P. 1
produto vetorial

produto vetorial

|Views: 55|Likes:
Publicado porCarlos Silva

More info:

Published by: Carlos Silva on Mar 03, 2013
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOCX, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

10/06/2013

pdf

text

original

1

 

O produto vetorial u e v pode ser indicado por u x v ou u ^ v e lê-se “ u vetorial v ”. Para simplificar o cálculo do produto vetorial, usaremos:

 

 

⃗ ⃗ | |

 ⃗ ⃗ , isto é, os vetores ⃗ ⃗ são opostos, pois a troca de ordem dos vetores no produto vetorial, ou seja, troca de sinal de todas as componentes. Portanto, no produto vetorial a ordem dos fatores é importante.

Características do Vetor ⃗ ⃗

Considerando os vetores ⃗

e

Direção ⃗ ⃗ é perpendicular (ortogonal) aos vetores ⃗ e e⃗

simultaneamente.

 Sentido ⃗ ⃗ : ⃗ direita).

, nesta ordem, formam um triedro positivo(segue a regra da mão

 Nulidade do produto vetorial ⃗ se: ⃗ o o Um dos vetores for nulo; Os dois vetores forem paralelos entre si, ou seja, ⃗ .

 Vetor Unitário

Assim. o produto vetorial de dois vetores sucessivos quaisquer é o vetor seguinte. Importante saber que: ⃗ ⃗ . nesta ordem formam um triedro positivo. e adotando o sentido anti-horário.2 ⃗ ⃗ ⃗ ⃗⃗⃗  Caso particular ⃗ . A tabela abaixo apresenta as seis possibilidades com o produto vetorial não-nulo: x i i 0 j k k j i 0 j k 0 k j i  Módulo de ⃗ ⃗ ⃗ ⃗ ⃗ ⃗ (com ). neste dispositivo temos imediatamente ⃗ (sentido anti-horário) e ⃗ (sentido horário). Associando estes vetores a três pontos distintos de uma circunferência. Apresentamos um dispositivo Os vetores mnemônico pra lembrar os seis produtos vetoriais possíveis com estes três vetores unitários que determinam o sistema cartesiano. .

Sabemos através da geometria analítica que a área deste paralelogramo é o produto da base pela altura. assim teremos: ⃗ ⃗ . ou seja. ou seja.3 INTERPRETAÇÃO GEOMÉTRICA DO MÓDULO DO PRODUTO VETORIAL Cálculo de áreas Paralelogramo Observe o paralelogramo: Este paralelogramo está determinado pelos vetores não nulo ⃗ e . ⃗ ⃗⃗⃗ ⃗ ⃗ ⃗⃗⃗ Para calcular a altura relativa à base ⃗ . ou seja. teremos: . ⃗⃗⃗ ⃗⃗⃗ Para calcular a altura relativa à base ⃗ . a medida da base é ⃗ e a altura é . ou seja. teremos: ⃗ ⃗ ⃗⃗⃗ Cálculo de áreas Triângulo Observe o triângulo ao lado: A área de um triângulo determinados pelos vetores ⃗ e ⃗⃗ numericamente igual ao módulo do produto vetorial desses vetores dividido por dois. A = b x h. ⃗ ⃗ é .

