P. 1
Possuindo as Portas.Cindy Jacobs-.. .docx

Possuindo as Portas.Cindy Jacobs-.. .docx

5.0

|Views: 6.789|Likes:
Publicado porvamonza

More info:

Published by: vamonza on Jan 27, 2013
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOCX, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

11/14/2015

pdf

text

original

Livros Que Edificam

Dedicado ao meu amado marido, Mike à minha filha, Mary e ao meu filho, Daniel .

Agradecimentos

Só foi possível escrever este livro com a ajuda, o amor e as orações de muitos amigos.
Primeiramente quero agradecer ao Senhor por ajudar-me a escrever um livro. Por vezes
cheguei a pensar que a façanha de escrever um livro seria impossível.

O Senhor, contudo, tomou alguns de seus vasos que ensinaram-me a escrever este
livro Possuindo as Portas do Inimigo. Peter Wagner foi o mentor deste projeto. Este livro,
portanto, não chegaria ao prelo sem seu conselho e aquela pitada de sabedoria. Doris
Wagner, sua esposa e minha amiga pessoal esteve sempre ao meu lado oferecendo-me ajuda
prática, especialmente quando estivemos juntas no campo de batalha.

É claro que meu marido, Mike, sempre me encorajou. Às vezes cheguei a pensar em
desistir, mas aí estava ele ao meu lado, orando e conversando comigo, contribuindo com sua
pujante sabedoria. Freqüentemente ríamos dos escritores que agradecem a toda a família e
se desculpam pelas refeições que não puderam comer juntos. Agora faço o mesmo, não é
Mike?

Meus filhos Mary e Daniel merecem ser citados pelo amor e compreensão enquanto
escrevia este livro. São eles alguns dos meus melhores companheiros de oração e sempre me
deram aquela força!

Minha mãe, Eleanor Lindsey, datilografou fielmente os manuscritos gastando horas
lendo e editando. Obrigada mamãe! Você superou o seu chamamento. Obrigado também a
Thomas Lindsey por revisar os originais.

Becky Wagner merece um agradecimento todo especial por colocar o manuscrito no
computador. Como secretária administrativa mostrou o seu caráter cristão, pela presteza e
gentileza!

Não sei como expressar meu agradecimento aos companheiros de oração dos
Generais . da Intercessão os quais jejuaram, oraram e me amaram à medida em que eu
derramava meu coração diante deles, pedindo-lhes em carta que orassem por este livro.
Obrigada, também, aos grupos de oração da minha igreja que se dedicaram em orar,
semanalmente, para que eu entregasse este livro aos editores dentro do prazo por eles
estabelecido.

Jane Campbell a editora de Chosen Books, sempre esteve atenta, ouvindo-me
naqueles momentos em que ficava frustrada, já que, escrever um livro sem ser escritora, foi
um duro aprendizado. Ela, pacientemente, respondeu cada uma das minhas interrogações.

Um obrigada também à Ann McMath pela capacidade editorial que tem. Foi uma

alegria trabalhar com você!

Quero agradecer e reconhecer o trabalho de Jane Rumph pelo excelente trabalho em
preparar o guia de estudo para esta edição do livro. Jane, você é tremenda!

Quero, também, agradecer aos membros da Trinity Church de Weatherford e ao meu
pastor Don Connel por ajudarem em oração, pelas refeições que prepararam e pelo apoio
dado. Graças a vocês, Ann e Margarita por virem à minha casa fazer a faxina! É gostoso
freqüentar uma igreja onde todos os domingos os irmãos perguntavam: Cindy, como vai o
livro? Estamos orando por você!

Dou graças a Deus por ter um grupo tão especial de crentes ao meu lado!

Índice

Prefácio ............................................................................

Introdução .......................................................................

1 - Chamados à Intercessão.............................................

2 - Generais da Intercessão .............................................

3 - Coração Puro!.............................................................

4 - Estimuladores da Vontade de Deus!..........................

5 - O Ministério da Intercessão........................................

6 - O Dom da Intercessão ................................................

7 - Líderes de Oração.......................................................

8 - A Linguagem da Intercessão.......................................

9 - As Manifestações da Intercessão................................

10 - O Desequilíbrio na Intercessão.................................

11 - Intercessão Profética ................................................

12 - Parceiros de Oração ..................................................

13 - Louvor Intercessório..................................................

14 - Intercessão Unida.....................................................

