Você está na página 1de 13

Curso Arquitetura Básica com Blender

Recordando Esta é uma apostila de recomendações básicas com o objetivo de auxiliar nos desenhos arquitetônicos através do software Blender. Estamos na parte 2 da apostila. Na parte 1 criamos a estrutura de nossa casa em 3D (paredes) tendo como base um projeto em DXF previamente elaborado. Meu e-mail para contato é fabioferreiracs@yahoo.com.br 04 . Sobre escalas Para quem já está habituado a trabalhar com projetos CAD não é uma novidade o uso de escalas para desenho de projetos. O que seria desenhar em escala? Seria representar uma realidade em proporções menores / maiores ao modelo real tendo em vista o espaço físico que dispomos para esta representação. Pensando assim, exemplificamos que , se você deseja representar uma casa em um folha de papel A4, não é possível utilizar as mesmas medidas reais que o modelo possui. Para contornar esta limitação da dimensão do papel A4, será preciso mensurar toda sua casa e escalar estas dimensões para uma unidade que seja compatível com seu papel... Como fazer isto? Podemos dizer que, se uma determinada parede de sua casa possui 5 metros de comprimento, você poderia utilizar uma escala 1:100 e dizer que, em seu desenho, a parede em questão terá a dimensão de 5 cm. O que você fez com isto? Simplesmente dividiu sua medida real (5 metros) pela sua escala de 100,(1:100). Ou seja, 5 metros dividido por 100 = 0,05 metros que é igual à 5 cm. Portanto, qualquer medida real que for representada no papel , utilizando desta escala 1:100, deve ser antes dividida por 100. Porém, em determinadas situações, você perceberá que a escala 1:100 pode resultar em representações de tamanhos que dificultem a leitura da mesma ou a visualização. Como solução usaríamos outra escala, por exemplo , a 1:50 ! Com esta escala, todas as medidas reais deverão ser divididas por 50 e então representadas no papel. Aquela parede de 5 metros , dividida por 50 é igual à 0,10 ! (5/50=0,10)! Ou seja, uma parede de 5 metros na escala de 1:50 será representada por um desenho de 10 cm. O que ganhamos? Um desenho com o dobro da dimensão do anterior, o que pode ser útil em vários casos. Muito bem, agora veremos o processo contrário. Você analisa um projeto cuja escala seja de 1:100. Mede uma determinada parede representada no projeto com uma régua comum e obtém a dimensão de 3,5 cm. Qual é a dimensão real desta parede? Como sabemos que a escala é de 1:100 , agora iremos multiplicar os 3,5 cm achados por 100 (3,5 cm X 100 = 350 cm, ou seja, 3,5 metros!) . Sua parede tem 3,50 metros! Agora com a escala de 1:50 ! Mede-se uma parede no projeto e obtém-se a dimensão de 6,2 cm! Qual é a dimensão real desta parede? Basta multiplicar os 6,2 cm por 50 (6,2 cm X 50 = 310 cm, ou seja ; 3,10 metros)! Sua parede tem 3,10 metros! Ah, nesta fase você provavelmente pergunta o motivo de recordarmos estes pontos. Muito simples: o trabalho com escalas é necessário em diversas situações , inclusive nas representações de computação gráfica. Qual a finalidade?: Ser o mais fiel possível à realidade! Quanto maior a fidelidade, melhor será o resultado final! 30/08/05 15:33

1

todo o nosso trabalho com esta apostila e com o modelo que a acompanha está sendo feito com a escala de 1:50. Esta atitude tem a intenção de aliviar nosso trabalho. Removendo vértices duplicados. Para prosseguirmos reduziremos o número de vértices que estejam duplicados no desenho. Serão removidos aproximadamente 106 vértices duplicados!Pressione TAB para sair. porém estes conceitos são simples e com prática eles ficarão engajados naturalmente em seu dia-a-dia. O projeto DXF foi criado nesta escala e a intenção é treinarmos bastante para trabalhos mais complexos no futuro. selecione todos os vértices com a tecla “A”. 05 . Em “Edit Mode”. Caso você não tenha percebido ainda. 30/08/05 15:33 2 .Treinar é importante. evitando a seleção de vértices indesejados e eliminando os desnecessários. Vá à janela de botões com F9 e localize o botão “Remove Doubles”.

removendo vértices duplicados: foram removidos 106! 30/08/05 15:33 3 .