tal que calcular ⃗ x ⃗ . Para quaisquer vetores ⃗ ⃗⃗ e o escalar α são válidas as propriedades: ⃗ ⃗⃗ ⃗ ⃗ ⃗⃗ e ⃗ ⃗⃗ ⃗ ⃗⃗ ⃗⃗ ⃗ ⃗ ⃗ ⃗ ⃗⃗ ⃗ ⃗⃗ Exemplos 1. seja ortogonal ao eixo y e ⃗ . ⃗ ⃗ e) (a ⃗ ⃗ c ⃗ c ⃗ c ⃗ ). isto é. -2). B(3. Dados os vetores ⃗ a) a b) ⃗ a c) ⃗ ⃗ d) a. determinar a área do triângulo ABC e a altura relativa a base AB. pede-se: 3. Dados os vetores ⃗ pelos vetores ⃗ e a altura relativa a base ⃗ . 1).a) . ⃗ ⃗ . Exercícios 1. Dados os pontos A(2. em geral ⃗ ⃗⃗ ⃗ ⃗⃗ . calcular a área do paralelogramo determinado 4. sendo ⃗ 3. Dados os vetores ⃗ a) c ⃗ ⃗ ⃗ b) ⃗ (c . Dado os vetores ⃗ 2. 0) e C(4. 1. segue as conclusões finais:      O produto vetorial não é associativo. encontre: ⃗. -1. determinar: ⃗. Determinar o vetor .c ⃗ ⃗ ⃗ c) (a ⃗) ⃗ -c ⃗ . ⃗ ⃗ e ⃗ . 2.4 Para finalizar o estudo do produto vetorial. Conhecendo os vetores ⃗ a) a ⃗ b) ⃗ ⃗ a c) ⃗ ⃗ a ⃗ d) ⃗ a 2.

-1. Efetuar: ⃗ a) b) i c) d) ( i) e) ( i) f) (i g) i 6. 9. No triângulo de vértices A(0. determinar: 5. 0. B(3. 10) . 12. Calcular a área do triângulo construído sobre ⃗ 11. -3). Dados os vetores ⃗ ⃗ a) a a ⃗ b) ( ⃗ ) ⃗ c c a ⃗⃗ ⃗ c) a ⃗⃗⃗ ⃗ ⃗ d) (a -⃗⃗⃗ ) c ⃗ e) (a ⃗⃗⃗ ) ⃗⃗⃗ c f) g) ⃗ h) (a ⃗ i) (a ⃗ j) a. Dados os vetores ⃗ por ⃗ . b e c. ⃗ ) i ⃗ e . Sendo ⃗ e construído sobre ⃗ e . 8) e C(-3. 1) e C(2. 0. tal que e ⃗ . calcular: a) A medida dos lados a. -1). 8.c ⃗ ⃗ c ⃗ ⃗ c ⃗. 1. . Dados os pontos A(2. Determinar o vetor .⃗ ⃗ ). ⃗ ⃗ e ⃗ . sabendo que ⃗⃗⃗⃗⃗⃗ e ⃗⃗⃗⃗⃗⃗ . Calcular o valor de m para que a área do paralelogramo determinado por ⃗ seja igual a √ . -2. 2). B(3. determinar o ponto D tal que ⃗⃗⃗⃗⃗⃗ 7. calcular a área do triângulo ⃗ e ⃗⃗ ⃗ 10. b) A medida dos ângulos ̂ ̂ e ̂ . calcular a área do paralelogramo determinado e o ângulo entre ⃗ e é igual a 150°.5 4. -5. ⃗ ⃗ ⃗ ).

a) 7. Respostas 1. c) A = √ 10. -5) b) (-7. 2) c) (-10. 1) e C(0. 0. 4) c) (-3.2) √ d) -5 e) -5 3. 0. m = 0 ou m = 2 14. Achar o vetor ⃗ . 1. 4. Calcular a altura relativa ao vértice B do triângulo de vértices A(2. 3) 15. 13) ⃗ b) ⃗ c) d) e) ⃗ f) g) ⃗ 6. D(-4. ⃗ = 4 √ b) b) 45°. sendo ⃗ . a)(7. 7) 4. -5) e) (-1.a. 0) . 13) g) (8. -6) b) (0. √ 9. 12. 1) 8. A = 3 u. 3. 3. 1. sabendo que as componentes do vetor 16. conhecendo |⃗ ⃗ | 17. √ u. -2. Calcular a área do triângulo eqüilátero ABC de lado igual a 10 e o ângulo no vértice A é igual a 60°. sendo dados: a) A(-4. 1). -2) b) (0.. Achar o vetor ⃗ tal que ⃗ ⃗ ⃗ e do vetor . 90º. 5) c) √ d) √ 2. 1).-2. B(0. -1. 0. 2. 2). 4. Determinar um vetor concomitantemente perpendicular ao vetor ⃗ e⃗ . ⃗. -1. |⃗ | e o ângulo entre ⃗ ⃗ é igual a 45º. a) 16. a) 7.a. 0. -1) f)(8. -6. -2. 2. 15. . 11. a) 0 b) ⃗ c) ⃗ h) 0 i) 5 j) 5 5. Dados os vetores ⃗ e⃗ √ . -23. h= √ 13. 19. 4) e C(6. Calcular a área do triângulo ABC e a altura relativa ao lado BC. determinar um vetor ortogonal a ⃗ ⃗ e ⃗ 18. ⃗ 18. √ . (2. √ 11.6 c) A área do triângulo. a) (-3. 2. (-3. 14. 45° e 19.c. 0). -10) d) (-5. -3. B(1. a) (5. 13. -6) u. ⃗ . 7 e 17. B(1. 3.1. 1) e C(1. e ⃗ ⃗ b) A(4.