15 - Vigílias e Caminhadas de Oração ..............................

16 - Possuindo as Portas do Inimigo ................................

Guia de Estudos ...............................................................

Prefácio

Durante os últimos anos venho desenvolvendo uma pesquisa sobre a oração, arma-
zenando cuidadosamente uma bibliografia de livros que tratam de forma significativa sobre o
tema. No entanto, nenhum dos 39 livros que tratam do assunto em minha biblioteca têm um
conteúdo tão completo como este. Não conheço nenhum outro livro como Possuindo as
Portas do Inimigo.

Possivelmente, ninguém conseguiu escrever um livro como este anteriormente, e
temos que admitir que muitos crentes e um bom segmento do Corpo de Cristo não estavam
preparados para tal tarefa. Afinal, isto não é um leite da Palavra de Deus, é um churrasco
gordo da Palavra e é necessário muito crescimento e maturidade espiritual para digerir sem
se ter uma congestão! Deus, contudo, tem feito coisas excepcionais nos vários segmentos e
tradições eclesiásticas nesses dias, e isto está produzindo um crescimento maduro na área da
oração.

Na realidade, encontramo-nos no meio do maior avivamento de oração de que se tem
memória, pelo menos nos últimos séculos de nossa história. Este movimento começou, até
onde sei, na década de 70. Desde então, surgiram os movimentos de oração, os ministérios
de intercessão, líderes de oração, intercessores por cidades, conferências sobre oração e
igrejas com vigílias permanentes de oração. Surgiram também livros sobre o tema que estão
se multiplicando em progressão geométrica. Há um movimento crescente e intenso de
oração, que transcende as várias linhas denominacionais deixando alguns líderes da igreja
pasmados!

Percebo, agora, que os crentes, em sua maioria, estão prontos para ler o que Cindy
Jacobs ensina sobre intercessão.

Cindy Jacobs foi uma das cinqüenta pessoas intercessoras, escolhida dentre gente de
primeira do mundo todo, a participar.da oração 24 horas durante o 2° Congresso de Evange-
lização Mundial realizado em Manila no ano de 1989. O sucesso daquele Congresso, creio eu,

foi devido à intercessão poderosa que acontecia durante 24 horas na suite de um hotel. Foi
significativo, ver pentecostais e carismáticos de todos os níveis no congresso mais evangélico
nunca antes realizado. Metade da equipe de intercessores era evangélica tradicional e a
outra metade de tradição carismática. Era previsível que os membros de cada grupo
estivessem apreensivos em como iriam se relacionar. Para alegria de todos, no entanto,
quando chegaram diante do trono de Deus, as diferenças entre eles desapareceram. Todos
sabiam como falar com Deus, sabiam ouvir de Deus, aprenderam a encorajar e fortalecer uns
aos outros e alegravam-se ao ver Deus responder as orações.

Cindy fazia parte do grupo de tradição carismática, entretanto, desde o Congresso em
Manila, uma boa parte do seu ministério é feita entre os evangélicos:1

Foi ela quem liderou o
grupo intercessório na convenção missionária realizada pela InterVarsity Christian Fellowship
Urbana em 1990. Faz parte também da equipe de Evangelismo de Colheita de Edgardo
Silvoso que ministra na Argentina e é muito estimada por minha esposa Doris e pelo grupo
de 18 pessoas que intercedem por mim continuamente. Conhecendo-a de forma tão pessoal,
tenho certeza que este livro, Possuindo as Portas do Inimigo é uma mensagem ungida para
todo o corpo de Cristo.

Há sete fatores que, juntos, colocam este livro num nível acima dos demais:

Em primeiro lugar, este livro é bem pessoal. Cindy Jacobs é uma mulher
brilhante,esposa, mãe, mestra, aluna e intercessora. Doris e eu nos sentimos honrados pois
podemos contar com ela como uma amiga mui pessoal. Ao ler este livro você notará que
Cindy é uma pessoa modesta, que nos leva a rir e a chorar à medida que compartilha
conosco vitórias e derrotas, tudo dentro de um contexto de transparência e integridade.

Em segundo lugar, é um livro bíblico. Ainda que não seja um livro tipo sermão longo,
ou um estudo bíblico, Cindy dá uma base bíblica à tudo que ensina neste livro. Ela procura
comprovar tudo o que diz e pratica à luz das Escrituras.

