P. 1
Projeto Integrado Multidisciplinar II

Projeto Integrado Multidisciplinar II

|Views: 77|Likes:
Publicado porRenato Alcará

More info:

Published by: Renato Alcará on Jun 10, 2013
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

10/20/2013

pdf

text

original

UNIP INTERATIVA Projeto Integrado Multidisciplinar – II Curso Superiores de Tecnologia

RENATO DOS SANTOS ALCARA RA: 1301964 ANTONIO CARLOS MIOSSI JUNIOR RA: 1314280 WASHINGTON LUIZ AQUINO FERREIRA RA: 1304974 ALEXANDRE DE PAULA FLEMING RA: 1311267

PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR II

1

POLO - Boituva – SP POLO – Rio de Janeiro / Centro – RJ POLO - Alphaville Fernão Gaivota – SP POLO – Ouro Fino - MG 2013

PROJETO INTEGRADO MULTIDISCIPLINAR II

Trabalho apresentado ao curso de graduação SUP TEC EM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO da Universidade Paulista–UNIP.

Orientador: José Carlos Lorandi

pode lhe garantir uma série de benefícios. estes referenciais foram selecionados e. O cenário econômico e mundial vivenciado atualmente (século XXI) tem feito com que as empresas se preocupem cada vez mais com sua imagem no mercado. pode-se dizer que o presente trabalho. no âmbito estratégico do setor da Tecnologia da Informação. Palavras-Chave: INFORMAÇÃO. sendo que.2 Universidade Paulista UNIP RESUMO A escolha do tema deve-se ao fato das organizações estarem em busca de sistemas capazes de melhorar os seus processos e de contribuir para o estabelecimento de relações mais consolidadas e confiáveis com seus fornecedores e clientes. Assim. posteriormente analisados. o qual foi construído a partir do levantamento de referenciais teóricos. ORGANIZAÇÃO DE COMPUTADORES. uma vez que essa se for positiva. qual a eficácia e os resultados obtidos por meio da utilização do sistema de coleta. DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL. exposto acima. teve por intuito apontar por meio de pesquisa de abordagem qualitativa. PRINCIPIOS DE SISTEMAS DE .

The global economic scenario and currently experienced (century) has made companies increasingly worry about its image in the market. . PRINCIPLES OF INFORMATION SYSTEMS. how effective and the results obtained through the use of the collection system. Thus. which was built from the survey of theoretical frameworks. above. SUSTAINABLE DEVELOPMENT. Keywords: ORGANIZATION OF COMPUTERS. and these references were selected and subsequently analyzed. one can say that this work.3 ABSTRACT The choice of subject is due to the fact that organizations are looking for systems that can improve their processes and contribute to the establishment of more consolidated and trusted with their suppliers and customers. since that if positive. had the intention to point through qualitative research. can guarantee you a number of benefits. under the strategic Information Technology sector.

........... 10 3..................... 26 .. 05 2............ ORGANIZAÇÃO DE COMPUTADORES .... 06 2.......... INTRODUÇÃO ....................................................4 SUMÁRIO 1...............................................................................................1 MÁQUINAS VIRTUAIS .............................................................................. 13 4................................................................2 VANTAGENS DA MÁQUINA VIRTUAL ...... PRINCIPIOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO ...................................... DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL ............................................ 23 REFERÊNCIAS ....................................... 08 2............................................ 20 CONCLUSÃO...................................................

a satisfação do cliente e o bom relacionamento com os colaboradores e fornecedores fazem com que a empresa seja bem vista no mercado. Quanto maior o volume de dados na empresa. em discos rígidos ou até mesmo na memória das pessoas. o que garantirá a confiabilidade das informações que nela detém. . As organizações necessitam da informação para tomar decisões e assim obter sucesso. maior será a complexidade dos sistemas e consequentemente o nível de preocupação com segurança. as organizações têm investido em melhorias. cientes de que. seja ela . principalmente no condiz à qualidade do produto e à pontualidade no fornecimento do mesmo. a necessidade de se manterem em um mercado cada vez mais competitivo. sendo que no mundo de hoje quem possui esse poder acaba se tornando proprietário da informação. INTRODUÇÃO Observa-se que na atualidade as empresas têm primado pela melhoria de seus sistemas. melhorando assim sua rede de relacionamento. mudanças ou até mesmo a própria empresa. Diante de questões como essas. A informação é a principal arma para o mundo competitivo e a concorrência entre as empresas. A segurança da informação tem como propósito proteger as informações registradas não importando a sua forma. pois sem ela não há estratégias. já que. tendo em vista.5 1. impressa. fatores como esses têm contribuído para que os clientes se tornem mais exigentes.