o produto misto (ou a multiplicação mista) destes três vetores é o número real é representado por ⃗ ⃗⃗⃗⃗ . basta resolvermos o determinante formado pelas coordenadas dos três vetores em questão. isto é. Se ⃗ ⃗⃗ forem coplanares . em sua maioria.  O produto misto ( ⃗ ⃗⃗ ) muda de sinal ao trocarmos a posição de dois vetores. então ( ⃗ ⃗⃗ ) = -27.) e (x) podem ser permutados. estão no mesmo plano. das propriedades dos determinantes. Se hipoteticamente tivermos ( ⃗ ⃗⃗ ) = 27.7 PRODUTO MISTO Definição: Dados os vetores ⃗ . haverá mudança de sinal do produto misto. se num produto misto (⃗ ⃗⃗ ) ocorrer: o Uma permutação de vetores. Então. o Duas permutações de vetores. ⃗  ⃗ ⃗ ⃗      ⃗ ⃗⃗ ⃗⃗ ⃗⃗ ⃗ ⃗ ⃗ ⃗⃗ ⃗⃗ ⃗⃗ ⃗ ⃗ ⃗⃗ ⃗⃗ ⃗ ⃗⃗⃗ ⃗ ⃗ ⃗⃗⃗ . e ⃗⃗ . ⃗ ⃗ ⃗⃗⃗ | | PROPRIEDADES DO PRODUTO MISTO As propriedades do produto misto decorrem. Tendo em vista que: ⃗ ⃗⃗ | | | | | | | |⃗ (definição do produto vetorial) Então: ⃗ ⃗⃗ | | | | | | (aplicação do produto escalar) Logo. ⃗⃗ ⃗ ⃗⃗ ⃗ ⃗⃗ ⃗ ⃗⃗ (⃗ ⃗⃗ ) = 0 se: Pelo menos um dos vetores for nulo. ou seja. O produto misto de ⃗ ⃗⃗ também é indicado por ( ⃗ ⃗⃗ ) e para calculá-los. não haverá alteração no valor do produto misto. Resulta desta propriedade que os sinais (. Se dois deles forem paralelos. . quando tomados nessa ordem.

