NOÇÕES BÁSICAS SOBRE UTILIZAÇÃO DE CALCULADORA CIENTÍFICA

FORTIUM – Grupo Educacional Faculdade Fortium Docente: Jeferson de Arruda
E-mail: profjeferson_df@hotmail.com

senão a calculadora não irá reconhecer que em determinado momento está ocorrendo à divisão do número -8 pelo valor -2. encontre pequenas diferenças nos comandos para execução de determinado cálculo. subtração. é necessário abrir e fechar parênteses em volta do número -2. Comandos utilizados de maneira errada: 2 + 7 × 3 − 8 ÷ −2 − 1 = Resposta errada: 12 Comandos utilizados de maneira correta: 2 + 7 × 3 − 8 ÷ (−2) − 1 = Resposta correta: 26 Quando nós apertamos. divisões. basta apertar os comandos e os valores na ordem em que aparecem.3 − 8 : (−2) − 1 . Comandos utilizados: 2 + 7 × 3 − 8 ÷ 2 − 1 = Resposta: 18 Quando desejamos resolver a expressão 2 + 7. utilizando a calculadora. Para que não exista conflito no programa de funcionamento da calculadora. Para resolver expressões que envolvam multiplicações. 3. ou seja. ou seja.1 . Observe que este é um comando executado de forma errada. É possível que o leitor. conforme o modelo da calculadora que esteja utilizando. 1 . a calculadora ignorou a divisão e considerou apenas a subtração.3 − 8 : 2 − 1 Na solução desta expressão através da calculadora. o leitor está bastante familiarizado. teremos como resposta -10. a expressão 2 + 7. ela resolverá primeiro as multiplicações ou divisões e depois as adições e subtrações. adições e subtrações. as teclas − 8 : −2 = . nesta ordem. multiplicação e divisão. a calculadora reconhece a ordem de precedência que deverá ser utilizado. Vamos resolver. Para que a calculadora apresente o resultado. certamente. ignora a divisão e considera apenas a subtração.UTILIZAÇÃO DA CALCULADORA CIENTÍFICA As informações aqui contidas são para utilização da calculadora científica do modelo CIS CC-401. esta calculadora em particular. é necessário apertar o sinal de “=”.Solução de operações básicas e precedência As operações de adição. Muitas destas diferenças poderemos identificar através da realização de cálculos cujas respostas são conhecidas.

vamos resolver a expressão {5 + 3[2.7 + (−6 : 3 + 2) − 5]} − 2 Inicialmente. isto é. ou seja. a calculadora não reconhece esta convenção (nem permite que isto seja digitado). Dessa forma.(2. Assim. Como exemplo. trocar os colchetes e as chaves por parênteses. coloque os valores negativos que estão multiplicando ou dividindo entre parênteses. vamos resolver a expressão {-1[-2+3. resolva uma parte.8 + 3. nesta ordem deverá ser: (5 + 3 × (2 × 7 + ((−6) ÷ 3 + 2) − 5)) − 2 = Resposta: 30 Expressões nas quais aparecem muitas operações.3)] +[-3+2.(4 : 2 + 3. ((-1) × (-2 + 3 × (-1) + (9 × 0 . esta calculadora apresenta a resposta -10 para as teclas pressionadas nesta ordem − 8 × −2 = . quando aparece um número próximo dos parênteses (colchetes ou chaves) sem nenhuma operação entre o número e os parênteses considerarmos como multiplicação. é necessário reescrevermos a expressão como.(-1)+(9. colchetes e chaves.7 + (−6 : 3 + 2) − 5)) − 2 Em expressões que envolvam uma quantidade maior de operações.(-5)}-2= Reescrevendo. temos: (5 + 3(2. segundo as regras de precedência devem ser resolvidos primeiro.(2-1+7-2.3 ÷ 3 + 1) × (2 . devemos também considerá-los na hora de pressionarmos os comandos na calculadora. apesar de que.3 ÷ 3 + 1) = 0 b) (2 . a seguir substitua o resultado encontrado e resolva o restante da expressão.2 Resolvendo por partes teremos. vamos resolver a expressão 8 − 9 − 5.1 + 7 .7 + (−6 : 3 + 2) − 5)) − 2 É importante relembrar que. utilizando a calculadora. A calculadora reconhece a necessidade de solução inicial dos parênteses para depois resolver as outras operações. (5 + 3. ((-1) × (-2 + 3 × (-1) + (0) × (2)) + (65)) . sempre que possível. sugerimos resolver a expressão por partes. devemos inicialmente. por convenção. Comandos utilizados de maneira correta: 8 − 9 − 5 × 8 + 3 × (4 ÷ 2 + 3 × 2 − 1) + 6 = Resposta correta: -14 Para utilizarmos a calculadora científica para resolvermos expressões que envolvam parênteses. Na solução de expressões em que apareçam parênteses que.2 × 3) = 2 c) (-3 + 2 × (-5)) × (-5) = 65 Assim. Dessa maneira. Como exemplo. Caso isto aconteça. Como um segundo exemplo. devemos trocar os colchetes e as chaves por parênteses. às vezes a calculadora não consegue realizar a operação. temos. informar à calculadora o que ela deverá fazer. a) (9 × 0 .De maneira análoga.2 × 3)) + (-3 + 2 × (-5)) × (-5)) .1 + 7 . A seguir.0-3:3+1).2 2 .2 − 1) + 6 . ignora a multiplicação.(-5)]. o comando.