Em terceiro lugar, é um livro informativo. A autora percorre os caminhos da América e
de outros países do mundo, levando-nos através dos vários segmentos denominacionais e,
conseqüentemente, colocando-nos em contato com muitos ministérios de oração. Ela está à
par do que acontece em todo o mundo, o que pode ser conferido ao ler nomes e lugares que
ela menciona neste livro.

Em quarto lugar, é um livro cheio de compaixão. Os assuntos aqui tratados estão
situados naquele ponto extremo, onde muitas pessoas não sabem como encaixá-Ios em seu
ponto de vista tradicional na hora de analisar um problema. Cindy reconhece este problema
e, de forma gentil, sem qualquer dogmatismo aborda os assuntos passo a passo.

Em quinto lugar, é um livro analítico. Não quero desacreditar, mas muitos
intercessores crêem que são os detentores da verdade, especialmente quando não
conseguem analisar ou explicar o que estão fazendo. Cindy é uma daquelas pessoas que
sabem equilibrar intuição com entendimento, e o faz de tal maneira que esclarece aos outros
o que Deus está realizando com ela e através dela.

Em sexto lugar, é um livro prático. É um manual que diz a você não apenas o que
precisa ser feito, mas os passos que devem ser dados para que seja feito.

Por último, é um livro motivador: Talvez você pense que, de todas as atividades cristãs,
a oração é a mais enfadonha de todas. Ao ler este livro, você verá uma dimensão de oração
que o motivará a agir. Você, ao terminar este livro, estará orando mais do que nunca!

Foi isto o que me aconteceu. Através da Cindy Jacobs, minha esposa e eu aprendemos
a deixar Deus fazer coisas novas através de nós, que antes achávamos impossíveis. Possuindo
as Portas do Inimigo é um livro que, não somente, recomendo aos meus amigos, é, também,
tema de estudo a todos os meus alunos no Fuller Seminary.

C.Peter Wagner
Seminário Teológico de Fuller
Pasadena, Califórnia

índice

Introdução

Para algumas pessoas, Possuindo os Portas do Inimigo, pode não ser um bom título
para um livro que trata da intercessão. O título é inspirado no texto de Gênesis 22.17-18, que
diz: "deveras te abençoarei e grandemente multiplicarei a tua descendência, como as estrelas
do céu e como a areia que está na praia do mar. A tua descendência tomará posse das
cidades
dos seus inimigos, e em tua descendência serão benditas todas as nações da terra, porque
obedeceste à minha voz" (ECA).

Esta poderosa promessa foi dada a Abraão e à sua descendência. A Igreja é a semente
espiritual de Abraão e, portanto, a promessa de possuir os portões da cidade do inimigo
também diz- nos respeito hoje. As portas do inferno não prevalecerão contra uma igreja que
ora.

A igreja está se levantando como uma força militante na oração que a levará a possuir
a terra prometida de nossas nações. Possuindo as Portas do Inimigo, é um manual de treina-
mento para o exército de Deus. Em todo o mundo, Deus está derramando um espírito de
súplicas, por isso, este manual é muito importante. Grupos de intercessores estão surgindo
por toda parte em todas as nações do mundo. Meu marido e eu fundamos o ministério
Generais da Intercessão, uma espécie de rede central que busca novas estratégias no terreno
da intercessão. Recebemos relatórios de grupos que vão aos centros financeiros do mundo
para interceder. Alguns grupos oram, freqüentemente, junto às sedes de governo de seus
estados e países enquanto outros chegam a ir até o Pólo Norte puxados por trenós com o fim

de inter-ceder pelos esquimós. Muitos grupos se reúnem na Wall Street para orar pela
economia americana.

Este movimento de intercessão é poderoso e empolgante! Como qualquer movimento
novo que vem de Deus precisamos de muito ensino. Estudando os últimos avivamentos de
oração vejo a necessidade urgente de proteger este tempo de visitação de erros e enganos.

Visitei muitas livrarias, em muitos lugares, à busca de material e informações práticas
para escrever este livro. Muitos livros tinham capítulos sobre a oração, mas pouco ou quase
nada sobre intercessão. Os livros que encontrei sobre intercessão careciam de um guia
prático ao leitor.