1) e D(6. 2. 1). B(0. sabendo que ⃗ . verifique se são coplanares: A(1. 10) . C(2. ) e ⃗⃗ c) ( ⃗ ⃗⃗ ) . em módulo. podemos calcular o volume do tetraedro gerado por três vetores não-coplanares. 0. 5) A(1. 3) . a) 4. Exercícios 1. a) b) b) ( ⃗⃗ ⃗ . 2. ao volume do paralelepípedo de arestas determinadas pelos vetores não-coplanares ⃗ ⃗ ⃗⃗⃗ . 1) . C(3. Calcular o volume deste tetraedro. Calcular o produto misto dos vetores ⃗ ⃗⃗ . Verifique se são coplanares os vetores: ⃗ . 3. a) b) 5. calcule: e ⃗⃗ . calcular: Calcule o produto misto ( ⃗ Dados os vetores ⃗ ⃗ ⃗⃗ b) ( ⃗⃗ ⃗ ⃗⃗ ). teremos: ⃗ ⃗ ⃗⃗⃗ ⃗ ⃗ 1. ⃗ ⃗ ⃗⃗⃗ Para calcular a altura relativa à base ⃗ Exemplo ⃗ . 7. -1). B(5. 3. B(1. 2. Ou seja. 1) e D(5. e ⃗⃗ ⃗ . Sejam A(1. 3. o volume do paralelepípedo é igual: ⃗ ⃗ ⃗⃗⃗ Volume do Tetraedro Decorrente do exposto até então. 1) . -3) vértice de um tetraedro. e ⃗⃗ Dados os pontos abaixo. 2. ) e ⃗⃗ . -1) e D(-1. -1. 0. 0.8 INTERPRETAÇÃO GEOMÉTRICA DO PRODUTO MISTO Volume do Paralelepípedo Geometricamente. . Calcule o volume do paralelepípedo determinado pelos vetores ⃗ ⃗⃗ . o produto misto ⃗ ⃗⃗⃗⃗ é igual a. Dados os vetores ⃗ a) ( ⃗ ⃗⃗ ) 2. 1. 1. C(2. 1. 0) .

10. 0) ou D(0. 2.v.v. 6. e ⃗⃗ sejam . 14.c. Calcular a altura deste paralelepípedo relativa à base definida por e ⃗ . 3. 0) 15. 0. 4). Calcule a distância do ponto D(2.9 6.e ⃗⃗⃗⃗⃗ . -2). Um paralelepípedo é determinado pelos vetores ⃗ . 16. Calcular o seu volume e a altura relativa à base definida pelos vetores ⃗ e . Qual o volume do cubo determinado pelos vetores ⃗. m =4 ou m = 13.v. determinam um 13.c. 1. V = 36 u. 0. 2. 0. 9 u.-1) e D(3. m = 0 ou m = -2 e h= 7. 11. C(0. Qual é a altura relativa ao vértice P? 17. Determinar o quarto vértice D. Calcular o volume do tetraedro de base ABC e vértice P. 1). Calcular o valor de m para que o volume do paralelepípedo determinado pelos vetores ⃗ .v. a) 12 √ b) 12 c) -12 4. 0) . 9. sendo A(2. -1). 6). e . 0). 15) 16. 5. 0) e C(0. V = 12 u. m = ou m = 9.v. 1. B(2. 4 -1). 0. -2. 1 √ 12. D(0. 4. u. 3). 15. 14. Três vértices de um tetraedro de volume 6 são A(-2. e ⃗⃗ . 0. B(-4.v. V = 1u. -10) ou D(0. 0) e P(2. a) Não b) Sim 5. Dados os pontos A(2. B(-1. Respostas 1. 0. Qual é o valor de m para que os vetores ⃗ coplanares? 7. C(0. sabendo que ele pertence ao eixo Oy. 9). 8. ⃗ ⃗ e ⃗ seja igual a 33. 0. B(-3. 0) e C(0. Dados A(4. -2. Sabendo que os vetores ⃗⃗⃗⃗⃗ . 12 u. -3. 12. determinar o ponto D do eixo Oz para que o volume do paralelepípedo determinado por ⃗⃗⃗⃗⃗ ⃗⃗⃗⃗⃗ ⃗⃗⃗⃗⃗ seja 25 u. 8. ⃗⃗⃗⃗⃗ tetraedro de volume 3. 2) ao plano determinado pelos pontos A(3. 4. 2. D(0. A(6. 0). 0. 11. Determinar x para que o ponto A pertença ao plano BCD. 10. -4. e ⃗⃗ Determine o volume do tetraedro de vértices O(0.a) -29 a) Sim b) Não h= √ b) -29 2. 4). 0). 3). 17. B(0. Calcular o valor de m. x). V = 17 u. B(0. C(1. 9. Calcule o volume do paralelepípedo definido pelos vetores ⃗ . 1) e C(3. a) -1 3. 0. 5. 6. 0) .

