Você está na página 1de 10
QUESTÕES DOS CAPÍTULOS 3 E 4 DO LIVRO FUNDAMENTOS DE FÍSICA HALLIDAY & RESNICK -

QUESTÕES DOS CAPÍTULOS 3 E 4 DO LIVRO FUNDAMENTOS DE FÍSICA HALLIDAY & RESNICK - JEARL WALKER

9ª EDIÇÃO VOLUME 1 MECÂNICA

CAPÍTULO 3

Página 56.

2) Um vetor deslocamento r

com o semieixo x positivo, como mostra a figura. Determine (a) a componente x

(b) a componente y do vetor.

Determine (a) a componente x (b) a componente y do vetor. no plano xy tem 15

no plano xy tem 15 m de comprimento e faz um ângulo θ = 30°

xy tem 15 m de comprimento e faz um ângulo θ = 30° 3) A componente
xy tem 15 m de comprimento e faz um ângulo θ = 30° 3) A componente

3) A componente x do vetor A é 25,0 m e a componente y é 40,0 m. (a) Qual é o ângulo entre a orientação de A e o semieixo x positivo?

o ângulo entre a orientação de A e o semieixo x positivo? 5) O objetivo de

5) O objetivo de um navio é chegar a um ponto situado 120 km ao norte do ponto de partida, mas uma tempestade inesperada o leva para um local situado a 100 km a lesta do ponto de partida. (a) Que distância o navio deve percorrer e (b) qual o rumo deve tomar para chegar ao destino?

e (b) qual o rumo deve tomar para chegar ao destino? 11) Determine a soma a
e (b) qual o rumo deve tomar para chegar ao destino? 11) Determine a soma a
e (b) qual o rumo deve tomar para chegar ao destino? 11) Determine a soma a
e (b) qual o rumo deve tomar para chegar ao destino? 11) Determine a soma a
e (b) qual o rumo deve tomar para chegar ao destino? 11) Determine a soma a

11) Determine a soma a + b em termos de vetores unitários para a = (4,0 m)i + (3,0 m)j e b = ( - 13,0 m)i + ( 7,0 m)j . Determine: (b) o módulo e (c) a orientação de a + b.

. Determine: (b) o módulo e (c) a orientação de a + b. 14) Você deve
. Determine: (b) o módulo e (c) a orientação de a + b. 14) Você deve
. Determine: (b) o módulo e (c) a orientação de a + b. 14) Você deve
. Determine: (b) o módulo e (c) a orientação de a + b. 14) Você deve
. Determine: (b) o módulo e (c) a orientação de a + b. 14) Você deve

14) Você deve executar quatro deslocamentos sucessivos na superfície plana em um deserto, começando na origem de um sistema de coordenadas xy e terminando nas coordenadas (- 14,0 m, 30 m). As componentes dos seus deslocamentos sãos respectivamente, as seguintes, em metros: ( 20,60), (bx -70), ( - 20, c y ) e (-60, -70). Determine: a) b x e b) c y . Determine (c) o módulo e (d) o ângulo em relação ao semieixo x positivo do deslocamento total.

em relação ao semieixo x positivo do deslocamento total. Capítulos três e quatro - Fundamentos de
em relação ao semieixo x positivo do deslocamento total. Capítulos três e quatro - Fundamentos de

PROBLEMAS EXTRAS DE VETORES

1)Três forças agem em uma partícula Q, que se encontra em equilíbrio: a força T, a força a F e

a força P que representa o seu peso. Sabe-se que a força F vale 100 N e que o ângulo α mede 30 o . Nessas condições, determine:

a) O peso da partícula;

b) O módulo da força T.

a) O peso da partícula; b) O módulo da força T. 2) Duas forças agem no

2) Duas forças agem no mesmo ponto material, no mesmo plano, em direções perpendiculares

entre si, conforme mostra a figura abaixo. Uma das forças possui intensidade igual a 50 N e a outra 120 N. Qual deve ser o valor de uma terceira força, no mesmo plano que as duas anteriores, para que a força resultante sobre a partícula seja nula?

para que a força resultante sobre a partícula seja nula? a) 70 N b) 130 N

a) 70 N

b) 130 N

c) 170 N

d) 220 N

e) 250 N

CAPÍTULO 4 MOVIMENTO EM DUAS DIMENSÕES

PÁGINAS 80 E 81.

