Você está na página 1de 4

Linguagem e Lngua

11/01/2010

Linguagem: Linguagem a representao do pensamento por meio de sinais que permitem a comunicao e a interao entre as pessoas. -Linguagem verbal: aquela que tem por unidade a palavra. -Linguagem no verbal: tem outros tipos de unidade, como gestos, o movimento, a imagem e etc. -Linguagem mista: como as histrias em quadrinhos, o cinema e a tv que utilizam a imagem e a palavra.

Lngua: o tipo de cdigo formado por palavras e leis combinatrias por meio do qual as pessoas se comunicam e interagem entre si. Variedades lingsticas:

So as variaes que uma lngua apresenta, de acordo com as condies sociais, culturais, regionais e histricas em que utilizada. -Norma culta: a lngua padro, a variedade lingstica de maior prestgio social. -Norma popular: so todas as variedades lingsticas diferentes da lngua padro.

Dialetos: So variedades originadas das diferenas de regio, de idade, de sexo, de classes ou de grupos sociais e da prpria evoluo histrica da lngua(ex.: gria) Intencionalidade discursiva: so as intenes, explcitas ou implcita, existentes na linguagem dos interlocutores que participam de uma situao comunicativa.

Conceituado: Texto: uma unidade lingstica concreta, percebida pela audio (na fala) ou pela viso (na escrita), que tem unidade de sentido e intencionalidade comunicativa. Discurso: a atividade comunicativa capaz de gerar sentido desenvolvida entre interlocutores. Alm dos enunciados verbais, engloba outros elementos do processo comunicativo que tambm participam da construo do sentido do texto. Coeso textual so as articulaes gramaticais existente

entre palavras, oraes, frases, pargrafos e partes maiores de um texto que garantem sua conexo seqencial. Coerncia textual o resultado da articulao das idias de um texto ; a estruturao lgico- semntica que faz com que numa situao discursiva palavras e frases componham um todo significativo para os interlocutores.

Fonte: http://www.estudanet.hpg.ig.com.br/l-l.htm

Um poema uma obra literria geralmente apresentada em versos e estrofes (ainda que possa existir prosa potica, assim designada pelo uso de temas especficos e de figuras de estilo prprias da poesia). Efetivamente, existe uma diferena entre poesia e poema. Segundo vrios autores, o poema um objeto literrio com existncia material concreta, a poesia tem um carcter imaterial e transcendente.