P. 1
Linguagem e Comunicação

Linguagem e Comunicação

4.86

|Views: 85.794|Likes:
Publicado porLeles Silva
PORTUGUÊS EMPRESARIAL

O QUE É LINGUAGEM?
• É o uso da língua como forma de expressão e comunicação entre as pessoas. Agora, a nossa língua não é somente um conjunto de palavras faladas ou escritas, mas também dos gestos e imagens. Afinal, não nos comunicamos apenas pela fala ou escrita.

O QUE É LINGUAGEM?
• Então, a linguagem pode ser verbalizada, e daí vem a analogia ao verbo. Você já tentou se pronu
PORTUGUÊS EMPRESARIAL

O QUE É LINGUAGEM?
• É o uso da língua como forma de expressão e comunicação entre as pessoas. Agora, a nossa língua não é somente um conjunto de palavras faladas ou escritas, mas também dos gestos e imagens. Afinal, não nos comunicamos apenas pela fala ou escrita.

O QUE É LINGUAGEM?
• Então, a linguagem pode ser verbalizada, e daí vem a analogia ao verbo. Você já tentou se pronu

More info:

Published by: Leles Silva on May 11, 2009
Direitos Autorais:Public Domain

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
See more
See less

03/25/2013

SENAI – FATESG

Faculdade de Tecnologia em Desenvolvimento Gerencial

PORTUGUÊS EMPRESARIAL

O QUE É LINGUAGEM?
• É o uso da língua como forma de expressão e comunicação entre as pessoas. Agora, a nossa língua não é somente um conjunto de palavras faladas ou escritas, mas também dos gestos e imagens. Afinal, não nos comunicamos apenas pela fala ou escrita.

O QUE É LINGUAGEM?
• Então, a linguagem pode ser verbalizada, e daí vem a analogia ao verbo. Você já tentou se pronunciar sem utilizar o verbo? Se não, tente, e verá que é impossível se ter algo fundamentado e coerente! Assim, a linguagem verbal é que se utiliza de palavras quando se fala ou quando se escreve.

O QUE É LINGUAGEM FORMAL?

• Linguagem formal é aquela em que se usa o padrão formal da língua, isto é, aquela ensinada na gramática, seu uso se dá em situações mais formais.
• FONTE: http://br.answers.yahoo.com/question/index?qid=20070521103354AAmpWA7

O QUE É LINGUAGEM INFORMAL?
• o padrão informal da língua é aquela usada em situações que não requer tanto rigor, como nas conversas com amigos ou com a família. è bom ressaltar que não existe um padrão certo e um errado. O certo é você adaptar sua fala de acordo com a situação
• FONTE: http://br.answers.yahoo.com/question/index?qid=20070521103354AAmpWA7

IMPORTÂNCIA DA LINGUAGEM FORMAL
• Ela é usada para nível intelectual e um Português bem clássico, sem gírias e com posturas de comunicação de acordo com o tipo de literatura que for abordada. Outra utilizada para se comunicar com empresas nos moldes de grandes, pequenos é médios negócios. O modo de tratamento também é utilizado em V. Sra. Exmo. e etc... Essas linguagens são necessárias para se referir a pessoas tais como qualquer autoridade e inclusive é obrigatório em Direito.
• FONTE: http://br.answers.yahoo.com/question/index?qid=20080901191507AA6HEB8

IMPORTÂNCIA DA LINGUAGEM INFORMAL

• A informal é aquela que existem gírias e alguns vícios de nossa língua, tal como estou escrevendo aqui. Exemplo: e aí meu amigo?, Mermão! Falou! T+, Não saõ linguagens consideradas de bom nível e com modo de tratamento adequado quando se trata de intimidade.
FONTE: http://br.answers.yahoo.com/question/index?qid=20080901191507AA6HEB8

LINGUAGEM: VERBAL E NÃO VERBAL

• A linguagem pode ser não-verbal, ao contrário da verbal, não se utiliza do vocábulo, das palavras para se comunicar.

OBJETIVO
• O objetivo, neste caso, não é de expor verbalmente o que se quer dizer ou o que se está pensando, mas se utilizar de outros meios comunicativos, como: placas, figuras, gestos, objetos, cores, ou seja, dos signos visuais.

CARACTERÍSTICAS
• Funciona no presente e em dependência do contexto. • São intuitivas, expressam emoções e sentimentos. • Podem ser intencionais ou não. • Podem estar fora do controle da pessoa. • É subjetiva podendo causar equívocos ou mal entendidos.

FUNÇÕES
• • • • • • REPETIR – reforço das mensagens verbais. (Ex. Elogiar e sorrir). SUBSTITUIR – o uso do não verbal no lugar do formal. (ex.: continência). ACENTUAR – não verbal enfatizando a verbal. CONTRADIZER – oposição com a verbal. (ex.: sarcasmo). REGULAR – podem ser usadas para iniciar, continuar, interromper ou terminar as interações. COMPLEMENTAR – expandir, modificar ou fornecer detalhes a verbal.
( Pina e Cunha et al., 2005; Harris, 1993; Hogg e Vaughan, 2005).

• Exemplos de linguagem verbal:
– um texto narrativo. – uma carta. – o diálogo. – uma entrevista. – uma reportagem no jornal escrito ou televisionado. – um bilhete.