2) Uma semente de melancia possuía as seguintes coordenadas: x = - 5,0 m; y = 8,0 m e

z

= 0 m. Determine o vetor posição da semente (a) na notação de vetores em termos unitários

e

como (b) um módulo e (c) um ângulo em relação ao sentido positivo do eixo x. (d) Desenhe o

vetor em um sistema de coordenada dextrogiro. Se a semente é transportada para as coordenadas: (3,00 m, 0 m, 0 m), determine o deslocamento (e) na notação de vetores unitários e como (f) um módulo e (g) um ângulo em relação ao sentido positivo do eixo x.

e (g) um ângulo em relação ao sentido positivo do eixo x. Capítulos três e quatro
e (g) um ângulo em relação ao sentido positivo do eixo x. Capítulos três e quatro
3) Um pósitron sofre um deslocamento Δr = 2,0 i – 3,0 j + 6,0

3) Um pósitron sofre um deslocamento Δr = 2,0 i 3,0 j + 6,0 k e termina com o vetor posição

i – 3,0 j + 6,0 k e termina com o vetor posição = 3,0 j

= 3,0 j 4,0 k, em metros. Qual era o vetor posição inicial do pósitron?

r

metros. Qual era o vetor posição inicial do pósitron? r 6) A posição de um elétron
metros. Qual era o vetor posição inicial do pósitron? r 6) A posição de um elétron

6) A posição de um elétron é dada por: r = 3,00t i 4,00t 2 j + 2,00 k, com t em segundos e r em metros. (a) Qual a velocidade v(t) do elétron na notação de vetores unitários? Quanto vale v(t) no instante t = 2,00 s (b) na notação de vetores unitários e como (c) um módulo e (d) um ângulo em relação ao sentido positivo do eixo x?

e (d) um ângulo em relação ao sentido positivo do eixo x? 7) A posição de
e (d) um ângulo em relação ao sentido positivo do eixo x? 7) A posição de
e (d) um ângulo em relação ao sentido positivo do eixo x? 7) A posição de

7) A posição de um íon é inicialmente: r = 5,0 i 6,0 j + 2,0 k, e 10 s depois passa a ser:

= 5,0 i – 6,0 j + 2,0 k , e 10 s depois passa a

r = -2,0 i + 8,0 j - 2,0 k, com todos os valores em metros. Na notação de vetores unitários, qual

é a velocidade média V med durante os 10 s?

8) Um avião voa 483 m para leste, da cidade A para a cidade B, em 45,0 mim, e depois 966 km para o sul, da cidade B para uma cidade C, em 1,50 h. Para a viagem inteira, determine:

(a) o módulo e (b) a direção do deslocamento do avião, (c) o módulo e (d) a direção da velocidade média e (e) a velocidade escalar média.

da velocidade média e (e) a velocidade escalar média. 11) A posição r de uma partícula

11) A posição r de uma partícula que se move em um plano xy é da por:

r de uma partícula que se move em um plano xy é da por: r unitários,

r

unitários, calcule (a) r, (b) v e (c) a para t = 2,00 s. (d) Qual é o ângulo entre o semieixo positivo

x e uma reta tangente á trajetória da partícula em t = 2,00 s?

= (2,00t 3 -5,00t)i + (6,00 7,00t 4 ) j com r em metros e t em segundos. Na notação de vetores

j com r em metros e t em segundos. Na notação de vetores 13) Uma partícula
j com r em metros e t em segundos. Na notação de vetores 13) Uma partícula
j com r em metros e t em segundos. Na notação de vetores 13) Uma partícula
j com r em metros e t em segundos. Na notação de vetores 13) Uma partícula

13) Uma partícula se move de tal forma que a posição (em metros) em função do tempo em segundos é dada por: r = i + 4,0t 2 j + t k . Escreva as expressões para: (a) a velocidade e (b) aceleração em função do tempo.

(a) a velocidade e (b) aceleração em função do tempo. 17) Um carro se move sobre

17) Um carro se move sobre um plano xy com componentes da aceleração a x = 4,0 m/s 2 e

a y = - 2,0 m/s 2 . A velocidade inicial tem componentes: V ox = 8,0 m/s e V oy =12 m/s. Na notação de vetores unitários, qual é a velocidade do carro quando atinge a maior coordenada y?