Analisando cautelosamente. assim como o de qualquer outra aresta escolhida. Na fase anterior.05. utilizaremos do suporte dado através do “Edge Length” que se encontra na janela “Editting (F9)”. logo F9. Infelizmente não há uma ferramenta completa de dimensionamento. A janela do banheiro terá altura de 60cm e estará a 1.1 Fechando e abrindo os vãos.60 metros do piso! Note que não citamos o comprimento dos vãos pois estes já foram definidos pelo projeto base em DXF. Mãos à massa ! Utilizaremos as seguintes definições: as portas terão alturas de 2.20 metros e estarão à 1.10 metros e as janelas do quarto e da sala terão alturas de 1. perceba que deixamos todos os vãos abertos. criamos todas as paredes .00 metro de altura do piso. O blender possui uma ferramenta que nos permite verificar a dimensão de alguns trechos. Escolha o método de seleção por Edges . 30/08/05 15:33 4 . os locais que serão as portas e janelas estão livres. Selecione a casa. click no botão “Edge Length” e a dimensão daquela aresta será exibida automaticamente. aperte o TAB para entrar em “Edit Mode”. Escolha uma aresta.

botão F9. como no papel A4)! Voltamos às escalas. Explico: aquilo que o “edge lenght” mensura como tendo 4..6 centímetros. como você soube que estamos na escala 1:50? Bom. selecione apenas os 4 vértices conforme figura: 30/08/05 15:33 5 . aquilo que tem 6... dimensões edge length Observação importante: Ah. aquilo que mede no real 5 metros e é representado em 10 unidades de medidas no papel .20 centímetros no papel e no real possui 3. ou o contrário.10 metros. mas é perceptível através do “edge length” que os quadriculados da imagem do fundo do blender não equiparam com as unidades de medida do desenho. na verdade está ocupando 9.8 metros!) . está em qual escala?Consegue perceber? Está na escala 1:50 ! À frente faremos uso disto! Mude a visão como mostrado abaixo.6 quadriculados do blender que são uma unidade de referência ( que para nós chamarei de 9. na verdade eu criei o projeto nesta escala. Escolha o “vertex select mode” (seleção de vértices).8 unidades de medida (que no nosso caso chamaremos de 4.Figura vista superior.

. aperte “Z” para definir o eixo de extrusão como sendo ao longo do eixo Z.para saber o quanto representar de agora em diante. Entendido? Para simplificar.. Pressione “1” mudando para vista frontal (lembre-se seus vértices ainda devem permanecer selecionados!) Você pode ajustar sua visão com ALT+SHIFT + Arrastar do mouse ou com “+” e “-“ .. escolha “Region”. e agora ..02 metros ou 2 cm ou 2 unidades Blender!). basta multiplicar a dimensão do real por 2 e assim obteremos a escala para o blender..Figura angular selecionando os 4 vértices da base da janela da sala Pressione “F” para criar uma nova face formada pelos vértices selecionados... 30/08/05 15:33 6 . na escala de 1:50 ...mandamos o blender extrudar o que equivaleria no papel à 2 cm ( 1 metro dividido por 50 = 0...As Escalas !!! Pressione 2 e dê um Enter! Pronto! E por que as escalas??? Precisávamos extrudar a parede em 1 metro de altura (nossa medida real até a base da janela) e para isto. Pressione “E” para Extrude.

mantenha selecionado os 4 últimos vértices extrudados da base da janela . escolha agora “Only Vértices” para que apenas os vértices sejam extrudados e não as faces .4 unidades) no Blender.4” para 2.Figura da base da janela da sala extrudada. Para tanto. Agora vamos extrudar a janela em si. “Z” selecionando o eixo de extrusão e “2. pressione “E”. 30/08/05 15:33 7 . Ela mede 1.4 unidades(cm).4 cm (ou 2.20 metros de altura no real. e medirá 2.

Iremos agora unir os 4 pontos da parte superior da parede onde se encontra o vão da janela. Selecione os 4 vértices superiores conforme figura abaixo 30/08/05 15:33 8 .Agora com estes eixos da parte superior da janela selecionados pressione “F” para criar uma face entre eles.

Pressione “F” para criar nova face entre eles. 30/08/05 15:33 9 . Faça o mesmo para a face interna. Selecione os 4 vértices frontais que formarão a face entre a parte superior da janela (2 vértices) e o teto no local do vão da janela ( 2 vértices) . Tecle “F”.

Portanto.Criando faces frontais superior janela. Algumas dicas: no momento em que for trabalhar com a extrusão da porta. selecione os 4 vértices que estão no teto no vão da porta. a extrusão ocorrerá no sentido inverso (de cima para baixo). Tenha paciência pois realmente esta tarefa é um pouco delicada e erros no início são comuns. Pronto! Nosso vão de janela está feito! Experimente usar sozinho a mesma técnica para executar os outros vãos de janelas e de portas.40). será preciso apenas fechar o vão acima da mesma. Lembre-se das dicas sobre escalas e das padronizações nas dimensões dos vãos conforme falamos acima. Não se esqueça das portas internas da casa! No final seu projeto deve estar como as figuras abaixo: 30/08/05 15:33 10 . Desta maneira. crie uma nova face entre eles e extruda a região ao longo do eixo Z e utilize uma dimensão negativa (-1.

30/08/05 15:33 11 .

30/08/05 15:33 12 .

30/08/05 15:33 13 .