indicador de bastidores está conectado.PV4E User Manual – V6.Aba Ativador Colunas A tabela a seguir lista os nomes de colunas e as funções na Aba Ativador.

o padrão é "Ativador #n". Os ícones são: Não definido Definir Ação Evento E/S Um status Sim/Não Colunas A tabela a seguir lista os nomes de colunas e as funções na Aba E/S. Habilitado apenas se o tipo de comando for On/Off/Pulso ou On/Off). É um campo definido pelo usuário que representa o status ON Definido em On ou Off pelo usuário. Status do dispositivo. acima. Local Status Local do dispositivo.0 Coluna Função usuário.PV4E User Manual – V6. o padrão é "Ativador #n". 168 . da tela Adicionar/Editar Controle PVMax do Inventário: Coluna Porta Aplicação Função Índice padrão de portas Um nome para a porta definido pelo usuário. Pulso – Habilitado apenas se o tipo de comando for On/Off/Pulso ou Pulso e a duração do pulso for maior que zero.

PV4E User Manual – V6. 169 . O iniciador do evento pode ser um usuário ou um dispositivo. Status Sim/Não O status é definido pelo usuário como Sim/Não Exibe o status de evento para cada porta Evento Observações A aba Observações é para observações gerais.0 Coluna Local Definir Status Função Local do dispositivo. Observação: Alguns campos são limpos durante a cópia Quando um Bastidor é criado usando a opção Duplicar ou Salvar como Novo. Duplicar e Salvar como Novo A função Duplicar e Salvar como Novo cria uma nova cópia do item de inventário. a associação original com os Comandos do Controle de Segurança é perdida. Eventos O Controle de Segurança do PV4E ativa os seguintes eventos: Porta do Controle PVMax mudada para on/off O evento é enviado quando uma porta do Controle de Segurança do PVMax tem seu status mudado para on ou off.

3. O ícone Clique em OK.0 A porta do Controle PVMax já está no status O evento é enviado quando uma porta do Controle de Segurança do PVMax recebe uma solicitação para mudar seu status atual. Atribuir e Remover. 4. A seguinte tela. Clique em Atribuir na tela Adicionar/Editar Bastidor do Inventário. Remover limpa a associação. No menu suspenso do campo Nome de Catálogo. Para atribuir o Bastidou: 1. 2. Observação: A caixa de edição de Indicadores de Bastidores não pode ser mudada manualmente. 6. clique em Editar na área de Informações. O iniciador do evento é o usuário. Atribuir abre uma nova tela que busca um Controle de Segurança para atribuir ao Bastidor selecionado. Selecione o Controle de Segurança na grade superior. A grade inferior exibe o Indicador de Bastidores. Selecione o Indicador de Bastidores na grade inferior posicionando o indica a linha ativa. Para atribuir um Bastidor. A tela Adicionar/Editar Bastidor do Inventário é exibida Existem dois botões adicionais na tela Adicionar/Editar Bastidor do Inventário. Erro da porta do Controle PVMax O evento é enviado quando uma porta de Controle de Segurança do PVMax retorna um erro. 1. O iniciador do evento é o usuário. Atribuir Indicador de Bastidores a Bastidor será aberta. As propriedades do Bastidor são exibidas na área de Informações. clique em Buscar Agora. 5. Selecione um Bastidor para ser atribuído a partir da árvore de Local na janela Visualização do Sistema. 2. Atribuir Indicador de Bastidores a Bastidor será aberta. selecione Controle de Segurança do PVMax e clique em Buscar Agora: A seguinte tela. A grade superior exibe todos os Controles de Segurança disponíveis. Falha do Download da Configuração do Controle PVMax O evento é enviado quando o download do arquivo de configuração falha.PV4E User Manual – V6. Observação: Todas as atribuições de bastidores são executadas na aba Local da tela Manutenção. Para visualizar todos os Controles de Segurança relevantes. cursor do mouse sobre o campo. Atribuindo um Indicador de Bastidores a um Bastidor As instruções a seguir descrevem como atribuir um Indicador de Bastidores ou qualquer outro dispositivo a um Bastidor. 170 .

A tela Adicionar/Editar Bastidor do Inventário é aberta. Um menu suspenso aparecerá. Adicionando uma Mesa de Controle ao Local Mesas de Controle não são atribuídas a bastidores específicos.0 3. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Mesa de Controle do Inventário será aberta. Selecione Adicionar Equipamento do PatchView e clique em Mesa de Controle. Selecione a sala na Árvore de Local onde a Mesa de Controle deve ser atribuída. mostrando que o Indicador de Bastidores foi atribuído. Existem diversas configurações para a Mesa de Controle que são definidas em Topologia. Cada instalação possui uma Mesa de Controle. 171 . Figura 136 . que será conectada ao primeiro Scanner em cada instalação. Digite o nome do Controle. Esse pode ser o Scanner Master ou um Scanner Satélite.Remote Software Download) O Servidor do PV4E executará o RSD para o Controle de Segurança da mesma forma que o faz para qualquer outro dispositivo PVMax. Download Remoto de Software (RSD . 2. 3. Clique com o botão direito do mouse na Sala selecionada.PV4E User Manual – V6. Consulte Topologia > Para adicionar uma Mesa de Controle ao Local 1.Caixa de diálogo Adicionar/Editar Mesa de Controle do Inventário 4.

2. Selecione a Classe. Selecione o Nome de Catálogo clicando no botão. Selecione Adicionar Hardware de Conexão e clique em Pontos de Rede. Selecione o Nome do Catálogo. clicando no botão Adicionar. Adicionando Hardware de Conexão ao Local Esta seção explica como conectar hardware a um local. Figura 137 . Consulte Para mudar o Local de um Item. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Master do Inventário será aberta. 7. Um menu suspenso aparecerá. Adicionando Pontos de Rede ao Local A fim de atribuir os pontos de rede ao local correto.Caixa de diálogo Adicionar/Editar Ponto de Rede do Inventário 3. Consulte Para mudar o 172 . Selecione a Classe clicando no botão (opcional). ou adicione uma nova classe. 4. clicando no botão nova classe. O local pode ser mudado clicando no botão Local de um Item. Mude o local (opcional). Selecione e clique com o botão direito do mouse no local desejado na Árvore de Local. clicando no botão clicando no botão Adicionar. ou adicione uma 5. > Para adicionar um Ponto de Rede ao Local 1. . 5.0 O Recurso de Nomeação Automática pode ser usado. O Recurso de Nomeação Automática pode ser usado. 6. . é aconselhável possuir uma lista dos pontos e de seus locais físicos reais. Consulte Recurso de Nomeação Automática. 6. . Consulte Recurso de Nomeação Automática. Digite o nome do Ponto.PV4E User Manual – V6.

Adicionando Painéis de Conexão ao Local > Para Adicionar um Painel a um Local 1. 6. Digite o nome do Painel.0 7. 173 . Esta opção permitirá que o P-LET identifique. O Recurso de Nomeação Automática pode ser usado. O Nome do Scanner e os Conectores serão adicionados automaticamente quando o Painel for atribuído ao seu scanner na Topologia. Consulte Para mudar o Local de um Item. 8. Clique em OK para prosseguir. Clique em OK para prosseguir. Clique com o botão direito do mouse no Bastidor selecionado. localize e conecte servidores descobertos durante o processo do P-LET. Consulte Recurso de Nomeação Automática. 5. Figura 138 - Caixa de diálogo Adicionar/Editar Painel do Inventário 4. Selecione o Bastidor na Árvore de Local onde o Painel deve ser atribuído. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Painel do Inventário será aberta. Selecione Adicionar Equipamento de Conexão e clique em Painel. Selecione a Classe clicando no botão (opcional). 3. Um menu suspenso aparecerá. .PV4E User Manual – V6. Selecione o Nome de Catálogo clicando no botão 7. Marque a caixa de seleção Terminador de Link caso o Painel deva ser usado como um ponto para conectar servidores diretamente a ele. 9. Mude o local (opcional). 2. Observação: A Portas serão preenchidas automaticamente quando o Nome do Catálogo for selecionado.

No menu de contexto. A tela a seguir será aberta na aba Geral: 174 .PV4E User Manual – V6.0 Adicionando Infraestrutura de Telecomunicações Adicionando um Cabo (Cabo Horizontal e Vertical/Cabo de Conexão) 1. (O exemplo a seguir usa Horizontal e Vertical). 3. Vá para a árvore de local e clique com o botão direito do mouse em um local (ex: sala). vide abaixo: 2. Clique no botão seleção de Infraestrutura. selecione Adicionar Tele Infraestrutura > Horizontal e Vertical OU Cabo de Conexão.

PV4E User Manual – V6. 175 . Consulte a seção Medidas para orientações sobre como mudar de Pés para Metros Data de vencimento da garantia Fim da Garantia: Última atualização Pontos de Início/Fim: Data em que o registro foi atualizado pela última vez É definido automaticamente para o local do cabo e é atualizado de acordo com os pontos de terminação de links dos cabos. O usuário pode ignorar as configurações do sistema. Digite os seguintes detalhes na Aba Geral: Nome: Tipo Funcional: Classe: Nome de Catálogo: Tipo de Mídia: Comprimento Digite o nome Preenchido por padrão (da seleção do menu de contexto) Use a lista suspensa para inserir a classe Use a lista suspensa para inserir o nome de catálogo Inserido por padrão a partir do campo Classe Digite o comprimento do cabo.0 Aba Geral 4.

Observação: O tipo de conector é definido nas Propriedades do Cabo no catálogo. Aba Extremidades Especifica os nomes e serviços dos tipos de extremidades. Aba Caminhos Exibe os pontos do local aos quais cada cabo será conduzido (com base em dados inseridos pelo usuário). quando relevante.0 Local: É definido automaticamente como o local do cabo e o uso pode ignorar as configurações do sistema. 176 .PV4E User Manual – V6.

Para remover todos os pontos. clique em Remover todos. Cabo tronco Um cabo contendo vários cabos que podem ser uma mistura de cobre e fibra ótica 2. Selecione um local e clique na seta . Para adicionar um caminho. Repita o processo para adicionar mais caminhos. É possível usar as teclas para cima/para baixo para mudar locais na lista. Cabos multipar para cobre e fibra ótica Dois tipos foram adicionados à família de multipar • cabo com 25 cabos • cabo com 50 cabos 177 .0 Para adicionar mais pontos. clique em Editar. Adicionando um Cabo Tronco/Cabo Multipar Dois novos cabos foram adicionados ao Catálogo. Elas são: 1. O Local aparece na lista da seção Caminhos na lateral esquerda. expanda a Árvore de Local na lateral direita. Selecione o ponto a ser removido e clique em Remover.PV4E User Manual – V6. Para remover pontos. Aba Observações Use a seção Observações para adicionar observações úteis.

Veja o exemplo a seguir: A tela a seguir será aberta na aba Geral: Aba Geral 178 .PV4E User Manual – V6. A partir do menu de contexto selecione Percurso. Adicionando um Percurso > Para adicionar um percurso. vá para o local e clique com o botão direito do mouse. faça o seguinte: A partir da árvore de Local.0 Os novos cabos podem ser encontrados em Infraestrutura de Telecom > Horizontal e Vertical.

PV4E User Manual – V6.0 Digite os dados a seguir: Nome: Tipo Funcional: Classe: Digite o nome Preenchido por padrão (da seleção do menu de contexto) Use a lista suspensa para inserir a classe. use o menu suspenso para selecionar Use a lista suspensa para inserir o nome de catálogo. Para mudar o sistema de medição preferido. 179 . consulte a seção Medidas para opções. É definido automaticamente para o local onde o percurso foi digitado e o usuário tem a capacidade de ignorar as configurações do sistema Aba Dimensões Insira as dimensões do percurso. use o menu suspenso para selecionar Metal é inserido como padrão do campo Tipo Funcional Nome de Catálogo: Tipo de Material: Capacidade Máxima A quantidade máxima de cabos que podem ser colocados em um percurso Recomendado Quantidade sugerida de cabos em um percurso (definido pelo usuário) Local: Indica o local do percurso.

Clique em Editar para adicionar ou remover cabos.0 Aba Cabos A aba cabos exibe uma lista de todos os cabos instalados neste percurso e deve ser igual ou menor à capacidade máxima. 180 . Para mais informações.PV4E User Manual – V6. consulte a seção Adicionando um Cabo ao Percurso Aba Pontos de Ramificação Exibe todos os pontos por onde os percursos passam e pode incluir outros percursos.

clique em Editar. Selecione um local e clique na seta . Aba Observações Use a tela de observações para fazer observações úteis que podem ser necessárias.PV4E User Manual – V6. É possível usar as teclas para cima/para baixo para mudar locais na lista. Clique na aba Pontos de Ramificação para visualizar todos os pontos de ramificação.0 1. Para adicionar um ponto de ramificação. O Local aparece na lista da seção Pontos de Ramificação na lateral esquerda. expanda a Árvore de Local na lateral direita. Repita o processo para adicionar mais pontos de ramificação. 2. 181 . Para adicionar mais pontos de ramificação. 3. ex. conduítes e pistas.

3. A tela a seguir será aberta na Aba Geral: Selecione a aba Cabos. Clique no percurso na árvore de Local. faça o seguinte: 1. 2. A tela Propriedades para o percurso selecionado aparece na lateral esquerda. A seguinte tela será aberta: 182 .PV4E User Manual – V6.0 Adicionando um Cabo a um Percurso Para adicionar um cabo a um percurso. Para adicionar cabos clique em Adicionar.

A busca por todos os itens usa um asterisco (*). Observações: Os cabos devem já ter sido adicionados ao inventário. selecione Especificações Métricas. o usuário será avisado com uma mensagem. Clique em Buscar Agora. faça o seguinte: 1. 183 . A partir do Configurações. Contudo. Quando a quantidade de cabos exceder o máximo permitido. Consulte acima. a inclusão de cabos será bloqueada até que o valor máximo seja aumentado Medidas É possível trabalhar com o sistema métrico (metros e centímetros) ou medidas imperiais (pés e polegadas) para os comprimentos das entidades de cabeamento. de acordo com os critérios de busca. Para mudar para seu sistema preferido. Quando a quantidade de cabos exceder o recomendado por percurso. não é possível fazer seleções múltiplas de cabos de diferentes resultados de busca. Será exibida uma lista de todos os cabos.0 4. Selecione os cabos relevantes e clique em OK. 5.PV4E User Manual – V6. Digite os critérios de busca nos campos acima. É possível selecionar cabos da mesma página.

Diferentemente de outros painéis gerenciados que ocupam espaço 184 . Interconexão Painéis de interconexão são gerenciados no sistema PV4E. 4. Para mudar as medições.PV4E User Manual – V6.0 2. Clique no botão de seleção para o seu sistema preferido e clique em OK. A seguinte tela será aberta: 3. clique em Editar.

as três seguintes regras se aplicam: 1. Ambos os painéis são de cobre. Regras Ao conectar-se a um painel de interconexão. Todas as portas de comutação (ou seja. as portas dos módulos de comutação que aparecem no inventário) devem estar conectados aos painéis de interconexão. faça o seguinte: 185 . Contudo. Portas adicionais são ligadas aos Painéis de Interconexão (um ou mais) 3. O sistema identificará o Painel de Interconexão relacionado. Cabos especiais são usados com conectores de metal em contato com o painel de interconexão e funcionam de maneira semelhante ao 9º pino. como outros painéis do PVMax.0 físico nos bastidores. Acoplando um Comutador a um Painel de Interconexão Marque a caixa de verificação Interconexão no quadro para edição de propriedades do comutador. Todas as portas do comutador devem ser conectadas 2. Atribuindo Painel de Interconexão O painel é atribuído a uma instância da biblioteca.PV4E User Manual – V6. Ele busca todos os links offline que apontem a um ou mais Painéis de Interconexão. interpretando os links offline. Conectando o Comutador ao Painel de Interconexão Crie links offline entre o painel e o comutador. Painéis de interconexão adicionais são ligados ao comutador e não a qualquer outro item > Para adicionar um painel de interconexão. Nenhuma das portas dos Painéis de Interconexão pode ser conectada a qualquer outro dispositivo além dos módulos de comutação. alguns dos Painéis de Interconexão podem ficar vazios. os painéis de interconexão são acoplados à parte frontal de comutadores de rede. Os cabos conectados às portas de comutação são acoplados por meio de uma abertura nos painéis de interconexão que os mantém posicionados. Atualmente existem dois painéis de interconexão no catálogo: Painel de interconexão com 24 portas e com 48 portas. Detectando Painel Interconexão O painel de interconexão é detectado automaticamente e aparece na árvore de topologia do PVMax.

Digite o endereço IP e clique em Detectar. A seguinte tela de propriedades do Comutador será aberta: 186 . Selecione a aba Configurações. clique com o botão direito do mouse e selecione >Adicionar Equipamento de Rede > Comutador > Detecção Automática.PV4E User Manual – V6.0 Observação: É possível adicionar um novo painel ou atribuir um painel fantasma detectado pelo master 1. 2. O comutador aparece na árvore de Local. As propriedades podem ser visualizadas na lateral direita da tela na aba Geral. Vá para um Bastidor na árvore de local.

Uma das seguintes mensagens de erro aparecerá se: A Porta de Comutação não estiver conectada. 187 .0 Figura 139 Tela de Visualização de Propriedades do Comutador Clique em Editar para abrir a tela Adicionar/Editar Comutador do Inventário: Figura 140 Tela de Edição de Propriedades do Comutador Para acoplar o Comutador a um painel de interconexão. marque a caixa de verificação junto ao campo Interconexão: Clique em OK.PV4E User Manual – V6.

0 A Porta de Comutação estiver conectada a um item que não seja um Painel de Interconexão. A parte traseira do Painel de Interconexão estiver conectada a um item que não seja o comutador selecionado Caso algum dos erros acima seja exibido. composta da carcaça do comutador e a porta frontal do Painel de Interconexão. edite os links offline e verifique se as Regras foram implementadas. Observação: O Comutador e a Interconexão acoplados agora são apresentados como uma unidade. desmarque o campo Interconexão na aba Configurações.PV4E User Manual – V6. Desacoplando um Comutador de um Painel de Interconexão Para desacoplar o Comutador de um painel de Interconexão. Veja o exemplo a seguir: Figura 141 Tela de Visualização de Propriedades do Comutador 188 .

vá para o Comutador e clique com o botão direito do mouse > Editar Link A tela a seguir. é aberta para edição na parte inferior da tela: Figura 142 Editar Link 189 . A partir da árvore de Local.0 Editar Link Para editar os links do Comutador.PV4E User Manual – V6. execute as etapas a seguir: 1. Editar Link.

0 Visualização de Link Para visualizar links. semelhantemente a Editar Link. clique na porta na janela do painel. Para visualizar o Exibir Comutadou: Clique com o botão direito do mouse sobre o comutador na Árvore de Local > Exibir Comutador. (Ver figura 155) Exibir Comutador também pode ser visualizado pela janela Visualizar Link. Em Visualizar link. o comutador e o painel são apresentados como uma unidade única. o evento contém informações sobre a porta do comutador em vez da porta do painel. Visualizações de Painel de Interconexão Visualização do Comutador O recurso Exibir Comutador foi adicionado recentemente e pode ser visto de diversas maneiras diferentes. Eventos de Porta Conectada/Desconectada e Notificações de Correio Quando um usuário conecta/desconecta portas de um painel de interconexão que está acoplado a um comutador. clicando no comutador Exibir Comutador pode ser visualizado clicando no comutador na visualização de bastidor Figura 143 Exibir Comutador 190 . Um evento de notificação de correio contém os mesmos dados.PV4E User Manual – V6.

ela não aparecerá na árvore de Local. Para executar uma Busca. selecione > HW de Conexão > Painel A seguinte janela de Busca será aberta: 191 . Painéis Conectados. faça o seguinte: Vá até o botão Buscar Por no rodapé da tela.0 Figura 144 Visualização do Painel Figura 145 Visualização do Bastidor Árvore de Local e Buscas Um novo campo. foi adicionado ao executar uma busca por Comutadores com as seguintes opções: Todos .mostra todos os comutadores Interconexão – mostra apenas os comutadores acoplados a painéis de interconexão Sem Interconexão – mostra apenas os comutadores (sem acoplamento a painéis de interconexão) Buscar por Painel Uma vez que a Interconexão agora está acoplada a um Comutador.PV4E User Manual – V6.

0 Figura 146 Janela de Buscar Por do Painel Insira os detalhes do item a ser buscado e selecione Buscar Agora. faça o seguinte: 1. Vá até o botão Buscar Por no rodapé da tela. selecione > Equipamento de Rede > Comutador A seguinte janela de Busca será aberta: Figura 147 Janela de Buscar Por Comutador 192 . Os itens buscados aparecem no rodapé da tela. Buscar por Comutador Para buscar por um Comutador. abaixo da janela Buscar Por.PV4E User Manual – V6.

Pré-definir o comutador no inventário quando o sistema PV4E está offline e realizar a varredura do comutador posteriormente.0 2. apenas as informações relevantes sobre o respectivo comutador necessário para a atividade do PV4E serão apresentadas. quando o sistema PV4E está online.Detecta todos os comutadores existentes e insere-os automaticamente no inventário. com informações básicas sobre os comutadores. Adicionar Manualmente . Para informações mais detalhadas do comutador. É possível atualizar manualmente o item de comutador do inventário de acordo com a estrutura real de comutadores. Imediatamente após adicioná-los à rede. Selecione Adicionar Equipamento de Rede>Comutador>Detectar Automaticamente. Na aba Local. Adicionando Equipamento de Rede Driver Padrão do Comutador O recurso de Driver Padrão do Comutador permite definir e ativar comutadores no PV4E. é possível solicitar um driver de comutador com suporte estendido ao comutador específico.Detecção automática de comutador pelo driver padrão de comutador e inserção automática do comutador no inventário. 2. abaixo da janela Buscar Por. 2. Portas de comutação do inventário e portas de comutação detectadas pelo P-LET podem ser atribuídas aleatoriamente entre si.PV4E User Manual – V6. não necessariamente de acordo com a estrutura real dos módulos de comutação. Consulte Detecção Automática para mais informações. 3. Na maioria dos casos. A caixa de diálogo Detecção de Comutador será exibida: 193 . encontre o comutador que gostaria de adicionar à árvore de local e clique com o botão direito do mouse no nó Sem Local. Este recurso representa uma economia de tempo significativa e recursos que habilitam o sistema PV4E a funcionar adequadamente sem a necessidade de desenvolvimentos adicionais. Definindo Novos Comutadores Existem três maneiras de definir um novo comutadou: 1. Varredura por Mapeador LAN . necessárias para o sistema PV4E. Os itens buscados aparecem no rodapé da tela. Insira os detalhes do item a ser buscado e selecione Buscar Agora. Detectar . Detectando um Comutador Automaticamente > Para detectar um novo comutadou: 1.

Caso necessário. defina também os detalhes do protocolo SNMP para este comutador. v2c ou v3).0 Figura 148 . nome de comunidade SNMP. tempo de expiração do SNMP e número de tentativas. Figura 149 . 3. é possível marcar a caixa de verificação Não mostrar esta mensagem durante esta sessão do PV4E para evitar que essa caixa de mensagem apareça novamente. Digite o Endereço IP do comutador no campo Endereço IP e clique em Detectar apar iniciar o processo de varredura do P-LET.PV4E User Manual – V6. a caixa de diálogo Detalhes do Evento será exibida.Caixa de Mensagem Detecção de Comutador. mostrando o resultado: 194 . Uma vez que tenha selecionado sua exibição preferida. Uma vez que o processo de varredura tenha sido concluído. 4. Clique em Sim. 5.Caixa Detecção de Comutador (Aba Geral). É possível exibir os resultados do processo de detecção/varredura apenas no Registro de Eventos ou no Registro de Eventos e em uma caixa de mensagem pop-up. incluindo a versão do SNMP (v1.

É possível mudar os respectivos dados conforme desejado.Tela de Detalhes do Evento O Endereço IP do comutador é exibido.0 Figura 150 .Tela de Manutenção do PV4E 195 . A partir da aba árvore. Figura 151 .PV4E User Manual – V6. assim como o seu Status e Local. > Para visualizar as propriedades de um comutadou: 1. clique em um comutador listado no nó Comutador. em Local.

PV4E User Manual – V6. A caixa de diálogo Visualizar Módulo do Inventário é exibida 196 . Clique no hyperlink de um módulo da lista.0 Uma vez que o comutador tenha passado pela varredura. Consulte Configurando Projetos do PatchView for the Enterprise 4. Clique na aba Módulos: Figura 152 .Janela de Manutenção do PV4E (Aba Local) Caso um módulo não tenha sido adicionado manualmente. o Status do PLET será Online.1 3. 2. ele será adicionado ao sistema automaticamente como um 'Módulo desconhecido' com o número de portas detectadas no comutador.

clique na aba VLAN.PV4E User Manual – V6. Na caixa de diálogo Visualizar Módulo do Inventário.Novo Módulo de Inventário 4. 197 . Na caixa de diálogo Visualizar Módulo do Inventário. 5. clique na aba Portas. As portas são exibidas e as VLANs são definidas no comutador com o endereço MAC do dispositivo.0 Figura 153 . As VLANs definidas no comutador são exibidas. Quando um comutador é detectado. todos os endereços MAC dos dispositivos nas portas de comutação conectadas serão reconhecidos pelo comutador.

A partir da tela principal.0 6. Atribuição de Portas É possível editar as atribuições de portas em um comutador. Todas as portas de inventário serão exibidas de acordo com os módulos aos quais elas pertencem. As VLANs em uso são exibidas. 198 . Clique em Fechar para voltar à visualização principal de propriedades do comutador. 7. Com base nesta lista. é possível relacionar as portas de comutador encontradas pelo Driver Padrão do Comutador com a configuração física (módulos/portas). A janela Editar Atribuição de Porta é dividida em duas partes: Portas de Comutador do Inventário e Portas Detectadas pelo P-LET. listando portas que não foram atribuídas.PV4E User Manual – V6. clique na aba VLAN.

Caso haja portas que você não deseja atribuir (ex: porta tronco). Os slots "reais" não são identificados. é possível mover as portas selecionadas para a coluna Portas Detectadas pelo P-LET e selecionar Ignorar Porta. segure a tecla <Alt> e clique com o botão esquerdo do mouse na última porta. 2. Durante a detecção automática de comutadores. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Comutador do Inventário será aberta. Clique em Editar.Janela Editar Atribuição de Porta (Comutador Lab) > Para mudar a atribuição de portas: 1. que aparece abaixo do quadro de propriedades do comutador.PV4E User Manual – V6. A caixa de diálogo Editar Atribuição de Porta será aberta: 199 . clique com o botão esquerdo do mouse na primeira porta. Clique em Atribuir. segure a tecla <Ctrl> e clique com o botão esquerdo do mouse em cada porta. a atribuição dos módulos é feita automaticamente pela aplicação ao Slot 0. Para selecionar portas que não sejam consecutivas. 3. Figura 154 .0 Observação: Para selecionar uma lista de portas consecutivas. Selecione um comutador na árvore.

Na aba Local.0 4. Adicionando e Realizando Varredura Manualmente em um Comutador Ao adicionar manualmente um comutador ao inventário. Clique em Excluir Módulo para excluir o módulo selecionado. a estrutura física real do comutador deve ser definida. 200 . 5. na árvore. Uma vez que você tenha rejeitado os resultados. 2. 6.PV4E User Manual – V6. > Para adicionar manualmente um comutador ao inventário: 1. Clique em Adicionar Módulo para exibir a caixa de diálogo Adicionar Módulo. Selecione Adicionar Equipamento de Rede>Comutador>Adicionar Manualmente. clique com o botão direito do mouse no nó Sem Local. O comutador offline será então varrido. Clique em Rejeitar Resultado para rejeitar os resultados da busca do P-LET. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Comutador do Inventário será aberta. o status do comutador voltará a não-submetido a varredura ou não-atribuído.

201 .0 Figura 155 – Caixa de diálogo Adicionar/Editar Comutador do Inventário 3. Digite um nome no campo Nome para o comutador que deseja adicionar.PV4E User Manual – V6. 4. Selecione o nome da classe no menu suspenso Classe. Selecione o nome de catálogo do menu suspenso Nome de Catálogo e clique em Aplicar. 5.

PV4E User Manual – V6. Consulte Adicionando. 8. Digite um nome no campo Nome para o módulo que deseja adicionar. Selecione a aba Módulos e clique em Adicionar. Selecione o nome da classe no menu suspenso Classe..0 Caso o comutador preferido não exista no menu suspenso. adicione-o ao catálogo. Editando e Excluindo Itens para mais informações sobre como adicionar ao catálogo. 7. 202 . 6. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Módulo do Inventário será aberta. para adicionar módulos e chassis à estrutura de comutadores.

0 9. Caso o comutador preferido não exista no menu suspenso.PV4E User Manual – V6. Selecione o nome do catálogo no menu suspenso Catálogo. Consulte Adicionando. Editando e Excluindo Itens para mais informações sobre como adicionar ao catálogo. adicione-o ao catálogo. 203 .

Clique em Aplicar e OK. Figura 156 – Caixa de diálogo Adicionar/Editar Comutador do Inventário 204 . A caixa de diálogo Adicionar/Editar Comutador do Inventário é reexibida com o módulo definido presente na lista da aba Módulos.PV4E User Manual – V6.0 10.

A caixa de diálogo Detecção de Comutador será exibida.PV4E User Manual – V6. > Para executar varredura em um comutador offline: 1. O comutador definido é adicionado à árvore de Local.0 11. Na árvore de Local listada abaixo do nó do Comutador. Os resultados da varredura são exibidos no registro de Eventos. Clique em OK. Consulte Atribuição de Portas para mais informações. Observação: É possível editar as atribuições de portas em um comutador. Selecione a exibição que deseja para os resultados do processo de varredura e clique em Sim. clique com o botão direito do mouse no comutador definido e selecione Varredura. 205 .

5. > Para adicionar um PBX ou Hub ao Local 206 .0 Adicionando um Roteador a um Local Roteadores serão detectados quando o P-LET for executado. Adicionando PBX ou Hub ao Local PBX e Hubs não são descobertos pelo P-LET. Figura 157 . Digite o nome do Item. Digite o endereço IP. 6. Selecione e clique com o botão direito do mouse no Bastidor ou na Sala na Árvore de Local onde o Roteador deve ser atribuído. se ele for conhecido. > Para Adicionar um Roteador a um Local 1.Caixa de diálogo Adicionar/Editar Roteador do Inventário 3. Selecione o Nome de Catálogo clicando no botão.PV4E User Manual – V6. Selecione Adicionar Equipamento de Rede e Roteador. Selecione a Classe clicando no botão (opcional). O Recurso de Nomeação Automática pode ser usado. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Roteador do Inventário será aberta. Um menu suspenso aparecerá. 2. . Consulte Para mudar o Local de um Item 7. Consulte Recurso de Nomeação Automática. Os itens podem ser inseridos manualmente. se necessário. 8. 4. Observação: O Endereço MAC será adicionado automaticamente quando o sistema passar por varredura pelo P-LET. Mude o local (opcional). Clique em OK para prosseguir.

Selecione a Classe clicando na seta para baixo (opcional). A caixa de diálogo Adicionar/Editar PBX/Hub do Inventário será aberta.Caixa de diálogo Adicionar/Editar PBX/Hub do Inventário 3. Selecione a Aba Módulo e adicione as informações necessárias. 2. Clique em OK para prosseguir. Consulte Recurso de Nomeação Automática. Digite o nome do Item. exceto telefones POTS. 8. Figura 158 . Adicionando Equipamento Terminal Todos os Equipamentos Terminais. Selecione e clique com o botão direito do mouse no Bastidor ou na Sala na Árvore de Local onde o Equipamento de Rede deve ser atribuído. Um menu suspenso aparecerá. 5. O Equipamento Terminal é dividido em cinco Tipos Funcionais: Elas são: Telefone IP Dispositivo KVM Impressora Estação Telefone 207 . Mude o local (opcional). serão descobertos pelo sistema quando for realizada a varredura com o P-LET. 4. O Recurso de Nomeação Automática pode ser usado.0 1. Selecione Adicionar Equipamento de Rede e abra um dos Itens. Selecione o Nome de Catálogo clicando na seta para baixo. Consulte Para mudar o Local de um Item 7.PV4E User Manual – V6. 6.

Digite o nome do Item. 4. (Consulte o Capítulo do Módulo de Descoberta para mais informações). 2. Ao atribuir Equipamentos Terminais. caso os links completos tenham sido definidos.Caixa de diálogo Adicionar/Editar do Inventário 3. Selecione o Nome de Catálogo clicando no menu suspenso. Change the location (optional). See Para mudar o Local de um Item 7. Consulte lista de Usuários. Figura 159 . Impressoras e Estações são todos ligados através de pontos de rede ou painéis terminadores de rede. Selecione Adicionar Equipamento Terminal e abra um dos Itens. A caixa de diálogo Adicionar/Editar do Inventário será aberta. Um menu suspenso aparecerá. Consulte Recurso de Nomeação Automática. 6. Somente é necessário definir esses elementos individualmente se você não estiver usando o P-LET. Eles serão descobertos automaticamente se a sub-rede estiver acessível e listada. Selecione a Classe clicando no menu suspenso (opcional). 5.0 Telefone IP.PV4E User Manual – V6. 208 . The Auto Naming feature can be used. Adicionando Equipamentos Terminais a um Local > To add Terminal Equipment to Location 1. O Módulo P-LET os criará. Selecione a Aba Proprietário para adicionar detalhes do Proprietário (opcional). É necessário definir os usuários na Árvore de Usuários para acessar a lista de Usuários. Selecione e clique com o botão direito do mouse no Tipo de Local na Árvore de Local onde o Equipamento Terminal deve ser atribuído. proprietários/usuários podem ser definidos para cada equipamento. ligará e inserirá automaticamente no local correto na Árvore de Local. Telefones POTS precisam ser listados individualmente se for necessário manter um registro deles.

Consulte a seção Usuários.0 Dica: Isso pode ser feito em uma etapa posterior se os Usuários ainda não tiverem sido definidos. Figura 160 . 8. Expanda a árvore e selecione o Usuário. O nome do Proprietário aparece nos campos. A caixa de diálogo Usuário é aberta. 209 . Clique em Adicionar para adicionar um Usuário.PV4E User Manual – V6. Clique em Salvar para retornar à caixa de diálogo Adicionar/Editar do Inventário. 10.Caixa de diálogo Usuário 9.

Selecione a aba Adaptadores para mudar as informações do Adaptador (opcional). Essa janela possui três opções: PV. Clique em OK para prosseguir. Topologia A Árvore Topologia é localizada no Módulo de Manutenção do PV4E. 210 . Sem Local Adicionando Itens a Sem Local Todos os Itens podem ser adicionados à seção Sem Local. Selecione a aba Software para mudar as informações do Software (opcional). Eles podem ser posteriormente atribuídos aos seus locais específicos diretamente através da Árvore de Local ou através da Topologia. 13. A Sub-rede é explicada em Erro! Fonte de referência não encontrada. 12.PV4E User Manual – V6. Essa seção lida com a Topologia do PVMax.Caixa de diálogo Adicionar/Editar do Inventário 11. Sem Local também é usado como um inventário de itens estocados que não foram atribuídos a um local específico. na página 363.0 Figura 161 . Os itens são adicionados à pasta Sem Local da mesma maneira que são atribuídos a um local específico na aba Local. PVMax e Sub-Rede. Itens diversos podem ser nomeados e adicionados a Sem Local usando o recurso de Nomeação Automática.

Janela Topologia Detectando Novo Hardware na Topologia PVMax Uma vez que o Master e seu hardware associado tenham sido instalados fisicamente. Masters. que mostra a estrutura hierárquica lógica da rede. Extensores Masters. Painéis que não sejam do PVMax devem ser adicionados à árvore Topologia. Extensores. Ela difere da Árvore de Local. o PVMax pode determinar automaticamente qual hardware é conectado ao Master. Scanners Master.PV4E User Manual – V6. Painéis de Conexão e Equipamentos Terminais/de Rede que tenham sido atribuídos a locais na árvore de Local são adicionados à Árvore de Topologia a partir da lista existente e colocados na ordem lógica. Caso um Scanner Master tenha sido definido na árvore de local. ele automaticamente aparecerá na Topologia PVMax. aos seus locais específicos. O PVMax deve estar no modo online para detectar o novo hardware. Eles podem ser atribuídos por padrão em Sem Local ou.0 A Topologia é definida de acordo com a estrutura hierárquica lógica dos equipamentos essenciais necessários para operar o PV4E. Painéis de Conexão e Equipamentos Terminais/de Rede que tenham sido atribuídos a locais na árvore de Local são adicionados à Árvore de Topologia a partir da lista existente e colocados na ordem lógica. consulte Topologia na página 299. Figura 162 . sem atribuí-los primeiro ao Local. Controles de Segurança. se especificado. 211 . ele automaticamente aparecerá na Topologia PV. Para instruções. O PVMax pode detectar apenas novos painéis do PVMax. Itens podem ser adicionados diretamente à Topologia. Caso um Scanner Master tenha sido definido na árvore de local.

Topologia PVMax Offline 2.0 > Detectando Novo Hardware na Topologia PVMax 1. Clique em Editar. Figura 163 . A caixa de diálogo Editar Topologia será aberta. 3. Desmarque a caixa offline 4.PV4E User Manual – V6. A caixa de diálogo Configurar Topologia será aberta. Selecione e clique em Topologia do PVMax. Clique no botão OK O botão Indicador do PVMax fica agora verde 212 .

Caixa de Diálogo Detecção Automática de Master PVMax 6.PVMax Topology Online 5.PV4E User Manual – V6.0 Figura 164 . Figura 165 . Selecione e clique com o botão direito do mouse em Topologia PVMax e selecione Detectar Master na lista suspensa A caixa de diálogo Detecção Automática de Master PVMax é aberta. Digite as seguintes informações 213 .

Para adicionar os dispositivos ao banco de dados do inventário. Isso indica que embora os dispositivos tenham sido detectados. Extensor Master.0 ETTINGS DEFAULT PARAMETER EXPLANATION Configurações Parâmetro Padrão Endereço IP Obter Comunidade Público Explicação O Endereço IP do novo Master A cadeia usada como o nome da comunidade em solicitações SNMP de Obter e Obter Próximo A cadeia usada como o nome da comunidade em solicitações SNMP de Definir e Definir Próximo Quantidade de milissegundos após os quais o PVMax aguarda pelo Master. eles aparecem na Árvore de Topologia com pontos de interrogação sobre seus ícones. o Registro de Eventos é atualizado com um novo evento. Para detectar novo hardware.). que o sistema tentará receber uma resposta a uma solicitação de um Master antes de relatar um erro de comunicação. O número de vezes.PV4E User Manual – V6. Scanner. Uma vez que todos os dispositivos sejam detectados. eles ainda não foram adicionados ao banco de dados do inventário. siga as instruções em Para inserir novo hardware no banco de dados do inventário (consulte Para Inserir Novo Hardware no Banco de Dados do Inventário). defina o parâmetro pelo menos para 200. dentro do período de expiração. É necessário adicionar esses dispositivos ao banco de dados do inventário. etc. Clique em Detectar. 214 . Definir Comunidade Público Tempo de expiração (msegundos) 25 Tentativas 1 7. Conforme o PVMax detecta cada dispositivo (Extensor.

0 Figura 166 .Exemplo de Painéis Recém-Detectados 8. > Para inserir o novo hardware do banco de dados do inventário 1. A caixa de diálogo Inserir será aberta. Clique em Fechar. Clique com o botão direito na Árvore de Topologia e selecione Inserir na lista suspensa.PV4E User Manual – V6. 215 . A caixa de diálogo Detectar Master será fechada.

Digite o nome do catálogo. local e nome do inventário. Não é necessário inserir o local. o valor padrão será Sem Local.0 Figura 167 . Clique em OK. O ícone do dispositivo não aparece mais com um ponto de interrogação. Clique com o botão direito do mouse sobre os ícones selecionados e selecione Inserir. A caixa de diálogo Inserir será aberta: 216 . 3. O dispositivo é adicionado ao banco de dados do inventário. > Para inserir vários itens de novo hardware no banco de dados do inventário de uma vez 1.Caixa de diálogo Adicionar Novos Painéis PVMax 2. Caso o local não seja inserido.PV4E User Manual – V6. na Árvore de Topologia. Pressione a tecla ALT e clique em vários. no menu suspenso.

Atualizando e Removendo Equipamentos na Topologia PVMax Na Árvore de Topologia. É possível mover um dispositivo existente a um novo local físico na rede ou substituir um dispositivo existente na rede por um novo dispositivo.PV4E User Manual – V6. Os itens serão atualizados com seus nomes. Scanners PVMax e Painéis podem ser adicionados ao banco de dados do inventário. 4. Masters. Caso o local não seja inserido. É possível determinar se um dispositivo existente foi removido fisicamente da rede.0 Figura 168 . Os ícones dos dispositivos não aparecem mais com um ponto de interrogação. Para usar o recurso de Nomeação Automática em vários nomes. conforme a rede se expande. 3. consulte Recurso de Nomeação Automática. Scanners PVMax e Painéis podem ser atualizados fisicamente na rede. Extensores Master. Extensores. Extensores. Scanners PVMax e Painéis que tenham sido removidos fisicamente da rede devem ser removidos 217 . Esses dispositivos podem ser adicionados após a rede original ter sido estabelecida. Clique em OK. Extensores. Não é necessário inserir o local. Extensores Masters. Adicionando. Digite os nomes de inventário. Observe que todos os itens devem ter o mesmo nome de catálogo e local. o valor padrão será Sem Local. Extensores Masters.Adicionar Novos Painéis PVMax 2. Digite o nome do catálogo e o local. Os dispositivos são adicionados ao banco de dados do inventário.

PV4E User Manual – V6. Extensores. Uma descrição de evento aparece na área Eventos. > Para mover um dispositivo existente 1. Todos os links relacionados ao antigo Scanner ou Extensor aplicam-se ao Scanner ou Extensor substituto. Uma descrição de evento aparece na área Eventos. Clique com o botão direito do mouse sobre o ícone do dispositivo em Árvore de Topologia e selecione Substituir. Posicione o dispositivo em seu novo local físico da rede e acople-o aos dispositivos apropriados existentes. Posicione o novo dispositivo em seu local físico da rede e acople-o aos dispositivos apropriados existentes. 218 . Clique em Atualizar. Para adicionar o dispositivo ao banco de dados do inventário. O novo dispositivo aparece na Árvore de Topologia com um ponto de interrogação sobre seu ícone. na página 217. Dispositivos recém-conectados (Masters. siga as instruções de Como inserir novo hardware no banco de dados do inventário. O dispositivo aparece na Árvore de Topologia em seu novo local. Scanners PVMax e Painéis) que sejam instalados após o sistema principal ter sido instalado são detectados automaticamente na Árvore de Topologia. 2.0 do banco de dados do inventário. > Para substituir um Scanner ou Extensor existente 1. Remova o dispositivo de seu atual local físico na rede. mas os manterá em suas posições na Árvore de Local. 3. Remova o dispositivo de seu atual local físico na rede. 2. Masters não podem ser removidos da Árvore de Topologia e podem ser excluídos na Árvore de Local apenas se não houver itens de Rede conectados a eles na Árvore de Topologia. Dica: É recomendado inserir os Masters. Scanners PVMax e Painéis em sua ordem correta na Árvore de Topologia. É necessário adicionar o dispositivo ao banco de dados do inventário. Extensores Master. ele ainda não tinha sido adicionado ao banco de dados do inventário. Isso indica que quando o dispositivo foi detectado. Uma descrição de evento aparece na área Eventos. Isso os removerá da Árvore de Topologia. não é possível mover os dispositivos na Árvore Topologia. 3. Uma descrição de evento aparece na área Eventos. Extensores. O novo dispositivo aparece na Árvore de Topologia no mesmo local. Posicione o novo dispositivo no mesmo local físico da rede e acople-o aos dispositivos apropriados existentes. Extensores Master. > Para adicionar um novo dispositivo 1. na lista suspensa. Uma descrição de evento aparece na área Eventos. Clique em Atualizar. Diferente da Árvore de Local. 3. 2.