software de virtualização foi adotado mais rapidamente do que imaginavam inclusive os especialistas. A tecnologia tem o seu início em mainframes décadas atrás. cada um dos quais é independente dos outros. dividindo-se a disposição da largura de banda em canais. e cada um dos quais pode ser atribuído (ou retribuídos) para um servidor ou dispositivo em tempo real. ORGANIZAÇÃO DE COMPUTADORES A virtualização é a criação de uma versão virtual (em vez de real) de algo. A partição é a divisão lógica de um disco rígido para criar. como um sistema operacional. Em 2005. . Virtualização do sistema operacional é o uso de software para permitir que uma peça de hardware para rodar imagens de sistemas operativos múltiplos. Existem três áreas de tecnologia onde a virtualização está fazendo caminho: • • • Virtualização de rede Virtualização de armazenamento Virtualização de servidores Virtualização de rede é um método de combinação dos recursos disponíveis de uma rede. ao mesmo tempo. se já dividiu o disco rígido em partições diferentes. permitindo que os administradores evitassem desperdício de poder de processamento caro.6 2. dois discos rígidos separados. um dispositivo de armazenamento ou de recursos de rede. Provavelmente conhece um pouco sobre virtualização. de fato. um servidor.

7 A ideia é que a virtualização disfarça a verdadeira complexidade da rede. aumentando a partilha e utilização de recursos e manter a capacidade de expandir mais tarde. Virtualização de armazenamento é a conjugação de armazenamento físico de vários dispositivos de armazenamento de rede para o que parece ser um único dispositivo de armazenamento que é gerenciado a partir de um console central. A intenção é poupar o usuário de ter que entender e gerenciar detalhes complicados de recursos do servidor. O objetivo usual de virtualização é centralizar tarefas administrativas. separando-o em partes gerenciáveis. . melhorando a escalabilidade e cargas de trabalho. um cenário em que o ambiente de TI serão capazes de gerenciar a si mesmo com base na atividade percebida. assim como seu disco rígido particionado torna mais fácil de gerenciar seus arquivos. Virtualização de armazenamento é comumente usado em redes de armazenamento. processadores e sistemas operacionais) de usuários do servidor. em que o poder de processamento do computador é visto como um utilitário que os clientes possam pagar apenas quando necessário. Virtualização de servidores é o mascaramento de recursos do servidor (incluindo o número e a identidade de todos os servidores físicos. A virtualização pode ser visto como parte de uma tendência geral na empresa de TI que inclui computação autonômica.

rede e outros recursos de hardware são geridos por uma camada de virtualização que se traduz essas solicitações para o hardware físico subjacente. A máquina virtual normalmente emula um ambiente de computação física. os sistemas operacionais convidados e programas não estão conscientes de que estão sendo executados em uma plataforma virtual e. A camada de virtualização pode ser usada para criar diversos ambientes VM individuais isoladas. este software pode ser instalado da mesma forma que seria implantado em hardware servidor físico. Normalmente.1 Máquinas Virtuais Uma máquina virtual (VM) é uma implementação de software de um ambiente de computação em que um sistema operacional ou o programa pode ser instalado e executado. . o sistema operacional convidado pode parecer ter um disco rígido físico ligado a ele. desde que a plataforma virtual da VM é suportada. disco rígido. Este sistema operativo é conhecido como o sistema operacional hospedeiro. Por exemplo. como um hypervisor ou uma plataforma de virtualização que roda em cima de um cliente do sistema operacional ou do servidor.8 2. mas reais E / S entradas tem solicitações convertidas pela camada de virtualização para que eles realmente ocorram contra um arquivo que pode ser acessado pelo sistema operacional hospedeiro. VMs são criadas dentro de uma camada de virtualização. mas a parte do hardware como CPU. memória. As máquinas virtuais podem proporcionar inúmeras vantagens sobre a instalação de sistemas operacionais e software diretamente no hardware físico. O isolamento garante que os aplicativos e serviços que são executados dentro de uma máquina virtual não podem interferir com o host do sistema operacional ou outras VMs.