é a velocidade do carro quando atinge a maior coordenada y? Capítulos três e quatro -
é a velocidade do carro quando atinge a maior coordenada y? Capítulos três e quatro -

LANÇAMENTO OBLÍQUO

EXEMPLOS RESOLVIDOS:

1) No campeonato paulista de futebol, um famoso jogador nos presenteou com um lindo gol, no qual, ao correr para receber um lançamento de um dos atacantes, o goleador fenomenal parou a bola no peito do pé e a chutou certeira ao gol. Analisando a jogada pela TV, verifica-se que a bola é chutada pelo armador da jogada a partir do chão com uma velocidade inicial de 20,0 m/s, fazendo um ângulo com a

horizontal de 45º para cima. Dados: g = 10,0 m/s 2 e

horizontal de 45º para cima. Dados: g = 10,0 m/s 2 e 2 = 1,4 a)

2 = 1,4

a) Determine a distância horizontal percorrida pela bola entre o seu lançamento até a posição de

recebimento pelo artilheiro (goleador fenomenal).

b) No instante do lançamento da bola, o artilheiro estava a 16,0 m de distância da posição em que ele

estimou que a bola cairia e, ao perceber o início da jogada, corre para receber a bola. A direção do

movimento do artilheiro é perpendicular à trajetória da bola, como mostra a figura. Qual é a velocidade média, em km/h, do artilheiro, para que ele alcance a bola imediatamente antes de ela tocar o

gramado?

alcance a bola imediatamente antes de ela tocar o gramado? RESOLUÇÃO: Dados: g = 10 ms/

RESOLUÇÃO: Dados: g = 10 ms/ 2 ;

tocar o gramado? RESOLUÇÃO: Dados: g = 10 ms/ 2 ; 2 = 1,4;  =

2 = 1,4; = 45°; v 0 = 20 m/s.

a) Consideremos desprezível a resistência do ar e que, ao matar a bola, o pé do artilheiro estivesse bem

próximo ao chão. Assim, podemos considerar o ponto de lançamento e o ponto de chegada pertencente

a um mesmo plano horizontal. Então, o tempo de subida (t s ) é igual ao de descida (t d ).

Lembrando que no ponto mais alto a componente vertical da velocidade (v y ) é nula, calculemos esses

tempos:

v y = v 0y

g t

0 = v 0 sen g t s

O tempo total é:

t T = 2 t s

t T = 2

 O tempo total é: t T = 2 t s  t T = 2

2 s.

t

s

v sen

0

g

2 = 20 sen45 20 10 10 = 2
2
= 20 sen45
20
10 10
= 2

t

s

2
2

s.

Na horizontal o movimento é uniforme. A velocidade v x é:

= 10o movimento é uniforme. A velocidade v x é: = v 0 cos  = v

= v 0 cos = v 0 cos 45° = 20

v x

O alcance horizontal é:

D

D = 40 m.

= v x t T = 10 22 2

m. = v x t T =  1 0 2    2 2
m. = v x t T =  1 0 2    2 2

2

= v x t T =  1 0 2    2 2 

2 m/s.

b) A velocidade média (v A ) do artilheiro pode ser calculada considerando que ele percorreu a distância

(S) de 16 m enquanto a bola esteve no ar. Então:

 S 16 16 2  v A = t = 2 2 4 T
S
16 16
2
v A =
t
=
2
2
4
T
v A = 20,16 km/h.

4

16 2  v A = t = 2 2 4 T v A = 20,16

4 (1,4) = 5,6 m/s

2 4 T v A = 20,16 km/h.  4  4 (1,4) = 5,6 m/s
2 4 T v A = 20,16 km/h.  4  4 (1,4) = 5,6 m/s

2) Um jogador de futebol chuta uma bola com massa igual a meio quilograma, dando a ela uma velocidade inicial que faz um ângulo de 30 graus com a horizontal. Desprezando a resistência do ar, determine o valor que melhor representa o módulo da velocidade inicial da bola para que ela atinja uma altura máxima de 5 metros em relação ao ponto que saiu. Considere que o módulo da aceleração da gravidade vale 10 metros por segundo ao quadrado.

RESOLUÇÃO: y v = v v 0x 0 v 0y 5 m 30°
RESOLUÇÃO:
y v = v
v
0x
0
v 0y
5 m
30°

x

x

v 0x

Aplicando Torricelli para o eixo y:

v

2 y

v

0y 2

2 g y .

 v  v  v  0   0x y No ponto mais
 v
v
v
0
 
0x
y
No ponto mais alto:
  y
 h
Substituindo:
2
 2 g h  v 0y =
2 g h 
2(10)(5) = 10 m/s.
v 0y
0 2 =

Mas:

v 0y = v 0 sen 30°

10

1

= v 0 2

v 0 = 20 m/s.

3) Em uma partida de futebol, a bola é chutada a partir do solo descrevendo uma trajetória parabólica cuja altura máxima e o alcance atingido são, respectivamente, h e s. Desprezando o efeito do atrito do ar, a rotação da bola e sabendo que o ângulo de lançamento foi de 45 ° em relação ao solo horizontal, calcule a razão s/h.

