Você está na página 1de 2

As Quatro Mosqueteiras

Era uma vez, quatro raparigas to diferentes como o sol e a gua, mas que tinham em comum uma amizade comeada aquando do comeo do curso que frequentaram juntas. Adriana, Ctia D, Ctia A e Sara, estes eram os seus nomes, todas com personalidades diferentes, mas completam-se e ainda hoje convivem quando h tempo, pois para os amigos sempre h. De stios diferentes, todas elas, tm uma profisso que gostariam de ter: Empresria, empregada de uma loja, danaria e escritora, e com o apoio, umas das outras iro realizar aos poucos. Quatro raparigas to teimosas e ao mesmo tempo que ningum compreende o quanto so diferentes do que levam no interior, todas tem as suas feridas, mas no deixam que isso afecte muito as suas vidas, vo vivendo o momento. Claro que todas tm tambm outras amizades e ningum sente cimes de ningum porque sabem que vo estar sempre juntas nos bons e maus momentos, sendo fortes quando precisam e positivas quando o negativismo passa pelo ar. s vezes essas raparigas juntam-se para conviver ou at mesmo passear por algum parque ou outro stio qualquer, recordando os momentos com fotos muito divertidas, conversando sobre os seus sonhos e o que se passa nas suas vidas. Mas o mais engraado que estas quatro raparigas fizeram uma mudana de visual, quase que ao mesmo tempo, so as musas do tempo que uma delas descreve. De crianas a mulheres, todas so especiais a sua maneira e nada continuara igual ao que era dantes, pois juntas so o poder que acaba com a tristeza e comea com pregos.

Fim...para o comeo de um incio

Poema para trs delas: As Trs Mosqueteiras Conheo trs Mosqueteiras

Que so as musas d De stios diferentes Todas tm um sonho Fortes e sensveis Divertidas e solitrias Todas so teimosas Ningum sente cime de ningum Sempre juntas nos bons e maus momentos De crianas a mulheres Todas so especiais E nada igual.

S.M.T