Você está na página 1de 2

PLANEJAMENTO E CONTROLE

O planejamento da produção é um conjunto de ações inter-relacionadas que


objetiva direcionar o processo produtivo da empresa e coordená-lo com os
objetivos do cliente; com essa afirmação podemos dizer que o planejamento
está envolto por duas etapas importantes dentro do processo que são : a
programação e o controle da produção. O PCP é um sistema de
transformações e informes entre marketing, engenharia, fabricação e
materiais, no qual são manuseadas as informações a respeito de vendas,
linhas de produto, capacidade produtiva, potencial humano, estoques
existentes e previsões para atender às necessidades de vendas. Sua tarefa
é transformar todos os planos em ordens viáveis de fabricação.
O Planejamento da produção é o principal elemento de coordenação das
atividades de vários departamentos de uma indústria. Essa coordenação é
particularmente importante entre os departamentos de vendas, produção e
compras. Um planejamento feito sem os devidos cuidados impossibilita a
adequada coordenação das atividades afins.
A programação é a fase intermediária entre o setor de planejamento e o
setor de controle, sendo, portanto, o setor que de acordo com a demanda
do mercado, transforma os planos sob a forma de projeto do produto, roteiro
de manufatura, lista de materiais etc, em uma agenda de operações que
será base de emissão de ordens de fabricação. Essas funções colocam o
Planejamento em uma atuação dinâmica e de controle, para que a emissão
das ordens de fabricação atenda às necessidades de mercado e tenha uma
posição em relação aos outros órgãos da empresa, de dependência e
autoridade, possibilitando assim atingir os objetivos globais da organização.
Planejar a produção ou estabelecer uma agenda de produção é tarefa que
requer a consideração de uma multiplicidade de fatores que influem na
decisão sobre o que, quanto e quando produzir. Supondo que estejam
disponíveis todas as informações no Planejamento , para elaborar a
programação da produção necessitaremos considerar os seguintes fatores:

Fatores Externos
. Demanda de mercado;
. Datas de entrega estabelecidas;
. Estoque em poder de intermediários;
. Tempo necessário para obtenção de matéria-prima.

Fatores Internos
. Estoque de produtos acabados;
. Equipamento disponível;
. Pessoal disponível;
. Materiais e ferramentas disponíveis;
. Lotes econômicos de produção;
. Regime de trabalho;
. Tempo necessário para a execução das operações;
. Possibilidade de rejeições.