em alguns modelos. Veja. em outras se encontra escrito acima de algum botão. 3.2 .⎜ ⎟ + 2 − ⎜1 − ⎛ ⎞ ⎟ − 7 + 2 : (−3) ⎟ + 6 ⎜ ⎜ 4 ⎟⎟ ⎜ ⎝3⎠ ⎟ ⎝ ⎝ ⎠⎠ ⎝ ⎠ Vamos encontrar. será 2 2ndF y x 10 = ou 2 SHIFT y x 10 = . para encontrar o resultado procurado devemos. o resultado de 210 . ou mesmo uma fração negativa.83333. Existem também pequenas variações na ordem de digitação. se encontra como um botão. devemos (de preferência) colocar cada uma das frações dentro de parênteses. primeiro informar o valor correspondente a base (no nosso caso 2) a seguir pressionar a tecla y x .. No Modelo CIS CC-401. Comandos utilizados: 2 y x 10 = Resposta: 1024 O comando y x .Calculando potências com a calculadora científica Para realizar cálculo envolvendo frações. Inicialmente. com o auxílio da calculadora científica.2. conforme existem variações nos modelos das calculadoras. 3 − 1 . temos: ⎛ ⎛1⎞ ⎞ ⎛ 2 ⎞ ⎜ 3. . respectivamente.Calculando potências com expoentes fracionários 3 Vamos resolver 256 4 . provavelmente. teremos: 0..2 é que devemos acrescentar parênteses quando indicarmos o valor do expoente. Comandos utilizados: 256 y x (3 ÷ 4) = Resposta: 64 Caso o expoente seja um valor negativo. ou seja. ((-1) × (-2 + 3 × (-1) + (0) × (2)) + (65)) . os comandos serão: (3 × (1 ÷ 3) + 2 − (1 − (2 ÷ 4 )) − 7 + 2 ÷ (−3) ) + 6 = Como resposta. + 2 − ⎜1 − ⎟ − 7 + 2 : (−3)⎬ + 6 ⎝ 4⎠ ⎩ 3 ⎭ Atribuindo parênteses em volta de cada uma das frações e trocando as chaves por parentes. Caso na sua calculadora o comando encontra-se em cima de algum botão para ter acesso ao comando y x devemos pressionar a tecla 2ndF ou SHIFT (dependendo do modelo) O cálculo da potência onde o comando em questão está acima de algum botão. vamos resolver. sempre que queremos acessar um comando que se encontra em cima de algum botão devemos utilizar antes de pressionar o botão correspondente ao botão o comando 2ndF ou SHIFT (dependendo do modelo).1 . que é idêntico ao valor conseguido através da solução 5 utilizando lápis e papel. as potências 2 −2 e 25 2 . identifique na sua calculadora o comando y x . vamos resolver ⎨3.Logo.2 = 68 Logo. basta colocar o sinal dentro dos parênteses. Como exemplo. De forma geral. em seguida o valor do expoente e finalmente o botão de igualdade. ⎧ 1 ⎫ ⎛ 2⎞ Como exemplo. 6 3. A única diferença da Seção 3.