2. embora o dispositivo tenha sido desinstalado.PV4E User Manual – V6. Clique com o botão direito do mouse sobre o ícone do dispositivo em Árvore de Topologia e selecione Excluir. 2. mostrando todas as suas portas. Remova o dispositivo de seu atual local físico na rede. na lista suspensa. Caso não tenha certeza de qual dispositivo existente foi desinstalado. Isso indica que embora o dispositivo tenha sido removido fisicamente da rede. 4. Ou: 3. Clique com o botão direito do mouse sobre o ícone do dispositivo em Árvore de Topologia e selecione Remover. O dispositivo aparece na árvore Topologia com um "X" junto ao seu ícone. eles ainda estão no banco de dados do inventário. na lista suspensa. ele ainda não foi excluído d banco de dados do inventário.0 > Para exibir um Painel existente 1. Isso indica que. Isso indica que. Elas são: Grupo Departamento Usuário 219 . 3. Clique com o botão direito no ícone de painel na Árvore de Topologia e selecione Inserir na lista suspensa. Uma imagem do painel aparecerá. embora os dispositivos tenham sido desconectados. É necessário excluir o dispositivo do banco de dados do inventário. clique com o botão direito do mouse sobre ícone de um dispositivo de nível superior na Árvore de Topologia e selecione Reconhecimento Automático na lista suspensa. Clique com o botão direito do mouse sobre o ícone do dispositivo em Árvore de Topologia e selecione Reconhecimento Automático. Clique em Atualizar. O dispositivo aparece na árvore Topologia com um "X" junto ao seu ícone. Existem três níveis de definição disponíveis na árvore. 4. O dispositivo não aparece mais na Árvore de Topologia. Usuários A Árvore de Usuários encontra-se no Módulo de Manutenção e representa a estrutura hierárquica dos usuários no empreendimento da empresa. na lista suspensa. Uma descrição de evento aparece na área Eventos. ele ainda está no banco de dados do inventário. Quaisquer dispositivos abaixo do nível superior que tenham sido desconectados aparecem na árvore de Topologia com um "X" junto aos seus ícones. > Para determinar se um dispositivo existente foi removido 1. > Para remover um dispositivo existente 1.

> Para adicionar um Grupo de Usuários 1. Figura 169 - Caixa de diálogo Adicionar/Editar Grupo 4. Usuários devem ser definidos. contanto que não haja Usuários listados nos Grupos ou Departamentos. Os usuários podem ser movidos entre os departamentos usando o modo de Edição. Preencha a Descrição (opcional). Selecione e clique em Adicionar Grupo. 2. 3.0 Adicionando. Adicionando um Grupo de Usuários Não há limite para a quantidade de Grupos de Usuário que podem ser definidos. 220 . Departamento e Usuário podem ser adicionados à Árvore Usuário e editados a qualquer momento. Consulte Adicionando Equipamento Terminal. Selecione a Aba Usuários no Módulo Manutenção. Editando. 5. Movendo e Excluindo Usuário Um Grupo. Preencha o Nome. Um menu suspenso aparecerá. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Grupo será aberta. Selecione e clique com o botão direito do mouse na Pasta Usuário. Clique em OK para prosseguir. Observação: A fim de atribuir Equipamentos Terminais ao seu Local.PV4E User Manual – V6. 6. Eles podem ser excluídos.

Selecione ou Adicione um Grupo. 4. 5.PV4E User Manual – V6. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Usuário será aberta. Figura 170 . Selecione e clique com o botão direito do mouse na Pasta Usuário ou no Grupo exigido. Clique no campo Contatos para adicionar um nome de contato (opcional). 221 . Selecione e clique em Adicionar Departamento. Selecione e clique em Adicionar Usuário. > Para adicionar um Usuário 1. Selecione e clique com o botão direito do mouse na Pasta Usuário ou no Grupo ou Departamento exigido. 6. 2. Adicionando um Usuário Usuários podem ser adicionados diretamente à Pasta Usuário ou definidos dentro de um Grupo ou Departamento. Clique em OK para prosseguir. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Departamento será aberta. 2. 7.Caixa de diálogo Adicionar/Editar Departamento 3.0 Adicionando um Departamento É possível adicionar departamentos diretamente à Pasta do Usuário ou definí-los dentro de um Grupo > Para adicionar um Departamento 1. Preencha a Descrição (opcional). Preencha o Nome. Um menu suspenso aparecerá. Um menu suspenso aparecerá.

É possível importar os dados de um arquivo CSV criado pelo cliente ou de um arquivo temporário gerado pela operação de Exportação do PV4E. Preencha os campos ID. Clique em OK para prosseguir. Visão Geral do Recurso O arquivo CSV de importação oferece suporte a: Importação de Locais Importação do Inventário de Hardware de Conexão Importação do Inventário de Equipamentos de Bastidores Importação do Inventário de Equipamentos de Rede Importação de Informações de Links A Exportação oferece suporte aos seguinte (e as respectivas importações): 222 .Caixa de diálogo Adicionar/Editar Usuário 3. 4. Observação: O equipamento será preenchido pelo sistema se ele estiver definido quando o Item/Equipamento for adicionado ao Catálogo. 5.PV4E User Manual – V6. Recurso de Importação/Exportação O recurso de Importação/Exportação permite importar e exportar dados off-line de e para o banco de dados do PV4E.0 Figura 171 . Sobrenome e Título. Nome. Selecione ou Adicione um Departamento.

PV4E User Manual – V6. Figura 172 .Janela Permissões 223 . o usuário será notificado e a operação de importação será cancelada. A operação de exportação está disponível para todos os usuários. A operação de importação está disponível apenas para que usuários com permissão de Edição/Exclusão possam importar.0 Exportação de Locais Exportação do Inventário de Hardware de Conexão Exportação do Inventário de equipamentos do PVMax Exportação do Inventário de equipamentos de Rede Exportação do Inventário de Equipamentos de Bastidores Exportação do Inventário de Equipamentos Terminais Exportação de Informações de Links Escopo Ambos os servidores (o servidor do qual os dados são exportados e o servidor para o qual os dados são importados) devem ter a mesma configuração. Permissões Uma categoria de permissão para importação foi adicionada a um grupo de permissão. bem como os mesmos: Versão PV4E Service Packs. atualizações e hot fixes Pacote de Idioma Pacote de Drivers Versão do CAD Caso as configurações de ambos os servidores não sejam coincidentes.

Janela Exportar Ao selecionar navegar no campo Local Raiz. uma caixa de diálogo Local é aberta. Figura 173 . 224 .Exportar para Arquivo –Menu Feramentas Ao selecionar Exportar. a seguinte tela Exportar aparece: Figura 174 . permitindo selecionar o local raiz para exportar.0 Exportar para um Arquivo de Exportação Fluxo de Trabalho e Interface do Usuário Uma nova opção Exportar para Arquivo foi adicionada ao menu Ferramentas.PV4E User Manual – V6.

Figura 175 . A operação de exportação será iniciada imediatamente como uma operação em lote executada em segundo plano. os locais e todos os itens de catálogo definidos pelo usuário. Uma indicação é exibida na tela enquanto a operação de operação está em progresso. Caso você selecione Interromper Exportação no menu suspenso. clique em OK. a sessão expirar. Um evento será disparado. a opção Exportar para Arquivo. Esta opção aparece apenas para o usuário que iniciou a operação de exportação. solicitando para confirmar o cancelamento e Interromper a Operação de Exportação.PV4E User Manual – V6. no menu Ferramentas. uma janela pop-up de aviso aparece. Uma vez que o processo de exportação comece. muda para Interromper Exportação". com extensão . Uma vez que processo de exportação seja concluído. o processo continuará 225 . as informações do link não serão exportadas Se durante a exportação de dados um usuário encerrar sua sessão.exp O arquivo inclui o inventário e informações do link para os itens relacionados à sub-árvore selecionada. dois eventos serão disparados. Você tem a opção de interromper uma operação de exportação que já tenha começado. Um deles contém informações estatísticas sobre o processo de exportação e o outro indica que o processo de exportação está completo e o arquivo está pronto para uso. ou a janela do navegador for fechada.Interromper Exportação – Menu Ferramentas Comportamento do Processo O processo de exportação gera um arquivo para uso interno do PV4E. Caso o link a um dispositivo esteja em uma sub-árvore exportada e o dispositivo esteja fora da sub-árvore. indicando que o processo de exportação foi iniciado.0 Após selecionar um local.

0 Importar de um Arquivo de Exportação Fluxo de Trabalho e Interface do Usuário Observe que antes de iniciar uma operação de importação.Janela Importar 226 .Importar de Arquivo –Menu Feramentas Ao selecionar Importar.PV4E User Manual – V6. O PV4E verificará isso. Uma nova opção Importar de Arquivo foi adicionada ao menu Ferramentas. Figura 176 . o PatchView e o PVMax devem estar em modo offline (da tela de topologia). Esta opção aparece apenas para que usuários com permissões de Editar/Excluir possam importar. a seguinte tela de Importação é aberta: Figura 177 .

a operação é cancelada e um relatório de conflito é exibido.0 Clique em Navegar.PV4E User Manual – V6. Caso o teste de validade acuse erros. Caso seleione OK. O teste de validade pode resultar em sucesso. um relatório de conflito será exibido. uma caixa de diálogo de arquivo será aberta e permitirá que você selecione o arquivo para importar. Uma mensagm popup aparece para o usuário que iniciou a operação. Caso o teste de validade acuse um aviso. Uma vez que o processo de importação seja concluído. aviso ou erro. 227 . mostrando uma barra de progresso e um botão de Parar para cancelar a operação. a operação de importação será iniciada imediatamente como uma operação de lote executada em segundo plano. Uma mensagem pop-up aparece e um evento é disparado. O primeiro contém informações estatísticas sobre o processo de importação e o segundo indica que o processo de importação está concluído. indicando que o processo de importação foi iniciado. Caso selecione Cancelar. Uma janela é exibida. Caso o teste de validade seja bem-sucedido. dois eventos são disparados. uma caixa de mensagem pop-up de aviso aparece. solicitando para confirmar se deseja continuar ou cancelar. uma mensagem de erro exibindo uma notificação de erros de arquivos aparece. Figura 178 . juntamente com um link para o relatório de conflito. o processo continuará.Janela Escolher Arquivo Uma verificação de validade é executada após um arquivo ser selecionado.

Teste de Validade de Linha de Item do Catálogo Itens de catálogo devem ser novos oou idênticos ao item correlacionado (mesmo nome. uma mensagem de erro aparecerá e o processo de importação inteiro será abortado Um item de catálogo em duplicata com propriedades idênticas no arquivo e no banco de dados não é considerado um conflito Testes de Validade do Arquivo EXP Verificação de Versão A versão do PV4E que exportou os dados deve ser idêntica à versão do PV4E que importou os dados. Caso os itens sejam diferentes. o processo de importação ignora o item Se o mesmo item de catálogo (mesmo nome. solicitando a confirmação entre continuar ou cancelar a operação de importação.PV4E User Manual – V6. o item problemático é ignorado e o conflito é registrado no registro. uma janela pop-up de aviso aparece. Edição Manual do Arquivo . Esta opção aparece apenas para o usuário que iniciou a operação de importação.exp não deve ser editado manualmente. uma vez que ele é gerado pelo PV4E. no menu Ferramentas. Geral Um conflito é gerado nos seguintes casos: Se um item de inventári (nome e tipo funcional do catálogo) já existir Um nº de Slot contém un nº de slot ocupado em seu recipiente 228 .0 O usuário tem a opção de interromper uma operação de importação que já tenha começado. a opção Importar de Arquivo. Comportamento do Processo O processo de importação é inserido nos dados do arquivo EXP no banco de dados de produção do PV4E Caso o mesmo item de inventário (mesmo nome e tipo de catálogo) seja encontrado no arquivo EXP e no banco de dados no mesmo local. muda para Interromper Importação. outro usuário (ou o mesmo usuário) modifica um item no sistema PV4E que causa conflito com os dados sendo importados. Caso os itens sejam os mesmos.exp O arquivo . Caso o teste sendo realizado retorne um aviso. o processo de Importação comparará as propriedades dos dois itens. tipo funcional e classe) for encontrado no arquivo EXP e no banco de dados. Uma vez que o processo de importação comece. o processo de Importação passará para o próximo item no arquivo. Observação: Caso um usuário importe um arquivo. após a validação terminar. tipo funcional e classe) no banco de dados de produção do PV4E.

Importar de Arquivo CSV Fluxo de Trabalho e Interface do Usuário Consulte Fluxo de Trabalho e Interface do Usuário.PV4E User Manual – V6.0 Lidando com Erros Todos os conflitos encontrados durante a verificação de validade são salvos para criar um relatório de conflitos Relatório de Conflitos Um relatório de conflitos oferece informações a respeito de conflitos que tenham sido encontrados no arquivo CSV. número da linha. para cada conflito. o tipo do conflito: aviso ou erro. O relatório declara. nome do campo e dados do campo que causou o conflito. e uma breve descrição do conflito. 229 .

Equipamento de Bastidor 4. composto por: "PV4E CSV File". Cidade. Hardware de Conexão 3. Londres.Andar.) 3.A1.Alto.Caminho completo do local pai Exemplo: Local.Conf. ex. Informações do Link Estrutura do Registro de Local A estrutura do registro é a seguinte: 1. País. Nome do Local (até 50 caracteres) 4.\Reino Unido é equivalente a: Local.\Reino Unido\Londres\A1\3º Andar 230 . País. Tipo de Local (como definido no PV4E. Cidade. Principal Sala. Tipo de Item (Local) 2.\Reino Unido\Londres Local. Nível de segurança: Alto/Normal/Baixo (padrão Normal) 5. Equipamento de Rede 5.\Reino Unido Local.0 Estrutura do Arquivo CSV Geral A primeira linha de um arquivo CSV é o cabeçalho. etc.Sala.Normal. Normal.. andar. Local 2. Normal.Alto. Reino Unido. Local Pai . Local. edifício.PV4E User Manual – V6.\Reino Unido\Londres\A1 Local.Edifício. Londres.3º Andar. O primeiro campo de um registro de item de inventário possui os seguintes tipos de item: 1.

Nenhum Equipamento de Bastidor. Tipo de Item (Hardware de Conexão) 2.Local. Nome de Catálogo 4. Organizador de Cabos 1U. Nº de Slot .5. ignorado para Pontos) Todas as outras informações são derivadas do catálogo. Nenhum 231 . Tipo de Local (Local. Prateleira 0.relevante apenas para Bastidores Todas as outras informações são derivadas do catálogo. prateleira. Ordem "U" (Inferior. STP". 0. Nome do Item (até 50 caracteres) 5.5U. 3. Tipo Funcional (Organizador de cabos.relevante apenas para itens dentro de um Bastidor 8.Bastidor. Tipo Funcional (Painel/Ponto) 3. Tipo de Local Pai (Local."Double 5e. 16. Superior) . Bastidor. Espaçador) 3. Bastidor) 7. Tipo de Item (Equipamento de Bastidor) 2. Exemplo: Equipamento de Bastidor. 1-Porta.0 Estrutura de Registros de Hardware de Conexão A estrutura do registro é a seguinte: 1. \Reino Unido\Londres\A1\3º andar\Sala de conferências principal\Bastidor01. Nome de Catálogo 4. Prateleira 01\Reino Unido\Londres\A1\6º Andar\CR\8E\Bastidor 01. Caminho Completo do Local (sem nº de slot) 6. Nº de Slot .No Hardware de Conexão.\Reino Unido\Londres\A1\ 6º Andar\CR\8E. Bastidor) 7.2F-PP1-P1-48. 0. Nome do Item (até 50 caracteres) 5. Exemplo: Hardware de Conexão.relevante apenas para itens dentro de um Bastidor 8. Organizador de Cabos. Local. \Reino Unido\Londres\A1\3º andar\Sala de conferências principal. Terminador de Link: Sim/Não (relevante apenas para Painéis. Caminho Completo do Local (sem nº de slot) 6.Painel. Prateleira.PV4E User Manual – V6.Ponto 467.5. SMART F/O 48. Nº Estrutura de Registros de Equipamentos de Bastidores A estrutura do registro é a seguinte: 1.Ponto. CO 350. bastidor.

0 Estrutura de Registros de Equipamentos de Rede A estrutura do registro é a seguinte: 1.Sim Estrutura de Registros de Módulos de Equipamentos de Rede A estrutura do registro é a seguinte: 1.\Reino Unido\Londres\A1\6º Andar\CR\Bastidor 01. Tipo Funcional de Recipiente (Comutador. Nº de Série (até 20 caracteres) All other information is derived from the catalog.relevante apenas para itens dentro de um Bastidor IP MAC 10. Sw 01.relevante apenas para recipientes dentro de um Bastidor 7. 2.Módulo WSF5541. Caminho Completo do Local Recipiente (sem nº de slot) 5. Sw01. Chassis WS-C6506. 1. PBX) Nome de Catálogo Nome do Item (até 50 caracteres) Caminho Completo do Local (sem nº de slot) Tipo de Local Pai (Local. Bastidor) Nº de Slot .100. Nome do Item (até 50 caracteres) 9.40. Monitor: Sim/Não Todas as outras informações são derivadas do catálogo. Bastidor) 6. Exemplo: Módulo de Equipamento de Rede.250. Nº de Slot de Recipiente . 15.1 232 . Exemplo: Equipamento de Rede. Módulo 01 Sw01.. 15. Tipo de Item (Módulo de Equipamento de Rede) 2. 6. Nº de Série (até 20 caracteres) 11. 2345678. 3. Tempo de expiração 13. Nome da Comunidade 12. Bastidor.\Reino Unido\Londres\A1\ 6º Andar\CR\Bastidor01.10.00-05-2B-23-40FF.10.PV4E User Manual – V6. Comutador. 8. Tipo de Local Pai de Recipiente(Local. Tentativas 14. Comutador.2345678. 5.1. 4. PBX) 3. Nome de Catálogo 8. 9. Tipo de Item (Equipamento de Rede) Tipo Funcional (Comutador. 7. Nome do Recipiente 4. \Reino Unido\Londres\A1\6º Andar\CR\8E.público. Bastidor.

Tipo de Local Pai do Primeiro Recipiente(Local. Tipo do Segundo Recipiente (Hardware de Conexão. Durante esse tempo. Comutador. Tipo de Item (Link) 2. Um links entre um Comutador 3750. Número do Segundo Container 9. Módulo de Equipamento de Rede) 10. Tipo da Primeira Porta: Dianteiro/Traseiro 7.5. Bastidor.3 Testes de Validade do Arquivo CSV Geral O processo de verificação pode levar vários minutos.Hardware de Conexão. Tipo da Segunda Porta: Dianteiro/Traseiro 13.Bastidor. Nome do Primeiro Recipiente 3. Caminho Completo do Segundo Local Recipiente (sem nº de slot) 11. Caminho Completo do Primeiro Local Recipiente (sem nº de slot) 5. Número da Primeira Porta 8. porta 05 para um painel de conexão 2FPP2-P1-48. porta 03. Um aviso será gerado para um conflito que possa ser ignorado e que não afetará o resto do processo. Equipamento de Rede.\Reino Unido\Londres\A1\3º Andar\ Sala de Comunicações 1\Bastidor20. Módulo de Equipamento de Rede) 4. Bastidor) 6. Um conflito é gerado nos seguintes casos: A linha CSV possui o número errado de campos de acordo com o seu tipo (caso um campo seja omitido.2F-PP2-P148. Dianteiro. Equipamento de Rede. aparecerá como: Link. Tipo do Primeiro Recipiente (Hardware de Conexão. ele deverá ser representado com vírgulas subsequentes) O Tipo de Item possui um valor inválido. Bastidor) 12. \Reino Unido\Londres\A1\3º Andar\Comunicação Sala 1\Bastidor01. Equipamento de Rede. Um erro será gerado para um conflito que não possa ser ignorado e que causará o cancelamento do processo. Valores válidos são: Local/Hardware de Conexão/Equipament de Bastidor/Equipamento de Rede/Informação de Link Item de inventário (nome e tipo funcional do catálogo) não é exclusivo em seu local 233 . Traseiro.0 Estrutura de Registros de Informações de Links Cada elemento de um link é representado por quatro campos: 1. não será possível executar qualquer tarefa. Tipo de Local Pai do Segundo Recipiente(Local.PV4E User Manual – V6. Número da Segunda Porta Um registro de informações do link é composto por um campo de tipo de registro e um par de elementos de link. Comutador 3750.

de acordo com a tabela abaixo Itens Pai-Filho Válidos A tabela abaixo lista todos os itens e os pais válidos para eles. Nº de Slot contém um nº de slot inválido ou ocupado em seu recipiente O tipo funcional pai-filho deve atender às políticas PV4E. ou um painel dentro de uma prateleira. Item Filho Organizador de Cabos Prateleira Espaçador Telefone IP KVM Estação Comutadores PBX Roteador Hub Extensor Master Extensor Master Scanner Controle Painel Telefone IP KVM Item Pai Gabinete Gabinete Gabinete Gabinete Gabinete Gabinete Gabinete Gabinete Gabinete Gabinete Gabinete Gabinete Gabinete Gabinete Gabinete Gabinete Prateleira Prateleira 234 .0 Nome de Catálogo não está definido no catálogo PV4E O Nome do Local não está previamente definido no arquivo CSV ou não existe no banco de dados do PV4E O Nome do Item não pode conter mais de 50 caracteres Local Pai deve conter um local de acordo com as políticas da Árvore de Local PV4E Exemplo: É ilegal definir uma sala como local pai para um andar.PV4E User Manual – V6.

0 Item Filho Estação Impressora Telefone Switch PBX Roteador Hub Mesa de Controle Módulo de Comutador Módulo PBX Módulo do Roteador Módulo do Hub Módulo do Master Todos os Itens Item Pai Prateleira Prateleira Prateleira Prateleira Prateleira Prateleira Prateleira Prateleira Comutador PBX Roteador Hub Master Todos os Locais. exceto o local raiz Teste de Validade do Registro de Local O Tipo de Local deve conter um tipo de local válido que exista no banco de dados de produção do PV4E.) O campo Nível de Segurança deve conter um dos valores: Alto/Normal/Baixo Teste de Validade de Registro de Hardware de Conexão O campo Tipo Funcional deve conter um dos valores: Painel/Ponto O campo Terminador de Link deve conter um dos valores: Sim/Não Teste de Validade de registro de Equipamento de Bastidor O campo Tipo Funcional deve conter um dos valores: Organizador de Cabos/Bastidor/Prateleira/Espaçador Ordem U deve conter um dos valores: Superior/Inferior Teste de Validade de registro de Equipamento de Rede O campo Tipo Funcional deve conter um dos valores: Comutador/PBX/Hub/Roteador O campo IP deve conter um endereço IP válido O campo MAC deve conter um endereço MAC válido O campo Nº de Série não pode conter mais de 20 caracteres 235 . andar.PV4E User Manual – V6. (País. edifício. etc.

Arquivo de Registro Os processos de Importação e Exportação registram todos os itens transferidos em um arquivo de registro. O formato do arquivo de registro de importação/exportação torna simples verificar se todos os itens exportados foram importados. Lidando com Erros Todos os conflitos encontrados durante a verificação de validade são salvos para criar um relatório de conflitos. O processo de Importação gera um arquivo de registro para cada item de local. item de catálogo. para cada conflito. mesmo que ele exista no banco de dados do PV4E. item de catálogo. item de catálogo. o tipo do conflito: aviso ou erro. e uma breve descrição do conflito. O processo de Exportação gera um arquivo de registro para cada item de local. Caso você escolha prosseguir com o processo de importação. nome do campo e dados do campo que causou o conflito. 1 ou mais. bem como cada item de local. Todo elemento de porta pode ser conectado a apenas um dispositivo e a porta deve estar disponível. O relatório declara. item de inventário e informação de link que tenha sido exportada. Relatório de Conflitos Um relatório de conflitos oferece informações a respeito de conflitos encontrados no arquivo CSV. Número de Porta deve conter um número de porta válido neste recipiente. Tipo de Porta deve conter um dos valores: Dianteiro/Traseiro. item de inventário e informação de link que tenha sido importada. O campo Nº de Série não pode conter mais de 20 caracteres Teste de Validade de Registro de Informação de Link Todo elemento de link deve ser previamente definido no arquivo CSV. número da linha.0 O campo Expiração deve conter um número inteiro positivo entre 10 e 300. todas as linhas do arquivo CSV que causaram um conflito serão ignoradas.PV4E User Manual – V6. apesar dos avisos relatados. 236 . item de inventário e informação de link que tenha sido ignorada devido a um conflito.000 O campo Tentativas deve conter um número inteiro positivo entre 1 e 5 O campo Monitor deve conter um dos valores: Sim/Não Teste de Validade de registro de Módulo de Equipamento de Rede O campo Tipo Funcional do Recipiente deve conter um dos valores: Comutador/PBX/Hub/Roteador.

A tabela abaixo lista todos os possíveis conflitos e seus tipos de erros (erro ou aviso).exp.PV4E User Manual – V6. Descrição do Conflito Número errado de campos Tipo de Item Inválido Tipo Funcional Inválido O Nome da Classe não existe O Nome do Catálogo não existe O item relacionado não existe Exemplo: Vlan de Equipamentos de Rede não está no banco de dados de destino O Nome de Catálogo existe com diferentes propriedades O Local não existe O Tipo de Local não existe O Tipo de Local não atende às políticas da Árvore de Local do PV4E Exemplo: Tentativa de definir um país dentro de uma cidade O Item Pai não existe O nº do slot não está disponível O Endereço IP já existe O Item de Link não existe A Porta está ocupada ou reservada Aviso A Porta não existe Valor Inválido para o campo Exemplo: Valor "aaa" para o campo Ordem U do Bastidor (valores válidos são: Superior/Inferior Aviso Aviso Tipo Aviso Aviso Aviso Aviso Aviso Erro Aviso Aviso Aviso Aviso Aviso Aviso Aviso Aviso Aviso 237 . Este processo determina quais linhas são válidas e quais são inválidas. A linha é ignorada e a importação continua na próxima linha. Erro: Aviso: Um conflito que não possa ser ignorado resulta no cancelamento do processo.0 Possíveis Conflitos para Tipos de Arquivos Importados Durante o processo de importação. Um conflito que pode ser ignorado e não afeta o resto do processo. ocorre uma verificação das linhas em um arquivo csv ou .

O arquivo pode estar corrompido ou pode ter sido criado usando uma versão diferente do PV4E O arquivo foi alterado desde sua exportação pelo PV4E e não pode ser importado Erro ao criar arquivo.0 Descrição do Conflito Duplicar item no local O valor excede o comprimento máximo Exemplo: O comprimento do Nome do Item tem mais de 50 caracteres A versão do arquivo não confere com a versão do banco de dados de destino O arquivo não pôde ser lido. A pasta não existe ou não há permissão para gravar Erro ao ler do banco de dados Erro ao conectar a componentes do PV4E O arquivo está vazio Nada para exportar O item existe com catálogo diferente Link inválido entre dispositivos de cobre para dispositivos de fibra Link inválido Tipo funcional pai inválido Tipo Aviso Aviso Erro Erro Erro Erro Erro Erro Erro Aviso Aviso Aviso Aviso Aviso 238 .PV4E User Manual – V6.

Aviso encontrado. aparece uma mensagem pop-up para notificar que a operação foi concluída.PV4E User Manual – V6. 239 . o conflito pode ser ignorado.0 Legenda da tela Detalhe do Evento: Não foram encontrados erros. Erro crítico. Juntamente com o evento exportação concluída. Cancela a operação inteira. aparece uma mensagem pop-up para notificar que a operação foi iniciada. Novos Eventos Eventos de Exportação Juntamente com o evento exportação iniciada.

Janela de Detalhes do Evento de Exportação 240 .0 Evento Processo de Exportação Iniciado Figura 179 .PV4E User Manual – V6.

0 Evento Informações Estatísticas da Exportação Figura 180 .PV4E User Manual – V6. 241 . a linha não deverá reaparecer.Janela de Detalhes Estatísticos do Evento de Exportação Caso o número total de itens em uma linha de informações estatísticas seja igual a zero.

PV4E User Manual – V6. o evento Processo de Exportação concluído com erros será disparado. um ícone amarelo de aviso aparecerá na janela de eventos.Janela de Detalhes do Evento Processo de Exportação Concluído O arquivo exportado é salvo no servidor. Eventos de Importação Juntamente com o evento importação iniciada. O processo é o mesmo para processos concluídos. Evento Processo de Exportação Concluído com Conflitos Caso tenham ocorrido erros durante uma operação de exportação. aparece uma mensagem pop-up para notificar que a operação foi iniciada. clique no hyperlink.0 Evento Processo de Exportação Concluído Figura 181 . Caso o processo de importação seja concluído com um aviso. Para fazer o download para o cliente. Um ícone vermelho de erro aparece para erros. 242 .

Não é possível configurar resultados de testes de cabos para itens em "Sem Local". Porta de ponto para porta de painel. O Servidor PV4E possui acesso de leitura no sistema de arquivos onde os resultados dos testes de cabos são armazenados. conectados ponto-aponto . Porta de comutador para Ponto . você poderá visualizá-lo em um visualizador ActiveX. Os Resultados de Testes de Cabos são armazenados no servidor do PV4E (ou em um lugar acessível pelo sistema de arquivos PV4E). Porta de comutador para porta de painel. O PV4E não gerencia arquivos armazenados. por definição.link c. Porta de painel para porta de painel.link d.PV4E User Manual – V6. Exemplo de Uso Um local de armazenamento é criado para os arquivos de resultados de testes de cabos. o PV4E buscará alternativas. conectados à parte traseira do painel .link b. então o PV4E é configurado para caminho desse armazenamento. Uma vez que o resultado tenha sido localizado. As informações também contém dados para testes de cabos elétricos em cada porta. Visão Geral Existem resultados de testes de cabeamento para os seguintes componentes de Link/Canal: a. o PV4E buscará automaticamente os resultados no local de armazenamento. A opção executar do visualizador ActiveX deve estar habilitada. Quando você desejar visualizar um resultado de teste de cabos em uma porta específica. Observação: O visualizador Fluke para arquivos flw não é parte da instalação do PV4E e deve ser instalado na máquina cliente. Esses itens. A GUI do PV4E contêm opções para visualizar esses resultados com o uso de um visualizador de PDF/FLW.canal Um visualizador de arquivos Fluke (visualizador FLW ou visualizador PDF) deve ser instalado em cada máquina cliente que use este recurso. devem ser movidos ao local correto. O PV4E somente lerá dados da árvore de diretórios em que os resultados de testes de cabos são armazenados. conectados ponto-a-ponto .0 Resultados de Testes de Cabos Geral Resultados de Testes de Cabos fornece informações de conectividade com relação a links entre portas para o consumidor. Caso uma alternativa seja 243 . Caso a porta específica não possua qualquer resultado de teste de cabo.

Contudo. Associação da Árvore de Local Alterações na árvore de local do PV4E não afetarão a árvore de diretório de armazenamento. Como resultado. A tela a seguir exibe a árvore de diretórios. Um chamado ‘Link’ e outro ‘Canal’. alterar o nome de um item ou movê-lo causará divergência entre os nomes dos itens das árvores. Esses dois diretórios guardarão.0 encontrada. Figura 182 . Será então possível selecionar qual resultado exibir. respectivamente. os resultados dos testes de cabos perderão sua associação. Observação: Não é necessário criar o diretório "Canal" para as portas do painel. uma lista será exibida. O nível mais baixo da árvore de diretórios será dispositivo>painel>porta do ponto. os arquivos dos resultados dos testes de cabos de links e os dos resultados das testes de cabos de canais. crie uma árvore de diretórios com a mesma estrutura da Árvore de Local do PV4E.Resultados de Testes de Cabos – Árvore de Diretórios Observação: Tipos funcionais na árvore de local são ignorados na árvore de diretórios 244 .PV4E User Manual – V6. Abaixo desse diretório. crie mais dois diretórios para conter os arquivos de resultados de teste. Armazenamento de Resultados de Testes de Cabos Em um sistema de arquivos acessível ao PV4E.

0 Painéis e Pontos Painéis e pontos possuem sub-diretórios nomeados com base nos nomes de inventário de suas portas dianteiras. Veja a ilustração a seguir: Figura 184 . Os diretórios de módulos de comutadores possuem subdiretórios nomeados a partir de suas portas dianteiras.Resultados de Testes de Cabos – Árvore de Comutadores 245 . Veja a ilustração a seguir: Figura 183 .Resultados de Testes de Cabos – Árvore de Pontos Observação: Não é necessário criar o diretório "Canal" para as portas de um painel. Comutadores Comutadores possuem sub-diretórios nomeados a partir de seus módulos de comutadores.PV4E User Manual – V6.

3.Utilitário de Estruturação de Árvore Uso Definir Caminho Raiz para Armazenamento de Resultados dos Testes de Cabos Uma nova opção Resultados dos Testes de Cabos foi adicionada à GUI do PV4E na aba Configurações. execute as seguintes etapas: 1. 246 .0 Utilitário de Estruturação de Árvore Este utilitário estrutura automaticamente a árvore de diretórios na árvore de locais do PV4E para receber os arquivos de resultados dos Testes de Cabos. O Utilitário de Estruturação de Árvore pode ser encontrado no local [Diretório de instalação do PVE4]\Server\Tools.PV4E User Manual – V6. Veja a tela a seguir. Especifique um nome de uma pasta existente em que as sub-pastas tenham sido criadas. O local típico é: C:\Program Files\RiT Technologies\PatchView for the Enterprise\Server\Tools Para estruturar uma nova Árvore. 2. Pressione o botão Estruturar Árvore e espere por uma mensagem informando que as pastas foram criadas. Figura 185 . Especifique as configurações de conexão ao servidor SQL.

0 Figura 186 . Figura 187 .PV4E User Manual – V6.Caminho de Origem de Teste de Cabos 1.Resultados de Testes de Cabos – Aba Configurações Uma vez que a opção Resultados dos Testes de Cabos seja selecionada. a tela seguinte será exibida e permitirá que você defina o caminho do diretório raiz da Árvore de Diretórios. 247 . Para mudar o caminho. A seguinte tela será aberta. clique em Editar.

248 . 2.Editar Resultados do Teste de Cabos (Caminho) O caminho é inserido manualmente em uma caixa de edição de texto. O PV4E verifica se o diretório existe e é acessível. uma mensagem adequada aparecerá. A primeira é a partir de um menu em Visualizar Link.PV4E User Manual – V6. Clique em OK na caixa de diálogo Editar.0 Figura 188 . Visualizando os Resultados de Teste de Cabo da Porta Apresenta duas opções para visualização de resultados de testes de cabos. (O caminho não é escolhido em uma caixa de diálogo de árvore). A mudança de caminho tem efeito imediatamente. Caso uma cadeia inválida seja inserida ou o PV4E detecte um problema na GUI. Este é um novo menu que é aberto ao clicar na porta com o botão direito do mouse. 1.

249 . Existem apenas dois lugares onde esta opção está disponível.Aba portas Observação: A opção ‘Exibir Resultados de Testes de Canais’ está disponível somente para portas de comutadores e de pontos. A opção não está habilitada em Busca de Hardware de Conexão.0 Figura 189 . O menu não será exibido de maneira alguma no link visualização.PV4E User Manual – V6. mas apenas a comutadores e pontos. Exibir Painel e Exibir Bastidor.Visualizar Link Observação: A opção 'Exibir Resultado do Teste de Canal' não aplica-se a Painéis. o menu não exibirás as opções de resultados de teste de cabo. O segundo é a partir de: comutador>painel>visualização de propriedades do ponto: Figura 190 . Caso o resultado de teste de cabo seja desabilitado. 2.

0 Exibir Resultados do Teste de Cabo de Porta A fim de exibir os resultados de teste de cabo de porta. Caso não haja resultados. Busca no diretório que contém os arquivos com os resultados de teste de cabo. caso você tenha o seguinte link: E você deseja visualizar o resultado de teste do cabo do link Painel 02 Porta 01. Se você deseja visualizar o resultado de teste do cabo do link COMUTADOR TESTLAB. Caso não haja resultados.PV4E User Manual – V6. O PV4E busca primeiro os arquivos de resultados no diretório: …\Panel 02\Port 01\Link (Etapa 1). Busca arquivos no diretório da porta selecionada. busca por arquivos no diretório da porta do lado contrário do link. O sistema retorna o primeiro diretório que contém arquivos (caso algum arquivo seja encontrado) Por exemplo. Manipula os resultados da busca Ordem de Busca de Resultados de Teste de Cabo de Link de Porta Ao escolher visualizar o resultado do teste de cabo do link de uma porta. Caso não sejam encontrados arquivos (etapa 1). O seguinte algoritmo é usado para encontrar o(s) arquivo(s) de resultado correspondente(s): 1. 2. 250 . 2. o PV4E busca os arquivos de resultado em ordem determinística. ele busca arquivos em …\Panel 01\Port 07\Link (Etapa 2). o PV4E realiza as duas seguintes tarefas: 1. Porta 02. 3. o PV4E buscará arquivos em …\Panel 02\Port 17\Link (Etapa 2). O PV4E busca primeiro os arquivos de resultados no diretório: …\TESTLAB SWITCH\TESTLAB SWITCH-M-1\Port 02\Link (Etapa 1).

busca por arquivos no diretório da porta do lado contrário do canal. 3. o PV4E exibe um dos seguintes resultados: 1.PV4E User Manual – V6. Por exemplo. O PV4E busca primeiro os arquivos de resultados no diretório: …\TESTLAB SWITCH\TESTLAB SWITCH-M-1\Port 02\Canal (Etapa 1). 2. caso o usuário tenha o seguinte link: (O mesmo que acima) Se você deseja visualizar o resultado de teste do cabo do canal COMUTADOR TESTLAB. Exibir Resultados do Teste de Cabo de Porta Quando o processo de busca de arquivo é concluído. Caso não sejam encontrados arquivos (etapa 1).0 Ordem de Busca de Resultados de Teste de Cabo de Canal de Porta Ao escolher visualizar o resultado do teste de cabo do canal de uma porta. Caso não haja resultados. Porta 02. O seguinte algoritmo é usado para encontrar o(s) arquivo(s) de resultado correspondente(s): 1. Não foram encontrados arquivos A GUI alerta o usuário com a seguinte mensagem: 251 . o PV4E busca os arquivos de resultado em ordem determinística. O sistema retorna o primeiro diretório que contém arquivos (caso algum arquivo seja encontrado). O PV4E busca arquivos no diretório da porta selecionada. ele buscará arquivos em …\Ponto 201\Port 01\Canal (Etapa 2).

PV4E User Manual – V6.0

2. Apenas um arquivo foi encontrado no diretório da porta selecionada. Neste caso, o arquivo que foi encontrado será aberto automaticamente (pode ser necessário fazer o download do arquivo antes de abrí-lo)

3. Mais de um arquivo foi encontrado no diretório da porta selecionada. Neste caso, a GUI abre uma caixa de diálogo com a lista de arquivos encontrados pelo PV4E. A lista de arquivos possui uma seleção única. Selecione o arquivo e clique em Abrir para visualizá-lo. A lista continuará aberta até o botão Cancelar ser clicado.

4. Apenas um arquivo foi encontrado no diretório oposto da porta selecionada. Neste caso, o arquivo de resultado de teste de cabo da porta oposta será aberto.

5. Mais de um arquivo foi encontrado no diretório oposto da porta selecionada. Neste caso, o fluxo prossegue como em 3 (acima).

6. O caminho de armazenamento não está disponível. Neste caso, o BL não é capaz de acessar o armazenamento devido a um dos seguintes motivos: 1. O caminho de armazenamento não foi definido. 2. O caminho da porta do item não existe. 3. O caminho da porta do item está inacessível.

Caminho de Armazenamento de Resultados de Testes de Cabos
O caminho de armazenamento é o caminho a um diretório raiz do local onde os arquivos de resultados de testes de cabos estão localizados. O caminho de armazenamento é armazenado no banco de dados.

252

PV4E User Manual – V6.0

Capítulo 6: Criando e Editando Links
Visão Geral dos Links
Um link é a conexão física entre dois componentes. Links podem ser criados no Módulo Editar Link ou no Módulo Ordem de Serviço. Uma Ordem de Serviço pode ser criada a partir de uma Planilha Editar Link. O sistema de gerenciamento de rede do PV4E monitora e gerencia links existentes e quaisquer alterações na configuração da fiação que conecta os itens. A definição e a monitoração de links pode ser feita com o sistema on-line ou off-line. A Planilha Editar Link é projetada para funcionar on-line em tempo real. É possível criar links diretamente na planilha Editar Link e enviá-los aos scanners PatchView para implementação imediatamente. Isso é especialmente útil para configurações de instalações. A planilha Editar Link representa graficamente os links físicos entre os itens na rede. É nesta planilha que se cria e define a conectividade dos diferentes itens e como eles se relacionam entre si. O PV4E permite que o administrador da rede defina, altere e monitore links entre componentes em tempo real. O número de componentes que podem compor um link é ilimitado. O diagrama a seguir exibe um exemplo de um link completo.

Figura 191 - Exemplo de uma Janela de Link Completo Um link comum contém dois diferentes tipos de conexões. Eles são chamados de links Estáticos ou Dinâmicos. Um link Estático costuma ser uma conexão fixa, também chamada de link off-line. Essas são conexões fixas que raramente são alteradas. Exemplos são: Conexões entre Equipamentos de Rede e Painéis de Conexão Conexões entre Painéis de Conexão e Pontos

Um link Dinâmico refere-se à conexão feita por cabo de conexão entre equipamentos e é movido de acordo com certas exigências e especificações. Ele também é chamado de link On-Line. Um exemplo de um link Dinâmico é a conexão entre os dois Painéis de Conexão. Observação: Um link estático pode ser conectado a um link Dinâmico. Por exemplo, a conexão entre um Painel de Conexão e Equipamentos de Rede.