Dado: sen 45 ° = cos 45 ° =

RESOLUÇÃO:

2 .
2
.

2

Pela equação de velocidade

v = v 0 + a.t

2 0 = v.  2 - g.t 2 t = v.  2g 
2
0 = v. 
2
- g.t
2
t
= v. 
2g
que é o tempo de subida da bola.

Pela equação do deslocamento horizontal

x

= x 0 + v.t

s

.
.

= v. ( 2 2)

 

2. v.

2   2g   
2
2g
 

s = v 2 /g que é o deslocamento máximo horizontal ou alcance atingido Pela equação do deslocamento vertical

ou alcance atingido Pela equação do deslocamento vertical Capítulos três e quatro - Fundamentos de Física-
ou alcance atingido Pela equação do deslocamento vertical Capítulos três e quatro - Fundamentos de Física-

y

h

h

= y 0 + v 0 .t + a.t 2 /2 2 = v. (
= y 0 + v 0 .t + a.t 2 /2
2
= v. ( 2 2)
v.
.
  
2g

  - g

  

v.

 2g  2 / 2
2g
2 /
2

  

2

= v 2 .(4g) que é a altura máxima atingida pela bola

Assim s/h =

v

2

/ g

 

v

2

/

4g

 

PÁGINA 82.

= 4

23) Um projétil é disparado horizontalmente de uma arma que está a 45,0 m acima de um terreno plano, saindo da arma com velocidade de 250 m/s. (a) Por quanto tempo o projétil permanece no ar? (b) A que distância da horizontal do ponto de disparo o projétil se choca com o solo? (c) Qual o módulo da componente vertical da velocidade quando o projétil se choca com o solo?

26) Uma pedra é lançada por uma catapulta no instante t = 0, com uma velocidade inicial de módulo 20,0 m/s e ângulo 40,0° acima da horizontal. Quais são os módulos das componentes (a) horizontal e (b) vertical do deslocamento da pedra em relação a catapulta em t = 1,10 s? Repita os cálculos para os componentes (c) horizontal e (d) vertical do deslocamento da pedra em relação a catapulta em t = 1,80 s e para os componentes (e) vertical e (f) horizontal para t = 5,00 s

28) Uma pedra é lançada no alto de um rochedo de altura h com uma velocidade inicial de 42,0 m/s, dirigida num ângulo de θ 0 =60° com a horizontal.

dirigida num ângulo de θ 0 =60° com a horizontal. A pedra atinge o rochedo 5,5

A pedra atinge o rochedo 5,5 s após o lançamento. Determine: (a) altura h do rochedo; (b) o valor da velocidade da pedra imediatamente antes do instante do impacto, no ponto A e (c) a altura máxima H atingida a contar do solo.

ponto A e (c) a altura máxima H atingida a contar do solo. Capítulos três e
ponto A e (c) a altura máxima H atingida a contar do solo. Capítulos três e

30)Uma bola de futebol é chutada a partir do chão com uma velocidade inicial de 19,5 m/s e um ângulo para cima de 45°. No mesmo instante, um jogador a 55 m de distância na direção do chute, começa a correr para receber a bola. Qual deve ser a velocidade média do jogador para que alcance a bola imediatamente antes de tocar no gramado?

PÁGINA 83.

32) Suponha que você tenha atirado uma bola com uma velocidade de 25,0 m/s, fazendo um ângulo de 40,0° acima da horizontal diretamente na direção de uma parede, como vemos na figura.

na direção de uma parede, como vemos na figura. A parede está a 22,0 m à

A parede está a 22,0 m à frente do ponto de lançamento. (a) Durante quanto tempo a bola

permanece no ar antes de atingir a parede? (b) Em que posição acima do ponto de lançamento a bola atinge a parede? (c) Quais são os componentes horizontal e vertical da velocidade da bola no momento em que ela atinge a parede? (d) A bola já teria passado pelo ponto máximo da sua trajetória ao atingir a parede?

33) Um avião, mergulhando com velocidade constante em um ângulo de 53,0° com a vertical, lança um projétil a um altitude de 730 m. O projétil chega ao solo 5,00 s após o lançamento.

(a) Qual é a velocidade do avião? (b) Que distância o projétil percorre horizontalmente durante

o percurso? Quais são os componentes (c) horizontal e (d) vertical da velocidade do projétil no momento em que chega ao solo?