Para considerar todas as casas decimais. basta escrevermos a raiz em forma de potência e a seguir aplicar os conhecimentos adquiridos para cálculo de potências com a calculadora científica. Para conseguirmos tal arredondamento na calculadora científica CIS cc-401. Por outro lado. Isto pode ser observado ao modificarmos o número de casas decimais que desejamos que apareça na resposta. Após o cálculo. pressionar o comando tecla de igualdade. Sabemos que. deve-se primeiro x indicar o valor de y (no nosso caso 212 ) e em seguida.2. Uma vez utilizado o comando acima. Para encontrarmos a raiz 4 212 . Veja. em todos os cálculos realizados posteriormente. 2 y x 12 2ndF ( ) x y 4= 3.67 O comando 2ndF foi utilizado para utilizarmos o comando TAB que encontra-se acima do botão F ↔ E . apenas arredonda a resposta. 4 2 12 = 2 .2 . a calculadora.666666. irá considerar apenas o número de casas decimais indicada. basta utilizar o comando “2ndF TAB . Logo. utilizarmos o seguinte comando: Comando utilizado: 2ndF TAB 2 A resposta será: 0. Como exemplo. este arredondamento como visto em sala de aula é possível.Comandos utilizados: 2 y x (−2) = Resposta: 0.. 4 . 3 porém desejamos uma resposta com apenas duas casas decimais após a vírgula.Calculando raízes com a calculadora científica p Para encontrarmos raízes utilizando a calculadora científica.. Como exemplo. basta lembrarmos que. este comando não altera o valor calculado. o número 2 utilizado no final dos dois comandos serve apenas para indicar o número de casas decimais que desejamos utilizar na resposta. seguir calcular a potência.2.. devemos após o cálculo. 12 4 Comandos utilizados: 2 y x (12 ÷ 4) = Resposta: 8 Outro caminho seria utilizar o comando x y .3 – Arredondamento da resposta Muitas vezes. desejamos arredondar a resposta para um número específico de casas decimais após a vírgula.25 Comandos utilizados: 25 y x (−1 ÷ 2) = Resposta: 0. podemos notar que a resposta foi 0.2 3. Comandos utilizados: 2 y x 12 2ndF Resposta: 8 x y e finalmente a y 4 = ou então.”. Para utilização deste comando. vamos calcular o 2 resultado da seguinte divisão: . A calculadora científica permite realizar com muita facilidade o arredondamento de qualquer resposta com um número específico de casas decimais após a vírgula. É importante ressaltar que. após algum cálculo. vamos calcular a raiz 4 n ap = an e a 212 .

O primeiro comando. Segunda opção: 2 + 5 × 2 = + MR = x → M É importante ressaltar que. estão considerando que o número 2 está armazenado na memória.3 – Utilizando a memória Nesta seção. Por exemplo. o valor 2 permanecerá armazenado na memória. a calculadora científica irá somar 5 com o valor recuperado da memória. podemos escolher entre dois caminhos: o PRIMEIRO. através do comando “2 x → M ”. se desejamos somar 5 ao valor atribuído à memória. devemos utilizar o comando “M+”. desejamos somar a resposta ao valor inicialmente armazenado na memória. seria. somar a resposta com a memória recuperado e na seqüência. Primeira opção: 2 + 5 × 2 = M + Para conferir que. Já o comando. atribuir este novo valor à memória. permite recuperarmos o valor armazenado na memória. se desejamos acrescentar determinado valor à memória. basta zerar o visor (On/C) e recuperar a memória (MR). devemos utilizar o comando: “5+MR=”. mesmo zerando. serve para atribuirmos um valor à memória.” Provérbios 4:6 5 . o novo valor da memória é 14.2. pressionar o comando “M+”. “Não desampares a sabedoria. ama-a. Na seqüência. “MR”.3. “MR” e “M+”. ou desligando a calculadora. a resposta que teremos será 7. nós atribuiremos o valor 2 à memória. após o cálculo. seria. após o cálculo. ou seja. por exemplo. o valor da memória não altera. Para que isso seja possível. substitui o valor da memória por um novo valor. Ao zerarmos o visor (On/C). Abaixo. após resolver a expressão “2+5. e ela te guardará. aprenderemos um pouco sobre a utilização dos comandos “ x → M ”. 2. o SEGUNDO.2”. Por outro lado. Assim. digamos que. e ela te protegerá. de fato. Assim. “ x → M ”. Dessa forma. Este comando. apresentaremos os dois comandos. os comandos acima.