253

PV4E User Manual – V6.0

Os links devem ser devidamente estabilizados, ou serão considerados não-rastreáveis. Um link não-rastreável não funcionará, e precisará ser corrigido. Diferentes tipos de painéis possuem diferentes exigências de links, como abaixo: Painel 24 Portas Exigência Portas na mesma linha não podem ser conectadas As Portas 1-16 podem ser conectadas somente às Portas 17-24 48 Portas Portas na mesma linha não podem ser conectadas As Portas 1-16 podem ser conectadas somente às Portas 17-24, 25-40 ou 41-48 Com Splitter Portas na mesma linha não podem ser conectadas As Portas 1-24 podem ser conectadas somente às Portas 25-48 Ao trabalhar na planilha Editar Link, o Sistema PatchView deve estar on-line. Links que estejam definidos são enviados através dos scanners aos Painéis de Conexão. Com o uso da Mesa de Controle, o técnico é orientado através do processo de conexão e desconexão dos cabos conexão para completar os links definidos no sistema. O LED acima de cada porta pisca para orientar o técnico pelo processo até que todas as alterações tenham sido feitas. Até que o link físico real tenha sido executado, o sistema exibe as portas relevantes com o status "link pendente". Tão breve o link seja feito, seja um novo link ou um link alterado, o sistema registrará esse fato e o símbolo do status do link mudará para mostrar as portas como ligadas. Ao atualizar o sistema, após os Itens de Catálogo serem definidos e os Itens de Inventário serem atribuídos aos seus locais corretos, sua conectividade deverá ser definida no banco de dados.

254

PV4E User Manual – V6.0

Dica: Um diagrama de fiação, mostrando o layout físico de cabos da rede deve estar disponível a fim de definir os links no sistema com precisão. Consulte a seção Planejando o Projeto no Capítulo Configurando Projetos. Observação: O Módulo P-LET descobre as Estações e o link Estação-Ponto. Caso esteja usando o Módulo P-LET, não há necessidade de definir o link Estação-Ponto.

Editar Link
Adicionando Cabos a uma Planilha aberta
> Para arrastar e soltar um cabo em uma Planilha aberta: 1. 2. 3. Abra uma Planilha Editar Link se não houver uma já aberta. Mude para a visualização Infraestrutura de Telecomunicação Selecione o(s) cabo(s) que deseja adicionar à Planilha Editar Link e posicione o cursor sobre o ícone ou sobre um dos ícones da seleção. Clique no item ou seleção. Arraste para a Planilha Editar Link e solte na célula exigida. As portas do(s) cabo(s) serão adicionadas à Planilha Editar Link nas células selecionadas.

4.

Como alternativa, para adicionar um Item em uma Planilha aberta: 1. Abra uma Planilha Editar Link, caso não haja uma aberta e clique em uma célula vazia. 2. Encontre portas, cabos, etc. relevantes. 3. Clique com o botão direito do mouse sobre o item/porta e selecione "editar link"

Visualizar Links
Visualizar Link exibe uma imagem conjunta da árvore de inventário e da árvore de telecomunicações. Uma nova função, Visualizar Cabo foi adicionada e exibe uma visão ilustrada dos pontos do local onde cada cabo passos.

Percurso
> Para visualizar um link para um percurso, faça o seguinte: 1. Vá para o percurso e clique nele com o botão direito do mouse. Selecione Visualizar Link no menu de contexto.

255

PV4E User Manual – V6.0

2. Visualizar Link é aberto:

3. Visualizar Link exibe uma imagem conjunta da árvore de inventário e da árvore de telecomunicações. Visualizar link exibe os links de todos os cabos colocados neste percurso. 4. Clique no ícone do cabo para visualizar os caminhos do cabo. A janela a seguir, Visualizar Cabo, é aberta:

Cabos
1. Para visualizar um link do cabo vá para o cabo e clique nele com o botão direito do mouse:

256

PV4E User Manual – V6.0

A tela Visualizar Link é aberta:

2. Visualizar Link exibe uma imagem conjunta da árvore de inventário e da árvore de telecomunicações. 3. Clique no ícone do cabo cabo. para visualizar os caminhos do

Exibe uma visualização gráfica dos pontos do local onde cada cabo passa.

Links Monitorados do PatchView
O PV4E deve estar on-line a fim de monitorar os links.

257

PV4E User Manual – V6.0

Trabalhando on-line
Caso o seu sistema esteja off-line no momento, é recomendado que você mude para o modo on-line para monitorar links dinâmicos. Observação: Para mudar o PV/PVMax para on-line, abra o Módulo de Manutenção. O diagrama a seguir mostra as etapas necessárias para trabalhar on-line. > Para trabalhar on-line com o PV

Figura 192 - Trabalhando on-line com o PVMax O botão do Indicador PVMax é vermelho, indicando que o PVMax está off-line. 1. Selecione a pasta Topologia do PVMax na Árvore de Topologia. 2. A área de informações será aberta com o Modo Offline marcado 3. Desmarque a caixa off-line 4. Clique no botão OK. O botão Indicador do PVMax fica agora verde > Para trabalhar on-line com o PVMax

258

PV4E User Manual – V6.0

Figura 193 - Working on Line with PVMax 1. O botão do Indicador PVMax é vermelho, indicando que o PVMax está offline. 2. Selecione a pasta Topologia do PVMax na Árvore de Topologia. 3. A área de informações será aberta com o Modo Offline marcado 4. 5. Clique no botão OK. O botão Indicador do PVMax fica agora

259

PV4E User Manual – V6.0

Secure Links Overview
É possível definir Links com Links Seguros. Links seguros permitem que você defina um ou mais links essenciais na organização. O PV4E monitora de perto as informações sobre qualquer alteração ou problema que ocorra no link seguro ou em seus dispositivos finais (estação e porta de comutador). Isso permite um maior nível de controle e gerenciamento de links essenciais na rede, alertando quanto a quaisquer mudanças no link seguro e minimizando a capacidade de pessoas nãoautorizadas fazerem modificações na conectividade. Você recebe indicações imediatas de alterações em links essenciais. Um link seguro é definido como um link que possui uma porta de comutador em um equipamento de terminal no outro lado e não contém elementos de um link seguro existente danificado. Um ou mais links na organização podem ser definidos como links seguros. Um alerta é emitido e registrado antes de executar atividades em um link seguro, ou quando mudanças físicas são executadas em campo em qualquer dos dispositivos do link seguro. Consulte Erro! Fonte de referência não encontrada..

Indicador de Status do Link
The Link Status Indicator is found in the same window as the Control Pad indicators. Existem três status diferentes para os links. Elas são: Em Progresso Significa que o processo de criar ou romper links foi iniciado Pendente Os links foram atribuídos na Planilha Editar Link ou em Tarefa de Ordem de Serviço Off Não há links Links que tenham sido criados mas não tenham sido submetidos ao scanner podem ser cancelados. Consulte Erro! Fonte de referência não encontrada. Dinâmico.

260

PV4E User Manual – V6.0

> Para visualizar os Indicadores de Status do Link 1. Clique para selecionar a Aba Topologia 2. Selecione a instalação/grupo na Árvore de Topologia onde os links estão localizados. 3. A área de Informações será aberta com o Status do Link aparecendo em negrito.

Planilha Editar Link
Os Links são criados ou modificados para os seus ativos na caixa de diálogo Editar Link. Esta caixa de diálogo contém a Planilha Editar Link e os botões de Função usados para acessar comandos para criar, editar e gerenciar links. A caixa Planilha Editar Link pode ser acessada a partir do menu suspenso em Local ou Topologia ou a partir do botão Editar Link na barra de ferramentas. Observação: Uma Ordem de Serviço pode ser criada a partir de uma Planilha Editar Link. A Planilha Adicionar/Editar Tarefa de Ordem de Serviço (Similar a Planilha Editar Link) será aberta do Módulo de Ordem de Serviço. Ela será usada para criar uma Tarefa de Ordem de Serviço. Consulte o Capítulo Ordem de Serviço e Gerenciando Links É possível exibir todas as portas de um Item selecionado na planilha ou selecionar uma porta específica ou uma seleção de portas que devem aparecer. A planilha consiste de colunas e linhas. Cada coluna é dividida em três seções. O item aparece na seção central cercado por suas portas. Os itens normalmente são ligados no nível de porta.

Abrindo Editar Link de Local ou da Árvore de Topologia
Abra Editar Link do menu suspenso
Quando a Planilha Editar Link for aberta a partir de um item na árvore, todas as portas aparecerão na primeira coluna da planilha. > Para abrir a Planilha Editar Link do menu suspenso 1. Selecione e clique com o botão direito do mouse no Item cujos links serão editados, na Árvore de Local ou de Topologia. Um menu suspenso aparecerá. 2. Clique em Editar Link. Observação: O primeiro conjunto de portas ou porta única a ser colocado na primeira coluna com as portas estáticas à esquerda e as portas dinâmicas à direita. Com o Posicionamento Automático habilitado, portas levadas para a segunda coluna serão alinhadas corretamente, permitindo que links sejam feitos entre duas portas dinâmicas. A planilha Editar Link é aberta:

261

O triângulo indicador aparecerá junto à porta correta.PV4E User Manual – V6. Clique na aba Portas.0 Figura 194 . 262 . O indicador de seleção aparecerá na primeira porta. apenas uma porta aparecerá na primeira coluna da planilha. A Planilha Editar Link é aberta com a(s) porta(s) na primeira coluna. Selecione e destaque o Item na Aba de Local ou de Topologia. 3. Use <Alt> para listas consecutivas e <Ctrl> para listas não-consecutivas. Clique com o botão direito do mouse sobre a(s) porta(s) selecionada(s) e selecione a função Editar Link no menu suspenso. caso necessário) e clique na caixa cinza junto à porta necessária. > Para abrir a Planilha Editar Link da Aba Portas 1. Consulte Incluindo Tarefas Adicionais na Ordem de Serviço no capítulo Ordem de Serviço e Gerenciamento de Links.Planilha Editar Link Observação: Todos os itens subsequentes ou portas necessárias para concluir o processo de link devem ser arrastados e soltos na planilha. Abra Editar Link na Aba Portas Quando a Tabela Editar Link é aberta a partir de Área de Informação> Aba Portas. Selecione a(s) porta(s) necessária(s) (use a barra de rolagem para localizar. Seleções múltiplas podem ser usadas. 2.

Planilha Editar Link em Branco Arraste os itens ou as portas necessárias para a planilha. Consulte Arrastando e soltando um item em uma Planilha aberta.Planilha Editar Link com Portas Abrindo Editar Link usando o Botão Editar Link > Para abrir a Planilha Editar Link usando o Botão Editar Link 1. Figura 196 . 2.0 Figura 195 . Abra Manutenção > Local ou Topologia.PV4E User Manual – V6. Posicione o cursos sobre o botão Editar Links na Barra de Ferramentas e clique. Uma Planilha Editar Link será aberta em branco. 263 .

264 . Em Manutenção> Árvore de Local ou de Topologia. 2. As portas do(s) item(ns) serão adicionadas à Planilha Editar Link nas células selecionadas. 1. A tabela a seguir mostra as diferentes formas e funções do cursor CURSOR FUNÇÃO Redimensionar a largura e a altura da caixa de diálogo Redimensionar as colunas Redimensionar as linhas Mover a caixa de diálogo Move o(s) Item(ns) selecionado(s) de uma célula para outra dentro da caixa de diálogo Adicionando Itens ou Portas a uma planilha aberta Itens e portas individuais são adicionados à Planilha Editar Link usando o método de arrastar e soltar.0 Redimensionando a Planilha Editar Link A Planilha pode ser movida pela tela.PV4E User Manual – V6. > Para redimensionar colunas e linhas individuais da caixa de diálogo 1. > Arrastando e soltando um item em uma Planilha aberta. conforme necessário. Clique no item ou seleção. Arraste para a Planilha Editar Link e solte na célula exigida. permitindo que você visualize outras informações. selecione o(s) item(ns) que deseja adicionar à Planilha Editar Link e posicione o cursor sobre o ícone ou sobre um dos ícones da seleção. 3. A planilha e as colunas e linhas individuais podem ser redimensionadas. Dica: Mais de um item ou porta pode ser adicionado à Planilha Editar Link segurando as teclas <Ctrl> ou <Alt> e selecionando os itens ou portas exigidos. Mova o cursor sobre a caixa de diálogo até que ele esteja posicionado corretamente. Abra uma Planilha Editar Link se não houver uma já aberta.

Selecione a(s) Porta(s) que deseja adicionar à Planilha Editar Link. 2. 4.PV4E User Manual – V6.0 Figura 197 . Abra a aba Portas em Manutenção > Área de Informações. Posicione o cursor sobre o indicador da(s) porta(s) selecionada(s) e clique no item ou seleção Arrastar para a Planilha Editar Link e solte na célula exigida. O indicador mostra as portas que estão selecionadas. 3. Abra uma Planilha Editar Link se não houver uma já aberta. As portas do(s) item(ns) serão adicionadas à Planilha Editar Link 265 . 5.Inserindo um Item em uma Planilha Aberta > Para arrastar e soltar uma Porta em uma Planilha aberta 1.

Selecione as Portas.PV4E User Manual – V6. Arrastar e soltar ou recortar/copiar e colá-las nas novas células. Arrastando e soltando portas selecionadas dentro da planilha > Para arrastar e soltar Portas na Planilha 1. 3. ou pode-se selecionar uma única porta movendo o cursor sobre a célula. As portas podem ser selecionadas usando o mouse para destacar todas as portas exigidas. As portas serão posicionadas nas novas células. 2. Mova o cursor para a borda branca e pressione o botão esquerdo do mouse. Arraste-o para as células exigidas e solte o botão do mouse. O cursor mudará para .0 Figura 198 .Inserindo uma Porta em uma Planilha Aberta Movendo Portas pela Planilha As portas selecionadas podem ser movidas dentro da planilha de 2 maneiras. 266 . As portas selecionadas terão fundo preto com borda branca. clicando com o botão direito do mouse e selecionando a opção Selecionar Link no menu suspenso.

4. As portas serão posicionadas nas novas células. Para recortar/copiar e colar Portas na Planilha.Movendo Portas em uma Janela da Planilha Recortando/copiando e colando as portas selecionadas dentro da planilha > Para recortar/copiar e colar Portas na Planilha 1.0 Figura 199 .PV4E User Manual – V6. Selecione Recortar ou Copiar no menu suspenso. 267 . Mova o cursor para a célula necessária e clique com o botão direito do mouse. 3. 2. Selecione Colar no menu suspenso.

Arraste e solte o item/portas na célula exigida. Observação: O recurso de posicionamento automático posiciona as portas de forma que os links estáticos sejam alinhados um junto ao outro ou que os links dinâmicos sejam alinhados. Desmarque a caixa de verificação do botão Posicionamento Automático. 268 . Os links podem ser posicionados manualmente. os itens são posicionados de forma que as portas sejam alinhadas da forma correta automaticamente. 2. as portas corretas entre os dois itens a serem conectados devem ser posicionadas em células adjacentes. > Para Desabilitar o Posicionamento Automático 1. portas estáticas e dinâmicas são ligadas e possível posicionar o link manualmente.Copiando portas em uma Planilha Posicionamento Automático ou Manual de Links Quando os links são criados.0 Figura 200 . > Para Habilitar o Posicionamento Automático 1. As portas serão alinhadas corretamente. Marque a caixa de verificação do botão Posicionamento Automático. Usando o Recurso de Posicionamento Automático Este recurso de posicionamento automático é habilitado ou desabilitado clicando no botão da barra de ferramentas. Com o recurso Posicionamento Automático habilitado. No caso de um link entre um Painel de Conexão e um Comutador. O botão está localizado na parte inferior da Planilha Editar Link.PV4E User Manual – V6.

será necessário posicionar o link. 2. Clique com o botão direito do mouse para posicionar todo o conteúdo desta coluna. Clique com o botão direito do mouse na seleção e selecione Posicionar no menu suspenso. > Para Posicionar um Link Manualmente 1.PV4E User Manual – V6. 3. 269 . Arraste e solte o item/portas na célula exigida. Selecione o(s) link(s) que precisa(m) ser posicionado(s). Caso necessário. selecione portas individuais posicione os links manualmente Posicionando o(s) link(s) manualmente Caso porta de um item no link não esteja voltada para a porta à qual deseja conectá-la. Dica: Selecione colunas inteiras clicando no cabeçalho. O PV4E posiciona o item de forma que a porta seja alinhada corretamente.0 2.

Ele é reservado e não pode ser usado em outra tarefa de link um link dinâmico (on-line) pendente no scanner uma solicitação de um novo link dinâmico (on-line) antes da implementação Preto R Preto Azul Azul Azul Azul 270 . o status do link das portas é indicado por símbolos coloridos. Ele é reservado e não pode ser usado em outra tarefa de link uma solicitação de um novo link estático (off-line) antes da implementação um link dividido existente Preto Preto Preto Preto Preto uma porta estática (off-line) uma porta estática (off-line) reservada em uma ordem de serviço. da seguinte forma: SÍMBOLO COR Preto INDICA… um link estático (off-line) existente.PV4E User Manual – V6. uma solicitação para interromper um link estático (off-line) antes da implementação o item possui status reservado criado em uma ordem de serviço. um link dinâmico (on-line) reservado em uma ordem de serviço. um link estático (off-line) reservado em uma ordem de serviço. um link dinâmico (on-line) existente.0 Símbolos de Status do Link Na planilha Editar Link.

BOTÃO Link Romper Link Aplicar Limpar Limpar Todos FUNÇÃO Cria o link entre as portas selecionadas Rompe o link entre as portas selecionadas Aplica as alterações feitas Limpa os itens selecionados Limpa todos os Itens na Planilha Editar Link 271 . Ele é reservado e não pode ser usado em outra tarefa de link uma porta dinâmica (on-line) uma porta dinâmica (on-line) reservada em uma ordem de serviço.PV4E User Manual – V6. Ele é reservado e não pode ser usado em outra tarefa de link o item está conectado em uma conexão não-rastreável o item possui status reservado criado em uma ordem de serviço. uma porta dinâmica (on-line) pendente no scanner uma solicitação para interromper um link dinâmico (on-line) antes da implementação um link dinâmico (on-line) pendente no scanner.0 SÍMBOLO COR Azul INDICA… um link dinâmico (on-line) pendente no scanner. o link é um link seguro um rompimento de um link seguro Azul Azul Azul Azul Azul Vermelho R Green Azul Vermelho Barra de Ferramentas Editar Link A tabela abaixo explica as funções dos botões presentes na caixa de diálogo Editar Link. Este símbolo aparece apenas em Visualizar Link.

Consulte criando uma Ordem de Serviço no Capítulo Ordem de Serviço e Gerenciamento de Links. É possível editar diversos links na mesma sessão. Clique em um ícone na caixa Visualizar Link para visualizar informações sobre aquele item.PV4E User Manual – V6. Links de cadeados azuis aparecerão no link seguro Remove o link seguro. você crie uma Ordem de Serviço e depois crie seus links. Links que ainda não tenham sido implementados podem ser cancelados. as informações serão enviadas aos Scanners do PatchView para implementação em campo imediata. todos os itens conectados a ele aparecerão. 272 . a Furukawa recomenda que primeiramente. As informações são exibidas no Painel de Informações. Ou clique com o botão direito do mouse no item para que apareça uma dica de ferramenta.0 BOTÃO Posicionamento Automático FUNÇÃO Quando marcado posiciona automaticamente o item de forma que as portas fiquem voltadas para a posição correta quando levadas à Planilha Editar Link Quando marcado. Comandos para gerenciar Links podem ser acessados a partir de um menu suspenso. ou a partir dos botões de função localizados na Barra de Ferramentas. Fecha a caixa de diálogo Cria uma Ordem de Serviço diretamente a partira da Planilha Editar Link Marca o link como seguro. Ao soltar um item na planilha Editar Link. exibirá todas as informações relacionadas àquela porta específica em uma caixa de Dica de Ferramenta quando o mouse estiver sobre ela. quando o usuário seleciona um item na planilha Editar Link e clica nele com o botão direito do mouse. Observação: Caso você não esteja criando um link para implementação online imediata. Uma vez que as instruções tenham sido aplicadas em Editar Link clicando no botão Aplicar. Cada item do link é identificado por sua ID e seu ícone associado. Os ícones azuis são removidos Dica de ferramenta Fechar Criar Ordem de Serviço Marcar Link Seguro Desmarcar Link Seguro Criando e Editando Links Ao criar um link. ele é exibido na planilha Editar Link. de forma que o link completo possa ser visto.

PV4E User Manual – V6.0

Criando um Link
Links, Estáticos, Dinâmicos e Mistos podem ser criados. Esses links podem ser comuns ou seguros. Caso um link tenha sido criado entre portas estáticas ou uma combinação de portas, ou seja, um link misto, o símbolo "P" (pendente) não aparecerá. Ele aparece apenas para links dinâmicos em que o PatchView esteja on-line e as instruções tenham sido enviadas diretamente aos painéis. Quando o novo link foi criado fisicamente no Painel, o símbolo é mudado para uma linha sólida, para indicar que existe um link físico. Caso o PatchView esteja off-line, o símbolo do "P" azul não será exibido na Planilha Editar Link. Um link seguro é definido como um link que possui uma porta de comutador em um equipamento de terminal no outro lado e não contém elementos de um link seguro existente danificado. Um ou mais links na organização podem ser definidos como links essenciais. Tentativas de alterar um link seguro resultarão no Administrador ser avisado para confirmar a alteração. Toda a atividade em links seguros é registrada. > Para criar um link Dinâmico 1. Na Árvore de Local ou de Topologia, localize e arraste e solte na planilha Editar Link o(s) item(ns) que deseja ligar, ou selecione o item e clique no botão Editar Links. Certifique-se de que as portas estejam alinhadas corretamente. Use o posicionamento automático habilitado ou posicione manualmente a porta selecionada. Consulte Erro! Fonte de referência não encontrada.. 2. Selecione as células que contêm as portas que devem ser conectadas.

Figura 201 - Criando um Link Dinâmico 3. Clique no botão Link. Os Símbolos de Status do Link mudam de 4. Crie uma Ordem de Serviço (opcional). 5. Clique no botão Aplicar. Os Símbolos de Status do Link mudam de PatchView estiver on-line). para (apenas se o para

273

PV4E User Manual – V6.0

6. Após os links terem sido criados fisicamente nos Painéis, os Símbolos de para Status de Link mudam de Os Símbolos de Status do Link mudam de para (apenas se o PatchView estiver on-line). Após os links terem sido criados fisicamente nos Painéis, os Símbolos de Status de Link mudam de para > Para criar um link Estático 1. Na Árvore de Local ou de Topologia, localize e arraste e solte na planilha Editar Link o(s) item(ns) que deseja ligar, ou selecione o item e clique no botão Editar Links. Certifique-se de que as portas estejam alinhadas corretamente. Use o posicionamento automático habilitado ou posicione manualmente a porta selecionada. Consulte Erro! Fonte de referência não encontrada.. 2. Selecione as células que contêm as portas que devem ser conectadas. 3. Clique no botão Link Os Símbolos de Status do Link mudam de 4. Crie uma Ordem de Serviço (opcional). 5. Clique no botão Aplicar. Os Símbolos de Status do Link mudam de > Para criar um link Misto 1. Na Árvore de Local ou de Topologia, localize e arraste e solte na planilha Editar Link o(s) item(ns) que deseja ligar, ou selecione o item e clique no botão Editar Links. Certifique-se de que as portas estejam alinhadas corretamente. Use apenas a opção de posicionamento manual na porta selecionada, pois o posicionamento automático posicionará iguais com iguais. Consulte Erro! Fonte de referência não encontrada.. 2. Selecione as células que contêm as portas que devem ser conectadas. 3. Clique no botão Link Os Símbolos de Status do Link mudam de 4. Crie uma Ordem de Serviço (opcional). 5. Clique no botão Aplicar. Os Símbolos de Status do Link mudam de para para para para

Links Seguros
É possível definir Links com Links Seguros. Links seguros permitem que você defina um ou mais links essenciais na organização. O PV4E monitora de perto as informações sobre qualquer alteração ou problema que ocorra no link seguro ou em seus dispositivos finais (estação e porta de comutador). Isso permite um maior nível de controle e gerenciamento de links essenciais na rede, alertando quanto a quaisquer mudanças no link seguro e minimizando a capacidade de pessoas nãoautorizadas fazerem modificações na conectividade. Você recebe indicações imediatas de alterações em links seguros.

274

PV4E User Manual – V6.0

Um link seguro é definido como um link que possui uma porta de comutador em um equipamento de terminal no outro lado e não contém elementos de um link seguro existente danificado. Um ou mais links na organização podem ser definidos como links seguros. Um alerta é emitido e registrado antes de executar atividades em um link seguro, ou quando mudanças físicas são executadas em campo em qualquer dos dispositivos do link seguro. Um link seguro é definido marcando links como seguros durante o processo de Editar Link, quando os links são definidos, ou editando links existentes e marcando-os como seguros. Existem dois motivos para criar um link seguro. Contudo, ambos exigem que um link completo seja definido inicialmente: Um link seguro completo de uma porta de comutador até um equipamento terminal específico. Ele monitora todos os componentes do link. Um link seguro parcial de uma porta de comutador para um ponto. Ele monitora todos os componentes do link, exceto o equipamento terminal.

275

PV4E User Manual – V6.0

> Para marcar um Link como Seguro 1. Na Árvore de Local ou de Topologia, localize os itens desejados, clique com o botão direito do mouse e selecione Editar Link. 2. Na caixa de diálogo Visualizar/Editar Link, selecione um link inteiro válido. 3. Para criar um link seguro completo, selecione o link completo e clique no botão Marcar Link Seguro. O link inteiro é marcado como um link seguro. O campo Sempre Ativo na aba Geral do Equipamento Terminal é marcado. Na caixa de diálogo Editar Link, ícones de cadeados azuis indicam links seguros. Um evento é gerado no arquivo de registro.

Figura 202 - Marque um Link Seguro Total 4. Para criar um link seguro parcial, selecione o link do comutador para o ponto e clique no botão Marcar Link Seguro. Isso marca o link inteiro como um link seguro. O campo Sempre Ativo na aba Geral do Equipamento Terminal não é marcado. Um evento é gerado no arquivo de registro.

Figura 203 - Janela de Marcar um Link Seguro Parcial Os ícones de status de link seguro são exibidos agora nos links seguros:

Figura 204 - Caminho de link com ícones de link seguro

276

PV4E User Manual – V6.0

Visualizando o Status de Portas de Links Seguros
Para visualizar o status de cada porta de um link seguro na exibição do painel, vá para o painel na Árvore de Local, clique com o botão direito do mouse no painel e selecione Exibir Painel. O painel virtual exibe um cadeado azul (como indicado pela seta) para uma porta que é parte de um link seguro.

Figura 205 - Visualização de painel mostrando links seguros O PV4E monitora constantemente a integridade de links seguros. Caso o cabo de conexão em um link seguro seja desconectado, ou uma parte estática da conectividade seja danificada, uma mensagem de alerta será gerada, alertando o Administrador de TI de um problema de conectividade no link seguro. Por exemplo, desconectar um cabo de conexão ligado a uma porta segura rompe o link seguro. A visualização de eventos exibe o evento apropriado e o administrador do sistema pode rastrear o problema rapidamente. No painel de conexões acima, caso um cabo de conexão conectando as portas 7 e 23 seja desconectado de uma das portas, o cadeado na porta mudará de azul para vermelho:

Figura 206 - Visualização de painel mostrando o local de links seguros rompidos O ícone de cadeado vermelho também é exibido ao visualizar ou editar os links rompidos (como indicado pela seta). Essa detecção automática permite que o administrador atribua recursos rapidamente para investigar e solucionar o rompimento.

Rompimento de Links Seguros
O rompimento de links geralmente é gerado quando a conexão física real é removida do painel ou um usuário do PV4E remove o link no aplicativo (Editar Link). Uma mensagem de aviso é emitida imediatamente assim que um link seguro é rompido. Caso o link seja rompido, o evento é registrado.

Figura 207 - Mensagem de aviso - Tentativa de Romper Link Seguro

277

PV4E User Manual – V6.0

Figura 208 - Registro de Evento - Link Seguro Desconectado O Administrador de TI pode visualizar a entrada no registro e rastrear o link afetado. > Para Desmarcar um Link Seguro 1. Clique com o botão direito do mouse sobre o item e clique em Editar Link A planilha Editar Link é aberta: 2. Usando o mouse, destaque qualquer parte de um link seguro. 3. Clique no botão Desmarcar Link Seguro. Uma vez que a intenção é desmarcar o link, não rompê-lo, uma mensagem de aviso não é emitida neste caso. Mesmo assim, o evento de desmarcação é registrado.

Figura 209 - Entrada do Registrado Mostrando Mensagem de Aviso - Link Seguro Desmarcado

Rompendo um Link
Romper um link significa desconectar um link existente. > Para romper um link Dinâmico 1. Na Árvore de Local ou de Topologia, localize o item ou as portas de onde os links devem ser desconectados. Arraste e solte o item/porta na planilha Editar Link ou selecione as portas e clique no botão Editar Links. O item ou as portas aparecerão na planilha com todas as portas às quais eles estejam atualmente ligados. 2. Selecione as células que contêm os links que devem ser rompidos. 3. Clique no botão Romper Link. Os Símbolos de Status do Link mudam de para 4. Crie uma Ordem de Serviço (opcional). 5. Clique no botão Aplicar. Os Símbolos de Status do Link mudam de para (apenas se o PatchView estiver on-line). Após os links terem sido criados fisicamente nos Painéis, os Símbolos de Status de Link mudam de para .

278

PV4E User Manual – V6.0

> Para romper um link Estático 1. Na Árvore de Local ou de Topologia, localize o item ou as portas de onde os links devem ser desconectados. Arraste e solte o item/porta na planilha Editar Link ou selecione as portas e clique no botão Editar Links. O item ou as portas aparecerão na planilha com todas as portas às quais eles estejam atualmente ligados. 2. Selecione as células que contêm as portas que devem ser conectadas. 3. Clique no botão Romper Link. Os Símbolos de Status do Link mudam de 4. Crie uma Ordem de Serviço (opcional). 5. Clique no botão Aplicar. Os Símbolos de Status do Link mudam de > Para romper um link Misto 1. Na Árvore de Local ou de Topologia, localize o item ou as portas de onde os links devem ser desconectados. Arraste e solte o item/porta na planilha Editar Link ou selecione as portas e clique no botão Editar Links. O item ou as portas aparecerão na planilha com todas as portas às quais eles estejam atualmente ligados. 2. Selecione as células que contêm as portas que devem ser conectadas. 3. Clique no botão Romper Link. Os Símbolos de Status do Link mudam de 4. Crie uma Ordem de Serviço (opcional). 5. Clique no botão Aplicar. Os Símbolos de Status do Link mudam de para . para . para . para .

Cancelando um Link Dinâmico.
Uma tarefa de edição de link, que tenha sido criada e seja parte de uma Planilha Editar Link existente, pode ser cancelada, se o seu status for Pendente. Isso ocorre após o botão Aplicar ter sido clicado. O botão Fechar fechará a Planilha Editar Link e cancelará todas as tarefas que não tenham sido salvas pela função Aplicar Por exemplo, se você tiver rompido um link entre dois itens e decidir voltar e restabelecer o link, não será possível fazer isso até que a tarefa tenha sido cancelada ou concluída. Até lá, os itens envolvidos no link estarão reservados como pendentes e não poderão ser usados para outra tarefa. > Para cancelar um link Dinâmico Observação: Todos os links pendentes na planilha serão cancelados com este processo.

279

PV4E User Manual – V6.0

Figura 210 - Janela de Cancelamento de um Link 1. Clique para selecionar a Aba Topologia 2. Selecione a instalação/grupo na Árvore de Topologia onde os links a serem cancelados estão localizados. 3. A área de Informações será aberta com informações Gerais relacionadas à instalação. O indicador Pendente fica ativo. 4. Clique no botão Cancelar Processo do Link Atual. Uma mensagem de confirmação é exibida. 5. Clique no botão OK

Clearing the Link Edit Worksheet
Observação: Caso os Links estejam em status pendente, usar os botões de limpar esvaziará as células na planilha, mas manterá as novas informações o link, uma vez que a tarefa já terá sido enviada aos painéis. Caso os botões limpar sejam usados antes para aplicar a função sendo ativada, as novas tarefas de links não serão salvas. Existem dois métodos para limpar as células na Planilha Editar Link O botão Limpar esvaziará as células selecionadas e o botão Limpar Todas esvaziará a planilha inteira.

280

PV4E User Manual – V6.0

Visualizar Itens, Painéis, Portas e Links
Uma representação gráfica de todas as conexões de e para um Item, Painel, Porta ou Link pode ser visualizada na janela Visualizar Link. O Status da Porta pode ser visualizado na janela Visualizar Painel. A janela Visualizar Link pode ser acessada a partir de diversos locais diferentes. por Exemplo: Local e Topologia Exibir Painéis Exibição gráfica de Bastidores, Painéis e portas Busca Aba Porta Indicadores de Status de Porta As Portas do Painel são identificadas por cores para indicar o seu status atual de conectividade. De acordo com o status da porta, é possível dizer se uma porta está atualmente ligada a outro item ou não. Apenas portas desconectadas podem ser usadas em novos links. PORTA COR Cinza INDICA… A porta está desconectada no momento

Verde

A porta está atualmente conectada a outra porta

Amarelo

Conexão não-rastreável

Laranja

A porta está off-line no momento

Visualizar Link do Local ou da Topologia
> Para visualizar a Janela Visualizar Link a partir da Árvore de Local ou de Topologia 1. Selecione e clique com o botão direito mouse em um Item na árvore de Local ou de Topologia, ou em uma Porta na aba Portas. Um menu suspenso aparecerá. 2. Selecione Visualizar Link. A Janela Visualizar Link será aberta

281

PV4E User Manual – V6.0

Figura 211 - Visualizar Link

Visualizar Link a partir de um Painel
> Para visualizar a Janela Visualizar Link a partir de um Painel 1. Selecione e clique com o botão direito do mouse em um Painel na Árvore de Local ou de Topologia. Um menu suspenso aparecerá. 2. Selecione Exibir Painel. A representação gráfica do painel será aberta. 3. Clique em uma Porta para abrir a Janela Visualizar Link.

282

uma vez que eles aparecem na caixa de diálogo Inventário para aquele item. > Para visualizar informações sobre um item em um link 1. 2. Os itens podem ser editados. 283 .PV4E User Manual – V6. se necessário. 3. As informações aparecem na Área de Informações. Abra a Janela Visualizar Link. Clique no Item sobre o qual precisa de informações.Janela Visualizar Link a partir de um Painel Visualizando Informações sobre um Item no Link É possível visualizar os detalhes sobre todos os itens de um link. Clique em uma das Abas ou no botão Editar. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Item do Inventário será aberta.0 Figura 212 .

Por exemplo: 284 .Caixa de diálogo Adicionar/Editar Item do Inventário 4. defina um link completo para cada porta de Comutador na rede. Ao instalar o PV4E. as informações sobre as Estações conectadas ao Ponto também ficam disponíveis. Para que você possa usufruir plenamente de todos os recursos PLET do PatchView for the Enterprise. A tecnologia P-LET detecta a conectividade física de elementos de rede ativos. O sistema detecta todas as portas dos Comutadores na rede e se as portas estão ou não conectadas a um Ponto. execute o Mapeador LAN. Uma vez que um ponto seja descoberto como estando ativo. a Furukawa recomenda o seguinte fluxo de trabalho com relação aos Pontos e Estações. Um link Completo é um link de um Ponto para uma porta de Comutador. Os locais dos pontos são atribuídos automaticamente à Estação. 1. Selecione uma das opções abaixo para prosseguir.0 Figura 213 . Com o uso da Planilha Editar Link. 2. Links Completos São os links que possuem suporte do P-LET. 3. Defina todos os Comutadores na rede.PV4E User Manual – V6. As estações e os seus dados relacionados são descobertos pelo Mapeador LAN e inseridos no banco de dados do PV4E.

O módulo P-LET identifica todas as Estações na rede de acordo com os seguintes parâmetros: Endereço MAC da estação. Clique com o botão direito do mouse na Porta desejada e selecione Adicionar Sub Link. 1.Link Dividido 285 . 4. Figura 215 . tipo de Serviço da Estação. ela será identificada como um Dispositivo Não-Gerenciado. 5. Nome do Host. Os links divididos possibilitam que mais de um link seja conectado ao mesmo item de hardware de conexão (ponto ou painel). Isso permite que duas ou mais Estações sejam conectadas ao mesmo ponto ou painel. Links Divididos Links divididos são suportados pelo P-LET.PV4E User Manual – V6.0 Figura 214 . Endereço IP. Após os links Completos terem sido definidos na Planilha Editar Link. O link dividido aparece na Planilha Editar Link com um símbolo de link.Link Completo Observação: Não há necessidade de incluir Estações ao definir links Completos. Uma Estação é adicionada automaticamente a um link pelo P-LET quando a Estação está conectada a um Ponto.Janela Editar Link . As Estações Ativas são comparadas ao banco de dados e se uma Estação descoberta não for parte de um link Completo. a Furukawa recomenda o seguinte fluxo de trabalho com relação aos Pontos e Estações. As Estações aparecem na Árvore de Local e uma referência desta estação será colocada no Catálogo se ela não estiver previamente definida. Para que você possa usufruir plenamente de todos os recursos PLET do PatchView for the Enterprise. defina um link dividido para cada porta de Ponto desejada na rede. Defina as Configurações do P-LET para o Servidor LAN e para os módulos de Mapeamento LAN. 6. Executes o Servidor LAN.

Janela Visualizar Link – Link KVM 286 . Após o dispositivo KVM e a estação terem sido adicionados à árvore de Local. Os detalhes do link KVM aparecem na janela Visualizar link. Os detalhes do link dividido aparecem na janela Visualizar link. Para visualizar os detalhes do link dividido.PV4E User Manual – V6. Figura 217 . na Planilha Editar Link.Janela Visualizar – Link Dividido Links KVM Os Dispositivos KVM permitem que uma estação e um monitor sejam conectados.0 2.Janela Editar Link – Link KVM 2. Figura 218 . clique com o botão direito do mouse na Porta e selecione Visualizar Dividido. Para visualizar os detalhes do link KVM. crie um link entre o dispositivo KVM e a estação. 1. mesmo que não estejam no mesmo local. clique com o botão direito do mouse na Estação ou no dispositivo KVM e selecione Visualizar Link. O link KVM aparece na Planilha Editar Link com um símbolo de link. Figura 216 .

A versão 6. Geral O módulo de Aprovisionamento fornece várias ferramentas que aceleram a implantação e reduzem a quantidade de tempo gasto no planejamento e na implementação de tarefas. Esses recursos suportam a execução das operações de aprovisionamento descritas abaixo: Mover Permite a geração de uma Ordem de Serviço (ou Ordem de Serviço parcial) que contenha as tarefas específicas necessárias para mover um dispositivo selecionado de um local A para um local B. Changes) e também inclui solicitações de operações de Troca e Remoção. a solicitação Adicionar também suporta o serviço de seleção de gabinete. A solicitação de Mover mantém os mesmos serviços que estavam associados ao(s) dispositivo(s) movido(s). com base em políticas pré-definidas ou definidas pelo usuário.0 Capítulo 7: Aprovisionamento Automatizado A solução PV4E oferece uma ferramenta de aprovisionamento completamente automatizada e integrada. Mudanças (MACs . A ferramenta de Aprovisionamento Automatizado. como Próximos Algoritmos de Serviço Disponíveis. assim. ao mesmo tempo em que a precisão é aumentada. Adds. Para o ambiente de data center. a quantidade de erros e de tempo necessário para trabalho manual.PV4E User Manual – V6. que permite atribuir recursos do sistema em um ambiente completamente automatizado.0 do PV4E também suporta a opção de aprovisionamento de um novo dispositivo ao mesmo tempo em que utiliza apenas parte dos seus adaptadores de rede. A solicitação de Adicionar configura os serviços para o(s) dispositivo(s) recém-adicionado(s) de acordo com seu(s) tipo(s) de equipamento e exigências do cliente. 287 . Adicionar Permite a geração de uma Ordem de Serviço (ou Ordem de Serviço parcial) que contenha as tarefas específicas necessárias para adicionar um novo dispositivo no local. Adições. reduzindo.Moves. Ordens de Serviço e Políticas Configuradas pelo Cliente. foi projetada para aperfeiçoar de forma significativa o planejamento e a implementação do processo de aprovisionamento para data centers e ambientes de espaços pessoais. O recurso de Aprovisionamento proporciona um método simples para planejar e executar Movimentações. Recursos O módulo de aprovisionamento inclui vários recursos inovadores.

Remover Permite a geração de uma Ordem de Serviço (ou Ordem de Serviço parcial) que contenha as tarefas específicas necessárias para remover dispositivos. Quando uma solicitação de aprovisionamento é processada completamente.. Veja a tela a seguir. uma Ordem de Serviço é criada automaticamente. A função de apontar e clicar com o botão direito do mouse também pode ser usada. como telefones IP. etc. A Ordem de Serviço contém todas as tarefas relevantes para a solicitação específica. 288 . Definição do Espaço de Trabalho O módulo de aprovisionamento automatizado introduz a terminologia de Espaço de Trabalho. também é possível selecionar um ou dois itens no espaço de trabalho selecionado e movê-los separadamente. A versão 6. Contudo. impressoras. Um local que tenha sido definido como espaço de trabalho é identificado por uma marca de verificação no campo Espaço de Trabalho. que permite simplesmente arrastar e soltar qualquer dispositivo ou espaço de trabalho de equipamentos terminais de um local para outro. todos os itens associados são movidos. também é possível préconfigurar algumas dessas regras.. Portanto.PV4E User Manual – V6. As tarefas são geradas de acordo com regras específicas. Troca Permite a geração de uma Ordem de Serviço (ou Ordem de Serviço parcial) que contenha as tarefas específicas necessárias para executar uma troca entre dois dispositivos ou dois espaços de trabalho. Quando qualquer dos tipos de local acima recebe este atributo.0 Alterar Permite a geração de uma Ordem de Serviço (ou Ordem de Serviço parcial) que contenha as tarefas específicas necessárias para alterar um serviço de VLAN ou de dispositivo(s). Um espaço de trabalho é um atributo lógico que pode ser associado com qualquer local do tipo Sala\Cubículo\Outro. Recursos gráficos do módulo de aprovisionamento automatizado incluem a funcionalidade de arrastar e soltar. o local com o atributo pode ser parte da solicitação de aprovisionamento que aplica-se aos dispositivos relevantes hospedados neste local. o PV4E sabe que pode referir-se ao local decorado como recipiente de itens potencialmente aprovisionados.0 do PV4E também aloca novos links para adaptadores de rede sem uso para dispositivos existentes. ao mover um espaço de trabalho para um novo local. Por exemplo.