a execução de software em plataformas de outra forma obsoletos). copiadas e transferidas entre servidores host para aperfeiçoar a utilização de recursos de hardware. Os administradores também podem tirar proveito de ambientes virtuais como simples backups. ou de ter várias instâncias de máquinas virtuais levar ao uso mais eficiente dos recursos de computação. As máquinas virtuais são separadas em duas grandes classificações. Estes costumam imitar uma arquitetura existente. a máquina virtual linguagem) é projetada para executar um único programa. ou ambos. novas implementações e as tarefas básicas de administração do sistema. . a máquina virtual (VM) é uma implementação de uma máquina (ou seja. tanto em termos de consumo de energia e custo-eficácia (conhecida como virtualização de hardware). O uso de máquinas virtuais também vem com várias considerações importantes de gestão. De forma mais simples. um computador) que executa programas como um computador físico. o que significa que ele suporta um único processo. recuperação de desastres.9 VMs também podem ser facilmente movidas. e são construídos com o objetivo de fornecer tanto uma plataforma para executar programas onde o hardware real não está disponível para uso (por exemplo. muitos dos quais podem ser abordadas por meio de sistemas de melhores práticas e ferramentas que são projetados para VMs gerenciadas administração geral. Uma máquina virtual de processo (também. com base no seu uso e grau de correspondência para qualquer máquina real: Uma máquina virtual sistema oferece uma completa plataforma de sistema que suporta a execução de um completo sistema operacional.

As principais desvantagens da VMs são: • Uma máquina virtual é menos eficiente do que uma máquina real quando se compara ao hardware indiretamente • Quando várias VMs estão simultaneamente em execução no mesmo host físico. • Várias VMs cada um executando seu próprio sistema operacional (chamado de sistema operacional convidado) são frequentemente usados em consolidação de servidores. cada VM pode apresentar em graus variados e desempenho instável (velocidade de execução. manutenção. A máquina virtual foi originalmente definida por Popek e Goldberg como "uma forma eficiente. alta disponibilidade e recuperação de desastres.2 Vantagens da máquina virtual Vários ambientes de sistemas operacionais podem coexistir no mesmo computador. 2. a menos que sejam utilizadas técnicas adequadas para isolamento temporal. a máquina virtual pode proporcionar um conjunto de instruções. que é um pouco diferente do que a da máquina real no provisionamento de aplicativos. e não os resultados). em forte isolados uns dos outros. duplicata isolada de uma máquina real". entre as máquinas virtuais.10 Tais máquinas virtuais são geralmente adequadas para uma ou mais linguagens de programação e construído com a finalidade de fornecer portabilidade do programa e flexibilidade (entre outras coisas). o que depende. O uso atual inclui máquinas virtuais que não têm correspondência direta com qualquer hardware real. onde os diferentes serviços que costumavam . em muito a carga de trabalho imposta ao sistema por outras VMs.

implementado compartilhamento de tempo. o CMS. é possível compartilhar as páginas de memória que têm conteúdos idênticos entre várias máquinas virtuais. Como a tecnologia evolui de memória virtual. uma vez que permitiu a partilha de tempo de um único computador entre vários sistemas de operação single-tasking. rodando na mesma máquina física. o precedeu. através de uma técnica conhecida como Kernel fusão. mapeá-los para a mesma página física. um sistema de máquina virtual pode ser considerado como uma generalização do conceito da memória virtual que. tais como o sistema operacional. Em alguns aspectos. Isto é particularmente útil para somente leitura páginas. Esta abordagem tem algumas vantagens. historicamente.11 rodar em máquinas individuais. especialmente no caso de múltiplas máquinas virtuais em execução o mesmo ou similar software. permitiu aos usuários adicionar dispositivos de entrada / saída não permitida pelo sistema padrão. para evitar interferências em vez disso são executados em máquinas virtuais separadas na mesma máquina física. Ao contrário da memória virtual. bibliotecas de software. por exemplo. por vezes. Da IBM CP / CMS. os primeiros sistemas para permitir a virtualização completa. irá utilizar as tecnologias de comprometimento excessivo de memória para gerenciar o compartilhamento de memória entre múltiplas máquinas virtuais em um único computador físico. fornecendo cada usuário com um sistema operacional de um único usuário. . Em uma nota relacionada. servidor web. etc. no que diz respeito à virtualização. componentes de middleware. O desejo de executar vários sistemas operacionais foi à motivação original para máquinas virtuais. uma máquina virtual sistema permitiu que o usuário usasse instruções privilegiadas em seu código. como aqueles que contêm segmentos de código.

