P. 1
3.Ciclo Menstrual, Desenvolvimento Fetal e Anexos Gestacionais.

3.Ciclo Menstrual, Desenvolvimento Fetal e Anexos Gestacionais.

|Views: 150|Likes:
Publicado porLuiz Teixeira

More info:

Published by: Luiz Teixeira on Mar 05, 2013
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

01/16/2014

pdf

text

original

PROPEDÊUTICA E PROCESSO DE CUIDAR DA SAÚDE DA MULHER

CICLO MENSTRUAL, DESENVOLVIMENTO FETAL E ANEXOS GESTACIONAIS.
Prof. Esp. Breno Tavares

Belém-PA 2013

CICLO MENSTRUAL
•O ciclo menstrual obedece às interações de hormônios produzidos na hipófise (FSH e LH) com hormônios ovarianos (estrógeno e progesterona). Os primeiros ciclos menstruais iniciam-se por volta dos 11-15 anos de idade; a primeira menstruação é chamada de menarca . •Sob ação do hormônio FSH, um folículo ovariano (conjunto de células com um ovócito primário em seu interior) inicia seu desenvolvimento. O ovócito I (que se encontra em prófase I no folículo) dá continuidade à meiose e, em poucos dias, o folículo ovariano encontra-se cheio de um líquido (folículo de Graaf). 

Durante o desenvolvimento folicular, as células foliculares secretam estrógeno, hormônio responsável pela determinação e manutenção das características sexuais secundárias femininas (aumento da vagina e do útero; alargamento dos quadris; desenvolvimento das mamas; desenvolvimento de pêlos nas axilas e púbis). Uma outra importante função do estrógeno é provocar a proliferação das células do endométrio (camada mais interna do útero). O estrógeno ainda vai estimular a liberação do hormônio LH pela hipófise. Em menos de 24 horas aumenta-se acentuadamente a concentração de LH, que provoca a ruptura do folículo maduro (ovulação). O óvulo, capturado pelas fímbrias da tuba uterina, permanece viável por aproximadamente 30 horas (período fértil da mulher).

de três a sete dias). promovendo a sua vascularização. normalmente. o corpo lúteo regride (transforma-se em corpo albicans). o qual passa a produzir doses crescentes do hormônio progesterona. sem esses hormônios. o endométrio não se mantém e sua camada mais superficial se descama: é a menstruação (que se caracteriza por um sangramento cuja duração varia. Como conseqüência. A progesterona. cerca de 6 dias após a fecundação.  o endométrio encontra-se apto a receber o embrião.  . cuja ação acentua o espessamento do endométrio. que é inativo. produzida pelo corpo lúteo. Com a queda do hormônio LH. dessa forma. passa a inibir a produção de FSH e LH pela hipófise. há redução da taxa de progesterona e estrógeno. Após o rompimento do folículo. as células foliculares dão origem ao corpo lúteo (sob ação do LH).

a hipófise passa a secretar mais FSH. e um novo folículo entra em desenvolvimento. recomeçando novo ciclo menstrual. Com a redução da taxa de estrógeno e de progesterona. .

.

medida imediatamente na hora de acordar e antes de sair da cama. aumenta para 36.7° e se mantém elevada até a menstruação.4° a 36.O ciclo menstrual os 28 dias do ciclo estão divididos em fases com base nos eventos que ocorrem no útero e no ovário. Durante a fase lútea a temperatura basal da mulher. .

A figura abaixo mostra a evolução do ciclo menstrual no ovário. .

Fase secretora (lútea.Fase pré-menstrual (isquêmica): período que antecede a próxima menstrual.Fase proliferativa (estrogênica): período de secreção de estrógeno pelo folículo ovariano.FASES DO CICLO MENSTRUAL . . . caracterizando-se pela redução das taxas de estrógeno e progesterona. Nessa fase. . progesterônica): Inicia-se após a ovulação e se caracteriza pela ação da progesterona. .Fase menstrual: corresponde aos dias do ciclo em que está ocorrendo sangramento. o útero está pronto para receber o embrião (é a nidação). onde o endométrio deixa de receber seu suprimento sangüíneo. que se encontra em desenvolvimento.