Os dispositivos. Definir Serviços adicionar um filtro às regras integradas no sistema.0 Figura 219 . Definições de Zona de Conectividade Uma Zona de Conectividade é uma coleção de painéis/portas dentro de painéis. Cada painel pode ser definido como parte de um ou vários grupos. portas de comutadores ou adaptadores de rede) que sejam definidas dentro do mesmo tipo de serviço. por padrão. O aprovisionamento automatizado é implantado com as seguintes regras de filtragem como padrão: 289 . Regras de Aprovisionamento A fim de alocar os melhores recursos de acordo com a política da organização.PV4E User Manual – V6.Tela de Ordem de Serviço – Tela geral Definições de Serviços Um Serviço é uma tag que subdivide a camada física em segmentos separados. são definidos com o tipo de Serviço Atender Qualquer. É possível conectar Atender Qualquer para todos os outros tipos de serviços e todos os outros tipos de serviço podem ser conectados a Atender Qualquer. Outro tipo de serviço que possui disponibilidade é o serviço Sem Serviço. O módulo de aprovisionamento automatizado restringe a conectividade apenas entre painéis/portas que pertençam à mesma zona de conectividade. que é usado para desqualificar adaptadores específicos de uma solicitação de aprovisionamento. o aprovisionamento automatizado possui diversos conjuntos de regras: Regras de Filtragem Este conjunto de regras visa eliminar quaisquer elementos que não estejam em conformidade com os critérios de solicitação de aprovisionamento específicos. É possível conectar apenas portas (como pontos.

o sistema dará preferência à porta de comutador com o serviço "111". porta de comutador. caso o sistema ofereça dois links opcionais para uma solicitação de mover e um deles já esteja conectado. futuras solicitações de aprovisionamento para esta sala não sofrerão falta de serviço. Por exemplo. Regra de filtragem de ponto . Por exemplo. Regra de melhor adequação à classificação do serviço .Esta regra confere a classificação mais elevada ao link que exige ligação mínima. O dispositivo aprovisionado é adequado para os dois. Considere uma situação em que um dispositivo que exige VLAN "111" é aprovisionado para uma sala. contudo. o sistema dará preferência ao ponto com o serviço em Vermelho. uma vez que o aplicativo deixa Qualquer Serviço disponível para futuras solicitações de aprovisionamento. Por exemplo. etc. qualquer outro ponto no local de destino deve ser eliminado. Regra de filtragem VLAN .) cujo serviço não combine com o serviço exigido para a solicitação específica.Esta regra elimina qualquer porta de comutador de link cuja VLAN não combine com a VLAN exigida para a solicitação específica. 290 . um dos quais oferece o serviço em Vermelho e o outro oferece o serviço Qualquer Serviço. a solicitação de aprovisionamento falhará. então todos os pontos serão desqualificados e a solicitação falhará. Links desta sala podem ser conectados à porta de comutador com VLAN "111" ou à porta de comutador com VLANs "111" e "112". Isso permitirá que futuras solicitações de aprovisionamento com VLAN "112" sejam resolvidas em vez de negadas.O propósito desta regra é maximizar recursos.0 Regra de filtragem de serviço – Esta regra elimina qualquer item de link (porta de ponto. Caso a sala de destino possa ser alimentada com VLAN "120". caso deseje mover um dispositivo com com serviço em Vermelho para um local que possua apenas pontos com serviço em Verde. uma solicitação de aprovisionamento exigirá que o link recém-criado passe através de um ponto específico.PV4E User Manual – V6. Considere uma situação em que um dispositivo com o serviço Qualquer Serviço seja aprovisionado para uma sala com dois pontos. contudo. O aprovisionamento automatizado é implantado com as seguintes regras de classificação como padrão: Regra de classificação de ligação mínima . Neste caso.O propósito desta regra é maximizar recursos. A classificação é uma média aritmética de todo o conjunto de regras de classificação. considere um cenário em que o usuário deseja mover um dispositivo com VLAN "120" para uma sala diferente. esta regra o preferirá em vez do outro. O dispositivo aprovisionado é adequado para os dois. Regra de melhor adequação à classificação do serviço . Portanto. Regras de Classificação Este conjunto de regras tem o propósito de filtrar os recursos que aplicam-se a solicitações de aprovisionamento específicas.Em alguns casos. O módulo de aprovisionamento calcula uma classificação por recursos.

o Dispositivo 2 pode ser aprovisionado ao ponto B ou C e o Dispositivo 3 pode ser aprovisionado somente ao ponto 3. A produção de Ordem de Serviço é governada pelas políticas definidas no sistema.PV4E User Manual – V6. pode haver um caso em que o Dispositivo 1 esteja conectado ao ponto B. 291 . se uma solicitação específica que pode ser atendida sem mover o dispositivo para um ponto diferente. as regras para a estação de trabalho e para a impressora serão executadas. Uma vez que as solicitações são executadas simultaneamente.). o Dispositivo 2 esteja conectado ao ponto C e o dispositivo 3 não esteja alocado a um ponto.O objetivo do mecanismo de aprovisionamento automatizado é facilitar o processo de aprovisionamento o máximo possível. o Ponto C) antes de qualquer outro ponto. caso uma estação de trabalho e uma impressora sejam selecionadas para serem movidas. A saída deste processo é uma Ordem de Serviço contendo operações que contenham tarefas. Por exemplo.Considere a situação de aprovisionamento ilustrada na figura abaixo: Device 1 Outlet A Outlet B Device 2 Device 3 Outlet C A ilustração descreve três dispositivos sendo aprovisionados simultaneamente a uma sala com 3 pontos. objeto atribuído. o sistema dará preferência a este ponto. Portanto.0 Regra de filtragem do ponto original . Esta regra resolve este problema alocando o ponto menos popular (neste caso. É possível organizar as tarefas da Ordem de Serviço de acordo com uma de suas propriedades (ex: tipo. O Dispositivo 1 pode ser aprovisionado ao ponto A ou ao ponto B. Porta de ponto menos popular . Regras de Geração de Operação As regras de geração de operação geram uma lista de tarefas para cada solicitação com base em informações relevantes. etc.

Tarefas online .Tarefas que não podem ter sua conclusão monitorada automaticamente.Tarefas que podem ser monitoradas automaticamente pelo cabeamento inteligente da Furukawa. 2. As tarefas são dividas em duas categorias principais: 1.PV4E User Manual – V6. Uma ordem de serviço é um conjunto de tarefas que devem ser executadas a fim de implementar atividades de Mover\Adicionar\Alterar\Trocar para um ou mais equipamentos terminais. Aba Localização A aba Localização na tela de Ordem de Serviço é onde o inventário é visualizado e as diferentes solicitações de aprovisionamento são geradas.0 Regras Definidas pelo Usuário Além das regras prontas. o módulo de Aprovisionamento automatizado possui um mecanismo altamente flexível que permite adicionar ao sistema regras definidas pelo usuário sem a necessidade de reestruturar o aplicativo. Para mais informações. Ordens de Serviço e Tarefas A saída de uma solicitação de aprovisionamento é uma ordem de serviço.Orientação geral Esta seção oferece um panorama das principais telas e visualizações do módulo de aprovisionamento. Módulo de aprovisionamento . Essas tarefas são tarefas de Link e de Interrupção de Links. entre em contato com um representante da Furukawa. 292 . É possível ter controle sobre tarefas off-line e definir novas tarefas sem necessidade de intervenção de R&D. Tarefas off-line .

A tabela a seguir descreve como o ícone do mouse muda durante um movimento de arrastar e soltar: Ícone Descrição Ícone normal do mouse.PV4E User Manual – V6. Observação: Um item não pode ser movido para Sem Local 293 .0 Os botões na barra de ferramentas são cinza para inativo e cor de laranja para ativos. Quando os itens não podem ser soltos no local selecionado na árvore. usado para selecionar os itens a serem movidos. Cada tipo de dispositivo possui o seu ícone distinto para facilitar o reconhecimento. Ela foi projetada para possibilitar a fácil navegação pelos diferentes níveis. Figura 220 Tela de Ordem de Serviço – Aba Local Árvore Local A Árvore do sistema na aba Local da tela de Ordem de Serviço proporciona uma representação gráfica da hierarquia do banco de dados. Quando o item pode ser solto em seu novo local na árvore.

Usando a opção de Visualização Simples. Clique no ícone do sinal de mais (+) para expandir o próximo nível de nó. Para realizar a seleção múltipla de um grupo. > Para mover-se pela árvore usando a Tela de Visualização Simples: 1. selecione o dispositivo da árvore de Local no lado esquerdo da tela e arraste-o para cima ou para baixo para um novo local na árvore. segure a tecla Alt e selecione com o mouse. Para selecionar diversos itens que não estejam em sequência. Visualização Simples/Visualização Dupla na Árvore de Local da Ordem de Serviço Existem duas opções na aba Local da janela para mover dispositivos: Visualização Simples Visualização Dupla Visualização Simples A tela de Visualização Simples é aberta como padrão. Clique no ícone do sinal de menos (-) para recolher os níveis inferiores.PV4E User Manual – V6. A tela abaixo exibe a opção de Visualização Simples e a aba de atributos Geral: Figura 221 Tela de Visualização Simples 294 . 2. segure a tecla Ctrl e selecione com o mouse. A aba Geral no lado direito da tela exibe as propriedades do dispositivo.0 Seleções Múltiplas Mais de um item pode ser selecionado e movido.

0 Para ver os valores padrão do dispositivo selecionado (uma estação padrão é usada no exemplo acima). A tela do respectivo catálogo de dispositivo é aberta: Figura 222 Estação Padrão 295 . clique em Estação Padrão na tela Aba Geral.PV4E User Manual – V6.

PV4E User Manual – V6. da direita para a esquerda e da esquerda para a direita. A opção de Visualização Dupla permite visualizar a árvore de Local em ambos os lados da tela. Clique no ícone do sinal de menos (-) para recolher os níveis inferiores. A operação também pode ser invertida. A tela abaixo exibe a tela da opção de Visualização Dupla: Figura 223 Tela de Visualização Dupla Trabalhando com a Ferramenta de Aprovisionamento Definindo Serviços > Para definir um serviço: 1. ou seja. O recurso de arrastar e soltar é especialmente útil quando a árvore é esticada. 296 .0 Visualização Dupla > Para mover-se pela árvore usando a Tela de Visualização Dupla: 1. Selecione o(s) item(ns) na árvore de Local no lado esquerdo da tela e arraste para um novo local da árvore de local no lado direito da tela. 2. Selecione Configurações > Tabelas do Sistema. Clique no ícone do sinal de mais (+) para expandir o próximo nível.

A tela de Adicionar um Serviço será exibida: 297 .PV4E User Manual – V6.0 Figura 224 Tela de Tabelas do Sistema A tela de Tabelas do Sistema é exibida. Clique em Adicionar. Clique na aba Serviço: Figura 225 Tela de Adicionar um Serviço 2.

faça seguinte: 1. Observação: Os serviços Qualquer Serviço e Nenhum Serviço são serviços pré-definidos que não podem ser modificados.Caso deseje definir um serviço para uma estação padrão depois do serviço ter sido definido no sistema. Clique em OK para salvar as alterações e fechar a caixa de diálogo. 5. Selecione Configurações > Catálogo 298 . O novo serviço é adicionado à lista na aba Serviço. Digite. um nome que defina o tipo de Serviço e no campo Descrição. no campo Nome. uma descrição para o tipo de Serviço. Clique em Aplicar.PV4E User Manual – V6. Definindo Serviços para Itens de Catálogo Os itens de Catálogo para os quais um Serviço pode ser definido são: Cabo Equipamento Terminal Equipamento de Rede Hardware de Conexão Por exemplo . 4.0 Figura 226 Tela de Adicionar Serviço 3.

Selecione equipamentos terminais > estação > estação padrão > estação padrão. Repita a etapa 5 para qualquer dos adaptadores de rede cujo serviço precise ser mudado Clique em Aplicar. 7.Tela Adicionar ou Editar Itens de Catálogo 2.0 Figura 227 .PV4E User Manual – V6. 4. 6. selecione qualquer um dos serviços definidos anteriormente na lista suspensa. A tela Adicionar/Editar do Catálogo é exibida Clique na aba Adaptadores. Usando a aba Adaptadores. 299 . Figura 228 Tela Adicionar/Editar Itens de Catálogo 5. 3.

Tela Adicionar/Editar Itens do Inventário 2. clique em Salvar Como Novo antes de clicar em OK na etapa 4. Clique em OK para salvar as alterações e fechar a caixa de diálogo. Para salvar o item do inventário como uma nova entrada na árvore de Local.0 8. Clique em Aplicar. Clique em Duplicar para copiar a entrada para a árvore de Local com seus atributos exatos. 5. Repita a etapa 2 para quaisquer adaptadores de rede cujos serviços precisem ser mudados. Usando o menu Manutenção.PV4E User Manual – V6. 300 . Usando a aba Portas. Definindo Serviços para Itens de Inventário Os Itens de Inventário para os quais um Serviço pode ser definido são instâncias de qualquer item de catálogo mencionado acima que esteja localizado na árvore de Local. Clique em OK para salvar e fechar a caixa de diálogo. 3. A tela Adicionar/Editar Ponto do Inventário é exibida: Figura 229. Para adicionar ou editar serviços para itens de Inventário (um ponto foi usado neste exemplo): 1. 4. Observação: Para salvar o item do catálogo como uma nova entrada na lista de itens do catálogo. clique com o botão direito do mouse em um ponto da árvore de Local e clique em Adicionar. selecione o Serviço no menu suspenso. clique em Salvar Como Novo antes de clicar em OK na etapa 4.

desde que elas estejam dentro da mesma zona de conectividade. de forma que ajam como um grupo. Portas de diversos painéis podem ser conectadas. é possível marcar a caixa de verificação no canto superior esquerdo da tabela e realizar a alocação apenas uma vez. O ícone de painel cheio mostra que todas as portas no painel específico estão marcadas como parte da zona de conectividade. mesmo que esteja faltando uma porta. Adicionando uma Nova Zona de Conectividade Selecione Configurações > Zona de Conectividade para exibir uma lista das zonas de conectividade existentes: Figura 230 .0 Caso deseje aplicar o mesmo serviço para todos os adaptadores de rede em vez de alocá-los um por um. não é possível conectar painéis de diferentes zonas de conectividade. O ícone de painel parcial mostra que uma ou mais portas não são parte da zona de conectividade. além de permitir que o usuário edite/remova novas zonas. É possível selecionar um ou mais painéis para serem conectados em diversos bastidores/gabinetes.Tela para seleção de Zona de Conectividade a partir do menu Configurações 301 . O painel continuará a ser exibido metade branco e metade azul. Porém. Cada painel pode ser definido como parte de um ou vários grupos. Zonas de Conectividade A janela Zonas de Conectividade mostra as diferentes zonas de conectividade que já estão definidas.PV4E User Manual – V6.

PV4E User Manual – V6. para descrever o novo grupo. Clique na aba Itens. respectivamente.Tela Adicionar Grupo 2. 4. Clique em Aplicar.0 > Para adicionar uma nova zona de conectividade: 1. Clique em Adicionar. Clique em Nova na parte inferior da aba Grupo para adicionar um novo grupo. A tela Adicionar Grupo é exibida: Figura 231 . Digite um nome e uma descrição nos campos Nome e Descrição. A caixa de diálogo Adicionar Painéis a um Grupo é aberta: 302 . 3.

Para selecionar itens consecutivos. Para selecionar diversos itens que não estejam em sequência. Clique em OK. A seguinte tela. será aberta: Figura 232 . segure a tecla Alt e clique no último item da seleção. selecione o primeiro item. segure a tecla Ctrl e selecione com o mouse. Selecione na lista os painéis que deseja incluir no grupo e clique em OK. Local e Classe e clique em Buscar Agora. A seguinte tela será aberta: 303 .0 5.PV4E User Manual – V6. Adicionar Painéis a um Grupo.Tela Adicionar Painéis 6. 7. Digite detalhes de sua busca nos campos Nome.

Excluindo um Grupo > Para excluir um grupo: 10. clique na caixa de verificação junto à porta.Janela Editar Grupo 8. O painel número (3) p-sc-672-01 mostra agora que nem todas as portas são partes daquele grupo.0 Figura 233 . Uma caixa de diálogo será exibida: 304 . Caso deseje remover a seleção de alguns. Clique em Excluir. Selecione o grupo que deseja excluir desta lista na aba Grupos. Para remover a seleção de todos. A metade inferior mostra quais portas estão incluídas naquela zona de conectividade. Selecione o painel da metade superior da tela. 11. clique na caixa de verificação Todos . 9. Clique em Aplicar para salvar ou em OK para salvar e fechar a tela.PV4E User Manual – V6.

A fim de suportá-las. a zona de conectividade deve conter painéis e módulos de comutador. As etapas abaixo são exigidas para definir zonas de conectividade entre módulos de comutador e painéis 1. Navegue para a aba Configurações e marque a caixa de verificação Interconexão 305 . Clique em Editar.PV4E User Manual – V6. O grupo e todos os dados associados serão excluídos da lista na aba Grupos. Na aba Manutenção. selecione o comutador conectado em configuração de interconexão 2. 3. Executando uma Solicitação de Aprovisionamento no Ambiente de Interconexão O aprovisionamento automatizado suporta solicitações de aprovisionamento para ambientes de interconexão. Clique em OK para confirmar a ação ou em Cancelar para interrompêla.Tela de Confirmar Ação de Exclusão 12.0 Figura 234 .

. Solicitação para mover estação Solicitação para mover telefone IP Solicitação para mover impressora Obsoleto 306 . É necessário possuir acesso direto à máquina do servidor do PV4E para realizar as modificações. A coluna ID de Operação especifica o tipo de solicitação ao qual a linha específica se refere.. A partir deste ponto. 2. Por exemplo. Esta seção aborda como alterar tarefas off-line. Os valores aplicáveis são de 25 em diante. Realizar estas modificações permite que sejam criados diferentes perfis para diferentes solicitações. Configurando Tarefas Off-line Como mencionado anteriormente.PV4E User Manual – V6. A tabela abaixo detalha as diferentes IDs de operação (Esses são os únicos valores aplicáveis para esta coluna): ID da Operação 1 2 3 4 Refere-se a. sequencial. os módulos de comutadores podem ser adicionados às zonas de conectividade como painéis comuns. A coluna ID é um número em série. Estrutura de Arquivos de Tarefas Off-line O arquivo possui a seguinte estrutura: 1. mover uma impressora exige um conjunto de tarefas off-line diferente das exigidas para mover uma estação de trabalho.0 4. é possível modificar as tarefas off-line que estejam sendo geradas pelo sistema para diferentes tipos de solicitação de aprovisionamento e equipamentos terminais.

A coluna de Ordem permite configurar a ordem entre várias tarefas off-line que se referem à mesma ID de operação de aprovisionamento.PV4E User Manual – V6. o mecanismo de aprovisionamento suporta marcadores de posição para esta coluna que são substituídas automaticamente durante a execução da solicitação. 4. Os marcadores de posição suportados pelo sistema são: DEVICE_NAME 307 . O valor IsTaskReferToLink especifica se esta tarefa se refere a um link específico do dispositivo (ex.0 ID da Operação 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 Refere-se a. É possível reordenar as tarefas mudando seus valores nesta coluna. Contudo. colocar o monitor da estação de trabalho a 10 polegadas da extremidade esquerda da mesa). Os valores aplicáveis são "1" (A tarefa refere-se ao link específico do dispositivo) ou "0" (A tarefa refere-se ao dispositivo)... A coluna de Descrição permite especificar o conteúdo exato da tarefa. 5. Solicitação para adicionar estação Solicitação para adicionar telefone IP Solicitação para adicionar impressora Obsoleto Solicitação para remover estação Solicitação para remover telefone IP Solicitação para remover impressora Obsoleto Solicitação para mudar serviço para estação Solicitação de mudar serviço para telefone IP Solicitação para mudar serviço para impressora Obsoleto Solicitação para trocar estação Solicitação para trocar telefone IP Solicitação para trocar impressora Obsoleto Solicitação de troca de estação (como parte de troca de espaço de trabalho) Solicitação de troca de telefone IP (como parte de troca de espaço de trabalho) Solicitação de troca de impressora (como parte de troca de espaço de trabalho) Obsoleto 3. Os valores aplicáveis são de 2 em diante. uma etiqueta enrolada ao redor de um cabo de conexão) ou ao dispositivo como um todo (ex. Esta é uma coluna de texto livre em que é possível especificar cada tarefa exigida.

caso deseje adicionar uma nova tarefa off-line para uma impressora. TaskType deve sempre ter o valor "7". A tarefa indica ao técnico para mover os sintonizadores de reserva com a própria impressora. Dê um clique duplo no arquivo para abri-lo para edição. adicione mais uma linha e preencha-a com informações de acordo com a estrutura de arquivos definida acima. Cada linha no arquivo representa uma única tarefa off-line por tipo de solicitação específica e tipo de dispositivo. O arquivo será aberto 7. a tarefa refere-se a uma solicitação para mover um dispositivo do tipo Estação 8.PV4E User Manual – V6. A seguinte caixa de mensagem aparecerá: 6. A coluna IsActivated diz se a tarefa está ativada (‘1’) ou não (0’). [Diretório raiz do PV4E]\RiT Technologies\PatchView for the Enterprise\Server\Bin 5. Por exemplo. ‘Mover a caixa de sintonizadores de reserva de DEVICE_NAME para 308 . Para cada nova tarefa.0 FROM_LOCATION TO_LOCATION PORT_NAME CURRENT_SERVICE NEW_SERVICE SECOND_DEV_NAME (Relevante apenas para solicitações de troca) 6.csv no seguinte caminho: 2. Defina a ID da operação como "3" (refere-se a solicitação de movimentação para impressora). Clique em OK. Por exemplo. Execute as seguintes etapas para definir a tarefa: Defina o valor de "ID" como "25" (a próxima ID disponível no arquivo). Portanto. Defina a ordem como "2" (A segunda tarefa Offline que se refere à impressora) Configure IsTaskReferToLink como 0 (a tarefa se refere à própria impressora e não aos seus links) Digite a descrição da tarefa (ex. a primeira linha é uma tarefa off-line que diz para mover fisicamente uma estação do local A para o local B. 7. Editando o Arquivo de Tarefas Offline 1. Localize o arquivo OffLineTasks. A coluna oferece a flexibilidade para eliminar temporariamente uma do processo sem excluí-la do arquivo.

O módulo de aprovisionamento automatizado substituirá automaticamente os marcadores de posição com o nome real da impressora e do local de destino). Para mover um dispositivo ou um espaço de trabalho selecionados de um local para o outro: 1. Após ter inserido a nova tarefa offline. é necessário finalizar o process dllhost. 9. Clique em Não. Ele será reiniciado automaticamente da próxima vez que uma solicitação de aprovisionamento for lançada. Use a barra de tarefas do sistema operacional para finalizar o processo. a seguinte caixa de mensagem será exibida: 10. Defina a coluna Tipo de Tarefa como "7". Executando Solicitação de Aprovisionamento Solicitação de Movimentação O recurso de Movimentação permite gerar automaticamente uma Ordem de Serviço que contenha as tarefas específicas necessárias para mover os dispositivos ou espaços de trabalho selecionados de um local para outro.exe. Clique em Sim 11. Para que as alterações sejam aplicadas. A seguinte caixa de mensagem aparecerá: 12. 13. Defina os valores na coluna IsActivated como ‘1’ – tarefa ativa. clique em OK. Clique com o botão direito do mouse sobre o dispositivo (um único dispositivo ou vários dispositivos) e clique em Mover no menu de contexto: 309 .PV4E User Manual – V6.0 TO_LOCATION.

a seguinte tela Mover Equipamento é aberta. Quando os itens são movidos para o novo local na árvore de Local.PV4E User Manual – V6. Figura 236 .Tela Mover Equipamento 310 . A janela de Visualização Simples é usada com um exemplo.Tela Principal do PV4E Também é possível arrastar e soltar o dispositivo para o seu novo local.0 Figura 235 .

mas da solicitação de Movimentação.PV4E User Manual – V6. a seguinte tela será aberta: Figura 237 .0 O novo local e o local original são exibidos. Uma mensagem de Aprovisionamento em progresso é exibida no canto superior direito da tela para indicar que o módulo de aprovisionamento está executando os seus cálculos. respectivamente. No caso de um local que contenha pontos. A tabela abaixo lista cada botão da tela Mover Equipamento e suas respectivas funções: Nome do Botão Ação Adicionar à Lista inclui itens adicionais a serem movidos O botão Remover remove a seleção da tela. O botão Reconfigurar Todos retorna a seleção inteira para o local original. O botão Reconfigurar retorna o novo local para o local original. O botão Atribuir permite que você atribua outro local da árvore de locais na lateral direita. 2. porém não a remove do inventário. é possível especificar um ponto específico para o qual o dispositivo movido deve ser conectado. Clique em Próximo na tela Mover Equipamento após fazer qualquer alteração necessária. O botão Mudar Serviço permite alterar o serviço selecionado e também o VLAN para outro VLAN\serviço. como: 311 .Tela de Operações Na janela da tela Operações. existem diversas opções disponíveis. Uma vez que os cálculos sejam concluídos.

312 . adicionar ou remover tarefas de cada operação Para modificar uma Ordem de Serviço na tela Operações.PV4E User Manual – V6.Tela Modificar Ordem de Serviço Clique em Buscar Agora para filtrar e exibir Ordens de Serviço existentes. É possível restringir a busca especificando um nome de Ordem de Serviço.0 Modificar a Ordem de Serviço para cada operação Visualizar detalhes do dispositivo Visualizar uma lista de tarefas para cada operação Modificar. clique em Modificar Ordem de Serviço. bem como um status específico da Ordem de Serviço. a tela a seguir será exibida: Figura 238 .

Para visualizar links alternativos. clique no hyperlink do nome do Item abaixo da coluna Nome. O link recomendado pelo sistema é aquele com a classificação mais alta calculada pelos links de classificação abordados anteriormente. A tela a seguir.0 Para visualizar as propriedades de equipamentos do usuário selecionado. nesse caso. exibe o link recomendado escolhido pelo sistema para esta operação.PV4E User Manual – V6. clique no hyperlink Operação. A única exceção é quando dois dispositivos estão encadeados (como estação de trabalho e telefone IP). Figura 240 . eles terão o mesmo link recomendado. Cada adaptador de rede possui o seu próprio link recomendado.Tela Visualizar Inventário Para visualizar as tarefas. Visualizar Inventário. A tela a seguir. será aberta na aba Geral: Figura 239 . Informações de Links Recomendados. clique no botão Link Alternativo.Tela de Link Recomendado 313 .

Siga as etapas abaixo para mudar a ordem de serviço.Tela de Link Alternativo Selecione o novo link alternativo e clique em OK. clique na barra paralela junto ao link preferencial. Figura 241 . Clique em OK novamente para voltar à tela de resumo da operação de Aprovisionamento. Para selecionar um link alternativo. como alternativa. Clique em Modificar Ordem de Serviço na tela Resultados para modificar uma operação ou tarefa da Ordem de Serviço selecionada. A tela anterior de Link Recomendado será exibida com o novo link alternativo. usar uma pré-existente. Link Alternativo. será aberta e exibirá links adicionais para a mudança selecionada. O sistema ajusta as tarefas automaticamente para o link recém-selecionado. Esses links possuem uma classificação mais baixa que a do link que foi apresentado como o link candidato. Modificando uma Ordem de Serviço A saída de uma solicitação de aprovisionamento é uma ordem de serviço. A caixa de diálogo Modificar Ordem de Serviço será exibida: 314 .0 A tela abaixo. 1.PV4E User Manual – V6. É possível deixar que o sistema gere sua própria ordem de serviço ou.

0 Figura 242 .Tela Modificar Ordem de Serviço 315 . A lista de Ordem de Serviço será exibida: Figura 243 .PV4E User Manual – V6.Tela Modificar Ordem de Serviço 2. Selecione a Ordem de Serviço na lista suspensa de Nome. ou clique em Buscar Agora.

clique em Finalizar. Para concluir a operação de mover.0 3.Tela Modificar Ordem de Serviço 4.Tela Modificar Ordem de Serviço 316 . Faça as alterações desejadas e clique em Finalizar para visualizar todas as Ordens de Serviço. Figura 245 . Selecione a Ordem de Serviço que deseja modificar e clique em OK. O sistema armazena as operações e reserva as portas A tela a seguir.PV4E User Manual – V6. Figura 244 . Ordem de Serviço será exibida.

Tela Adicionar ao Local 317 .0 Adicionar Solicitação O recurso de Adicionar permite a geração automática de uma Ordem de Serviço que contenha as tarefas específicas necessárias para adicionar dispositivos simples ou múltiplos. T Adicionando Itens Simples ou Vários Itens a um Local > Para adicionar itens simples ou vários itens a um Local: 1. selecione a aba Local. etc. clique com o botão direito do mouse em uma área da árvore de Local e selecione Adicionar. no menu de contexto. andar. um edifício. A partir da barra de ferramentas.PV4E User Manual – V6. sala. Figura 246 . É possível adicionar dispositivos a um local de área (ou seja.) e preparar os serviços relevantes com base em políticas ou perfis pré-definidos de acordo com seu tipo de equipamento e solicitação do cliente. ponto.

será aberta. As listas suspensas o conduzem pelo processo de definir o dispositivo exato a ser aprovisionado 3. anular as definições padrão de VLAN. Não é possível pular um campo. Dispositivo nº1 é o nome padrão que aparece no campo Nome e pode ser mudado.A 318 . Preencha as informações dos menus suspensos para cada campo subsequente na ordem em que eles aparecerem. Anule os serviços pré-definidos no campo Serviço.0 A tela Adicionar Equipamento é exibida: Figura 247 . .PV4E User Manual – V6. Lista de VLAN.Tela Adicionar ao Local 2. clique no botão de elipse seguinte tela. 4.

clique em 6. A seguinte tela. Clique em Próximo para continuar ou em Cancelar para interromper a operação. entre em contato com um representante da Furukawa. Selecione uma VLAN existente usando o ícone de seta OK. 7. 11. Você retornará à tela de lista de VLAN. Insira o nome da VLAN no campo ID da VLAN e clique em Aplicar para salvar as modificações. 10. Caso deseje adicionar uma nova VLAN.PV4E User Manual – V6. 9. Para mais informações. T Para editar uma VLAN. será aberta. O botão de Informações Adicionais tem o propósito de especificar informações de última hora que são processadas por regras definidas pelo usuário. Para remover um item. faça as alterações aplicáveis e clique em OK.0 Figura 248 .Tela de Lista de VLAN 5. Figura 249 . A seguinte tela. nova VLAN. Clique no botão Adicionar à Lista e repita as etapas de 2 a 6 para cada dispositivo recém-adicionado. Clique em OK para sair da tela. clique em Nova. clique em editar. 319 . 8.Tela de Nova VLAN O primeiro símbolo marcado com um (sinal de sustenido #) pode ser preenchido apenas com um número e é usado principalmente para fins de referência. Adicionar/Editar a Local é aberta: A aba Adicionar Equipamento lista todas as informações e as exigências da tela anterior. clique em Remover da Lista.

13. a tela Adicionar equipamento listará todos os gabinetes que estejam atribuídos à solicitação de aprovisionamento.0 Figura 250 .Tela Adicionar ao Local Observação: Os itens no campo acima são tirados do Catálogo e não podem ser alterados. agora. o módulo de aprovisionamento alocará automaticamente o gabinete com a classificação mais elevada e o configurará em uma elevação U disponível. use a função Adicionar ou Modificar em catálogo existente. Após a busca ter sido concluída. será necessário clicar em Encontrar Bastidor/Gabinete. é possível selecionar Reconfigurar Rack para excluir todos os dados. 12. Esta ação procura espaços disponíveis em gabinetes que atendam aos critérios de aprovisionamento de cada dispositivo. Caso a busca seja bem-sucedida. 320 . Para alterá-los. Observe que os campos em Nº de Posição e Bastidor Alternativo estão desabilitados. Os campos Nº de Posição e Bastidor Alternativo são habilitados. Veja a tela a seguir. Caso deseje aprovisionar os novos dispositivs em gabinetes. Como alternativa.PV4E User Manual – V6.

O bastidor alternativo selecionado aparece agora na coluna Nome do Bastidor.PV4E User Manual – V6. Você será enviado de volta para a tela principal.Aba Adicionar Equipamento 321 . Figura 252 Adicionar a Local . Selecione um bastidor alternativo clicand no ícone de seta na Lista de Bastidores e clique em OK. A seguinte tela será aberta: Figura 251 .0 Para selecionar um bastidor/gabinete alternativo.Adicionar a Local . clique em no campo Rack Alternativo.Aba Seleção de Bastidor 14.

15. Clique em Modificar Ordens de Serviço para mudar uma operação ou tarefa da Ordem de Serviço selecionada.0 Caso um item seja adicionado diretamente a um bastidor.Adicionar Equipamento .PV4E User Manual – V6. Isto é feito ao especificar o serviço Sem serviço para qualquer adaptador que não deva fazer parte da solicitação atual. 322 . mas o sistema pôde sugerir apenas parte do link. O símbolo sucedida. Observação: Caso você defina todos os links do dispositivo recémadicionado ao serviço Sem serviço.Aba Operações indica que a ação não pôde ser executada. indica que a operação de adicionar foi bem indica que um servidor multi NIC foi O símbolo aprovisionado. o botão Procurar Bastidor será desabilitado. Adicionando Parte do Adaptador de Rede do Dispositivo O aprovisionamento automatizado permite adicionar novos dispositivos sem alocar conectividade a todos os seus adaptadores de rede. 16.Exemplos. Clique em Próximo. pois O símbolo o link recomendado não pôde ser alocado. para mais informações sobre erros. Consulte Mensagens de Erro . o módulo de aprovisionamento impedirá que você progrida com sua solicitação. A seguinte tela Adicionar Lista de Operação é aberta: Figura 253 .

empregue a função Mudar. A tela Adicionar equipamento será aberta 3. é possível especificar o compartimento alvo onde gostaria de posicionar o blade. Nesta tela. O aprovisionamento automatizado oferece apenas 323 . a seguinte tela será aberta: 5. Adicionando um Novo Blade no Gabinete Blade O módulo de aprovisionamento automatizado permite que você planeje as adições de novos blades em um chassis existente. o aplicativo age da mesma maneira e aloca recursos. além do link que estava marcado com um serviço Sem Serviço. Especifique o tipo exato de blade que gostaria de aprovisionar 4. Clique em Próximo. Selecione o chassis alvo e clique nele com o botão direito do mouse e selecione Adicionar itens do menu 2.0 A partir deste ponto. 1. As etapas a seguir devem ser tomadas a fim de aprovisionar um novo blade em um gabinete. A fim de alocar recurss de conectividade aos adaptadores de rede que não foram aprovisionados no momento de seu primeiro uso.PV4E User Manual – V6.

A partir deste ponto.0 compartimentos disponíveis adequados para o tamanho do blade recémaprovisionado. Funcionalidade de Alterações Permite gerar uma Ordem de Serviços que contenha as tarefas específicas necessárias para alterar atributos de dispositivos em seu local atual. 324 . execute o seguinte: 1. Figura 254 – Inicia uma Tela de Alterar Solicitação A seguinte tela. 6.PV4E User Manual – V6. A partir da tela Ordem de Serviço -> Aba Local -> Selecionar item \ espaço de trabalho a alterar e clicar com o botão direito do mouse. > Para alterar equipamentos terminais. Alterar Serviço será aberta . A funcionalidade de Alterações é restrita aos limites do local do ponto/compartimento original do link (Para servidores blade).observe que este exemplo refere-se a todo o espaço de trabalho). o processo de aprovisionamento é idêntico às etapas descritas acima.

Caso o dispositivo a ser alterado seja um dispositivo com vários NIC.0 Figura 255 . Clique em Próximo. o usuário deseja conectar um segundo adaptador à rede. Para Adicionar à Lista ou Remover da Lista. considere uma situação em que um servidor dual NIC tenha sido aprovisionado e apenas um dos adaptadores tenha sido associados com um link. Selecione o item que deseja alterar. Para alterar/editar a VLAN consulte a Tela Lista de VLAN. Após algum tempo. selecione o serviço a ser alterado. Por exemplo. Neste caso. de forma que ele não fosse afetado pela solicitação de aprovisionamento. Além disso. o usuário precisaria alocar o serviço ao NIC disponível.PV4E User Manual – V6. A partir do menu suspenso do campo Serviço.Tela de Alterar Serviço 2. os outros devem ser alocados com o serviço Sem serviço. A seguinte tela Alterar Operação de Serviço é aberta: 325 . 4. ele poderia precisar precisar configurar o serviço do link existente para Sem Serviço. 3. no qual apenas parte dos serviços precisam ser alterados. consulte a seção Adicionando Itens Simples ou Vários Itens a um Local.

1. 326 .PV4E User Manual – V6.0 Figura 256 Tela da Lista Alterar Operação de Serviço O item foi alterado e a porta reservada. Segure a tecla Ctrl e selecione dois itens com o mouse. A partir da tela de Ordem de Serviço > Aba de local > Árvore de local > selecione os itens para trocar. Selecione Trocar no menu de contexto. Funcionalidade de Troca Permite gerar uma Ordem de Serviço que contenha as tarefas específicas necessárias para executar uma troca (x para y) (y para x). Clique em Finalizar. proceda da seguinte maneira: Observação: Selecionar mais ou menos que dois itens desabilita a opção de troca. > Para Trocar itens. Os itens podem ser do mesmo local ou de locais diferentes.

Tela Mover Equipamento Observação: Caso uma Troca seja executada entre dois itens e uma ação falhe. 2. Figura 258 .PV4E User Manual – V6. A tela Trocar equipamento será aberta Verifique se as informações estão corretas e clique em Próximo.0 Figura 257 – Tela iniciar solicitação de Troca A seguinte tela será aberta. A tela Trocar Lista de Operação será aberta. a segunda ação também falhará. 327 .

328 . no menu de contexto.Tela Trocar Lista de Operação Clique em Modificar Ordens de Serviço para mudar uma operação ou tarefa da Ordem de Serviço selecionada. consulte Erro! A origem da referência não foi encontrada. Observação: Esta ação não excluirá objetos do banco de dados do Local até que a Ordem de Serviço tenha sido preenchida pelo técnico.PV4E User Manual – V6.). execute o seguinte: 1. Na tela de Ordem de Serviço > Aba de Local > Selecione o equipamento a ser removido e clique com o botão direito do mouse > selecione Remover. Função de Remoção Permite gerar uma Ordem de Serviço que contenha as tarefas específicas necessárias para remover qualquer dispositivo de equipamento terminal e para liberar recursos de rede. (Para mais informações sobre modificar uma Ordem de Serviço. Clique em Finalizar Observação: Ao trocar espaços de trabalho a operação de troca ainda pode ser executada mesmo se um item não puder ser atribuído. > Para remover equipamentos terminais.0 Figura 259 .

Figura 261 . O item/itens selecionado(s) são removidos da lista. É possível adicionar itens da lista segurando a tecla Ctrl ao selecionar com o mouse. será aberta. Clique em Remover da Lista. A seguinte tela.0 Figura 260 .Tela de Ordem de Serviço – Iniciar Solicitação de Remoção 2.Tela Remover Equipamento 3. 4. Apenas clique em qualquer seta . clique em Adicionar à Lista. Remover Equipamento. T Para adicionar um item. A seguinte tela será aberta: 329 .PV4E User Manual – V6.

A tela a seguir será aberta com o item adicionado. Clique em OK.PV4E User Manual – V6. 330 .Tela Adicionar Equipamento à Solicitação 5.Tela Adicionar Equipamento à Solicitação 6.0 Figura 262 . Segure a tecla Ctrl e clique com o mouse na seta para selecionar os itens que deseja adicionar. Insira detalhes do item que deseja buscar e clique em Buscar Agora. A seguinte tela será aberta: Figura 263 .

Após a Ordem de Serviço ter sido gerada e armazenada.Tela Remover Equipamento 7. Figura 265 .0 Figura 264 . Sempre que uma Ordem de Serviço é criada e armazenada. Clique em Próximo para prosseguir.PV4E User Manual – V6. o sistema reconhece os componentes na Ordem de Serviço e reserva os recursos.Tela Ordem de Serviço A reserva de espaço em bastidores é relevante apenas para solicitações em que o local de destino seja um bastidor/gabinete. Clique em Finalizar para concluir a tarefa. A tela a seguir exibe uma tarefa de reserva é gerada automaticamente pelo sistema. Recursos Reservados Quando um item é reservado. os itens reservados serão exibidos na função Exibir Bastidor da seguinte maneira: 331 . ele não pode ser atribuído a uma Ordem de Serviço adicional até que a Ordem de Serviço original seja executada ou excluída.

o botão Próximo será desabilitado.Tela Ordem de Serviço A tela a seguir exibe um exemplo de item que foi reservado. 332 .Caixa Exibir Bastidor A tela a seguir exibe uma porta reservada. Figura 267 . Caso você tente executar uma solicitação de aprovisionamento para um item reservado.0 Figura 266 .PV4E User Manual – V6.

Para visualizar o erro. Veja um exemplo na tela a seguir.Tela de Aprovisionamento .0 Mensagens de Erro A seção abaixo lista todas as mensagens de erro recebidas na aplicação de Aprovisionamento. Figura 268 .Erro 333 .PV4E User Manual – V6. Um erro é identificado pelo seguinte ícone. posicione o mouse sobre o ícone para ver a dica de ferramenta do erro.

o link recomendado não pôde ser alocado. mas não pôde ser atribuído à estação.PV4E User Manual – V6. A porta de comutador com as VLANs exigidas não pôde ser encontrada na sala de comunicação." "O link recomendado para a porta '1' do dispositivo 'estação 01' no local 'sala 360' não foi encontrada".0 Tabela de Mensagens de Erro A tabela a seguir lista todos os erros da função de Aprovisionamento. Mensagem de erro geral para o módulo de aprovisionamento 334 . Uma posição não pode ser alocada à 'estação 01' por não haver potência disponível suficiente." "O serviço exigido 'vermelho' para porta de ponto para porta '01' do dispositivo 'estação 01' no local 'sala 360' não está disponível. Uma posição não pode ser alocada para a 'estação 01' por falta de espaço no bastidor. "O serviço exigido 'vermelho' para porta de comutador para porta '01' do dispositivo 'estação 01' no local 'sala 360' não está disponível. "A porta do comutador para porta '1' do dispositivo 'estação 01' no local 'sala 360' não foi encontrada". O motivo para isso é a insuficiência de recursos." "Falha na operação de troca para a porta '01' do dispositivo 'estação 01' no local 'sala 360'. "A rota para a porta '1' do dispositivo 'estação 01' no local 'sala 360' não foi encontrada". "As VLANs exigidas 'vermelho' para porta de comutador para o dispositivo 'estação 01' no local 'sala 360' não estão disponíveis. As portas de comutador na sala de comunicações estão em uso ou reservadas. As portas de comutador com o serviço exigido não puderam ser encontradas na sala de comunicação." A ação do dispositivo '%01' não pôde ser executada. O PatchView gerou links para a 'porta 01' do dispositivo 'estação 01' em 'sala 360'. "A porta do ponto para porta '1' do dispositivo 'estação 01' no local 'sala 360' não foi encontrada". "Falha na operação em cadeia para a porta '01' do dispositivo 'estação 01' no local 'sala 360'. Erro Explicação Não existem pontos livres disponíveis em 'sala 360' ou todos os pontos na sala estão reservados. O PatchView não pôde gerar uma rota de um ponto para uma porta de comutador (isso pode ocorrer devido a painéis insuficientes na mesma zona de conectividade). "Potência insuficiente para o dispositivo no bastidor '200'". "Posição livre para o dispositivo 'estação 01' no bastidor '200' não foi encontrada". A operação não pôde ser executada devido a um erro em um dos dispositivos na cadeia." As portas de ponto com o serviço exigido não puderam ser encontradas em 'sala 360'. A 'estação 01' não pôde ser trocada de seu local de origem para o seu local de destino.