Dependência Linear Definição: Consideremos n vetores ⃗⃗⃗⃗ ⃗⃗⃗⃗ Dizemos que o conjunto {⃗⃗⃗⃗ ⃗⃗⃗⃗ vetores é combinação linear dos outros.. sendo ⃗   ⃗ ⃗ . sendo ⃗   ⃗ ⃗ linearmente dependente quando linearmente independente quando . como combinação linear dos vetores ⃗ e é uma combinação linear dos vetores ⃗⃗⃗⃗ ⃗⃗⃗⃗ Exemplo: Escrever o vetor . ⃗⃗⃗⃗ .an..10 COMINAÇÃO LINEAR Sejam os vetores ⃗⃗⃗⃗ ⃗⃗⃗⃗ ∈ V da forma: ⃗⃗⃗⃗ do espaço vetorial V e os escalares a1. do ℜ2 ou ℜ3. . temos: No ℜ3. admite apenas a solução trivial. Qualquer vetor ⃗ 𝒗 ⃗⃗⃗⃗ 𝒂𝟏 𝒗𝟏 ⃗⃗⃗⃗ 𝒂𝟐 𝒗𝟐 ⋯ ⃗⃗⃗⃗ 𝒂𝒏 𝒗𝒏 ⃗⃗⃗⃗ . Dependência Linear de dois vetores Decorre da definição que dois vetores ⃗ . ⃗⃗⃗⃗ } é Linearmente Dependente (LD) quando um dos seus Dizemos que o conjunto { ⃗⃗⃗⃗ ⃗⃗⃗⃗ ⃗⃗⃗⃗ }é Linearmente Independente (LI) quando não é linearmente dependente.. No ℜ2. são linearmente dependente quando um é múltiplo do outro. de um certo espaço vetorial (ℜ2 ou ℜ3). a2. isto é. temos: linearmente dependente quando linearmente independente quando . quando são paralelos.

são linearmente dependente quando são coplanares. Sim. do ℜ3. b) LI c) LD 4. Escrever o vetor ⃗⃗ 2. 5. Verificar se o vetor 6. verificar se os vetores são LD ou LI: a) ⃗ b) ⃗ c) ⃗ ⃗ ⃗ ⃗ ⃗⃗ ⃗⃗ ⃗ sejam LD. m = -8 8. ⃗ são linearmente dependentes (LD) ou linearmente independentes (LI) 7. Para qual valor m o vetor ⃗ ⃗ e ⃗⃗ 5. ⃗⃗ c) LI ⃗ d) LD 7. é uma combinação linear dos vetores ⃗⃗ . ⃗⃗ . a) LD b) LI 2. Verificar se os vetores nos casos abaixo: a) b) c) d) ⃗ ⃗ ⃗ ⃗ ⃗? é combinação linear de ⃗ . Calcular o valor de k para que o vetor ⃗⃗ . teremos: ⃗⃗ ⃗⃗ ⃗⃗ linearmente dependente quando ( ⃗ ⃗⃗ linearmente independente quando ( ⃗ Exercícios 1.11 Dependência Linear de três vetores no ℜ3 Três vetores ⃗ sendo ⃗   ⃗ ⃗ ⃗⃗ . sabendo que seja combinação linear de ⃗ como combinação linear de ⃗ como combinação linear de ⃗ . ⃗⃗ ⃗ ⃗ 6. ⃗⃗ 8. Assim. . 3. Determinar o valor de m para que os vetores Respostas: 1. Nos casos abaixo. a) LD 3. 4. Escrever o vetor ⃗⃗ .

Um Curso de Geometria Analítica e Álgebra Linear.12 REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS Santos. São Paulo: Pearson Makron Books. . Belo Horizonte: Imprensa Universitária da UFMG. Curitiba: Biblioteca Central UFPR. Vetores e Geometria Analítica. Paulo. 2009. VENTURI. Jacir J. Reginaldo J. 2000. 1949. Álgebra Vetorial e Geometria Analítica. WINTERLE.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->