Você está na página 1de 3

Proposta Estruturação do Parque Poty.

1. Avaliação de Estrutura das trilhas.

• Percorrer os limites do Parque, avaliando a situação de vegetação e solo.


• Percorrer trilhas avaliando a situação acessibilidade, se a vegetação se restabeleceu.
• Coletar solo e material botânico.
• Avaliar condição topográfica.
• Avaliar o estágio de sucessão florestal.
• Verificar extensão e mapeamento das trilhas.
• Analisar placa existente e a necessidade confeccionar novas placas.
• Verificar a existência lixeira de coleta seletiva, bancos ou assentos.

Matérias Necessários.

• Trena de 50 m, 5 m e fita métrica.


• Facão ou foice.
• bússola
• Lupa.
• Saco de lixo para coleta de solo e vegetação.
• Fita para marcação.
• Lápis, caneta, prancheta.
• Piquete.
• Mapa da área perimetral do Parque.

Obs. Mão de obra necessária em campo para avaliação estrutural no maximo dois
ajudantes.

2. Fitossociologia.

Tem como finalidade de analisar através de parcelas de (50m X 5m) o estágio


vegetacional que se encontra floresta.
Assim analisando impacto de corrente da ação antrópica (gerado pelo homem), vendo
necessidade de intervenção ou não através de enriquecimento com mudas nativas ou
transporte de serrapilheira.

Matérias Necessários.

• Trena de 50 m, 5 m e fita métrica.


• Podão.
• Bússola
• Prancheta.

Proposta Estruturação do Parque Poty 1


• Canos de ½ pelegas com comprimento de 80 cm a 1 m.
• Fita para marcação.
• Plaquetas de pequeno porte para marcação de árvores.
• Cartolina.
• Borrifador.
• Álcool.
• Prensa para colocar material botânico.
• Papelão.
• Jornal.
• Estufa.
• Barbante.

Obs. Mão de obra necessária em campo no maximo dois ajudantes.

3. Monitoramento indireto de animais.

Tem como finalidades identificar a presença de animais de pequeno, médio e grande porte.
Fazendo analise do possível impacto na interação entre fauna e flora.

Metodologia da atividade.

Percorrer no leito do rio, montar caixa de coleta de pegadas, com gesso coletar o molde
pegadas de animais silvestres. E também introduzir a atividade na educação ambiental
Coletar dados para uso estático de espécies ocorrentes na área florestal do Parque.

Matérias Necessários.

• Gesso.
• Molde no formato circular.
• Saco para coleta material.
• Régua 30 cm.
• Paquímetro.
• Câmera digital.

4. Carpoteca.
Definição de carpoteca, origem de língua grega, carpus = frutos + theca= coleção , é uma
coleção de frutos.
Tem como conhecer espécies frutíferas e também para a atividades do Programa de
Educação Ambiental para conhecimentos de tipos formas de frutos e sementes.

Matérias Necessários.

• Saco para coleta material.


• Frasco para coletas.

Proposta Estruturação do Parque Poty 2


• Podão.
• Prancheta, lápis e caneta.
• Lupa.
• Régua.

5. Atividade de horizontes do solo.


Tem como objetivo demonstrar os horizontes ou perfil do solo através de caixa acrílica ou
buraco para visualização dos perfis contido solo, essa atividade é para que visitante entenda
um pouco de formação do solo e sua abrangência.

Matérias Necessários.

• Caixa acrílica.
• Pá, enxada e cortadeira.
• Régua de 1m graduada.
• Frasco para coleta.

6. Herbário.
Tem finalidade de colecionar amostra de espécies essência nativa em cartolina denomina se
exsicata, para cadastro de espécies ocorrentes na região.

Matérias Necessários.

• Armários com divisão.


• Cartolina com duas cores diferentes (amarela, azul e branco).
• Formol.
• Naftalina.
• Álcool.
• Plástico para envolver cartolina com material botânico.
• Barbante.

Considerações finais:

Após realização destas atividades de estruturação é importante a elaboração de manejo.


Entende para realização das atividades tem ser realizadas dentro de plano de manejo do
Parque
As diretrizes são contidas no S.N.U.C. (Sistema Nacional de Unidades Conservação).

Proposta Estruturação do Parque Poty 3