Ordens de Serviço podem ser criadas a partir da Planilha Editar Link ou no Módulo Ordem de Serviço. Essas tarefas podem variar desde a criação e edição de links até a instalação de software e a realocação de equipamentos terminais. o status da Ordem de Serviço é mudado automaticamente para Concluído. o status será mudado para Fechado. Quando uma tarefa é aberta. 335 . Os status são Criado.PV4E User Manual – V6. criar e trabalhar com uma Ordem de Trabalho selecionada e sua(s) tarefa(s). O usuário tem a opção de visualizar Ordens de Serviço com um status específico. Uma opção adicional permite que o usuário visualize as ordens de serviço de acordo com a ID da Ordem de Serviço ou o técnico ao qual as Ordens de Serviço foram atribuídas. Concluído e Fechado. Uma lista de todas as Ordens de Serviço aparece na Área Ordens de Serviço quando o Módulo Ordem de Serviço é aberto. As Ordens de Serviço são definidas de acordo com seus status. e então para Concluído pelo técnico (ou pelo PatchView). Aqui é possível visualizar. A Área de Informações exibe todas as tarefas atribuídas à Ordem de Serviço selecionada. a pessoa atribuída a cada tarefa documenta o progresso das tarefas individuais executadas no site. Este status é alterado para Em Progresso ou Enviar para Scanner. Em Progresso. Após a Ordem de Serviço ter sido verificada e aprovada pelo gerente. Quando o status de cada tarefa na Ordem de Serviço é alterado para Concluído. Uma vez que a Ordem de Serviço tenha sido emitida. ela recebe o status Criada. A Área de Ordem de Serviço contém uma lista de todas as Ordens de Serviço existentes e suas tarefas. dependendo da tarefa.0 Capítulo 8: Ordem de Serviço e Gerenciamento de Links Visão Geral de Ordem de Serviço Uma Ordem de Serviço é criada pelo Gerente do Sistema e é usada para atribuir e rastrear diferentes tarefas emitidas para técnicos. Cada tarefa individual possui seu próprio status. Uma tarefa pode ser cancelada antes da implementação.

Área de Registro de Eventos Esta visualização lista todas as atividades que ocorrem na Rede. você crie primeiro uma Ordem de Serviço a partir da caixa de diálogo Ordem de Serviço e crie seus links como tarefas de Ordens de Serviço. Esta é uma alternativa a trabalhar na Planilha Editar Link.0 Observação: Para monitorar o processo de implementação da tarefa. Os status das tarefas são visualizados nesta área. localizado na Barra de Menu do PV4E. A Área de Tarefas não será aberta até tarefas serem adicionadas a uma ordem de serviço. Clique no botão Ordem de Serviço. da seguinte forma: Área de Ordens de Serviço Ordens de Serviço que tenham sido criadas são listadas aqui A opção para visualizar a lista de acordo com os status das Ordens de Serviço é selecionada nesta área Visualizando as listas de acordo com a ID da Ordem de Serviço ou d Engenheiro Aba loca. Ela é usada para selecionar os itens a serem conectados Área de Tarefas As tarefas são criadas e/ou editadas nesta área. como uma regra. A tela de Ordem de Serviço será aberta e o botão Ordem de Serviço ficará Vermelho para mostrar que essa é a janela ativa. 336 . Abrindo a Janela Ordem de Serviço > Para abrir e visualizar a Janela Ordem de Serviço 1. que envia as instruções diretamente aos scanners. a Furukawa recomenda que.PV4E User Manual – V6. A Janela Ordem de Serviço A tela Ordem de Serviço é dividida em três janelas. que mostra a árvore de local.

Menu Ordem de Serviço 2. > Para filtrar as Ordens de Serviço 1. mas cujo serviço ainda não tenha sido iniciado. é possível visualizar as Ordens de Serviço que tenham sido criadas. Selecione o status necessário. Por exemplo.Janela Ordem de Serviço Filtrando as Ordens de Serviço As Ordens de Serviço podem ser filtradas de acordo com seu status.PV4E User Manual – V6. Figura 270 . Neste caso. selecione Criada. As Ordens de Serviço especificadas serão listadas na Área Ordem de Serviço. Selecione Todas para exibir todas as Ordens de Serviço existentes. Selecione as Ordens de Serviço a serem visualizadas. Apenas as Ordens de Serviço com o status selecionado aparecem na árvore. clicando no próximo ao campo Todas (opcional). Um menu suspenso será aberto.0 Figura 269 . Ordens de Serviço Listadas em ID ou Engenheiro As Ordens de Trabalho podem ser visualizadas de acordo com a ID da Ordem de Serviço (o padrão) ou de acordo com o Engenheiro 337 .

0 designado. A Árvore de Engenheiro será aberta. A seção a seguir explica a Ordem de Serviço dentro do Módulo de Ordem de Serviço. o seu status é definido automaticamente como Criada. Existem duas maneiras de criar uma nova Ordem de Serviço.Árvore de Engenheiro 2. a árvore exibirá apenas as Ordens de Serviço contendo tarefas atribuídas a técnicos. A Ordem de Serviço Observação: Caso o PV4E esteja off-line no momento. Elas são a partir do Módulo de Ordem de Serviço ou a partir da Planilha Editar Link. editadas e excluídas. caso as ordens de serviço incluam Links Dinâmicos. Uma lista de todas as tarefas atribuídas a cada técnico aparece abaixo do nome do técnico. nesse caso.PV4E User Manual – V6. é recomendado que o modo on-line seja ativado. Ordens de Serviço podem ser criadas. Consulte Trabalhando on-line. Capítulo Editar Link. > Para visualizar as Ordens de Serviço atribuídas a cada técnico 1. Ao abrir uma Ordem de Serviço. Clique no botão ID para retornar à visualização original. Figura 271 . 338 . Clique no botão Engenheiro (opcional) para visualizar a lista de Ordens de Serviço atribuídas a um técnico.

clicando nos indicadores .0 Criando uma Nova Ordem de Serviço O Gerente ou Administrador do Sistema abre as Ordens de Serviço. 7.Criando uma Nova Ordem de Serviço 6. 8. clique no botão Nova. Selecione a data em que deseja a conclusão da Ordem de Serviço. Figura 272 . altere o nível de prioridade para a Ordem de Serviço. A caixa de diálogo Ordem de Serviço será aberta. clique no botão . Feche o calendário. É possível aceitá-las como estão. 2. 3. Elas são atribuídas a funcionários autorizados que as executam. Caso a atribuição automática de ID de Ordem de Serviço esteja habilitada em Configurações do Sistema. adicionar informações a elas ou mudá-las completamente. O PV4E oferece 10 níveis. 4. Na Área Ordem de Serviço. O sistema atribui o número de ID exclusivo a esta Ordem de Serviço. em ordem de importância (o nível 1 é o mais importante). Mude a Hora de Vencimento (opcional). A Janela Ordem de Serviço será aberta. Para alterar a Data de Vencimento da data atual (opcional). 5. O padrão do sistema é 1. digite uma breve descrição da Ordem de Serviço (opcional).PV4E User Manual – V6. 9. localizado na Barra de Menu do PV4E. > Para criar uma nova Ordem de Serviço 1. 339 . No campo Prioridade. Clique no botão Ordem de Serviço. Na caixa Descrição. O calendário será aberto.

Ela também mostrará quem criou a Ordem de Serviço. Clique no botão OK para fechar a caixa de diálogo.0 Observação: A caixa de diálogo Ordem de Serviço mostrará que o Status é Criado. conforme necessário. Descrição. Edite os campos ID. a data e a hora. 340 . 2. Selecione a Ordem de Serviço que deve ser editada.Nova Ordem de Serviço Criada Editando uma Ordem de Serviço > Para editar uma Ordem de Serviço 1. 4. Figura 273 . 10. ou em uma das outras opções.PV4E User Manual – V6. A nova Ordem de Serviço será listada agora na Área de Ordem de Serviço. Clique no botão Editar Ordem de Serviço na Área de Tarefas. Clique no botão OK para fechar a caixa de diálogo. ou em uma das outras opções. O sistema usa o nome de login como padrão para o campo Criada Por. 3. Prioridade e Data e Hora de Vencimento.

Selecione a Ordem de Serviço que deve ser excluída. 3.PV4E User Manual – V6. Clique em OK ou em Cancelar na mensagem de alerta. mas não existam tarefas atribuídas a ela Seu status seja Criada e todas as tarefas atribuídas a ela ainda tenham o status Criada. Clique no botão Excluir na Área de Ordem de Serviço. 341 .Editando uma Ordem de Serviço Excluindo uma Ordem de Serviço Uma Ordem de Serviço pode ser excluída nas seguintes condições: Seu status seja Fechada Seu status seja Concluída Seu status seja Criada. > Para excluir uma Ordem de Serviço 1.0 Figura 274 . 2. A Ordem de Serviço será excluída.

e então para Concluído pelo técnico. A tarefa de Criação de Ordem de Serviço é feita em duas etapas. Criando uma Nova Tarefa Cada tarefa individual possui seu próprio status. Dependendo da tarefa.PV4E User Manual – V6. relacionadas à instalação real do hardware ou do software da rede. Essas Tarefas são atribuídas a um técnico que as executa no local. Instalar Remover Realocar Alterar Mover Reservado para Recursos de Dispositivos Outro Usado para reserva de recursos até a ordem de serviço ser concluída O usuário pode adicionar tarefas através da caixa de diálogo de tabela do sistema. Existem dois tipos principais de tarefas: Essas são Tarefas de Link ou tarefas adicionais. incluindo as tarefas que não são relacionadas a links. (Estático ou Dinâmico) Usado para interromper links existentes. Este status é alterado para Em Progresso ou Enviar para Scanner. ela se abre na aba geral. Informações básicas são preenchidas. Essas tarefas são: Tarefa Link Romper Link Função Usado para criar novos links. Apenas tarefas relacionadas a links são inseridas na Planilha de Links com instruções específicas.0 Tarefas Uma Ordem de Serviço é composta por uma tarefa ou diversas tarefas que são atribuídas para implementação. Uma tarefa pode ser cancelada antes da implementação. como • Instalando o sistema de cabeamento da rede • Instalando pontos e hardware • Removendo ou realocando equipamentos Usado para mover dispositivos entre locais. Quando o status de cada tarefa na Ordem de Serviço é alterado para Concluído. o status da Ordem de Serviço é mudado automaticamente para Concluído e ela pode. As Tarefas podem ser criadas. dependendo da tarefa. ser fechada pelo gerente. Quando uma tarefa é aberta. (Estático ou Dinâmico) Essas tarefas lidam com outras tarefas de manutenção da rede. editadas e canceladas. então. o PatchView alterará o status automaticamente. Quando a Tarefa Ordem de Serviço é aberta. ela recebe o status Criada. 342 .

3. 2.0 Adicionando uma Tarefa de Link/Interrupção de Link a uma Ordem de Serviço 1. O usuário pode começar a partir do formulário de link e o tipo correto será definido automaticamente. Clique no junto ao campo Tipo e selecione a opção Link ou Interrupção de Link (opcional). Clique no botão Nova Tarefa para abrir a Planilha de tarefa de Ordem de Serviço. selecione a Ordem de Serviço à qual as tarefas devem ser atribuídas. Figura 275 - Adicionando uma Tarefa de Link/Interrupção de Link a uma Ordem de Serviço 4. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Tarefa de Ordem de Serviço será aberta.PV4E User Manual – V6. Na Área Ordem de Serviço. 343 .

PV4E User Manual – V6. Mude a Data e a Hora de Vencimento (opcional). 8.0 Figura 276 . Clique em OK para adicionar a tarefa à lista de tarefas Ordem de Serviço. Essa lista é criada em Permissões. Na caixa Descrição. no módulo Configurações. digite uma descrição da tarefa. 6.Adicionando uma Tarefa de Link/Interrupção de Link a uma Ordem de Serviço Trabalhando na Planilha Links Os dispositivos que devem ser ligados são selecionados e arrastados e soltos na Planilha de Links. Observação: 344 . Figura 277 . 9. Selecione o nome do usuário que deve executar a tarefa.Caixa de diálogo Adicionar/Editar Tarefa de Ordem de Serviço 5. As portas que devem ser ligadas são alinhadas e selecionadas. O campo Local é desabilitado para Links/Interrupção de Links. uma vez que o sistema os insere automaticamente. No campo Atribuído a. 7. clique no botão para visualizar a lista de técnicos ou usuários.

é melhor habilitar a caixa de verificação Posicionamento Automático. Clique na Aba Links da caixa de diálogo Tarefa. localizeas na aba Portas. consulte o Capítulo Editar Link. consulte o Capítulo Editar Link). Clique na Aba Local na Área de Ordem de Serviço. (Para instruções mais detalhadas. Use a tecla <Alt> para listas consecutivas e <Ctrl> para uma seleção não-consecutiva. > Para selecionar e levar os dispositivos para a Planilha Links 1. Arraste e solte o(s) dispositivo(s) na planilha. Marque a caixa de verificação Dica de Ferramenta para ver Dicas de Ferramentas (opcional). O recurso de Posicionamento Automático pode ser desabilitado quando necessário (opcional). 3. as seguintes instruções aplicam-se somente à criação de links. Localize e selecione as portas a serem conectadas. 7. 9.PV4E User Manual – V6. Para garantir que as portas estejam voltadas para a direção correta para criar links. Dica: É possível fazer seleções múltiplas. (É possível fazer seleções múltiplas). 345 . 8. 5. 6. 4. localizada na Área de Informações. Dica: Mova a Planilha para a parte inferior e ligeiramente para a direita da tela para visualizar a árvore de local. A Planilha de Link será aberta 2.0 Uma vez que os procedimentos para criar ou interromper links são quase idênticos. Caso portas específicas em um dispositivo devam ser ligadas. Para posicionar as portas manualmente. Arraste e solte as portas para a coluna correta da Planilha de Links. Localize e selecione o dispositivo a ser conectado.

346 .PV4E User Manual – V6. Consulte a tabela em Visualizando um Link para ver os vários tipos de símbolos. 3. 4. O status da tarefa agora está criada e os links serão marcados como reservados ou pendentes. Os itens agora não podem ser usados em outro link até que você execute o link ou cancele-o. para Reservando Dispositivos para Tarefas de Links Caso você saiba que deseja usar um dispositivo ou dispositivos em um link planejado. se necessário). Selecione as portas que devem ser ligadas. Os símbolos mudam de para no caso de criar links e de no caso de interromper um link. Crie uma nova tarefa e configure o link de acordo com suas exigências. Um "R" aparece como o símbolo de link dos itens Reservados conectados. mas não envie-o aos scanners do PatchView.0 Figura 278 - Selecionando dispositivos na Planilha de Links > Para criar links na planilha 1. 2. Clique no botão Link (ou em Interromper Link. Clique no botão Aplicar para salvar as instruções no banco de dados e prosseguir trabalhando na planilha. é possível reservar os itens para evitar que eles sejam usados por mais alguém. Clique no botão OK para salvar e fechar a planilha. Observação: O status da nova tarefa será criada.

> Para incluir uma tarefa adicional à Ordem de Serviço 1. 347 . A caixa de diálogo Adicionar/Editar Tarefa será aberta. Elas são atribuídas a um técnico. Clique no botão Nova Tarefa para abrir a Planilha de tarefa de Ordem de Serviço. selecione a Ordem de Serviço à qual as tarefas devem ser atribuídas.PV4E User Manual – V6.Adicionando outra Tarefa à Ordem de Serviço 4. Figura 279 . Localizar e Alterar software ou hardware. Essas categorias de tarefas podem ser para Instalar. 3. Remover.0 Observação: Itens de inventário podem ser reservados apenas para tarefas de link e de interrupção de link. Incluindo Tarefas Adicionais na Ordem de Serviço Além de Links e Interrupções de Links. 2. outras tarefas podem ser atribuídas ao técnico. Na Área Ordem de Serviço. Clique em junto ao campo Tipo e selecione o tipo de tarefa exigida.

10. 348 . 8. Figura 281 . digite uma descrição da tarefa.PV4E User Manual – V6. selecione o segundo local no Local B. Selecione o nome do usuário que deve executar a tarefa. Na caixa Descrição.Caixa de diálogo Adicionar/Editar Tarefa de Ordem de Serviço 5. Clique em abrir a árvore de local para 7. Essa lista é criada em Permissões.0 Figura 280 . Selecione o local e clique no botão OK para retornar à caixa de diálogo Tarefa. Clique em OK para adicionar a tarefa à lista de tarefas Ordem de Serviço. No campo Atribuído a. Caso uma tarefa seja executada em qualquer local. 11. 6. Mude a Data e a Hora de Vencimento (opcional). Selecione o Local onde a tarefa deve ser executada.Adicionando outra Tarefa à Ordem de Serviço 9. clique no botão para visualizar a lista de técnicos ou usuários. no módulo Configurações.

Abra o Módulo de Ordem de Serviço. Clique no botão Nova Tarefa. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Ordem de Serviço será aberta. 3. Selecione a Ordem de Serviço.PV4E User Manual – V6. Selecione a tarefa. 4. 2.0 Figura 282 .Adicionando outra Tarefa à Ordem de Serviço Editando uma Tarefa > Para editar uma tarefa 1. 349 .

PV4E User Manual – V6. Caso a tarefa seja uma tarefa de link e você deseje visualizar o link. 3. Selecione a tarefa e clique com o botão direito do mouse no indicador clique na opção Novo Link. Clique no botão OK para continuar. Esses links são exibidos em uma representação gráfica e podem ser acessados através do módulo de Manutenção ou do Módulo Ordem de Serviço.0 Figura 283 - Editando uma Tarefa 5. e 350 . 2. 6. A Caixa de Diálogo Visualizar Link é aberta. clique na aba link. Selecione a Ordem de Serviço. Faça quaisquer mudanças necessárias. 7. como alterar o Engenheiro atribuído ou adicionar uma descrição. Visualizando um Link O status de link de um dispositivo pode ser visualizado em vários locais do aplicativo PV4E. 4. Abra o Módulo de Ordem de Serviço. > Para visualizar um link no Módulo Ordem de Serviço 1.

Uma porta estática (off-line) Uma porta estática (off-line) reservada em uma ordem de serviço. Uma solicitação para interromper um link estático (off-line) antes da implementação. Preto Preto Preto Preto Preto R Preto Azul 351 . O item possui status reservado criado em uma ordem de serviço.0 Figura 284 . Um link dinâmico (on-line) existente. um link dividido existente.PV4E User Manual – V6.Visualizando um Link Observação: O status do Link apresenta um R. Ele é reservado e não pode ser usado em outra tarefa de link. Uma solicitação de um novo link estático (off-line) antes da implementação. Um link estático (off-line) reservado em uma ordem de serviço. Símbolo Cor Preto Preto Indica… Um link estático (off-line) existente. Consulte a tabela a seguir para todos os símbolos e os seus significados.

Uma solicitação para interromper um link dinâmico (on-line) antes da implementação.0 Símbolo Cor Azul Indica… Um link dinâmico (on-line) reservado em uma ordem de serviço.PV4E User Manual – V6. Uma porta dinâmica (on-line) Uma porta dinâmica (on-line) reservada em uma ordem de serviço. Este símbolo aparece apenas em Visualizar Link. O item possui status reservado criado em uma ordem de serviço. Um rompimento de um link seguro. O link é um link seguro. Um link dinâmico (on-line) pendente no scanner. Ele é reservado e não pode ser usado em outra tarefa de link. Ele é reservado e não pode ser usado em outra tarefa de link Um link dinâmico (on-line) pendente no scanner Azul Azul Uma solicitação de um novo link dinâmico (on-line) antes da implementação. Um link dinâmico (on-line) pendente no scanner. Ele é reservado e não pode ser usado em outra tarefa de link. O item está conectado em uma conexão nãorastreável. Uma porta dinâmica (on-line) pendente no scanner. Azul Azul Azul Azul Azul Azul Vermelho R Verde Azul Vermelho 352 .

Abra o Módulo de Ordem de Serviço. consulte o Capítulo Editar Link para cancelar um link. uma vez que ela tenha sido criada. 2. Selecione a Ordem de Serviço. Selecione canceladas no campo Status. são os seguintes: 1. 353 .0 Cancelando e/ou Excluindo uma Tarefa Uma tarefa de Link pode ser cancelada apenas se não tiver sido enviada para o scanner. Figura 286 . Executando uma Ordem de Serviço Os processos envolvidos em executar uma Ordem de Serviço. 2. marque a caixa no canto superior esquerdo da aba Tarefas e clique em OK na tela de confirmação. Figura 285 - Selecionando todas as tarefas 4. > Para cancelar uma tarefa 1.Cancelando uma tarefa Observação: Todas as tarefas individuais devem ser alteradas para Cancelar antes que o status na Ordem de Serviço mude para Cancelada. A Mesa de Controle é ativada nos Painéis reais. O técnico seleciona e altera o status. Caso o link tenha sido enviado ao scanner.PV4E User Manual – V6. Para selecionar todas as tarefas. Selecione a(s) tarefa(s). 3. A aba Tarefas da Ordem de Serviço selecionada será aberta na Área de Informações.

. Elas são: Status Criada Na Ordem de Serviço Significa. O trabalho foi iniciado na tarefa. Para tarefas de Links.PV4E User Manual – V6. Neste estágio. Quando uma Ordem de Serviço é executada.. 4. O técnico faz os novos links ou interrompe links de acordo com os LEDs no painel. Isto se aplica às tarefas adicionais e não às tarefas de links Os Links foram enviados ao scanner. mas nenhum trabalho foi executado ainda. isso é alterado automaticamente quando os links são executados no scanner. O status precisa ser alterado para tarefas adicionais Cancelada A Ordem de Serviço foi cancelada A Ordem de Serviço foi verificada e aprovada pelo gerente que a fechou.. O trabalho foi iniciado em uma ou mais das tarefas Na Tarefa Significa.. Foi criada. cada tarefa possui seu próprio status. Foi criada. mas nenhum trabalho foi executado ainda. 5. é possível cancelá-la. Concluída Fechada Não é exibida nas tarefas 354 .0 3. O banco de dados é atualizado. Existem seis status diferentes de Tarefas e Ordens de Serviço. é possível cancelá-la. Só é possível fechar a Ordem de Serviço após todas as tarefas terem sido concluídas. As tarefas foram canceladas Em Progresso Enviar ao Scanner Não aparece na Ordem de Serviço As tarefas foram concluídas. O Gerente do Sistema verifica a tarefa e a fecha. Consulte Fechando uma Ordem de Serviço. Neste estágio.

Selecione a(s) tarefa(s). O Status daquela tarefa muda para Enviar para o Scanner. Clique no próximo ao campo de escolha para abrir o menu suspenso e selecione "Enviar ao Scanner". Figura 288 .PV4E User Manual – V6.Alterando o Status de um Link 4. 2.Alterando o Status de um Link 355 . Figura 287 . Para selecionar todas as tarefas. Clique no botão Executar para enviar as informações ao scanner. marque a caixa no canto superior esquerdo da aba Tarefas e clique em OK na tela de confirmação. Selecione a Ordem de Serviço no Módulo de Ordem de Serviço. 5.0 Alterando o Status de uma Tarefa de Link 1. 3.

as informações serão enviadas ao scanner. Ativada/Pendente pisca em vermelho. Figura 289 . Pressione simultaneamente os botões de controle A e B para ativar a varredura automática. faça o seguinte: 1. A Mesa de Controle.Ativando a Varredura Automática 356 .PV4E User Manual – V6. O LED Reconfig. que é conectada ao scanner daquela instalação. indica que uma tarefa foi enviada aos scanners agora. 2.0 A Mesa de Controle Após o botão Executar ter sido clicado.

357 . O LED Reconfig. Ativada/Pendente muda para vermelho.PV4E User Manual – V6.0 3.

Conecte ou desconecte o cabo desta porta.PV4E User Manual – V6.Painel Observação: O LED piscará para mostrar qual link deve ser rompido (cabo a ser desconectado) ou permanecerá aceso para mostrar qual link deve ser criado.Mesa de Controle 4. Ativada/Pendente pisca em vermelho novamente. 5. Figura 291 . O LED Reconfig. pressione simultaneamente os botões de controle A e B para que o status volte para pendente. Conecte ou desconecte o cabo da primeira porta. O LED da segunda porta será aceso. Os LEDs nos Painéis começam a indicar a ordem dos serviços a serem executados para esta tarefa. Observação: Caso você não vá executar a tarefa imediatamente. 358 .0 Figura 290 . 6.

359 . Figura 292 . Abra o Módulo de Ordem de Serviço. 5. 7. Clique no botão OK. Clique no botão Editar Ordem de Serviço para abrir a caixa de diálogo Ordem de Serviço. Quando estiver concluído. 8.Status da Tarefa Atualizado Fechando uma Ordem de Serviço Uma Ordem de Serviço pode ser fechada apenas quando todas as tarefas foram concluídas (ou canceladas). 3. O processo continuará para todos os links daquela tarefa específica. > Para fechar uma Ordem de Serviço 1. 2. 9.0 7. Em Fechado. o nome da pessoa que concluiu a Ordem de Serviço e a data e hora da conclusão aparecem automaticamente. 4. Verifique todas as tarefas para certificar-se de que foram concluídas adequadamente. O status da tarefa mudará para concluída. o scanner enviará a notificação para a Ordem de Serviço. Selecione a caixa de verificação Fechar. Selecione a Ordem de Serviço.PV4E User Manual – V6. 6.

O status da Ordem de Serviço será Fechado. 360 . entre links planejados que são executados através de Ordem de Serviço/Editar Link.PV4E User Manual – V6.Ordem de Serviço Fechada Eventos Programados/Não-Programados PVMAX O recurso de Eventos Programados/Não-Programados foi desenvolvido para permitir que o PV4E diferencie eventos PVMAX. Figura 294 . e links arbitrários executados em campo Este recurso é capaz de rastrear o tipo de cada evento conexão/desconexão de porta recebido do PVMAX. os eventos existentes do PVMAX (conexão/desconexão de portas do PVMAX) são substituídos pelos seguintes novos eventos (esses eventos são suportados pelo mecanismo de notificação de eventos. como todos os eventos). Para oferecer esta funcionalidade.Fechando uma Ordem de Serviço 8.0 Figura 293 .

Links de Ordens de Serviço Programadas No caso de uma conexão/desconexão de link que tenha sido realizada como resultado de uma Ordem de Serviço.0: Um novo campo de hyperlink para tarefas de Ordens de Serviço Um tipo de evento. PVMAX desconectadas OS Portas prog. por definição. identificado como "Informação" aplica-se a ambos eventos Quando o hyperlink de tarefa de Ordem de Serviço é clicado.0 Links Não-Programados No caso de conexão/desconexão arbitrária de um link que seja executada em campo sem uma Ordem de Serviço ou um comando de link do PV4E. (ela é desabilitada em Editar link). Portas prog. 361 . os seguintes eventos serão gerados e terão um tipo de evento "Aviso": Portas não-programadas do PVMAX desconectadas Portas não-programadas do PVMAX conectadas Links Seguros Como uma desconexão de link seguro é.PV4E User Manual – V6.5. surge a mensagem "Link seguro desconectado pelo PV/PVMax". PVMAX conectadas OS Os seguintes campos de novos recursos foram adicionados ao PV4E V. os seguintes eventos serão executados e terão o tipo de evento "Informação". nãoprogramada. a respectiva tarefa de Ordem de Serviço é aberta na aba de Links em modo somente leitura.

5.0 Figura 295 . os seguintes eventos serão executados (e terão o tipo de evento "Informação").Caixa de diálogo Adicionar/Editar Tarefa de Ordem de Serviço Programado Editar Link Aplicar Links No caso de uma conexão/desconexão de link que tenha sido realizada como resultado da função Aplicar do link Editar. identificado como "Informação" aplica-se a ambos eventos 362 . Portas prog.PV4E User Manual – V6. PVMAX desconectadas link Editar Portas prog.0 Um novo campo de Usuário exibe o usuário ativo do PV4E que executa um comando "Aplicar link" Um tipo de evento. PVMAX conectadas link Editar Os seguintes campos de eventos foram adicionados ao PV4E V.

Todas as alterações de conectividade dos dispositivos são reconhecidas. Nomes de Host e serviços do Sistema. isso é devido a problemas de conexão. Em alguns casos. Uma tecnologia (conhecida formalmente como P-LET: Pro-active LAN Equipment Topology). Elas são: Botão Cor Inativo Mapeamento de LAN Ativo Processo de dispositivo não-gerenciado em execução Servidor de LAN Ativo Significado O Módulo de Cinza Descoberta Azul Amarelo Verde Mapeador LAN O Mapeador LAN é a primeira operação que precisa ser executada para começar a trabalhar com o Módulo de Descoberta. como DNS. Elas são: Mapeador LAN Detecção Automática Servidor LAN Dispositivos não-gerenciados Módulo de Utilização O botão indicador do Módulo de Descoberta muda de cor dependendo da tarefa sendo executada no momento. 363 . O Mapeador LAN retorna os Endereços MAC. Usando esses parâmetros. Endereços IP. dispositivos são adicionados ao banco de dados do PV4E e colocados no local correto. Ele descobre todos os dispositivos ativos na rede e suas sub-redes. O Módulo de Descoberta descobre todos os dispositivos ativos na rede.PV4E User Manual – V6.0 Capítulo 9: Módulo de Descoberta (P-LET) Visão Geral do Módulo de Descoberta O PatchView for the Enterprise possui um Módulo de Descoberta. O Módulo de Descoberta consiste em uma quantidade de elementos que dividem a operação em tarefas simples. suas sub-redes e identifica os seguintes parâmetros de dispositivos: Nome do Host Endereço IP Endereço MAC Tipo de Serviço do Sistema (Com algumas exceções). faltará informações em alguns dos dispositivos. e o próprio dispositivo.

3.PV4E User Manual – V6. Clique no botão Sub-rede. Eles são: Configurações > P-LET Manutenção > Sub-rede de Topologia > Para abrir o Mapeador LAN a partir do Módulo de Configurações 1.0 Observação: Para que o Módulo de Descoberta funcione corretamente. 2. The LAN Mapper Screen opens. Selecione a aba Topologia. 3. Abra o Módulo de Manutenção. o Mapeador LAN deve estar configurado corretamente. 364 . 2. A partir do Módulo de Configurações. O botão indicador do Módulo de Descoberta ficará azul quando o Mapeador LAN estiver em execução. A Tela do Mapeador LAN é aberta e exibe informações gerais sobre a configuração do Mapeador LAN 4.Tela do Mapeador LAN > Para abrir o Mapeador LAN a partir do Módulo de Manutenção 1. Figura 296 . O Mapeador LAN é acessado a partir de dois locais no PV4E. selecione P-LET no menu suspenso.

(É importante selecionar esta opção após Iniciar Descoberta de Topologia ter sido executado) Use esta opção na primeira vez ou para contornar a topologia de sub-rede existente.PV4E User Manual – V6. Elas são "Usar a Topologia Atual" ou "Iniciar a Descoberta de Topologia". Existem duas opções para as Configurações do Mapeador LAN. Configurações do Mapeador LAN Isto é feito para que o Mapeador LAN possa fazer varredura da rede automaticamente para detectar toda a sua estrutura. Esses recursos são usados da seguinte forma: CONFIGURAÇÃO Usar Topologia Atual EXPLICAÇÃO É usada diariamente.0 Figura 297 . incluindo dispositivos.Abrindo o Mapeador LAN Para ativar a varredura do Mapeador LAN. as seguintes etapas de configuração devem ser definidas: Configurações do Mapeador LAN Filtro de Mensagens Agendador do Mapeador LAN. Consulte Agendador do Mapeador LAN. Observação: Configure o Agendador do Mapeador LAN antes de continuar com as Configurações do Mapeador LAN. Essas configurações definem os Roteadores e as Sub-Redes ativos. uma vez que a topologia da sub-rede esteja correta. (A topologia de sub-rede existente será excluída) Iniciar Descoberta de Topologia 365 . nos quais o Módulo de Descoberta detectará os dispositivos existentes.

2. Clique em Editar. Figura 298 .PV4E User Manual – V6. o processo será executado a partir do início. o Mapeador LAN detectará o endereço IP do gateway padrão a partir do servidor PV4E. contornando a descoberta anterior. é importante selecionar a opção "Usar Topologia Atual". Selecione o botão Iniciar Descoberta de Topologia se o Mapeador LAN estiver sendo executado pela primeira vez ou caso deseje redescobrir a topologia de rede. Observação: Este processo apagará a topologia antiga da rede. A caixa de diálogo Configurações do Mapeador LAN será aberta. Consulte Configurações do Mapeador LAN. Abra a Tela Mapeador LAN.Definindo Configurações do Mapeador LAN 4. 3.0 > Para definir as Configurações do Mapeador LAN Esta operação é executada quando o PV4E é instalado pela primeira vez ou quando você deseja redescobrir a Topologia da Rede. Selecione uma das opções para Iniciar Descoberta de Topologia de acordo com a tabela abaixo: CONFIGURAÇÃO Gateway Padrão do Servidor Patchview EXPLICAÇÃO Usa o gateway padrão do servidor PV4E como o seu ponto inicial. 366 . 1. Observação: Uma vez que o Mapeador LAN esteja concluído e tenha sido executado pela primeira vez. Caso isso não seja feito. Caso selecione a opção Gateway Padrão.

Isso permitirá a descoberta do dispositivo particular e determinará se ele está ativo e se os parâmetros estão corretos para realizar a varredura. Cada dispositivo com configurações SNMP diferentes do padrão pode ser configurado separadamente ao inserir suas próprias configurações SNMP. dentro do período de expiração. 8. 5.) Observação: Certifique-se de que seu servidor PV4E possua um endereço IP estático. 367 . a Furukawa sugere as seguintes soluções: 1.PV4E User Manual – V6. Clique em Verificar. entre em contato com o seu administrador do sistema). Clique em OK ou Aplicar. (As informações do Mapeador LAN serão recolhidas apenas desta sub-rede específica.0 CONFIGURAÇÃO IP do Roteador EXPLICAÇÃO Usa o Roteador com o endereço IP especificado como o seu ponto de partida. Caso você selecione a opção IP do Roteador. Obtenha as configurações SNMP padrão do Administrador do Sistema. 7. SNMP PARÂMETRO CONFIGURAÇÕES PADRÃO Versão SNMP Obter Comunidade Tempo de expiração (msegundos) Tentativas V1 Público 2000 EXPLICAÇÃO Versão do protocolo SNMP usada durante a varredura (v1. 2. 2 6. (Caso não seja um IP estático. que o sistema tentará receber uma resposta a uma solicitação de um Roteador antes de relatar um erro de comunicação. será necessário inserir o endereço IP específico daquele Roteador. O número de milissegundos após os quais o Mapeador LAN será interrompido se não houver contato com o Roteador. Varredura Local Executa a varredura apenas na sub-rede do servidor PV4E. Observação! Uma vez que uma descoberta de rede com várias cadeias de comunidades tem um impacto significativo sobre a duração da varredura. v2c ou v3) A cadeia usada como o nome da comunidade em solicitações SNMP de Obter e Obter Próximo. O número de vezes. Uso de uma única cadeia de comunidade SNMP como um parâmetro abrangendo todo o sistema. A Varredura Manual do Mapeador LAN pode ser executada neste ponto (opcional).

ou ser executada de acordo com o agendador.Definindo Configurações SNMP Varredura Manual do Mapeador LAN A varredura do Mapeador LAN pode ser ativada manualmente para a primeira varredura. Consulte Agendador do Mapeador LAN. de acordo com os horários configurados no agendador.Definindo Configurações do Mapeador LAN Figura 300 .PV4E User Manual – V6. > Para iniciar a Varredura Manual do Mapeador LAN 368 .0 Figura 299 . Varreduras posteriores serão executadas automaticamente.

369 . Para configurar o Agendador do Mapeador LAN 1. uma dica de ferramenta será exibida. selecione agendador no menu suspenso. A janela Geral do Mapeador LAN será aberta. Observação: O Mapeador LAN detectará apenas dispositivos que tenham estado ativos recentemente. 3. 2. Ao passar a seta do mouse sobre o indicador. Caso necessário. A dica de ferramenta relata as duas seguintes fases: Ativação de sub-rede (Sem indicação de porcentagem) Varredura de roteadores Recuperação de informações do dispositivo Escrevendo informações do dispositivo para o banco de dados A figura abaixo ilustra uma das dicas de ferramenta Figura 301 . Clique na pasta Topologia. Os Eventos serão registrados no Registro de Eventos. juntamente com a porcentagem do progresso. portanto é aconselhável configurá-lo para execução durante o horário de expediente. Clique em Iniciar Varredura. Observação: Não é recomendável executar simultaneamente o Mapeador LAN e o Servidor LAN. O botão indicador do Módulo de Descoberta mudará para azul . Clique em Editar.0 1. apresentando a fase atual da varredura.PV4E User Manual – V6. 2. A janela Editar Agendador do Mapeador LAN será aberta. 3.Dicas de ferramenta do Mapeador LAN Agendador do Mapeador LAN O Agendador do Mapeador LAN define as datas e horas para a execução do processo de varredura do Mapeador LAN. é possível selecionar o botão Interromper Varredura para interromper a varredura. A partir do Módulo de Configurações. 4. Abra o Mapeador LAN a partir da Árvore de Topologia clicando no botão de Sub-rede. É possível selecionar a data e a hora da execução e frequência com que o processo deve ser repetido. Selecione a aba Mapeador LAN.

selecione uma opção para o campo Repetir em Todas: que defina a frequência com a qual deseja que o processo de detecção seja executado. Para o Modo Personalizado. o intervalo pode ser a cada 3 semanas em uma terça-feira Personalizar 6. 9. O Mapeador LAN é executado de acordo com o padrão de Recorrência configurado. 7. Por exemplo. 5. Veja a tabela a seguir: Caso deseje Uma Vez Selecione… Modo de repetição: Uma Vez Modo de repetição: Personalizado Explicação O Mapeador LAN é executado apenas uma vez. A data de Próxima Execução Em: será calculada de acordo com o dia especificado. 370 . selecionando-as nas listas suspensas. Isso define a data de Início e o tempo de execução para o Mapeador LAN. Selecione em que dias você precisa que a Varredura seja executada. Marque a caixa de verificação Habilitar Agendamento do Mapeador LAN para habilitar o Agendador.PV4E User Manual – V6.Configurando o Agendador do Mapeador LAN A caixa de diálogo Editar Agendador é aberta.0 Figura 302 . No campo Modo de Repetição selecione Uma Vez ou Personalizado. 4. O padrão é selecionado configurando o intervalo semanal e o dia específico da semana para a execução. Insira a Data de Início e os campos Em. 8.

PV4E User Manual – V6. a seguinte janela do Agendador será exibida. 371 . permitindo que você insira apenas a data de início. Caso você tenha o modo de Repetição Uma Vez.Caixa de diálogo Editar Agendador 10. As Configurações do Agendador estão definidas. Clique em Aplicar.0 Figura 303 . Figura 304 . O Mapeador LAN será executado na data agendada.Caixa de diálogo Editar Agendador .Repetir Uma Vez 11. 12.

Selecione a pasta Topologia na Árvore de Topologia. 2. 8. serão indicados com . No Módulo Manutenção. Visualizar as Sub-redes na Árvore de Topologia. um ícone 372 . Todos os dispositivos nesta Sub-rede que tenham sido descobertos pela Varredura do Mapeador LAN serão exibidos. Selecione o Botão de Seleção Sub-rede.PV4E User Manual – V6. Uma vez que a varredura do Mapeador LAN esteja concluída. 3. Algumas das sub-redes serão marcadas com marcas de verificação e outras com a letra x: As marcas de verificação indicam que a sub-rede estava acessível para a varredura e foi varrida com sucesso O x indica que a sub-rede não estava acessível para a varredura. A Topologia > Para visualizar os dispositivos varridos 5. Para cada sub-rede que foi varrida com sucesso. reconfigure-o agora para "Usar Topologia Atual". 6. ele localiza cada dispositivo em sua própria Sub-rede. > Para Visualizar as Sub-redes 1. Expanda as Sub-redes para visualizar os dispositivos detectados em cada Sub-rede. Topologia Visualizando as Sub-redes Após o Mapeador LAN ter sido executado pelo agendador ou manualmente. Todas as Sub-redes serão exibidas com uma marca de verificação ou a letra X. Expanda a Sub-rede clicando no sinal b+. Todos os dispositivos que não estejam posicionados na árvore de local. Observação: Caso a primeira varredura do Mapeador LAN tenha sido ativada pelo Agendador. de acordo com sua localização física real.0 Varredura Agendada do Mapeador LAN O Mapeador LAN executará a varredura da rede de acordo com o agendador. Possíveis motivos podem ser: O Servidor PV4E (Endereço IP) não tem permissão para acessar a sub-rede O roteador da sub-rede não é um agente SNMP O nome Obter Comunidade SNMP é diferente daquele especificado no PV4E. clique na aba Topologia. 9. o PV4E exibe o número de entidades associadas 4. 10. o Mapeador LAN coloca todas as sub-redes descobertas na Árvore de Topologia. 7.

Na seção Informações da Rede. 3. (Obtenha esta informação com o gerente de TI. Esse é o tipo de dispositivo alocado a cada dispositivo no caso em que o módulo de descoberta não consegue identificar seu tipo 373 .) Observação: Caso a opção Varredura Local esteja selecionada. Na seção Informações da Rede. Essas informações são encontradas na árvore de topologia. Selecione o Tipo Padrão. preencha o campo ID. Clique com o botão direito do mouse em Topologia e selecione Adicionar Sub-rede no menu suspenso. Marque a opção Habilitar Descoberta de Sub-rede caso deseje que o processo de detecção inclua a detecção da sub-rede. Observação: Apenas uma sub-rede pode ser adicionada por vez. Para adicionar uma Sub-rede Manualmente 1.Topologia Adicionando uma Sub-rede Manualmente Uma Sub-rede individual pode ser adicionada manualmente na seção de Topologia da Sub-rede na manutenção. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Sub-rede será aberta. 5.0 Figura 305 . 2. O processo deve ser repetido para sub-redes posteriores que sejam adicionadas manualmente.PV4E User Manual – V6. verifique se o servidor PV4E é um membro da sub-rede específica em que deseja realizar a varredura. preencha o campo MÁSCARA. 4.

As configurações para a Topologia de Rede são definidas e os Roteadores aparecem na árvore de Topologia de Rede.0 Figura 306 . É possível definir configurações diferentes por roteador ao clicar no botão Detalhes 9. Clique em Aplicar.Adicionando uma Sub-rede Manualmente . Não há limite para a quantidade de roteadores.PV4E User Manual – V6.Aba geral 6. 374 . cada Roteador é identificado por um Endereço IP. Especifique as informações para cada roteador que seja associado com esta sub-rede. 8. Clique em Verificar Roteadores para certificar-se que as informações estão corretas e se os Roteadores estão disponíveis ou não 10. As Configurações SNMP (como a Interface) aparecem automaticamente e são relacionadas às configurações SNMP do Roteador. Clique na aba Roteadores 7.