l) ⎢⎜ ⎥: = ⎢⎜ 3 ⎟ 1 ⎥ 2 ⎜ ⎟ ⎢⎝ ⎠ 2 ⎥ ⎣ ⎦ ⎛ ⎞ ⎛ ⎞ ⎜ 1 ⎟ ⎜ 1 ⎟ ⎟ × ⎜1 − ⎟= m) ⎜1 + ⎜ 1 + 95 ⎟ ⎜ 2 + 95 ⎟ ⎜ ⎟ ⎜ ⎟ 53 ⎠ ⎝ 53 ⎠ ⎝ 5 n) 0.[9:3+2.07% de 3 3 = m) 0.0].(-1)]+1}= 2 6 f) − − = 3 3 −5 6 g) − = 7 7 ⎛ 2⎞ h) (−3) : ⎜ − ⎟ = ⎝ 6⎠ 2 i) 1 = 9 2 ⎧ 1 ⎫ ⎛ 2⎞ j) ⎨3.07% de 2 4 5 33 = ⎛−2⎞ n) ⎜ ⎟ +3= ⎝ 5 ⎠ 2 ⎡⎛ 1 ⎞ ⎤ ⎢ ⎜ − 0. + 2 − ⎜1 − ⎟ − 7 + 2 : (−3)⎬ + 6 = ⎝ 4⎠ ⎩ 3 ⎭ a) ⎧ ⎡ 1 ⎡⎛ 1 1 ⎛ 2 ⎞⎤ ⎫ ⎞ − 2⎤ k) ⎨− 9 + ⎢⎜ : + 2 ⎟ + ⎥ : 4 + ⎢− 3 − 1.EXERCICIOS 1) Escrever os comandos utilizados para encontrar a solução correta dos seguintes exercícios: − 10 = −2 15 b) = −5 10 c) = 10 d) [2.(0+3):9-4+3]+[-6+8:(-2)+3.5 ⎟ ⎥ 3 ⎠ ⎥ = o) ⎢ ⎝ ⎢ ⎥ 3 ⎢ ⎥ ⎣ ⎦ 3 6 .⎜ 3 ⎟⎥ ⎬ + 3 = ⎝ ⎠⎦ ⎭ ⎠ 5 ⎦ ⎣ ⎣⎝ 2 3 ⎩ 2⎤ ⎡⎛ 1 ⎞ ⎢⎜ 2 − 3 ⎟ 1 − 5 ⎥ 1 ⎟.7 + (−6 : 3 + 2) − 5] − 2 = e) {-2+[-2+9.

3 e m= 3 7 150 150 150 150 + − + − = 1 2 3 (1 + 0.⎛ 2⎞ p) ⎜ ⎟ = ⎝3⎠ ⎤ ⎡⎛ − 2 ⎞ −2 q) ⎢⎜ ⎟ + 3⎥ − 1 = ⎥ ⎢⎝ 3 ⎠ ⎦ ⎣ ⎛ 3 10 ⎞ ⎛ 2 ⎞ ⎟ r) ⎜ ⎜ 5 ⎟:⎜ 3 5 ⎟ = ⎠ ⎝ ⎠ ⎝ −2 −1 ⎛ 5 62 ⎞ s) ⎜ 2 5 ⎟ = ⎜ 2.02)4 7 .03) m − 1 × 100 .02) (1 + 0.03)4 − 1 × 100 = 1 x) (1 + 0. onde n = n z) − 150 (1 + 0.02) (1 + 0.02) (1 + 0.02)0 2 0. 2 ⎟ ⎝ ⎠ t) 3 + 36 11 + 3 − 8 + 2 = 3 2 u) 13 + 7 + 2 + 4 = v) (1 + 0.

