Você está na página 1de 1

O acar da beterraba O processo de extrao se divide em 4 etapas. Primeiro, passa pela moagem para extrao da sacarose.

Na segunda fase, o caldo da sacarose tem que ser limpo. So misturadas substncias alcalinas para indizir as impurezas a se depositarem no fundo do tacho. O caldo se transforma depois em um xarope, com aquecimento a cerca de 65C, o que faz a gua se evaporar. No final do processo, o xarope colocado em vasilhames a vcuo, com uma temperatura entre 55 e 60 graus C, com isso, se transforma em cristais, que ficam com a mesma aparncia do acar de cana. Esse tipo de acar mais comum na Europa, no produzido no Brasil porque o pas possui grandes plantaes de cana. Na Europa o inverno rigoroso e a cana no se desenvolve bem. Fonte: http://pt.shvoong.com/exact-sciences/agronomy-agriculture/1990005a%C3%A7%C3%BAcar-da-beterraba/#ixzz2OfiYhO1b