• Exemplos de linguagem não verbal:
– – – – – – – – o semáforo. o apito do juiz numa partida de futebol. o cartão vermelho. o cartão amarelo. uma dança. o aviso de “não fume” ou de “silêncio”. o bocejo. a identificação de “feminino” e “masculino” através de figuras na porta do banheiro. – as placas de trânsito.

VERBAL E NÃO VERBAL
(ao mesmo tempo)

• Charges. • Cartoons. • anúncios publicitários.

Cartão vermelho – denúncia de falta grave no futebol. Charge do autor Tacho – exemplo de linguagem verbal (óxente, pólo norte 2100) e não-verbal (imagem: sol, cactus, pinguim).

Placas de trânsito – à frente “proibido andar de bicicleta”, atrás “quebra-molas”.

Imagem indicativa de “silêncio”.

Semáforo com sinal amarelo advertindo “atenção”.

OS TIPOS DE COMUNICAÇÃO
Formal • Comunicação formal: é conscientemente planejada e oficializada através de documentos escritos. Informal • Comunicação informal: surge espontaneamente na organização, em reação às necessidades de seus membros. A comunicação informal pode ser ruim para a empresa, quando por exemplo, propaga muitos boatos, ou ser boa, quando facilita a ajuda entre os seus membros.
• FONTE: http://pontaodegestao.files.wordpress.com/2008/04/apostila-oficina-de-comunicacao.doc

FORMAL x INFORMAL
• Processo EFICIENTE é a correta utilização de ambas, conjuntamente. • Uma respeita a hierarquia, a outra destaca os laços afetivos. • Burocrática, a outra facilita a propagação, é espontânea. • Ligação entre elas para que haja uma parceria entre as pessoas das duas estruturas.

FORMAL x INFORMAL
• Oliveira (2007, p.80) de maneira genérica, existem dois tipos de formação de esquemas de comunicação numa empresa. São eles: o formal, que é conscientemente planejado, facilitado e controlado. Ele segue a corrente de comando numa escala hierárquica; e o informal, que surge espontaneamente na empresa, em reação às necessidades de seus membros. (apud
GIGLIOTI, 2008).

FORMAL x INFORMAL
• A formal auxilia no planejamento, organização, direção e controle. • A informal auxilia no controle, motivação, expressão emocional e transmissão de informações intrínsecas do ser humano. • O que é imperceptível para a formal, e complementada pela informal como controle comportamental das pessoas, motivações, satisfações ou frustrações.

• é de fundamental importância o chamado “jogo de cintura”, que é o poder de negociação, o envolvimento do cliente pela empresa e conseguir que o mesmo sintase acolhido de maneira amigável estabelecendo laços de amizade entre ele e a empresa, papel corretamente desempenhado pela estrutura informal. No entanto não se pode deixar de destacar a estrutura formal da empresa, porque ela se incumbirá de transmitir as sensações de confiabilidade, organização empresarial, segurança e outros pontos relevantes que induzem qualquer indivíduo a estabelecer negociação com determinada empresa. (GIGLIOTI, 2008).

COMUNICAÇÃO INFORMAL
VANTAGENS
•Gera rapidez na transmissão das informações. •Motiva e integra as pessoas da empresa •Reduz a carga de comunicações dos Gestores. •Complementa a estrutura formal. •Facilidade de compreensão e de atualização torna sua velocidade incrivelmente superior a das outras.

DESVANTAGENS
•É geradora de boatos, ruídos e atritos entre as pessoas. •Provoca desconhecimento da realidade empresarial pelos gestores. •Dificuldade de controle.

COMUNICAÇÃO FORMAL
VANTAGENS
•Estabelece um diálogo da empresa com seu público interno e externo. •Padroniza os processos da empresa. •Influenciar o comportamento dos colaboradores. •Da credibilidade aos discursos gerenciais.

DESVANTAGENS
•Burocratização da informação dentro da organização. •Pouco trabalho em equipe. •Falhas na comunicação. •Dificuldade em personalizar as mensagens para os diferentes níveis de funcionários.

BIBLIOGRAFIA

Addinteractive, Ida.2006; Comunicação não Verbal, disponível em: http://www.addinteractive.com/add2us/add2us04/add2us04_com_nverbal.pdf GIGLIOTI, Francisco. Reflexos da Comunicação Formal e Informal na Estrutura Organizacional das Empresas, disponível em: http://www.admpg.com.br/2008/cadastro/artigos/temp/49.pdf, Congresso Internacional de Administração, Ponta Grossa – PR / 2008. GRANATIC, Branca. Técnicas Básicas de Redação, Editora Scipione, São Paulo-SP / 1995. MEDEIROS, João Bosco. Redação Empresarial, 3ª edição, Editora Atlas, São Paulo-SP / 1998.

MENEZES, Cristian et all. Paralelo entre as comunicações Formais e Informais, disponível em: www.administradores.com.br/producao_academica/paralelo_entre_comunicacao_formal_e_informal_dentro.../dow , publicado em abril de 2009. PESSOA, Sônia. Comunicação Empresarial, uma ferramenta estratégica, publicado pela ABERJE, disponível em: http://www.aberje.com.br/novo/acoes_artigos_mais.asp?id=163. ROCHA LIMA, Carlos Henrique da. Gramática Normativa da Língua Portuguesa, 31ª edição – (1ª reimpressão), Editora José Olympio, Rio de Janeiro-RJ / 1992. TERRA, Ernani. Curso Prático de Gramática, edição revista e ampliada, Editora Scipione, São Paulo-SP / 1996.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->