Você está na página 1de 4

Sabe aquela história de lado direito e esquerdo do cérebro? Pois é.....

o funcionamento da parte mais importante do nosso corpo é dividido em partes, e cada uma tem sua função específica. Para você ter uma idéia do que estamos falando, podemos dizer que o lado direito do cérebro é o responsável pelos processos criativos, já o lado esquerdo é o responsável por todo conhecimento que envolve o raciocínio lógico. Durante muito tempo, as atividades típicas do hemisfério esquerdo foram talvez excessivamente valorizadas, em detrimento daquelas mais relacionadas ao lado direito. Hoje, os estudos apontam para uma necessidade de integrar estas funções. Fazer, isto, dizem os pesquisadores, aumenta muito a capacidade do nosso cérebro. Mas será que conseguimos juntar todas essas funções? É claro que ninguém consegue utilizar todos os recursos do cérebro, que ainda guarda muitos segredos que os cientistas tentam desvendar. O ideal seria que pudéssemos usufruir de toda nossa capacidade mental, e que o mundo fosse repleto de gênios, sem que passássemos horas e horas tentando resolver questões que parecem impossíveis de serem solucionadas. Apesar de todas as invenções fantásticas dos seres humanos, os estudos mostram que um homem comum utiliza apenas 3% da sua capacidade cerebral. Gênios, como Albert Einstein, conseguiam utilizar até 10%. É por isso que muitos pesquisadores concentram todos os seus esforços em descobrir métodos que auxiliem as pessoas a utilizar o melhor possível seu cérebro. Paul Dennison, PhD em Educação pela Universidade da Califórnia, é um deles. E em seu livro, Ginástica Cerebral, escrito com Gail Dennison, propõe uma série de exercícios físicos que ajudam a relaxar o corpo, e conseqüentemente, aliviam o estresse do cérebro para que ele funcione melhor. Os métodos visam ativar

uma prova de matemática. . uma prova de geografia logo na aula seguinte. digamos. raciocínio e memória. facilitando tarefas que exigem concentração e criatividade. por exemplo. que tomam muito pouco tempo e podem ser feitas diariamente. Esses pontos ficam acima dos olhos. conseguir liberar o estresse provocado por uma situação. entre as sobrancelhas e os cabelos. a qualquer momento do dia. dando uma certa tranqüilidade para planejar novas tarefas.. No mínimo.. O método serve para desestressar quando você se sente muito nervoso.simultaneamente os dois lados do cérebro e ativar regiões que antes não eram utilizadas. São técnicas supersimples. Não é um livro de métodos milagrosos.e dá para enfrentar situações deste tipo com o cérebro descansado. mas que oferece algumas dicas legais para você. eles vão auxiliar você a se concentrar melhor diante aquele mega problema de matemática ou a relaxar antes de encarar aquela pilha de livros que você tem que estudar! Siga as ilustrações e bons estudos! Aumente suas habilidades de estudo PONTOS POSITIVOS Os pontos positivos devem ser tocados de leve. antes de começar outra como. fazendo pressão até esticar a pele da testa.

Faça o mesmo para o outro lado. Exercite suas habilidades de raciocínio OWL (CORUJA) Você deve segurar o ombro com uma das mãos. apertando o músculo com firmeza. como se fosse olhar para trás. Isso ajudará a liberar as tensões do corpo quando você está há muito tempo sentado ou lendo alguma coisa.BOTÕES DE EQUILÍBRIO Você deve colocar dois dedos de uma mão na região da nuca (mais próxima da orelha) e a outra mão no umbigo. Durante o exercício. como mostra a figura. trocando também de mão. . É um método que serve para deixar a mente mais atenta. Respire profundamente durante um minuto e em seguida. faça o mesmo mudando as mãos. Faça movimentos girando a cabeça. respire fundo.

Com os joelhos relaxados. deixando seus braços escorregarem. Você vai perceber como seu corpo ficará mais leve e relaxado. incline-se para frente o mais que puder. Desça e levante em movimentos seguidos. Dennison (Editora Século XXI) Por que ler: o livro traz informações que podem ajudar a relaxar o corpo e a mente depois de um longo dia.GRAVITY GLIDER (ESCORREGADOR) Sente-se e cruze seus pés. Fonte: Livro "Ginástica Cerebral". de Paul E. Dennison e Gail E. Clique aqui e saiba mais sobre a Ginástica Cerebral . alternando a direção para direita. esquerda e centro.