.

Como conseqüência. o ovário perde a sensibilidade ao FSH e ao LH. Entre os 45 e 55 anos. desconforto e dor nas relações sexuais. é o momento do parto. hormônio que aumenta a frequência das contrações uterinas. vertigens. os ciclos menstruais deixam de ocorrer e a mulher pode apresentar algumas sintomas desagradáveis como ondas de calor. No final da gestação a placenta diminui a produção de progesterona e a hipófise passa a produzir doses maiores de ocitocina. Essa fase de término da atividade reprodutiva recebe o nome de menopausa.   .

GRAVIDEZ • Se a mulher durante o período de ovulação tiver uma relação sexual. • Através do ato sexual há o encontro do espermatozóide e do óvulo ocorrendo então a fecundação. poderá engravidar. .

adentram a vagina indo em direção as tubas uterinas.• No momento da ejaculação. . Movimento de um espermatozóide. milhões de espermatozóides.

o embrião se fixa no endométrio. .Após 6 dias.. tendo início já neste momento.Neste percurso. o zigoto sofre suas primeiras divisões celulares. . . em um processo chamado de nidação e a partir deste momento. agora denominada célula ovo ou zigoto. o desenvolvimento embrionário. vai em direção ao endométrio.A célula fecundada. o embrião se desenvolverá durante 40 semanas até o nascimento.Apenas 1 espermatozóide fecundará o óvulo liberado.

.

Fecundação 1º dia Implantação 2º dia Trompa de falópio Endométrio 3º dia Parede uterina Botão embrionário Massa celular interna Trofoblasto 4º dia Estádio de Blastocisto 5º dia Cavidade do blastocisto Cavidade uterina Camada superficial de células .

Parede uterina Cavidade uterina .Desenvolvimento do Feto • A nidação marca o início da gravidez.

PRIMEIROS SINAIS DA GRAVIDEZ • Ocorre a interrupção da menstruação. • Alterações hormonais: presença do hormônio Gonadotrofina coriônica humana ou hormônio da gravidez (presente na urina e no sangue). • Aumento dos seios e escurecimento dos mamilos. • Sintomas como enjôos e sensação de fadiga. .

. Fecundação .RESUMINDO..

12 horas 1célula .

24 horas 2 células .

45 horas 4 células .

72 horas 16 células .

.

.

.

.

.

Formação dos anexos embrionários Garantem o normal desenvolvimento da criança Placenta Âmnios Córion Cavidade uterina Cordão umbilical Cavidade amniótica Parede uterina .

Na placenta ocorrerá a captura do gás oxigênio e de nutrientes do sangue da mãe retornando para o feto pela veia umbilical.As artérias levam o sangue venoso ( rico em CO2 em excretas) do corpo do feto para a placenta. . que apresentam duas artérias e uma veia. .envolve a criança fazendo a comunicação entre ela e o organismo materno. onde serão eliminados. . sendo responsável pelas trocas entre o sangue da mãe e o sangue do filho.Placenta: tem origem no 2º mês de gestação. . -Formada de tecidos do útero e do embrião. ..O feto está ligado a placenta pelo cordão umbilical.

Funções da Placenta Sangue materno Artéria materna Veia materna Veia fetal Artérias fetais Cordão umbilical .

Formação dos anexos embrionários .

Período embrionário & Período fetal .

Período embrionário 5 semanas 6 semanas 7 semanas 8 semanas .

Período fetal 9 semanas 13 semanas 17 semanas 21 semanas .

Período fetal 25 semanas 30 semanas 36 semanas .

para seu próprio prazer pessoal e para proveito da comunidade à qual seu futuro trabalho pertencer” (Albert Einstein) FIM .Jamais considere seus estudos como uma obrigação. mas como uma oportunidade invejável para aprender a conhecer a influência libertadora da beleza do reino do espírito.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->