02) y x 0 + 150 ÷ (1 + 0.96 x x r) 10 y (1 ÷ 3) ÷ 5 × 2 ÷ 5 y (1 ÷ 3) = 0.50 s) 6 y x 2 y x (1 ÷ 5) ÷ 2 y x (1 ÷ 2) × 2 y x (1 ÷ 5) y x 2 = 1. ON / C " x → M " − (150 ÷ ((1 + 0.02) y x 0)) = " x → M " ON / C (150 ÷ ((1 + 0. apertar ON/C) e em seguida a tecla x → M .99 x x) (1 + 0.5 x q) ((− 2) ÷ 3) y (− 2) + 3 y x (− 2 ) − 1 = -0.03) y x (1 ÷ 4) − 1 × 100 = -98.03) y x MR − 1×100 = Para apagar a memória deve-se zerar o visor (ou seja.67(aprox) g) ((− 5) ÷ 7 ) − (6 ÷ 7 ) = -1.16 o) ((1 ÷ 3) − 0.67 x x x x x u) 13 + 7 + 2 + 4 y (1 ÷ 2) y (1 ÷ 2 ) y (1 ÷ 2) y (1 ÷ 2 ) = (13 + 3) y (1 ÷ 2 ) = 4 v) (1 + 0.42 ou ainda.02)y x 1)) + MR = " x → M " ON / C − (150 ÷ ((1 + 0.3 ÷ 7 )) − 1 × 100 = -98. ((2 ÷ 3) ÷ (0.02) y x 3 − 150 ÷ (1 + 0.GABARITO Exercício 1: a) (−10) ÷ (−2) = 5 b) 15 ÷ (−5) = -3 c) 10 ÷10 = 1 d) (2 × 7 + ((−6) ÷ 3 + 2 ) − 5) − 2 = 7 e) (.02) y x 2 + 150 ÷ (1 + 0.358108108 × 0.2 + 9 × (0 + 3) ÷ 9 .02 ) y x 2)) + MR = " x → M " ON / C (150 ÷ ((1 + 0.07 2ndF " =" × 3 y x (5 ÷ 3) y x (1 ÷ 4 ) = 1.02 ) y x 4)) + MR = 8 .34 ( (( ) ( (( ) ) ) ) ) ((( ) ) ) (( ) ) ( ( )) ((( ) ) (( ) ( (( ( )) ) (( ( ( (( (( ( )) )) ( ) ))) )) )) ) ( ( ( ( )) ( )) ( ( ( )) )) ( ( )) Ou ainda.59 t) 3 + 36 y x (1 ÷ 2) y x (1 ÷ 2) ÷ 11 + (− 8) y x (1 ÷ 3) y x (1 ÷ 2) + (2 ÷ 3) = 1. z) − 150 ÷ (1 + 0.000000793 p) (2 ÷ 3) y x (− 1) = 1.23 l) ((((1 ÷ 2 ) − 3) ÷ 3) × (1 − (2 ÷ 5)) ÷ (1 ÷ 2 )) ÷ (1 ÷ 2 ) = -2 m) (1 + (1 ÷ (1 + (95 ÷ 53)))) × (1 − (1 ÷ (2 + (95 ÷ 53)))) = 1.5) y x 2 ÷ 3 y x 3 = 0.02)y x 3)) + MR = " x → M " ON / C − (150 ÷ ((1 + 0.3 ÷ 7 )) “ x → M ” ON/C (1 + 0.2 + (.02) y x 1 − 150 ÷ (1 + 0.83 j) (3 × (1 ÷ 3) + 2 − (1 − (2 : 4 )) − 7 + 2 ÷ (−3) ) + 6 = k) (− 9 + (((1 ÷ 2 ) ÷ (1 ÷ 3) + 2 ) + ((− 2 ) ÷ 5)) ÷ 4 + (− (1 ÷ 3) − 1 × (2 ÷ 3))) + 3 = -6.03) y ((2 ÷ 3) ÷ (0.07 2ndF " =" × 3 y x (5 ÷ 3) = 0.4 + 3) + (.004 m) 0.02) y x 4 = -144.6 + 8 ÷ (-2) + 3 × 0 ) × (9 ÷ 3 + 2 × (-1)) + 1) = -11 f) − (2 ÷ 3) − (6 ÷ 3) = -2.58 n) ((− 2) ÷ 5) y x 2 + 3 = 3.44 i) (2 ÷ 1) − (9 ÷ 2 ) = 0.736318408 ≅ 1 n) 0.57 9 h) (−3) ÷ (− (2 ÷ 6 )) = 0.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful