Você está na página 1de 1

O Milagre das Rosas

D. Isabel, a mulher de D. Dinis, ocupava todo o tempo que tinha a fazer bem a quantos a rodeavam, visitando e tratando doentes e distribuindo esmolas pelos pobres. Conta a lenda que o rei, que tinha muito mau gnio apesar de ser tambm bondoso, se irritou por ver a rainha sempre misturada com mendigos, e proibiu-a de dar mais esmolas. Certo dia, viu-a sair do palcio s escondidas, foi atrs dela e perguntou-lhe o que levava escondido por baixo do manto. Era po para distribuir pelos pobres. Mas ela, aflita por ter desobedecido ao rei, disse: - So rosas, Senhor! - Rosas? Rosas em Janeiro? - duvidou ele - Deixaime ver! De olhos baixos, a rainha Santa Isabel abriu o regao e o po tinha-se transformado em rosas, to lindas como jamais se viu.