Você está na página 1de 1

Goiânia, 8 de abril de 2009

HOME Sebastião Nogueira

ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Polêmica no Fórum
Primeira noite do Fórum Goiano de
EDITORIAS Cultura foi marcada por discussões sobre
Capa
Opinião os rumos do Centro Cultural Martim
Cidades Cererê
Política
Economia Renato Queiroz Centro Cultural Martim Cererê:
Mundo ocupação provocou polêmica entre os
Esporte participantes do 1º Fórum Goiano de
Magazine A presidente da Agência Goiana de Cultural Cultura
Pedro Ludovico Teixeira (Agepel), Linda
COLUNAS Monteiro, anunciou, na noite de segunda-feira, o nome da diretora teatral Tetê
Giro Caetano para assumir o comando do Centro Cultural Martim Cererê. O
Direito e Justiça anúncio ocorreu na abertura do 1º Fórum Goiano de Cultura, que foi marcada
Coluna social
Memorandum por polêmica em torno da ocupação do Martim Cererê.
Crônicas e
outras histórias O fórum, que está sendo realizado no centro cultural, prosseguiria ontem à
noite e tem novos encontros agendados para os dias 13 e 14. O evento
SERVIÇOS pretende abrir espaço para que entidades e agentes culturais debatam e
E-mail
Cartas dos leitores
exponham necessidades e demandas de seus segmentos. A pauta do
Assinatura primeiro dia do evento discutiu a ampliação e a democratização dos espaços.
Acontece
Na telinha
A polêmica em torno do Martim Cererê começou com a leitura de uma carta
Cinema
Horóscopo escrita pelo diretor de teatro Marcos Fayad, que, entre outros aspectos,
Guia do Assinante lembrou sua luta para a criação do espaço inaugurado em 1988. Na carta, o
Central do Assinante
diretor falou de seu projeto de ocupação racional do espaço, da finalidade e
Efetuar Logout
originalidade do local. Fayad criticou ainda a falta de apoio governamental e o
“desvirtuamento da proposta” de ocupação do Martim Cererê, hoje, segundo
CHARGE
ele, “ocioso e entregue apenas a grupos de rock que incomodam a
vizinhança”.
ESPECIAIS
Goiânia 75 anos
Protestos
Retrospectiva 2008
Marcos Fayad comparou o espaço cultural à Feira de Caruaru, em
Pernambuco. Bastou para que os roqueiros e produtores de eventos
SITES reagissem. Fabrício Nobre, da Monstro Discos e um dos organizadores do
Vrum festival Goiânia Noise, disse que o Martim Cererê é um dos melhores
Lugar Certo espaços para eventos de pequeno e médio porte. Ele afirmou ter ficado
OJC
indignado com o posicionamento de Fayad. “Não vamos abrir mão do Martim
Jornal do Tocantins
Tv Anhanguera Cererê”, disse.
Goiasnet
Fundação J. Câmara
O coro dos descontentes foi reforçado por Léo Razuk, também da Monstro
Rede Anhanguera
Executiva FM Discos. “O espaço que, durante anos, ficou relegado, foi resgatado nos
últimos tempos pelos produtores de rock da cidade e vem dando supercerto.
Monstro, Fósforo, Quinta Ativa e vários outros produtores têm ocupado o
CONTATOS
espaço e até mesmo investido dinheiro para sua recuperação. Daí, que o
ASSINATURAS: Cererê voltou, então, a ser visto como um excelente espaço e se tornou foco
3250-5353 de disputa de vários ‘amigos’ do Cererê”, criticou.