Você está na página 1de 1

Tipos e gneros textuais

Encontram-se demarcados nas distintas situaes cotidianas

Ao longo de nossa vivncia enquanto falantes, temos a oportunidade de convivermos com uma enorme diversidade de textos. Basta sairmos s ruas que to logo est confirmada esta ocorrncia. So panfletos, outdoors, cartazes, dentre outros. Ao enfatizarmos sobre os tipos textuais, esta classificao relaciona-se com a natureza lingustica expressa pelos mesmos. Classificando-se em narrativos, descritivos e dissertativos.Conforme demonstra os exemplos: Um texto narrativo caracteriza-se pela sucesso de fatos ligados a um determinado acontecimento, seja ele real ou fictcio, o qual pressupe-se de todos os elementos referentes modalidade em questo, como narrador, personagens, discurso, tempo e espao. O descritivo pauta-se pela descrio minuciosa de uma determinada pessoa, objeto, animal ou lugar, no qual as impresses so retratadas de maneira fiel. O dissertativo conceitua-se pela exposio de ideias, reforadas em argumentos lgicos e convincentes acerca de um determinado assunto. J os gneros textuais esto diretamente ligados s situaes cotidianas de comunicao, fortalecendo os relacionamentos interpessoais por meio da troca de informaes. Tais situaes referem-se finalidade que possui cada texto, sendo estas, inmeras. Como por exemplo: A comunicao feita em meio eletrnico um gnero textual que aproxima pessoas de diferentes lugares, permitindo uma verdadeira interao entre as mesmas. Existem gneros textuais do cotidiano jornalstico, cuja finalidade a informao. o caso da notcia, da entrevista, do artigo de opinio, do editorial, dentre outros. H tambm os chamados instrucionais, como, por exemplo, o manual de instruo, a bula de um remdio, e outros. Outros que se classificam como cientficos, os quais so oriundos de pesquisas e estudo de casos, como a monografia, tese de doutorado, ligados prtica acadmica. Enfim, seja qual for o gnero utilizado, torna-se de fundamental importncia sabermos que todos possuem uma finalidade especfica perante comunicao estabelecida, e como fazem parte da modalidade escrita da lngua, so regidos de normas especficas no que se refere sua composio.