. como um sistema operacional de alto nível. ao mesmo tempo. Microsoft Windows e Linux. um uso típico é o de apoiar um sistema operacional em tempo real. incluindo um melhor acesso depuração e reboots mais rápidos. ou versões mais antigas de um sistema operacional de suporte de software que ainda não foi portado para a versão mais recente). como o Linux ou Windows. O uso de máquinas virtuais para suportar diferentes sistemas operacionais hóspedes está se tornando popular em sistemas embarcados. possivelmente porque é um sistema em desenvolvimento. Outro uso é sandbox um sistema operacional que não é confiável. As máquinas virtuais têm outras vantagens para o desenvolvimento de OS.12 Os sistemas operacionais hóspedes não tem que ser compatível com o hardware fazendo o possível para executar diferentes sistemas operacionais no mesmo computador (por exemplo.

“A ideia de limitações impostas pelo estado da tecnologia e da organização social sobre a capacidade do ambiente para atender às necessidades presentes e futuras”. Mas podemos abordá-los. O desenvolvimento sustentável é desenvolvimento que satisfaz as necessidades do presente sem comprometer a capacidade das gerações futuras satisfazerem suas próprias necessidades Ele contém em si dois conceitos-chave. e não podemos rata-los da mesma forma que os criou. DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL O tema sobre desenvolvimento sustentável tem atualmente ocupado o lugar central na política brasileira. e. As definições criadas sobre desenvolvimento sustentável exigem que devam mudar a forma que vemos o mundo. Este tema tem sido definido de várias formas. a prioridade absoluta que deve ser dada. e apreciá-lo como um sistema que conecta o espaço e um sistema que conecta o tempo. 43 ). Os problemas que enfrentamos são complexos e graves.: O conceito de necessidades. mas a definição mais freqüentemente usada é a que foi citada na Comissão Mundial sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento (WCED) no Relatório Brundtland (Oxford University Press.13 3. . Ela nos ajuda a entender a nós mesmos e nosso mundo. 1987 p. O ambientalismo tem que ser cuidado e tratado também pelos consumidores e assim todos conseguirão levar uma vida mais consciente para não danificar nossas práticas atuais. O conceito de desenvolvimento sustentável tem suas raízes neste tipo de pensamento sistêmico. em particular as necessidades essenciais dos pobres do mundo.

É também sobre a garantia de uma sociedade forte.14 Figura – Itens necessários para o Desenvolvimento Sustentável. O desenvolvimento sustentável. afinal podemos fazer nossa própria contribuição para tornar o mundo um lugar melhor. Isto significa satisfazer as diversas necessidades de todas as pessoas nas . os mais frequentes e graves consequências tendem a se tornar. a mudanças no clima global. O ambientalismo está crescendo e com isso é possível criar um negócio verde e assim ser particularmente satisfatório. conforme definido pela Comissão Brundtland (1987) é “desenvolvimento que satisfaz as necessidades do presente sem comprometer a capacidade das gerações futuras satisfazerem suas próprias necessidades”. por parte das grandes crises financeiras causadas pela banca irresponsável. saudável e justa. resultantes da nossa dependência em fontes de energia baseada nos combustíveis fósseis. Mas o foco do desenvolvimento sustentável é muito mais amplo do que apenas o meio ambiente. o que é por isso que precisamos agir agora. Já estamos vendo os danos que esse tipo de abordagem pode causar. Quanto mais buscamos o desenvolvimento insustentável. totalmente sem considerar os impactos mais amplos ou futuros. O desenvolvimento é impulsionado por uma necessidade particular.