Selecione uma ou mais sub-redes da árvore de topologia (Usando a tecla Ctrl) 2.Aba Roteadores Realizando a Varredura Manualmente em Sub-redes Selecionadas O módulo de descoberta permite realizar a varredura em um processo manual somente em sub-redes selecionadas.Adicionando uma Sub-rede Manualmente .0 Figura 307 . > Para varrer Manualmente Sub-redes selecionadas 1. Clique com o botão direito do mouse nas sub-redes e selecione o item do menu Varrer Sub-rede 3. O módulo de descoberta realizará a varredura das sub-redes selecionadas uma vez 375 .PV4E User Manual – V6.

Isso significa que ativar o recurso de interrupção de comutação em seu equipamento aumenta a funcionalidade sem aumentar a carga de recursos no sistema.0 Figura 308 – Selecionar sub-redes para varredura manual Adicionando/Removendo Sub-redes Selecionadas da varredura O módulo de descoberta permite excluir/incluir várias sub-redes no processo de varredura. Além da ativação do agendamento da execução do Módulo de Descoberta. Uma desconexão pode ser regular ou pode ser uma falha no link de comunicação física. Quando a localização de um dispositivo é mudada. Caso um novo dispositivo que faça parte de um link completo seja detectado. A conexão pode vir de um dispositivo autorizado ou não-autorizado na rede. Selecione uma ou mais sub-redes da árvore de topologia (Usando a tecla Ctrl) 2. interrupções de comutação possibilitam atualizações em tempo real da atividade de conectividade dos equipamentos terminais. Para Adicionar/Remover várias Sub-redes da varredura 1.PV4E User Manual – V6. Informe o comutador com o endereço IP do Servidor PV4E como o destino das interrupções de comutação. o PV4E atualiza a sua localização em seu inventário e emite uma interrupção descrevendo a conexão ou reconexão do dispositivo. esse novo dispositivo será adicionado automaticamente ao Inventário. As tarefas que deverão ser executadas para ativar interrupções de comutação serão: 1. Ativar os recursos de interrupção de comutação (link up e link down) no seu comutador de rede. 376 . Consulte a documentação do comutador para mais detalhes. Clique com o botão direito do mouse nas sub-redes e selecione o item do menu Habilitar/Desabilitar Descoberta de Sub-rede Interrupções de Comutação Interrupções de comutação oferecem indicações em tempo real da conexão (link up) ou desconexão (link down) de equipamentos terminais.

É necessário configurar cada comutador individual na rede. Clique na aba Interrupções de Comutação. Ative o recurso de interrupções de comutação do Módulo de Descoberta no PV4E. 2. 4. 377 . o recurso de interrupção de comutação não funcionará. Configure o agendador do Módulo de Descoberta. Ao selecionar apenas novas estações. ou ambos. Configure as propriedades de interrupção de comutação para cada comutador. É possível relatar eventos para link up.Editar Configurações de Interrupção de Comutação 3. Apenas eventos para novos dispositivos adicionados à rede neste caso são gerados. As configurações de Interrupções de Comutação aparecem. Consulte a documentação do fabricante para obter detalhes. Selecione o tipo de evento necessário. Caso você não configure os comutadores.0 2. Editar Configurações de Interrupção de Comutação Figura 309 . Também é possível selecionar se você deseja monitorar todas as estações conectadas a partir da rede ou apenas novas estações que ainda não estejam definidas no sistema. Clique em OK para continuar. A visualização do Módulo de Descoberta será exibida. selecione P-LET. o número de eventos de conexão que aparecem na janela Eventos é reduzido.PV4E User Manual – V6. 3. link down. > Para ativar as Interrupções de Comutação do Módulo de Descoberta 1. Clique em Editar para editar as interrupções de link do monitor. A partir do menu Configurações. 4. Observação: É necessário configurar os comutadores físicos em sua rede para que o recurso de interrupção de comutação do PV4E funcione.

Clique na aba Configurações. O agendador de Interrupções de Comutação é exibido com as alterações.PV4E User Manual – V6. O conteúdo da aba Configurações será exibido. Clique na caixa de verificação Habilitar Agendador de Interrupções de Comutação para permitir o agendamento de interrupções de comutação. 378 . os eventos são gerados como resultado da conexão e desconexão de dispositivos na rede. A partir do menu de Configurações. 2.0 > Para Configurar o Agendador de Interrupções de Comutação É possível agendar quando o mecanismo para interrupções de comutação está ativo. A visualização do Agendador será exibida.Agendador das Interrupções de Comutação – Interrupções de Comutação 3. 6. Quando ele está ativo. 2. Clique em OK para continuar. A partir da Árvore de Localização. 4. clique em um comutador. Clique em Editar para alterar o agendamento do monitoramento das interrupções de comutação da configuração padrão de 24 horas por dia. 1. O conteúdo da aba Interrupções de Comutação será exibido. > Para Configurar Propriedades de Interrupção de Comutação para um Comutador 1. Clique na aba Interrupções de Comutação. clique em Agendador. Figura 310 . 5. A caixa de diálogo Editar Agendador é aberta. Faça quaisquer alterações de hora na caixa de diálogo e clique em OK. A visualização de propriedades do comutador será exibida.

o comutador deverá ser adicionado ao inventário. 3. 5. Inserindo Comutadores no Inventário Usando o Mapeador LAN Após um comutador ter sido detectado pelo Mapeador LAN e adicionado à árvore de Sub-rede de Topologia. Clique em OK para continuar.Propriedades de Configurações de Comutadores Clique no campo Interrupções de Monitoramento para resolver interrupções de comutação enviadas do comutador. Existem dois modos: Inserir Inserir e Copiar Estrutura > Para inserir um comutador no inventário: 379 . Desmarque a caixa de verificação Interrupções de Monitoramento para definir se o sistema não deve resolver as interrupções de comutação.PV4E User Manual – V6. Observação: O campo Interrupções de Monitoramento será marcado apenas se o agendador de interrupção de comutação estiver habilitado e as Interrupções de Comutação do Módulo de Descoberta estiverem ativadas. clique em Editar. 4.0 Figura 311 . Verifique se os comutadores físicos na rede habilitam as interrupções de comutação. Esta é a configuração padrão. Para desabilitar as interrupções de comutação para o comutador selecionado. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Comutador do Inventário será exibida.

O comutador será inserido no inventário em Sem Local. selecione o botão de seleção Sub-rede.PV4E User Manual – V6. A partir da aba Topologia.0 O procedimento Inserir insere no inventário comutadores que foram detectados e varridos pelo Mapeador LAN. A estrutura da árvore Topologia será exibida. fora do inventário). 1. Clique com o botão direito do mouse sobre um comutador com uma cruz vermelha sobre ele e selecione Inserir. ele terá a mesma estrutura que o comutador selecionado. 380 . 1. Uma vez que o comutador seja inserido no inventário. 2. > Para inserir e copiar a estrutura: O procedimento Inserir e Copiar estrutura permite copiar a estrutura de um comutador que já esteja no inventário para um comutador que tenha sido varrido mas ainda não tenha sido inserido. Selecione Inserir e Copiar estrutura no menu de contexto de um dispositivo de comutação (ou seja. sem varrê-los pela segunda vez.

Observação: Caso o comutador selecionado não combine com o comutador que deseja inserir. Selecione o comutador adequado na lista e clique em OK. 2. É exibida uma caixa de diálogo notificando que a operação pode levar algum tempo.PV4E User Manual – V6. uma mensagem de erro será exibida.0 Inserir e copiar Clique em Buscar Agora. Uma nova caixa de diálogo será aberta com uma lista de todos os comutadores do inventário e uma lista de seus módulos. 381 .

Clique em OK para continuar. O comutador será inserido no inventário com a mesma estrutura que o comutador selecionado. Detecção Automática A Detecção Automática é usada para detectar automaticamente os dispositivos dos resultados do Mapeador LAN e colocá-los na árvore de local.PV4E User Manual – V6.0 3. 382 .

0 Caso um dispositivo não tenha sido previamente definido na árvore de local. Clique em Detectar. selecione Detecção Automática.Selecionando a Detecção Automática 2. Selecione os Comutadores e Roteadores. 3. Observação: É recomendado usar a Detecção Automática somente em Comutadores e Roteadores. 383 . A partir do Módulo Ferramentas. > Para abrir a Detecção Automática 1. Figura 312 .PV4E User Manual – V6. ele será posicionado em Sem Local. A caixa de diálogo Detecção Automática será aberta.

quando a maioria dos dispositivos estão ativos.Caixa de diálogo Detecção Automática O Processo será registrado no Registro de Eventos. quando a maioria dos dispositivos são operáveis. juntamente com todos os seus dados de conectividade.PV4E User Manual – V6. Esses dispositivos foram colocados em Sem Local e devem ser arrastados e soltos no local correto. Observação: A Furukawa recomenda que o processo do Servidor LAN seja executado pelo menos duas vezes por dia durante o horário mais ativo do expediente. será necessário definir o Agendador do Servidor LAN Agendador do Servidor LAN O Agendador define os intervalos de tempo para o processo do Servidor LAN. Por exemplo.Detecção Automática Servidor LAN O Servidor LAN localizará todos os equipamentos terminais que tenham sido detectados pelo Mapeador LAN e preencherá as informações de link físico de cada dispositivo no banco de dados. Os comutadores e roteadores descobertos não terão mais o ícone de cruz vermelha. Para ativar o Servidor LAN. Isso resultará em colocar os equipamentos terminais em seus locais físicos corretos. Figura 314 .0 Figura 313 . às 11:00 e 15:00. É possível selecionar habilitar o Agendador e os horários de Início e Término para cada dia ou para um dia específico da semana. > Para definir o Agendador do Servidor LAN 384 .

Isso define o intervalo de tempo do agendador. a seleção de dias individuais é desabilitada. digite as horas de Início e Término. 3. 10. Digite o intervalo de horas exigidas entre execuções do Servidor LAN Figura 315 . Marque a caixa de verificação dia da semana específico caso deseje configurar o agendador para ser executado em um ou mais dias da semana. marque a caixa de verificação Diariamente caso deseje configurar o agendador para ser executado diariamente dentro do intervalo de tempo especificado. Digite o intervalo de horas exigidas entre execuções do Servidor LAN para cada dia selecionado. selecionandoas nas caixas de listagem. 4. 7. da Hora de Início 10:00 até a Hora de Término 23:00. A janela Editar Agendador do Servidor LAN será aberta. 2. No campo Cronograma. selecione agendador no menu suspenso. 6. Clique em OK para continuar. 9. Por exemplo.PV4E User Manual – V6. 385 . Selecione a aba Servidor LAN. Marque a caixa de verificação Habilitar Agendamento do Servidor LAN para habilitar o Agendador.Configurando o Agendador do Servidor LAN 8. significa que nenhuma execução ocorrerá após as 23:00. 5. Para executar o Servidor LAN diariamente.0 1. Observação: Quando a caixa de verificação Diariamente é selecionada. A partir do Módulo de Configurações. Clique em Editar.

eles não poderão ser executados simultaneamente. O Servidor LAN será executado automaticamente na hora selecionada. A partir do Módulo de Configurações.PV4E User Manual – V6. O Mapeador LAN deve ser executado primeiro. > Para ativar o Servidor LAN manualmente 1. 3.0 Figura 316 .Configurando o Agendador do Servidor LAN Observação: Caso você execute o Mapeador LAN e o Servidor LAN no mesmo dia. selecione P-LET no menu suspenso. Os resultados da varredura são registrados no Registro de Eventos. 4. o botão indicador do Módulo de Descoberta fica verde . Durante a sua ativação. uma dica de ferramenta indica a porcentagem de comutadores no módulo de descoberta que foi varrido. Executar o Servidor LAN Observação: Quando o Mapeador LAN está ativo. Clique no botão Iniciar Varredura para iniciar a varredura manual. O Servidor LAN também pode ser ativado manualmente. 386 . 2. Selecione a aba Servidor LAN.

387 . Autorização de Dispositivo Este recurso aumenta de forma significativa a funcionalidade de suporte à segurança do sistema. Dispositivos que foram gerenciados com sucesso. Dispositivos não-gerenciados. portanto.PV4E User Manual – V6. Um dispositivo em que algumas informações essenciais não estão presentes e.0 Figura 317 .Ativando o Servidor LAN Resultados do Servidor LAN Existirão dois tipos de resultados. É um dispositivo em que as informações do link físico e as informações de identificação de rede (apenas endereço MAC) foram detectadas com sucesso e colocadas em seu local correto no banco de dados juntamente com seu link físico. não permite a detecção correta do local físico. O módulo de autorização de Dispositivo habilita o usuário a: Aprovar um endereço MAC não-autorizado existente Autorizar novos endereços MAC antes da detecção do Módulo de Descoberta Obter alertas sobre novos endereços MAC detectados pelo Módulo de Descoberta Visualizar todos os MACs não-autorizados Autorizar/Desautorizar Editor MAC A partir do menu Ferramentas > Autorização de Dispositivo.

PV4E User Manual – V6. será aberta: Figura 318 Editar Autorização MAC Digite os detalhes nos campos Dispositivos. Editar Dispositivos Autorizados. acima. Clique em Buscar para encontrar todos os itens relacionados na área de resultados da busca.0 A seguinte tela. 388 .

(Uma tabela de endereços MAC é um banco de dados que armazena todos os endereços MAC autorizados) 389 .PV4E User Manual – V6.0 Figura 319 Editar Autorização MAC . Essas estações não aparecem na árvore de inventário A tabela de endereços MAC autorizados.Busca Os resultados da busca contém os endereços MAC de três fontes diferentes: O inventário Estações Não-gerenciadas – Algumas das estações que foram detectadas pelo Mapeador LAN mas ainda não foram colocadas em seu local.

Uma caixa de diálogo de confirmação é exibida ao marcar a caixa de verificação global. O endereço MAC será verificado ao clicar em Autorizar. Para adicionar MACs manualmente. vide tela acima.PV4E User Manual – V6. O ícone junto ao MAC mudará de para . a seguinte caixa de diálogo será aberta: Digite o endereço MAC e clique em Adicionar ou Remover. mudará de volta para 390 . não-autorizado. coloque o mouse sobre o ícone. Clique em Exportar para exportar os resultados da busca para um arquivo. em todas as páginas de resultados da busca. Para visualizar a dica de ferramenta.Busca Uma caixa de verificação global habilita a seleção de todos os MACs que surjam como resultado da busca. Para desautorizar um MAC. O ícone autorizado. Veja a tela a seguir. clique em Adicionar Dispositivos.0 Figura 320 Editar Autorização MAC . selecione-o e clique em Autorizar. Para autorizar um MAC. Caracteres-curinga também podem ser usados. selecione-o e clique em Desautorizar.

2. Normal ou Alta no menu suspenso. Eventos A Autorização de Dispositivo ativa os seguintes eventos: 391 . Clique em OK. selecione Baixa. faça o seguinte: 1. A tela retornará à aba Conteúdo da tela Propriedades. No campo Segurança.0 Clique em Limpar para limpar todos os campos na tela Editar Endereços MAC Autorizados. clique em Editar. Mudando uma Configuração de Zona de Segurança > Para mudar a configuração de zona de segurança. Para mudar. A seguinte tela será aberta: 3. Selecione a Aba Geral na tela Propriedades.PV4E User Manual – V6. Vá para a árvore de local e sele cine o item que deseja alterar. a configuração de segurança é Normal. No exemplo acima.

O evento inclui os seguintes campos de informações: Endereço MAC O usuário que causa o evento O Dispositivo Autorizado para o Dispositivo Existente Um evento é recebido para "Dispositivo autorizado para dispositivo autorizado" em qualquer dos seguintes casos: O usuário autoriza um endereço MAC existente usando o editor de autorização MAC Um endereço MAC é autorizado automaticamente O evento inclui os seguintes campos de informações e nem todos os campos possuem valores: Endereço MAC Endereço IP Nome do Host Local Tipo Funcional Nome do inventário O usuário que causa o evento Dispositivo Não-Autorizado Detectado O evento de endereço MAC Não-Autorizado detectado é recebido quando um componente de rede com um endereço MAC não-autorizado é detectado pelo servidor.Sempre disponível Gravidade do evento . 392 . O evento inclui os seguintes campos de informações: Endereço MAC . um evento será recebido. A interrupção de comutação ativa o Módulo de Descoberta para varrer a porta de comutação onde o dispositivo está conectado.0 Novo Dispositivo Autorizado O evento de Novo Endereço de dispositivo autorizado é recebido quando um endereço MAC é adicionado usando a caixa de diálogo "Adicionar Dispositivos".Sempre disponível − − − Erro: Para detecção em um local com nível de segurança elevado Aviso: Para detecção em um local com nível de segurança médio Info: Para detecção em um local com baixo nível de segurança ou ao adicionar novos MACs As seguintes circunstâncias podem fazer com que o evento seja recebido: Interrupções de Comutação Um dispositivo é conectado a um comutador que gera uma interrupção de comutação. Caso o Módulo de Descoberta reconheça um dispositivo que não possua um endereço MAC autorizado.PV4E User Manual – V6.

Em vez disso. listando: O número de MACs autorizados detectados O número de MACs não-autorizados detectados A Lista de Não-Autorizados no Servidor LAN Quando a execução do Servidor LAN é concluída. ele não necessariamente os associa a um local específico. Varredura do Servidor LAN Quando o Servidor LAN localiza endereços MAC varridos pelo Mapeador LAN. o Mapeador LAN ativa um único evento.PV4E User Manual – V6. A Estação MAC Não-Autorizada foi Movida Quando um evento de estação MAC Não-Autorizada movida é recebido. Endereços MAC que não estejam localizados em um local específico não causarão a ativação de um evento. Lista de Endereços MAC do Mapeador LAN O Mapeador LAN pode executar a varredura em MACs não-autorizados. o Servidor LAN conclui que uma estação com um endereço MAC nãoautorizado foi movida de um local para outro. 393 . Contudo. ele ativa eventos com gravidade de acordo com o nível de segurança do local.0 Localizador de dispositivo Quando um Localizador de Dispositivos é executado e não possui um endereço MAC autorizado. portanto. Indicações da GUI A árvore de local e as visualizações de resultados de buscas não apresentam quaisquer indicações de itens que possuam endereços MAC não-autorizados. A gravidade do evento é decidida de acordo com o nível de segurança do novo local. Varredura de Comutador Quando uma varredura de comutador é executada e os dispositivos detectados não possuem um endereço MAC autorizado. Inclusão/Exclusão de Equipamentos Terminais O endereço MAC é autorizado automaticamente ao adicionar dispositivos de equipamentos terminais e especificar seus endereços MAC. é recebido um evento de lista que inclui as seguintes informações: Número de novos dispositivos não-autorizados que não puderam ser colocados em um local Número de dispositivos não-autorizados colocados em locais de baixa segurança Número de dispositivos não-autorizados colocados em locais de segurança elevada Número de dispositivos não-autorizados colocados em locais de segurança normal Um "Novo dispositivo não-autorizado" é um MAC não-autorizado que tenha sido detectado pelo PV4E pela última execução do Servidor LAN. um evento MAC não-autorizado não pode ser recebido.

Se. os MACs dos roteadores são autorizados automaticamente. Seus endereços não aparecem no editor de autorizações MAC e as autorizações MAC relacionadas a esses eventos não são recebidos. o dispositivo tiver sido detectado pelo Módulo de Descoberta. o PV4E compara as diferenças entre a hora atual e última hora em que cada dispositivo foi encontrado pelo Módulo de Descoberta. Quando ele é excluído. Dispositivos virtuais são ignorados com relação à autorização de MAC. Varredura de Roteador Durante a varredura de sub-redes. O Módulo de Dispositivo Inativo permite manter informações constantemente atualizadas e detalhadas sobre os seus ativos orientados por IP a respeito de seus status de atividade. Quando um limite de 394 . O Módulo de Dispositivo Inativo gerencia automaticamente os quatro estágios de tempo para serviços orientados por IP. Isso é feito por comparação periódica da última data de atividade de cada dispositivo orientado por IP com o horário da varredura. Módulo de Dispositivo Inativo Projetado pensando no gerenciamento de ativos.PV4E User Manual – V6. ocioso. a qualquer momento. em hibernação e desativado) Ao realizar a varredura. desde que o servidor determine um IP para a relação MAC. Dispositivos Virtuais O Servidor PV4E identifica dispositivos virtuais pelos seus prefixos de endereços MAC e os associa com um host físico conectado à mesma porta de comutador. o Módulo de Dispositivo Inativo aumenta a precisão de suas informações de rede ao eliminar automaticamente os dispositivos que não estejam mais conectados à sua rede. desde que o servidor determine um IP para a relação MAC. Ativo 2. o seu endereço MAC é autorizado automaticamente. o status é definido como Manual e nunca é alterado pelo sistema. Detecção/Exclusão de Comutador/Gerenciador de Chamadas Quando o comutador ou um gerenciador de chamadas é detectado pelo usuário. os status mencionados acima se aplicarão (ativo. Desativado Observação: Para dispositivos inseridos manualmente. a diferença de hora é comparada com os diferentes limites de tempo definidos pelo usuário. o endereço MAC é removido da lista de MACs autorizados. Em hibernação 4. Os estágios são: 1. por local ou em um ponto central para o sistema inteiro. Os limites de tempo são definidos pelo usuário. o endereço MAC é removido da lista de MACs autorizados. como descrito abaixo. Ocioso 3. Em seguida.0 Ao excluir um dispositivo de equipamento terminal.

ele será excluído do banco de dados do PV4E e não existirá mais no aplicativo. A seguinte tela será aberta: Selecione a aba Dispositivo Inativo. uma vez que um item passe do estágio em hibernação para desativado. Caso não sejam definidos limiares de tempo. Para passar de um estágio para outro.0 tempo excede um limiar especificado. o intervalo de tempo passado desde o último estágio deve ser maior que o tempo definido pelo usuário. Ativando o Módulo de Dispositivo Inativo No PV4E. Mudança de Status de Dispositivo O status de um dispositivo é bidirecional e pode ser alterado de um status para outro. Observação: Cada dispositivo que seja detectado pela primeira vez é associado ao status Ativo. todos os dispositivos serão considerados ativos. o limite de tempo do dispositivo é mudado automaticamente e o dispositivo passa para um dos quatro estágios acima.PV4E User Manual – V6. Esta alteração é automática e não pode ser gerenciada manualmente. Contudo. por exemplo: um dispositivo pode ser alterado de Ativo para Ocioso e de Ocioso para Ativo. selecione Configurações>P-LET. a tela a seguir será aberta: 395 .

como ilustrado na tela a seguir: 396 . e desmarque a caixa de verificação Habilitar progressão do status da estação. 4. Para definir limites de tempo para o aplicativo inteiro.. 3. clique em Editar. No PV4E. ou como alternativa. Selecione a aba Dispositivo Inativo. Clique em Editar.0 O Módulo de Dispositivo Inativo está habilitado por padrão. 2. Caso deseje alterar esta configuração. Os seguintes limites de tempo são definidos por padrão: Limiar Ativo para Ocioso Ocioso para Em hibernação Em hibernação para Desativado Tempo decorrido 90 dias 180 dias (a partir do status "ativo") 0 (nunca) Definindo Limites de Tempo É possível definir limites ao longo de todo o sistema.PV4E User Manual – V6. Clique em Aplicar para salvar suas alterações ou em OK para salvar suas alterações e fechar a janela. selecione Configurações>P-LET. Definindo Limites de Tempo É possível definir até três limites de tempo. definir limites de tempo por local. faça o seguinte: 1.. Altere a configuração para qualquer um dos limiares.

Neste exemplo. Clique em Aplicar para salvar suas alterações ou em OK para salvar suas alterações e fechar a janela. Por exemplo. Selecione o seu local de destino. 3. o aplicativo nunca desativará nenhum item. > Para definir os limiares para um local específico. faça o seguinte: 1. não ocorrerá desativação automática. A seguinte tela aparecerá: 397 . Cada limiar refere-se ao tempo que leva para ultrapassar o nível anterior. 2. Clique em Editar. o aplicativo exibirá Nunca. Selecione a aba Dispositivo Inativo.PV4E User Manual – V6. 5. preste atenção para o seguinte: Caso você defina qualquer dos limiares como zero. Caso você defina Desativado como zero. leva-se 90 dias para mudar de Ativo para Ocioso e um dia para mudar de Ocioso para Em hibernação. uma vez que você saia do modo de edição.0 Ao alterar as configurações. na tela acima.

são chamados de dispositivos não-gerenciados. 5. As informações ausentes podem ser: IP Ausente (verifique sub-redes que não possuam permissão de acesso ou que não tenham sido localizadas pelo Mapeador LAN) Link inválido (Um link que não seja válido) 398 . Dispositivos nos quais faltem algumas informações. impedindo a criação de um link completo. criando um link completo para cada dispositivo. 6.0 4. um evento é ativado no PV4E. Clique em Aplicar para salvar suas alterações ou em OK para salvar suas alterações e fechar a janela. o PV4E automaticamente detecta e posiciona todos os dispositivos dentro da rede. Marque a caixa de verificação marcada como Contornar padrões do sistema para permitir uma configuração diferente das configurações do sistema. Eventos Dispositivos Desativados Quando o status de um dispositivo é mudado para Em hibernação/Desativado. Dispositivos não-gerenciados Observação: Quando o processo de Dispositivos Gerenciados/Não-gerenciados está em execução. a data e a hora. o botão indicador do Módulo de Descoberta fica amarelo . Defina os limiares relevantes. Ao executar o Servidor LAN. O evento especifica o nome do dispositivo.PV4E User Manual – V6.

Figura 322 . Consulte o Capítulo Configurando Projetos. Será exibida uma tabela com detalhes dos Dispositivos Nãogerenciados.Visualizando Dispositivos Não-Gerenciados 4. É possível visualizar os Dispositivos Não-Gerenciados e escolher adicioná-los à árvore de local e/ou conectá-los manualmente. A janela de busca de Dispositivos Não-Gerenciados é aberta. Selecione P-LET na barra de ferramentas na parte inferior. É possível organizar a tabela de acordo com cada parâmetro específico clicando no cabeçalho da coluna pela qual você deseja organizar. Selecione Dispositivos Não-gerenciados no menu. É assim que um painel é usado para vários pontos. Figura 321 . Clique em Buscar Agora para encontrar todos os dispositivos nãogerenciados.PV4E User Manual – V6. Adicionando um Painel de Conexão.Janela de busca de Dispositivos Não-Gerenciados 399 . > Para visualizar Dispositivos Não-Gerenciados 1.0 Um link válido: começa com uma porta de comutador e termina com uma porta de ponto ou começa com uma porta de comutador e termina com um painel que é designado como terminador de link. 5. 2. Abra o Módulo de Manutenção. 3.

A próxima execução atualiza o banco de dados e o dispositivo não aparece mais como um Dispositivo Não-Gerenciado. ele aparecerá na tabela de Dispositivos Não-Gerenciados até a próxima execução do Servidor LAN. O sistema reúne as informações de atividade de cada porta de Comutador e identifica a última data e hora em que a porta esteve ativa. o Módulo de Descoberta não será capaz de detectar este dispositivo. 5.Lista de Dispositivos Não-Gerenciados 4.0 > Para trabalhar com Dispositivos Não-Gerenciados A tabela dos dispositivos não-gerenciados é dividida em duas áreas principais: O lado esquerdo possui as informações de porta de comutador O lado direito possui as informações de dispositivos encontrados que estejam conectados a esta porta de comutador A partir desta visualização. Módulo de Utilização O Módulo de Descoberta varre as portas de todos os Comutadores na rede. Selecione o Comutador para criar o link válido. podemos ver se o endereço IP para um dispositivo específico está ausente. Editar Link permitirá que você visualize e edite o link. a porta de comutador correta aparecerá com os seus componentes anexos. é possível criar um link válido para a Estação. mas suas informações do link físico real. Selecione cada Dispositivo Não-Gerenciado separadamente ou clique com a tecla Shift para uma seleção múltipla. é possível determinar não apenas a última atividade do dispositivo. consulte o Mapeador LAN. 2.PV4E User Manual – V6. 1. 3. Figura 323 . Fixe e conclua o link. Observação: Caso você edite ou crie links para o Dispositivo Não-Gerenciado. 400 . Caso esteja. 6. enquanto Visualizar link permitirá que você apenas o visualize. Usando o Módulo de Utilização. Na caixa de diálogo Editar/Visualizar Link. Clique com o botão direito do mouse e selecione Editar ou Visualizar link no menu suspenso. continue a selecionar as portas a serem visualizadas ou editadas. Sem o endereço IP. Caso o IP esteja presente.

Isso resultará em uma lista de portas/dispositivos que não tenham sido utilizados por 30 dias ou mais. 6. 3. Preencha os parâmetros de busca. As portas de comutador sem uso são chamadas portas nãoutilizadas. Isso ocorre. 2.0 Este processo pode determinar se há recursos sendo desperdiçados nos comutadores. Selecione Módulo de Utilização no menu. Clique em Buscar Agora para encontrar todas as portas nãoutilizadas. > Para visualizar Portas e Dispositivos não-utilizados 1. Figura 324 . para ver quais portas/dispositivos não foram usados por um período de tempo.PV4E User Manual – V6. 401 . se uma estação foi movida de um local para outro sem que o cabo de conexão tenha sido removido. 5. Preencha o campo Dias Inativos. defina como 30 dias. Abra o Módulo de Manutenção. Dica: Por exemplo. por exemplo.Visualizando Portas e Dispositivos não-utilizados A seguinte janela de busca de Utilização será aberta: 4. Selecione o Módulo P-LET na barra de ferramentas na parte inferior.

Nesta visualização. exibindo o último dia ativo e as informações do dispositivo final. É possível organizar a tabela de acordo com cada parâmetro específico clicando no cabeçalho da coluna pela qual você deseja organizar. estão as informações do dispositivo.Janela de Busca de Utilização Será exibida uma tabela com detalhes das Portas e dos Dispositivos Não-utilizados. Selecione as portas ou dispositivos a serem removidos da lista (opcional). Selecione Visualizar Link pára Visualizar os links dos dispositivos Não-Utilizados e retornar à busca.0 Figura 325 . 402 . Clique em OK para continuar. 4. Observação: Caso você selecione Remover. 1. As portas e/ou os dispositivos podem ser realocados. Clique em Remover. que foi o último a ser conectado à porta do comutador. 2. Conclua as alterações necessárias e retorne à busca.PV4E User Manual – V6. É possível dar instruções de acordo com esta lista para interromper os links das portas de comutador sem uso e reutilizá-las. Uma mensagem de aviso é exibida. 5. Selecione Editar Link para abrir a Planilha Editar Link. as portas e os dispositivos serão removidos apenas da lista não-gerenciada. É possível selecionar cada Dispositivo Não-Utilizado separadamente ou usando as teclas<Alt> ou <Ctrl> para realizar uma seleção múltipla. 3. Para trabalhar com Portas e Dispositivos não-utilizados A tabela dos dispositivos não-utilizados é dividida em duas áreas principais: No lado esquerdo fica a área de informações de porta de comutador No lado direito. podemos ver quais portas e dispositivos estão sem utilização.

Observação: Caso o clustering seja usado. A partir de Configurações. Para que o Módulo de Descoberta detecte. A tela do Gerenciador de Chamadas será aberta 2. mais do que um Gerenciador de Chamadas poderá ser definido para redundância. O aplicativo interage com o Gerenciador de Chamadas de Telefonia IP através do SNMP para fornecer informações de conectividade atualizadas e os ramais dos telefones IP na rede. Tentativas e Comunidade. 5.PV4E User Manual – V6. Clique em OK para salvar as informações.0 Figura 326 .Removendo Portas e Dispositivos não-utilizados Telefonia IP O PV4E suporta sistemas de telefonia IP que estejam integrados dentro da rede corporativa. Definindo o Gerenciador de Chamadas > Para definir o Gerenciador de Chamadas 1. o telefone IP Cisco é suportado. Preencha o Endereço IP. selecione Gerenciador de Chamadas no menu suspenso. 403 . Atualmente. ou mude-os (opcional). 6. Clique no botão Novo para a caixa de diálogo Adicionar/Editar Gerenciador de Chamadas. 3. é necessário definir o Gerenciador de Chamadas. crie e posicione Telefones IP em seus locais corretos do banco de dados. 4. deve ser definido com seu endereço IP e outras informações antes que você execute o Mapeador LAN. que processa informações de Telefones IP. As informações do Gerenciador de Chamadas são listadas na área de Informações. O Gerenciador de Chamadas O Gerenciador de Chamadas. Aceite o padrão dos campos Expiração.

selecione o botão de seleção Sub-rede. incluindo aqueles que estejam conectados a gerenciadores de chamadas que não revelem suas informações exclusivas. Esta atualização habilita o reconhecimento de qualquer tipo de telefone IP que esteja associado a sub-redes específicas. é necessário definir primeiro o tipo de dispositivo padrão das subredes como sub-redes de telefones IP.0 Figura 327 - Definindo o Gerenciador de Chamadas Descoberta Aperfeiçoada de Telefones IP O Módulo de Descoberta é agora capaz de reconhecer telefones IP. Para que o Módulo de Descoberta identifique todos os dispositivos associados a qualquer dos telefones IP das sub-redes. Na aba Topologia. Clique em uma Sub-rede. 404 . Marcando uma Sub-rede como uma Sub-rede de Telefone IP Para marcar uma sub-rede como uma sub-rede de telefone IP. Uma lista de Sub-redes aparecerá na árvore. Veja a seção a seguir. as informações dos ramais podem ser obtidas apenas com o Cisco Call Manager. da tela Manutenção. faça o seguinte: 1.PV4E User Manual – V6. Contudo.

PV4E User Manual – V6. das quais pelo menos uma esteja marcada como uma sub-rede de telefone IP. o dispositivo aparecerá como um Telefone IP na sub-rede 100 e na sub-rede 101). todos os dispositivos que estão associados com sub-redes marcadas como "Sub-rede de telefone IP" aparecerão como um telefone IP. 405 . Uma vez que o processo seja concluído. Altere o tipo de dispositivo padrão para qualquer um dos Telefones IP pré-definidos no catálogo. Execute o Mapeador LAN. Contudo. ele aparecerá como um telefone IP ao longo dessas sub-redes (ex: um dispositivo está associado com a sub-rede 100 e a subrede 101.0 2. 4. Adicionar/Editar Sub-rede é aberta: 3. Clique em OK. A seguinte janela. Apenas a sub-rede 100 possui o Telefone IP como o seu dispositivo padrão". 5. Observação: Os números de ramais dos telefones IP usando este método não são identificados Observação: Caso um telefone IP esteja associado com várias sub-redes.

o PV4E criará automaticamente um Ponto de Acesso e o posicionará entre a porta do ponto e os endereços MAC descobertos. As seguintes seções descrevem o processo de identificação de várias portas de comutador em sua rede. O novo item é chamado Ponto de Acesso. Após o Módulo de Descoberta ter sido executado. você deve certificar-se de que todos os comutadores estejam no inventário. para identificar dispositivos Hub/WAP existentes. 406 . os itens de inventário de Pontos de Acesso são criados automaticamente e conectados ao respectivo comutador. Certifique-se de que todos os pontos estejam no inventário e estejam conectados ao local onde estão os Pontos de Acesso. todas as portas de comutadores são identificadas e. Quando a análise de conectividade de uma porta de comutador implica que haja um dispositivo hub/WAP conectado. Pontos de Acesso O Ponto de Acesso pode ser um dispositivo WAP ou um hub que possua uma porta conectada à porta do comutador e uma porta dividida conectada a todos os dispositivos encontrados na porta do comutador. se necessário. Como Visualizar Links passando por um Ponto de Acesso. Consulte a próxima seção. Um novo tipo de catálogo foi criado no tipo funcional Hub. Para iniciar a operação de descoberta de dispositivos de hardware. O Ponto de Acesso será adicionado à árvore de local onde os painéis de pontos/links terminados estão localizados. Este processo descobre todos os dispositivos orientados por IP na rede. Observação: Este recurso descobre WAP apenas em casos em que os endereços MAC dos dispositivos conectados a ele estejam listados na porta do comutador. Inserção Automática de um Ponto de Acesso Caso haja mais de dois endereços MAC conectados a uma porta de comutador através de uma única porta de comutador. Dispositivos IP conectados ao Ponto de Acesso serão descobertos e aparecerão no mesmo local. O novo item aparece no link iniciando no ponto do comutador. como visualizá-las e também como alterar seus status.PV4E User Manual – V6. o Módulo de Descoberta cria automaticamente um novo item de inventário do tipo Ponto de Acesso. Descoberta Automática de Hub e WAP (Pontos de Acesso) Antes que você possa executar a etapa de descoberta automática. é necessário executar o Mapeador LAN e depois o Servidor LAN.0 Suporte a Hub/WAP Uma nova melhoria foi adicionada ao módulo de descoberta de rede.

o PatchView os representa na área visualizar link. uma vez detectado. Uma vez que um Ponto de Acesso está conectado a diversos dispositivos. usando o ícone link dividido . então um Ponto de Acesso não será criado O nome padrão para o Ponto de Acesso é Ponto de Acesso seguido pelo nome do ponto.PV4E User Manual – V6. Como Visualizar Links passando por um Ponto de Acesso A tela Visualizar Link exibe todos os dispositivos finais que estejam conectados ao Ponto de Acesso. Para visualizar todos os links. Um endereço MAC não estará mais associado a um Ponto de Acesso quando um dispositivo for excluído ou descoberto manualmente em outro local. por exemplo: PA_nome_do_ponto Contudo.0 Observação: Caso apenas dois endereços MAC sejam descobertos e um deles seja um telefone IP. faça o seguinte: 1. o sistema removerá automaticamente o Ponto de Acesso. este nome pode ser alterado. 407 . Exclusão Automática de um Ponto de Acesso Caso em algum momento o número de endereços MAC associados a um Ponto de Acesso esteja abaixo de dois. Vá para um Ponto de Acesso na árvore de Local.

Indefinido 408 . Visualizando o Status de uma Porta de Comutador Os três novos status de porta. Hub 2. O PV4E não pôde determinar se uma porta de comutador está conectada a um hub/WAP ou se a porta do comutador é um tronco. Erro 3. a seguir.PV4E User Manual – V6. foram adicionados ao PV4E: Status Descrição Representa uma porta de comutador conectada a um hub ou um WAP. Representa uma porta de comutador cuja varredura tenha falhado.0 Um link bifurcado ( ) indica que existem dispositivos adicionais conectados ao Ponto de Acesso. Icone 1.

Então. Portas cujo campo Status possa ser alterado terão uma lista suspensa. Portas e Link-Porta.Capítulo .Seção: Visualizar Indicadores de Status de Itens. Somente é possível mudar o status de Hub.Mantendo e Editando Links . e todos os endereços MAC associados a esta porta de comutador são conectados ao Ponto de Acesso. Quando o Módulo de Descoberta não pode determinar o status de uma porta de comutador. O status da porta será alterado. Alterando o Status de uma Porta de Comutador Observação: A alteração do status de uma porta de comutador de hub para tronco fará com que todos os dispositivos conectados à porta sejam excluídos. Tronco ou Indefinido. 409 . Alterações de Status de Porta de Comutador Alteração gerada pelo Módulo de Descoberta A tabela a seguir exibe as implicações da alteração do status da porta do comutador pelo Módulo de Descoberta.PV4E User Manual – V6. a porta é marcada como Indefinida. Ponto de Acesso adicionado. A tabela a seguir lista as alterações quando o status de uma porta de comutador é alterado. Status Inicial Após o Módulo de Descoberta TRONCO Implicações HUB Exclui Pontos de Acesso e dispositivos que estavam conectados. consulte o Manual do Usuário do PV4E . Painéis. INDEFINIDO TRONCO Exclui tudo o que foi conectado à porta. Isto pode ser devido a um ponto não ter sido configurado adequadamente ou aos comutadores não terem sido definidos adequadamente no PV4E. será necessária intervenção manual.0 Para mais informações sobre a visualização de status de porta. Um Ponto de Acesso é HUB INDEFINIDO TRONCO HUB adicionado. TRONCO INDEFINIDO INDEFINIDO HUB todos os dispositivos conectados são ligados a ele Altera o status da porta. O status da porta será alterado.

A seguinte janela.PV4E User Manual – V6. O Módulo de Descoberta não ignorará essas configurações. INDEFINIDO TRONCO Para alterar o status de uma porta de comutador. O Módulo de Descoberta não ignorará esses valores. Status da porta alterado.0 Alteração Gerada pelo Usuário A tabela a seguir exibe as implicações da alteração do status da porta do comutador pelo usuário. Status Inicial HUB Alterado pelo Usuário TRONCO Implicações O Módulo de Descoberta não ignorará essas configurações. O Módulo INDEFINIDO HUB de Descoberta não ignorará esses valores. Para mudar os detalhes do comutador. O Módulo de Descoberta reanalisa o status da porta durante sua próxima varredura. Status da porta alterado. 2. clique em Editar. Vá para o comutador na árvore de local. faça o seguinte: 1. Adicionar/Editar Comutador do Inventário será aberta na aba Geral: 410 . O Módulo de Descoberta reanalisa o HUB INDEFINIDO TRONCO HUB TRONCO INDEFINIDO status da porta durante sua próxima varredura.

Clique em Nome.PV4E User Manual – V6. a seguinte caixa de aviso aparecerá. A janela Adicionar/Editar Módulo do Inventário será aberta: 4. Após ter alterado o status. para 411 . Clique na lista suspensa e selecione uma das três opções.0 3. Clique em OK para prosseguir. Clique na Aba Portas. Uma seta de menu suspenso será exibida no campo Status para os itens cujo status possa ser alterado. ou clique no botão cancelar a ação. Clique na aba Módulos. 5.

é definida a consolidação básica de servidor NIC no modo manual e no modo automático. Dispositivos do mesmo tipo de catálogo que partilham o mesmo local são consolidados de acordo com convenções de nomeação pré-definidas. Esta seção define as entradas exigidas para o Módulo de Descoberta para dispositivos automáticos com vários NIC no aplicativo a fim de refletir a estrutura de rede de forma mais precisa. A tabela a seguir é um exemplo de uma tabela de prefixo/sufixo: Prefixo xx Sufixo abc A lista a seguir é retornada como resultado após executar a varredura em sua rede: server1abc hostname2abc xxhostname2abc 412 . a consolidação é baseada em texto. ou seja. A seguir.0 Suporte para a Consolidação de Servidor Multi NIC A Consolidação de Servidor Multi NAC resolve o problema de vários adaptadores de rede em dispositivos de equipamentos terminais. As convenções de nomeação são definidas no banco de dados do PV4E. vários NICs com um atributo de texto comum podem ser mesclados em uma única entidade de inventário. Modo Automático A consolidação automática do NIC em um único item de inventário é executada pelo Módulo de Descoberta.PV4E User Manual – V6. Prefixo/Sufixo Uma tabela genérica contendo prefixos e sufixos deve ser fornecida à equipe de Suporte Técnico da Furukawa para que eles possam inserir as informações no banco de dados do PatchView. De forma geral. Exemplo O Módulo de Descoberta busca por um prefixo/sufixo que coincida com as informações de dados inseridas no banco de dados do PV4E.