39) Na figura 4-37, uma bola é lançada para esquerda da extremidade do terraço de um

edifício . O ponto de lançamento está a uma altura h em relação ao solo e a bola chega ao solo 1,50 s depois, a uma distância horizontal d= 25,0 m do ponto de lançamento e fazendo um ângulo de 60,0° com a horizontal. (a) Determine o valor de h? (sugestão: uma forma de resolver o problema é inverter o movimento, como se estivesse vendo um filme de trás para frente). Quais são (b) o módulo e (c) o ângulo em relação à horizontal com a qual a bola foi

lançada?

em relação à horizontal com a qual a bola foi lançada? Capítulos três e quatro -
em relação à horizontal com a qual a bola foi lançada? Capítulos três e quatro -
em relação à horizontal com a qual a bola foi lançada? Capítulos três e quatro -

PÁGINA 84.

43) Uma bola é lançada a partir do solo. Quando atinge a altura de 9,1 m, a velocidade é

do solo. Quando atinge a altura de 9,1 m, a velocidade é = (7,6 i +

= (7,6 i + 6,1 j ) m/s, com i horizontal e j vertical para cima. (a) Qual é a altura máxima atingida pela bola? (b) Qual é a distância horizontal coberta pela bola? Quais são: (c) o módulo e (d) o ângulo (abaixo da horizontal) da velocidade da bola no instante em que atinge o solo?

v

48) Na figura, uma bola é arremessada par o alto de um edifício , caindo 4,00 s depois a uma altura h = 20,0 m acima da altura de lançamento. A trajetória da bola no final no final da

trajetória tem inclinação θ = 60,0° em relação à horizontal. (a) Determine a distância horizontal

d coberta pela bola. Quais são: (b) o módulo e (c) o ângulo ( em relação a horizontal da velocidade inicial da bola)

( em relação a horizontal da velocidade inicial da bola) PÁGINA 87. 87) Uma bola de

PÁGINA 87.

87) Uma bola de beisebol é golpeada junto ao chão. A bola atinge a altura máxima 3,0 s após ter sido golpeada. Em seguida, 2,5 s após ter atingida a altura máxima, a bola passa rente a um alambrado que está a 97,5 m do ponto onde a bola foi golpeada. Suponha que o chão é plano.

(a) Qual é a altura máxima atingida pela bola? (b) Qual é a altura do alambrado? (c) A que

distância do alambrado a bola atinge o chão?

PÁGINA 88

91) Durante erupções vulcânicas, blocos de rocha sólida também são atirados para fora do vulcão; estes projéteis são denominados blocos vulcânicos. A figura mostra uma seção reta do Monte Fuji, no Japão.

A figura mostra uma seção reta do Monte Fuji, no Japão. (a) Com que velocidade inicial

(a) Com que velocidade inicial o bloco deve ser ejetado, fazendo um ângulo de 35° com a

horizontal, a partir da cratera A, de modo a cair no sopé do vulcão, no ponto B? (b) Qual é o tempo de vôo do bloco? (c) O efeito do ar aumentaria ou diminuiria o valor da velocidade

calculada no item (a)?

ou diminuiria o valor da velocidade calculada no item (a)? Capítulos três e quatro - Fundamentos
ou diminuiria o valor da velocidade calculada no item (a)? Capítulos três e quatro - Fundamentos

GABARITO

CAPÍTULO 3

GABARITO CAPÍTULO 3 CAPÍTULO 4 Capítulos três e quatro - Fundamentos de Física- Halliday- Resnick e
GABARITO CAPÍTULO 3 CAPÍTULO 4 Capítulos três e quatro - Fundamentos de Física- Halliday- Resnick e

CAPÍTULO 4

GABARITO CAPÍTULO 3 CAPÍTULO 4 Capítulos três e quatro - Fundamentos de Física- Halliday- Resnick e
GABARITO CAPÍTULO 3 CAPÍTULO 4 Capítulos três e quatro - Fundamentos de Física- Halliday- Resnick e
GABARITO CAPÍTULO 3 CAPÍTULO 4 Capítulos três e quatro - Fundamentos de Física- Halliday- Resnick e
GABARITO CAPÍTULO 3 CAPÍTULO 4 Capítulos três e quatro - Fundamentos de Física- Halliday- Resnick e
Capítulos três e quatro - Fundamentos de Física- Halliday- Resnick e Walker Página 10
Capítulos três e quatro - Fundamentos de Física- Halliday- Resnick e Walker Página 10
Capítulos três e quatro - Fundamentos de Física- Halliday- Resnick e Walker Página 10
Capítulos três e quatro - Fundamentos de Física- Halliday- Resnick e Walker Página 10