Figura . e a criação de oportunidades iguais.15 comunidades existentes e futuras. é agora facilmente disponível na forma de computadores pessoais (PCs). promovendo bem-estar pessoal. que todos os fenômenos naturais mostram uma regularidade que pode ser encapsulado em certas "leis" da natureza. é a linguagem da Matemática.Ambientalismo A ideia de desenvolvimento sustentável cresceu com os inúmeros movimentos ambientalistas das décadas anteriores. É um fato extraordinário. Talvez o exemplo mais conhecido disto seja a lei da gravitação. e as suas consequências exploradas. que muitas vezes tomar por certo. Ainda mais a linguagem natural em que essas leis podem ser formuladas. É esta lei que nos permite prever com precisão incrível a trajetória de um satélite ou uma nave espacial. e isso tem sido possível porque o poder computacional necessário para a modelagem. . Nas últimas décadas uma nova oportunidade surgiu que é usar essas técnicas de sustentabilidade para os pequenos esforços de desenvolvimento. e inclusão social.

eram grandes reuniões internacionais para trazer desenvolvimento sustentável para todos os países.16 Cúpulas como a Cúpula da Terra no Rio de Janeiro em Brasil. e uma grande parte da humanidade ao redor do mundo ainda vive sem acesso às necessidades básicas. Figura – Ambientalismo no Brasil O conceito de sustentabilidade significa muitas coisas diferentes para pessoas diferentes. Apesar de convenções vinculativas e inúmeros relatórios detalhados. o registro em movimento em direção à sustentabilidade. não parece ter sido cumprida e pouco se sabe sobre os detalhes para os cidadãos comuns em todo o mundo. a Cúpula da Terra no Rio foi assistida por 152 líderes mundiais. e uma recomendação para que todos os países devessem produzir estratégias nacionais de desenvolvimento sustentável. e a sustentabilidade foi consagrado na Agenda 21. até agora parece ter sido bastante pobre. 1992. Em 1992. um plano de ação. No entanto. .

países geralmente não possuem a infraestrutura física. O início para o movimento computação verde foi dado pelo programa da Energy Star em 1992. pobres.ricos e pobres .. ideias e capacidade humana de integrar a sustentabilidade em seu planejamento de desenvolvimento. um travão por sua ao vez Desenvolvimento. está debatendo se a ênfase deve estar no “sustentável” ou no “desenvolvimento” metade da equação”. Além disso. eles são muitas vezes bastante cético sobre o compromisso dos países ricos real para o desenvolvimento sustentável e exigem uma partilha mais equitativa dos custos ambientais e responsabilidades.17 “Em muitos países . . Os finalmente. .. por outro lado. líder internacional e Panos Londres. Caminhos para a Cimeira. maximizarem a eficiência energética e promover a reciclagem. Índia vê a ideia de uma pegada ecológica de luz como parte do seu património cultural. Muitas pessoas também acreditam que os problemas ambientais podem esperar até que os países em desenvolvimento são mais ricos. ainda não há uma visão amplamente compartilhada de que o desenvolvimento sustentável pode significar na prática. 30 de Agosto de 2002 TI verde O objetivo da computação verde é simples: redução do uso de materiais nocivos. Dez anos depois. “Japão. muitas vezes por causa de uma percepção de que a sustentabilidade é cara para programar e.isto é.

O efeito combinado de milhões de computadores pessoais. uso. Esta função permite que o computador entre em modo de espera depois de um período pré-estabelecido passa sem qualquer atividade do usuário. os consumidores podem ajudar a reduzir a quantidade de eletricidade consumida. à maioria das pessoas deixam seus computadores ligados. a computação verde é o estudo científico da eficiente e eficaz concepção. Foi atribuído a monitores. sistemas de redes. Tudo isso o uso de energia se traduz em gases de efeito estufa a partir de diversas fontes utilizadas para gerar a eletricidade. impressoras. televisores. aparelhos de ar condicionado e outros eletrodomésticos. refrigeradores. Os computadores pessoais e eletrônicos em casa podem parecer que eles não usam muita energia. etc. . como servidores. monitores. portanto. A idéia de TI verde é assegurar o menor impacto humano sobre o ambiente. mesmo em modo de espera pode usar uma boa quantidade de energia. sistemas de comunicação. com isso pretende-se alcançar a sustentabilidade ambiental. Ao criar um sistema que promove a eficiência de energia. maximizando a eficiência. descarte e reciclagem de computadores e produtos de informática relacionados. Depois disso.18 Isso serviu como um rótulo facultativo que foi concedido a produtos de informática que fizeram sucesso em provar que eles usaram o mínimo de energia. mas ao contrário de uma luz que é desligado quando não estiver em uso. fabricação. USBs. O primeiro resultado de pesquisas em computação verde resultou na função de modo Sleep por monitores de computador. vários conceitos como a contabilidade de custos de energia e soluções foram desenvolvidos. a redução dos gases de efeito estufa e redução de custos para o consumidor.O estudo utiliza ciência para criar tecnologias que ajudam a preservar os recursos naturais e reduzir o impacto nocivo sobre o meio ambiente. De forma simples.

