Você está na página 1de 1

A sociologia, assim como outros ramos das cincias sociais, possui sua prpria experincia cognitiva que gera

questionamentos a cerca das aes humanas, analisadas como elementos de uma montagem no aleatria de atores humanos reunidos em uma rede de dependncia mtua. Assim, as aes humanas empreendidas possuem caractersticas diferentes de acordo com a funo dos agentes e do que fazem. As conseqncias dessa rede de dependncia com os atores humanos, as relaes nas quais estes ingressam e as sociedades das quais fazem parte constituem objeto de estudo da sociologia. Se estamos inevitavelmente conectados essa rede de interdependncia, podemos supor que as imagens que formamos uns dos outros, de ns mesmos e do nosso conhecimento, nossas aes e suas conseqncias esto diretamente ligadas aos tipos de relaes sociais e de sociedades em que vivemos. Com base nessa linha de pensamento, possvel lanar um novo olhar a cerca de acontecimentos cotidianos; em especial sobre as manifestaes que ocorreram em todo o pas no ms de junho. Na coletnea de artigos selecionada No primeiro instante, o carter espontneo, descentralizado e apartidrio, caracterizando uma espcie de anarquismo contemporneo, foi o reflexo de um descontentamento popular com a poltica do pas