PV4E User Manual – V6. os seguintes resultados são exibidos: server1 hostname2 hostname2 A varredura identificou que: hostname2abc e xxhostname2abc pertencem à mesma máquina. hostname1 413 . Exemplo Considere uma situação em que o Módulo de Descoberta detecte três placas NIC: 1.principal possui uma classificação mais elevada.Primário. e os criará como um único item de inventário. hostname1.0 Após a varredura ter sido executada e os resultados serem comparados com a tabela de prefixos/sufixos. Uma vez que *. uma discrepância ocorre quando um NIC não se encaixa em um único critério pré-definido de prefixo/sufixo.Secundário A tabela a seguir contém dois exemplos de classificações: Sufixo *. Classificação Uma tabela genérica contendo a classificação deve ser fornecida à equipe de Suporte Técnico da Furukawa para que eles possam inserir as informações no banco de dados do PatchView. Discrepâncias Normalmente. A classificação é um mecanismo de resolução automática que é usado para determinar qual será o nome do dispositivo consolidado. os NICs relacionados não serão consolidados e será necessária intervenção do usuário. Veja o exemplo a seguir. O prefixo/sufixo com a classificação mais elevada é aquele que define o nome para o dispositivo consolidado. Em caso de discrepância. hostname1. o nome do dispositivo consolidado será hostname1.Primário 2.Secundário Classificação 2 1 O módulo de consolidação consolidará os dois NICs em um único dispositivo.Primário *. Exemplo Considere uma situação em que o Módulo de Descoberta detecte duas placas NIC: 1.

Observação: Os dispositivos selecionados devem residir no mesmo local e devem ser do mesmo tipo de catálogo Clique no Módulo de Descoberta no rodapé da tela e selecione o item de menu Consolidar.Secundário 3.PV4E User Manual – V6.com A tabela a seguir contém dois exemplos de classificações: Sufixo *.Secundário. o resultado pode ser um dos seguintes: Hostname1 ou hostname1. Isso ocorre tipicamente quando um NIC de dispositivo específico não se enquadra nos critérios textuais pré-definidos. consolidação manual) Modo Manual Em certas situações.RiT.0 2. você poderá selecionar manualmente diversos dispositivos de equipamentos terminais e mesclá-los em um só.com *Secundário. 414 . As etaoas a seguir explicam como consolidar dispositivos manualmente: Selecione os dispositivos candidatos para a consolidação na árvore de local (a seleção múltipla é feita segurando a tecla Ctrl e clicando com o botão esquerdo do mouse sobre o nome do host).RiT.com Classificação 1 2 Ao executar o Módulo de Descoberta usando o resultado para a terceira placa NIC. Qualquer discrepância será registrada no registro do aplicativo e exigirá intervenção do usuário (ou seja.RiT. Nesses casos. hostname1. O resultado causa discrepâncias no processo de consolidação do terceiro NIC. a consolidação automática do NIC não será aplicável. hostname1.

0 A seguinte tela aparecerá: 415 .PV4E User Manual – V6.

A ordem dos nomes é de acordo com a ordem em que eles eles foram selecionados na árvore de local. Clique em Cancelar para abortar a operação ou Consolidar para executar a consolidação de vários NIC. As placas NIC do dispositivo consolidado aparecem na aba Adaptador do novo dispositivo.PV4E User Manual – V6.0 A tela Dispositivos Consolidados lista os nomes de todos os dispositivos que foram selecionados para o processo de consolidação. Qualquer tentativa de executar esta operação resultará na seguinte mensagem de Erro: 416 . Selecione o nome antes de clicar no botão Consolidar. O nome do dispositivo consolidado será o nome com à seta à esquerda. todos os dispositivos na árvore de local serão mesclados em um único dispositivo. Quando o processo de consolidação for concluído. As figuras a seguir ilustram o resultado final: A consolidação manual não permite a execução deste procedimento para uma única placa NIC.

0 Suporte Automático a Servidor Virtual O recurso de Suporte Automático a Servidor Virtual habilita a descoberta de máquinas virtuais e de seus servidores host/PCs. ele terá um item de catálogo que pode ser encontrado no catálogo PV4E. Esta solução pode ser configurada para oferecer suporte a diferentes distribuidores de máquinas virtuais. Caso o computador seja identificado como uma estação virtual. Como Funciona O suporte a Servidor Virtual identifica computadores virtuais com base no endereço MAC. Para mais informações. Veja o exemplo a seguir: A aba Conteúdo exibe todas as estações associadas à estação virtual. entrar em contato com a equipe de suporte ao cliente da Furukawa. 417 . bem como a consolidação de máquinas virtuais com seus servidores host físicos.PV4E User Manual – V6.

Use os parâmetros de busca da seguinte forma: Observação: Buscar por funciona apenas para servidores físicos/PCs. Veja o exemplo a seguir É possível buscar um servidor host/PC consolidado.PV4E User Manual – V6. Selecione a aba Dispositivos Virtuais para visualizar todos os dispositivos associados ao servidor virtual.0 Consolidação de Máquina Virtual O sistema consolidará automaticamente uma máquina virtual om um servidor físico/PC em casos em que um endereço MAC virtual e um endereço MAC físico sejam identificados em conjunto. O servidor host/PC é adicionado usando o item de catálogo – Estação de Host Virtual. 418 . Clique em Buscar Por no menu Equipamentos Terminais e selecione Estação.

elas aparecerão na árvore de local com os itens de catálogo descritos abaixo. Uma estação VMWare é identificada na árvore de Local pelo ícone .0 Máquina Virtual Não-Consolidada Enquanto as máquinas virtuais não estiverem consolidadas. Clique em Buscar Por no menu Equipamentos Terminais e selecione Estação. Use os parâmetros de busca da seguinte forma: Observação: Buscar por funciona apenas para máquinas físicas.PV4E User Manual – V6. 419 . Uma estação Virtual MS é identificada na árvore de Local pelo ícone . O usuário pode buscar por uma máquina virtual não-consolidada.

PV4E User Manual – V6.0 420 .

As portas traseiras possuem fiação através do painel traseiro do chassis até os compartimentos do servidor no chassis. potência e capacidade de gerenciamento aos servidores Blade. Este capítulo descreve o suporte a servidores Blade e a chassis Blade no aplicativo PV4E. Observação: A conectividade do tipo de passagem não pode ser vista na árvore de local e não aparecerá no menu para adicionar como uma passagem. Uma máquina servidor para ambiente de componentes em alta densidade.PV4E User Manual – V6. A árvore Catálogo será exibida: 421 . Esta versão oferece suporte a três tipos de gabinetes de Servidores Blade. Ele é usado para cobre e fibra ótica e funciona como painel de dispositivo de conexão que é instalado dentro do gabinete Blade. É posicionada na parte traseira do chassis. Gabinetes equipados com módulos de conectividade (passagem) Gabinetes equipados com módulos de comutação Gabinetes equipados com qualquer outro tipo de conectividade Os servidores Blade mencionados acima podem ser distinguidos pelo modo como conectam-se à rede. Vá para a aba principal de Configurações. Blade/Servidor Blade Compartimento - - Posição - Módulos de Passagem Passagem é um novo tipo de conectividade que foi adicionado ao aplicativo PV4E. faça o seguinte: 1. Adicionando um Item à Classe de Passagem > Para adicionar um novo tipo de item à classe de passagem. Uma área física dentro do chassis que abriga um único Blade e é posicionada na parte dianteira do chassis. Termos Chassis/Gabinete Um recipiente físico de servidores Blade que proporciona conectividade.0 apresenta suporte aperfeiçoado a Servidores Blade e itens relacionados.0 Capítulo 10 – Servidores Blade O PV4E V6. Uma área física dentro do chassis que abriga módulos de conectividade e gerenciamento.

PV4E User Manual – V6. A seguinte tela Adicionar/Editar Passagem do Catálogo é aberta: 5. Expanda o ramo Hardware de Conexão até chegar em Passagem. Digite as seguintes informações na aba Geral: 422 . 3. 4.0 Fig 2. Vá até Passagem. clique com o botão direito do mouse e selecione Adicionar Item do menu de contexto.

Insira o número da peça. É possível clicar em Adicionar para inserir um nome que esteja ausente da lista. Classe: Descrição: Nome do Distribuidor: Número de Peça do Distribuidor: Nome da imagem: 6. A partir do menu suspenso. Digite uma descrição Selecione o nome do distribuidor na lista suspensa. Digite o nome da imagem ou clique nas reticências (…) para visualizar a lista completa. Na aba Portas – Digite o nome da porta e selecione o conector no menu suspenso – Isso é aplicável para portas dianteiras e traseiras.PV4E User Manual – V6. selecione a classe. caso seja conhecido. O tipo Passagem é inserido por padrão e não pode ser alterado. 423 .0 Nome: Tipo Funcional: Digite o nome do novo item. que pode ser Cobre ou fibra ótica.

clique no nó Equipamentos Terminais.0 Definindo um Chassis no Catálogo A próxima seção deste manual do usuário explica como adicionar itens de gabinete ao Catálogo. faça o seguinte: 1. Expanda até visualizar o nó Estação. Como alternativa. Na árvore Catálogo. No menu Configurações.PV4E User Manual – V6. Vá até Estação e clique com o botão direito do mouse – selecione Adicionar Chassis no menu de contexto: A tela a seguir será aberta na aba Geral: 424 . 3. selecione Catálogo 2. é possível ir a qualquer uma das classes dentro de um Nó de Estação antes de ir para a próxima etapa. > Para definir um novo chassis no Catálogo.

PV4E User Manual – V6. Este campo é Nº de Compartimentos 425 . O valor padrão é nenhum Especifique o número de compartimentos incorporados ao chassis. Este é um campo de texto livre. Digite as seguintes informações na aba Geral: Nome Classe O Nome do Modelo do chassis “Servidor Blade” como padrão. pode ser definida para outra classe existente ou uma nova classe definida pelo usuário Descrição do chassis do blade.0 Configurações Gerais do Chassis 1. É possível selecionar qualquer um dos valores sugeridos: • • • Peso (KG) Potência Tamanho Braço lateral Passagem Comutação Outro Descrição Tipo de conectividade Digite o peso do gabinete do chassis Digite o consumo de energia do gabinete Especifique a altura do chassis em Us Especifique o tipo de braço para fiação do chassis (caso exista). Especifica a maneira em que o gabinete está conectado à rede.

5. defina o número de compartimentos no chassis usando as setas para baixo/para cima ou insira o número manualmente. Configurando a Disposição dos Compartimentos no Chassis Observação: Esta seção aplica-se apenas a chassis com tipo de conectividade de Passagem. 7. Clique em Aplicar para salvar as informações recém-inseridas. ou pressionando o botão editar). Selecione o botão de seleção aplicável próximo ao campo Ordem dos Compartimentos para determinar se os números ordinais dos compartimentos estão definidos de cima para baixo ou vice-versa. Insira o nome da imagem – Este é um campo editável Nome da imagem 2. No campo Número de Linhas. Selecione o botão de seleção aplicável próximo ao campo Direção dos Compartimentos para determinar se os números ordinais dos compartimentos estão definidos da esquerda para a direita ou vice-versa. 3. 426 .0 aplicável apenas se o tipo de conectividade especificado acima for Comutação ou Outro Nome do Distribuidor Insira o nome do Distribuidor a partir do menu suspenso. No campo Número de Compartimentos. defina o número de linhas entre as quais os compartimentos estão distribuídos usando as setas para baixo/para cima ou insira o número manualmente. Edite o chassis que deseja alterar (clicando nele com o botão direito do mouse -> editar. 6. Clique na aba de configurações para inserir informações sobre a disposição de Compartimentos: 4.PV4E User Manual – V6.

defina o número de módulos de conectividade usando as setas para baixo/para cima ou insira o número manualmente. A seguinte tela será aberta: 2. No campo Número de Posições de Gerenciamento. 2.PV4E User Manual – V6. 4.0 Observação: Este campo é relevante apenas se o Nº de Linhas for maior que 1. O seguinte menu será aberto: 427 . defina o número de módulos de gerenciamento no chassis usando as setas para baixo/para cima ou insira o número manualmente. Vá para a aba Módulos do gabinete e clique em Editar. 1. Definindo o Número de Módulos de Conectividade e Módulos de Gerenciamento Observação: Esta seção aplica-se apenas a chassis com tipo de conectividade de Passagem 1. Selecione a aba Configurações. Adicionando Módulos a um Chassis Observação: Esta seção aplica-se apenas a chassis com tipo de conectividade de Passagem. Clique em Aplicar. No campo Número de Posições de Módulos de Conectividade. 3. Clique em Adicionar.

Selecione o modulo de conectividade necessário e clique em OK. a seguinte caixa de diálogo de erro será exibida 428 . 3. Caso você tente definir dois módulos de conectividade no mesmo número de posição. A seguinte tela será aberta: 5. Sempre que um novo módulo de conectividade for adicionado.0 Observação Caso o número de módulos de gerenciamento/conectividade tenha sido definido como 0. 7. o sistema automaticamente oferecerá o próximo número de posição disponível.PV4E User Manual – V6. 4. O novo módulo de conectividade foi adicionado. 6. os respectivos itens de menu estarão desabilitados. Selecione Adicionar Módulo de Con. Clique em OK. no menu de contexto.

Ligando Compartimentos a Módulos de Conectividade Observação: Esta seção aplica-se apenas a chassis com tipo de conectividade de Passagem. Para isso. 429 . Repita essas etapas para cada módulo de conectividade. digite o número de portas por compartimento no campo ”Nº de portas por compartimento”. A conectividade entre os módulos de conectividade e os compartimentos é feita via cabos e deve ser configurada no catálogo uma vez. clique em Aplicar. Normalmente. execute as seguintes etapas: Na aba Configurações. Altere os módulos de conectividade usando o menu suspenso para atribuir uma nova posição. Antes de ligar compartimentos a módulos de conectividade. 9. cada compartimento é alimentado com links de diversos módulos de conectividade. Este campo define quantos links podem ser conectados a um compartimento específico.PV4E User Manual – V6. é necessário definir a quantidade máxima de portas por compartimento. Este processo também é exigido para fins de posicionar um blade nos compartimentos corretos automaticamente no módulo de descoberta.0 8. O PV4E ajuda a documentar os links internos entre módulos de conectividade e compartimentos. Após realizar as alterações.

Clique em Atribuição de Compartimento. faça o seguinte: 1. Segue uma explicação para as setas entre as duas telas: Ao fim deste processo.0 Após ter concluído esta etapa.PV4E User Manual – V6. Na lateral direita estão as Portas de Módulos de Conectividade do Catálogo: A lista suspensa especifica o módulo de conectividade que será conectado a todas as portas na lateral esquerda da tela. Isto definirá a porta para cada compartimento que será conectado ao módulo de conectividade na lateral direita. A tela a seguir ilusta as relações entre um módulo de conectividade e os compartimentos no gabinete: 430 . Vá para a aba Módulos do respectivo chassis. A seguinte tela será aberta: No lado esquerdo da tela estão as Portas dos Compartimentos do Catálogo: Use o menu suspenso para selecionar o número da porta. você deverá ter documentado as conexões com fiação interna do chassis entre os módulos de conectividade e os compartimentos.

0 Adicionando Adaptadores ao Chassis Observação: Esta seção aplica-se apenas a chassis com tipo de conectividade de “Comutação” ou “Outro”. Clique em OK/Aplicar Adicionando um Chassis Blade e Servidores Blade ao Inventário A próxima seção deste manual do usuário explica como adicionar os seguintes itens ao Inventário: Um Gabinete Blade Blades Adicionando um Chassis Blade Para adicionar um gabinete ao inventário. Descrição 5. 3. Clique em Adicionar para adicionar os Adaptadores. 431 . nome. Selecione o tipo funcional. vá para a Árvore de Local e selecione um gabinete ou um bastidor. Clique em Adicionar 6. Nº de portas. Edite o chassis para o qual deseja adicionar adaptadores 2. 1. A partir da aba Manutenção. Clique com o botão direito do mouse e selecione Adicionar Equipamentos Terminais > Estação.PV4E User Manual – V6. faça o seguinte: 1. 4.. Clique na aba Adaptadores.

PV4E User Manual – V6. Use as setas para frente/para trás para visualizar todas as abas. use os menus suspensos para inserir informações.0 2. novas abas aparecerão na barra de abas. a aba Módulos será exibida. Caso o gabinete selecionado seja do tipo Conectividade de passagem. a aba Adaptadores será exibida. 4. 3. A seguinte tela será aberta: Observação: Ao inserir o Nome de Catálogo para um item de catálogo na tela Adicionar/Editar Estação do Inventário. Caso o gabinete selecionado seja do tipo de conectividade Comutação ou Outro. Clique em Aplicar. 432 . acima. Insira o nome do gabinete e quando aplicável.

A tela a seguir será aberta – os Blades foram adicionados e podem ser visualizados na aba Blades. Clique na aba Blades da tela Adicionar/Editar Estação do Inventário. Digite os detalhes do Blade usando os menus suspensos quando aplicável e clique em OK. A seguinte tela será aberta: 2.0 Adicionando um Blade a um Gabinete Para adicionar um Blade a um gabinete. 433 . A seguinte tela será aberta: 3.PV4E User Manual – V6. faça o seguinte: 1. Clique em Adicionar.

Caso o servidor Blade possua módulos de Conectividade de passagem. também é possível visualizar links para os módulos de conectividade. Selecione a aba Módulo. Para mais informações sobre definição e visualização de links. Você poderá visualizar a conectividade para todos os Blades dentro do chassis selecionado na área Visualizar Link. A conectividade do Blade selecionado é exibida na área Visualizar Link. 434 . Isto só é aplicável a chassis com o tipo de conectividade de passagem. Para este tipo de gabinete. Clique com o botão direito do mouse no Blade relevante e selecione o item de menu Visualizar Link. consulte o capítulo Criando e Editando Links neste documento.0 Preenchendo Automaticamente o Gabinete com Blades Usando o Módulo de Descoberta O Módulo de Descoberta suporta a detecção e a criação de Blades dentro de um chassis. Para visualizar a conectividade de um Blade específico.PV4E User Manual – V6. o Módulo de Descoberta reconhece qual adaptador de rede cria um Blade específico e o consolida em um único dispositivo. Observação: As etapas acima também são suportadas para a visualização de links de diversos Blades ou módulos de Conectividade. você também poderá ver os links encaminhados pelo respectivo módulo de conectividade. clique com o botão direito do mouse no chassis e selecione o item de menu Visualizar Link. selecione a aba Blades de um chassis específico. Definindo Links e Visualizando Links para Blades Para visualizar toda a conectividade de um chassis. Em seguida ele o posiciona no compartimento correto. A conectividade do módulo de Conectividade selecionado é exibida na área Visualizar Link. Para gabinetes com módulo de conectividade de passagem. clique com o botão direito do muse sobre o respectivo módulo de conectividade e selecione o item de menu Visualizar Link.

PV4E User Manual – V6.0

435

PV4E User Manual – V6.0

Capítulo 11: Segurança
O PV4E contribui para a segurança de sua rede. O PV4E pode responder imediatamente a quaisquer alterações não autorizadas na camada física da rede.

Localizador de dispositivo
É possível detector o localização física dos dispositivos na rede de forma precisa e imediata. Essencialmente, existem duas situações principais para utilizar o localizador de dispositivo: Respondendo a um alerta de um sistema de detecção de intrusos (IDS - intrusion detection system) Um IDS pode alertar da existência de um dispositivo não-autorizado na rede. O IDS fornece o endereço IP deste dispositivo. Usando o Localizador de Dispositivo, é possível apontar com precisão o local deste dispositivo. Verificando o local de um dispositivo existente Para um dispositivo que já esteja definido no Inventário e você suspeite que possa ter sido removido recentemente de maneira não-autorizada, é possível buscar o seu local físico real em tempo real. Por exemplo, um usuário moveu os escritórios sem coordenação prévia com o administrador e o administrador deseja determinar o novo local da estação. Uma licença adicional é necessária para usar o Módulo de Segurança. Caso você não possua essa licença no momento, entre em contato com seu representante local da Furukawa. > Para localizar um Dispositivo É possível localizer qualquer dispositivo final (equipamento terminal) no Inventário. Caso você esteja ciente de que um dispositivo mudou de local, use esta opção para encontrar o local real. Para encontrar o local de um dispositivo – Estação, Telefone IP ou Impressora – clique com o botão direito do mouse no dispositivo na árvore de Local e selecione a opção Localizar.

436

PV4E User Manual – V6.0

Figura 328 - Localizar Equipamento Terminal Caso o dispositivo selecionado não possua um endereço IP, o sistema exibirá a mensagem: A estação não possui um endereço IP. Não é possível realizar a ação. Caso o endereço IP esteja presente e o dispositivo seja encontrado, uma caixa de mensagem será exibida.

437

PV4E User Manual – V6.0

Figura 329 -

Caixa de Mensagem Detalhes do Evento

Uma forma alternativa para localizar equipamentos terminais é clicar no botão Localizar na área de Propriedades do equipamento terminal. Caso esteja presente, o endereço IP será exibido nas propriedades do equipamento terminal.

438

PV4E User Manual – V6.0

Figura 330 -

Propriedades da Estação Exibindo o Botão Localizar

Para Executar o Localizador de Dispositivo Execute o localizador de dispositivo quando estiver buscando pelo local físico específico de um dispositivo em sua rede. Por exemplo, um IDS forneceu o endereço IP suspeito como um dispositivo em intrusão. O Localizador de Dispositivo encontra o local físico exato deste dispositivo. 1. No módulo Manutenção, clique em Ferramentas e selecione Localizador de Dispositivo. A caixa de diálogo Localizador de Dispositivo será exibida. 2. Digite o endereço IP do dispositivo não-autorizado. Para localizar mais de um endereço IP por vez, clique no botão Adicionar para incluir endereços IP adicionais a serem buscados.

439

PV4E User Manual – V6.0

Figura 331 -

Localizador de dispositivo

3. Clique no botão Localizar para detectar a localização do(s) dispositivo(s) com os endereços IP fornecidos. O sistema informará que a tarefa está sendo executada em segundo plano e poderá levar vários segundos. O tempo depende do tamanho da rede. 4. Quando a busca for concluída, os resultados da busca pelos endereços IP aparecerão em uma caixa de diálogo Detalhes do Evento. Nos casos em que um dispositivo esteja conectado diretamente a um painel de conexões, ou quando não houver um link completo, o localizador de dispositivo oferece o último hardware de conexão no link como o local do dispositivo. Uma vez que o dispositivo tenha sido identificado, tome as ações apropriadas para determinar se o dispositivo em intrusão é válido ou não.

440

PV4E User Manual – V6.0

Capítulo 12: Importando Dados de PBX
O PV4E considera um PBX como um equipamento offline. É possível atualizar as informações do PBX para certificar-se de que o PV4E represente a situação atual da rede de forma contínua. O PV4E coleta informações obtidas das portas PBX e mapeia a conectividade total entre a porta de comutação do PBX e o dispositivo telefônico final. Isso inclui, por exemplo, o local físico do telefone. Com uma licença de módulo PBX, é possível importar os dados do PBX diretamente para o banco de dados do PV4E. Um PBX cria um arquivo de descarga de dados contendo as informações de conectividade das diferentes portas. O PV4E exige a importação de um arquivo de formato simples que sejam baseado neste arquivo de dados. Pode ser necessário modificar ligeiramente o arquivo para prepará-lo para a importação. Observação: É necessário ter definido previamente o PBX no Catálogo. É necessário seguir as várias etapas importantes de preparação antes de executar o procedimento de importação dos dados do PBX propriamente dito. De acordo com a frequência de atualizações em seus ramais telefônicos, você deverá atualizar os dados do PBX recarregando o arquivo de dados atualizados para representar a nova situação. Este capítulo de tópico inclui as seguintes seções: Preparações para Importação Formato do Arquivo de Dados Importado Importando Dados de PBX

Preparações para Importação
As principais etapas para importar os dados de PBX são listadas como se segue: Para a definição inicial dos PBXs em sua rede, consulte Erro! Fonte de referência não encontrada. na página Erro! Indicador não definido.. Isso inclui definir quaisquer campos adicionais para o módulo de PBX que não seja parte do modelo padrão do PV4E. Antes que os dados do PBX sejam importados, você deve criar todos os links coincidentes para cada extensão conforme descrito em Erro! Fonte de referência não encontrada. na página Erro! Indicador não definido..

Formato do Arquivo de Dados Importado
Os PBXs oferecem informações sobre a configuração do comutador PBX através dos arquivos de descarga de dados. Esses arquivos de dados para os PBXs variam de um sistema para outro. O PV4E reconhece um formato de arquivo simples que pode ser facilmente extraído deste arquivo de dados. É necessário editar o arquivo de dados com base na descrição abaixo. O resultado será um arquivo

441

PV4E User Manual – V6.0

de texto delimitado por vírgulas que pode ser importado diretamente para o PV4E. Diferentes distribuidores de PBX incluem variantes desses campos e pode ser necessário realizar algumas edições manualmente para que o arquivo de dados fique de acordo com as especificações da tabela a seguir. O PV4E exige que os dados sejam importados no seguinte formato: Hierarquia Nível superior Descrição Informação do PBX Campos Separados por Vírgulas PBX, <PBX name> Descrição Cada arquivo pode conter apenas uma linha de PBX. A linha deve começar com a palavra PBX. Por exemplo: PBX, PBX-01 Cada arquivo pode conter um ou mais módulos. A linha deve começar com a palavra Module. Por exemplo: Module, Módulo-01 Especifique uma linha para cada porta de PBX em cada módulo. A linha deve iniciar com o nome de seu Módulo. Por exemplo: Module-01, Port01, 3550, POTS

Módulos Múltiplos

Informação do módulo

Module, <Module Name>

Ramais Múltiplos

Informação do ramal

<Module name>, <Port name>, <Extension number>, <User defined field1>, <User defined field2>, etc

Uma estrutura de exemplo pode ter a seguinte aparência: Informação do PBX Informação do módulo Informação do ramal Informação do ramal Informação do ramal Informação do módulo Informação do ramal Informação do ramal Informação do ramal Informação do módulo Informação do ramal Informação do ramal Informação do ramal

442

PV4E User Manual – V6.0

Exemplo de Arquivo de Dados
Segue um exemplo de um arquivo de dados de importação para um PBX com 2 módulos e 8 ramais de telefones em cada módulo. PBX, PBX, 4.214, Install Date, 02/01/2005, Upgrade Date, 10/01/2005 Module, PBX-Mo-001, Install Date, 10/01/2005 PBX-Mo-001, Port01, 3550, POTS, Reception 3rd floor PBX-Mo-001, Port02, 3551, POTS, Smith PBX-Mo-001, Port03, 3552, POTS, Hussein PBX-Mo-001, Port04, 3553, POTS, Thompson PBX-Mo-001, Port05, 3554, POTS, Singh PBX-Mo-001, Port06, 3555, POTS, Tanaka PBX-Mo-001, Port07, 3556, POTS, Chen PBX-Mo-001, Port08, 3557, POTS, Leblanc Module, PBX-Mo-002, Install Date, 10/01/2005 PBX-Mo-002, Port01, 3541, Other, PBX-Mo-002, Port02, 3542, POTS, IT PBX-Mo-002, Port03, 3543, POTS, Jones PBX-Mo-002, Port04, 3544, ISDN, HelpDesk1 PBX-Mo-002, Port05, 3545, POTS, HelpDesk1 PBX-Mo-002, Port06, 3546, POTS, Unassigned PBX-Mo-002, Port07, 3547, POTS, Cooper PBX-Mo-002, Port08, 3548, POTS, Black

Importando Dados de PBX
> Importando os dados de PBX 1. No menu Ferramentas, selecione Importar PBX. A caixa de diálogo Importar é aberta.

443

PV4E User Manual – V6.0

Figura 332 - Caixa de diálogo Importar 2. Selecione um ou mais PBXs para importar dados clicando na caixa junto a cada ID de PBX. 3. Clique no botão Navegar para localizar o arquivo de dados de PBX para cada PBX selecionado. Este arquivo deve estar localizado no Servidor PV4E. 4. Localize o arquivo e clique em Abrir. Você retornará à caixa de diálogo Importar. 5. Clique no botão Importar. O sistema processa os dados de entrada e gera uma caixa de mensagem que exibe os resultados da importação. Caso o número de ramais telefônicos no arquivo de importação seja maior que o número de portas PBX no banco de dados do PV4E, uma mensagem de erro aparecerá descrevendo o problema. Caso a mensagem apareça, verifique o arquivo de dados para garantir que esteja formatado corretamente. Caso o problema persista, certifique-se de ter definido todos os links entre as mesas do PBX e os pontos associados. 6. Verifique os resultados do processo de importação: Clique no botão Manutenção na barra superior de navegação. Clique duas vezes no evento Importação. A janela Detalhe do Evento será exibida. Clique no link que exibe o registro de Importação. Observação: Após concluir o procedimento de importação, verifique se a mensagem “PBX data file import completed” está presente no registro para certifcar-se que a tarefa concluiu sua execução.

444

Consulte Agendador de Links Seguros. Interrupções de comutação oferecem indicações em tempo real da conexão (link up) ou desconexão (link down) de equipamentos terminais. Isto é chamado de Catálogo padrão. Uma desconexão pode ser uma desconexão normal ou uma falha no link de comunicação física e a conexão pode ser de um dispositivo autorizado ou não autorizado na rede.Interrupções de Comutação. Isso é descrito no Capítulo do P-LET. O Filtro de Mensagens é explicado neste capítulo. Ordens de Serviço específicas e 445 . Agendadores – Existem quatro agendadores: . Ícones adicionais. As permissões são explicadas neste capítulo.Link Seguro . Tabelas do Sistema As tabelas do sistema permitem a opção de fazer inclusões no sistema. Durante o processo de Detecção Automática.Servidor LAN . certos parâmetros precisam ser definidos. Os itens são adicionados diretamente ao Catálogo ao instalar o PV4E. Consulte Filtrando Mensagens. Itens adicionais podem ser incluídos no Catálogo manualmente.Mapeador LAN . O agendador de Links Seguros define o intervalo em que os dispositivos finais são consultados para detectar alterações em links seguros. os agendadores para o Mapeador LAN e o Servidor LAN podem ser reconfigurados caso as suas exigências de rede sejam alteradas. A Notificação de Eventos é explicada neste capítulo. Notificação de Evento. Os agendadores do Mapeador LAN e do Servidor LAN precisam ser configurados antes que o P-LET seja executado. Consulte Definindo Permissões. Entre eles estão: Catálogo (Consulte o Capítulo 4: O Catálogo). O Gerente de TI usa Configurações de Permissão para definir os parâmetros para grupos e usuários específicos que têm acesso ao PV4E. Após executar o P-LET. Entre elas estão. Permissões. Filtro de Mensagens Permite a seleção de quais mensagens de eventos serão enviadas ao usuário.0 Capítulo 13: Configurações de Sistema do PV4E Configurações de Sistema do PV4E – Visão Geral Ao configurar o sistema PV4E. quaisquer itens que sejam descobertos por este processo serão adicionados diretamente ao Catálogo.PV4E User Manual – V6. Permite selecionar quais eventos serão enviados a um usuário via email e/ou SMS.

Agendador de Links Seguros O Agendador de Links Seguros Define com que frequência o mecanismo de consulta executa o ping em todos os dispositivos finais nos links seguros. Upgrade de Software Permite o download de novos softwares para os elementos de hardware do PatchView. 446 . Definindo o Agendador de Links Seguros Para Definir o Agendador de Links Seguros 2. Clique no botão Editar para alterar as configurações. deve ser definido com seu endereço IP e outras informações. Caso a estação não receba resposta. A área de Agendamentos será exibida. A fim de validar a integridade dos links seguros. No menu Configurações. 3. antes de executar o Mapeador LAN. Gerenciador de Chamadas (Consulte O Gerenciador de Chamadas) O Gerenciador de Chamadas.PV4E User Manual – V6. Quaisquer anomalias de Link Seguro detectadas são registradas e uma mensagem de alerta é gerada. A caixa de diálogo Editar Agendador é aberta. P-LET (Consulte o Capítulo 9: Módulo de Descoberta (P-LET)) O PatchView for the Enterprise possui a tecnologia P-LET (Pro-active LAN Equipment Topology).0 Tipos de Local. 4. selecione Agendamentos. Clique na aba Link Seguro. ou concedidas manualmente ao pelo usuário ao criar a Ordem de Serviço. O P-LET descobre todos os dispositivos ativos na rede. O Download de Software é explicado neste capítulo. Os detalhes de Interrupções aparecem. um evento apropriado será ativado. permitindo que o Gerenciador do Sistema investigue a detecção. suas sub-redes e identifica os seguintes parâmetros de dispositivos. que processa informações de Telefones IP. como definido no agendador de links seguros.ID de Ordem de Serviço IDs de Ordem de Serviço podem ser alocadas automaticamente pelo sistema a um modelo pré-definido. Consulte Criando uma nova ordem de serviço. O intervalo padrão e mínimo é de cinco minutos. Consulte Upgrade de Software. o sistema enviará um ping para estações com o status “Sempre conectado” ao fim de cada período de tempo. Consulte Erro! Fonte de referência não encontrada.

Definindo Permissões O Gerente de TI usa Configurações de Permissão para definir os parâmetros para grupos específicos que têm acesso ao PV4E. Caso esta caixa de verificação não esteja selecionada. cada dia da semana ou em um frequência de dias selecionada. É possível definir o padrão de recorrência em uma certa hora diariamente. 2. Editar Opções do Agendador de Links Seguros Selecionar a caixa de verificação Habilitar Agendador de Links Seguros permite alterar o intervalo padrão de agendamento. Três grupos são instalados pelo sistema. os usuários individuais são atribuídas a um grupo que herda os parâmetros definidos para esses grupos. Clique em OK. mas outro grupo terá direitos somente para leitura e não estará autorizado a fazer alterações no sistema.PV4E User Manual – V6. 3. grupos e usuários são adicionados e definidos. Neste processo. Eles são: 447 . As seguintes permissões são definidas: Adicionando e definindo Novos Grupos Adicionando e definindo Novos Usuários Atribuindo um Grupo a um Usuário Atribuindo um Usuário a um Grupo A Janela Permissões Na janela de permissões. o grupo Admin terá direitos de acesso a todos os recursos do sistema. Por exemplo.0 Figura 333 1. o aplicativo verificará automaticamente os dispositivos finais de links seguros a cada cinco minutos.

Grupo Centro de Relatório Os membros deste grupo têm acesso ao módulo do centro de relatório Os parâmetros desses grupos não podem ser editados. Selecione a aba Grupos. ou pelo usuário. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Grupos será aberta. selecione Permissões no menu suspenso. A partir de Configurações. 4.PV4E User Manual – V6. um grupo Técnico que permite acesso parcial ao sistema. que permite acesso completo ou o grupo Somente leitura. 2. incluindo os membros do grupo. Por exemplo. mas membros individuais podem ser adicionados a eles. 5.0 Grupo Admin (Administrador) O grupo Admin tem acesso total ao sistema Grupo Somente Leitura O grupo Somente Leitura possui acesso apenas para leitura. Para Adicionar um Novo Grupo 1. A visualização pode ser feita por grupos. incluindo os grupos aos quais ele pertence. Clique no botão Novo. 6. Preencha o Nome do Novo Grupo. 3. Preencha a Descrição (opcional). Adicionando um Novo Grupo Novos grupos podem ser adicionados com permissões específicas além de Admin. 448 . Selecione a aba Permissões.

8. 9.PV4E User Manual – V6.0 Figura 334 - Adicionando um Novo Grupo 7. 449 . A Janela Permissões será aberta. Clique no botão OK. Marque os parâmetros exigidos para este grupo.

Selecione a Aba Usuários na Tela Permissões. clique no botão Editar para editar um usuário existente. Clique no botão Novo para adicionar um novo usuário. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Grupos de Segurança será aberta. Preencha o nome completo do Usuário.0 Figura 335 - Adicionando um Novo Grupo Editando um Grupo Para Editar um Grupo 1. 450 . 2. 3. 3.PV4E User Manual – V6. Adicionando/Editando um Novo Usuário É possível adicionar novos usuários ao sistema e autorizá-los a usar os recursos do sistema. Selecione a aba Grupos. Selecione o Grupo a ser editado. 4. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Usuário de Segurança será aberta. Clique no botão Editar. 5. 4. 2. Preencha o Nome de Usuário do Novo Usuário no campo Nome. Para adicionar um novo usuário 1. Selecione um usuário existente da lista caso deseje editar as permissões daquele usuário. Faça as alterações exigidas.

Dica: Mantenha uma lista de todas as senhas. é possível atribuir o Usuário a um grupo.0 5. 451 . As senhas podem ser mudadas. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Usuário de Segurança será aberta. caso necessário. Consulte Atribuindo um usuário a um grupo 9. 6. Observação: Neste ponto. Figura 336 - Adicionando um Novo Usuário Atribuindo um Usuário a um Grupo Para atribuir um Grupo a um Usuário 1. uma vez que elas não são acessíveis a partir do sistema. Defina uma Senha. Clique na caixa Apenas Notificação para habilitar o usuário a receber emails ou SMS de notificação de eventos sem proporcionar acesso ao PV4E. Selecione a Aba Usuários no menu suspenso da Tela Permissões. Clique no botão OK. Adicione uma Descrição (opcional). Clique na aba E-mail para adicionar o endereço de e-mail do usuário e selecione o tipo e formato das mensagens que o usuário recebe (opcional).PV4E User Manual – V6. Clique no botão Editar. Clique no botão Adicionar/Remover. 7. 2. e confirme-a. Selecione o Usuário. 3. Uma caixa de diálogo listando grupos disponíveis será aberta. caso necessário. 4. 8.

3. Clique no botão OK. Clique no botão OK para confirmar. 6.0 5.PV4E User Manual – V6. Altere a Senha e confirme-a. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Usuário de Segurança será aberta. 4. 452 . As senhas podem ser mudadas. Para alterar uma Senha de Usuário 1. uma vez que elas não são acessíveis a partir do sistema. Os campos de Senha serão limpos. Selecione o Usuário. 2. 8. Selecione a Aba Usuários na Tela Permissões. Uma mensagem de confirmação é exibida. Clique no botão OK. 7. consulte o seguinte parágrafo Permissões. Dica: Para mais informações sobre Restrições de senha. Selecione o(s) grupo(s) necessário(s). 5. Figura 337 - Atribuindo um Usuário a um Grupo Alterando uma Senha de Usuário Dica: Mantenha uma lista de todas as senhas. 6. Clique dentro da caixa Senha. caso necessário. Clique no botão Editar. Selecione Permissões no menu Configurações.

incluindo: Definir senhas de usuários Visualizar e modificar perfis de usuários Adicionar e excluir usuários 453 . Permissões Função de Administrador Cada usuário que pertença ao grupo Administrador tem a permissão de adicionar novos usuários. Caso você exclua um usuário. Selecione a aba Grupos ou Usuário. 3. bem como visualizar e editar as permissões do sistema para todos os usuários. ele será removido do grupo e excluído do banco de dados.0 Figura 338 - Alterando uma Senha de Usuário Excluindo um Grupo ou Usuário Ao excluir um grupo. 2. Clique no botão OK para confirmar. mas ainda aparecerão como usuários no sistema.PV4E User Manual – V6. Selecione o Grupo ou Usuário a ser excluído. quaisquer usuários atribuidos a esse grupo serão desconectados automaticamente daquele grupo. Para Excluir um Grupo ou Usuário 1. Clique no botão Excluir. 4. Uma mensagem de confirmação é exibida.

este teste não será executada. Padrão – desmarcado. uma caixa de mensagem notificando o usuário que a senha expirou será exibida e habilitará o usuário a inserir uma nova senha. Ao iniciar uma sessão pela primeira vez após definir esta opção. Ao iniciar uma sessão. Asteriscos são visualizados para cada caractere inserido. a caixa fica marcada para novos usuários e quando o Administrador muda uma senha de usuário. Uma caixa de verificação "Alterar Senha na próxima sessão" foi adicionada.0. esta opção fica desabilitada. Caso o campo “A senha nunca expira” esteja marcado. Este parâmetro é relevante para as configurações iniciais de senha. e a senha é enviada ao servidor criptografada.0 Configurações de Senha A modificação de senhas é habilitada no modo de Edição. os seguintes campos foram adicionados à caixa de diálogo de definição de senha: A senha expira após o número de dias de sua validade a partir de seu primeiro uso. Figura 339 .PV4E User Manual – V6. o sistema testa se a senha ainda está válida. Por padrão. O valor padrão é 90 dias. Uma caixa de edição adicional para confirmar a senha também foi adicionada ao V5. A senha nunca expira – quando o campo "A senha expira depois de" está marcado. bem como para as senhas alteradas por usuários.Caixa de diálogo Permissões 454 . Para este fim. As configurações de e-mail foram movidas para uma nova aba identificada como “E-mail” Expiração da Senha A data de expiração de uma senha foi adicionada ao sistema.

A Janela de Notificação será aberta. Para Configurar o Servidor de E-mail 1. Função Não-Administrativa Quando uma sessão que não é de administrador é iniciada. Notificação de Evento A Configuração de Notificação de Evento controla quais eventos são enviados aos usuários via e-mail ou SMS. Após uma modificação de senha bem-sucedida. uma caixa de diálogo com os seguintes parâmetros aparecerá: Senha atual Nova Senha Confirmar Senha Asteriscos são visualizados para cada caractere inserido. selecione Configuração de E-mail no menu suspenso. Senhas que tenham sido usadas recentemente serão rejeitadas pelo sistema. É possível selecionar os eventos que você deseja visualizar. define o servidor de e-mail para notificação de eventos. O usuário deve inserir uma senha que não tenha sido usada em pelo menos cinco alterações de senha.PV4E User Manual – V6. e a senha é enviada ao servidor criptografada. Quando selecionada. Todos os parâmetros definidos pelo Administrador na seção Função Administrativa também terão efeito para a nova senha definida pelo usuário. A partir de Configurações. Configurando o Servidor de E-mail Este procedimento. a opção Configurações\Permissão será substituída por uma opção Configurações\Alterar senha. que é realizado apenas uma vez. Observação: Todos os eventos são registrados no arquivo de registro de eventos e podem ser acessados a qualquer momento. a seguinte mensagem aparecerá: A senha foi atualizada com sucesso.0 Restrição de Senha A senha deve ter um comprimento mínimo de oito caracteres e exige pelo menos uma letra e pelo menos um dígito. 455 .

Ou Clique no botão Nome do Host do Servidor de E-mail e digite o nome do host do servidor de e-mail no campo Nome do Host. Digite o assunto do e-mail no campo Assunto da Mensagem (Opcional). Clique no botão OK. Digite o endereço de e-mail do remetente no campo E-mail De 5. Clique no botão Editar. 456 . 6.0 Figura 340 - Janela de Configuração de E-mail 2. A caixa de diálogo Editar Configurações de Notificação é aberta. 4. Figura 341 .Caixa de diálogo Editar Configurações de Notificação 3. Clique no botão Endereço IP do Servidor de E-mail e digite o endereço IP do servidor de e-mail no campo Endereço IP.PV4E User Manual – V6.