19 Já é possível perceber o impacto da TI verde no mercado. . email marketing e outros. observando a incrível redução de panfletos nas ruas. blogs. Grande empresa de publicidade tem dedicado em publicidade digital utilizando os sites de relacionamento.

desempenho e praticidade que é necessário em uma grande empresa. ou seja. cálculos e gráficos. Há ainda uma intranet para acesso dos funcionários. similar ao pacote office com a diferença de ser livre. Existe um software livre similar ao pacote office da Microsoft. . gerenciador de tarefas e contatos. ele não é pago. É um software livre totalmente brasileiro. podem acessar o site conhecer sua história e produtos e fazer pedidos online caso desejarem. são eles: • • • • Word – É usado como editor de texto. Todos os trabalhos escritos. construção de gráficos e apresentações e slides são criados utilizando o Pacote Office . Outlook – É usado para criação de e-mails. No Notebook Informática é utilizada cada aplicativo que o Pacote Office (suíte de aplicativos para escritório) pode oferecer para ajudar na organização. planilhas. Excel – É usado para criação de planilhas. assim a rede interna da empresa e seu conteúdo são totalmente restritos e sendo possível acessá-lo somente localmente. PRINCIPIOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO A empresa em questão possui os tipos de comunicação interna e externa: internet e intranet. Na internet possui um site institucional. com o nome de Broffice. Power Point – É usado para criação de apresentações e slides. e agregado a ele um e-commerce. A empresa tem pensado em migrar para o software livre e assim economizar bastante quanto ao uso do pacote office.20 4. Dessa forma os usuários e visitantes.

• Liberdade 1 • Liberdade de estudar como o programa funciona. • Math – É usado na criação de fórmulas cientificas • Writer .21 Esse pacote é composto por: • Base – Gerenciador de banco de daos. “um programa é software livre se os usuários do programa têm as quatro liberdades essenciais. Acesso ao código-fonte é um pré-requisito para isso. • Impress – É usado para criação de apresentações e slides. São elas: • Liberdade 0 • Liberdade de executar o programa. O termo Software Livre significa “Software que respeita as liberdades dos usuários e do usuário.É usado para criação de planilhas. para qualquer propósito . distribuir. e alterá-lo para que ele funcione como você deseja. Isso quer dizer que todos os usuários de software livre têm a liberdade de executar. • Draw – É usado para a editoração eletrônica e criação de desenhos vetoriais. . Dessa forma os usuários podem controlar o software e o que o sowtware pode fazer por eles. “. • Calc . copiar.É usado como editor de texto. • Liberdade 2 • Liberdade de redistribuir cópias de modo que você possa ajudar ao seu próximo. estudar e melhorar o software. cálculos e gráficos. De acordo com a Fundação GNU (entidade responsável pelo software livre).

22 • Liberdade 3 • Liberdade de distribuir cópias de suas versões modificadas para os outros. O sistema contará com um Banco de Dados também utilizando software livre. O Linux é um sistema operacional livre de código aberto para computadores e de graça. Ele tem muitos níveis de opções para personalização e utiliza um sistema de arquivos baseado em Debian. A distro (como é chamado) utilizado será o Ubuntu. É a distro que tem a maior comunidade de usuários e. o melhor suporte. Acesso ao código-fonte é um pré-requisito para isso. Ao fazer isso você pode dar a toda a comunidade a oportunidade de beneficiar de suas alterações. chamado MySql. portanto. O sistema operacional utilizado nos terminais e no servidor central será o Linux. O sistema operacional é o software de espinha dorsal que o computador executa. . O Ubuntu é o sistema operacional mais utilizado no mundo (atrás do Windows e OSX). algo que é necessário estar consciente quanto a instalação do software. Ubuntu é baseado em uma versão mais antiga do Linux chamada Debian.

