P. 1
CÉLULAS DO SANGUE APRESENTAÇÃO Robinson

CÉLULAS DO SANGUE APRESENTAÇÃO Robinson

|Views: 2.430|Likes:

More info:

Published by: Robinson Moresca de Andrade on May 22, 2009
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

12/08/2012

pdf

text

original

SANGUE

FUNÇÕES GERAIS
É através da circulação sangüínea que as inúmeras células do organismo recebem sua alimentação como proteínas, açúcares, gordura, água e sais minerais. O sangue retornando dos tecidos, conduz o gás carbônico e os resíduos das células, eliminando-as através da respiração, do suor, da urina e das fezes.

FUNÇÕES GERAIS
Transporte de hormônios e anticorpos dos sítios de produção para os sítios de ação (SISTEMA DE DEFESA. Contribuir para a Homeostase, auxiliando na distribuição de água, solutos e calor.

CONSTITUINTES DO SANGUE

FORMAÇÃO DO SANGUE
as células sanguíneas formam-se originalmente, das chamadas células-tronco pluripotentes da medula óssea vermelha que, em ativa proliferação, podem produzir as duas diferentes linhagens celulares, a linfóide e a mielóide. as células linfóides vão originar a linhagem dos linfócitos, enquanto as mielóides produzirão hemácias, os outros leucócitos e as plaquetas.

HEMATOPOESE
Hematopoese é a formação das células sanguíneas nos tecidos hematopoéticos.
Embrião: - Mesoderma do saco vitelino - Fígado - Baço - Timo - Feto: - Medula óssea dos ossos fetais - Pós-natal: - Medula óssea

HEMÁCEAS OU GLÓBULOS VERMELHOS
Células sanguíneas sem núcleo que contém hemoglobina, que é a substância responsável pela cor vermelha. São as células mais numerosas do sangue, anucleadas, bicôncavas, arredondadas derivam de células nucleadas da medula óssea que perdem o núcleo quando passam para o sangue; não se dividem. A principal função é o transporte do oxigénio.

HEMÁCEAS OU ERITRÓCITOS (45%)
É na medula dos ossos que se formam os novos glóbulos vermelhos. Estes glóbulos têm uma vida curta: duram cerca de quatro meses. Depois de morrerem, são desfeitos pelo baço.

O sangue carregado de oxigénio tem cor vermelhovivo e chama-se sangue arterial. Nas células é também a hemoglobina que fixa parte do dióxido de carbono libertado por estas e que o transporta até aos pulmões, para depois ser expulso para o exterior. O sangue, agora mais carregado de dióxido de carbono, tem cor vermelho-escura e chama-se sangue venoso. CO2 (a maior parte desse gás é transportada no plasma sob a forma de bicarbonato).

LEUCÓCITOS OU GLÓBULOS BRANCOS
Têm núcleo de forma esférica e incolor. São maiores que os glóbulos vermelhos e menos numerosos. A sua principal função é defender o organismo contra os micróbios (Diapidese). Os leucócitos são atraídos por quimiotaxia ao local da invasão. Aumento de leucócitos: leucocitose e diminuição: leucopenia.

LEUCÓCITOS
Corresponde a 1% do volume do sangue. Função: Defesa Os leucócitos são classificados em 2 grupos: 1-granulócitos neutrófilos, eosinófilos granulócitos: granulócitos e basófilos (65%) 2-agranulócitos agranulócitos: linfócitos e agranulócitos monócitos (35%)

Classificação dos leucócitos
Granulócitos (apresentam grânulos no citoplasma) Agranulócitos (não apresentam grânulos no citoplasma)

Neutrófilo

Eosinófilo
Núcleo bilobulado

Basófilo
Grânulos citoplasmáticos muito grandes, chegando a mascarar o núcleo

Linfócito
Núcleo muito condensado, ocupando quase toda a célula Linfócitos T auxiliares ou células de “memória imunológica” orientam os linfócitos B na produção de anticorpos; linfócitos T supressores determinam o momento de parar a produção dos anticorpos; linfócitos T citotóxicos que produzem substâncias que mudam a permeabilidade das células invasoras (bactérias) ou de células cancerosas, provocando sua morte. Linfócitos B, que formarão os plasmócitos do tecido conjuntivo, são os responsáveis pela produção de anticorpos específicos no combate imunológico aos antígenos invasores. 2.400 (20 a 30%)

Monócito
Núcleo em forma de rim ou ferradura

Característica geral

Núcleo geralmente trilobulado.

Função

Fagocitar elementos estranhos ao organismo

Fagocitar apenas determinados elementos. Em doenças alérgicas ou provocadas por parasitas intestinais há aumento do número dessas células

Liberar heparina (anticoagulante) e histamina (substância vasodilatadora liberada em processos alérgicos)

Fagocitar bactérias, vírus e fungos

Nº aproximado em cada mm³

4.800 (60 a 70%)

240 (2 a 4%)

80(1%)

480 (3 a 8%)

PLAQUETAS
• São fragmentos de células sem núcleo. São os elementos mais pequenos do sangue. • A sua principal função é a coagulação do sangue quando este sai dos vasos sanguíneos.

Hemácias

Lesão no tecido Plaquetas Tromboplastina(enzima) Protrombina (proteína)

Rotura de um vaso Trombina (enzima ativa) Plaquetas aderem umas às outras fibrinogênio Plaquetas formam um tampão fibrina Filamentos de fibrina prendem os elementos celulares do sangue

PLASMA
É um líquido transparente e amarelado onde “flutuam” as células sanguíneas. É constituído por água, proteínas, glícidos, lípidos, vitaminas, minerais e substâncias nocivas, como o dióxido de carbono, a ureia, etc. Função: Transportar substâncias tóxicas. nutrientes e

PLASMA (55%)
O plasma: 7% de proteínas, 0,9% de sais
minerais; 2,1% de compostos orgânicos (AA, vitaminas, hormônios e lipoproteínas). Principais proteínas: albumina: albumina manutenção da pressão osmótica do sangue imunoglobulinas:importantes anticorpos imunoglobulinas Fibrinogênio: Fibrinogênio coagulação do sangue

SISTEMA LINFÁTICO
O sistema linfático é uma via acessória que tem como objetivo drenar, filtrar e reconduzir o líquido intersticial de volta a circulação sanguínea. A linfa é derivada do líquido intersticial que flui para os capilares linfáticos Proteínas; Nutrientes do trato gastrintestinal; Grandes partículas.

ATÉ A PROVA!!

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->