Selecione um evento da aba Eventos e clique no botão Editar. selecione Notificação de Evento. na página Erro! Indicador não definido. 457 . Atribuindo Notificação de Evento por Evento Para atribuir notificação de evento por evento: 1. A janela Adicionar/Editar Notificação a Evento será aberta. na página 457 Atribuindo Notificação de Evento por Usuário. A janela de Eventos é aberta. bem como modificar ou cancelar eventos que já tenham sido atribuídos. na área de Informações. A partir do menu Configurações.0 Atribuindo Notificação de Evento Esta ferramenta permite que você defina quais eventos serão enviados a usuários. Figura 342 . Existem duas maneiras para atribuir notificação de eventos: Atribuindo Notificação de Evento por Evento.Janela de Eventos 2.PV4E User Manual – V6.

Janela Adicionar Usuários 4. A janela Adicionar Usuários será aberta. Clique no botão Adicionar Usuário. Selecione os usuários que devem ser notificados do evento e clique no botão OK.Janela Adicionar/Editar Notificação a Evento 3. 458 .0 Figura 343 .PV4E User Manual – V6. Figura 344 .

2.0 A janela Adicionar Usuários será fechada e a janela Adicionar/Editar Notificação a Eventos será atualizada com os usuários selecionados. na área de Informações. na pagina 460. 3. Figura 345 . Selecione um usuário da aba Usuários e clique no botão Editar. Clique no botão OK. Clique no botão Adicionar Evento.Janela Adicionar/Editar Notificação a Usuário 4. consulte Clique no botão OK. Caso você deseje configurar filtros para a notificação de eventos. selecione Notificação de Evento. Clique na aba Usuário. 5. A notificação de eventos está atualizada e ativa. Vide figura abaixo. A janela Adicionar/Editar Notificação a Usuário será aberta. 7. A notificação de eventos está atualizada e ativa. A janela de Eventos é aberta. 459 . A partir do menu Configurações. A janela Adicionar Eventos é aberta.PV4E User Manual – V6. 6. Atribuindo Notificação de Evento por Usuário Para atribuir notificação de evento por usuário: 1.

– Janela Adicionar Eventos 5. Ou. Caso você deseje configurar filtros para a notificação de eventos. na pagina 460. A notificação de eventos está atualizada e ativa. selecione os usuários para os quais você deseja configurar um filtro e clique no botão Adicionar/Editar Filtro. A notificação de eventos está atualizada e ativa. consulte Clique no botão OK.PV4E User Manual – V6. 6. Clique no botão OK. na janela Adicionar/Editar Notificação a Usuários. 8. Selecione os eventos para os quais o usuário deve ser notificado e clique no botão OK. A janela Adicionar/Editar Filtro é aberta. 460 . Na janela Adicionar/Editar Notificação a Evento. 7. selecione os eventos para os quais você deseja configurar um filtro e clique no botão Adicionar/Editar Filtro.0 Figura 346 . Configurando Filtros de Notificação de Evento Para configurar filtros de notificação de evento: 1. A janela Adicionar Eventos será fechada e a janela Adicionar/Editar Notificação a Usuário será atualizada com os usuários selecionados.

6. ou apenas durante certas datas. digite a hora inicial no campo Início e a hora final no campo Fim. Para filtrar eventos por hora do dia. selecione a aba Dispositivos. Vide etapa 5. 4. Para filtrar eventos por dispositivo. seu tipo funcional e seu local. Na área de Calendário. As datas devem ser inseridas em ordem de mês. os dias em que o usuário deve ser notificado. 461 . selecione o campo Incluir as seguintes datas para selecionar as datas quando o usuário deverá ser notificado. ou selecione o campo Excluir as seguintes datas para selecionar as datas quando o usuário não deverá ser notificado. selecione. Para filtrar eventos por data. na área de Horário. usando o horário militar. Filtrando notificação de evento por dispositivo – É possível enviar notificações de eventos apenas se eles ocorrerem em certos dispositivos ou locais. na área Dia da Semana. Para filtrar eventos por dia da semana. Digite a data inicial no campo De e a data final no campo Para. 7. Digite o nome do dispositivo. Os horários devem ser inseridos em horas e minutos. Um sinal aparece junto a cada dia selecionado. dia e ano.PV4E User Manual – V6. selecione Calendário. Selecione o dispositivo específico da lista e clique em Adicionar. 5. Vide etapas de 2 a 4. ou em certas horas do dia.0 Figura 347 – Janela Adicionar/Editar Filtro Filtrando notificação de evento por agendamento – É possível enviar notificação de eventos somente se eles ocorrerem em certos dias da semana.

1. 3. Clique no botão Editar. selecione Filtro de Mensagens no menu suspenso. A Janela de Filtro de Mensagens será aberta. É possível selecionar que todas as mensagens sejam exibidas ou selecionar o tip de mensagens que deseja ver. 4. 2. Selecione as categorias exigidas. A partir de Configurações. Clique no botão OK. Filtro de Mensagens A Configuração de Filtro de Mensagens controla quais mensagens recebidas do sistema serão exibidas.Janela Adicionar/Editar Filtro – Aba Dispositivos 8.0 Figura 348 . A caixa de diálogo Adicionar/Editar Filtro de Mensagens será aberta. Clique no botão OK.PV4E User Manual – V6. 462 . Observação: Todas as mensagens serão registradas no arquivo de registro de eventos e poderão ser acessados a qualquer momento. 5. A janela Adicionar/Editar Filtro é fechada.

A partir de Configurações. 463 . Selecione a aba Ícone. A caixa de diálogo Adicionar Ícone será aberta. Clique no botão Navegar para localizar o gráfico a ser inserido (no formato gif). 6.Filtro de Mensagens Tabelas do Sistema As tabelas do sistema permitem a opção de fazer inclusões no sistema.PV4E User Manual – V6. Clique no botão Adicionar. 4. 5. A Janela Tabelas do Sistema será aberta. Digite o nome do novo ícone. selecione Tabelas do Sistema no menu suspenso. Entre eles estão: Ícones Adicionais Imagens para dispositivos Tarefas específicas de Ordens de Serviço Tipos de Local Serviços Adicionando e Excluindo Ícones Para adicionar Ícones 1.0 Figura 349 . 3. 2. Clique no botão OK para continuar.

Adicionando e Excluindo Ícones Figura 351 . 5.Adicionando e Excluindo Ícones 7. 464 . 4. Clique no botão Excluir. A partir de Configurações. Uma mensagem de confirmação é exibida.0 Figura 350 . A Janela Tabelas do Sistema será aberta.PV4E User Manual – V6. 3. selecione Tabelas do Sistema no menu suspenso. Selecione a aba Ícone. Para excluir um Ícone 1. Selecione o Ícone a ser excluído. 2. Clique no botão OK para confirmar. O novo ícone será incluído na lista.

Clique no botão OK para continuar. Clique no botão OK para confirmar. Selecione a aba Tarefa de OS. Digite o nome da nova tarefa. Para excluir uma Imagem 1. 465 . A partir de Configurações.0 Adicionando e Excluindo Imagens Para adicionar Imagens 1. A caixa de diálogo Adicionar Imagem será aberta. selecione Tabelas do Sistema no menu suspenso. Clique no botão Adicionar.PV4E User Manual – V6. Selecione a aba Imagem. 2. Clique no botão Adicionar. A Janela Tabelas do Sistema será aberta. 6. selecione Tabelas do Sistema no menu suspenso. 3. Clique no botão OK para continuar. 4. Selecione a aba Imagem. Uma mensagem de confirmação é exibida. A partir de Configurações. 3. 2. Selecione a Imagem a ser excluída. A nova imagem será incluída na lista. A partir de Configurações. selecione Tabelas do Sistema no menu suspenso. 6. 4. 5. Clique no botão Excluir. 4. Clique no botão Navegar para localizar o gráfico a ser inserido (no formato gif). A caixa de diálogo Adicionar/Editar Tarefa de Ordem de Serviço será aberta. 3. Adicionando e Excluindo Tipos de Tarefa de Ordem de Serviço Para adicionar Tarefas de Ordem de Serviço 1. 5. A Janela Tabelas do Sistema será aberta. Digite o nome da nova Imagem. 7. A Janela Tabelas do Sistema será aberta. 2.

A caixa de diálogo Adicionar Local será aberta. 2. 3. Clique no botão Adicionar. 5. 3. Clique no botão Excluir.PV4E User Manual – V6. A Janela Tabelas do Sistema será aberta. Adicionando e Excluindo Tipo de Categoria de Local Para Adicionar Categoria de Local 1. selecione Tabelas do Sistema no menu suspenso. Clique no botão Navegar para localizar o ícone para este local. 4.Adicionando e Excluindo Tipos de Tarefa de Ordem de Serviço 8. 6. Selecione a aba Local. Clique no botão OK para continuar. Selecione a Tarefa a ser excluída. 4. 2. Uma mensagem de confirmação é exibida. Selecione a aba Tarefas de OS. A partir de Configurações. A partir de Configurações. 5. A Janela Tabelas do Sistema será aberta. Para excluir uma Tarefa de Ordem de Serviço 1. 466 . Clique no botão OK para confirmar.0 Figura 352 . selecione Tabelas do Sistema no menu suspenso. A nova tarefa será incluída na lista. Digite o nome do novo local.

4. 6. Clique no botão Excluir. Selecione a aba Local. 3. Selecione a Aba Serviço. 2. 467 .PV4E User Manual – V6. selecione Tabelas do Sistema no menu suspenso. Adicionando e Excluindo Serviço Para adicionar Serviço 1. selecione Tabelas do Sistema no menu suspenso. Para excluir uma Categoria de Local 1. 5. Uma mensagem de confirmação é exibida. A Janela Tabelas do Sistema será aberta. mostrando o novo nome do local e o ícone 8. 3. Clique no botão Adicionar. A nova categoria de local será incluída na lista. Clique no botão OK para confirmar. 2.0 Figura 353 - Adicionando e Excluindo Tipo de Categoria de Local 7. 9. Uma caixa será aberta. A partir de Configurações. Clique no botão OK para continuar. A partir de Configurações. A Janela Tabelas do Sistema será aberta. A caixa de diálogo Adicionar Serviço será aberta. Selecione o Local a ser excluído.

A partir de Configurações. A Janela Tabelas do Sistema será aberta. Para excluir um Serviço 11. O novo serviço será incluído na lista. Selecione o Serviço a ser editado. 10. Clique no botão Editar. Edite o Nome e/ou Descrição. Clique no botão OK para continuar. Selecione a aba Serviço. Digite o nome e a descrição do novo Serviço. 14. 468 .Lista de Serviços Para editar um Serviço 6. selecione Tabelas do Sistema no menu suspenso. Clique no botão Excluir. Uma mensagem de confirmação é exibida. 7. 5.PV4E User Manual – V6. A Janela Tabelas do Sistema será aberta. Clique em OK para salvar as alterações. 8. A partir de Configurações. Selecione a aba Serviço. selecione Tabelas do Sistema no menu suspenso.0 4. Selecione o Serviço a ser excluído. Clique no botão OK para confirmar. 13. 12. 9. Figura 354 .

18.0 ID de Ordem de Serviço IDs de Ordem de Serviço podem ser alocadas automaticamente pelo sistema a um modelo pré-definido.S – 0003 etc. Neste caso. Por exemplo. Por exemplo. Figura 355 . Este é o parâmetro que designa uma ordem de serviço exclusiva. Para configurar o modo de definição de ID de Ordem de Serviço 15. defina o modelo que deseja usar para IDs de ordem de serviço automáticas. 21. 19. digite o texto que deseja incluir no nome da ordem de serviço. digite o número inicial para as IDs de suas ordens de serviço. O. A caixa de diálogo Adicionar/Editar Ordem de Serviço será aberta. As ordens de serviço no exemplo acima seriam nomeadas da seguinte forma: O. 20. ou concedidas manualmente ao pelo usuário ao criar a ordem de serviço. Clique no botão OK. você pode querer usar “O. Clique no botão Editar.S – 0001.ID de Ordem de Serviço 469 .S – 0002. A Janela de Filtro de Mensagens será aberta. No campo Modelo.S – [ID]”. A partir de Configurações. 0001. No campo ID Inicia Em. Clique em Numeração Automática para que o sistema atribua automaticamente uma ID de ordem de serviço. clique em Inserção Manual para indicar que todas as IDs de ordens de serviço deverão ser definidas manualmente.PV4E User Manual – V6. O. Em atribuição de ID de Ordem de Serviço. selecione Ordem de Serviço no menu suspenso. 17. O modelo deve incluir [ID] e [Data]. 16.

PV4E User Manual – V6. É possível escolher realizar o download do software para todos os dispositivos ou apenas para determinados dispositivos. 470 . que você esteja fazendo o download das versões corretas. junto ao seu representante local de suporte da Furukawa. Configure os parâmetros de senha de upgrade do software antes de realizar o download. O processo a ser seguido para garantir um download bem sucedido é: Definir nome de usuário e senha de FTP no IIS FTP Configurar o nome de usuário e a senha de FTP no PV4E Fazer o download do software. Certifique-se.0 Upgrade de Software Use Software Upgrade para realizar o upgrade para novas versões de software para dispositivos de hardware específicos do PatchView. Observação: Todos os componentes do PVMax devem ser da mesma versão e geração.

Certifique-se de que o Nome de Usuário e a Senha sejam exatamente iguais aos das configurações feitas ao definir as configurações FTP. A janela de configuração de FTP para download de software para dispositivos PVMax será aberta. 3.janela de configuração de FTP para download de software para dispositivos PVMax. Clique no botão OK para confirmar. 4. na barra de navegação superior. 6. Para fazer o download do software: 1. Fazendo o download do software.0 Configurando o Upgrade do Software Para configurar o Upgrade do Software: 1. Figura 356 . A caixa de diálogo Editar Configurações do PatchView é aberta. anteriormente. Defina o Nome do Usuário. Marque a caixa Alterar Senha. A Árvore de Local aparecerá. Clique no botão Manutenção na barra superior de navegação. 2. selecione Upgrade de Software. Insira a nova senha nos campos Senha e Confirmar Senha.PV4E User Manual – V6. 471 . Clique no botão OK. 5. Clique no botão Editar. Uma mensagem de confirmação é exibida. No menu Configurações. 7.

3. A caixa de progresso no canto inferior direito mostra a porcentagem total de 472 . Observação: A caixa de diálogo Lista de Software apresenta dispositivos que estejam atualmente conectados e aqueles que não estejam mais conectados.Caixa de diálogo Upgrade de Software 4. Observação: Para Masters. de SW do Extensor ou Ver. O processo de Upgrade atualiza apenas dispositivos conectados. Clique na aba Topologia. Figura 357 . Para Scanners PVMax e Extensores. o arquivo de software possui a extensão . A caixa de diálogo Lista de Software será aberta. 8. Clique em uma das opções de Tipo de Dispositivo – Masters. 9.PV4E User Manual – V6. 7. Selecione os Masters ou Extensores Master em cujos dispositivos você deseja efetuar o Upgrade. A caixa de diálogo Upgrade de Software será aberta. Clique em Fechar na caixa de diálogo Lista de Software. Clique no botão Navegar para navegar para o arquivo de software do qual deseja fazer o download. [Opcional] Clique no link em Ver. Scanner PVMax e Extensor. de SW do Scanner para visualizar a lista de extensores e scanners que serão atualizados para o Master específico. Não é possível interromper um processo de download que esteja em andamento.BIN. Clique com o botão do direito do mouse em Topologia do PVMax na árvore e selecione Upgrade de Software. Clique no botão Upgrade para iniciar o processo de Upgrade.BOT. o arquivo de software possui a extensão . O processo de upgrade do software iniciará. A Árvore de Topologia do PVMax será exibida. Cada tipo de dispositivo possui o seu software e arquivo de download específicos. 6. 5.0 2.

Para alterar permissões de acesso. que armazena informações sobre os locais aos quais o usuário tem acesso.Tela do PV4E– Configurações – Aba Permissões A aba Permissões será aberta por padrão. As permissões do usuário são um sub-conjunto de suas permissões pessoais e as permissões dos grupos aos quais ele está atribuído. selecione Configurações > Permissões. Permissão de Acesso a Locais Geral O recurso de permissão de acesso a local é uma nova opção projetada para conceder vários níveis de direitos de acesso a grupos de usuários do PV4E para editar links. As Permissões de Acesso podem ser concedidas apenas pelo Administrador ou por um usuário com direitos de Administrador. clique na aba Acesso. Figura 358 . O conteúdo da aba é igual ao conteúdo do grupo. Quando o upgrade for concluído.PV4E User Manual – V6. Clique no botão Cancelar para fechar a janela e o registro de Eventos será atualizado. Caso o processo de upgrade falhe. 10. Nível de Usuário Individual Uma aba Acesso foi adicionada à área de Usuários. A operação Editar Link é restrita usuários com as permissões de acesso relevantes.0 download concluído. Configurando a Permissão de Acesso a Locais Na aba Configuraçõe da barra de ferramentas principal. A caixa de progresso junto a cada Master ou Extensor Master mostra a porcentagem do download de software concluído para os dispositivos naquele Master ou Extensor Master. foi adicionada. as caixas de progresso ficarão vermelhas. a seguinte tela será aberta: 473 . as caixas de progresso ficarão azuis. Observação! Este recurso se refere somente à permissão para Editar Links Nível de Grupo Uma aba Acesso.

A aba Acesso contém uma árvore com caixas de verificação próximas a cada local.0 Figura 359 . A árvore de acesso a Locais é limitada aos seguintes elementos: País Cidade Edifício Andar Sala Cubículo Outro (definido pelo usuário) Gabinete 474 . Para visualizar as permissões reais. Uma marcação cinza indica que o usuário possui acesso a um local e a um ou mais de seus subp-locais. Uma caixa sem marcação indica que o usuário não possui acesso. clique em Editar.Tela do PV4E– Configurações – Aba Acesso – Apenas visualização A Aba Acesso Todas as caixas de verificação aparecem como desabilitadas na aba Acesso. mas não a todos eles. o que permite que o Administrador configure as permissões de acesso a locais para usuários individuais ou grupos: Uma caixa com marcação preta indica que o usuário possui acesso a um local e a todos os seus sub-locais.PV4E User Manual – V6.

Tela do PV4E– Configurações – Aba Acesso Quando as caixas de permissão de acesso tiverem sido marcadas. Validando Permissões de Acesso de Usuários O acesso a locais para um usuário depende das permissões de locais do usuário e das permissões de locais do grupo ao qual o usuário está atribuído. 475 . Sem Local é tratado da mesma forma que qualquer outro local.PV4E User Manual – V6. As configurações foram salvas e a tela retorna à aba Permissões. Em seguida. Apenas o Administrador ou um usuário com direitos de Administrador pode criar e modificar usuários e pode visualizar e editar acesso de locais para usuários. O padrão configurado é a árvore de local inteira para cada grupo de usuário e cada usuário individual. locais e links da organização. clique em Editar. Ao remover a seleção de uma caixa de verificação. Observação: Todos os usuários. todos os sub-elementos abaixo dela são selecionados automaticamente. Caixa de Verificação Árvore de Local Quando uma caixa de nível elevado é marcada na árvore de local. são capazes de visualizar todos os dispositivos. todos os elementos abaixo dela terão a seleção removida automaticamente.0 Permissão de Acesso Para conceder permissões. independente de suas permissões. clique em Aplicar e em seguida OK. o usuário deve remover a seleção de qualquer caixa de verificação em que o acesso não esteja concedido. Figura 360 .

indica um item para O sinal sem entrada em vermelho escuro o qual o usuário não possui permissões de acesso.Editar Link Caso um usuário tente Editar um Link a partir da árvore de Local da tela de Manutenção: 476 .0 Um usuário pode acessar um local se possuir as seguintes permissões de acesso: como um membro de um grupo ao qual esteja atribuído como um usuário individual ou possuir suas próprias permissões de acesso Editar Link Os usuários podem editar um link apenas se possuírem acesso a TODOS os dispositivos que criam um link. O exemplo abaixo mostra um usuário sem permissões de acesso ao local em que "Switch-01" está localizado. Veja a explicação a seguir. Veja o exemplo de link a seguir: Figura 361 Editar Link – Árvore de Local A Figura 91 mostra uma situação em que o usuário possui permissões de acesso. Os links para os quais o usuário não possua permissão (ou seja. As opções de comando da barra de ferramentas na parte inferior da janela estão desabilitadas.PV4E User Manual – V6. uma vez que não existem sinais de sem entrada. aqueles para os quais o usuário não possui permissões de acesso de um ou mais itens no link) serão desabilitados e marcados com sinais que indicam que não possuem entradas na janela Editar Link. Figura 362 . O sinal sem entrada em vermelho claro indica um item que está conectado a um item sem permissões de acesso a local.

Tela de Manutenção – Árvore de Local A seguinte mensagem de erro será recebida: Figura 364 .PV4E User Manual – V6. as permissões de acesso para o bastidor/local serão 477 .Mensagem de Erro Mover Local de Bastidor Sempre que um local de bastidor for alterado ou um local for movido.0 Figura 363 .

o bastidor/local movido também será marcado.PV4E User Manual – V6. Importar um Local O processo é o mesmo de mover bastidores/locais.0 determinadas pelo pai e o filho do novo local. 478 . Criar um Novo Bastidor/Local O processo é o mesmo de mover bastidores/locais. Se todos os sublocais do local pai estiverem marcados.

selecione Permissões no menu suspenso. 3. Clique em na parte inferior esquerda da tela.0 é o aplicativo Active Directory. o qual em seguida confirma se você possui a permissão para entrar no PV4E. A tela a seguir será aberta na aba Geral: 479 . O Active Directory é basicamente um repositório central que contém um sub-conjunto de senhas e informações de usuários e identifica o acesso a recursos de rede. Observação: Os usuários podem ser definidos no Active Directory ou no aplicativo PatchView.0 Capítulo 14: Informações Gerais do PV4E Integração com o Active Directory Uma novidade na versão 6. faça o seguinte: 1. Após ter digitado o seu nome de usuário e senha.PV4E User Manual – V6. A partir do menu Configurações. 2. o PatchView envia uma solicitação de confirmação para o servidor do Active Directory. mas não em ambos! > Para adicinar um usuário ao aplicativo Active Directory. Clique na aba Usuário.

clique no botão de seleção Active Directory.PV4E User Manual – V6. Para obter informações específicas de usuário. A seguinte tela será aberta: 480 .0 4.

O PV4E atualizará automaticamente o nome do usuário. Clique em Encontrar. 6. você receberá a seguinte mensagem de erro ao clicar em Encontrar: Figura 366 – Mensagem de Erro de Diretório Inválido Observação: O endereço de e-mail do usuário é importado para o PV4E e endereços de e-mail adicionais podem ser incluídos Observação 2: O nível de permissão do usuário no diretório ativo não afeta o nível de permissão do PV4E.PV4E User Manual – V6. Digite o nome completo ou parcial do usuário no campo Nome. nome completo e domnínio. o PV4E exibirá tods os nomes de usuários que atendam aos critérios de busca. Caso o servidor do PV4E não use o mesmo nome de domínio que o Active Directory. Caso o servidor do PV4E esteja no mesmo domínio que o Active Directory. 7. É possível usar um asterisco (*) ao digitar parte do nome do usuário.0 Figura 365 – Adicionar/Editar Usuário de Segurança 5. 481 . Selecione o nome relevante e clique em OK. 8.

Para visualizar as Informações do Sistema.PV4E User Manual – V6. Portas e o status de seu aplicativo PV4E. Figura 367 – Informações do Sistema > Status do Sistema 482 . Use a barra de rolagem à direita para descer e visualizar o status de cada aplicativo.0 Informações do Sistema A aba Informações do Sistema contém informações sobre Licenças. total de portas em uso e total de portas gerenciadas em uso. A aba Informações do Sistema contém informações como a quantidade de portas em uso. clique na aba Ferramentas e selecione Informações do Sistema no menu suspenso. Usuários. quantas delas são gerenciadas.

clique na aba Ferramentas e selecione Status do Sistema no menu suspenso. Para visualizar o Status do Sistema.0 Status do Sistema A aba Status do Sistema contém informações sobre o status atual de seu sistema. Vá para um item na árvore Status do Sistema. Figura 368 – Janela de Status do Sistema 483 . Clique no hyperlink para abrir a caixa de diálogo Visualizar Inventário para obter mais informações.PV4E User Manual – V6. A área de informações (na lateral direita) exibe informações relacionadas ao item selecionado.

Para interromper o Servidor PV4E a partir do ícone de Controle do Servidor 1. Espere o botão Interromper ficar cinza. O Serviço PV4E deve ser finalizado antes de executar o back-up do banco de dados. Clique no botão Interromper. A janela de Controle do Servidor PV4E Figura 369 – Mensagem de Confirmação do Controle do Servidor PV4E 3. Clique no botão Sim para interromper o Servidor PV4E. Interrupção do Serviço PV4E O serviço PV4E pode ser interrompido a partir do ícone de Controle do Servidor PV4E ou a partir do Painel de Controle. 5. Para interromper o Servidor PV4E a partir do Painel de Controle 484 . O PV4E é baseado em um banco de dados relacional SQL. Essas funções são conduzidas pelo MS SQL Enterprise Manager e devem seguir um procedimento específico.0 Apêndice A: Back-up e Restauração do Banco de Dados do PV4E Esta seção oferece um guia passo a passo para realizar o Back-up do Banco de Dados do PV4E com o MS SQL. será aberta. Na Barra de Status dê um clique duplo no ícone de Controle do Servidor PV4E. Um “X” vermelho aparecerá no Ícone do Servidor PV4E na Barra de Status. 2. 4.PV4E User Manual – V6. exigindo que o banco de dados passe por back-up ocasional para salvar seus dados. Uma caixa será aberta solicitando confirmação. indicando que o serviço foi interrompido . Clique no botão Ocultar.

Clique no botão Sim para interromper o Servidor PV4E. 4. Feche a janela do Painel de Controle. Clique no botão Interromper Serviço. Figura 370 – Caixa de Diálogo Interromper Outros Serviços O Status do servidor é em branco. 2. selecione Servidor PV4E. 6. 7. A caixa de diálogo Interromper Outros Serviços será aberta. 485 . A janela de Serviços é aberta. indicando que o serviço foi interrompido . Na lista de services.0 1. A janela do Painel de Controle será aberta com uma lista de componentes. Dê um clique duplo em Ferramentas Administrativas. A partir do Menu Iniciar > Configurações > Painel de Controle. 5.PV4E User Manual – V6. Um “X” vermelho aparecerá no Ícone do Servidor PV4E na Barra de Status. 3. 8. Dê um clique duplo em Serviços.

Nome do servidor. A partir de Menu Iniciar > Programas > Selecione Microsoft SQL Server 2005> SQL Server Management Studio. A seguinte tela será aberta: 486 .PV4E User Manual – V6. Para realizar o back-up do Banco de Dados 1.0 Executando o Back-up das versões 2005 e 2008 do Banco de Dados SQL O procedimento para executar o back-up do banco de dados é o mesmo para o SQL 2005 e o 2008. Autenticação. Digite o Tipo de servidor. Figura 372 – Caixa de Diálogo Conectar a Servidor do SQL Server 2.Caminho do Menu do SQL Server Management Studio A tela do SQL Server 2005 será aberta. Figura 371 . Clique em Conectar. Login e Senha.

Vá para a pasta PV4E e clique nela com o botão direito do mouse: A partir do menu de contexto selecione >Tarefas > Backup do Banco de Dados.PV4E User Manual – V6. Figura 374 – Caminho Tasks > Backup Database A tela Back-Up Database . A tela é aberta por padrão na aba General. 487 .PV4E será aberta.0 Figura 373 – Janela de Sumário do Microsoft SQL Server Management Studio 3. Expanda a seção Databases da árvore até chegar em PV4E.

selecione o arquivo do banco de dados atual exibido na janela e clique em Remove. No campo Database digite PV4E.PV4E User Manual – V6. 6. A seguinte janela Select Backup Destination será aberta: 488 . A janela Destination ficará vazia. Caso contrário. Certifique-se de que a janela Destination esteja vazia. 7.0 Figura 375 – Backup Datbase – PV4E – Aba General 4. uma vez que este é o banco de dados do qual você está realizando o back-up. Clique em Adicionar para selecionar um destino de backup. No campo Backup type. selecione Full no menu suspenso. 5.

Uma janela Locate Database Files será aberta. o nome do caminho aparecerá no campo Selected Path.PV4E User Manual – V6.0 Figura 376 – Caixa de Diálogo Select Backup Destination 8. especifique o caminho do arquivo de destino e o nome de arquivo do Backup Set. Digite um nome de arquivo. Clique na aba Options: Figura 377 – Backup Database PV4E – Aba Options 11. 9. Na seção Reliability é altamente recomendado marcar o botão de seleção: 489 . Clique no local de destino da árvore. 10. 12. Clique em OK. Na seção Overwrite Media marque os seguintes botões de seleção: Back up to the existing media set. No campo File name. ou clique nas reticências . Overwrite all existing backup sets.

não reinicie o servidor do PV4E até que o processo de Restauração seja concluído. 14. 13. A seguinte mensagem aparece após o banco de dados do PV4E ter sido atualizado com sucesso: Figura 379 – Mensagem de Confirmação Observação: Caso a função Restore deva ser usada diretamente após o Backup. Clique em OK.PV4E User Manual – V6. 490 .0 Back up to the existing media set. O processo de back-up será iniciado e o seguinte progresso será exibido: Figura 378 – Status do Progresso 15.

A seguinte tela. selecione >Tasks > Restore > Database. 1. A partir do Menu Start. Para restaurar o Banco de Dados Verifique se o Servidor do PV4E foi interrompido.0 Restaurando o Banco de Dados do SQL para as Versões 2005 e 2008 É necessário interromper o servidor do PV4E antes de iniciar o processo de restauração do banco de dados SQL. Consulte a seção Interrompendo o Serviço PV4E. será aberta: 491 . (Consulte acima). Observação: A Função Restore pode ser usada apenas com arquivos de back-up que tenham sido criados usando a mesma versão do PV4E e do SQL. Connect to Server.PV4E User Manual – V6. Figura 380 – Caminho Tasks > Restore > Database 2.

selecione PV4E a partir do menu suspenso. Login e Password. No campo Specify the source and location of backup sets to restore. Para selecionar o banco de dados que deseja restaurar.PV4E User Manual – V6. No campo Destination for restore. selecione Do Dispositivo. A tela Restore Database PV4E será aberta por padrão na aba General: Figura 382 – Banco de Dados de Backup do PV4E – do dispositivo 5. clique nas reticências 7. Authentication. A seguinte janela Specify Backup será aberta: 492 .0 Figura 381 – Caixa de Diálogo Connect to Server 3. 4. Digite Server type. Server name (de onde o servidor do PV4E está instalado). 6. Clique em Connect.

PV4E Restore Database 10. 11. Certifique-se de ter marcado o botão de seleção para o backup que deseja restaurar (ver acima). 493 . Figura 384 .PV4E User Manual – V6. 9.0 Figura 383 – Caixa de Diálogo Specify Backup 8. Clique em OK. Vá para a aba Options. Clique em Add e selecione o caminho.

A seguinte mensagem aparece após o banco de dados do PV4E ter sido restaurado com sucesso: 494 . Uma janela de progresso será exibida na lateral esquerda da tela: Figura 386 – Janela de Progresso 16. Consulte a seção Erro! Fonte de referência não encontrada. Caso você encontre um erro “database is in use” neste estágio. 15.PV4E User Manual – V6. 14. selecione Overwrite the existing database. o caminho deve estar no mesmo local em que o banco de dados PV4E SQL reside. No campo restore the database files as. 13. interrompa e inicie novamente o servidor SQL e restaure o banco de dados.0 Figura 385 – Caixa de Diálogo Restore Database – PV4E 12. Clique em OK. No campo Restore options. para mais informações.

0 Figura 387 – Mensagem de Confirmação Solução de Problemas Caso você receba a seguinte mensagem de erro após a etapa 16. você deverá interromper e reiniciar o servidor SQL. Figura 388 – Mensagem de Falha Interrompendo o Servidor SQL 1. acima.Caminho de Menu do SQL Server Management Studio 2. Na árvore de local. O seguinte prompt aparecerá: 495 . Figura 389 .PV4E User Manual – V6. clique com o botão direito do mouse na pasta do servidor relevante > selecione Stop a partir do menu de contexto. Abra o Microsoft SQL Server Management Studio.

Na árvore de local. 4. clique com o botão direito do mouse na pasta do servidor relevante > selecione Restart a partir do menu de contexto. Figura 393 .Caminho do Menu do SQL Server Management Studio 2. Reiniciando o Servidor SQL 1. O seguinte prompt aparecerá: Figura 391 – Mensagem de Confirmação 5. Abra o Microsoft SQL Server Management Studio.Mensagem de Confirmação 3. Clique em Yes. Clique em Yes para interromper o Servidor. Clique em Fechar após o servidor ter sido interrompido. A seguinte caixa de diálogo aparecerá: Figura 392 – Barra de Progresso Service Control 6.0 Figura 390 . O seguinte prompt aparecerá: 496 .PV4E User Manual – V6.

0 Figura 394 – Mensagem de Confirmação 3. 497 .PV4E User Manual – V6. Clique em Yes para reiniciar o Servidor.

Um recurso do aplicativo que detecta automaticamente a conectividade dos dispositivos de Equipamentos LAN na rede.0 Apêndice B: Glossário Este Glossário contém abreviações e terminologia usadas no contexto do aplicativo PatchView for the Enterprise. Um assistente que permite dar nomes exclusivos a cada item de um grupo de itens similares. Cada item de inventário é classificado de acordo com as classes. Computer Aided Design (Desenho Auxiliado por Computador) O Gerenciador de Chamadas processa informações de telefones IP. O canal inclui os elementos de conexão. Componentes do PatchView for the Enterprise instalados em estações Clientes.PV4E User Manual – V6. O Catálogo do PV4E contém uma lista detalhada de todos os componentes disponíveis que podem ser atribuídos a um Local específico. O cliente do PV4E é um aplicativo que é executad em um computador pessoal ou uma estação e que depende de um servidor para executar algumas operações.database management system) que pode responder a consultas de estações clientes. Terminologia Adaptador Descrição Adaptadores como Modens e Placas NIC (Network Interface Cards) são atribuídos a estações para habilitar as estações a conectarem-se à rede. Tipos de itens são sub-divididos em classes. Detecção Automática Assistente de Nomeação Automática Romper Link CAD Gerenciador de Chamadas Catálogo Canal Classes Cliente Componentes do Cliente Banco de Dados Relacional SQL Cliente/Servidor 498 . chamado SQL Server. Um caminho de comunicação entre a estação do usuário e o comutador no gabinete de fiação. Romper um link significa desconectar um link existente entre componentes de rede. O PatchView for the Enterprise usa o aplicativo de banco de dados cliente-servidor da Microsoft. Os parâmetros devem ser especificados. Um sistema de gerenciamento de banco de dados (DBMS .

mesmo que não estejam no mesmo local. Scanners Satélites. como mesas de controle e controles de segurança também são classificados como Equipamentos. comutadores. Conectividade Conector Mesa de Controle Equipamento Link Completo Controle de Indicador Backbone Interno Inventário Endereço IP Item Tipo de Item KVM (Keyboard. A capacidade de um dispositivo ligar-se a outros na rede.0 Terminologia Hardware de Conexão Descrição Refere-se a itens de hardware de cobre ou fibra ótica. como pontos de comunicação e painéis de conexão. Um dispositivo conectado a um scanner. roteadores.PV4E User Manual – V6. A parte de um cabo que encaixa-se em uma porta para conectar um dispositivo ao outro. O Inventário contém todos os componentes de rede efetivamente usados em seu projeto. Um dispositivo que habilita a conexão de uma estação mouse) e um monitor. bem como elementos de rede telefônica. Um tipo de Item é uma classificação de acordo com a qual é possível organizar itens de Biblioteca e Inventário. O Controle de Indicador PVMax é um sub-conjunto do Controle de Segurança PVMax e funciona de maneira independente quando conectado a um Master. Um identificador numérico para um computador ou dispositivo em uma rede TCP/IP. PatchView Scanners Masters. video. Um link de uma Estação ou Dispositivo para os Equipamentos de Rede é definido como um link Completo. Ele é usado unicamente para ativar os Indicadores de Bastidores. LAN Local Area Network (Rede de Área Local). Extensores Masters. Scanners Satélites e seus Painéis de Conexão associados localizados nas salas de comunicação dentro da mesma organização. Equipamentos inclui elementos de rede como hubs. 499 . Extensores e equipamentos periféricos do PatchView. Extensor ou Extensor Master PVMax. Um elemento da rede. usados para conectar fisicamente os componente das rede. que permite ao técnico executando as mudanças de fiação no local ativar o processo de mudança de link físico.

Adds. A representação hierárquica de todos os locais na rede de sua organização. Light Emitting Diode (Diodo Emissor de Luz) O Contrato firmado com a Furukawa para registrar o aplicativo PatchView for the Enterprise. Trocas e Remoções) de itens na rede. como entre uma Estação e um Ponto. salas. Os eventos são exibidos em arquivos de Registro. Media Access Control (Controle de Acesso à Mídia). andares e dependências. Um link alternativo é fornecido ao usuário para operações de Movimentações. Swap. Um protocolo que define como as estações de trabalho são identificadas dentro da LAN. como Comutadores e Roteadores. O Servidor LAN localizará todos os dispositivos que tenham sido detectados pelo Mapeador LAN. Moves. Adições. O sistema de scanners inclui Scanners Master e Scanners Satélites. Ele descobre todos os dispositivos ativos na rede e suas sub-redes. Os links se referem à conexão física entre os itens da rede. ou entre um Ponto e um Painel de Conexão. Servidor LAN LED Contrato de Licença Link (Alternativo) Conceito de Link Conectores Locais Local Árvore Local Registros MACSR Endereço MAC Sistema de Scanner Modular 500 . normalmente equipamentos localizados na mesma sala de comunicações. Scanners Satélites e seus Painéis de Conexão conectados diretamente ao Scanner Máster. O Local refere-se ao local físico de cada item do Inventário no projeto.0 Terminologia Dispositivo de Equipamento LAN Mapeador LAN Descrição Dispositivos usados para conectar a LAN. Mudanças. Trocas e Remoções.PV4E User Manual – V6. Remove (Movimentações. Adições. Um módulo do recurso P-LET. Os registros gravam eventos que ocorrem no sistema. Mudanças. Por exemplo. Os scanner eletrônicos realizam a varredura de todos os painéis na rede e recebem informações das portas sobre a conectividade de portas. Changes. Cada componente de cliente/servidor recebe um Número de Licença.

Painéis de Conexão. como Masters. que são Biblioteca e Inventário. Private (Automatic) Branch Exchange (Troca de Tronco Particular(Automática)) Private Automatic Branch Exchange (Troca de Tronco Particular Automática) Itens do PatchView. em edifícios separados. Um PC executando o PatchView for the Enterprise. Extensores. Um aplicativo de gerenciamento da camada física da rede. Scannes. Um modelo para as operações MACs. Extensores Máster. Um sistema de rastreamento de rede que descobre e reconhece alterações de conectividade em todas as Estações ativas na rede. Equipamento de Rede Scanners Satélites e seus painéis de conexão associados localizados em alguma outra parte da organização do projeto. Gerenciamento de Rede refere-se à questão geral de gerenciar redes de computação.PV4E User Manual – V6.0 Terminologia Árvore de Navegação Descrição Uma representação gráfica da hierarquia do banco de dados. controles de segurança. Ela é dividida em duas sub-árvores principais. e o sistema de cabeamento Smart. cada departamente possui um perfil próprio. Gerenciamento de Rede NIC NMS NQ Conectores de backbone externo P(A)BX PABX Componentes do PatchView PatchView for the Enterprise (PV4E) Camada física Políticas (Aprovisionamento) P-LET Perfis (Aprovisionamento) 501 . Tipicamente. Network Interface Cards (Placas de Interface de Rede) Network Management System (Sistema de Gerenciamento de Rede). Um conjunto de regras exigidas pelo sistema para o cálculo da conexão necessária e quaisquer considerações adicionais necessárias para a criação de operações MACs de Ordens de Serviço orientadas ao dispositivo Pro-active LAN Equipment Topology (Topologia Próativa de Equipamento LAN). Por exemplo. A sétima camada do modelo de comunicação OSI refere-se aos meios físicos para inserir os dados na rede.

Configurações de Segurança Componentes do Servidor Instalação SitePro Painéis de Conexões SMART SNMP Link Dividido Estação Descoberta de Estação O modulo P-LET descobre todas as estações na rede e identifica cada estação pelo Nome de Host. Cada usuário no grupo possui os direitos concedidos ao grupo todo. Uma área definida localmente para propósitos da rede. Grupo de Segurança Os direitos do usuário a recursos do sistema são atribuídos a um grupo por motivos de segurança. Componentes do PatchView for the Enterprise instalados em estações do Servidor. Simple Network Management Protocol (Protocolo Simples de Gerenciamento de Rede) Um link dividido é um link que parte de duas ou mais Estações para o mesmo item de Hardware de Conexão (ponto ou painel). software e componentes de conexão estão definidos e armazenados no banco de dados do Projeto. incluindo hardware. As Configurações de Segurança controlam quais usuários ou grupos de usuários estão autorizados a usar o sistema e seus recursos. Um dispositivo portátil que oferece ao técnico informações detalhadas sobre tarefas que devem ser executadas na sala de comunicações ou no data center em tempo real Painéis de Conexão com Comunicação Inteligente de Dados. 502 .PV4E User Manual – V6. Todos os componentes de rede.0 Terminologia Projeto Descrição O Projeto é a representação lógica de sua rede inteira. Public Safety Answering Point (Ponto de Resposta Pública Segura) PatchView for the Enterprise Tecnologias RiT PSAP PV4E RiT Controle de Segurança Habilita o controle de vários sensores e dispositivos controlados remotamente da Estação de Gerenciamento do PatchView. Uma Estação refere-se a qualquer computador ou outro Equipamento de desktop usado na rede como estação de trabalho.

IDs de Ordem de Serviço podem ser alocadas automaticamente pelo sistema a um modelo prédefinido. A Ordem de Serviço é composta por uma série de tarefas. o sistema varre as portas de todos os Comutadores na rede e obtém informações de atividade das Estações em cada porta de Comutador.0 Terminologia STP Tarefas Topologia Descrição Shielded Twisted Pair (Cabo trançado blindado) Uma tarefa é uma ação executada pelo usuário A Topologia do PV4E é definida de acordo com a estrutura hierárquica lógica dos equipamentos essenciais necessários para operar o PV4E. Equipamento Terminal A Identificação Exclusiva de cada item que é usada como sua referência ao longo do banco de dados. Usando o recurso P-LET. Um sistema em que os planejadores criam Ordens de Serviço divididas em tarefas. TQ ID Exclusiva Dispositivos NãoGerenciados Portas não-utilizadas Módulo de Utilização UTP Ordem de Serviço Atribuição de ID de Ordem de Serviço Módulo de Ordem de Serviço 503 . O modulo permite que as tarefas sejam gerenciadas. Estações descobertas pelo P-LET que não tenham sido identificadas com parte de um Link Completo são classificadas como Dispositivos Não-Gerenciados. ou concedidas manualmente ao pelo usuário ao criar a ordem de serviço. Par trançado sem blindagem Ordens de Serviço são instruções para implementação de links e outras tarefas em uma instalação.PV4E User Manual – V6. Portas de comutadores onde não tenha sido detectada atividade por um período de tempo especificado são definidas como portas não-utilizadas.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->