A princípio pensava em escrever um livro alertando sobre práticas erradas ou sobre
profetismos desenfreados que estavam surgindo nos grupos de intercessão. Sentada ao lado
de Peter Wagner em seu escritório em Altadena, Califórnia, fui desafiada por ele a ampliar o
escopo deste livro e tratar da intercessão como um todo. Foi a partir desta troca de idéias
que veio a decisão de escrever Possuindo as Portas do Inimigo na forma atual.

Quem se beneficiará da leitura deste livro? Possuindo os Portais do Inimigo foi escrito
de forma a abranger desde o principiante em intercessão até líderes experientes no assunto.
Tenho por certo que os pastores e líderes se beneficiarão estudando as seções práticas,
escritas especialmente para eles.

Nos meus primeiros tempos de intercessora, ficava às vezes, frustrada por não encon-
trar alguém com quem pudesse conversar a respeito. Nem sempre tinha certeza se minha
intercessão estava atingindo o alvo ou se o tiro estava saindo pela culatra. Assim, os
primeiros capítulos deste livro foram escritos para pessoas que se sentem frustradas.
Procuro abrir, nos primeiros capítulos, meu coração aos leitores que estão interessados no
chamado à intercessão. Procurei recordar as muitas perguntas que me vinham à mente
quando alguns intercessores de guerra experimentados, tiravam tempo para ouvir-me. Como
não posso falar com cada um de vocês pessoalmente, escrevo a vocês como se estivéssemos
conversando ao redor de uma mesa, respondendo a vocês as muitas perguntas a respeito da
oração intercessória.

Sendo que este livro é fruto de minha experiência no assunto, você perceberá uma
certa transição de capítulo para capítulo à medida que fui crescendo em Deus e o assunto
amadureceu. Verdade seja dita: foi um caminho longo (e aqui vai uma declaração
incompleta) tentar analisar o processo que o Senhor usou para levar-me de intercessora à
posição de líder de grupo de oração. Peter Wagner costuma dizer que não faz parte da
natureza do intercessor analisar o que Deus está fazendo em suas vidas; eles não têm tempo
para isto já que estão ocupados, intercedendo. Dia após dia sentei-me junto à máquina de
escrever, orando: Senhor, mostra-me os teus caminhos na vida de um intercessor. Mostra-
me que tipos de laços o inimigo usa conta os intercessores! O que devo compartilhar com
eles para que não sofram o que sofri?

Conversei com muitos intercessores pedindo a eles que explicassem, no entender
deles, expressões comumente usadas, como: amarrar, soltar, dores de parto e gemidos e o

resultado está no capítulo que trato da linguagem e das manifestações da intercessão. Como
resposta, muitos chamaram-me por telefone compartilhando os erros grosseiros cometidos
por certos grupos de intercessão.

No capítulo onde trato da intercessão corporativa, você encontrará muitas percepções
práticas colhidas de alguns generais que Deus levantou no comando da intercessão. Muitos
grupos de intercessão são fracos e ineficazes por carecerem de uma forte liderança, por isso
incluí, também, algumas orientações para pastores e líderes.Muitas dessas pessoas são
fortes na intercessão e estão à frente na liderança deste movimento de oração. Tenho um
carinho todo especial pelos pastores de outros países e, espero, portanto, que esta seção
contribua economizando a eles sofrimento na hora de tratar com os líderes de oração sob
sua responsabilidade. Devo acrescentar que muitos líderes de grupos de oração encontrarão
guias práticos para seus grupos que, certamente, trarão paz e ordem às reuniões.

Há um grande interesse em aprender sobre intercessão profética. No capítulo que
trato deste tema, ensino sobre oração profética e ofereço algum material àquelas pessoas
que intercessóriamente profetizam.

Um outro tema atinente entre os grupos de oração é o louvor intercessório. Muitos já
sabem da grande necessidade de guerrear nas regiões celestiais com louvor e adoração.
Procurei incluir exemplos recentes bem como apresento o que dizem os grandes hinos da
história da Igreja.

O capítulo que escrevi sobre como tomar posse das portas do inimigo, onde trato de
batalha espiritual de alto nível, por certo, foi o mais difícil. Ao escrevê-Io tive que deixar de
lado muito material que costumo usar ao ensinar sobre o tema. Esta é uma área pioneira que
está trazendo grandes resultados quando se trata da evangelização mundial.

Se Deus está falando a você e à igreja que você pertence e que é tempo de
intercessão, este livro lhe cairá bem. Deus o abençoe.

Cindy Jacobs
Weatherford, Texas

índice

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->