A fase de escrita é quando se deve estar puxando tudo junto com base em projeto de material que já tenha. Na atual realidade competitiva empresarial as organizações pesquisadas ainda se encontram em um patamar bem distante do ideal. No entanto várias organizações brasileiras já se atentaram a dar maior atenção na qualidade de seus produtos. As dificuldades de tempo e de gestão são muito comuns. Isso significa que a empresa deve tentar planejar de modo que possa evitar esses problemas. o tempo que precisa deixar de lado para a escrita é um grande constrangimento. Como quase todas as tarefas de investigação têm uma componente escrita. sendo que a gestão da qualidade ocupa o lugar de destaque nos objetivos principais das empresas. ao invés de começar do zero. . Mas ainda mais importante. considerando o alto nível de competitividade que existe atualmente.23 CONCLUSÃO Enfatizamos a necessidade de escrever porque muitas vezes é adiada para o final do projeto. mas isso também significa que não deve estar muito desmotivado se cruzar com um ou mais problemas. não pode realmente ser deixados para mais tarde no processo de pesquisa. Essa realidade competitiva de forma exata irá provocar uma grande mudança nesse quadro obrigando as empresas a se adequarem aos novos tempos. É muito fácil deixar as coisas passarem despercebidas e deixar de abordar questões importantes a menos que se possam confronta-las com na imprensa. quando em quase todos os casos é exigido desde o início.

além estreitar a suas relações com os fornecedores e clientes. foi possível verificar que quando implantado e utilizado da forma correta. (2010) um dos maiores desafios das organizações na atualidade consiste na busca pela racionalização de recursos. Assim. As regras ou padrões criados irão proporcionar uma relação da empresa com o seu ambiente externo. após a análise dos referencias teóricos utilizados para confecção do trabalho. De acordo com Ansoff (1990) "estratégia é um dos vários conjuntos de regras de decisão para orientar o das comportamento são os sistemas a e atividades (qualitativos) da de serem metas organização. a organização pode obter ganhos logísticos e também financeiros. padronização seus seja. os quais compõem boa parte dos custos da empresa. o cenário econômico e mundial existente na atualidade. adotados pela empresa a fim de alcançar objetivos (quantitativos)”. dentre esses. tem feito com as empresas busquem de todas as formas melhorias no sentido de se manterem firmes e sólidas em um mercado cada vez mais instável. . O gestor da informação deve trabalhar a informação obtida de forma que ela seja um diferencial para a empresa. pois agrega confiança durante o desempenho da estratégia. O sucesso da estratégia tem como uma função vital para a empresa a própria informação. De acordo com Röhm et al.24 A chave para superá-los é ter um plano que é suficientemente flexível para lidar com problemas imprevistos e ter a certeza que ajustar seus planos de uma forma realista para que possa entregar o projeto sobre o tempo. os recursos empregados com a TI. tendo em vista que.

sendo que o mais importante é adequar esses sistemas aos padrões da empresa. temos que observar que a Administração estratégica.25 Agora que temos um conhecimento sobre o que é e como aplicar a estratégia. que a Tecnologia da Informação exerce um papel fundamental na mineração e tratamento de dados. segundo Ansoff (1993): “é um enfoque sistemático a uma responsabilidade importante e cada vez mais essencial da administração geral: posicionar e relacionar a empresa a seu ambiente de modo que garanta seu sucesso continuado e a coloque a salvo de eventuais surpresas. . armazenamento e veiculação de dados e informações. Algumas empresas têm esse padrão para uso das gestões das informações o importante é que compreendendo essa questão. a administração estratégica situa a empresa ao ambiente em que ela está inserida a fim de torná-la mais competitiva. com um enfoque maior nos objetivos almejados. É claro que. os processos que ocorrem na empresa fará muito mais sentido.” Esses resultados podem ser utilizados como instrumentos operacionais de orientação para as organizações brasileiras. com o intuito de ampliar a competitividade. Isso significa dizer que. Não temos dúvidas. com o auxílio da gestão da informação. sistemas de informações são indispensáveis no mundo corporativo.

). Ecologia. NOSSO FUTURO COMUM. Rio de Janeiro: Ed.tendências e perspectivas. 1983. In: MAGALHAES. 1994.com.P. Comissão Mundial Sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento. ODUM. H. A questão ambiental.uol.26 REFERÊNCIAS RATTNER. FGV. Rio de Janeiro: Guanabara. 1988.gartner. Desenvolvimento sustentável . (org.E.br/tecnologia/2011/04/08/virtualizacao-reduz-em60-custos-de-energia-na-univen . Gartner – Acessado em 28/05/2013 Às 20h00min http://www. E. São Paulo: Terragraph.com/technology/metrics/ Virtualização – Acessado em 28/05/2013 Às 20h00min http://computerworld. L.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->